Você está na página 1de 3

Fontes fundamentais: a) Testes psicológicos aprovados

pelo CFP para uso profissional da psicóloga e do


psicólogo e/ou; b) Entrevistas psicológicas, anamnese
e/ou; c) Protocolos ou registros de observação de
um processo estruturado de investigação de fenômenos comportamentos obtidos individualmente ou por meio
psicológicos, composto de métodos, técnicas e de processo grupal e/ou técnicas de grupo.
instrumentos, com o objetivo de prover informações à
tomada de decisão, no âmbito individual, grupal ou
institucional, com base em demandas, condições e Fontes complementares: a) Técnicas e instrumentos não
finalidades específicas psicológicos que possuam respaldo da literatura
científica da área e que respeitem o Código de Ética e as
garantias da legislação da profissão; b) Documentos
técnicos, tais como protocolos ou relatórios de equipes
Resolução CFP 09/2018

multiprofissionais.
Avaliação Psicológica

FALTA DE ÉTICA: utilização de testes psicológicos com


CFP encaminhará o resultado da avaliação ao
parecer desfavorável ou que constem na lista de Testes
requerente, e quando este for desfavorável, o
Psicológicos Não Avaliados no site do SATEPSI, salvo
requerente poderá apresentar recurso por meio do
para os casos de pesquisa na forma da legislação vigente
SATEPSI no prazo de até 30 dias, a contar da data de
e de ensino com objetivo formativo e histórico na
envio da comunicação do resultado.
Psicologia

Um teste psicológico tem por objetivo identificar,


descrever, qualificar e mensurar características
psicológicas, por meio de procedimentos sistemáticos de TESTES PSICOLÓGICOS: escalas, inventários, submissão do teste psicológico para avaliação deverá ser
observação e descrição do comportamento humano, nas questionários e métodos projetivos/expressivos realizada por meio do SATEPSI
suas diversas formas de expressão, acordados pela
comunidade científica

Os estudos de validade, precisão e normas dos testes


testes psicológicos com parecer final desfavorável do psicológicos terão prazo máximo de 15 (quinze) anos, a
CFP poderão ser reapresentados a qualquer tempo contar da data da aprovação do teste psicológico pela
Plenária do CFP

MANUAL DO TESTE psicológico deve atender a todos os


Atualização de Estudos de Validade o processo de
incisos do Art. 6° e incluir a ficha síntese do teste (com Atualização de Normas o processo de elaboração de
elaboração ou compilação de novos estudos de
objetivo, público-alvo, material, aplicação e correção) e novos estudos normativos para testes psicológicos
evidências de validade que não constem no manual de
exemplo(s) de utilização, contemplando a administração, aprovados e com evidências de validade vigentes
teste psicológico com parecer favorável pelo SATEPSI
aferição, análise e interpretação dos resultados

.
Serviços-escola e campos de estágio, o registro deve
contemplar a identificação e a assinatura do
responsável técnico/supervisor que responderá pelo
RESOLUÇÃO CFP Nº 001/2009
além de valioso para o psicólogo e para quem recebe serviço prestado, bem como do estagiário
atendimento e, ainda, para as instituições envolvidas,
é também instrumento útil à produção e ao acúmulo
REGISTRO DOCUMENTAL

de conhecimento científico, à pesquisa, ao ensino,


como meio de prova idônea para instruir processos GUARDA: responsabilidade do psicólogo e/ou da
disciplinares e à defesa legal instituição em que ocorreu o serviço. 05 anos,
podendo ser ampliado nos casos previstos em lei, por
determinação judicial, ou ainda em casos específicos
sobre a prestação de serviços psicológicos que não em que seja necessária a manutenção da guarda por
puder ser mantido prioritariamente sob a forma de maior tempo
prontuário psicológico, por razões que envolvam a
restrição do compartilhamento de informações com
o usuário e/ou beneficiário do serviço prestado

tem caráter sigiloso e constitui-se de um conjunto de


SERVIÇO MULTIPROFISSIONAL, o registro deve ser
informações que tem por objetivo contemplar de
realizado em prontuário único. Devem ser registradas
forma sucinta o trabalho prestado, a descrição e a
apenas as informações necessárias ao cumprimento
evolução do caso e os procedimentos técnico-
dos objetivos do trabalho
científicos adotados

documentos agrupados nos registros de cada usuário devem contemplar: I –


identificação do usuário/instituição;II – avaliação de demanda; III – registro da
evolução dos atendimentos, de modo a permitir o conhecimento do caso e seu
acompanhamento, bem como os procedimentos técnico-científicos adotados; IV – ATENDIMENTO EM GRUPO NÃO EVENTUAL, o
registro de Encaminhamento ou Encerramento; V – cópia de outros documentos psicólogo deve manter, além dos registros dos
produzidos pelo psicólogo para o usuário/instituição do serviço de psicologia atendimentos, a documentação individual referente a
prestado, que deverá ser arquivada, além do registro da data de emissão, finalidade cada usuário
e destinatário. VI – documentos resultantes da aplicação de instrumentos de
avaliação psicológica deverão ser arquivados em pasta de acesso exclusivo do
psicólogo.
Desistitucionalizalçao
Programa de Volta para Casa (PVC) é uma política pública de
reabilitação e inclusão social. Instituído pela Lei 10.708/2003 e prevê
um auxílio reabilitação de caráter indenizatório para pessoas com
transtorno mental egressas de internação de longa permanência. Toda
Estratégia de

pessoa com mais de 2 anos ininterruptos tem direito ao PVC.

SRT Tipo I: moradias destinadas a pessoas com transtorno mental em


Serviços Residenciais Terapêuticos dispositivos estratégicos no
processo de desinstitucionalização, devendo acolher no máximo oito
processo de desinstitucionalização de pessoas com histórico de
moradores. SRT Tipo II: modalidades de moradia destinadas às
internação de longa permanência. Caracterizam-se como moradias,
pessoas com transtorno mental e acentuado nível de dependência,
inseridas na comunidade e destinadas à reabilitação
especialmente em função do seu comprometimento físico, que
psicossocial/cuidado de pessoas com transtorno mental que não
necessitam de cuidados permanentes específicos, devendo acolher no
possuam suporte social e laços familiares
máximo dez moradores.