Você está na página 1de 5

Como Rezar O Terço de Oxalá

As orações são muito importantes em nossas vidas, elas nos ajudam a manter nossa fé,
nos deixa mais calma em momentos difíceis, nos ajudam a refletir, chegar a Deus,
agradecer por tantas coisas boas que o Pai Maior nos proporciona. Rezar muita das vezes
é a melhor maneira para que nós, seres tão complicados, possamos entender os motivos
das coisas, entender a partida de um ente querido, nos evoluir como pessoa e como
espírito em busca de luz.

Seja qual for a oração, ela feita na intenção do bem, que seja para nossos semelhantes ou
mesmo a nós mesmos, que seja feita com fé, confiança, carinho e amor, a resposta de
Deus, de Oxalá, dos Orixás, das Entidades de Luz ou de qualquer Santo, vem com
louvor.

Abaixo vamos demonstrar um modo de se entregar a Deus, a Oxalá, a todos os Orixás e


todas as Entidades de Luz, que por intermédio da Religião de Umbanda, nos abraçam,
nos protege e nos encaminham rumo ao caminho iluminado da evolução espiritual.
Esse modo e rezar o terço, sendo que esse terço vem nos parâmetros da Religião
Católica, sendo que são as orações da Religião Umbandista.

O Terço Umbandista

Vamos começar pegando um terço desses normais, podemos observar um grupo de 10


contas, uma separação e uma única conta, antes da próxima separação e outras 10 contas.

E assim que vamos iniciar nossas orações no Terço Umbandista.

As 10 contas são 10 Ave Marias, sendo essas Ave Marias da seguinte maneira:

"Ave Maria cheia de graça, o Senhor é convosco, bendita sois Vós entre as mulheres, e
bendito é o fruto do vosso ventre, Jesus. Santa Maria, Mãe de Deus, rogai por nós
pecadores, agora e na hora da nossa morte. Que assim seja, pois em nós está a força das
misericordiosas e protetoras Iabás de nossa amada Umbanda. Amém!" Após essas 10
Ave Marias, se observa no terço um pequeno espaço antes da próxima conta que está
separada das demais. Nesse espaço será dito as seguintes palavras em oração:

1
"Glória a Deus Pai, a Oxalá, aos Orixás, a todas Entidades de Luz da nossa divina
Umbanda, como era desde o início, é agora e será sempre, de nossa vida terrena até
nossa vida espiritual.
Que assim Seja!"

Chegamos na primeira conta que está separada das demais. E nessa conta será rezado o
Pai Nosso Umbandista, Assim como descrito abaixo:

"Pai nosso que estais nos céus, nas matas, nos mares e em todos os mundos habitados.
Santificado seja o teu nome, pelos teus filhos, pela natureza, pelas águas, pela luz e pelo
ar que respiramos.

Que o teu reino, reino do bem, do amor e da fraternidade, nos una à todos e a tudo que
criastes, em torno da sagrada Cruz, aos pés do divino salvador e redentor.
Que a tua vontade nos conduza sempre para o culto do amor e da caridade. Dai-nos hoje
e sempre a vontade firme para sermos virtuosos e úteis aos nossos semelhantes. Dai-nos
hoje o pão do corpo, o fruto das matas e a água das fontes para o nosso sustento material
e espiritual. Perdoa, se merecermos, as nossas faltas e dá o sublime sentimento do perdão
para os que nos ofendam. Não nos deixeis sucumbir, ante a luta, dissabores, ingratidões,
tentações dos maus espíritos e ilusões pecaminosas da matéria.
Enviai-nos, pai, um raio de tua divina complacência, luz e misericórdia para os teus filhos
pecadores que aqui habitam, pelo bem da humanidade, nossa irmã. Que Assim Seja !"

Terminando essa oração, vamos novamente observar mais um espaço antes de


chegarmos as 10 contas que se encontram juntas, e novamente nesse espaço rezaremos a
seguinte oração:
"Glória a Deus, a Pai Oxalá, aos Orixás, as todas Entidades de Luz da nossa divina
Umbanda, como era desde o início, é agora e será sempre, de nossa vida terrena até
nossa vida espiritual.

Que assim Seja!"


Seguiremos dessa forma até dar toda a volta no terço, com 10 Ave Marias, 1 Glória a
Deus, 1 Pai Nosso e recomeçando com outro Glória a Deus. Frisando que todas as
orações tem as dissertações Umbandistas.

2
Quando totalizarmos 50 Ave Marias, 4 Pai Nosso e 8 Gloria a Deus Pai, fechamos a
primeira parte de nosso terço.

Vamos observar agora que temos no fechamento do terço, uma pequena separação das
10 ultimas Ave Marias das primeiras, nessa separação poderemos encontrar ou uma
medalhinha de um anjo, ou de algum Santo, ou alguma inscrição religiosa ou até mesmo
contas diferenciadas das outras contas do terço, sejam no tamanho ou sejam nas cores.

E nessa separação em nosso Terço Umbandista, faremos a Prece de Cáritas, que


descrevemos abaixo:

"Deus, nosso Pai, que sois todo Poder e Bondade, dai a força aquele que passa pela
provação, dai a luz aquele que procura a verdade; ponde no coração do homem a
compaixão e a caridade! Deus. Dai ao viajante a estrela guia, ao aflito a consolação, ao
doente o repouso. Pai. Daí ao culpado o arrependimento, ao espírito a verdade, a criança
o guia, e ao órfão o pai! Senhor, que a Vossa Bondade se estenda sobre tudo o que
criastes. Piedade, Senhor, para aquele que vos não conhece, esperança para aquele que
sofre. Que a Vossa Bondade ermita aos espíritos consoladores derramarem por toda a
parte, a paz, a esperança, a fé. Deus! Um raio, uma faísca do Vosso Amor pode abrasar a
Terra; deixai-nos beber nas fontes dessa bondade fecunda e infinita, e todas as lágrimas
secarão, todas as dores se acalmarão. E um só coração, um só pensamento subirá até
Vós, como um grito de reconhecimento e de amor. Como Moisés sobre a montanha, nós
Vos esperamos com os braços abertos, oh Poder! oh Bondade! oh Beleza! oh Perfeição!
E queremos de alguma sorte merecer a Vossa Divina Misericórdia. Deus, dai-nos a força
para ajudar o progresso, afim de subirmos até Vós; dai-nos a caridade pura, dai-nos a fé e
a razão; dai-nos a simplicidade e humildade, que fará de nossas almas o espelho onde se
refletirá a Vossa puríssima Imagem. Que Assim Seja!"

Desse ponto vamos seguir para a parte final de nosso Terço.


Seguindo abaixo do ponto da Prece de Cáritas, vamos ver um pequeno espaço, que é o
mesmo que tivemos no início, e nele vamos novamente rezar o Glória a Deus Pai.

Ao terminarmos seguiremos conforme já feito acima, pois temos uma conta que está
separada das demais, e nela rezaremos o Pai nosso.

3
Teremos mais um espaço (Glória a Deus Pai) e em seguida 03 contas juntas, significando
03 Ave Marias. Após o término dessas Ave Marias outro espaço (Glória a Deus Pai),
mais uma conta separada das outras (Pai Nosso), outro espaço (Glória a Deus Pai),
coligando as orações anteriores ao final do nosso Terço Umbandista.

Esse final é simbolizado com uma cruz, podendo ter nela a imagem de Jesus Crucificado
ou não. E para finalizar nosso Sagrado Terço e nossas orações, fazemos o Credo
Umbandista, no qual descrevemos abaixo:

"Creio em Deus, Onipotente e Supremo; Creio nos Orixás e nos Espíritos Divinos que
nos trouxeram para a Vida por vontade de Deus. Creio nas Falanges Espirituais,
orientando os homens na vida terrena; Creio na reencarnação das almas e na Justiça
Divina, segundo a Lei do Retorno; Creio na comunicação dos Guias Espirituais,
encaminhando-nos para a Caridade e a prática do Bem;
Creio na Invocação, na Prece e na Oferenda, como atos de fé e Creio na Umbanda,
como religião redentora, capaz de nos levar pelo caminho da evolução até o nosso Pai
Oxalá. Que assim Seja!"
E assim terminamos nosso Terço Umbandista, com 53 Ave Marias, 6 Pai Nossos, 12
Glória a Deus Pai, 1 Prece de Cáritas e 1

Credo Umbandista.
Vamos rezar com carinho, amor, dedicação e muita fé em Deus nosso Pai Maior, em
Oxalá Mestre dos Orixás, em todos os Orixás que nos protegem de tantas maledicências,
em todas as Entidades de Luz que nos
iluminam quando nos encontramos na escuridão espiritual.

Oração Exu Tranca Ruas

4
Salve [Exu Tranca Ruas]

Peço que com seu poder e sua força abra meus caminhos e me fortaleça perante meus
inimigos!
Que tranque e afaste todas as trevas que me rodeiam.
Tranque todo o ódio e os sentimentos impuros que minha alma emana.
Peço que toda falsidade que exala de meus poros seja trancada.
Que a miséria, o rancor e a soberba que habitam em meu coração sejam trancados.
Que tranque minha língua e toda maldade que eu possa fazer ao pronunciar palavras de
inveja.
Que toda maldade e egoísmo que possuo em minha mente, sejam trancados.
Que as palavras impuras que saiam de minha boca contra o próximo, sejam trancadas.
Que eu não consiga, com meus olhos magoar, amaldiçoar ou destratar qualquer irmão.
Compadre abra e destranque todas as portas do meu caminho.
Destranque todas as passagens da minha jornada.
Destranque toda prosperidade material e espiritual.
Destranque o meu coração das amarguras.
Destranque o meu sustento de cada dia.
Destranque meu corpo material da agonia, do desespero e da aflição que me perturbam
ao cair da noite.
Destranque meus negócios e meus empregos,para que eu possa estar bem
no meio material e espiritual.
Destranque toda minha família e todo mal que nos rodeia.
Abra meus olhos para que eu possa ver as maravilhas do mundo
espiritual.
Destranque a minha liberdade!

Salve compadre Exu Tranca Ruas!!!