Você está na página 1de 58

Aula 03

Auditoria p/ AFT (com videoaulas) Professor: Rodrigo Fontenelle

07096770496 - NILSON JOSE GONÇALVES

Curso de Auditoria para AFT Teoria e exercícios comentados Prof. Rodrigo Fontenelle に Aula 03

Curso de Auditoria para AFT Teoria e exercícios comentados Prof. Rodrigo Fontenelle Aula 03

AULA 03: Testes de auditoria. Revisão analítica. Entrevista. Conferência de cálculo. Confirmação. Interpretação das informações. Observação.

SUMÁRIO

PÁGINA

1. Execução de Auditoria

SUMÁRIO PÁGINA 1. Execução de Auditoria Apresentação 01 02 2. Testes e Procedimentos de Auditoria

Apresentação

01

02

2. Testes e Procedimentos de Auditoria

Lista das questões comentadas durante a aula

Referências bibliográficas

04

42

57

Observação importante: este curso é protegido por direitos autorais (copyright), nos termos da Lei 9.610/98, que altera, atualiza e consolida a legislação sobre direitos autorais e dá outras providências.

Grupos de rateio e pirataria são clandestinos, violam a lei e prejudicam os professores que elaboram os cursos. Valorize o trabalho de nossa equipe adquirindo os cursos honestamente através do site Estratégia Concursos ;-)

Olá, Pessoal!

Hoje vamos falar de um assunto extremamente importante! Talvez até o mais importante do edital. São os testes e procedimentos de auditoria. Cerca de 40% das questões da prova de 2013 para AFT tratavam desse tema. Por essa razão a aula de hoje tem 60 exercícios, sendo metade do CESPE, para vocês treinarem bastante.

Qualquer dúvida em relação à dinâmica do curso ou comentário, estou à

disposição por

email:

rodrigofontenelle@estrategiaconcursos.com.br.

meio

do

endereço

de

Em relação às dúvidas sobre a matéria, responderei a todas que forem postadas no fórum do Estratégia.

07096770496

Curtam minha página no Facebook e continuem acompanhando notícias sobre cursos, concursos, dicas de auditoria, além da participação em diversos sorteios!

WWW.FACEBOOK.COM/PROFRODRIGOFONTENELLE

Prof. Rodrigo Fontenelle

www.estrategiaconcursos.com.br

1 de 57

07096770496 - NILSON JOSE GONÇALVES

Curso de Auditoria para AFT Teoria e exercícios comentados Prof. Rodrigo Fontenelle に Aula 03

Curso de Auditoria para AFT Teoria e exercícios comentados Prof. Rodrigo Fontenelle Aula 03

Principais normas abordadas na aula de hoje:

NBC TA 500

NBC TA 505

NBC TI 01

1. Execução de Auditoria

Definições importantes para o tema:

Natureza do procedimento de auditoria se refere à sua finalidade (isto é, teste de controle ou procedimento substantivo) e ao seu tipo (isto é, inspeção, observação, indagação, confirmação, recálculo, reexecução ou procedimento analítico). A natureza dos procedimentos de auditoria é de suma importância na resposta aos riscos avaliados.

Época do procedimento de auditoria se refere ao momento em que ele é executado ou ao período ou, ainda, a data em que a evidência de auditoria se aplica.

Extensão do procedimento de auditoria se refere à quantidade a ser executada, por exemplo, o tamanho da amostra ou a quantidade de observações de uma atividade de controle.

Afirmações 1 são declarações da administração, explícitas ou não, que estão incorporadas às demonstrações contábeis, utilizadas pelo auditor para considerar os diferentes tipos de distorções potenciais que possam ocorrer.

Procedimentos de avaliação de riscos são os procedimentos de auditoria aplicados para a obtenção do entendimento da entidade e do seu ambiente, incluindo o controle interno da entidade, para a identificação e avaliação dos riscos de distorção relevantes, independentemente se causada por fraude ou por erro, nas demonstrações contábeis e nas afirmações.

07096770496

Antes de entrarmos especificamente no tema da aula de hoje, faz-se necessário explicar, com exemplos, as três definições apresentadas acima.

Natureza

1 Exemplificando

(Caixas e Bancos, Investimentos, Fornecedores, etc.) é considerada uma AFIRMAÇÃO. Da mesma forma, as notas explicativas das demonstrações contábeis também são consideradas afirmações. Assim, suponhamos que na conta CLIENTES há um saldo de R$ 100.000,00. Logo, o objetivo do auditor independente pode ser, em relação a essa AFIRMAÇÃO, confirmar a existência das duplicatas a receber, por exemplo.

Imagine o Balanço Patrimonial de uma empresa. Cada conta contábil

Prof. Rodrigo Fontenelle

www.estrategiaconcursos.com.br

2 de 57

07096770496 - NILSON JOSE GONÇALVES

Curso de Auditoria para AFT Teoria e exercícios comentados Prof. Rodrigo Fontenelle に Aula 03

Curso de Auditoria para AFT Teoria e exercícios comentados Prof. Rodrigo Fontenelle Aula 03

O auditor, seja ele interno, externo ou governamental, aplica testes de controle (foco nos controles internos) e testes substantivos (foco no sistema contábil) para executar uma auditoria. Além disso, na aplicação desses testes, utiliza diversas técnicas de auditoria (circularização, indagação, etc.)

Nesse sentido, quando a norma fala de NATUREZA dos procedimentos de auditoria, ela se refere a qual desses testes (finalidade) e qual dessas técnicas (tipo) o auditor está utilizando.

Exemplificando

Eu, auditor governamental, estou fazendo uma avaliação dos controles internos de determinado órgão da administração pública por meio da verificação de seus manuais. Logo, qual a natureza do meu procedimento de auditoria?

Resposta: aplicação de testes de controle (também chamados de testes de observância), utilizando a técnica da análise documental.

Época

Exemplificando

Um auditor, em trabalho de campo na empresa auditada, entrevista funcionários da empresa auditada, na semana compreendida entre os dias 22 e 26 de abril de 2013, para coletar evidências de que os procedimentos contidos no manual de operações da empresa realmente estavam sendo utilizados. Após as entrevistas, o auditor comprova que os procedimentos vinham sendo aplicados desde o início de 2013.

Nesse exemplo, podemos identificar a NATUREZA e a ÉPOCA do procedimento o auditor:

07096770496

NATUREZA: Aplicação de Testes de Controle, utilizando-se da técnica Indagação.

ÉPOCA: 22 a 26 de abril de 2013 (em relação ao momento em

que foi executado) e todo o ano de 2013 (em relação à data a que a evidência se aplica).

Extensão

Exemplificando

Um auditor, aplicando procedimentos substantivos, objetiva confirmar o saldo da conta Fornecedores, no período de 2012. Para isso, utilizando-se da técnica de inspeção, observa que há 200 notas fiscais referentes a

Prof. Rodrigo Fontenelle

www.estrategiaconcursos.com.br

3 de 57

07096770496 - NILSON JOSE GONÇALVES

Curso de Auditoria para AFT Teoria e exercícios comentados Prof. Rodrigo Fontenelle に Aula 03

Curso de Auditoria para AFT Teoria e exercícios comentados Prof. Rodrigo Fontenelle Aula 03

compras efetuadas pela empresa, naquele período. Devido ao custo/benefício, opta por definir uma amostra de 20 notas fiscais a serem testadas a partir da técnica de circularização, por meio da qual o auditor obtém uma confirmação externa acerca da veracidade das informações contidas na nota fiscal.

Nesse exemplo, podemos identificar a NATUREZA, a ÉPOCA e a EXTENSÃO do procedimento o auditor:

NATUREZA: Aplicação de Procedimentos Substantivos,

utilizando-se das técnicas de Inspeção e Circularização.

ÉPOCA: 2012 (em relação à data a que a evidência se aplica).

EXTENSÃO: 20 notas fiscais ou 10% do total.

Feitas essas considerações iniciais, vamos lá!

2. Testes e Procedimentos de Auditoria

Tendo em vista limitações diversas, o trabalho de auditoria independente é desenvolvido, em regra, por meio da realização de testes de auditoria, já que não é possível verificar a totalidade dos objetos possíveis.

Os testes de auditoria podem ser classificados em testes de observância (ou aderência) e testes substantivos.

Enquanto os testes de observância visam à obtenção de razoável segurança de que os procedimentos de controle interno estabelecidos pela Administração estão em efetivo funcionamento e cumprimento, os testes substantivos visam à obtenção de evidências quanto à suficiência, exatidão e validação dos dados produzidos pelos sistemas contábil e administrativo da entidade, dividindo-se em testes de transações e saldos e procedimentos de revisão analítica.

07096770496

Embora esses conceitos constem da NBC T-11 (revogada), eles também estão expressos na NBC TI 01, que trata de auditoria interna e na Instrução Normativa SFC/MF nº 01/2001, que trata de auditoria governamental (essas duas ainda vigentes). Por serem conhecimentos básicos na auditoria, merecem ser memorizados.

básicos na auditoria, merecem ser memorizados. Prof. Rodrigo Fontenelle www.estrategiaconcursos.com.br 4 de

Prof. Rodrigo Fontenelle

www.estrategiaconcursos.com.br

4 de 57

07096770496 - NILSON JOSE GONÇALVES

Curso de Auditoria para AFT Teoria e exercícios comentados Prof. Rodrigo Fontenelle に Aula 03

Curso de Auditoria para AFT Teoria e exercícios comentados Prof. Rodrigo Fontenelle Aula 03

Procedimentos de Auditoria são técnicas para obtenção de evidências suficientes e adequadas para fundamentação da opinião. Abrangem testes de observância e substantivos.

Em relação às novas normas de auditoria independente, atualmente temos o seguinte:

Teste de controle é o procedimento de auditoria planejado para avaliar a efetividade operacional dos controles na prevenção ou detecção e correção de distorções relevantes no nível de afirmações.

Procedimento substantivo é o procedimento de auditoria planejado para detectar distorções relevantes no nível de afirmações. Os procedimentos substantivos incluem:

(a) testes de detalhes (de classes de transações, de saldos de

contas e de divulgações); e (b) procedimentos analíticos substantivos.

Ilustrando

e (b) procedimentos analíticos substantivos. Ilustrando Por meio dos testes , o auditor é capaz de

Por meio dos testes, o auditor é capaz de obter as evidências indispensáveis à formação de sua opinião. A aplicação dos procedimentos, como sabemos, precisa estar atrelada ao objetivo que se quer atingir. Devem, na medida do possível, ser detalhados em tarefas descritas de forma clara, de modo a não gerar dúvidas ao executor e esclarecendo os aspectos a serem abordados, bem como expressando as técnicas a serem utilizadas.

07096770496

Técnicas são formas ou maneiras utilizadas na aplicação dos procedimentos com vistas à obtenção de diferentes tipos de evidências ou ao tratamento de informações.

Para ficar bem claro, enquanto os procedimentos são os exames, as investigações (o que fazer), as técnicas são as ferramentas a serem utilizadas para a aplicação dos procedimentos (como fazer).

Prof. Rodrigo Fontenelle

www.estrategiaconcursos.com.br

5 de 57

07096770496 - NILSON JOSE GONÇALVES

Curso de Auditoria para AFT Teoria e exercícios comentados Prof. Rodrigo Fontenelle に Aula 03

Curso de Auditoria para AFT Teoria e exercícios comentados Prof. Rodrigo Fontenelle Aula 03

Se o objetivo da ação é determinar a existência de um bem (procedimento), o caminho a seguir é inspecioná-lo fisicamente (técnica), buscando uma prova material satisfatória.

Cuidado! É comum que as bancas de concursos tratem técnicas e procedimentos como sinônimos.

Cuidado! É comum que as bancas de concursos tratem técnicas e procedimentos como sinônimos.

AVALIAÇÃO DE RISCO PROCEDIMENTOS TESTES DE DE AUDITORIA CONTROLE TESTE DE ADICIONAIS DETALHES PROCEDIMENTOS
AVALIAÇÃO DE
RISCO
PROCEDIMENTOS
TESTES DE
DE AUDITORIA
CONTROLE
TESTE DE
ADICIONAIS
DETALHES
PROCEDIMENTOS
SUBSTANTIVOS
PROCEDIMENTOS
ANALÍTICOS
SUBSTANTIVOS

De acordo com a NBC TA 500, a evidência de auditoria para a obtenção de conclusões para fundamentar a opinião do auditor é conseguida pela execução de:

(a) procedimentos de avaliação de riscos; e

(b) procedimentos adicionais de auditoria, que abrangem:

(i) testes de controles, quando exigidos pelas normas de

auditoria ou quando o auditor assim escolheu; e (ii) procedimentos substantivos, inclusive testes de detalhes e procedimentos analíticos substantivos.(Grifamos)

07096770496

Os testes de controle são definidos para avaliar a eficácia operacional dos controles na prevenção, detecção e correção de distorções relevantes.

Lembrando que distorções são diferenças entre um critério a ser verificado (como que deveria ser) e a situação encontrada (como é). Caso essa distorção (diferença) possa vir a influenciar a tomada de decisão do usuário da informação dada pela auditoria, é considerada relevante.

Prof. Rodrigo Fontenelle

www.estrategiaconcursos.com.br

6 de 57

07096770496 - NILSON JOSE GONÇALVES

Curso de Auditoria para AFT Teoria e exercícios comentados Prof. Rodrigo Fontenelle に Aula 03

Curso de Auditoria para AFT Teoria e exercícios comentados Prof. Rodrigo Fontenelle Aula 03

Técnicas são formas ou maneiras utilizadas na aplicação dos procedimentos com vistas à obtenção de diferentes tipos de evidências ou ao tratamento de informações.

As técnicas mais usualmente utilizadas são as seguintes: exame documental, inspeção física, cálculos, observação, entrevista, circularização, conciliações, análise de contas contábeis e revisão analítica. Vamos comentar cada uma delas a partir de agora.

Exame documental (Inspeção de registros de documentos)

Uma das técnicas mais utilizadas, sendo muitas vezes, por falta de conhecimento daqueles que executam o trabalho, confundida com o próprio trabalho.

No exame documental, a equipe deverá observar se as transações realizadas estão devidamente documentadas, se a documentação que suporta a operação contém indícios de inidoneidade, se a transação e a documentação suporte foram por pessoas responsáveis e se a operação realizada é adequada em função das atividades do órgão/entidade.

Trata-se de procedimento voltado para a comprovação das transações que por exigências legais, comerciais ou de controle são evidenciadas por documentos comprobatórios dessas transações. Esse exame deve atender às seguintes condições:

- autenticidade: constatar se a documentação é fidedigna e merece crédito; - normalidade: constatar que a transação refere-se à operação normal e de acordo com os objetivos da empresa (auditado);

- aprovação: verificação de que a operação e os documentos foram

aprovados por pessoas autorizadas; e

- registro: comprovar que o registro das operações foi adequado, a

documentação é hábil e houve correspondência contábil, fiscal, etc.

07096770496

De acordo com a NBC TA 500, a inspeção de registros e documentos envolve o exame de registros ou documentos, internos ou externos, em forma de papel, em forma eletrônica ou em outras mídias, ou o exame físico de um ativo (que é a mesma coisa que inspeção física).

Fornece evidência de auditoria com graus variáveis de confiabilidade, dependendo de sua natureza e fonte e, no caso de registros internos e documentos, da eficácia dos controles sobre a sua produção.

Exemplo de inspeção utilizada como teste: inspeção de registros em busca de evidência de autorização.

Prof. Rodrigo Fontenelle

www.estrategiaconcursos.com.br

7 de 57

07096770496 - NILSON JOSE GONÇALVES

Curso de Auditoria para AFT Teoria e exercícios comentados Prof. Rodrigo Fontenelle に Aula 03

Curso de Auditoria para AFT Teoria e exercícios comentados Prof. Rodrigo Fontenelle Aula 03

Ainda conforme a NBC TA 500, alguns documentos representam evidência

de auditoria direta da existência de um ativo, por exemplo, um documento

que constitui um instrumento financeiro, como uma ação ou título. A

inspeção de tais documentos pode não fornecer necessariamente evidência

de auditoria sobre propriedade ou valor.

Além disso, a inspeção de um contrato executado pode fornecer evidência

de auditoria relevante para a aplicação de políticas contábeis da entidade,

tais como reconhecimento de receita.

A inspeção de ativos tangíveis pode fornecer evidência de auditoria

confiável quanto à sua existência, mas não necessariamente quanto aos direitos e obrigações da entidade ou à avaliação dos ativos.

Outro exemplo: a inspeção de itens individuais do estoque, que pode acompanhar a observação da contagem do estoque (um auditor observa a contagem sendo realizada).

Inspeção física

Constatação “in loco”, que deverá fornecer à equipe a certeza da existência, ou não, do objeto ou item verificado. Também chamada “exames físicos”, devem atender às seguintes características:

- existência física: comprovação visual da existência do item;

- autenticidade: discernimento da fidedignidade do item;

- quantidade: apuração adequada da quantidade real física; e

- qualidade: comprovação visual ou laboratorial de que o objeto

examinado permanece em perfeitas condições de uso.

Ainda segundo os autores, o exame físico não existe por si só. Trata-se de uma técnica complementar que permite ao auditor verificar se há correspondência nos registros do órgão/entidade, servindo para determinar

se

qualidade do tem examinado.

os registros estão corretos e os valores são adequados em função da

07096770496

Como vimos no tópico anterior, nas novas normas de auditoria (NBC TA 500), a inspeção física foi incluída no procedimento “inspeção de registros e documentos”.

Recálculo (Cálculo)

Objetiva a conferência das operações que envolvam cálculos; na aplicação da técnica, a equipe não deve se limitar a conferir os cálculos realizados por terceiros, fazendo-se necessária a efetivação de cálculos próprios, que serão comparados, ao final, com aqueles apresentados pelo fiscalizado.

Prof. Rodrigo Fontenelle

www.estrategiaconcursos.com.br

8 de 57

07096770496 - NILSON JOSE GONÇALVES

Curso de Auditoria para AFT Teoria e exercícios comentados Prof. Rodrigo Fontenelle に Aula 03

Curso de Auditoria para AFT Teoria e exercícios comentados Prof. Rodrigo Fontenelle Aula 03

É a técnica mais simples e a mais completa, amplamente utilizada, em

virtude de a quase totalidade das operações do órgão/entidade envolver valores, números, etc. Muito embora os valores auditados possam ter sido conferidos pelo órgão/entidade auditado, é de grande importância que sejam reconferidos.

Para esse trabalho, é essencial que exista uma memória de cálculo, que

é um histórico do trabalho realizado sobre as contas, ou seja, a maneira como se chegou a um valor final.

O nome dado pela NBC TA 500 é recálculo, que consiste na verificação da

exatidão matemática de documentos ou registros. Segundo a norma, pode

ser realizado manual ou eletronicamente.

Observação

Consiste em olhar como um determinado processo ou procedimento está sendo executado por outros.

É a técnica de auditoria que envolve o poder de constatação visual do

auditor, podendo revelar erros, deficiências ou problemas por meio de

exames visuais, e depende da argúcia, conhecimentos e experiências do auditor.

A observação pode ser considerada a mais generalizada técnica de

auditoria. Não se aplica à verificação específica de problemas, da forma que

o fazem a circularização ou a conferência de cálculos, mas é de alguma

utilidade em quase todas as fases do exame e não deve ser negligenciada.

De acordo com a NBC TA 500, a observação consiste no exame de processo ou procedimento executado por outros, por exemplo, a observação pelo auditor da contagem do estoque pelos empregados da entidade ou da execução de atividades de controle. A observação fornece evidência de auditoria a respeito da execução de processo ou procedimento, mas é

limitada ao ponto no tempo em que a observação ocorre e pelo fato de que

o ato de ser observado pode afetar a maneira como o processo ou procedimento é executado.

07096770496

Indagação (Entrevista)

Consiste na elaboração de perguntas objetivando a obtenção de respostas para quesitos previamente definidos.

Deve-se evitar questionamentos desnecessários, fora do escopo da auditoria. Recomenda-se que seja realizada por auditor que possua bom conhecimento sobre a área sob exame.

Prof. Rodrigo Fontenelle

www.estrategiaconcursos.com.br

9 de 57

07096770496 - NILSON JOSE GONÇALVES

Curso de Auditoria para AFT Teoria e exercícios comentados Prof. Rodrigo Fontenelle に Aula 03

Curso de Auditoria para AFT Teoria e exercícios comentados Prof. Rodrigo Fontenelle Aula 03

As respostas podem ser obtidas por meio de declarações formais ou informais, mas lembrando de que toda a informação obtida deve, dentro do possível, ser examinada, constatando-se sua efetiva comprovação e veracidade.

A entrevista , ainda que tenha cunho informal , pode ser utilizada no relatório de

A entrevista, ainda que tenha cunho informal, pode ser utilizada no relatório de auditoria, mas deve ser corroborada por outras evidências.

Nas novas normas de auditoria, é tratada como indagação, que consiste na busca de informações junto a pessoas com conhecimento, financeiro e não financeiro, dentro ou fora da entidade.

Para o CFC, a indagação é utilizada extensamente em toda a auditoria, além de outros procedimentos, e podem incluir desde indagações escritas formais até indagações orais informais. A avaliação das respostas às indagações é parte integral do processo de indagação.

As respostas às indagações podem fornecer ao auditor informações não obtidas anteriormente ou evidência de auditoria comprobatória.

Alternativamente, as respostas podem fornecer informações significativamente divergentes das informações que o auditor obteve, por exemplo, informações referentes à possibilidade da administração burlar os controles. Em alguns casos, as respostas às indagações fornecem uma base para que o auditor modifique ou realize procedimentos de auditoria adicionais.

Embora a corroboração da evidência obtida por meio da indagação muitas vezes seja de particular importância, no caso de indagações sobre a intenção da administração, a informação disponível para suportar a intenção da administração pode ser limitada.

07096770496

Nesses casos, o entendimento do histórico da administração na realização de intenções por ela formuladas, das razões por ela alegadas para escolher determinado curso de ação, e sua capacidade de seguir um curso de ação específico, podem fornecer informações relevantes para corroborar a evidência obtida por meio de indagação.

No que diz respeito a alguns assuntos, o auditor pode considerar necessário obter representações formais da administração e, quando apropriado, dos

Prof. Rodrigo Fontenelle

www.estrategiaconcursos.com.br

10 de 57

07096770496 - NILSON JOSE GONÇALVES

Curso de Auditoria para AFT Teoria e exercícios comentados Prof. Rodrigo Fontenelle に Aula 03

Curso de Auditoria para AFT Teoria e exercícios comentados Prof. Rodrigo Fontenelle Aula 03

responsáveis pela governança, para confirmar respostas a indagações verbais.

Segundo o Manual de Auditoria Operacional do TCU, podemos classificar questões de auditoria em quatro tipos:

a) Questões descritivas: São formuladas de maneira a fornecer informações detalhadas sobre, por exemplo, condições de implementação ou de operação de determinado programa ou atividade, mudanças ocorridas, problemas e áreas com potencial de aperfeiçoamento. São questões que buscam aprofundar aspectos tratados de forma preliminar durante a etapa de planejamento.

b) Questões normativas: São aquelas que tratam de comparações entre a situação existente e aquela estabelecida em norma, padrão ou meta, tanto de caráter qualitativo quanto quantitativo. A abordagem metodológica empregada nesses casos é a comparação com critérios previamente identificados e o desempenho observado.

c) Questões avaliativas (ou de impacto, ou de causa-e-efeito): As questões avaliativas referem-se à efetividade do objeto de auditoria e vão além das questões descritivas e normativas para enfocar o que teria ocorrido caso o programa ou a atividade não tivesse sido executada. Em outras palavras, uma questão avaliativa quer saber que diferença fez a intervenção governamental para a solução do problema identificado. O escopo da pergunta abrange também os efeitos não esperados, positivos ou negativos, provocados pelo programa.

d) Questões exploratórias: Destinadas a explicar eventos específicos, esclarecer os desvios em relação ao desempenho padrão ou as razões de ocorrência de um determinado resultado.

Circularização (confirmação externa, confirmação de terceiros)

Consiste na confirmação, junto a terceiros, de fatos alegados pela entidade; no planejamento dos trabalhos, a equipe deve considerar as partes externas que podem ser circularizadas e os objetivos de fiscalização que poderão ser satisfeitos pela circularização.

07096770496

Esse procedimento só tem validade para comprovação de auditoria quando

o gestor/dirigente, ligado ao assunto a comprovar, tem participação no

processo, porém ficam a remessa e a obtenção das respostas aos pedidos circularizados sob controle do auditor.

A primeira condição deve-se ao fato de o auditor não ter poderes para

assinar ou solicitar pedido de confirmação pelo órgão/entidade. A segunda é para evitar que haja influência ou modificação, por parte do auditado, dos dados ou respostas dos itens objetos do processo de circularização.

Prof. Rodrigo Fontenelle

www.estrategiaconcursos.com.br

11 de 57

07096770496 - NILSON JOSE GONÇALVES

Curso de Auditoria para AFT Teoria e exercícios comentados Prof. Rodrigo Fontenelle に Aula 03

Curso de Auditoria para AFT Teoria e exercícios comentados Prof. Rodrigo Fontenelle Aula 03

Ainda segundo os autores, os dois tipos de pedidos de confirmação de dados usados pela auditoria são: positivo e negativo.

O primeiro é utilizado quando há necessidade de resposta da pessoa de

quem se quer obter uma confirmação formal. Pode ser usado de duas

formas:

- branco: quando não se colocam os valores nos pedidos de confirmação; - preto: quando utilizados saldos ou valores a serem confirmados na data-base indicada.

Exemplificando. O auditor, ao verificar o saldo da conta Bancos Banco do Brasil, constante no Balanço Patrimonial da Petrobras, observa que, segundo a empresa auditada (Petrobras), havia naquela conta, em

31/12/2012 a quantia de R$ 100.000,00. Objetivando confirmar esse valor,

o auditor solicita à Petrobras que assine uma solicitação ao Banco do Brasil (quem solicita a informação é a empresa auditada), que deverá ser

devolvida diretamente ao auditor. O texto dessa circularização pode constar

a necessidade de resposta, por parte do Banco, ao auditor, independente

da concordância ou não com os valores. Nesse caso temos a confirmação positiva. A confirmação desse saldo pode ser feita a partir de uma das duas formas a seguir:

(a) Em 31/12/2012, a Petrobras tinha em sua conta corrente no

Banco do Brasil R$ 100.000,00? Como a pergunta menciona o valor,

temos a confirmação positiva em preto.

(b) Qual o saldo em conta corrente no Banco do Brasil a Petrobras possuía, em 31/12/2012? Nesse caso, como não foi mencionado o valor, temos a confirmação positiva em branco.

O pedido de confirmação negativo é utilizado quando a resposta for

necessária em caso de discordância da pessoa de quem se quer obter

confirmação, ou seja, na falta de confirmação, o auditor entende que a pessoa concorda com os valores colocados no pedido de confirmação.

a

07096770496

Esse tipo de pedido é geralmente usado como complemento do pedido de confirmação positivo e deve ser expedido de forma a assegurar que a pessoa de quem se quer obter a confirmação, efetivamente, recebeu tal pedido.

obter a confirmação, efetivamente, recebeu tal pedido. Prof. Rodrigo Fontenelle www.estrategiaconcursos.com.br 12

Prof. Rodrigo Fontenelle

www.estrategiaconcursos.com.br

12 de 57

07096770496 - NILSON JOSE GONÇALVES

Curso de Auditoria para AFT Teoria e exercícios comentados Prof. Rodrigo Fontenelle に Aula 03

Curso de Auditoria para AFT Teoria e exercícios comentados Prof. Rodrigo Fontenelle Aula 03

Os dois tipos de pedidos de confirmação de dados usados pela auditoria são: positivo e negativo.

O positivo é utilizado quando há necessidade de resposta. Pode ser:

- branco: não se colocam os valores nos pedidos de confirmação;

- preto: quando utilizados saldos ou valores a serem confirmados.

O negativo é utilizado quando a resposta for necessária em caso de discordância da pessoa de quem se quer obter a confirmação.

Conforme a NBC TA 500, uma confirmação externa representa evidência de auditoria obtida pelo auditor como resposta escrita de terceiro (a parte que confirma) ao auditor, em forma escrita, eletrônica ou em outra mídia.

Os procedimentos de confirmação externa frequentemente são relevantes no tratamento de afirmações associadas a certos saldos contábeis e seus elementos. Contudo, as confirmações externas não precisam se restringir apenas a saldos contábeis.

Por exemplo, o auditor pode solicitar confirmação de termos de contratos ou transações da entidade com terceiros; a solicitação de confirmação pode ser planejada para perguntar se foram efetuadas quaisquer modificações no contrato e, em caso afirmativo, quais são os detalhes relevantes.

Conciliações

Objetiva verificar a compatibilidade entre o saldo das contas sintéticas com aqueles das contas analíticas, ou ainda o confronto dos registros mantidos pela entidade com elementos recebidos de fontes externas.

Análise de contas contábeis

Objetiva examinar as transações que geraram lançamentos em determinada conta contábil; essa técnica parte dos lançamentos contábeis para a identificação dos fatos e documentos que o suportam; as contas são selecionadas em função do objetivo geral e da sensibilidade da equipe.

07096770496

Usada para a constatação da veracidade das informações contábeis, fiscais, etc., além de possibilitar levantamentos específicos nas análises, composições de saldos e conciliações.

Revisão analítica (procedimentos analíticos)

Objetiva verificar o comportamento de valores significativos, mediante índices, quocientes, quantidades absolutas ou outros meios, com vistas

Prof. Rodrigo Fontenelle

www.estrategiaconcursos.com.br

13 de 57

07096770496 - NILSON JOSE GONÇALVES

Curso de Auditoria para AFT Teoria e exercícios comentados Prof. Rodrigo Fontenelle に Aula 03

Curso de Auditoria para AFT Teoria e exercícios comentados Prof. Rodrigo Fontenelle Aula 03

à identificação de situações ou tendências atípicas. Na aplicação dos procedimentos de revisão analítica, o auditor deve considerar:

a) o objetivo dos procedimentos e o grau de confiabilidade dos resultados alcançáveis; b) a natureza do órgão/entidade e o conhecimento adquirido em fiscalizações anteriores; c) a disponibilidade de informações, sua relevância, confiabilidade e comparabilidade.

Para a NBC TA 500, os procedimentos analíticos consistem em avaliação das informações feitas por meio de estudo das relações plausíveis entre dados financeiros e não financeiros. Os procedimentos analíticos incluem também a investigação de flutuações e relações identificadas que sejam inconsistentes com outras informações relevantes ou que se desviem significativamente dos valores previstos.

Exemplificando

Você, auditor, sabedor de que há uma relação entre as despesas com salários e o recolhimento do FGTS, pode decidir fazer uma correspondência entre essas duas contas, buscando alguma inconsistência como, por exemplo, um percentual recolhido de FGTS muito abaixo do que seria esperado, se considerados os salários pagos aos funcionários.

Outra possível verificação seria a comparação entre os valores pagos a funcionários (dado financeiro) com o número de funcionários da empresa (dado não financeiro).

Reexecução

Novidade constante das novas normas de auditoria (NBC TA 500), a reexecução envolve a execução independente pelo auditor de procedimentos ou controles que foram originalmente realizados como parte do controle interno da entidade.

07096770496

Investigação

A investigação ou investigação minuciosa é o exame em profundidade da matéria auditada, que pode ser um documento, uma análise, uma informação obtida, tudo com o objetivo de certificar que o objetivo auditado, no momento, realmente é fidedigno (Attie, 2010).

Prof. Rodrigo Fontenelle

www.estrategiaconcursos.com.br

14 de 57

07096770496 - NILSON JOSE GONÇALVES

Curso de Auditoria para AFT Teoria e exercícios comentados Prof. Rodrigo Fontenelle に Aula 03

Curso de Auditoria para AFT Teoria e exercícios comentados Prof. Rodrigo Fontenelle Aula 03

comentados Prof. Rodrigo Fontenelle に Aula 03 Embora boa parte das técnicas que acabamos de ver

Embora boa parte das técnicas que acabamos de ver sejam aplicadas também pelos auditores internos, a NBC TI 01 (norma que trata desses auditores) estabelece de forma explícita apenas três delas para os testes de observância.

Segundo essa norma, os testes de observância aplicados pelos auditores internos devem considerados os seguintes procedimentos:

a) Inspeção

verificação

de

registros,

documentos

e

ativos

tangíveis.

b) Observação acompanhamento de processo ou procedimento

quando de sua execução.

c) Investigação e confirmação obtenção de informações perante pessoas físicas ou jurídicas conhecedoras das transações e das operações, dentro ou fora da entidade.

Portanto, se a questão falar de auditor interno, muito provavelmente irá trazer uma dessas três técnicas de auditoria.

QUESTÕES COMENTADAS

Com referência aos objetivos, técnicas e procedimentos de auditoria, julgue os seguintes itens.

07096770496

1

-

créditos

registrados no ativo de uma entidade, o auditor agirá de modo apropriado caso recomende ao dirigente do órgão que expeça um pedido de confirmação negativo em branco ao suposto devedor.

de confirmação negativo em branco ao suposto devedor. (CESPE/AFT/ 2013) Se houver dúvidas - sobre Comentários:

(CESPE/AFT/

2013)
2013)

Se

houver

dúvidas

-

sobre

Comentários:

A questão aborda uma técnica de auditoria chamada confirmação externa ou circularização. Entretanto, não existe a confirmação negativa em branco. Só existe a confirmação positiva em branco. A explicação é simples. Uma característica da confirmação em branco é que nesta não constam valores e/ou informações a serem confirmadas pela parte que confirma (um fornecedor, por exemplo). Dessa forma,

Prof. Rodrigo Fontenelle

www.estrategiaconcursos.com.br

15 de 57

07096770496 - NILSON JOSE GONÇALVES

Curso de Auditoria para AFT Teoria e exercícios comentados Prof. Rodrigo Fontenelle に Aula 03

Curso de Auditoria para AFT Teoria e exercícios comentados Prof. Rodrigo Fontenelle Aula 03

necessariamente a parte que confirma tem que responder ao auditor com as informações solicitadas. Logo, já que a característica básica da confirmação negativa é que a parte que confirma só tem que responder ao auditor se discordar dos valores mencionados na circularização, torna-se impossível a existência de uma confirmação negativa em branco, já que a parte que confirma não pode discordar de uma informação que não lhe foi enviada. Resposta: E

2

-

informação que não lhe foi enviada. Resposta: E 2 - (CESPE/AFT/ 2013) em determinado ente, ao

(CESPE/AFT/

2013)
2013)

em

determinado ente, ao constatar que não foram calculados e demonstrados os encargos incidentes sobre salários não reclamados de empregados recém-demitidos e sobre reclamações trabalhistas em tramitação há muito tempo na justiça trabalhista, o auditor-fiscal do trabalho deverá recomendar a constituição de reserva de contingência nos valores correspondentes.

-

Na

realização

do

seu

trabalho

Comentários:

Nesse caso não seria uma reserva de contingência (conta do PL), pois esta se refere a um evento incerto e futuro. O desfecho de alguns eventos em questão até são incertos, mas já ocorreram. O correto seria constituir uma provisão no Passivo. Resposta: E

3 - (CESPE/AFT/ 2013)
3 - (CESPE/AFT/
2013)

- Em uma entrevista, podem-se classificar

as questões de auditoria em vários tipos. Uma questão do tipo exploratório, por exemplo, é formulada com vistas a esclarecer desvios em relação ao desempenho padrão ou ao estabelecido como meta. Por meio desse tipo de questão, pode-se, por exemplo, indagar do responsável por um programa das empresas fiscalizadas pelo MTE por que razão um percentual muito baixo de empresas teria sofrido autuação e por que a maior parte das autuações não teria apresentado nenhum resultado prático.

07096770496

Comentários:

Segundo o Manual de Auditoria Operacional do TCU, questões exploratórias são destinadas a explicar eventos específicos, esclarecer os desvios em relação ao desempenho padrão ou as razões de ocorrência de um determinado resultado. Resposta: C

4 - (CESPE/AFT/ 2013)
4 - (CESPE/AFT/
2013)

- Os testes de aderência ou observância,

cujo objetivo é identificar a existência, a efetividade e a continuidade dos controles internos, consistem em um conjunto de procedimentos de auditoria destinado a confirmar se as funções críticas de controle interno estão sendo efetivamente executadas.

Prof. Rodrigo Fontenelle

www.estrategiaconcursos.com.br

16 de 57

07096770496 - NILSON JOSE GONÇALVES

Curso de Auditoria para AFT Teoria e exercícios comentados Prof. Rodrigo Fontenelle に Aula 03

Curso de Auditoria para AFT Teoria e exercícios comentados Prof. Rodrigo Fontenelle Aula 03

Comentários:

Embora não esteja literal de nenhuma norma, é exatamente essa a função do teste de controle/observância/aderência: avaliar os controles internos da entidade/empresa. Resposta: C

5 - (CESPE / TELEBRAS / 2013)

- Com relação aos testes e

procedimentos de auditoria, julgue o item seguinte. Para expressar uma opinião de forma positiva, o auditor deve executar procedimentos relacionados aos riscos identificados, sendo esses procedimentos uma combinação de testes ou sua reexecução, procedimentos analíticos, indagação e(ou) testes de eficácia operacional de controle.

Comentários:

Conforme visto na parte teórica, para chegar à conclusão sobre o assunto objeto da auditoria o auditor precisa aplicar procedimentos e testes de auditoria, tendo sido alguns deles citados na questão. Resposta: C

6 - (CESPE / TELEBRAS / 2013)

- Com relação aos testes e

procedimentos de auditoria, julgue o item seguinte. Os testes de observância são aplicados pelo auditor quando ele deseja obter provas suficientes e convincentes sobre transações, de maneira a lhe proporcionar fundamentação para a opinião acerca de determinados fatos e para avaliar a funcionalidade do sistema contábil da empresa auditada.

Comentários:

Para a questão ficar correta bastaria substituir testes de observância por testes substantivos. Como vimos, os testes de observância são aplicados para avaliar os controles internos da entidade auditada. Resposta: E

07096770496

7 - (CESPE/UNIPAMPA/2009)

- As técnicas de auditoria constituem

o núcleo do trabalho do auditor, sem as quais não seria possível formar uma opinião a respeito das demonstrações financeiras. A respeito desse assunto, julgue os itens subsequentes. Os testes de observância dividem-se em testes de transações ou saldos e procedimentos de revisão analítica.

Comentários:

Quem se divide em testes de transações ou saldos e procedimentos de revisão analítica são os testes substantivos, também chamados de procedimentos substantivos. Resposta: E

Prof. Rodrigo Fontenelle

www.estrategiaconcursos.com.br

17 de 57

07096770496 - NILSON JOSE GONÇALVES

Curso de Auditoria para AFT Teoria e exercícios comentados Prof. Rodrigo Fontenelle に Aula 03

Curso de Auditoria para AFT Teoria e exercícios comentados Prof. Rodrigo Fontenelle Aula 03

8

-

(CESPE/UNIPAMPA/2009)

revisão

analítica, o auditor deve estabelecer o inter-relacionamento entre algumas contas e transações, como as de vendas e estoques, e as de compras e conta corrente do ICMS.

-

Em

seu

trabalho

de

Comentários:

É exatamente isso que o auditor busca ao aplicar a revisão analítica. Em relação aos exemplos dados na questão, o auditor, ao verificar o volume de vendas e comparar com o estoque da empresa, pode identificar uma inconsistência como, por exemplo, o volume de vendas ser bem superior ao que a empresa teria de produtos em estoque para vender. A mesma relação ocorre com as compras efetuadas pela empresa e o saldo na conta contábil ICMS a recuperar, por exemplo. Resposta: C

9 - (MPU/2010/CESPE)

- Em relação aos testes e procedimentos de

auditoria aplicados no setor público, julgue o item seguinte. A maioria dos testes e procedimentos de auditoria empregados tem como objetivo a detecção de irregularidades, sejam elas decorrentes de culpa ou dolo.

Comentários:

O objetivo principal de

qualquer auditoria não é

a

busca por

irregularidades. O auditor aplica testes e procedimentos de auditoria para

concluir, com segurança razoável, acerca do seu objeto de auditoria que, no caso da auditoria independente, são as demonstrações contábeis. Resposta: E

10 - (MPU/2010/CESPE)

- Em relação aos testes e procedimentos

de auditoria aplicados no setor público, julgue o item seguinte. Quando pretende verificar a existência física de um bem pertencente à entidade auditada, é adequado que o auditor emita pedido de confirmação em preto.

07096770496

Comentários:

Sempre que desejar confirmar a existência física de um bem o auditor deverá aplicar a técnica de INSPEÇÃO, conforme visto na parte teórica. Resposta: E

11 - (MPU/2010/CESPE)

- Em relação aos testes e procedimentos

de auditoria aplicados no setor público, julgue o item seguinte. O pedido de confirmação é negativo quando não for necessária a resposta do auditado que discordar dos valores exibidos na carta que lhe foi enviada.

Comentários:

Prof. Rodrigo Fontenelle

www.estrategiaconcursos.com.br

18 de 57

07096770496 - NILSON JOSE GONÇALVES

Curso de Auditoria para AFT Teoria e exercícios comentados Prof. Rodrigo Fontenelle に Aula 03

Curso de Auditoria para AFT Teoria e exercícios comentados Prof. Rodrigo Fontenelle Aula 03

No pedido de confirmação negativa quem não precisa responder não é o auditado e sim o circularizado (a pessoa que recebe a carta de circularização). Além disso, ele só não precisará responder se CONCORDAR com os valores exibidos na carta que lhe foi enviada. Dessa forma, há dois erros na questão. Resposta: E

12 - (MPU/2010/CESPE)

- Em relação aos testes e procedimentos

de auditoria aplicados no setor público, julgue o item seguinte. Considere que haja indícios de que um auditado tenha cometido irregularidades e de que, se fosse questionado a respeito delas, não falaria a verdade. Ainda assim, nessa situação, deveria ser empregada a técnica de entrevista com o auditado.

Comentários:

De nada adiantaria aplicar essa técnica se já sabemos, de antemão, que não poderemos confiar na resposta do auditado. Nessa situação, segundo as normas de auditoria, o auditor deve aplicar procedimentos adicionais para obter evidências de auditoria. Uma técnica que poderia ser utilizada é a confirmação de terceiros (circularização). Resposta: E

13 - (MPU/2010/CESPE)

- Em relação aos testes e procedimentos

de auditoria aplicados no setor público, julgue o item seguinte. Em uma auditoria contábil, para verificação de integridade e exatidão dos registros do sistema contábil da auditada, aplicam-se tanto os testes de observância quanto os substantivos.

Comentários:

Já vimos que os testes de observância são aplicados para outra finalidade, que é a verificação dos controles internos. A questão ficaria correta se tivesse falando apenas dos testes substantivos. Resposta: E

07096770496

14 - (CESPE/TCU/2011)

- Considere a seguinte situação hipotética.

Durante a execução de seu trabalho, um auditor constatou que o órgão auditado disponibilizou bens a uma instituição privada por conta da realização de determinado convênio. Por desconfiança em relação à operação, esse auditor resolveu, apropriadamente, efetuar um pedido de confirmação, sem especificar os bens e respectivos valores, mas dos quais julgou não poder abrir mão da confirmação formal. Nessa situação hipotética, a técnica utilizada é denominada confirmação ou circularização positiva em branco. Julgue CERTO ou ERRADO.

Comentários:

Prof. Rodrigo Fontenelle

www.estrategiaconcursos.com.br

19 de 57

07096770496 - NILSON JOSE GONÇALVES

Curso de Auditoria para AFT Teoria e exercícios comentados Prof. Rodrigo Fontenelle に Aula 03

Curso de Auditoria para AFT Teoria e exercícios comentados Prof. Rodrigo Fontenelle Aula 03

Os dois tipos de pedidos de confirmação de dados usados pela auditoria são: positivo e negativo. O primeiro é utilizado quando há necessidade de resposta da pessoa de quem se quer obter uma confirmação formal. Pode ser usado de duas formas:

- branco: quando não se colocam os valores nos pedidos de confirmação; - preto: quando utilizados saldos ou valores a serem confirmados na data-base indicada. Pelo que podemos observar na situação hipotética apresentada na questão, o auditor não especificou os bens e respectivos valores, e julgou não abriu mão da confirmação formal, o que caracteriza a confirmação ou circularização positiva em branco. Resposta: C

15

-

(CESPE/TCU/2011)

um

lançamento contábil não for suficiente para fornecer ao auditor elementos de convicção sobre determinada transação, poderá ele proceder ao exame da documentação correspondente. Atendidos os requisitos formais quanto ao tipo e preenchimento do documento, deverá ele ainda avaliar a pertinência da operação com os objetivos do órgão auditado e a autorização para a sua realização. Julgue CERTO ou ERRADO.

-

Se

a

simples

verificação

de

Comentários:

Como vimos no decorrer da aula, no exame documental, a equipe deverá observar se as transações realizadas estão devidamente documentadas, se a documentação que suporta a operação contém indícios de inidoneidade, se a transação e a documentação suporte foram por pessoas responsáveis e se a operação realizada é adequada em função das atividades do órgão/entidade. Resposta: C

- Denomina-se indagação escrita ou

oral a técnica de auditoria por meio da qual a verificação é realizada junto a fontes externas ao auditado. Julgue CERTO ou ERRADO.

16 - (CESPE/TCE-ES/2012)

07096770496

Comentários:

A confirmação, junto a terceiros (externos), de fatos alegados pela entidade é a circularização, e não a indagação escrita ou oral. Resposta: E

17 - (CESPE/UAUD/SEBRAE/2008)

- A inspeção física garante que

o bem examinado é de propriedade da empresa auditada. Julgue CERTO ou ERRADO.

Comentários:

Prof. Rodrigo Fontenelle

www.estrategiaconcursos.com.br

20 de 57

07096770496 - NILSON JOSE GONÇALVES

Curso de Auditoria para AFT Teoria e exercícios comentados Prof. Rodrigo Fontenelle に Aula 03

Curso de Auditoria para AFT Teoria e exercícios comentados Prof. Rodrigo Fontenelle Aula 03

Em regra, a inspeção física, por si só, não confirma a propriedade de um bem, sendo necessária a verificação da documentação respectiva. Como vimos, devem atender às seguintes características:

- existência física: comprovação visual da existência do item;

- autenticidade: discernimento da fidedignidade do item;

- quantidade: apuração adequada da quantidade real física; e

- qualidade: comprovação visual ou laboratorial de que o objeto examinado permanece em perfeitas condições de uso. Resposta: E

18 - (CESPE/UAUD/SEBRAE/2008)

- A circularização compreende

a verificação, em primeiro lugar, da legitimidade do documento e, consequentemente, da transação. É na circularização que o auditor confirma se a transação foi autorizada, o que pode ser constatado por assinatura ou rubrica da pessoa encarregada, no próprio documento. Julgue CERTO ou ERRADO.

Comentários:

A afirmação contida na questão trata da técnica chamada de “exame documental”, e não de “circularização”, que consiste na confirmação, junto a terceiros, de fatos alegados pela entidade. Resposta: E

19 - (CESPE/UAUD/SEBRAE/2008)

- A conferência de cálculos é o

procedimento de auditoria voltado para a constatação da adequação de operações aritméticas e financeiras. Esse é o procedimento mais simples e completo por si mesmo e é a única forma de verificação das várias operações que envolvam cálculos. Julgue CERTO ou ERRADO.

Comentários:

De acordo com Peter e Machado (2008), a conferência de cálculos é a técnica mais simples e a mais completa, amplamente utilizada, em virtude de a quase totalidade das operações do órgão/entidade envolver valores, números, etc. Pessoal, vamos observar o seguinte: nas questões, o CESPE não está fazendo distinção entre procedimentos e técnicas, chamando as técnicas de procedimentos e vice-versa. Fiquem atentos a isso, para não marcarem errado uma questão certa, somente por esse fato. Resposta: C

07096770496

20 - (CESPE/CGE-PB/2008)

- Os procedimentos adotados para

colher evidências sobre os valores constantes das demonstrações contábeis, incluem, no caso de atualização e capitalização do saldo devedor de uma obrigação de longo prazo, a A) confirmação com terceiros. B) inspeção dos documentos concernentes à autorização da transação.

Prof. Rodrigo Fontenelle

www.estrategiaconcursos.com.br

21 de 57

07096770496 - NILSON JOSE GONÇALVES

Curso de Auditoria para AFT Teoria e exercícios comentados Prof. Rodrigo Fontenelle に Aula 03

Curso de Auditoria para AFT Teoria e exercícios comentados Prof. Rodrigo Fontenelle Aula 03

C) aplicação de questionários.

D) realização de entrevistas com os responsáveis pelo setor competente.

E) conferência de cálculos.

Comentários:

A conferência de cálculos objetiva a conferência das operações que envolvam cálculos; na aplicação da técnica, a equipe não deve se limitar a conferir os cálculos realizados por terceiros, fazendo-se necessária a efetivação de cálculos próprios, que serão comparados, ao final, com aqueles apresentados pelo fiscalizado. As demais técnicas apresentadas não possibilitariam colher evidências sobre os valores constantes das demonstrações contábeis, no caso de atualização e capitalização do saldo devedor de uma obrigação de longo prazo. Resposta: E

21 - (CESPE/TJDFT/2007)

- Se, na realização de uma auditoria,

constatar-se a existência de vários débitos pela prestação de serviços de terceiros, a equipe de auditoria deve optar pela aplicação da técnica de confirmação interna, pois as informações obtidas diretamente junto ao auditado oferecem mais segurança e fidedignidade. Julgue CERTO ou ERRADO.

Comentários:

Segundo Peter e Machado (2008), circularização “É a técnica utilizada na obtenção de declaração formal e independente, de pessoas não ligadas ao órgão/entidade, seja por interesses comerciais ou afetivos, de fatos ligados às operações do mesmo.” Para atender ao pedido, a forma mais confiável de confirmação seria com os credores da entidade (terceiros), por meio de uma circularização, e não com uma confirmação interna. Resposta: E

22 - (CESPE/TCU/2008)

- A verificação da compatibilidade entre os

lançamentos efetuados em determinada conta e a documentação correspondente é tipo de teste denominado de observância, enquanto a verificação do cumprimento da rotina definida para a escrituração desses fatos constitui teste do tipo adjetivo. Julgue CERTO ou ERRADO.

07096770496

Comentários:

Podemos afirmar que a verificação da compatibilidade entre os lançamentos efetuados em determinada conta e a documentação correspondente é tipo de teste denominado substantivo, enquanto a verificação do cumprimento da rotina definida para a escrituração desses fatos constitui teste de observância (para avaliar os controles internos quanto à observância da legislação).

Prof. Rodrigo Fontenelle

www.estrategiaconcursos.com.br

22 de 57

07096770496 - NILSON JOSE GONÇALVES

Resposta: E Curso de Auditoria para AFT Teoria e exercícios comentados Prof. Rodrigo Fontenelle に

Resposta: E

Curso de Auditoria para AFT Teoria e exercícios comentados Prof. Rodrigo Fontenelle Aula 03

23 - (CESPE/TCU/2008)

- Na verificação de eventuais ônus sobre

imóveis de propriedade da entidade auditada, consultam-se, entre outros documentos, certidões atualizadas do registro de imóveis, contratos de compra e venda ou de financiamento desses bens, assim como contratos de financiamento ou parcelamento de dívidas. Julgue CERTO ou ERRADO.

Comentários:

Questão bastante prática, que poderia muito bem ser respondida com bom senso, mas que trata do exame documental. Resposta: C

24 - (CESPE/TCU/2008)

- A circularização de ativos sempre se

revela mais eficaz, pois o credor tem mais interesse em confirmar seu crédito ou, até mesmo, em apontar possíveis irregularidades. Julgue CERTO ou ERRADO.

Comentários:

Cuidado com questões que parecem corretíssimas, mas que escondem um perigo para o candidato. É a circularização de passivos que deve ser feita com os credores, e não a de ativos. Resposta: E

É a circularização de passivos que deve ser feita com os credores , e não

É a circularização de passivos que deve ser feita com os credores, e não a de ativos.

25 - (CESPE/TJ-CE/2008)

- A revisão analítica é um procedimento

técnico básico aplicado na realização dos testes de observância e substantivos, em que o auditor procura verificar a regularidade, a normalidade ou a atipicidade de situações, comparando quantidades, valores, indicadores ou outros parâmetros. Julgue CERTO ou ERRADO.

07096770496

Comentários:

Conforme vimos no decorrer da parte teórica, a revisão analítica objetiva verificar o comportamento de valores significativos, mediante índices, quocientes, quantidades absolutas ou outros meios, com vistas à identificação de situações ou tendências atípicas. De acordo com o entendimento do CESPE, tanto pode ser utilizada durante a aplicação dos testes de observância quanto dos testes

Prof. Rodrigo Fontenelle

www.estrategiaconcursos.com.br

23 de 57

07096770496 - NILSON JOSE GONÇALVES

Curso de Auditoria para AFT Teoria e exercícios comentados Prof. Rodrigo Fontenelle に Aula 03

Curso de Auditoria para AFT Teoria e exercícios comentados Prof. Rodrigo Fontenelle Aula 03

substantivos. Ressaltamos que esse entendimento não é corroborado por todas as bancas. Resposta: C

26

-

(CESPE/TJ-CE/2008)

é

considerada muito eficaz para detectar a omissão de passivos. O auditor não deve restringir o pedido de confirmação aos credores em aberto, mas incluir, também, outros com os quais a empresa tenha transacionado, pelo menos mais recentemente. A circularização deve abranger o maior percentual possível de credores combinado com o menor percentual possível dos valores correspondentes a esses credores. Julgue CERTO ou ERRADO.

-

A

circularização

de

passivos

Comentários:

Questão baseada na obra de Franco e Marra (Auditoria Contábil). De acordo com os autores, para a descoberta de eventuais passivos omitidos, intencional ou fortuitamente, além da circularização, outros procedimentos podem ser realizados. Entretanto, o correto seria que a circularização abrangesse o menor percentual possível de credores, combinado com o maior percentual possível dos valores correspondentes a esses credores, que compõem o saldo total da conta ‘fornecedores’, a fim de tornar a circularização mais eficiente. Resposta: E

27 - (CESPE/AGE-MG/2009)

- As técnicas que o auditor utiliza para

colher evidências acerca de informações das demonstrações contábeis constituem procedimentos de auditoria, que incluem a inspeção de documentos. Assinale a opção correspondente a exemplo de documento interno que suporta os lançamentos

contábeis e que serve para verificar a veracidade e a adequação dos valores registrados.

A) prospecto para aquisição de equipamento

B) mapa de licitação de compras

C) pedido de compra de cliente

D) recibo de taxista

E) catálogo de preços obtido pela Internet

07096770496

Comentários:

Questão bastante prática, exigindo que o candidato marque a alternativa em que consta um documento interno da empresa. Das possíveis, a única que se enquadra no pedido é a de letra B, que é o gabarito. Resposta: B

28

-

(CESPE/AGE-MG/2009)

ou

circularização, consiste na expedição de cartas a empresas ou

-

A

confirmação

externa,

Prof. Rodrigo Fontenelle

www.estrategiaconcursos.com.br

24 de 57

07096770496 - NILSON JOSE GONÇALVES

Curso de Auditoria para AFT Teoria e exercícios comentados Prof. Rodrigo Fontenelle に Aula 03

Curso de Auditoria para AFT Teoria e exercícios comentados Prof. Rodrigo Fontenelle Aula 03

pessoas com as quais o auditado mantém relações de negócios, solicitando confirmação a respeito da situação desses negócios em data determinada. Acerca da confirmação externa, assinale a opção correta.

A) Na correspondência encaminhada, os valores constantes dos livros do

cliente devem ser obrigatoriamente discriminados.

B) As cartas são assinadas pelos auditores; as informações prestadas por

terceiros devem ser previamente compartilhadas com o cliente e por ele reconhecidas.

C) As divergências entre os registros do cliente e os de terceiros só serão

consideradas válidas mediante reconhecimento por parte do cliente.

D) Se a resposta for considerada muito relevante, sua falta implicará na

emissão de parecer com abstenção de opinião.

E) Decidida a aplicação da confirmação, as cartas serão enviadas apenas

às empresas e pessoas selecionadas mediante amostragem, considerando, entre outros fatores, as limitações de tempo, os custos do procedimento e os riscos associados.

Comentários:

A alternativa A está incorreta, pois vimos que é possível enviar uma

confirmação sem fazer menção aos valores envolvidos.

A alternativa B está incorreta, pois não são os auditores que assinam

as cartas, mas os gestores do órgão/entidade auditados. A alternativa C está incorreta, pois quem deve verificar as

divergências são os próprios auditores, senão a circularização perderia sua razão de ser.

A alternativa D está incorreta, pois uma limitação como a falta de

uma resposta pode, dependendo da gravidade, ser motivo para a emissão

de parecer com ressalva ou com abstenção de opinião.

A alternativa E está correta, e é o gabarito da questão.

Resposta: E

29

-

(FEPESE/ISS-FLORIANÓPOLIS/2014)

abaixo:

07096770496

-

Analise

os

itens

Constatação de que as transações comunicadas/registradas realmente tenham ocorrido.

Obtenção de evidências de que não existam transações além daquelas registradas/ demonstradas.

Obtenção de evidências de que os interessados naquele registro/comunicação tenham obtido as informações na sua totalidade.

Verificação se os itens que compõem determinada transação/registro tenham sido avaliados e aferidos corretamente.

Constatação de que as transações/registros tenham sido corretamente divulgados.

Prof. Rodrigo Fontenelle

www.estrategiaconcursos.com.br

25 de 57

07096770496 - NILSON JOSE GONÇALVES

Curso de Auditoria para AFT Teoria e exercícios comentados Prof. Rodrigo Fontenelle に Aula 03

Curso de Auditoria para AFT Teoria e exercícios comentados Prof. Rodrigo Fontenelle Aula 03

Os itens listados referem-se a que tipo de testes auditoria?

A. Testes adjetivos

B. Testes substantivos

C. Testes de observância

D. Testes de procedimentos

E. Testes de superavaliação

Comentários:

Todos os itens listados referem-se a tipos de testes substantivos, também chamados de procedimentos substantivos, aplicados pelo auditor. Resposta: B

30 - (CETRO / ISS-SP / 2014) -

Os procedimentos de Auditoria

devem ser realizados para testar os registros contábeis, a fim de que o Auditor Independente esteja apoiado em bases sólidas, alicerçado em fatos comprovados, evidências factuais e informações irrefutáveis. Com base nisso, assinale a alternativa que apresenta o procedimento de Auditoria conhecido como confirmação externa.

(A) Verificação, de maneira manual ou eletrônica, da exatidão matemática

dos documentos ou registros apresentados.

(B) Acompanhamento, pelo Auditor, da contagem física do estoque realizado por funcionários da empresa.

(C) Execução, pelo Auditor, de forma independente, dos procedimentos ou

controles para verificação do controle interno da empresa.

(D) Verificação de registros ou documentos, internos e externos, por quaisquer meios, ou examinar fisicamente a existência de um ativo.

(E) Recebimento de respostas de terceiros pelo Auditor.

Comentários:

Segundo a NBC TA 505, Confirmação Externa, também conhecida como Circularização, é a evidência de auditoria obtida como resposta por escrito direta para o auditor de um terceiro (a parte que confirma), em papel, no formato eletrônico ou outro meio. Portanto, letra E. A letra A apresenta a técnica denominada Recálculo, a alternativa B refere-se à Observação, a letra C aos Testes de Controle e a alternativa D à técnica da Inspeção. Resposta: E

07096770496

31 - (FCC/TCE-PI/2014)

- A equipe técnica de um determinado

Tribunal de Contas deseja confirmar a correção do montante a pagar, registrado no Balanço Patrimonial de 31 de dezembro de

2013, ao fornecedor de gêneros alimentícios em uma das Prefeituras sujeitas à sua fiscalização. A técnica de auditoria a ser aplicada para obter esta confirmação denomina-se:

(A) confirmação.

Prof. Rodrigo Fontenelle

www.estrategiaconcursos.com.br

26 de 57

07096770496 - NILSON JOSE GONÇALVES

(B) circularização. (C) investigação. (D) análise documental. (E) revisão analítica. Curso

(B)

circularização.

(C)

investigação.

(D)

análise documental.

(E)

revisão analítica.

Curso de Auditoria para AFT Teoria e exercícios comentados Prof. Rodrigo Fontenelle Aula 03

Comentários:

A conta Fornecedores, assim como Clientes, Bancos e Advogados são as principais contas em que se utiliza a técnica de circularização, também chamada de Confirmação Externa. Resposta: B

32 - (FCC/TCE-PI/2014)

- A constatação de que o objeto em exame

apresenta total condição de uso é um dos requisitos que devem ser atendidos quando aplicada a técnica de auditoria conhecida como:

(A)

confirmação.

(B)

investigação.

(C)

inspeção física.

(D)

análise documental.

(E)

revisão analítica.

Comentários:

Para se constatar que o objeto está em condições de uso, deve-se inspecioná-lo. Dessa forma, a única opção plausível seria a inspeção física, as vezes chamada apenas de inspeção e outras de inspeção in loco. Resposta: C

33 - (FGV/DPE-RJ/2014)

- O auditor, ao verificar os processos de

uma Unidade, identificou que o Chefe de Departamento tem permissão e competência para efetuar compras para seu departamento e autorizar o pagamento correspondente, entretanto os pagamentos são autorizados por uma outra área independente. A respeito do ocorrido, é correto afirmar que:

(A)

o ponto identificado pelo auditor não representa risco.

(B)

o auditor deve examinar documentos para verificar se existe risco ou

07096770496

não na Unidade auditada.

(C) o auditor deve consultar o código de ética da Unidade para verificar se

o processo como um todo infringe alguma norma.

(D) existe um risco de segregação de função e esse risco precisa ser documentado e reportado pelo auditor.

(E) aparentemente existe um risco de fraude e um especialista externo

deve ser contratado para mensurar esse risco e identificar os mitigantes.

Comentários:

Questão que cobra conhecimentos de procedimentos de auditoria, mas também de princípios de controle interno. Na situação descrita, verifica-se que, mesmo os pagamentos sendo autorizados por área independente, o chefe de departamento tem a

Prof. Rodrigo Fontenelle

www.estrategiaconcursos.com.br

27 de 57

07096770496 - NILSON JOSE GONÇALVES

Curso de Auditoria para AFT Teoria e exercícios comentados Prof. Rodrigo Fontenelle に Aula 03

Curso de Auditoria para AFT Teoria e exercícios comentados Prof. Rodrigo Fontenelle Aula 03

competência para efetuar compras e também autorizar pagamento. Essas duas atividades geram conflito de interesses, não devendo ser atribuídas a uma mesma pessoa. Portanto, há um risco de segregação de função, o que deve ser reportado pelo auditor. Resposta: D

34 - (FGV/CGE-MA/2014)

- O procedimento de auditoria planejado

para avaliar a efetividade operacional dos controles na prevenção ou detecção e na correção de distorções relevantes no nível de afirmações, é denominado:

(A)

relevância substantiva.

(B)

avaliação de risco.

(C)

teste de controle.

(D)

cálculo de materialidade.

(E)

processo de prevenção.

Comentários:

Se a questão falar em avaliação do controle interno, não tem erro. Estamos falando do teste de controle, também chamado de teste de observância. Resposta: C

35 - (FGV/DPE-RJ/2014)

- Ao receber a denúncia de um funcionário

de que um gerente de vendas estava cobrando uma comissão para antecipar envio de mercadorias para alguns clientes e,

consequentemente, atrasando o de outros, a Auditoria Interna fez um exame de inspeção, verificando notas fiscais, pedidos de compra e recibo de pagamento. A Auditoria Interna não identificou nenhuma distorção. Considerando esses fatos, o teste mais adequado para a identificação da suposta fraude é:

(A) nenhum, o teste já realizado permite concluir que a empresa não sofreu

prejuízos.

(B)

solicitar o desligamento das pessoas envolvidas.

(C) testes substantivos.

nenhum, a auditoria interna deve utilizar a denúncia como evidência e

07096770496

(D) teste de materialidade, considerando só as transações com valores

mais relevantes.

(E) testes de investigação e confirmação.

Comentários:

Nessa situação o mais indicado era confirmar com clientes a ocorrência desse atraso. Como estamos falando de auditoria interna, a técnica prevista para esse tipo de confirmação chama Investigação e Confirmação. Caso fosse um auditor independente, teríamos a Confirmação Externa.

Prof. Rodrigo Fontenelle

www.estrategiaconcursos.com.br

28 de 57

07096770496 - NILSON JOSE GONÇALVES

Resposta: E Curso de Auditoria para AFT Teoria e exercícios comentados Prof. Rodrigo Fontenelle に

Resposta: E

Curso de Auditoria para AFT Teoria e exercícios comentados Prof. Rodrigo Fontenelle Aula 03

36 - (FGV/CGE-MA/2014)

- O auditor, no processo de avaliação de

risco da entidade, deve buscar entender se a entidade tem processo para os casos listados a seguir, à exceção de um. Assinale-o.

(A) Identificar

demonstrações contábeis.

riscos de negócio relevantes para os objetivos das

(B)

Estimar a significância dos riscos.

(C)

Avaliar a probabilidade da ocorrência de riscos.

(D)

Decidir sobre ações em resposta aos riscos.

(E)

Analisar procedimentos analíticos de erros e fraudes.

Comentários:

Segundo a NBC TA 315, em um processo de avaliação de risco da unidade, o auditor deve buscar entender se a entidade tem processo para:

(a) identificar riscos de negócio relevantes para os objetivos das demonstrações contábeis;

(b)

estimar a significância dos riscos;

(c)

avaliar a probabilidade de sua ocorrência; e

(d)

decidir sobre ações em resposta a esses riscos.

Portanto, questão literal. Resposta: E

37 - (FUNDATEC / CAGE-RS / 2014)

De acordo com a NBC TA 315

Identificação e Avaliação dos Riscos de Distorção Relevante por meio do Entendimento da Entidade e do seu Ambiente, o auditor deve aplicar procedimentos de avaliação de riscos para fornecer uma base para a identificação e avaliação de riscos de distorção relevante nas demonstrações contábeis e nas afirmações. No processo de avaliação dos riscos, o auditor deve aplicar os seguintes procedimentos:

a) Inspeção de documentos, tais como planos e estratégias de negócio, e indagações à administração e a outros na entidade com probabilidade de auxiliar na identificação de riscos de distorção relevante devido a fraude ou erro.

b) Contagem de caixa e circularização de bancos para identificar a existência de risco de fraude por apropriação indébita.

c) Circularização de advogados e de partes relacionadas com vistas a avaliar o risco de contingências.

d) Acompanhamento do inventário físico, reexecução de controles internos de faturamento e inspeção de imobilizado, com vistas a avaliar o risco de distorção relevante nos ciclos operacionais relevantes.

e) Análise de uma amostra de notas fiscais de faturamento emitidas no final do ano e os respectivos comprovantes de embarque da mercadoria, com vistas a identificar o risco de faturamento antecipado.

07096770496

Comentários:

Prof. Rodrigo Fontenelle

www.estrategiaconcursos.com.br

29 de 57

07096770496 - NILSON JOSE GONÇALVES

Curso de Auditoria para AFT Teoria e exercícios comentados Prof. Rodrigo Fontenelle に Aula 03

Curso de Auditoria para AFT Teoria e exercícios comentados Prof. Rodrigo Fontenelle Aula 03

Segundo a NBC TA 315, os procedimentos de avaliação de riscos incluem o seguinte:

(a) indagações à administração e a outros na entidade que, no

julgamento do auditor, possam ter informações com probabilidade de auxiliar na identificação de riscos de distorção relevante devido a fraude ou erro.

(b)

procedimentos analíticos.

(c)

observação e inspeção.

Dessa forma, a única alternativa possível é a letra A, já que todas as

outras apresentam um ou mais procedimentos que não são executados nessa fase da auditoria. Resposta: A

38 - (FUNDATEC / CAGE-RS / 2014)

Assinale o procedimento de

auditoria que tem por objetivo identificar a existência de passivos ocultos:

a) Contagem de caixa.

b) Recálculo da depreciação anual de itens do ativo imobilizado.

c) Circularização de instituições financeiras.

d) Observação da contagem física do estoque.

e) Inspeção das autorizações de pagamentos conforme limites de alçada estabelecidos.

Comentários:

Segundo a NBC TA 505 Confirmações Externas, item 6, Confirmação externa (ou circularização) “é a evidência de auditoria obtida

como resposta por escrito direta para o auditor de um terceiro (a parte que confirma), em papel, no formato eletrônico ou outro meio. Assim, dentre

as alternativas, a circularização de instituições financeiras mostra-se mais

adequada à confirmação, pelo auditor, da existência de passivos não

apresentados pela entidade (passivos ocultos). Resposta: C

39

- (FUNDATEC / CAGE-RS / 2014)

07096770496

abaixo:

Eventos:

Considere as informações

Pagamento de duplicata de um determinado fornecedor, efetuado por meio de cheque no valor de R$ 57.000,00.

Recebimento de duplicatas em carteira no valor de R$ 72.000,00, acrescido de juros por atraso de 2%.

Pagamento em dinheiro de despesas diversas no valor de R$

21.900,00.

Pagamento em dinheiro de serviços terceirizados no valor de R$

51.000,00.

O auditor realizou uma contagem física no caixa da empresa auditada.

Considerando que nessa data o saldo anterior existente era de R$

Prof. Rodrigo Fontenelle

www.estrategiaconcursos.com.br

30 de 57

07096770496 - NILSON JOSE GONÇALVES

Curso de Auditoria para AFT Teoria e exercícios comentados Prof. Rodrigo Fontenelle に Aula 03

Curso de Auditoria para AFT Teoria e exercícios comentados Prof. Rodrigo Fontenelle Aula 03

133.000,00, e, levando em consideração os eventos após a contagem, o correto valor do saldo final do caixa da empresa é de:

a) R$ 76.540,00.

b) R$ 43.540,00.

c) R$ 133.540,00.

d) R$ 190.540,00.

e) R$ 234.340,00.

Comentários:

A

questão trata de conciliação. O caixa tinha 133.000,00.

O

primeiro evento não influencia o caixa, pois foi pago em cheque.

O

segundo evento implica um aumento no caixa de 73.440,00.

O

terceiro evento implica uma diminuição de 21.900,00 e o quarto

uma redução de 51.000,00. Dessa forma, 133.000 + 73.440 21900 51000 = 133.540,00. Resposta: C

40 - (FUNDATEC / CAGE-RS / 2014)

- Relacione a Coluna 1 à Coluna

2 de acordo com os tipos de procedimentos de auditoria previstos na NBC TA 500 Evidência de auditoria. Coluna 1

1. Confirmação externa.

2. Observação.

3. Inspeção.

4. Recálculo.

5. Reexecução.

6. Procedimentos analíticos.

7. Indagação.

Coluna 2

( ) Compreende o exame físico de documentos, registros e ativos.

( ) Compreende a verificação da correta execução de controles preventivos executados pelos empregados da entidade.

) Representam respostas às solicitações do auditor quanto a saldos de clientes, fornecedores, bancos, advogados, entre outros.

(

07096770496

( ) Compreendem determinações de variações de saldos, relação entre

dados financeiros e não financeiros. A ordem correta de preenchimento dos parênteses, de cima para baixo, é:

a) 3 2 1 6.

b) 2 5 7 5.

c) 2 3 7 6.

d) 6 5 4 5.

e) 6 1 5 4.

Comentários:

Segundo a NBC TA NBC TA 500 Evidência de Auditoria:

Prof. Rodrigo Fontenelle

www.estrategiaconcursos.com.br

31 de 57

07096770496 - NILSON JOSE GONÇALVES

Curso de Auditoria para AFT Teoria e exercícios comentados Prof. Rodrigo Fontenelle に Aula 03

Curso de Auditoria para AFT Teoria e exercícios comentados Prof. Rodrigo Fontenelle Aula 03

1 Inspeção: envolve o exame de registros ou documentos,

internos ou externos, em forma de papel, em forma eletrônica ou em

outras mídias, ou o exame físico de um ativo. (3)

2 Observação: A observação consiste no exame de processo ou

procedimento executado por outros, por exemplo, a observação pelo

auditor da contagem do estoque pelos empregados da entidade. (2)

3 Confirmação externa: representa evidência de auditoria obtida

pelo auditor como resposta escrita de terceiro (a parte que confirma) ao auditor, em forma escrita, eletrônica ou em outra mídia. (1)

4 Procedimentos analíticos: consistem em avaliação das

informações feitas por meio de estudo das relações plausíveis entre

dados financeiros e não financeiros. (6). Ou seja, 3 2 1 6. Resposta: A

41 - (FUNDATEC / CAGE-RS / 2014

) O item 24 da NBC TA 330

Resposta do auditor aos riscos avaliados informa que o auditor deve executar procedimentos de auditoria para avaliar se a apresentação

das demonstrações contábeis como um todo está de acordo com a estrutura de relatórios financeiros aplicável. Isto significa que o auditor deve avaliar:

I.

O conteúdo das notas explicativas.

II.

O conteúdo do relatório da administração.

III.

A classificação e descrição apropriada das informações financeiras.

Quais estão corretas?

a) Apenas I.

b) Apenas II.

c) Apenas I e II.

d) Apenas I e III.

e) I, II e III.

Comentários:

Segundo a NBC TA 330 Resposta do Auditor aos Riscos Avaliados, item 24, que nos remete ao item A59, “A avaliação da apresentação das demonstrações contábeis como um todo, incluindo as respectivas divulgações, refere-se ao fato das demonstrações contábeis individuais estarem apresentadas de modo a refletir a classificação e descrição apropriada das informações financeiras e à forma, à organização e ao conteúdo das demonstrações contábeis e notas explicativas. Isso inclui, por exemplo, a terminologia utilizada, a quantidade de detalhes fornecidos, a classificação dos itens nas demonstrações e as bases dos valores estabelecidos” (Grifamos). Resposta: D

07096770496

42 - (ESAF/MTUR/2014)

- A empresa Infinitive Ltda., empresa de

auditoria independente, recebeu uma resposta verbal a uma solicitação de confirmação. Após obter essa confirmação, o auditor

Prof. Rodrigo Fontenelle

www.estrategiaconcursos.com.br

32 de 57

07096770496 - NILSON JOSE GONÇALVES

Curso de Auditoria para AFT Teoria e exercícios comentados Prof. Rodrigo Fontenelle に Aula 03

Curso de Auditoria para AFT Teoria e exercícios comentados Prof. Rodrigo Fontenelle Aula 03

solicitou à parte que formalizasse por escrito diretamente para ele e não obteve resposta. Nesta situação o auditor:

a) descarta definitivamente o procedimento, porque o mesmo não se enquadra na definição de confirmação externa direta. b) aceita o procedimento, uma vez que adotou procedimento de confirmação suficiente. c) classifica como confirmação negativa e valida a área auditada. d) procura outra evidência de auditoria para suportar as informações da resposta verbal. e) ressalva o relatório de auditoria, evidenciando a falta de sucesso na circularização.

Comentários:

O auditor não deve desconsiderar uma resposta verbal, embora esta não possa ser considerada uma resposta de uma confirmação externa. Nesse caso ele deve buscar aplicar procedimentos alternativos para corroborar com aquelas informações obtidas de forma verbal, exatamente como explicado na letra D. Resposta: D

43 - (FCC / TRT-19ª Região / 2014)

- Durante a auditoria, a equipe

técnica responsável teve dúvida quanto à segurança de que os

controles internos estabelecidos pela administração estão em efetivo funcionamento, inclusive quanto ao seu cumprimento pelos funcionários e administradores da entidade. Para a solução desse problema, é necessária a aplicação de testes:

(A)

de fidelidade.

(B)

de observância.

(C)

substantivos.

(D)

de evidência.

(E)

confirmativos.

Comentários:

Embora a redação esteja confusa, entendemos que a solução do problema a que se refere a questão seria a dúvida do auditor quanto ao controle interno da empresa. Nesse sentido, o gabarito só pode ser a letra B, pois são os testes de observância (também chamados de testes de controle) que objetivam avaliar os controles internos da empresa/entidade auditada. Resposta: B

07096770496

44 - (FCC/TRT 15ª Região/2013)

- A empresa Wiinfo S.A. elabora

projetos de implementação de softwares fiscais. Os projetos são controlados por sistema de acompanhamento de projetos, que controla as fases e as horas aplicadas. O sistema foi construído de forma a dar a situação atual do projeto, não guardando as posições diárias. As receitas são apropriadas de acordo com o percentual de

Prof. Rodrigo Fontenelle

www.estrategiaconcursos.com.br

33 de 57

07096770496 - NILSON JOSE GONÇALVES

Curso de Auditoria para AFT Teoria e exercícios comentados Prof. Rodrigo Fontenelle に Aula 03

Curso de Auditoria para AFT Teoria e exercícios comentados Prof. Rodrigo Fontenelle Aula 03

conclusão das fases. Para confirmar a veracidade da contabilização das receitas, deve o auditor externo:

(A) aceitar a posição apresentada pela empresa, visto não ter como verificar a veracidade da apropriação da receita.

(B) solicitar à empresa a retenção das informações para sua revisão ou

efetuar a revisão no período em que as informações estiverem disponíveis.

(C) invalidar a auditoria dos valores registrados em receita, em função de

não ter como evidenciar a vera cidade.

(D) limitar o escopo do trabalho, uma vez que não são possíveis trabalhos

alternativos para validação, nem procedimentos alternativos.

(E) recusar os trabalhos de auditoria, exigindo a mudança nos controles

internos e o arquivamento da posição diária de todos os projetos, independente do custo proporcionado.

Comentários:

Nesse caso, a primeira atitude do auditor é solicitar que a empresa retenha as informações necessárias para que ele consiga confrontar o percentual de conclusão do projeto com a receita apropriada. Caso não seja possível, deverá executar avaliações periódicas para verificação da conclusão de cada fase no momento em que esta é concluída. Resposta: B

45 - (FGV/SUDENE/2013)

- Quanto à circularização, ao terminar o

envio das confirmações externas individuais, o auditor deve avaliar o resultado obtido. Ele pode adotar a seguinte classificação:

I. considerada não confiável. II. não recebida. III. indicando exceção. Assinale:

(A)

se somente o item I estiver correto.

(B)

se somente os itens I e II estiverem corretos.

(C)

se somente os itens I e III estiverem corretos.

(D)

se somente os itens II e III estiverem corretos.

(E) se todos os itens estiverem corretos.

07096770496

Comentários:

Quando o auditor utiliza da técnica de confirmação externa ele deve verificar a confiabilidade da resposta recebida. Há também a possibilidade dele não receber nenhuma resposta do circularizado. Por fim, a resposta recebida pode indicar uma exceção, que é quando há uma diferença entre a informação encaminhada pelo circularizado e a obtida pelo auditor por meio de outras fontes. Dessa forma, os três itens estão corretos. Resposta: E

46 - (FGV/SUDENE/2013)

assinale a afirmativa correta.

- Sobre os testes de observância,

Prof. Rodrigo Fontenelle

www.estrategiaconcursos.com.br

34 de 57

07096770496 - NILSON JOSE GONÇALVES

Curso de Auditoria para AFT Teoria e exercícios comentados Prof. Rodrigo Fontenelle に Aula 03

Curso de Auditoria para AFT Teoria e exercícios comentados Prof. Rodrigo Fontenelle Aula 03

(A) Avaliam, com razoável segurança, se os procedimentos de controle

interno estabelecidos pela administração pública estão em efetivo

funcionamento e cumprimento.

(B) Analisam as evidências quanto à suficiência e à validação dos dados

produzidos pelos sistemas administrativos da entidade.

(C) Aplicam testes substantivos para os ativos físicos das entidades públicas das administrações direta e indireta.

(D) Medem com exatidão a execução do sistema contábil em relação aos

procedimentos de revisão analítica nos ativos e passivos da entidade.

(E) Avaliam o sistema de controle interno quanto à verificação das

execuções orçamentárias de receitas e despesas do órgão da administração

pública.

Comentários:

Pessoal, não tem erro. Se o caput da questão “falou” em testes de observância, temos que buscar a alternativa que “fale” sobre verificação do funcionamento dos controles internos da empresa, conforme pode ser observado na letra A. As letras B, C e D se referem aos testes substantivos e a letra E também está errada, pois o objeto da avaliação dos controles internos não é a execução orçamentária de receitas e despesas. Resposta: A

47 - (FGV/HEMOCENTRO-SP/2013)

- Os processos e ferramentas

operacionais usados pelo controle para a obtenção de evidências, as quais devem ser suficientes, adequadas, relevantes e úteis para conclusão dos trabalhos, é denominada de:

(A)

Técnica de Auditoria.

(B)

Planejamento de Auditoria.

(C)

Programa de Auditoria.

(D)

Parecer de Auditoria.

(E)

Execução de Auditoria.

Comentários:

Conforme visto na parte teórica, Técnicas são formas ou maneiras utilizadas na aplicação dos procedimentos com vistas à obtenção de diferentes tipos de evidências ou ao tratamento de informações. Resposta: A

07096770496

48 - (FGV/HEMOCENTRO-SP/2013)

de auditoria são divididos em:

- Os procedimentos adicionais

(A)

testes de controle e procedimentos substantivos.

(B)

reuniões funcionais internas e entrevistas informais.

(C)

indagação formal e confirmação com terceiros.

(D)

recálculo e circularização.

(E)

inspeção e observação.

Prof. Rodrigo Fontenelle

www.estrategiaconcursos.com.br

35 de 57

07096770496 - NILSON JOSE GONÇALVES

Curso de Auditoria para AFT Teoria e exercícios comentados Prof. Rodrigo Fontenelle に Aula 03

Curso de Auditoria para AFT Teoria e exercícios comentados Prof. Rodrigo Fontenelle Aula 03

Comentários:

controle e

procedimentos substantivos. Nessa questão a FGV considerou procedimentos adicionais como sinônimo de testes de auditoria. Resposta: A

Os testes de auditoria são divididos

em testes de

49 - (ESAF / SUSEP / 2010)

circularização

dos

- O auditor interno, ao realizar seus

testes, efetuou o acompanhamento dos inventários físicos, confrontou as notas fiscais do período com os registros e realizou

externos. Esses

a

procedimentos correspondem respectivamente a:

a) investigação, inspeção e observação.

b) inspeção, observação e investigação.

c) confirmação, investigação e observação.

d) circularização, observação e inspeção.

e) observação, Inspeção e investigação.

advogados

internos

e

Comentários:

Para responder à questão, vamos separar os procedimentos adotados pelo auditor.

1. Acompanhamento de inventário físico:

O acompanhamento de processo ou procedimento quando de sua execução é uma característica da técnica (procedimento) de Observação. Não se deve confundir o termo inventário físico, nesta questão, com o exame de ativos tangíveis, que seria o procedimento de Inspeção. Observe que a banca fala de acompanhamento. Quem realizou o inventário físico foi a própria administração e não o auditor.

2. Confronte de notas fiscais do período com os registros:

Ao realizar essa comparação, o auditor efetuou uma análise de registros e documentos. Nesse caso, o procedimento, conforme exaustivamente definido na aula, é o da Inspeção.

3. Circularização dos advogados internos e externos:

Conforme estabelece a NBC TA 505, Confirmação externa (também chamada de circularização e investigação) é a evidência de auditoria obtida como resposta por escrito direta para o auditor de um terceiro (na questão, os advogados), em papel, no formato eletrônico ou outro meio. Dessa forma, a única resposta correta é a letra “e”. Todos os outros procedimentos constantes nas alternativas da questão já foram definidos ao longo desta aula. Resposta: E

07096770496

50 - (CESGRANRIO / PETROBRÁS / 2010)

- Durante a execução de

primeira auditoria no processo de contas a pagar, o auditor interno

Prof. Rodrigo Fontenelle

www.estrategiaconcursos.com.br

36 de 57

07096770496 - NILSON JOSE GONÇALVES

Curso de Auditoria para AFT Teoria e exercícios comentados Prof. Rodrigo Fontenelle に Aula 03

Curso de Auditoria para AFT Teoria e exercícios comentados Prof. Rodrigo Fontenelle Aula 03

da

empresa X verificou que existiam dois problemas relacionados

ao

processo:

• contas pagas em duplicidade ou com valores incorretos;

• fornecedores inexistentes registrados no contas a pagar.

Para encontrar os dois problemas relacionados ao processo de contas a pagar, o auditor precisou executar, no mínimo, alguns procedimentos de auditoria, como os que devem ser analisados a

seguir. I - Abertura analítica do saldo registrado no contas a pagar. II - Envio de cartas de circularização para os fornecedores. III - Contagem de caixa.

IV - Contagem física dos estoques.

V - Conferência e inspeção física de documentos.

Estão corretos APENAS os procedimentos:

a) I, II e V.

b) I, III e IV.

c) II, III e IV.

d) I, II, III e V.

e) II, III, IV e V.

Comentários:

O auditor, para conseguir detectar que o saldo de contas a pagar da empresa possui contas registradas em duplicidade ou com valores incorretos deverá, primeiramente, realizar a abertura analítica do saldo registrado naquela conta. Só com essa informação ele poderia identificar o registro de duas faturas idênticas. Portanto, o item I está correto. De posse desses dados obtidos a partir da realização do procedimento identificado no item I, o auditor poderá circularizar os fornecedores da empresa, possibilitando a verificação da existência ou não daquele fornecedor registrado pela empresa. Dessa forma, o item II também está certo.

Os itens III e IV não apresentam procedimentos que possibilitariam ao auditor a descoberta de inconsistências no saldo de contas a pagar, pois se referem a testes aplicados na conta caixa e estoques. Por fim, a conferência e a inspeção física nos documentos da empresa também deverão ser utilizadas pelo auditor para identificação das irregularidades apontadas na questão, uma vez que possibilita o acesso às notas fiscais emitidas pelos fornecedores, as quais poderão ser usadas como evidências de auditoria. Resposta: A

07096770496

51 - (FCC / TRE-CE / 2012)

A técnica de auditoria que consiste na

elaboração de perguntas, objetivando a obtenção de respostas para quesitos previamente definidos é a:

(A)

revisão analítica.

(B)

inspeção física.

(C)

conciliação.

Prof. Rodrigo Fontenelle

www.estrategiaconcursos.com.br

37 de 57

07096770496 - NILSON JOSE GONÇALVES

(D) entrevista. (E) observação. Curso de Auditoria para AFT Teoria e exercícios comentados Prof. Rodrigo

(D)

entrevista.

(E)

observação.

Curso de Auditoria para AFT Teoria e exercícios comentados Prof. Rodrigo Fontenelle Aula 03

Comentários:

Nesta questão a FCC apresenta uma técnica que, embora esteja prevista na norma (NBC TA 500) com outro nome (Indagação), é bastante utilizada pelos auditores. Essa técnica é a entrevista. Conforme visto em outras questões, a definição apresentada no caput da questão não se encaixa nos procedimentos de revisão analítica, inspeção, conciliação e observação. Resposta: D

52 - (CESGRANRIO / TRANSPETRO / 2011)

Os procedimentos da

Auditoria Interna constituem exames e investigações, incluindo testes de observância e testes substantivos, que permitem ao auditor interno obter subsídios suficientes para fundamentar suas conclusões e recomendações à administração da entidade. Na aplicação dos testes de observância, devem ser considerados os seguintes procedimentos:

(A)

exame, vistoria, indagação e certificação

(B)

exame, inspeção, vistoria e certificação

(C)

investigação, arbitramento, mensuração e avaliação

(D)

inspeção, observação, investigação e confirmação

(E)

observação, vistoria, indagação e confirmação

Comentários:

Pessoal, muita atenção nesta questão! Embora, na aplicação dos testes de observância, o auditor independente possa considerar diversos outros procedimentos adicionais aos que constam na resposta desta questão, a NBC TI 01, que trata de Auditoria Interna, define que, na aplicação desses testes, devem ser considerados os seguintes procedimentos: inspeção, observação, investigação e confirmação. Por existir essa diferença entre a norma de auditoria interna e a de auditoria independente, as bancas têm explorado bastante isso nas provas. Resposta: D

07096770496

53 - (FCC / ICMS-RJ / 2014)

- A auditoria interna na empresa Mel

Doce do Brasil S. A., para obter razoável segurança de que os controles internos estabelecidos pela administração estão em

efetivo funcionamento, inclusive quanto ao seu cumprimento pelos funcionários e administradores da entidade, aplicará procedimentos de auditoria relativamente a:

(A)

técnicas de amostragem.

(B)

testes do fluxo de transações.

(C)

testes de observância.

(D)

técnicas de avaliação.

(E)

testes substantivos.

Prof. Rodrigo Fontenelle

www.estrategiaconcursos.com.br

38 de 57

07096770496 - NILSON JOSE GONÇALVES

Curso de Auditoria para AFT Teoria e exercícios comentados Prof. Rodrigo Fontenelle に Aula 03

Curso de Auditoria para AFT Teoria e exercícios comentados Prof. Rodrigo Fontenelle Aula 03

Comentários:

Mais uma questão tranquila. Se o teste tem como objetivo avaliar os controles internos, estamos falando dos testes de observância, que para a norma de auditoria independente (que não é o caso) chama testes de controle. Resposta: C

54 - (FCC/TRT 18ª/2013) -

A técnica que possibilita ao auditor

formar opinião quanto à existência física do objeto ou item a ser examinado, por exemplo, estoques, é:

(A)

a auditoria direta.

(B)

a confirmação externa.

(C)

o rastreamento.

(D)

a análise documental.

(E)

a inspeção física.

Comentários:

Sempre que a questão falar em comprovação da existência física de determinado objeto ou item, a técnica que deverá ser usada pelo auditor é

a inspeção física. Auditoria direta não é técnica de auditoria e sim forma de auditoria. As outras alternativas, embora técnicas de auditoria, não dão ao auditor a confirmação da existência física do objeto. Resposta: E

55

-

(FCC/TRT

12ª/2013)

-

valores

reconhecidos, no período, como despesa de juros referentes a um empréstimo de longo prazo foram calculados adequadamente, o auditor deve utilizar a técnica de:

Para

confirmar

se

os

(A)

conciliação.

(B)

entrevista.

(C)

correlação de informações.

(D)

circularização.

07096770496

(E)

conferência de cálculo.

Comentários:

Nesse tipo de verificação, obrigatoriamente o auditor deverá utilizar

a técnica de conferencia de cálculo, também chamada simplesmente de

cálculo ou recálculo. Em questões desse tipo devemos ficar atentos ao objetivo principal do procedimento adotado pelo auditor que, nesse caso, é verificar se os cálculos foram realizados de forma correta. Se tivéssemos essa mesma situação, mas o objetivo do auditor fosse verificar a existência desse empréstimo, a técnica a ser utilizada seria, por exemplo, a circularização. Resposta: E

Prof. Rodrigo Fontenelle

www.estrategiaconcursos.com.br

39 de 57

07096770496 - NILSON JOSE GONÇALVES

Curso de Auditoria para AFT Teoria e exercícios comentados Prof. Rodrigo Fontenelle に Aula 03

Curso de Auditoria para AFT Teoria e exercícios comentados Prof. Rodrigo Fontenelle Aula 03

56 - (FCC/DPE SP/2013) -

Quando um Auditor confirma com o

Banco do Sul SA o saldo disponível ao final do exercício, com a finalidade de comprovar a exatidão dos registros contábeis, está realizando um teste

(A)

substantivo.

(B)

de evidência.

(C)

de procedimentos.

(D)

de confirmação.

(E)

de observância.

Comentários:

Típico caso em que o auditor, utilizando-se da técnica de confirmação externa (circularização), deseja confirmar um saldo existente na conta Bancos. Quando o auditor tem esse objetivo na aplicação do teste de auditoria ele está realizando um Teste Substantivo, também conhecido como Procedimentos Substantivos. Resposta: A

57 - (FCC/DPE SP/2013) -

A contagem de caixa e a comparação

com o saldo final no livro razão, é exemplo de:

(A)

mecanismo de avaliação econômica de ativos.

(B)

confronto dos ativos com os seus registros.

(C)

teste de cumprimento de normas internas.

(D)

controle de procedimentos de avaliação.

(E)

mecanismo de avaliação de rotinas.

Comentários:

Técnica bastante utilizada para contagem de caixa. O auditor faz a contagem e compara com o que foi registrado no livro razão. Esse é um exemplo de confronto de ativos com registros. Resposta: B

58 - (FCC / SEFAZ/SP - APOFP / 2010)

07096770496

- Os testes de observância

ou de aderência são aplicados pelas auditorias principalmente nas investigações:

a) de fraudes e erros.

b) de contas e saldos.

c) dos controles internos utilizados pelos gestores.

d) dos valores representativos dos informes.

e) das trilhas de auditoria.

Comentários:

A palavra-chave, sempre que a questão tratar de testes de observância/aderência é Controle. Talvez por isso a nova normatização tenha mudado o nome desses testes para Testes de Controle. Isso porque, ao aplicar esses testes o auditor está procurando concluir acerca dos

Prof. Rodrigo Fontenelle

www.estrategiaconcursos.com.br

40 de 57

07096770496 - NILSON JOSE GONÇALVES

Curso de Auditoria para AFT Teoria e exercícios comentados Prof. Rodrigo Fontenelle に Aula 03

Curso de Auditoria para AFT Teoria e exercícios comentados Prof. Rodrigo Fontenelle Aula 03

controles internos da empresa, se eles existem, se estão funcionando de maneira correta, ou seja, se estão aderentes às normas, manuais, legislação, etc. da empresa. Portanto, a resposta correta é a letra “c”. Nas investigações acerca de fraudes e erros, saldos contábeis, valores representativos e trilhas de auditoria, o auditor aplicará, principalmente, testes substantivos (atualmente procedimentos substantivos), sejam os testes de transações e saldos (teste de detalhes), seja a revisão analítica (procedimento analítico substantivo). Resposta: C

59 - (FCC / COPERGÁS / 2011)

A confirmação de terceiros é um

procedimento que deve ser utilizado na auditoria da conta:

(A)

Tributos a Recolher.

(B)

Fornecedores.

(C)

Despesas Antecipadas.

(D)

Depreciação Acumulada.

(E)

Estoques.

Comentários:

Confirmação externa ou de terceiros é definida pela norma como

sendo “evidência de auditoria obtida como resposta por escrito direta para

o auditor de um terceiro (a parte que confirma), em papel, no formato

eletrônico ou outro meio”. Das opções dadas pela FCC nesta questão, essa técnica usualmente

é utilizada para a conta Fornecedores, para verificar se os valores que

constam nas demonstrações financeiras são confirmados pelos credores da

empresa.

Resposta: B

60 - (FCC / ISS-SP / 2012)

- O auditor ao verificar na folha de

pagamentos se as verbas pertinentes ao FGTS e INSS foram calculadas adequadamente, atendendo a legislação trabalhista, realiza o procedimento de cálculo e:

(A)

fiscalização.

07096770496

(B)

inspeção.

(C)

observação.

(D)

indagação.

(E)

investigação.

Comentários:

Além do procedimento de cálculo (conferir a exatidão aritmética), o auditor, ao verificar a folha de pagamentos está realizando o procedimento de inspeção (análise de documentos). Procedimentos de indagação, observação e investigação (confirmação) não estão na situação descrita acima, tendo sido os conceitos bastante explicados ao longo deste nosso encontro. Por fim, as normas de auditoria não definem nenhum procedimento chamado fiscalização.

Prof. Rodrigo Fontenelle

www.estrategiaconcursos.com.br

41 de 57

07096770496 - NILSON JOSE GONÇALVES

Resposta: B Curso de Auditoria para AFT Teoria e exercícios comentados Prof. Rodrigo Fontenelle に

Resposta: B

Curso de Auditoria para AFT Teoria e exercícios comentados Prof. Rodrigo Fontenelle Aula 03

Bom pessoal, encerramos esta aula por aqui.

Segue, a partir de agora, a relação de questões comentadas durante a aula, a fim de que possam resolver as questões sem os comentários, como um simulado. O gabarito está ao final.

Até a próxima aula e bons estudos!

está ao final. Até a próxima aula e bons estudos! Com referência aos objetivos, técnicas e

Com referência aos objetivos, técnicas e procedimentos de auditoria, julgue os seguintes itens.

1 -

créditos

registrados no ativo de uma entidade, o auditor agirá de modo apropriado caso recomende ao dirigente do órgão que expeça um pedido de confirmação negativo em branco ao suposto devedor.

de confirmação negativo em branco ao suposto devedor. (CESPE/AFT/ 2013) Se houver dúvidas - sobre 2

(CESPE/AFT/

2013)
2013)

Se

houver

dúvidas

-

sobre

2 -

devedor. (CESPE/AFT/ 2013) Se houver dúvidas - sobre 2 - (CESPE/AFT/ 2013) em determinado ente, ao

(CESPE/AFT/

2013)
2013)

em

determinado ente, ao constatar que não foram calculados e demonstrados os encargos incidentes sobre salários não reclamados de empregados recém-demitidos e sobre reclamações trabalhistas em tramitação há muito tempo na justiça trabalhista, o auditor-fiscal do trabalho deverá recomendar a constituição de reserva de contingência nos valores correspondentes.

-

Na

07096770496

realização

do

seu

trabalho

3 - (CESPE/AFT/ 2013)
3 - (CESPE/AFT/
2013)

- Em uma entrevista, podem-se classificar

as questões de auditoria em vários tipos. Uma questão do tipo exploratório, por exemplo, é formulada com vistas a esclarecer desvios em relação ao desempenho padrão ou ao estabelecido como meta. Por meio desse tipo de questão, pode-se, por exemplo, indagar do responsável por um programa das empresas fiscalizadas pelo MTE por que razão um percentual muito baixo de empresas

Prof. Rodrigo Fontenelle

www.estrategiaconcursos.com.br

42 de 57

07096770496 - NILSON JOSE GONÇALVES

Curso de Auditoria para AFT Teoria e exercícios comentados Prof. Rodrigo Fontenelle に Aula 03

Curso de Auditoria para AFT Teoria e exercícios comentados Prof. Rodrigo Fontenelle Aula 03

teria sofrido autuação e por que a maior parte das autuações não teria apresentado nenhum resultado prático.

4 - (CESPE/AFT/ 2013)
4 - (CESPE/AFT/
2013)

- Os testes de aderência ou observância,

cujo objetivo é identificar a existência, a efetividade e a continuidade dos controles internos, consistem em um conjunto de procedimentos de auditoria destinado a confirmar se as funções críticas de controle interno estão sendo efetivamente executadas.

5 - (CESPE / TELEBRAS / 2013)

- Com relação aos testes e

procedimentos de auditoria, julgue o item seguinte. Para expressar uma opinião de forma positiva, o auditor deve executar procedimentos relacionados aos riscos identificados, sendo esses procedimentos uma combinação de testes ou sua reexecução, procedimentos analíticos, indagação e(ou) testes de eficácia operacional de controle.

6 - (CESPE / TELEBRAS / 2013)

- Com relação aos testes e

procedimentos de auditoria, julgue o item seguinte. Os testes de observância são aplicados pelo auditor quando ele deseja obter provas suficientes e convincentes sobre transações, de maneira a lhe proporcionar fundamentação para a opinião acerca de determinados fatos e para avaliar a funcionalidade do sistema contábil da empresa auditada.

7

- (CESPE/UNIPAMPA/2009)

- As técnicas de auditoria constituem

o

núcleo do trabalho do auditor, sem as quais não seria possível

formar uma opinião a respeito das demonstrações financeiras. A respeito desse assunto, julgue os itens subsequentes. Os testes de observância dividem-se em testes de transações ou

saldos e procedimentos de revisão analítica.

8 -

(CESPE/UNIPAMPA/2009)

07096770496

revisão

analítica, o auditor deve estabelecer o inter-relacionamento entre algumas contas e transações, como as de vendas e estoques, e as de compras e conta corrente do ICMS.

-

Em

seu

trabalho

de

9 - (MPU/2010/CESPE)

- Em relação aos testes e procedimentos de

auditoria aplicados no setor público, julgue o item seguinte.

A maioria dos testes e procedimentos de auditoria empregados tem

como objetivo a detecção de irregularidades, sejam elas

decorrentes de culpa ou dolo.

10 - (MPU/2010/CESPE)

- Em relação aos testes e procedimentos

de auditoria aplicados no setor público, julgue o item seguinte.

Prof. Rodrigo Fontenelle

www.estrategiaconcursos.com.br

43 de 57

07096770496 - NILSON JOSE GONÇALVES

Curso de Auditoria para AFT Teoria e exercícios comentados Prof. Rodrigo Fontenelle に Aula 03

Curso de Auditoria para AFT Teoria e exercícios comentados Prof. Rodrigo Fontenelle Aula 03

Quando pretende verificar a existência física de um bem pertencente à entidade auditada, é adequado que o auditor emita pedido de confirmação em preto.

11 - (MPU/2010/CESPE)

- Em relação aos testes e procedimentos

de auditoria aplicados no setor público, julgue o item seguinte. O pedido de confirmação é negativo quando não for necessária a resposta do auditado que discordar dos valores exibidos na carta que lhe foi enviada.

12 - (MPU/2010/CESPE)

- Em relação aos testes e procedimentos

de auditoria aplicados no setor público, julgue o item seguinte. Considere que haja indícios de que um auditado tenha cometido irregularidades e de que, se fosse questionado a respeito delas, não falaria a verdade. Ainda assim, nessa situação, deveria ser empregada a técnica de entrevista com o auditado.

13 - (MPU/2010/CESPE)

- Em relação aos testes e procedimentos

de auditoria aplicados no setor público, julgue o item seguinte. Em uma auditoria contábil, para verificação de integridade e exatidão dos registros do sistema contábil da auditada, aplicam-se tanto os testes de observância quanto os substantivos.

14 - (CESPE/TCU/2011)

- Considere a seguinte situação hipotética.

Durante a execução de seu trabalho, um auditor constatou que o órgão auditado disponibilizou bens a uma instituição privada por conta da realização de determinado convênio. Por desconfiança em relação à operação, esse auditor resolveu, apropriadamente, efetuar um pedido de confirmação, sem especificar os bens e respectivos valores, mas dos quais julgou não poder abrir mão da confirmação formal. Nessa situação hipotética, a técnica utilizada é denominada confirmação ou circularização positiva em branco. Julgue CERTO ou ERRADO.

07096770496

15

-

(CESPE/TCU/2011)

um

lançamento contábil não for suficiente para fornecer ao auditor elementos de convicção sobre determinada transação, poderá ele proceder ao exame da documentação correspondente. Atendidos os requisitos formais quanto ao tipo e preenchimento do documento, deverá ele ainda avaliar a pertinência da operação com os objetivos do órgão auditado e a autorização para a sua realização. Julgue CERTO ou ERRADO.

-

Se

a

simples

verificação

de

- Denomina-se indagação escrita ou

oral a técnica de auditoria por meio da qual a verificação é realizada junto a fontes externas ao auditado. Julgue CERTO ou ERRADO.

16 - (CESPE/TCE-ES/2012)

Prof. Rodrigo Fontenelle

www.estrategiaconcursos.com.br

44 de 57

07096770496 - NILSON JOSE GONÇALVES

Curso de Auditoria para AFT Teoria e exercícios comentados Prof. Rodrigo Fontenelle に Aula 03

Curso de Auditoria para AFT Teoria e exercícios comentados Prof. Rodrigo Fontenelle Aula 03

17 - (CESPE/UAUD/SEBRAE/2008)

- A inspeção física garante que

o bem examinado é de propriedade da empresa auditada. Julgue

CERTO ou ERRADO.

18 - (CESPE/UAUD/SEBRAE/2008)

- A circularização compreende

a verificação, em primeiro lugar, da legitimidade do documento e,

consequentemente, da transação. É na circularização que o auditor

confirma se a transação foi autorizada, o que pode ser constatado por assinatura ou rubrica da pessoa encarregada, no próprio documento. Julgue CERTO ou ERRADO.

19 - (CESPE/UAUD/SEBRAE/2008)

- A conferência de cálculos é o

procedimento de auditoria voltado para a constatação da adequação de operações aritméticas e financeiras. Esse é o procedimento mais simples e completo por si mesmo e é a única forma de verificação das várias operações que envolvam cálculos. Julgue CERTO ou ERRADO.

20 - (CESPE/CGE-PB/2008)

- Os procedimentos adotados para

colher evidências sobre os valores constantes das demonstrações

contábeis, incluem, no caso de atualização e capitalização do saldo devedor de uma obrigação de longo prazo, a

A)

confirmação com terceiros.

B)

inspeção dos documentos concernentes à autorização da transação.

C)

aplicação de questionários.

D)

realização de entrevistas com os responsáveis pelo setor competente.

E)

conferência de cálculos.

21

- (CESPE/TJDFT/2007)

- Se, na realização de uma auditoria,

constatar-se a existência de vários débitos pela prestação de serviços de terceiros, a equipe de auditoria deve optar pela aplicação da técnica de confirmação interna, pois as informações obtidas diretamente junto ao auditado oferecem mais segurança e fidedignidade. Julgue CERTO ou ERRADO.

07096770496

22 - (CESPE/TCU/2008)

- A verificação da compatibilidade entre os

lançamentos efetuados em determinada conta e a documentação correspondente é tipo de teste denominado de observância, enquanto a verificação do cumprimento da rotina definida para a escrituração desses fatos constitui teste do tipo adjetivo. Julgue CERTO ou ERRADO.

23 - (CESPE/TCU/2008)

- Na verificação de eventuais ônus sobre

imóveis de propriedade da entidade auditada, consultam-se, entre outros documentos, certidões atualizadas do registro de imóveis, contratos de compra e venda ou de financiamento desses bens,

Prof. Rodrigo Fontenelle

www.estrategiaconcursos.com.br

45 de 57

07096770496 - NILSON JOSE GONÇALVES

Curso de Auditoria para AFT Teoria e exercícios comentados Prof. Rodrigo Fontenelle に Aula 03

Curso de Auditoria para AFT Teoria e exercícios comentados Prof. Rodrigo Fontenelle Aula 03

assim como contratos de financiamento ou parcelamento de dívidas. Julgue CERTO ou ERRADO.

24 - (CESPE/TCU/2008)

- A circularização de ativos sempre se

revela mais eficaz, pois o credor tem mais interesse em confirmar seu crédito ou, até mesmo, em apontar possíveis irregularidades. Julgue CERTO ou ERRADO.

25 - (CESPE/TJ-CE/2008)

- A revisão analítica é um procedimento

técnico básico aplicado na realização dos testes de observância e substantivos, em que o auditor procura verificar a regularidade, a normalidade ou a atipicidade de situações, comparando quantidades, valores, indicadores ou outros parâmetros. Julgue CERTO ou ERRADO.

26

-

(CESPE/TJ-CE/2008)

é

considerada muito eficaz para detectar a omissão de passivos. O auditor não deve restringir o pedido de confirmação aos credores em aberto, mas incluir, também, outros com os quais a empresa tenha transacionado, pelo menos mais recentemente. A circularização deve abranger o maior percentual possível de credores combinado com o menor percentual possível dos valores correspondentes a esses credores. Julgue CERTO ou ERRADO.

-

A

circularização

de

passivos

27 - (CESPE/AGE-MG/2009)

- As técnicas que o auditor utiliza para

colher evidências acerca de informações das demonstrações contábeis constituem procedimentos de auditoria, que incluem a

inspeção de documentos. Assinale a opção correspondente a exemplo de documento interno que suporta os lançamentos contábeis e que serve para verificar a veracidade e a adequação dos valores registrados.

A)

prospecto para aquisição de equipamento

 

B)

mapa de licitação de compras

 

C)

pedido de compra de cliente

07096770496

D)

recibo de taxista

E)

catálogo de preços obtido pela Internet

 

28

-

(CESPE/AGE-MG/2009)

-

A

confirmação

externa,

ou

circularização, consiste na expedição de cartas a empresas ou pessoas com as quais o auditado mantém relações de negócios,

solicitando confirmação a respeito da situação desses negócios em data determinada. Acerca da confirmação externa, assinale a opção correta.

A) Na correspondência encaminhada, os valores constantes dos livros do

cliente devem ser obrigatoriamente discriminados.

Prof. Rodrigo Fontenelle

www.estrategiaconcursos.com.br

46 de 57

07096770496 - NILSON JOSE GONÇALVES

Curso de Auditoria para AFT Teoria e exercícios comentados Prof. Rodrigo Fontenelle に Aula 03

Curso de Auditoria para AFT Teoria e exercícios comentados Prof. Rodrigo Fontenelle Aula 03

B) As cartas são assinadas pelos auditores; as informações prestadas por

terceiros devem ser previamente compartilhadas com o cliente e por ele

reconhecidas.

C) As divergências entre os registros do cliente e os de terceiros só serão

consideradas válidas mediante reconhecimento por parte do cliente. D) Se a resposta for considerada muito relevante, sua falta implicará na emissão de parecer com abstenção de opinião.

E) Decidida a aplicação da confirmação, as cartas serão enviadas apenas

às empresas e pessoas selecionadas mediante amostragem, considerando, entre outros fatores, as limitações de tempo, os custos do procedimento e os riscos associados.

29

-

(FEPESE/ISS-FLORIANÓPOLIS/2014)

abaixo:

-

Analise

os

itens

Constatação de que as transações comunicadas/registradas realmente tenham ocorrido.

Obtenção de evidências de que não existam transações além daquelas registradas/ demonstradas.

Obtenção de evidências de que os interessados naquele registro/comunicação tenham obtido as informações na sua totalidade.

Verificação se os itens que compõem determinada transação/registro tenham sido avaliados e aferidos corretamente.

Constatação de que as transações/registros tenham sido corretamente divulgados.

Os itens listados referem-se a que tipo de testes auditoria?

A. Testes adjetivos

B. Testes substantivos

C. Testes de observância

D. Testes de procedimentos

E. Testes de superavaliação

07096770496

30 - (CETRO / ISS-SP / 2014) -

Os procedimentos de Auditoria

devem ser realizados para testar os registros contábeis, a fim de que o Auditor Independente esteja apoiado em bases sólidas, alicerçado em fatos comprovados, evidências factuais e informações irrefutáveis. Com base nisso, assinale a alternativa que apresenta o procedimento de Auditoria conhecido como confirmação externa.

(A) Verificação, de maneira manual ou eletrônica, da exatidão matemática

dos documentos ou registros apresentados.

(B) Acompanhamento, pelo Auditor, da contagem física do estoque realizado por funcionários da empresa.

(C) Execução, pelo Auditor, de forma independente, dos procedimentos ou

controles para verificação do controle interno da empresa.

Prof. Rodrigo Fontenelle

www.estrategiaconcursos.com.br

47 de 57

07096770496 - NILSON JOSE GONÇALVES

Curso de Auditoria para AFT Teoria e exercícios comentados Prof. Rodrigo Fontenelle に Aula 03

Curso de Auditoria para AFT Teoria e exercícios comentados Prof. Rodrigo Fontenelle Aula 03

(D) Verificação de registros ou documentos, internos e externos, por

quaisquer meios, ou examinar fisicamente a existência de um ativo.

(E) Recebimento de respostas de terceiros pelo Auditor.

31 - (FCC/TCE-PI/2014)

ao

- A equipe técnica de um determinado

Tribunal de Contas deseja confirmar a correção do montante a pagar, registrado no Balanço Patrimonial de 31 de dezembro de

2013,

fornecedor de gêneros alimentícios em uma das

Prefeituras sujeitas à sua fiscalização. A técnica de auditoria a ser

aplicada para obter esta confirmação denomina-se:

(A)

confirmação.

(B)

circularização.

(C)