Você está na página 1de 2

Pequena bibliografia sobre teatro simbolista, teatro moderno e

teatro de Fernando Pessoa

CRUZ, Duarte Ivo. Introdução ao teatro português do século XX. Lisboa: Guimarães
Editores, 1983.

GASSNER, John. Mestres do teatro II. Tradução de A. Guzik e J. Guinsburg. São Paulo:
Perspectiva, 1980.

GUIMARÃES, Fernando. Simbolismo, modernismo e vanguardas. Porto: Lello & Irmão,


1992. 269p.

HUGO, Victor. Do grotesco e do sublime: tradução do Prefácio de Cromwell por C.


Berretini. São Paulo: Perspectiva, 1988. (Elos, 5).

LOPES, Maria Teresa Rita. Fernando Pessoa et le drame symboliste: heritage et creation.
2. ed. Paris: Fondation Calouste Gulbenkian, 1985. 583p.

LUCIE-SMITH, Edward. Symbolist art. London: Thames & Hudson, 1995 (reprint). 216p.
(World of Art).

MAETERLINCK, Maurice. A intrusa. Trad. de Guilhermino César. Porto Alegre: Centro


de Arte Dramática da Faculdade de Filosofia da Universidade Federal do Rio Grande do
Sul, 1967.

MARTINO, Pierre. Parnasse et Symbolisme (1850-1900). 10 ed. Paris: Librairie Armand


Colin, 1958. 220p.

MICHAUD, Guy. Message poétique du symbolisme. Paris: Nizet, 1966.

MORETTO, Fúlvia M. L. (Org). Caminhos do decadentismo francês. São Paulo:


Perspectiva, Editora da Universidade de São Paulo, 1989. 234p. (Textos, 9).

PAVIS, Patrice. Dicionário de teatro. Tradução de J. Guinsburg e Maria Lúcia Pereira. São
Paulo: Perspectiva, 1999

PEREIRA, José Carlos Seabra. Introdução ao estudo do decadentismo e do simbolismo em


Portugal. In: _____. Decadentismo e simbolismo na poesia portuguesa. Coimbra: Centro
de Estudos Românicos, 1975. p. 1-102.

PESSOA, Fernando. O marinheiro. In: _____. Poemas escolhidos. Org. J. F. Lourenço.


Lisboa: Ulisseia, 1985. p. 147-165. (Biblioteca Ulisseia de autores portugueses, 21).

PICCHIO, Luciana Stegagno. História do teatro português. Trad. de Manuel de Lucena.


Lisboa: Portugália, 1969.
2

PIRANDELLO, Luigi. Seis personagens à procura de um autor. In : ___. Teatro I. Trad. de


Brutos D. G. Pedreira. Rio de Janeiro: Civilização Brasileira, 1972. p. 1-118. (Teatro Hoje,
22).

REBELLO, Luiz Francisco. O teatro simbolista e modernista. Lisboa: Instituto de Cultura


e Língua Portuguesa, 1979. (Biblioteca Breve).

_____. 100 anos de teatro português (1880-1980). Porto: Brasília Editora, 1984.

ROBICHEZ, Jacques. Le Symbolisme au théâtre: Lugné-Poe et les débuts de l’Oeuvre.


Paris: L’Arche, 1957.

ROSENFELD, Anatol. Teatro moderno. São Paulo: Perspectiva, 1977. (Debates, 153).

SZONDI, Peter. Teoria do drama moderno. Tradução de Luiz Sérgio Repa. São Paulo:
Cosac & Naify, 2001.

_____. Teoriado drama burguês [século XVIII]. Tradução de Luiz Sérgio Repa. São Paulo:
Cosac Naify, 2004. (Coleção Cinema, teatro e modernidade).

WILSON, Edmund. O castelo de Axel: estudo sobre a literatura imaginativa de 1870 a


1930. Tradução de José Paulo Paes. São Paulo: Cultrix, [1985?].