Você está na página 1de 2

A IGREJA QUE DESEJAMOS

Quando falamos da igreja que desejamos é inegável que estamos admitindo que
algo faltado, e é inevitável não pensarmos como está a nossa igreja; a igreja local
mesmo! A que você e eu freqüentamos! Ficamos pensando e nos perguntando! O que
poderia ser diferente? Em que o pastor poderia ser ou fazer diferente? O que os
grupos ou departamentos poderiam fazer diferentes. Enfim, o que poderíamos fazer
para a igreja ser diferente e se tornar a igreja que desejamos.
De pensar e ouvir esses questionamentos com tanta freqüência, me propus a escrever
este artigo, cujo objetivo é mostrar que a igreja que desejamos é a igreja que Deus
deseja que sejamos, é tão simples! O modelo está na Bíblia, a orientação está na
Bíblia, os propósitos de Deus para com a igreja estão na Bíblia! Então, se tudo o que
precisamos para não tão somente ter uma igreja que desejamos, mas ser a igreja
que Deus deseja que sejamos, por quê não a temos ou somos? Por quê questionamos?
Por quê estamos quase sempre insatisfeitos com alguma ou muitas coisas onde
congregamos?
Isto cabe duas perguntas bem simples para encontrarmos as respostas:
- 1ª - Será que queremos somente aquilo que nos agrade?
- 2ª - Será que estamos fazendo pouco ou nada para que esse objetivo se torne
possível?
Sê a resposta for sim para as duas perguntas, então, temos que mudar as
perguntas; que deveria ser assim:
- 1ª - Senhor Jesus, quero servi-lo cada dia melhor! O que posso oferecer a ti?
- 2ª - Senhor Jesus, o que eu posso fazer para cooperar mais na tua obra, no
crescimento do teu Reino?
A resposta esta na Bíblia, em Romanos cap. 12 vers. 1 e 2: Rogo-vos, pois, irmãos
pelas misericórdias de Deus, que apresenteis o vosso corpo por sacrifício vivo, santo, e
agradável a Deus, que é o vosso culto racional. E, não vos conformeis com este
mundo, mas transformai-vos pela renovação da vossa mente, para que experimenteis
qual seja a boa, agradável e perfeita vontade de Deus.
Então, como deve ser a igreja que desejamos? Certamente uma igreja assim!
- Desejamos uma igreja comprometida com Deus e com a sua palavra.
- Desejamos uma igreja comprometida intensamente com a oração, a adoração,
tocando o céu e trazendo mudanças significativas às pessoas.
- Desejamos uma igreja dependente do Espírito Santo, onde os seus congregados
estejam sempre prontos para servir, amar e perdoar.
- Desejamos uma igreja, não de pessoas perfeitas; mas, de pessoas desejosas de
serem aperfeiçoadas pelo poder da palavra de Deus.
- Desejamos uma igreja que busca o pleno desenvolvimento de homens e mulheres,
preparando e equipando-os para serem tudo aquilo que Deus planejou para suas
vidas.
- Desejamos uma igreja que influencie o mundo com base na Palavra de Deus, e não o
contrário.
- Desejamos uma igreja que é capaz de cuidar, de abraçar, de envolver-se com os
excluídos da sociedade, quer pelo abandono, pela rejeição, pelo descuido ou pela
ignorância, que não faça acepção de pessoas.
- Desejamos uma igreja cuja mensagem tenha como foco a graça divina e cujo
objetivo contemple a transformação de pessoas.
- Desejamos uma igreja saudável, onde as pessoas cultivem o amor fraternal e a
amizade solidária. Uma igreja que se alegra como os se alegram e chora como os que
choram.
- Desejamos uma igreja que o seu amor seja contagiante; que quem está não quer
sair e quem chega, quer ficar.
- Desejamos uma igreja disposta a pagar o preço necessário para manter a chama
acessa da esperança, da fé e do amor ( I Coríntios cap. 13, ver. 13 ).
- Desejamos uma igreja que motive as pessoas a viver uma vida abundante, cheia de
propósitos positivos, e também o fruto do Espírito Santo ( Gálatas cap. 5, vers. 22 e
23 ). Que realmente busque e viva a paz e a santificação, sem a qual ninguém verá o
Senhor. ( Hebreus cap. 12, ver 14 ).
- Desejamos uma igreja que ame a volta do Senhor, e até que isto não aconteça, viva
e prega o evangelho como ele é ( Apocalipse cap. 22, ver. 20 ).

Esta igreja existe?

Claro que existe! Não é só a igreja que freqüentamos, e sim, a igreja que somos!

A igreja que desejamos, é a igreja que Deus quer que ela seja; igreja disposta a
servir e a investir no seu Reino. Que pregue a mensagem de forma clara e
transformadora. Que não seja teórica, mas prática, perceptível e cheia de resultados.
Esta, é a igreja que Deus almeja, e pela qual o Senhor Jesus morreu e ressuscitou.

Você e eu podemos e devemos ser esta Igreja. Só depende de cada um de nós!!!!

Em Cristo, o Senhor da Igreja.

Pr. Joel Teixeira Nunes

São José do Rio Preto, SP. Novembro 2009.