Você está na página 1de 2

Tarefa: Avaliação Parcial 1

Disciplina: Comportamentos Mecânicos dos Materiais Aluna: Helaine Sales Matrícula: 364072

1) Sobre o EFEITO DO TEMPO E DA TEMPERATURA NO COMPORTAMENTO MECÂNICO DOS MATERIAIS, explique em detalhes cada um dos tópicos abaixo:

As curvas de TENSÃO-DEFORMAÇÃO:

a. São obtidas numa máquina universal de ensaios mecânicos;

Os ensaios de tração-deformação são obtidos por uma máquina universal de ensaios. Esta máquina permite diversos tipos de ensaios mecânicos e podem ser hidráulicas ou eletromecânicas, sendo que a eletromecânica é baseada em um motor elétrico permitindo um maior controle sobre variações de velocidade e deslocamento do cabeçote. Para traçar a curva tensão-deformação, a força aplicada é medida instantaneamente utilizando um dinamômetro ou uma célula de carga, enquanto o

alongamento resultado do corpo de prova é medido através de extensômetros.

b. São muito úteis, mas simplificadas quando comparadas às solicitações reais de um dado

equipamento ou componente; A tensão calculada é geralmente comparada com a tensão característica do material para determinada aplicação, porém o nível de segurança para a peça fica subjetiva já que o teste é realizado com o corpo de prova. Portanto os resultados são comparados com dados de testes já realizados com peças para a

mesma utilização, sofrendo a mesma tensão e fabricadas com o mesmo material.

c. A escala carga-tempo é muito pequena e estreita;

Os equipamentos comerciais para visualização dos gráficos de efeito de temperatura e tempo dos materiais trabalham com uma faixa de frequência pequena, fazendo com que a obtenção do espectro de relaxação em uma ampla faixa de frequência pode ser obtida a partir da aplicação do princípio de superposição tempo-temperatura. Assim é realizado isotermas, onde se varia frequência em uma faixa de temperatura tão ampla quanto possível.

d. Não reproduzem todo o universo das solicitações que os materiais podem estar

envolvidos em seu serviço;

Devido a falta de algumas informações essenciais não exposta no gráfico tensão-deformação, não demonstram com fidelidade todos os efeitos que o material em estudo poderá sofrer durante sua atividade de destino.

e. São considerados "estáticos";

Na curva de fluência do material (deformação ocorrida pelo tempo), temos 3 etapas: 1. Transiente onde ocorre o encruamento; 2. Estacionário onde a deformação é mínima e é considerada estáticae 3. Terciário onde ocorre cavitação e o material rompe. Observa-se então que a fase considerada estática é a fase 3 devido o balanço que ocorre entre o encruamento e a superação de obstáculos por processos difusivos.

f. Não mostram a influência do tempo;

O gráfico tensão deformação por não mostrar diretamente a influência do tempo que influi diretamente

na taxa de deformação, esforços cíclicos do material, se torna ruim. Porém, temos auxílios de outros gráficos e esquemas que podem nos mostrar o efeito do tempo no material, como por exemplo o gráfico de fluência e viscoelasticidade do material.

2) "Um material é considerado frágil quando rompe ainda na fase elástica". Estabeleça uma outra classificação para diferenciar materiais dúcteis de frágeis relacionada ao percentual de alongamento. Analisando o comportamento da curva tensão de engenharia em função da deformação de engenharia obtido realizando o teste num corpo metálico qualquer, temos que a curva até o ponto P designa a “deformação plástica” do material metálico que se dá até 0,2% de deformação, ou seja, materiais são denominados “frágeis” quando seu alongamento se dá até 0,2% (zona plástica).

3) Critério de Falha de Mohr (ou Mohr-Coulomb) está escrito que "Neste caso, um terceiro

3) Critério de Falha de Mohr (ou Mohr-Coulomb) está escrito que "Neste caso, um terceiro círculo

é construído e uma envoltória é traçada". Explique teoricamente quem seria o 3º círculo e quem seria a envoltória? O que eles representam?

O critério de falha de Mohr é aplicada quando as propriedades de tração e compressão do material em teste

são diferentes e é utilizado o circulo de Mohr para prever a falha do material. São executados três ensaios no material, um de tração uniaxial, um de compressão uniaxial para determinar limites de resistência a tração e compressão e um ensaio de torção para determinar o limite de resistência ao cisalhamento do material.

O círculo A representa a condição de tensão 1 = 2 =0, 3 =−( ) , o círculo B representa a condição de

tensão 1 =( ) , 2 = 3 = 0 e o circulo C representa a condição de cisalhamento puro. Os três círculos estão contidos em um envoltório de falha indicado pela curva desenhada tangencialmente aos círculos.

Os três círculos estão contidos em um envoltório de falha indicado pela curva desenhada tangencialmente aos