Você está na página 1de 1

8 ZERO HORA DOMINGO, 5 DE DEZEMBRO DE 2010 Editora executiva: Rosane de Oliveira - 3218-4387

Editora: Dione Kuhn - 3218-4395


Política Coordenadora de Produção: Vivian Eichler - 3218-4311
politica@zerohora.com.br

LIÇÕES DE PERNAMBUCO
Fenômeno que inspira Tarso

ROBERTO PEREIRA, DIVULGAÇÃO


Vem de um fenômeno de
popularidade nordestino a
inspiração para a gestão que
Tarso Genro (PT) pretende
implantar no Estado.
Impressionado com as
conquistas do governador
de Pernambuco, Eduardo
Campos (PSB), que se reelegeu
com 83% dos votos, Tarso
viajará neste mês para Recife
para ver tudo de perto. Será
a segunda visita da equipe
de transição: em novembro,
assessores estiveram lá para o
primeiro contato.
ZH esteve em Recife, entre
os dias 11 e 12 de novembro,
e apresenta agora os pilares
da gestão Campos que serão
seguidos no Estado.
– Vamos fazer do nosso jeito e
adaptar à realidade local, mas
queremos seguir o modelo de
Pernambuco, especialmente
a dedicação profunda do
governador em todos os
projetos e o monitoramento
intensivo das metas– diz o
futuro secretário-geral do
governo Tarso, Estilac Xavier. Surfando na alta popularidade e nos resultados da administração, Eduardo Campos se reelegeu no primeiro turno com 83% dos votos

LETÍCIA DUARTE a enviar mensagens aos secretários. de Pronto Atendimento Nova Desco- Princípios da gestão Campos
Passa tanto tempo despachando que berta (que será a 12ª) e o viaduto da
Às 15h30min de uma sexta-feira seus quatro filhos costumam ir ao seu Rodovia Pan-Nordestina.
com sol a 30ºC em Recife, 12 de no- gabinete para encontrá-lo. O fato de o As reuniões de acompanhamento PLANEJAMENTO: o governo definiu 10 objetivos estratégicos, com
vembro, o assessor de imprensa Thia- caçula José, de seis anos, ter aprendido dos 10 projetos estabelecidos como ajuda da consultoria INDG, a mesma usada pelo governo Aécio Ne-
go Nunes entra no gabinete climatiza- a andar de bicicleta no pátio do Palá- prioritários são coordenadas pelo ves (PSDB), em Minas Gerais.
do e interrompe a entrevista do secre- cio das Princesas foi apenas uma con- próprio governador. Enquanto assiste Visão do governo Tarso: a ideia é também definir objetivos estra-
tégicos, com apoio da Fundação Getulio Vargas.
tário da Saúde, Frederico Amancio. sequência natural dessa rotina. às apresentações dos secretários, au-
Traz uma mensagem do governa- xiliadas por três telões instalados em
MONITORAMENTO: o governador coordena reuniões semanais pa-
dor Eduardo Campos (PSB), que, após Três telões auxiliam na uma sala de monitoramento, Campos
ra acompanhar o andamento dos 10 objetivos estratégicos.
a histórica reeleição com 83% dos vo- cobrança de resultados costuma ficar batendo no chão o pé
Visão do governo Tarso: pretende se inspirar nesse princípio. Até
tos no primeiro turno, em uma coliga- tamanho 44, com o celular na mão.
a criação de uma sala de gestão semelhante é cotada.
ção sustentada por 15 partidos, pela Campos mantém controle sobre to- – Se ouvir que alguma coisa atra-
primeira vez em quatro anos havia se das as áreas, que tiveram uma econo- sou, pergunta o porquê e liga ime-
RELAÇÃO INTERDISCIPLINAR: diferentes secretarias se articu-
permitido tirar 10 dias de férias com a mia de quase R$ 300 milhões em cus- diatamente para o responsável para
lam em torno de um projeto e são cobradas pelos resultados.
mulher, em uma viagem a Santiago de teio no mandato. Mandou instalar câ- cobrar providências, aí no fim da reu-
Visão do governo Tarso: o governador defende essa ideia, cha-
Compostela, Paris e Porto. meras para vigiar obras, controlando nião consegue destravar tudo – diz
mada por ele de transversalidade.
Da Europa, o governador pedia ajus- pela internet a execução. Atualmente, Ricardo Padilha, diretor de engenharia
tes em dois parágrafos de um artigo elas monitoram a construção do Hos- e meio ambiente do Complexo Portu-
MERITOCRACIA: servidores da educação e da segurança têm re-
que assinaria sobre a CPMF. Pedindo pital Pelópidas da Silveira (o único dos ário de Suape, um dos polos de desen-
compensa pelos resultados alcançados, com o 14ª salário.
licença à repórter, o secretário da Saú- três que começou a construir ainda volvimento do Estado, que, entre 2007
Visão do governo Tarso: é contra vincular salários a metas, mas
de levanta do sofá para fazer os ajustes não inaugurado), a obra da Unidade e 2010, abriu 9 mil empregos.
admite discutir a implantação de metas e avaliação.
solicitados, sem qualquer surpresa: – Os telões ajudam a organizar. Nas
ninguém acreditava mesmo que as fé- ALUÍSIO MOREIRA, DIVULGAÇÃO reuniões, as pessoas já têm de levar so-
CORTE DE GASTOS: com maior controle, foram economizados
rias de Campos seriam convencionais. luções, não só problemas, para poder
quase R$ 300 milhões em custeio. A arrecadação do ICMS alcan-
A equipe já se acostumou ao estilo aproveitar bem o tempo do governa-
çou em 2009 crescimento real de 23% em relação a 2006.
onipresente e apressado do governa- dor – diz o secretário de Planejamen-
Visão do governo Tarso: o governo deve seguir o controle de gas-
dor de 45 anos, que herdou o carisma to, Geraldo Júlio de Mello Filho.
tos implantado no governo Yeda.
do avô, Miguel Arraes, e que vem se Para quem acompanha a política
transformando em referência pelos local, a pressa do governador de olhos
PARCERIAS PÚBLICO-PRIVADAS: para driblar a burocracia, o
resultados de uma gestão que desafia azuis tem um motivo a mais: um pro-
governo delegou a administração dos hospitais e das UPAs.
princípios da esquerda tradicional, jeto para chegar à Presidência. Pelo
Visão do governo Tarso: o entendimento é de que as PPPs po-
ao incorporar métodos gerenciais da menos em Pernambuco, uma popu-
dem ser um caminho, mas devem ser avaliadas caso a caso. A
iniciativa privada. Workaholic, o ex- laridade equivalente à do conterrâneo
construção de presídios não se prestaria a esse tipo de parceria.
ministro de Ciência e Tecnologia de Lula ele já conquistou.
Lula costuma dormir no máximo cin- Pela internet, Campos acessa
co horas por noite, e às 6h já começa câmeras que vigiam obras leticia.duarte@zerohora.com.br SEGUE NA PÁGINA 10 >

zh008_05.indd 1 05/12/2010 22:01:49

Interesses relacionados