Você está na página 1de 3

INSTITUTO SUPERIOR POLITÉCNICO DE GESTÃO E CIÊNCIAS

PORTUGUÊS 1

VOZES DO VERBO

Voz é a flexão verbal caracterizada pelo papel do sujeito em relação à acção


expressa. As vozes dos verbos são: activa, passiva e reflexiva.

1. Voz activa
A voz activa indica que a acção expressa pelo verbo é praticada pelo sujeito.
Exemplos:
a) O João comprará o dicionário de inglês.
b) O vento derrubou a palmeira.
Observe que O João e O vento são sujeitos agentes e o dicionário de inglês
e a palmeira são objectos.

2. Voz passiva
A voz passiva indica que o sujeito sofre a acção expressa pelo verbo.
Exemplos:
a) O dicionário de inglês será comprado pelo João.
b) A palmeira foi derrubada pelo vento.

Na voz passiva o sujeito é sempre paciente, pois sofre a acção indicada pelo
verbo. O João e O vento são agentes da passiva.

Docente
Manuel Catombela Filipe
É importante esclarecer que somente os verbos transitivos directos admitem
a voz passiva.
A estrutura mais comum da passiva consiste no verbo auxiliar ser + o
particípio do verbo principal. Exemplos:
Activa: O cão mordeu o Adão.
Passiva: O Adão foi mordido pelo cão.
Activa: Roubaram o meu baika.
Passiva: O meu baika foi roubado.

Observe que o objecto na voz activa será sempre o sujeito na voz passiva e
o agente da passiva (sujeito da oração activa) é introduzido pela preposição
por:
a) As crianças foram atropeladas por um caminhão.
b) As encomendas foram feitas pelos clientes do exterior.

Há dois tipos de passiva: analítica e sintética.


A passiva analítica é formada com o verbo auxiliar ser + o particípio do
verbo que se quer conjugar. Exemplos:
a) O prédio foi destruído pelo fogo.
b) Os embaixadores africanos foram recebidos pelo Presidente da
República.

A passiva sintética é formada com uma forma verbal na terceira pessoa,


singular ou plural, acompanhada do pronome oblíquo se. Exemplos:

a) Não se faz (= é feito) filme como antigamente.


b) Não se fazem (= são feitos) filmes como antigamente.

Docente
Manuel Catombela Filipe
O pronome se, utilizado na passiva sintética, é chamado de partícula
apassivante.

Observações
1. Somente os verbos transitivos directos admitem o uso da voz passiva.
2. Na passiva sintética o verbo estará sempre na 3ª pessoa (singular ou
plural), em concordância com o sujeito.
3. A passiva sintética dispensa o uso do agente da passiva.

Docente
Manuel Catombela Filipe