Você está na página 1de 2

Metodologia

Durante a pesquisa e de acordo com os objectivos da pesquisa o tipo de método a ser


usado será exploratória e quantitativa que é caracterizada pelo emprego da
quantificação, tanto nas modalidades de colecta de informações quanto no tratamento
delas por meio de técnicas estatísticas. Neste processo serão colhidas amostras de
sangue periférico em todas as crianças internadas na pediatria do hospital em estudo no
mesmo período, e, posteriormente serão levados para o laboratório para serem
analisados.

O estudo será realizado após aprovação da direção clinica do hospital Distrital de


Mocuba e pelo director do hospital, obedecendo integralmente aos princípios éticos
estabelecidos pelo Conselho Nacional de Saúde. Neste estudo caso-controle, amostras
de sangue periférico de 25 crianças, sendo, destas, 10 casos novos e 15 controles serão
colectadas, após assinatura do Termo de Consentimento Livre e Esclarecido (TCLE).

Os critérios de inclusão para os casos novos serão: crianças acima de 2 anos e menores
de 14 anos, com anemia ferropénica, em jejum de 12 horas, atendidos pelas entidades
sociais de dois bairros carentes do município de Mocuba. Para os controles, os critérios
de inclusão serão: crianças acima de 2 anos e menores de 14 anos, não portadores de
anemia ferropénica, em jejum de 12 horas atendidos em entidades sociais de dois
bairros carentes do município de Mocuba. O critério que vai ser utilizado, para
diferenciar as crianças anémicas das não anémicas, será o nível de hemoglobina inferior
a 11g/dl.

Procedimentos Técnicos

As amostras de sangue serão colhidas assepticamente, com álcool 70 %, por punção


venosa. Esse material (5 ml) será acondicionado em partes, um frasco sem
anticoagulante, para análise bioquímica, e o restante em um frasco com anticoagulante
EDTA, para análise hematológica.

Os índices hematimétricos (HTC, RBC, VCM, HCM, CHCM e RDW) e as


concentrações de hemoglobina (Hb) serão obtidos através do equipamento SISMEX
XP300, e contagem electrónica das células. O exame diferencial será feito através de
extensão sanguínea com coloração de May Grunwald – Giensa, e visualizado ao
microscópio óptico com aumento de 100 vezes.
A contagem diferencial de leucócitos será realizada mediante análise de 100 leucócitos.
Para as dosagens de ferro total e ferritina será utilizado um analisador de bioquímica
FACS CALLIBUR 3000, realizando os procedimentos segundo a orientação do
fabricante para se obter a concentração sérica de ferro total e ferritina por leitura em
espectrofotómetro a 560nm e 570nm, respectivamente.

Para um resultado seguro e confiável, também será utilizado o Controlo Interno de


Qualidade do Programa Nacional de Controle de Qualidade (PNCQ). Os dados
demográficos, nutricionais e clínicos, tais como idade, sexo, cor, história de anemia na
família, frequência alimentar, serão obtidos através de entrevista directa.