Você está na página 1de 21

Fabiano Sinhorelli Damasceno

Objetivo
 Levar o aluno a conhecer e entender a
importância de um processo de
modelagem.
Definição de Banco de Dados
 Pode-se definir banco de dados como
um local lógico para o armazenamento
de dados, se armazenado em um local
físico.
Definição de Banco de Dados
 De acordo com Elsmari e Navathe (2005), a
definição de banco de dados possui as
seguintes propriedades implícitas:
Representa alguns aspectos do mundo real;

Coleção de lógica e coerente de dados com algum significado inerente;

Projetado, construído e povoados por dados, atendendo a uma proposta


específica.
Modelagem Conceitual

 Modelo Entidade Relacionamento (E-R)


 É a técnica mais conhecida
 Tem como objetivo auxiliar na especificação geral do sistema
 O modelo de dados é representado graficamente através de um
Diagrama de Entidade-Relacionamento (DER).

 Principais conceitos do Modelo ER são:


 Entidades
 Atributos e
 Relacionamentos
Entidade
 Entidade
 É um conjunto de objetos do mundo real sobre os quais se
deseja manter informações no banco de dados
 É distinguível de outros objetos
 Representada através de um retângulo Departamento
 Pode representar:
○ objetos concretos (uma pessoa)
○ objetos abstratos (um departamento)

Contabilidade
Empregado
Financeiro
João Jurídico
Pedro Pessoal
Paulo Possui propriedades
Maria Atributos e Relacionamentos
Entidade

 Exemplos de Entidades:
 Sistema Bancário
 Cliente
 Conta Corrente
 Conta Poupança
 Agência
 Sistema de Controle de Produção de Industria
 Produto
 Empregado
 Departamento
 Estoque...
Atributo
 É um dado que é associado a cada ocorrência de
uma entidade ou de um relacionamento
 Exemplos de atributos de entidades:

Nome
Empregado Endereço
Salário

Descrição
Departamento númeroDeFuncionários
Relacionamentos

 Como expressamos que João trabalha no Departamento


de Contabilidade?

Empregado Lotação Departamento

Diagrama de Ocorrências (instâncias)


João Contabilidade
Pedro Financeiro
Paulo Jurídico
Maria Pessoal
Relacionamentos

 Relacionamento:
 É uma associação entre entidades
 Representado através de um losango e linhas
que ligam as entidades relacionadas

A nomeDoRelacionamento B
Relacionamentos
 Exemplos de Relacionamentos
Medico Consulta Paciente

ContaCliente Conta
Cliente

Residência

Cidade
Cardinalidade de
Relacionamentos
 Uma propriedade importante A B
dos relacionamentos é a
especificação de quantas
ocorrências de uma entidade a1 b1
podem estar associadas a uma
b2
determinada ocorrência de a2
outra entidade a3 b3

a4 b4
 Existem 2 cardinalidades:
 Máxima
 Mínima
A ocorrência a1 da entidade A
está relacionado a quantas
Ocorrências em B?
Relacionamento Um para Um –
1:1
 Uma ocorrência de A está associada a no máximo uma ocorrência
de B, e uma ocorrência em B está associada a no máximo uma
ocorrência em A.

João Contabilidade

Pedro Financeiro
Conjunto A
(Empregado) Jurídico
Paulo

Maria Conjunto B
(Departamento)

Empregado Gerencia 1 Departamento


1
Relacionamento Um para Muitos –
1:N
 Uma ocorrência de A está associada a várias ocorrências de B, porém
uma ocorrência de B deve estar associada a no máximo uma
ocorrência em A

João
Contabilidade
Conjunto A Sandro
(Departamento)
Financeiro Pedro

Ana Conjunto B
(Empregado)

Departamento Lotação Empregado


1 N
Relacionamento Muitos para Muitos – M:N ou N:N

 Uma ocorrência de A está associada a qualquer número de ocorrências


de B, e uma ocorrência em B está associada a qualquer número de
ocorrências em A

João Sinpli

Pedro AATOM Conjunto B


Conjunto A (Projeto)
(Empregado) MM-TOM
Paulo
Sigmoda
Maria

Empregado N
Atua N Projeto
Atributos também podem ter
Cardinalidade
 Monovalorado: possui um valor único
em uma entidade nome
Empregado Endereço
 Exemplo: nome Salário

 Multivalorado: possui mais de um valor


para cada ocorrência da entidade nome
Endereço
 Exemplo: telefone Empregado Salário
telefone (0,N)
Atributos também podem ter
Cardinalidade
 Cardinalidade mínima
 1: atributo obrigatório
 0: atributo opcional
 Cardinalidade máxima
 1: atributo monovalorado
 N: atributo multivalorado
nome
Endereço (1,N)
Cliente
TELEFONE (0,N)
Exercício
 Considerando um sistema acadêmico, envolvendo
entidades que todos conhecemos, defina pelo
menos 3 atributos para cada uma das entidades

Aluno Professor

Disciplina Turma
Exercício - Resposta

CPF (1,1)
Nome Professor regência
Salario
(1,1)

atuação

(0,N) (0,N)
(1,N) (1,N) (1,1)
(0,N)
Aluno Matrícula Turma da Disciplina

CPF Matricula nome Numero Sala horario Codigo nome numeroCreditos


Atributo Identificador
 Cada entidade deve ter um identificador
 Identificador (também conhecido como chave):
 É o conjunto de um ou mais atributos ou relacionamentos
cujos valores servem para distinguir uma ocorrência da
entidade das demais ocorrências da mesma entidade

 Exemplo: os atributos CPF ou Carteira de Identidade


identificam UNICAMENTE um cidadão brasileiro
 Representação no Modelo

CPF
Nome Cliente
Endereco