Você está na página 1de 2

NORMAS ADOTADAS:

NORMAS ADOTADAS: EQUI PAMENTO - SPRI NKLERS: NBR-10897 (Proteção contra I ncêndios por Chuveiro Autom ático);

EQUI PAMENTO - SPRI NKLERS:

NBR-10897 (Proteção contra I ncêndios por Chuveiro Autom ático); NBR 9441 (Sistem a de Alarm e e Detecção de I ncêndio).

DEFINIÇÃO:

É um sistem a ativo de proteção contra fogo em pregando-se tubulações e conexões hidráulicas (conjunto de equipam entos), cujos com ponentes são dotados de dispositivos sensíveis à elevação de tem peraturas, que se destinam a espargir água autom aticam ente sobre a área incendiada. O sistem a de chuveiros autom áticos tam bém é cham ado com o sistem a de sprinklers .

OBJETIVO:

Possibilitar

o

controle

e

a

extinção

de

princípios

de

incêndio

autom aticam ente,

sem

a

intervenção do hom em .

RECOMENDAÇÕES BÁSICAS:

Seguem abaixo os itens específicos que devem ser verificados, peculiares ao sistem a de sprinklers:

* A autom atização do sistem a é realizada através de bom ba jóquei e pressostatos. Verificar se o pressostato da bom ba jóquei aciona antes do pressostato da bom ba principal; * A bom ba principal poderá ser elétrica ou a explosão; * Todas as Válvulas de Governo e Alarm e e Válvulas Setoriais devem possuir sistem a de drenagem e teste; * Nos edifícios horizontais (shopping, galpões etc), deverá haver um a Válvula de Governo e Alarm e (VGA) para cada 5.000m ² de área construída. Estas Válvulas de Governo devem ficar em local de fácil acesso e devem possuir identificação do setor que controla; * Nos edifícios verticais (prédios), deverá haver um a Válvula Setorial (com ando secundário - CS) em cada pavim ento; * Os registros de paragem do barrilete das bom bas e das válvulas de governo e com ando secundário devem ser do tipo gaveta com haste ascendente ou tipo borboleta. Os registros do dreno e teste podem ser do tipo gaveta com um ou esfera; *

A tubulação deve ser m etálica, exceto para a tubulação de drenagem , esta poderá ser em PCV ou ser a própria tubulação de águas pluviais ou servidas do prédio; * As válvulas (VGA ou CS) não podem ser instaladas dentro das escadas de segurança; * O registro de recalque dos chuveiros autom áticos (usado pelo Corpo de Bom beiros)

geralm ente é duplo, com

duas introduções de 2

½ .

Este deve estar

nas proxim idades da

entrada do prédio; * Verificar se os bicos de sprinklers não estão obstruídos por divisórias, lum inárias, dutos de ar condicionado etc; * A distância m áxim a do bico à parede é de 2,30m ; * A distância m áxim a de defletor do bico ao teto liso é de 0,30m , a distância m ínim a é de 0,025m ; * Os tipos de bicos de chuveiros autom áticos m ais com uns são: pendentes (defletor para baixo); up-right (defletor para cim a). Para hotéis, m otéis e sim ilares adm ite-se a instalação de bicos de sprinklers na parede (bico específico, cham ado de side-wall ); * O diâm etro da prum ada principal de alim entação do sistem a geralm ente é superior a 4 e o

diâm etro m ínim o

para os ram ais finais dos bicos é de 1

(um a polegada);

* Adm ite-se solda na tubulação de sprinklers para diâm etros superiores a 2 . Para diâm etros inferiores a 2 deve-se usar som ente rosca (conexões); * A reserva de incêndio de sprinklers pode ser em conjunto com a reserva de hidrantes; * A reserva de incêndio de sprinklers deve ser dim ensionada para no m ínim o 60 m inutos de

operação;

* A Corpo de Bom beiros de Porto Alegre adm ite que a bom ba de sprinklers e hidrantes seja a

m esm a, dim ensionada para atender aos dois

sistem as em conjunto;

* Na parte m ais baixa da edificação exige-se um sistem a de drenagem da tubulação; * Os bicos de sprinklers podem ser com elem ento term ossensível do tipo am pola ou do tipo solda eutética. Para prédios em geral o bico m ais adotado é do tipo am pola;

* A tem peratura m ais usual de acionam ento do bico tipo am pola

é

de

68 C;

para vitrines de

lojas (show-room ) e cozinhas a tem peratura m ínim a recom endada é de 79 C;

* A cor do bico de sprinklers tipo am pola é em função da sua tem peratura de acionam ento, conform e segue:

  • a) .......................................

cor laranja

tem

peratura 57 C

  • b) ..................................

cor verm elha

tem

peratura 68 C

  • c) .....................................

cor am arela

tem

peratura 79 C

  • d) .........................................

cor verde

tem

peratura 93 C

  • e) ............................................

cor azul

tem

peratura 141 C

  • f) ............................................

cor roxa

tem

peratura 182 C

  • g) .......................................... * Para bicos instalados em casa de m áquinas, coberturas de galpões e outros locais quentes, devem -se prever tem peraturas superiores a 79 C; * Toda a edificação deverá ter em estoque bicos de reserva, no m ínim o 06 para risco leve (escritórios, hotéis etc) e 24 para riscos ordinários (garagens, shoppings, lojas etc).

cor preta

tem

peratura 204 a 260 C