Você está na página 1de 4

Práticas e modelos de Auto-avaliação das Bibliotecas Escolares

DREN – T1 – 5.ª Sessão

Formanda: Brígida de Freitas Cerqueira Pinto

ACÇÕES FUTURAS

Domínio D.2

Duas coisas que a BE deverá deixar de fazer Apontar planos de acção com metas muito ambiciosas .
A nossa função, por vezes ,leva-nos a abarcar muitas actividades .Pois sentimos que é
preciso conquistar os nossos utilizadores para eles aproveitarem ao máximo as
potencialidades que a BE lhes pode oferecer.

O professor bibliotecário concentra em si uma grande parte das


tarefas.
O espaço da BE como sendo um espaço bastante solicitado quer pelos alunos para
sessão de estudo, pesquisa, requisição de livros quer pelos professores na programação

1
de uma actividade ou qualquer outra actividade relacionada com a BE, o professor
bibliotecário no meio de tanta tarefa sente necessidade de se libertar de algumas e
aproveitar as potencialidades da sua equipa.

Duas coisas que a BE deverá continuar a fazer Continuar a articulação de actividades com as disciplinas e as
áreas curriculares não disciplinares.

Como o espaço oferece bons recursos e equipamentos adequados para a realização de


pesquisa, achamos que essa articulação é um contributo para a melhoria das
aprendizagens dos alunos e do sucesso escolar.
O espaço da BE é frequentemente requisitado principalmente pelos professores de AP
e EA, visto que a sua organização permite o trabalho individual e em grupo e uma
utilização integrada e flexível dos recursos.

Continuar a realizar actividades culturais e promover as


literacias para as aprendizagens dos alunos, uma vez que o
espaço se adequa à concretização desses programas.

A realização de determinadas actividades no âmbito do clube e do PNL permitirá à BE


promover as literacias e os eventos culturais. Achamos que devemos continuar a
apostar nessas actividades para o sucesso e promoção das literacias dos alunos e
também como elo de ligação à comunidade educativa.

2
Duas coisas que as BEs deverão começar a Aprofundar a articulação com a equipa PTE para rentabilizar
fazer projectos .

O professor bibliotecário como elemento constituinte da equipa PTE deverá integrar-se


e colaborar com os restantes elementos de forma a rentabilizar os projectos.

Aproveitar as potencialidades de um elemento da equipa para


rentabilizar o trabalho da BE.
Uma vez que a escola tem um elemento na equipa (com pouca disponibilidade) mas
com capacidades na área da informática, a BE solicitou a sua colaboração e o seu apoio
para rentabilizar e melhorar a nossa gestão da BE.
Claro que o professor bibliotecário tem que acompanhar esse processo e integrar-se
nele para conseguir acompanhar o trabalho na BE.

3
4