P. 1
Jornal O Debate, edição virtual

Jornal O Debate, edição virtual

|Views: 1.096|Likes:
Publicado porThiago Melego
Jornal O Debate, edição de 04 de fevereiro de 2011 (317)
Jornal O Debate, edição de 04 de fevereiro de 2011 (317)

More info:

Published by: Thiago Melego on Feb 04, 2011
Direitos Autorais:Attribution Non-commercial

Availability:

Read on Scribd mobile: iPhone, iPad and Android.
download as PDF, TXT or read online from Scribd
See more
See less

01/28/2013

pdf

text

original

A INFORMAÇÃO COM CREDIBILIDADE

Milton Monti
toma posse de seu 4º mandato
São Manuel, nos últimos tempos, vem enfrentando uma onda de crimes que superam as expectativas, justamente por ser um município pequeno, com pouco mais de 38 mil habitantes. O noticiário veiculado por este jornal e pela Rádio Clube de São Manuel testemunha o que estamos dizendo. A omissão dos governantes na segurança pública dos estados e municípios, faz com que a maioria da população brasileira viva assombrada pela violência. E aqui em São Manuel não é diferente. A população vive temerosa. Em nossa cidade a Guarda Civil Municipal vem sendo tratada como “coisa secundária”. Página 2A

SÃO MANUEL, PRATÂNIA E AREIÓPOLIS

O DEBATE
SEXTA-FEIRA - 4 DE FEVEREIRO DE 2011
ANO 8 - Nº 317

CIRCULAÇÃO REGIONAL - (14) 3841-4459

E-MAIL: redacao@odebateregional.com.br

R$ 1,50

...

OPINIÃO

A Rádio Clube de São Manuel AM e o jornal O Debate, representados pela jornalista Tânia Casquel, estiveram em Brasília no último dia 1º de fevereiro, cobrindo a cerimônia de posse do deputado federal Milton Monti, em seu quarto mandato. Página 3A

Centenário do Santuário de Aparecida

MEGA-SENA
Concurso nº 1.254 de 02/02

07-09-14-18-29-39
Lotérica Central
Rua XV de Novembro, 267 Fone: (14) 3841-2005

Lotérica Avenida
Av. José Horácio Mellão, 469 Fone: (14) 3841-2406

Série “Histórias da Rádio Clube AM 1510 kHz”
Carlos Alberto Céspede é de Barra Bonita, nascido em 18 de junho de 1966, filho de Iraci Célia Valadão de Freitas Céspede e Geraldo Céspede. Ele é casado com Maria Conceição Pereira Céspede, e o casal tem a filha Bruna Fernanda. Carlão, como é conhecido, é o homem responsável pela parte técnica do parque transmissor da Rádio Clube de São Manuel AM. Nesta entrevista ele nos conta a história de sua vida profissional e discorre sobre seu relacionamento com a emissora dos 1510 kHz. Página 1B

Ponto de Vista

O Santuário de Nossa Senhora Aparecida completou seu primeiro cen-

tenário de dedicação a Nossa Senhora no dia 2 de fevereiro. Página 8A

METEOROLOGIA

Encontro de radioamadores
No domingo, evento reuniu, no salão de festas do Lions Clube, mais de 500 aficionados pelo radioamadorismo. Página 3B

Sexta-feira Min. 19º - Máx. 28º Probab. de chuva 80% Sábado Min. 19º - Máx. 31º Probab. de chuva 80% Domingo Min. 19º - Máx. 31º Probab. de chuva 80%

Ordenação Sacerdotal
No sábado, 19, acontece a Ordenação Sacerdotal do diácono José Luiz Sauer Teixeira, no Santuário de Santa Terezinha. Página 4B

Radares inteligentes
Autuados mais de 14 mil veículos com licenciamento em atraso. Sistema Inteligente de Fiscalização está distribuído em 42 pontos das principais rodovias do Estado. Página 4A

Vestibulares continuam abertos
A Faculdade Marechal Rondon (FMR), filiada à Uninove, e o Instituto Municipal de Ensino Superior de São Manuel (IMES) continuam com as inscrições abertas para vestibulares. Página 5A
Página 8B

DÓLAR
3 de fevereiro, às 15h35 Comercial Turismo Paralelo R$ 1,670 R$ 1,730 R$ 1,730 R$ 2,2736 R$ 2,6923 US$ 1.354,41

Euro Libra Ouro ÍNDICE

Festa do Milho
A 2ª Festa do Milho, promovida pela Paróquia São Manuel, acontece nos dias 5, 6, 12 e 13, a partir das 19h30, no pátio do Colégio Hollus. Página 3B

Regional

Esporte
Página 6A

. . . .

Bloco de Notas Pg 2A Direito em Debate Pg 2A Contexto Pg 3A Cornetando Pg 5A Falecimentos Pg 7A Badalação Pg 2B Motivação Pg 3B Aniversariantes Pg 4B Os Pioneiros Pg 5B Classificados Pg 6B Flash Pg 7B Esportes Pg 8B

Tráfego na Fazenda Lageado
Desde o dia 1º de fevereiro começaram a vigorar as novas medidas tomadas pelas diretorias da Faculdade de Ciências Agronômicas e da Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia, com relação ao tráfego de veículos na Fazenda Lageado, em Botucatu.

Futebol feminino
A equipe de futebol feminino que disputa o Campeonato Paulista e a Copa do Brasil, vai ter novo nome, ligado à nossa cidade.

Clube, que está sendo mantido pela prefeitura, é

São Manuel Tênis Clube

uma opção de lazer gratuita para os são-manuelenses.

2A

São Manuel, sexta-feira - 4 de fevereiro de 2011

OPINIÃO

Sabe-se que a GCM do município vem sendo tratada como “coisa desnecessária”, mantendo, por exemplo, um dos veículos do órgão, quebrado, durante meses. Outro veículo que precisa de manutenção, leva os guardas a recorrerem aos seus próprios recursos, fazendo “vaquinhas” para custear os reparos.

O que a população espera é que a administração Baroni dê, efetivamente, toda assistência necessária à nossa Guarda Municipal, coisa que seu antecessor, Flavinho Silva, não fez. Nossa cidade carece de mais segurança. E a GCM, ao lado das Polícias Civil e Militar da cidade, pode ajudar bastante na solução desses problemas.

ão Manuel, nos últimos tempos, vem enfrentando uma onda de crimes que superam as expectativas, justamente por ser um município pequeno, com pouco mais de 38 mil habitantes. O noticiário veiculado por este jornal e pela Rádio Clube de São Manuel testemunha o que estamos dizendo. A cidade conta com três órgãos dedicados a conter os crimes, a investigá-los e desvendá-los, bem como a prevenir suas ocorrências: Polícias Militar e Civil e a Guarda Civil Municipal. Todos esses órgãos lidam com dificuldades as mais diversas para cumprir as suas funções. Isso vai desde a falta de um efetivo compatível até, por vezes, a falta de veículos que possam dar conta das buscas que sempre são necessárias. De toda maneira, o esforço dos policiais, civis e militares, bem como dos guardas civis municipais é visível e respeitado, e eles conseguem bons êxitos em suas ações, muitas vezes quase
Colaborador espontâneo

A Guarda Civil Municipal e a segurança dos são-manuelenses S
que milagrosamente. A omissão dos governantes na segurança pública dos estados e municípios faz com que a maioria da população brasileira viva assombrada pela violência. E aqui em São Manuel não é diferente. A população vive temerosa. Dados recentes divulgados pelo Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea), dão conta de que nove em cada dez brasileiros têm medo de ser vítima de crimes como homicídio, assalto a mão armada e arrombamento de residência. O temor é intenso para cerca de 70% das pessoas e um pouco menor para cerca de 20%. O receio de agressão física é comum a 70% dos entrevistados. A falta de investimentos no setor é o que causa essa sensação de insegurança dos cidadãos, e o coloca nessa situação crítica. Por isso é importante que o próprio governo municipal local assuma a coordenação de uma política de segurança pública para o município, até mesmo definindo uma linha de investimentos, no caso para a Guarda Civil Municipal, desde muito abandonada. Isso poderia minorar a insegurança da população. Os dados do Ipea, compilados no Sistema de Indicadores de Percepção Social sobre Segurança Pública (Sips), mostram também que o sentimento da população em relação à criminalidade varia conforme a região. Mas é evidente que existe em todo lugar, inclusive aqui em São Manuel. A pesquisa ainda revela que as mulheres têm mais medo de serem mortas do que os homens. O temor também é maior entre os que não foram vítimas de algum tipo de crime nos últimos 12 meses. O arrombamento de moradias preocupa menos a classe média e mais os pobres e os ricos: têm muito medo desse crime 71,8% dos que ganham até dois salários mínimos e 76,3% dos que recebem acima de 20 salários. Tudo isso nos leva a analisar mais especificamente a Guarda Civil Municipal de São Manuel, em relação aos acontecimentos que têm envolvido o órgão nos últimos meses. Começa pela saída da GCM do local onde estava instalada há muitos anos, ao lado do prédio onde existiam diversas repartições municipais, inclusive a Diretoria de Saúde. Consta que para alojar a Diretoria de Pessoas com Deficiência, a administração municipal resolveu transferir a sede da GCM para dependências da antiga Cafenoel. Nesse local, há algum tempo, houve a ocorrência de goteiras e infiltrações e a Guarda precisou ir para outro lugar. Desta feita, os guardas foram deslocados para a sede do antigo Tiro-de-Guerra de São Manuel, fechado à época do ex-prefeito Flavinho Silva. Local para onde, inicialmente, deveria ser transferido o Projeto Luz, o que não foi feito até hoje. Sabe-se que a GCM do município vem sendo tratada como “coisa desnecessária”, mantendo, por exemplo, um
Colaborador espontâneo

dos veículos do órgão, quebrado, durante meses. Outro veículo que precisa de manutenção, leva os guardas a recorrerem aos seus próprios recursos, fazendo “vaquinhas” para custear os reparos. Isso tudo, além da falta de um efetivo consistente, o que é reclamado há tempos. Enquanto os problemas preocupam, os responsáveis pela GCM prosseguem sua luta para aprimorar a atuação dos seus integrantes. Tanto que no último final de semana houve em nossa cidade um treinamento dos nossos guardas, por integrantes do GAPE – Grupo de Ações Preventivas Especiais. Para concluir, o que a população espera é que a administração Baroni dê, efetivamente, toda assistência necessária à nossa Guarda Municipal, coisa que seu antecessor, Flavinho Silva, não fez. Nossa cidade carece de mais segurança. E a GCM, ao lado das Polícias Civil e Militar da cidade, pode ajudar bastante na solução desses problemas.

A INFORMAÇÃO COM CREDIBILIDADE

Jornalista Responsável e Editora: Tânia Cecília Tavares Casquel MTB 23.291 Rua Epitácio Pessoa, 440-c - Centro São Manuel - CEP 18.650-000

Diretora: Tânia Cecília Tavares Casquel Diretora Administrativa: Antônia Miths Gerzely Diretor Jurídico: Dr. Sílvio Roberto Mazetto OAB/SP 89.053 Periodicidade: Semanal Impressão: JS Produções Gráfica
DEPARTAMENTO COMERCIAL CLASSIFICADOS - ASSINATURAS ATENDIMENTO AO LEITOR

e-mail: redacao@odebateregional.com.br

(14) 3841-4459

As matérias assinadas não representam a opinião deste jornal. Na forma da legislação em vigor, a Direção de O Debate não se responsabiliza por conceitos emitidos em artigos assinados.

Bloco de Notas
blocodenotas@odebateregional.com.br blogdogildo.blogspot.com

Direito em Debate
Por Drª. Edilaine Rodrigues de Góis Tedeschi

Por Gildo Sanches
está sendo chamado de “sextafeira da despedida”. A família do ditador já deixou o país e está instalada em Londres. Eliminado O Corinthians foi vergonhosamente eliminado da Copa Libertadores da América pelo Tolima, da Colômbia. Torcedores ficaram revoltados. Além dos muros pichados no Parque São Jorge, o Corinthians teve prejuízos também no CT do Parque Ecológico, na zona leste de São Paulo, eles invadiram o local e quebraram carros de jogadores e de funcionários do clube. Janelas, para-choques e faróis viraram alvos dos vândalos. Para muitos este ano está perdido para o Corinthians. Concurso Na última semana, o Ministério Público de São Paulo (MP/SP) publicou, no Diário Oficial paulista, o regulamento do concurso para ingresso na carreira de promotor. O documento, com data de 10 de janeiro, é mais um indício de que o órgão deverá abrir o processo seletivo em breve. O setor de concursos da instituição explicou que a proposta de abertura de processo seletivo deverá ainda ser aprovada pelo órgão especial do Colégio de Procuradores da Justiça, para que, só em seguida, o procurador-geral de São Paulo, Fernando Grella Vieira, autorize a realização do processo. Mais informações no Jornal dos Concursos, nas bancas. Recado Final: “Não possuir algumas das coisas que desejamos é parte indispensável da felicidade” – (Bertrand Russell)

– Rio de Janeiro

direitoemdebate@odebateregional.com.br

Milton Monti O deputado federal Milton Monti tomou posse no dia 1º, em Brasília, de seu quarto mandato, reeleito que foi em outubro passado, com uma expressiva votação. Logo após a posse, ele falou aos ouvintes da Rádio Clube de São Manuel, entrevistado pela jornalista Tânia Casquel. À noite, a TV Tem, através do jornal Tem Notícias, também entrevistou o deputado são-manuelense, que disse ser contra a volta da CPMF e que um de seus principais objetivos é trazer para a nossa região o Gasoduto, que oferecerá combustível limpo e mais barato para as nossas indústrias. Miltinho foi prestigiado por grande número de admiradores que estiveram em Brasília, assistindo à sua posse. Comandos O PT e o PMDB, base de sustentação do governo Dilma, fizeram os presidentes do Senado e da Câmara para os próximos dois anos. José Sarney (PMDB-AP) foi eleito para presidir o Senado pela quarta vez. Recebeu 70 votos. Com 375 votos, Marco Maia (PT-RS), venceu na Câmara. Mundo anormal O Banco Central do Brasil aumentou sua caixa de ferramentas para lidar com um mundo que escapou da normalidade. No cenário internacional, à excessiva liquidez associa-se a risco real de estagnação em algumas economias européias. E há países com regime de câmbio inflexível, como a China. Banco PanAmericano Sócia do PanAmericano, banco vendido por Silvio Santos ao

BTG Pactual, a Caixa Econômica Federal pôs a disposição da instituição um “cheque especial” de R$ 8 bilhões. Esse limite de crédito faz parte de um acordo com o novo controlador. O Fundo Garantidor de Crédito, que reúne os bancos do país, assumirá a rombo de R$ 3,8 bilhões. Educação O número de formandos nos cursos que preparam docentes para os primeiros anos da educação básica, como Pedagogia e Normal Superior, caiu 50%, de 103 mil para 52 mil, entre 2005 e 2009, segundo censo do MEC. Também houve queda – de 77 mil para 64 mil - no número de graduandos em licenciaturas, que atuarão no ensino médio e nos últimos anos do fundamental. Notícia ruim. Revolta no Egito Após os maiores protestos já realizados no Egito e uma mensagem do presidente Barack Obama, pressionando pela transição pacífica, o ditador Hosni Mubarak anunciou que não vai concorrer a seu sexto mandato, em setembro. Mas garantiu que não renuncia, como exige a oposição: “Este é meu país, onde vivi, lutei e defendi sua terra. Vou morrer neste território”, disse ele. Desagrado O Nobel da Paz Mohamed ElBaradei deu um ultimato até hoje para que Hosni Mubarak saia. O pronunciamento de Mubarak desagradou e foi muito vaiado por manifestantes, que sacudiam sapatos no ar, prometendo nova marcha até o palácio presidencial, no que

Janeiro de 2011 será um mês lembrado por todos os brasileiros e por todo mundo. Parafraseando o ex-presidente Lula, nunca antes na história deste país se viu uma tragédia como essa. O mês de janeiro, marcado pelo calor e alta umidade, trouxe um volume inesperado de água para a região serrana do Rio. Moradores do local há mais de oitenta anos viram, da noite para o dia, suas histórias de vida destruídas. O local da tragédia, para quem o conheceu, é de beleza ímpar, procurado por muitos turistas do Brasil e do mundo para um verdadeiro retiro no meio da floresta. Casas residenciais e de veraneio, comércio, hotéis de luxo, pousadas, restaurantes, tudo destruído em fração de segundos. Mas será que isso era esperado? Quem são os responsáveis? A natureza agiu sozinha? Moradia é um direito constitucional. O artigo 5º da C.F. garante aos brasileiros e estrangeiros residentes no país o direito à propriedade. O Governo Federal, através dos convênios que faz com as instituições financeiras, garante o acesso à casa própria. Para dar efetividade ao direito à moradia alguns convênios são firmados com as prestadoras de serviços públicos e com os Estados e Municípios, consistentes no fornecimento de água, luz, pavimentação, saneamento básico e infra-estrutura: escolas, hospitais, postos de saúde. Assim também ocorreu nos locais das tragédias. Desta forma desde a primeira casa construída o Município falhou no seu dever

de fiscalização e com o passar dos anos, mesmo que sem autorização expressa do Poder Público para a construção, o mesmo foi omisso e conivente com o desenvolvimento local. Omisso, pois “fechou os olhos” para o desenvolvimento urbano e conivente, pois forneceu tudo: água, luz, asfalto, telefone, crechês, hospitais, posto de saúde, e taxou a todos com os carnes de IPTU e demais serviços públicos, sem, contudo, planejar a ocupação do solo. O artigo 5º afirma que ninguém poderá ser privado de sua propriedade, a não ser nos casos especificados por lei e óbvio no caso de inadimplência, porém no inciso XXV assegura a autoridade competente o poder de usar de propriedade particular, assegurada ao proprietário indenização ulterior, se houver dano. Os projetos encomendados aos geólogos e ambientalistas durante anos afirmavam que uma parcela significativa das moradias construídas nas áreas de várzea e nas encostas estavam em local crítico e que era necessário o deslocamento dessas famílias para áreas seguras. Com fulcro no preceito constitucional supra, as famílias deveriam ter sido retiradas de suas moradias, e levadas para outro lugar. Suas casas deveriam ter sido derrubadas e as áreas danificadas recuperadas, recuperando-se o ecossistema do local. Mas nada foi feito. Culpar única e exclusivamente o Poder Público, também não adianta. O pobre constrói do jeito que dá e como pode, sem nenhuma assistência técnica. E os ricos

cujas mansões foram por água abaixo? Tiveram orientações de engenheiros e arquitetos, os quais tem a obrigação de saber onde constroem para adequar a construção ao tipo de solo. Essas pessoas sabiam que estavam construindo onde não poderiam, e aí mais uma vez falhou o poder da fiscalização e o bom senso daqueles que podem escolher onde edificar. O direito à moradia não pode sobrepor-se ao direito à vida, pela qual o Estado também é responsável. A tragédia poderia ser evitada, se desde o início o Estado não fosse omisso. Afinal, meia dúzia de casas no meio da floresta não danifica o ambiente, mas milhares delas com certeza trazem um impacto ambiental que merece toda a atenção do Poder Público e das pessoas que se dizem ambientalistas, cujas casas também foram destruídas. O artigo 37, § 6º da Constituição Federal traz explícita a responsabilidade civil objetiva do Estado afirmando que as pessoas de direito público responderão pelos danos causados a terceiros, agindo ora pela omissão e ora pela ação o Poder Público deixou as cidades à mercê da própria sorte e não adianta culpar a natureza, pois esta apenas se defendeu da invasão. Quando os homens respeitarem a natureza e deixarem suas ambições de lado para praticar o bem em prol da sociedade, tragédias como essas ficarão no passado e os preceitos constitucionais não serão apenas letras decorativas num livrinho chamado Constituição.

São Manuel, sexta-feira - 4 de fevereiro de 2011

3A

Milton Monti assume mais um mandato

Posse

CONTEXTO
POSSE Dezenas de pessoas de nossa cidade e região se deslocaram até Brasília para acompanhar a posse do deputado federal Milton Monti. Em seu quarto mandato, o evento foi muito concorrido e parou a capital federal. PRATÂNIA Atento leitor pratiano nos informa que a época do troca-troca de diretores da prefeitura local está só começando. A largada foi dada, há algum tempo, pela saúde. Esta semana outras duas diretorias também tiveram seu comando trocado. Os motivos é que ainda não sabemos. CÂMARA I Os vereadores de São Manuel retomam os trabalhos legislativos em sessão ordinária na segunda-feira, 14, já com a nova mesa diretora, que tem à frente o presidente, vereador Cicarelli. CÂMARA II Os dias das sessões ordinárias na Câmara de São Manuel podem mudar. Informações dão conta que pode ser votada uma mudança no regimento interno da Casa, onde as sessões ocorreriam na primeira e na terceira segundas-feiras de cada mês. APARECIDA Depois de pelo menos 20 dias, ontem, 03, um trator começou a fazer a limpeza do barro e pedra que se acumulam na ponte José Bergamini em Aparecida. Os moradores do Parque Santo Antonio estão tendo que aguardar todo esse tempo para que uma manutenção simples seja feita. Mas o local ainda precisa ter a manutenção finalizada, visto que o trator não consegue fazer a limpeza total, somente limpa o que é mais grosso. ESTAÇÃO I O são-manuelense Arnaldo Catalan, presidente da Associação dos Artistas, que tinha encabeçado o projeto de reforma da estação ferroviária, foi colocado de lado. Em entrevista ontem, 03, ao locutor Sandro Dálio, na Rádio Clube de São Manuel, ele se mostrou bastante chateado com a situação, chegando até a se emocionar ao comentar do caso. ESTAÇÃO II Vale destacar que foi ele, Arnaldo Catalan, usando de seu prestígio, que conseguiu já arrecadar 25 mil telhas e madeiramento para a reforma da estação. REFAZER Depois de refazer o asfalto da subida da Conquista, depois de refazer a tubulação de águas pluviais do entroncamento da avenida José Horácio Mellão com avenida Aldo Marini, agora está na hora de refazer o asfaltamento da nova ponte do Silva, que a cada dia afunda ainda mais. Todas são obras recentes. BAIRRO A BAIRRO Devido a um grande número de solicitações em nossa redação, nossa equipe está organizando e, em breve, vamos voltar com a série de reportagens sobre os bairros de São Manuel. O Debate vai visitar novamente todos os bairros, colher informações da comunidade, comparar os problemas apontados e as soluções que foram dadas. Aguarde!

A Rádio Clube de São Manuel, 1510kHz-AM e o jornal O Debate, representados pela jornalista Tânia Casquel, estiveram em Brasília na terça-feira, 1º de fevereiro, cobrindo a cerimônia de posse do deputado federal Milton Monti, em seu quarto mandato. Tânia falou diretamente da Sala da Comissão de Transportes da Câmara, presidida pelo deputado são-manuelense. Ele se mostrou bastante satisfeito com mais essa conquista, e cumprimentou inicialmente os ouvintes da Rádio Clube AM e seus colaboradores. “Hoje é um dia de festa, um dia de muita alegria para nós, para toda a nossa família, para os amigos e pra toda a população

que nos elegeu. Teremos diversas atividades hoje, até o encerramento com a eleição da Mesa Diretora da Câmara”, disse ele em seguida. Milton Monti fez questão também de agradecer a todos os seus amigos que estavam em Brasília naquele dia, prestigiando a sua posse. “Temos aqui vários prefeitos, vice-prefeitos, vereadores, ex-ocupantes desses cargos, lideranças políticas de toda a nossa região, inclusive representantes da Unesp de Botucatu, e a presença de todos nos traz muita alegria. Também quero agradecer a todos aqueles que não tiveram a oportunidade de aqui estar, por uma razão ou outra, porque sei que

todos esses amigos estão, certamente, festejando conosco essa conquista”, afirmou. O deputado Milton Monti disse que embora não seja praxe o Presidente da República estar presente no Congresso para entregar a tradicional mensagem aos parlamentares pelo início dos trabalhos, a presidenta Dilma Roussef viria pessoalmente entregar aquele documento no dia seguinte, na quarta-feira, 2, o que realmente ocorreu. Milton Monti disse que, embora em período de recesso parlamentar, esteve em Brasília quase todas as semanas, para dar sequência ao seu trabalho: “Na verdade as atividades não param. Estivemos aqui

sempre buscando ajudar as cidades, inclusive São Manuel, a melhorar cada vez mais”. Sandro Dálio, dos estúdios da Rádio Clube, quis saber do deputado se esse seu quarto mandato já o credencia para alçar voos maiores a partir das próximas eleições. “Eu sempre disse, com muita transparência, muita franqueza que, claro, desejava alcançar cargos majoritários, e isso continua em pé. Temos acumulado muita experiência, desde prefeito de São Manuel, deputado estadual e deputado federal nesses anos todos e, evidentemente, isso ajuda a nos posicionar com relação ao futuro. Nossa intenção é essa mesmo, disputar

talvez o Senado, ou mesmo o Governo Estadual. Agora temos quatro anos para nos preparar para isso. E teríamos assim o nosso nome na discussão estadual. Mas, acima de tudo, temos que cumprir com nossas responsabilidades, fazer emendas, continuar lutando por causas importantes, ajudar os municípios, os hospitais, como ajudamos a Unesp onde conseguimos instalar um novo Pronto-Socorro, ajudar as cidades paulistas, o Estado de São Paulo como um todo. Só os quatro anos de mandato não são o bastante. Só dessa forma é que vamos nos credenciar para pleitear novas etapas em nossa caminhada política”, salientou o deputado.

Medicamentos

Farmácia Popular passa a oferecer remédios de hipertensão e diabetes gratuitamente
Carolina Pimentel Repórter da Agência Brasil

O programa “Aqui Tem Farmácia Popular” vai oferecer medicamentos contra hipertensão e diabetes de graça. Atualmente, o gover-

no paga 90% do valor desses medicamentos e o cidadão tinha de arcar com o restante. Com a medida anunciada na quarta-feira, 2, pelo governo, os remédios passam a ser distribuídos gratuitamente. As 15 mil farmácias e drogarias privadas conve-

niadas ao programa têm até segunda-feira, 14, para se adaptar à medida. Qualquer brasileiro pode ter acesso aos medicamentos desde que apresente um documento com foto, o CPF e a receita médica. Segundo o Ministério

da Saúde, cerca de 900 mil hipertensos e diabéticos devem ser beneficiados com a medida. O ministro da Saúde, Alexandre Padilha, disse que a oferta gratuita desses remédios só foi possível graças a um acordo negociado entre o governo

e o setor farmacêutico. O programa oferece ainda remédios subsidiados para mais cinco doenças: asma, rinite, Mal de Parkinson, osteoporose e glaucoma, além de fraldas geriátricas. No total, são 24 tipos de medicamentos.

4A
VTL

São Manuel, sexta-feira - 4 de fevereiro de 2011

Cultura

Bom Sinal Indústria e Comércio recebe visita de vereadores

Associação dos Artistas iniciará projeto musical em São Manuel
A Associação dos Artistas que há 11 anos se destaca pelo aprimoramento sócio/cultural no Estado de São Paulo, agora também em São Manuel, convida a população a presenciar seu primeiro projeto artístico em nossa cidade. A partir do dia 25 de fevereiro, ao pé do coreto municipal, estarão presentes músicos profissionais que se reunirão de forma informal para tocarem músicas de diversos estilos e abrirão espaço para que outros artistas mostrem seu talento num fim de tarde após o expediente. O início será ao badalar do relógio do Museu, às 18h, e o término será obrigatoriamente com o badalar das 20h. “Queremos marcar este projeto iniciando com o toque do relógio do museu às 18h e finalizaremos pontualmente com o toque das 20h, mesmo que a música esteja no meio, assim se tornará pontual e descontraído. O propósito é tirar as pessoas de dentro de suas casas e participem dessa ‘brincadeira’ apreciando a boa música. Além disso, durante essas duas horas de apresentação estaremos dando oportunidade para que outros instrumentistas ou cantores se apresentem e mostrem o que sabem fazer, valorizando a veia artística que muitas vezes temos escondida em nossa cidade”, concluiu Catalan. O projeto será o “ponta-pé” inicial para os trabalhos que a Associação pretende realizar em São Manuel e região.

IRPF

Projeto de Milton Monti atualiza tabela de IR em 7,6%
O presidente da Câmara Municipal, vereador Cicarelli, acompanhado dos vereadores Paulo Zapparoli e Paulo Peres, esteve visitando a Bom Sinal Indústria e Comércio Ltda., empresa construtora do VLT-Veículo Leve Sobre Trilhos. A empresa está instalada na antiga Ceagesp de São Manuel, sendo essa uma das três unidades da mesma. As outras duas estão em Fortaleza e em Barbalha no Ceará. Esses veículos são trens para transporte urbano que usam biodiesel como fonte de energia e tecnologia 90% brasileira. A empresa também fabrica carteiras escolares e impressionou os vereadores pela qualidade dos seus serviços. Nas fotos, os vereadores junto ao senhor Eduardo e à senhora Maria Lúcia Barros, ambos da Bom Sinal, em frente a protótipos do VLT construídos em São Manuel.

Para o deputado, a não correção da tabela em harmonia com as perdas inflacionárias corrói a renda do trabalhador e representa aumento de impostos
Empossado para o quarto mandato consecutivo na terça-feira, 1º de fevereiro, o deputado federal Milton Monti apresentou na quarta-feira, 2 à nova Mesa da Câmara Federal um projeto de lei que atualiza a tabela progressiva do imposto de renda para a pessoa física e os limites de deduções. O índice proposto pelo parlamentar é de 7,6%. O deputado, que é economista, explica que o índice no projeto de lei contempla a diferença entre os anos de 2007 e 2010, considerando a meta inflacionária e descontando o que já foi aplicado à tabela no período. “Essa é uma atualização necessária para que o peso do imposto de renda não comprometa a renda do trabalhador. A não correção da tabela é uma fórmula que, na prática, representa aumento de impostos sobre os contribuintes e isso não pode acontecer assim”, defendeu o autor do projeto que recebeu o número 20/2011. Desde o Plano Real, a tabela do imposto de renda das pessoas físicas – IRPF e os limites de deduções foram reajustados em mais de uma oportunidade. Em 2002, o reajuste foi de 17,5%. Em 2005, de 10%. Em 2006, de 8%. Depois disso, nos anos-calendário de 2007 a 2010, o índice anual foi de 4,5%. O parlamentar avalia que as perdas acumuladas no período 2007-2010 precisam ser compensadas com um índice maior de correção na tabela agora, descontando o que foi dado no período. Milton Monti lembra que a comparação dos valores do Índice de Preços ao Consumidor Amplo – IPCA, calculado pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística – IBGE, com os índices de reajuste da tabela do IRPF e os limites de deduções, projeta uma defasagem entre os valores acumulados no período compreendido de 1996 a 2010. “O descompasso entre o ônus tributário e a renda real do trabalhador leva o contribuinte a pagar mais imposto de renda, sem que a sua renda real tenha aumentado. Isso não é justiça tributária”, observa. Por isso, a iniciativa de propor o projeto de lei que reajusta a tabela progressiva do IRPF e os limites de deduções. “Calculamos esse índice de reajuste com base no IPCA acumulado de 2007 a 2010 e meta de inflação para o ano de 2011. Depois, subtraímos desse valor o reajuste da tabela do IRPF e dos limites de deduções acumulados de 2007 a 2010”, explicou. A diferença, de 7,6%, é o índice que consta no projeto de lei apresentado na quarta-feira, 2.

Transportes

Radares inteligentes autuam mais de 14 mil veículos com licenciamento em atraso
Sistema Inteligente de Fiscalização está distribuído em 42 pontos das principais rodovias do Estado; em breve outros 61equipamentos móveis devem entrar em funcionamento.
Os chamados “radares inteligentes”, distribuídos em 42 pontos das principais rodovias paulistas, permitiram identificar 14.142 veículos com pendência administrativa (licenciamento em atraso). As autuações começaram a ser registradas a partir de 1º de dezembro passado. Nos primeiros dois meses de operação (até 18/01), o Sistema Inteligente de Fiscalização recolheu 8.380 veículos aos pátios do Departamento de Estradas de Rodagem – DER, sendo 5.270 em dezembro e 3.110 até 18/01. Neste mesmo período foram apreendidos 3.048 documentos, em dezembro de 2010 e 2.214 em janeiro agora. Mais fiscalização – Em breve outros 61 equipamentos móveis (embarcados) devem entrar em funcionamento. Testados pelo Instituto de Pesquisas Tecnológicas (IPT) serão instalados em viaturas da Polícia Militar Rodoviária, permitindo maior mobilidade na fiscalização. Quem deve temer – Além de oferecer maior segurança aos usuários com a fiscalização (pendências judiciais e documentos irregulares), esses equipamentos também identificam veículos que trafegam acima da velocidade permitida nas estradas paulistas. Portanto, a exemplo dos outros tipos de radar em operação no Estado, também autuam e multam por excesso de velocidade. Sistema OCR – Os equipamentos instalados nas principais rodovias funcionam com o Optical Character Recognition (OCR), que faz a leitura das placas, consulta o banco de dados e passa as informações à Polícia Militar Rodoviária, elevando o nível de precisão das abordagens policiais. Todo o processo leva até dois segundos. A tecnologia implantada aumenta a segurança nas estradas e também permite às forças de segurança do Estado a identificação de veículos que tenham participado de quaisquer tipos de delito. As operações são feitas em conjunto pelo Departamento de Estradas de Rodagem (DER) e pelo Comando de Policiamento Rodoviário. O investimento na implantação do sistema foi de R$ 6,5 milhões. Os veículos apreendidos por irregularidades são guinchados até o pátio do DER mais próximo do local da autuação, dentre os 33 mantidos pelo órgão nas estradas paulistas. As autuações feitas pelo sistema de radares inteligentes revertem em aprimoramento dos serviços de sinalização, engenharia de tráfego e de campo, policiamento, fiscalização e educação de trânsito (95% do total arrecadado com as multas). Os 5% restantes são destinados ao Funset (Fundo Nacional de Segurança e Educação), administrado pelo Denatran.

PROJETO DE LEI número 20/2011 Autor: Deputado Milton Monti (PR-SP) Ementa: Modifica a legislação tributária, para alterar a tabela progressiva do imposto de renda das pessoas físicas e os limites de deduções. Tabela Progressiva Mensal Base de Cálculo (R$) Até 1.613,09 De 1.613,10 até 2.417,50 De 2.417,51 até 3.223,37 De 3.223,38 até 4.027,67 Acima de 4.027,67 Alíquota (%) Parcela a Deduzir do IR (R$) 7,5 15 22,5 27,5 120,98 302,29 544,05 745,43

Programa para declaração do IR 2011 estará disponível em 1º de março
Daniel Lima Repórter da Agência

GRUPO DE VOLUNTARIOS DE AJUDA AOS PORTADORES DE CANCER DE SÃO MANUEL. EDITAL DE CONVOCAÇÃO Maria Irene Frederico, presidente do Grupo de Voluntários de Ajuda aos Portadores de Câncer de São Manuel, no uso de suas atribuições de acordo com os artigos 15, 17 e 19, do Estatuto Social, pelo presente edital, convoca todos os associados para a Assembléia Geral Ordinária, a realizar-se no próximo dia 25 de fevereiro de 2.011, às 17:30 horas em primeira convocação e, após trinta minutos em segunda convocação, na sua sede situada à Rua: Coronel Rodrigues Simões, nº 113 – B, centro, para deliberar sobre a seguinte ordem do dia: 1º Eleição da nova Diretoria; 2º outros assuntos de interesse da Associação; 3º aprovação das contas do Balanço de Despesas e Receitas; 4º outros assuntos de interesse da Associação. São Manuel, 01 de fevereiro de 2011. Maria Irene Frederico Presidente

O programa para o preenchimento da Declaração do Imposto de Renda Pessoa Física 2011 estará disponível na internet para os contribuintes a partir do dia 1º de março, no endereço www.receita. fazenda.gov.br. A Instrução Normativa 1.126, publicada na quartafeira, 2, no Diário Oficial da União, informa além da data de liberação do programa que os computadores dos contribuintes deverão contar com a máquina virtual Java, versão 1.6 ou superior instalada. Vão ser disponibilizadas três versões com instaladores específicos, compatíveis com os sistemas operacionais Windows, Linux e MacOS X. Outras duas versões estarão

disponíveis para outros sistemas que rodem a máquina virtual Java exigida pela Receita. A Receita irá disponibilizar ainda dois pacotes de instalação específicos do sistema operacional Linux compatíveis com distribuições Debian e RedHat. O programa Receitanet, que irá transmitir os dados para os computadores da Receita, será mantido em versão Java para que o contribuinte também possa usá-lo com a maioria dos sistemas operacionais. A versão teste do programa gerador da declaração do Imposto de Renda Pessoa Física 2011 foi liberada no site da Receita Federal no início de dezembro de 2010. Era uma versão utilizada apenas para testes e já foi retirada do site. Quem fez o

download não poderá usá-la para o preenchimento final da declaração. A Receita Federal tem usado a máquina virtual Java porque o aplicativo funciona como se fosse outra máquina, que aceita os programas da Receita rodando no computador do usuário, seja ele de que tipo for ou que adote a maioria dos sistemas operacionais. Em 2010, segundo o Fisco, foram entregues 23,8 milhões de declarações do Imposto de Renda pela internet até o prazo final. A Receita Federal do Brasil, em razão da proximidade do início do prazo para apresentação da Declaração do Imposto de Renda da Pessoa Física 2011, advertiu que não envia aos contribuintes e-mails e nem intimações para regularização de dados cadastrais.

São Manuel, sexta-feira - 4 de fevereiro de 2011

5A

Colaborador espontâneo

Cornetando
sandrodalio.blogspot.com
Programa “Show da Clube” das 10h às 13h30 na Rádio Clube de São Manuel, 1510 kHz - AM

Telefonia

Por Sandro Dálio

– Viagens

Alô amigos e amigas do jornal O Debate. Fala sério... vocês adoram a sexta-feira né? Primeiro porque o chopinho está geladinho à espera de sua caneca. Segundo porque é o primeiro dia do final de semana. É verdade! Para japonês, o primeiro e único dia de fim de semana é o domingo. Começa de manhãzinha e vai até à tardezinha do domingo. Esse é o fim de semana de japonês. Agora, para nós brasileiros, o fim de semana começa na quinta-feira à noite. É quando fazemos planos para a sexta, sábado e domingo, kkkk. E terceiro, porque sai a coluna “Cornetando” aqui no jornal e você se diverte!!! Kkkk. Duas pessoas adoram essa coluna: Deus e todo mundo, kkkk. Na Prefeitura é assim: Parada de sucessos é o Show da Clube e o programa do Brito. Publicação número 1: O Debate! Internet? Blog Cornetando e EUNOSITE, kkkk. EXTRA! Atendendo a muitos pedidos da população de São Manuel, o prefeito Baroni vai trazer uma fábrica de LACRES para a nossa cidade, kkkk. E para conseguir uma vaguinha terá que entregar currículo e, no lugar da foto, deve ter um escalpo do Bri-

to, kkkk. É o Concurso Público do Lacre! E vem aí “Curso Profissionalizante do Lacre”! Nesse Curso você aprenderá, mesmo sem ter autoridade para isso, a lacrar emissoras comunitárias, kkkk. Adivinha quem será o professor honorário? Kkkk. Daí que o menino chegou para o pai e perguntou: “Paiê! Qual a diferença entre o Baroni, a TAM e o Expresso de Prata?” E o pai: “Sei lá...” E o menino: “Nenhuma! Os três viajam muitoooo!” Kkkk. E na Prefeitura, ao invés de tocar o Hino Nacional de manhãzinha, eles tocam “De São Paulo à Belém” do Rionegro e Solimões! Kkkk. A música viaja o Brasil todo! E dizem que o prefeito foi receber um prêmio de Melhor Prefeito da nossa região! Nossa! Uau! Adivinhem onde foi a entrega do prêmio... em Botucatu? Não! Em Lençóis? Não! Em Pratânia? Não. Foi no Recife! Kkkk. Como o pessoal de lá não sai de São Manuel, eles REALMENTE escolheram nosso prefeito como o melhor, sem dúvida, kkkk. E o menino perguntou para a professora: “Fessora, quem viaja mais: o Baroni ou o jatinho do Jorge e Matheus?” E a Pro-

fessora: “Qué isso menino! Essa é fácil, pergunta outra!” kkkk. E a Marianinha perguntou para o pai: “Paiê! Vamos brincar de adivinhações?” E o pai: “Vamos sim meu docinho!” E a menina: “Eu começo. Pai, você sabe qual o dia que encontra-se o prefeito na prefeitura?”. E o pai: “Caramba! Não sei a resposta, perdiiii!” kkkkk. E um jornalista usou palavras de um Diretor de Faculdade e distorceu tudo o que o Diretor tinha dito. Eita nóis! Daí que o dito jornalista usou para atacar a imprensa que faz oposição ao prefeito. O Diretor foi ao Show da Clube e desmentiu no ar: “Não foi nada disso que eu quis dizer!” kkkk. E ATENÇÃO! Se continuar assim, o prefeito pode lacrar o cemitério, a nova rodoviária, a Ponte do Silva e o ginásio das Cohabs I e II! É a administração do lacre! Não demora muito e o povo lacra ela, kkkk. EXTRA! EXTRA! Quem confidenciou que será candidato em 2012 é o Tatu. É bom, principalmente se for Tatu Bola, aquele que é papa defunto! Porque nossa política está mortinha da silva, kkkk. Vai que é tua Tatu. E passa a régua!

São Manuel não será beneficiada com a mudança da cobrança de área local da telefonia
São Manuel não será beneficiada pela revisão de área local, como acontecerá em até 120 dias para alguns municípios, em relação ao uso de aparelhos telefônicos. A proposta aprovada pela ANATEL faz parte do novo regulamento sobre áreas locais para o Serviço Telefônico Fixo Comutado, que amplia os critérios de definição de áreas locais. A partir de agora será considerado como área local o conjunto de municípios de uma região metropolitana ou região integrada de desenvolvimento (Ride) que tenham continuidade geográfica e pertençam a um mesmo código nacional de área (DDD). Sendo assim, as únicas cidades de nossa região a entrarem nessa lista serão Barra Bonita e Igaraçú do Tietê. Moradores dessas duas cidades passarão a pagar uma chamada local em ligações entre elas, o que reduzirá o valor da conta de telefone fixo.

Educação

Faculdades de São Manuel estão com vestibulares abertos
A Faculdade Marechal Rondon (FMR), filiada a Uninove, continua realizando todos os sábados, às 14h, avaliações para os alunos que ainda pretendam fazer vestibular. Os interessados devem acessar o site www.fmr.edu.br e fazer a inscrição. A taxa cobrada é de R$ 5,00 e os cursos disponíveis são Administração, Fisioterapia, Enfermagem, Direito, Gestão de Recursos Humanos e Gestão da Tecnologia da Informação. O Instituto Municipal de Ensino Superior de São Manuel (IMES) também continua com as inscrições abertas para vestibular nos cursos oferecidos pela faculdade, sendo eles, Letras, Pedagogia ou Psicologia. Para realizar a inscrição, o interessado deve ligar para a secretaria do IMES pelo telefone (14) 3841-3766 ou comparecer na própria instituição, instalada na rua Quintino Bocaiuva, s/n, no centro do Distrito de Aparecida.

Reforma

Mulheres são maioria entre jovens fora da escola e do mercado de trabalho
Amanda Cieglinski Repórter da Agência Brasil

Parte da população de 18 a 24 anos do país pertence um grupo que nem estuda nem trabalha. São cerca de 3,4 milhões de jovens que representam 15% dessa faixa etária. Um estudo do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais (Inep) mostra que as mulheres são mais afetadas por esse problema, muitas vezes em função da maternidade e do casamento. Do total de jovens fora da escola e do mercado de trabalho, 1,2 milhão concluiu o ensino médio, mas não seguiu para o ensino superior e não está empregado. A proporção de jovens nessa situação aumentou de 2001 a 2008, segundo o Inep, e quase 75% são mulheres. Uma em cada quatro jovens nessa situação tinha filhos e quase metade delas (43,5%) era casada em 2008. Para Roberto Gonzales, do Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea), o estudo reflete que a desigualdade de gênero ainda persiste não apenas na diferença salarial, mas no próprio acesso ao mercado de trabalho. “Isso tem muito a ver com a divisão do trabalho

familiar, seja doméstico ou de cuidados com o filho. É uma distribuição muito desigual e atinge em especial as mulheres, por isso você tem tantas meninas fora do mercado e da escola”, diz. Entre as mulheres de 18 a 24 anos que estão na escola e/ ou no mercado de trabalho, o percentual daquelas que têm filhos é cinco vezes menor. Segundo o estudo, Qos dados comprovam que “existe forte correlação entre casamento/ maternidade e a saída, mesmo temporária, da escola e do mercado de trabalho observada para as mulheres”. Uma vez que o processo de escolarização foi quebrado, o retorno aos estudos é bem mais difícil. Para Gonzales, esse afastamento do jovem do mercado de trabalho ou dos estudos pode não ser apenas uma situação “temporária”, como sugere o estudo. Um dos fatos que corroboram essa teoria é a queda da matrícula entre 2009 e 2010 nas turmas de Educação de Jovens e Adultos (EJA), segundo dados do último censo escolar. “A baixa escolaridade não é uma barreira absoluta ao mercado de trabalho, mas é um problema porque há a possibilidade de criar-se um círculo vicioso. A mulher não

terá acesso a bons empregos que dariam experiência profissional e poderiam melhorar sua inserção no futuro”, alerta. Gonzales afirma ainda que as políticas públicas precisam ser mais flexíveis e acompanhar os “novos arranjos” da sociedade para garantir mais apoio a esse grupo de jovens mães. “As pessoas costumam ter uma ideia mais tradicional de educação em que os pais provêm o sustento para que o filho termine a escolaridade, depois ele segue para o ensino superior e entra no mercado de trabalho. E, na realidade, esses eventos não acontecem necessariamente nessa ordem. Assim como temos muitos jovens casais, também temos famílias monoparentais chefiadas por mulheres com filho e isso, muitas vezes, abre espaço para outras trajetórias de vida”, explica. Uma das estratégias básicas para garantir que a jovem consiga prosseguir com seus estudos ou ingressar no mercado é a ampliação da oferta em creche. Atualmente, menos de 20% das crianças até 3 anos têm acesso a esse serviço no país. “Essa é uma das principais barreiras alegadas pelas mulheres inativas”, indica Gonzalez.

NOTIFICAÇÃO

EXTRAJUDICIAL

Notificante: INCORPP INCORPORAÇÕES E EMPREENDIMENTOS IMOBILIÁRIOS LTDA. Notificada: CONSVIAS - EMPRESA PAULISTA DE OBRAS RODOVIÁRIAS LTDA. As partes firmaram Contrato de Prestação de Serviços em 20 de outubro de 2009, sendo certo que a notificada deveria entregar a terraplenagem e pavimentação asfáltica do Residencial VILLA DI CAPRI, no município de Botucatu (SP), no prazo de 90 (noventa) dias, contados a partir da assinatura do referido contrato. Ocorre que, a notificada, sem qualquer justa causa, simplesmente abandonou as obras, bem como os serviços prestados causaram prejuízos à notificante nas Ruas Projetada 1 e Projetada 8. Tendo em vista que tais fatos, por si só, já fazem jus à imediata rescisão contratual, serve a presente para NOTIFICÁ-LO EXTRAJUDICIALMENTE a proceder, no prazo máximo de 5 (cinco) dias úteis, a retomada dos serviços contratados, bem como seja feito o reparo necessário, em caráter de urgência, no tocante aos danos sofridos nas Ruas Projetada 1 e Projetada 8, sob pena de rescisão contratual com ajuizamento de ação de cobrança dos prejuízos causados (danos materiais), danos morais e multa contratual no importe de R$ 50.000,00 (cinquenta mil reais). INCORPP INCORPORAÇÕES E EMPREENDIMENTOS IMOBILIÁRIOS LTDA.

O HC da Faculdade de Medicida de Botucatu recebe nova UTI móvel.

Regional
O DEBATE

São Manuel, sexta-feira - 4 de fevereiro de 2011 - Página 6A

Botucatu

Câmera de segurança flagra ação de bandidos
Imagens de segurança de uma empresa de Botucatu circularam na imprensa nesta semana. Isso porque elas registraram a violência de assaltantes na noite de sábado, 26, mesmo com todo movimento na rua naquele momento. Quatro criminosos, entre eles uma mulher, fecharam uma caminhonete e tiraram o motorista a força. A esposa do motorista, que estava no lado do passageiro, saiu assustada do veículo. A ação foi rápida, a vítima não conseguiu frear a caminhonete que bateu em um carro parado. Um dos bandidos assumiu a direção do veículo e saiu em disparada. As pessoas que passavam pela rua ficaram sem saber o que fazer e o casal da caminhonete saiu correndo do local. A quadrilha fugiu em direção a São Manuel, onde, na Rodovia Geraldo Pereira de Barros, SP-191, acabaram cruzando com uma viatura da PM. Os policiais, ao tentarem abordar a caminhonete, foram recebidos à bala e acabaram revidando para se proteger. Com isso os assaltantes fugiram a pé por um matagal existente ali. Os policiais nada sofreram e a viatura da PM foi atingida no parachoque. A caminhonete, que também foi atingida por cinco tiros, foi recuperada e devolvida ao proprietário após registro do boletim de ocorrência na Delegacia de São Manuel. Os criminosos foram presos após passarem a noite no matagal. Um deles, Marcílio Manoel Mariano, é de Botucatu, os outros três, Jonhy Henrique Campos (22 anos), Valdenyse Tamara de Santi (24 anos) e Marlon Francis Bruno (29 anos), são de Andirá, no Paraná. Marlon já havia sido preso naquele estado com armamento pesado.

Um outro carro utilizado no assalto foi abandonado em Pratânia. Segundo o delegado

dr. Celso Olindo, que investiga o caso, objetos que foram apreendidos nesse veículo

indicam que a quadrilha pode ter praticado outros crimes na região.

Projeto cria banco de dados Hospital das Clínicas sobre árvores do Lageado passa a contar com Desenvolvido por alunos, trabalho vai registrar a quantidade, a moderna UTI móvel localização exata, as características das espécies e a sanidade das
árvores. O objetivo é facilitar o manejo e o controle de doenças.
setores pertencentes à Faculdade de Medicina veterinária e Zootecnia. O objetivo é criar um banco de dados completo com a quantidade, a localização exata, as características das espécies e a sanidade das árvores. Essas informações devem otimizar as atividades de manejo, garantindo que o arvoredo tão admirado pelos visitantes esteja sempre bem cuidado. O Setor de Parques e Jardins da FCA, supervisionado por José Batista da Silva, é responsável por cuidar dos gramados, das áreas Um dos atributos que mais chama a atenção na Fazenda Lageado e colabora para torna-lá um dos principais pontos turísticos de Botucatu e região é a exuberância da natureza. Um trabalho desenvolvido por alunos do curso de Engenharia Florestal da Faculdade de Ciências Agronômicas da Unesp, durante o Programa de Estágio das Fazendas de Ensino, Pesquisa e Produção (FEPP) da Faculdade, vai fornecer os dados completos sobre todas as árvores da Fazenda Lageado, excluindo as áreas de produção e os remanescentes de vegetação natural, dos antigos plantios de eucaliptos e das espécies arbóreas que fazem parte do projeto paisagístico do Lageado. Embora valorosa, a equipe de seis funcionários do Setor tem muito trabalho para cuidar dos quase cem hectares sob sua responsabilidade. As informações coletadas pelos estagiários vão auxiliar muito o trabalho do Setor de Parques e Jardins, como salienta a professora Renata Cristina Batista Fonseca, vice-supervisora das FEPP e orientadora do estágio.
Segurança para pacientes: o interior da UTI móvel com seus modernos equipamentos

Novas regras começam a vigorar no tráfego da Fazenda Lageado
Desde o dia 1º de fevereiro começaram a vigorar as novas medidas tomadas pelas diretorias da Faculdade de Ciências Agronômicas e da Faculdade de Medicina Veterinária e Zootecnia com relação ao tráfego de veículos na Fazenda Lageado. Durante a semana os acessos a Departamentos, Diretoria, Biblioteca, STI, Banco, áreas experimentais e avenida principal do Lageado serão fechados a veículos não autorizados, a partir das 20h até às 6h do dia seguinte. Este final de semana será o primeiro em que as novas regras estarão vigorando. Durante o último final de semana, a equipe de vigilância da FCA distribuiu a todos os visitantes do Lageado um panfleto com todas as informações sobre as novas regras de acesso à Fazenda. A estrada paralela à avenida principal, que dá acesso à área histórica, colônias, museu do Café e Rodovia Alcides Soares permanecerá aberta.

Flávio Fogueral Jornal da FMB

Lençóis Paulista

Priorizando a modernização de seus equipamentos em assistência à saúde, o Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina de Botucatu (HCFMB) recebeu, em janeiro, uma nova Unidade de Terapia Intensiva Móvel, que será destinada para o transporte de pacientes em casos de urgência e emergência da unidade a outros hospitais da região. Com a aquisição, o HCFMB tem duas UTIs móveis à disposição. O novo veículo, um Peugeot Boxer 2010, foi uma doação da Famesp (Fundação para o Desenvolvimento Médico e Hospitalar) que

investiu R$ 100 mil para sua aquisição. A UTI móvel tem como diferencial a climatização do espaço do motorista e do paciente, além de modernos equipamentos para a atenção em urgência e emergência. Compõem a unidade um respirador de transporte, monitor de sinais vitais, material de entubação, aspirador, desfibrilador com cardioversor. Toda a aparelhagem foi comprada com verba do próprio Hospital das Clínicas, que investiu mais R$ 100 mil nessa estruturação. A previsão é que o novo veículo entre em operação nas próximas semanas. Uma equipe multiprofissional, com especialização em transporte de pacientes críticos, ressuscitação e aten-

dimento em casos de urgência e emergência será destinada a esta unidade. Segundo a diretora da Divisão Técnica de Enfermagem do HC, enfermeira Andréia Zamberlan, os dois veículos proporcionarão maior agilidade e conforto aos pacientes e familiares dos usuários do hospital. “É importante haver esse transporte seguro e eficaz dos pacientes em estado crítico”, salienta. Outro ponto frisado por ela será a estruturação do serviço desse tipo de transporte. “Contaremos ainda com uma equipe de recursos humanos fixa, capacitada para esse tipo de transporte”, complementa.

Areiópolis Homem acusado de estuprar a própria filha em Prefeitura incentiva Lençóis Paulista é preso doação de medicamentos
Após quatro anos foragido por estuprar a própria filha em Lençóis Paulista, Edson Aparecido Sérgio foi preso na cidade de Bofete, na quartafeira, 2. De acordo com o Boletim de Ocorrência, quando PMs passavam pela rodovia SP 147, viram Edson em atitude suspeita. Ao realizar a busca dos antecedentes criminais junto ao COPOM, foi verificado que o acusado estava sendo procurado por ter infringido o artigo 213 (estupro) contra a própria filha. Após ter sido encaminhado ao 1º Distrito Policial de Bofete, Edson foi levado à Cadeia de Conchas. A Prefeitura de Areiópolis está realizando uma campanha incentivando a doação de medicamentos não mais utilizados pela população. De acordo com o site oficial do executivo, é grande o número de medicamentos que não são utilizados até o final e muitas vezes acabam ficando guardados e vencem. Medicamentos estes que poderiam ser utilizados por outras pessoas. Contando com a colaboração da população, a prefeitura está arrecadando medicamentos não vencidos na farmácia da Unidade Mista de Saúde.

São Manuel, sexta-feira - 4 de fevereiro de 2011

7A

Minicursos

Progresso

Aulas de curta duração podem ser feitas de qualquer computador com acesso à Internet
Os MiniCursos do Acessa SP, que oferecem à população dicas sobre temas relevantes do dia-a-dia através de aulas à distância, tem quatro novos temas disponíveis para acesso gratuito em seu portal na internet: cuidados com o carro; técnicas de textura em parede; como jogar xadrez e como cuidar de crianças. Desenvolvidos para dar apoio à cultura de educação popular à distância, os MiniCursos do Acessa SP são divididos em uma quantidade variável de aulas, geralmente de três a cinco, e tem conteúdo didático de fácil entendimento. Ao final de cada aula, um questionário é aplicado para testar e fixar o aprendizado. Para participar dos MiniCursos, basta acessar o site http://minicursos.acessasp. sp.gov.br, realizar a matrícula gratuitamente e escolher um dos 14 temas disponíveis para estudo. Quem não tem Internet em casa pode procurar um dos 612 postos do Acessa SP espalhados pelo Estado. Veja a lista de minicursos disponíveis: – Como preparar um currículo – Consumidor: você tem direitos – Etiqueta na Internet – Doce sem açúcar – Segurança pessoal – Como fazer uma horta – As doenças do sexo: DSTs e Aids – Como fazer nós de gravata – Dengue, uma guerra a ser vencida – Controle suas finanças pessoais – Como cuidar do automóvel – Como cuidar de crianças – Técnicas de textura em parede – Como jogar xadrez Mais de 51 mil usuários já participaram dos MiniCursos do Acessa SP, no ar desde 2007. Os campeões de acesso são os conteúdos sobre a elaboração de currículos e direitos do consumidor. Acessa SP – o Acessa SP é um programa de inclusão digital do Governo do Estado de São Paulo que ultrapassou a marca de 50 milhões de atendimentos. Desde a sua fundação, em 2000, são mais de 2 milhões de usuários cadastrados. Ao todo, são 612 postos em funcionamento em 531 municípios, com mais de 5 mil computadores e 1,2 mil monitores. O programa Acessa SP está vinculado à Secretaria de Gestão Pública e é gerido pela Prodesp (Companhia de Processamento de Dados do Estado de São Paulo).

Pesquisa mostra otimismo das famílias brasileiras em relação ao futuro do país
Alana Gandra Repórter da Agência Brasil

Cadáver

Projeto leva às escolas noções sobre riscos do uso abusivo de medicamentos
Agência Brasil

Pesquisa divulgada terçafeira, 1º de fevereiro, no Rio de Janeiro, pelo Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea), revela que as famílias brasileiras estão otimistas em relação ao país, apesar das medidas tomadas pelo governo para frear o ritmo de crescimento da economia. A sexta edição do Índice de Expectativas das Famílias (IEF) mostra que a expectativa dos brasileiros atingiu em janeiro 67,2 pontos, 4,02% a mais do que o índice apurado em dezembro do ano passado, que foi de 64,6 pontos. “Esse é o maior índice alcançado em seis meses”, destacou o presidente do Ipea, Marcio Pochmann. Quando a pesquisa foi iniciada, em agosto de 2010, o índice era de 62,8 pontos. De lá para cá, o indicador subiu 7%. A pesquisa de janeiro foi feita em 3,8 mil domicílios de 214 municípios. Segundo Pochmann, a população ainda não sentiu os efeitos das medidas de restrição ao consumo. “Pela expectativa em relação às decisões de compra e a avaliação sobre a situação financeira e econômica para os próximos

12 meses, a pesquisa mostra aumento do otimismo das famílias em relação a (perspectiva de) consumir mais”. Os mais otimistas estão na Região Centro-Oeste, que registrou 76,6 pontos, 8,6% a mais do que a pontuação de dezembro (70,5 pontos). Em relação a agosto de 2010, quando a pesquisa foi iniciada, o registro é de queda do otimismo das famílias que vivem nas regiões Norte (2,1%) e Nordeste (- 1,8%), e de melhora das expectativas no Sul (+ 12,9%), CentroOeste (+ 12,5%) e Sudeste (+ 11,8%). O presidente do Ipea admitiu que existe, de acordo com o IEF, uma desconexão entre as expectativas das famílias e as decisões que estão sendo anunciadas pelo governo federal. Embora a projeção seja de desaceleração do crescimento econômico, as famílias têm a percepção de que estarão em situação melhor do que há um ano. O Ipea projeta para este ano crescimento pouco acima de 5%. “Em algum momento, haverá algum ajuste, seja do ponto de vista das decisões governamentais, para desacelerar ainda mais a economia, ou uma melhor decisão, por parte dos consumidores”. A pesquisa mostra que as

pessoas com maior renda e maior escolaridade tendem a ter uma perspectiva mais otimista em relação à situação econômica e financeira do país. Pochmann lembrou que, na saída da crise internacional de 2008, ocorreu uma recuperação de empregos na base da pirâmide social, principalmente nos setores ligados à construção civil, à indústria e ao comércio. “Hoje, nós percebemos que o avanço dos investimentos vem permitindo às empresas contratar pessoas com mais alta escolaridade e remuneração mais alta. Por outro lado, a escassez de mão de obra qualificada faz com que as empresas passem a remunerar um pouco melhor os seus trabalhadores”. Isso aumenta o otimismo nas chamadas classes mais favorecidas, admitiu Pochmann. A expectativa das famílias sobre a situação econômica do Brasil nos próximos 12 meses é de melhoria para 64% dos entrevistados. Esse índice sobe para 68,1% na região Centro-Oeste. Nos próximos cinco anos, a percepção é de melhoria da situação para 60,92% das famílias e de piora para 12,41%. De novo, o Centro-Oeste apresenta a melhor expectativa no médio prazo: 72,2%.

Saúde

Escolas públicas de 70 cidades vão participar este ano do projeto Educanvisa, promovido pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa). O projeto vai preparar professores e agentes das vigilâncias sanitárias locais para ensinar em sala de aula conceitos de

saúde e vigilância sanitária. As palestras vão enfocar os riscos do uso indiscriminado de medicamentos, a qualidade da alimentação e a influência da propaganda nos hábitos de consumo. De acordo com a Gerência de Fiscalização e Monitoramento da Propaganda da Anvisa, o profissional de vigilância sanitária é capacitado para ajudar a es-

cola. O Educanvisa também prevê visitas a farmácias, supermercados e outros estabelecimentos fiscalizados pela vigilância sanitária. Todas as escolas podem participar. Basta aderir ao projeto na vigilância sanitária local. De 2006 a 2010, o Educanvisa atendeu mais de 66 mil alunos do ensino fundamental em 191 cidades.

OMS alerta para falta de tratamento contra colesterol alto
Paula Laboissière Repórter da Agência Brasil

Polícia

“Gerente do Tráfico” de São Manuel é presa
A Polícia Civil de São Manuel prendeu na sexta-feira, 28, por volta das 11h, uma jovem da Cohab I, que segundo a polícia é a gerente do tráfico em São Manuel. Informações dão conta que a jovem comandava pontos de venda de drogas das Cohabs I e II. Junto com ela, foram apreendidas 250 pedras de crack. O programa “Show da Clube”, da Rádio Clube de São Manuel entrevistou, com exclusividade, a delegada, dra. Ana Carolina de Brito Machado, que no momento fazia o interrogatório da presa, que foi transferida para a Cadeia Pública Feminina de Itatinga, onde está à disposição da Justiça.

Um estudo publicado terça-feira, 1º de fevereiro, pela Organização Mundial da Saúde (OMS) alerta para a falta de tratamento para pessoas com altos níveis de colesterol. De acordo com o estudo, a maioria dos pacientes não recebe orientação médica para reduzir o risco de doenças cardiovasculares como o infarto e o derrame. Entre os países com pior desempenho estão a Jordânia e a Tailândia, onde

a situação foi considerada alarmante por conta do uso limitado de medicamentos e dos altos índices de pessoas adultas com colesterol alto. Em 2005, as doenças cardiovasculares foram responsáveis por 18 milhões de óbitos em todo o mundo. Por causa disso, a OMS traçou um objetivo global de reduzir em 2a% ao ano as mortes por doenças crônicas até 2015. Segundo a pesquisa, reduzir os níveis de colesterol é uma das estratégias centrais para reverter o alto índice de óbitos por doenças cardiovasculares. A OMS

destacou que há disponibilidade de medicamentos seguros e altamente eficazes no combate ao alto colesterol, além de métodos de baixo custo para diagnosticar pacientes com o problema. “Em países com diferentes níveis de investimento, uma grande proporção de indivíduos que poderiam se beneficiar de medicamentos que reduzem o colesterol permanece sem conhecimento desta oportunidade, capaz de diminuir os riscos de doenças cardiovasculares, ou permanece sem tratamento, apesar de estar consciente da situação”, diz a pesquisa.

Faleceu no dia 25/01 a senhora Catharina Fernandes de Lima, com 76 anos, deixando viúvo o senhor Pedro Pedroso de Lima. Deixa também os filhos Lourival, Mirian, Eunice, Diná, Abigail, Marta, Izabel, Dórca e Marcos. Era residente em São Manuel. Faleceu no dia 29/01 a senhora Alice da Silva Piovan, com 88 anos, era viúva do senhor Apparecido Piovan. Deixa os filhos Neuza, José Carlos, Luiz e Aparecida (Cidinha). Era residente em São Manuel. Faleceu no dia 30/01 a senhora Leonildes Avanço Furlaneti, com 83 anos,

era viúva do senhor Vitório Furlaneti. Deixa o filho Ademir. Era residente em São Manuel. Faleceu no dia 30/01 o senhor Pedro Lotério (Pedrão da Fiação), com 78 anos, deixando viúva a senhora Lourdes Gaffo Lotério. Deixa também as filhas Maria Cecília e Mirna. Era residente em São Manuel. Faleceu no dia 31/01 o senhor Luiz Chiquinado, com 86 anos, deixando viúva a senhora Thereza Cornélia Miraia Chiquinado. Era residente em Areiópolis. Faleceu no dia 31/01 o senhor Osvaldo Teixei-

ra, com 51 anos, solteiro. Deixa irmãos, cunhados e sobrinhos. Era residente em Areiópolis. Faleceu no dia 31/01 a senhora Benedita Rosa, com 81 anos, era viúva do senhor José de Campos. Deixa os filhos Maria, Benedito, Malvina, Maria Aparecida, José, Aparecida, Janice e Sinezio. Era residente em Pratânia. As famílias enlutadas agradecem a todos pelas manifestações de carinho, amizade e solidariedade que receberam quando do doloroso transe por que passaram.

8A

São Manuel, sexta-feira - 4 de fevereiro de 2011

Centenário

Santuário de Nossa Senhora Aparecida completa 100 anos

O Santuário de Nossa Senhora Aparecida completou seu primeiro centenário de dedicação a Nossa Senhora no dia 2 de fevereiro. De acordo com o blog oficial do santuário, aconteceu um tríduo nos dias 30, 31 de janeiro e 1º de fevereiro com missa de ação de graças pela data. Parte Recreativa – para comemorar a data haverá também um show de prêmios amanhã, sábado, 5, a partir das 19h30 no Salão Paroquial. Outras missas – na sexta-feira, 11, será celebrada a missa de Nossa Senhora de Lurdes, no Dia Mundial dos Enfermos (benção da saúde), a partir das 15h e a Paróquia Nossa Senhora Aparecida convida toda a comunidade de São Manuel para assistir a essa missa especial. História – segundo artigo feito em 2004 pelos alunos do 4º ano A, da Escola Municipal “Prof. Hélio da Silva”, e publicado no blog “Reacionário” de Eduardo Delamônica, em 1858 foi erguida no local do atual santuário uma capela, também dedicada à santa. Na época, o terreno havia sido doado pelos primeiros moradores do distrito. Através de trabalhos caseiros feitos por mulheres piedosas, em 1866 foi comprado um sino de bronze, que foi colocado no alto de um poste que ficava ao lado da capela. “Pela primeira

vez a selva são-manuelense foi despertada pela voz de bronze, fruto do prodigioso poder da fé dos antigos sertanejos”, menciona o historiador Luiz Sicchiera em seu livro “Raízes de São Manuel”. Por muitos anos a população daquele tempo celebrava em 8 de dezembro o dia de Nossa Senhora da Imaculada Conceição. O evento era o maior da região, no que se refere a acontecimentos religiosos, e chegava a atrair romeiros de outros estados. Em 25 de agosto de 1882 foi fundada a Paróquia Nossa Senhora Aparecida, a pedido do bispo Dom Lino Rodrigues de Carvalho. Para comemorar o momento, a imagem que enfeita o santuário foi transportada de Portugal ao Brasil em cargueiros, e da cidade de Mogi Mirim até o distrito, em lombo de burro. A imagem, no entanto, se parece com Nossa Senhora da Assunção e, por isso, a data comemorada pelos fieis atualmente é no dia 15 de agosto, dia da Assunção de Maria ao Céu O atual santuário foi construído em 2 de fevereiro de 1911 e inaugurado pelo então bispo de Botucatu, Dom Lúcio Antunes de Souza. O número de visitantes cresceu de tal forma que na década de 70 foi necessário construir uma gruta ao lado do santuário devido à grande quantidade de fieis e para que o calor das velas

não prejudicasse a parte interna do santuário. Feita pelo padre João Morando, a gruta foi reformada anos depois de sua construção e mantida pelo devoto de Nossa Senhora e comerciante da época, Renato Tedesco. A história preservada nos sinos – a História do Santuário de Nossa Senhora Aparecida também se encontra gravada nos velhos sinos instalados na torre do local. Integrante no passado da rotina ritualística do povo, os sinos tinham uma espécie de fonte de informação e quando eram acionados, era porque algo estava acontecendo. Era preciso sair às ruas para ver do que se tratava. No alto da torre do santuário, os sinos instalados são objetos de grande valor sentimentalhistórico da gente de Aparecida de São Manuel. No sino colocado no centro da torre, é possível ler: “Promessa que fez Pedro Antonio de Barros a N. Srª. Aparecida da Água da Rosa – Município de Botucatu – 1877”. Num segundo sino é possível ler também os dizeres: “Virgem Consoladora enviastes teus missionários por tuas glórias na terra de Santa Cruz, rogai por nós. Aparecida – 25 de março de 1962”. O terceiro sino não possui nenhum dizer grafado, mas também aparenta ser bem antigo.

Colaborador espontâneo

Tudo o que você precisa saber sobre os sapatos do inverno 2011
O que você vai usar nos pés durante o inverno 2011? A 38ª Feira Internacional de Calçados, Artigos Esportivos e Artefatos de Couro, a Couromoda, que aconteceu entre os dias 17 e 20 de janeiro, no Parque do Anhembi em São Paulo trouxe muitas novidades. Os lançamentos estão democráticos e repetem muitas das tendências já vistas no último verão (dá para reaproveitar vários modelos que você já deve ter!). A seguir, uma lista com as principais apostas da feira para os dias frios. Oncinha – o Minas Trend Preview antecipou em novembro de 2010 o animal print para o inverno e os expositores da feira na capital paulista reafirmam: a estampa de onça marca presença em sapatilhas, sandálias e botas. Hit certo nos pés das fashionistas nesses próximos meses (novamente!). Brilho – pode se preparar para iluminar seus looks com sapatos brilhantes. Seja o brilho vindo de metais (seguindo a overdose de peças metalizadas apresentadas nos desfiles de inverno 2011, em Paris), do glitter (forte tendência do hemisfério Norte) ou paetês; todos têm espaço na temporada. Masculinos – não jogue fora seu oxford do verão! O sapato masculino aparece novamente para os dias invernais, ao lado dos mocassins (seguindo os passos apontados na passarela de inverno 2011 da Balenciaga). Vale usá-los também na versão salto alto, coloridos, neutros, com mix de materiais, vernis e estampados.

Reforma

Rádio Clube terá novos estúdios em breve

Botas, botinhas, botonas – acredite, há botas para todos os gostos e estilos nesse inverno. Modelos caubói com o cano baixo voltam com tudo; as motociclistas dividem as prateleiras com as montarias; e até as galochas dão pinta, agora menos coloridas e com acabamentos que lembram botas de couro. Militar – os coturnos continuam fortes na próxima estação e a mesma onda militar deles inspira os novos modelos de botas que prometem ser sensação da temporada: feitas de couro ou camurça, tem cano médio, cadarço e aparecem com ou sem salto - muitas vêm enfeitadas com detalhes em pele, tachas e fivelas. Pelo – não são só nas roupas que a pele deve aparecer. As botas também ganham detalhes em pelo de ovelha, coelho ou fakes. Abotinadas – as sandálias abotinadas e ankle boots peep toe, que apareceram aos montes nas últimas estações, vêm com fôlego renovado nas próximos meses. Agora, trazem acabamentos diferenciados, recortes e cores invernais.

Anabelas – seja qual for o modelo do sapato alto que você quiser usar, ele pode ser anabela. O salto marca presença nos calçados do inverno, bem mais fechados do que os do verão. Kitten heels – o salto mais baixo, tipo gatinho, se estende em mais uma temporada. Dessa vez, é destaque, principalmente, em escarpins de bico fino, que ensaiam um retorno de sucesso à moda brasileira, seguindo os passos do desfile de inverno 2011 da Prada. Flats – curingas e sempre na moda - e renovadas com a onda do Cisne Negro -, as sapatilhas do inverno ganham detalhes em pelo, veludo, xadrez e brilho. Destaque também para os modelos com ponta fina. Cores – predominam os tons neutros (como preto e variações do marrom), ao lado de cores sóbrias (principalmente o vinho, verde floresta e roxo escuro) e pitadas de amarelo vivo, vermelho, azul royal e marinho. Fonte: CHIC

. . . .

Muitos ouvintes estão percebendo, em alguns momentos, barulhos diferentes na transmissão da Rádio Clube, junto com a voz dos locutores. Barulhos como batidas de martelo, ruído de serra e furadeira. É o barulho da presença de trabalhadores empenhados na construção de novos estúdios para a emissora. É isso mesmo, a Rádio Clube de São Manuel, 1510kHz-AM, está em reforma. Já são duas semanas de trabalho e os novos estúdios devem ficar prontos nos próximos dias. Com novo visual e detalhes de última geração, as novas salas garantirão ainda mais qualidade

e conforto aos locutores e convidados da emissora. A reforma faz parte de um ambicioso projeto de expansão da atual diretoria, que tem à frente Liliana Monti, como Diretora Presidente e Tânia Casquel, como Diretora Geral da emissora. Embora os estúdios da emissora tenham apenas 10 anos, a decisão de reformá-los foi tomada para que a rádio acompanhe a modernidade. O carpete foi removido para dar lugar a novo piso e será instalado um moderno sistema de ar condicionado. No estúdio principal está sendo colocada uma ampla janela para

proporcionar uma iluminação natural, diminuindo assim o consumo de energia elétrica. Uma iniciativa ecologicamente correta. Essa janela também irá oferecer aos locutores e visitantes um local mais agradável, sem a sensação de estarem presos em uma sala totalmente fechada. Improviso – Em virtude das obras que estão ocorrendo durante dia e noite, algumas adaptações foram necessárias na rádio. Com isso, a direção da emissora dos 1510kHz-AM conta com a compreensão dos ouvintes e reitera que os esforços valerão a pena.

Aconteceu domingo, 30 de janeiro, o “1º Encontro de Rádio Amadores de São Manuel” no salão do Lions Clube. Página 3B

2

º CADERNO
O DEBATE
tarefa, Carlão retornou para Barra Bonita, cuidando das emissoras da RB, e deixou a parte técnica da Rádio Clube a cargo de Toninho Cordão. “Em 2004, Tânia Casquel, que assumira a direção geral da estação, convidoume para cuidar da parte técnica da emissora, e aqui estou até hoje”, revela Carlão. Desde então ele passou a ter um contato ainda mais próximo com todos os funcionários da Rádio Clube AM. Segundo Carlão, um fato curioso da Rádio Clube é que a incidência de raios e o índice pluviométrico em São Manuel, é acima da média vista em outras cidades da região, o que faz com que a emissora seja afetada muitas vezes. “Mas, devo ressaltar que hoje em dia a Clube tem equipamentos novos e a direção da emissora trabalha com uma excelente manutenção preventiva, o que garante a qualidade da estação e atesta o seu pioneirimo”, diz Carlão. Carlão gosta muito de conversar com as pessoas, e tem uma voz grave bastante acentuada. Mas revela que nunca pensou em ser locutor: “Sempre gostei de sonoplastia e não de locução. Uma vez, ao realizar a manutenção nos microfones da Rádio Sintonia de Dois Córregos, o sonoplasta me pediu para falar para fazer um teste do equipamento. Ele gravou o que falei, e eu ouvi isso quando saí para o corredor. Não gostei, pois não gosto de minha voz, voltei ao estúdio e fiz o rapaz deletar tudo aquilo do arquivo”, ele conta rindo. Para Carlão, a Rádio Clube de São Manuel já antecipou o futuro da comunicação ao iniciar sua transmissão em tempo real via internet. “Assim como a direção da emissora, eu também aguardo ansiosamente a definição do sistema digital para rádio AM, e tenho certeza de que a Clube será novamente a pioneira, sendo uma das primeiras na região a realizar sua transmissão por esse sistema”, afirma ele, sempre entusiasmado por trabalhar em uma estação de rádio pioneira no Brasil, a Clube, perto de completar seus 72 anos de existência.

São Manuel, sexta-feira - 4 de fevereiro de 2011 - Página 1B

Ponto de Vista

- por Gildo Sanches

– Série “Histórias da Rádio Clube, 1510 kHz - AM”

Carlos Alberto Céspede é de Barra Bonita, nascido em 18 de junho de 1966, filho de Iraci Célia Valadão de Freitas Céspede e Geraldo Céspede. Ele é casado com Maria Conceição Pereira Céspede, e o casal tem a filha Bruna Fernanda. Carlão, como é conhecido, é o homem responsável pela parte técnica do parque transmissor da Rádio Clube de São Manuel AM. Ele nos conta que por volta de 1985 começou atuando como sonoplasta na Rádio Canoa Grande, de Igaraçu do Tietê, onde fazia sonoplastia para Paulo Gamberine, hoje locutor da Rádio Jauense e também vereador na cidade. Curioso na parte eletrônica, ele tinha como hobby frequentar oficinas de eletrônica que faziam manutenção de rádios e televisores. Em 1988, Carlão foi trabalhar na Usina da Barra, no laboratório, realizando também a análise da canade-açúcar que era processada. Na entressafra, período em que a empresa ficava parada, ele prestava serviços para a própria Usina como auxiliar de eletricista. “No ano de 1991 eu pedi a conta na Usina da Barra e fui trabalhar na Rádio Emissora da Barra. Nessa época atuei como técnico de gravação na RB1 (emissora AM) e RB2 (emissora FM)”, lembra Carlão. Nesse tempo o responsável pela manutenção da parte técnica das mesmas emissoras era o saudoso Antônio Elzo Cordão, que era de São Manuel. Foi aí que Carlão iniciou-se de fato como técnico, fazendo a manutenção de simples cabos de microfones. Aos poucos o que era um hobby começou a ser uma habilidade. Carlão começou a fazer limpeza nas antigas cartucheiras (que rodavam comerciais), gravadores de rolo Akay e até mesmo limpeza nos transmissores de rádio AM e FM. “Na verdade, quando comecei a realizar a limpeza nos transmissores, passei a analisar os problemas relatados pelos operadores dos equipamentos existentes no parque transmissor, e informava tudo ao Toninho Cordão”, relata Carlão. Em

Grande de tamanho e grande de coração: Carlão com sua esposa em uma confraternização da Rádio Clube

Carlão Céspede
Ele coordena todo o parque transmissor da Rádio Clube de São Manuel
meados da década de 90 ele recebeu um convite de Elói, então encarregado do Controle de Qualidade e Assistência Técnica da empresa Ciclotron, de Barra Bonita, e aceitou. Teve a oportunidade de assumir a parte de manutenção dos transmissores da Rádio Emissora da Barra (AM e FM) e da Rádio Canoa Grande, de Igaraçu do Tietê. “Nessa nova empreitada, comecei a desenvolver projetos de transmissores para emissoras FM e outros equipamentos. Tive sucesso e foram comercializados de início 10 transmissores para emissoras de várias regiões do Estado de São Paulo”, diz ele. Certo dia, ao receber a visita de um amigo de São Paulo, experiente na fabricação de tais transmissores, Carlão aperfeiçoou ainda mais os seus serviços e começou a fazer manutenção para retransmissão em repetidoras de televisão. Aproximadamente seis meses depois de iniciar esse novo trabalho, ele recebeu a visita de um técnico da afiliada do SBT em Jáú, que lhe passou mais conhecimentos na área. No final da década de 90 nosso entrevistado foi o responsável pela montagem de uma retransmissora da Rede Vida em São Carlos, uma emissora de 1000 wats, potência considerada alta para um canal de televisão. “Na virada do século XX para o século XXI, tive a oportunidade de conhecer Ildemar Juliano, um dos melhores técnicos de rádio AM do Brasil. A partir daí, graças ao grande conhecimento adquirido, recebi muitos convites para assumir a manutenção de emissoras de rádio, tanto de AM quanto de FM”, ele ressalta. Por cada lugar que passou, Carlão teve a oportunidade de aprender um pouco mais, unindo os conhecimentos técnicos obtidos através de muita leitura e da prática. “Em uma oficina mecânica, na Usina da Barra, tive oportunidade de me especializar na área elétrica, na Rádio da Barra tive a iniciação técnica em eletrônica e na Ciclotron adquiri a expetiência em áudio”, acentua Carlão. No ano 2000, Liliana Monti, diretora presidente, e Caio Silva, diretor geral, da Rádio Clube de São Manuel, chamaram Carlão para auxiliar na mudança do parque transmissor da emissora e aumentar a potência da mesma, de 250 wats para 1000 wats. Quando concluiu essa

. . . .

2B

São Manuel, sexta-feira - 4 de fevereiro de 2011

Gustavo e Tiago

Paulinho e Raíssa

Shitão e Lú

Eduardo e Márcinho

e Giovana, Nádia e Alin

Marli e Rogérinho

Leandro e Danilo

Zé e Douglas

Carol e Juninho

Gabi e Henrique

Robson e Rafael

Hugo e Camila

João e Rodrigo

Gustavo e Francis

Rafa e Neto

. . . .

São Manuel, sexta-feira - 4 de fevereiro de 2011

3B

Colaborador espontâneo

Evento

Fábula o urso e a panela!
Certa vez, um urso faminto perambulava pela floresta em busca de alimento. A época era de escassez, porém, seu faro aguçado sentiu o cheiro de comida e o conduziu a um acampamento de caçadores. Ao chegar lá, o urso, percebendo que o acampamento estava vazio, foi até a fogueira, ardendo em brasas, e dela tirou um panelão de comida. Quando a tina já estava fora da fogueira, o urso a abraçou com toda sua força e enfiou a cabeça dentro dela, devorando tudo. Enquanto abraçava a panela, começou a perceber algo lhe atingindo. Na verdade, era o calor da tina... Ele estava sendo queimado nas patas, no peito e por onde mais a panela encostava. O urso nunca havia experimentado aquela sensação e, então, interpretou as queimaduras pelo seu corpo como uma coisa que queria lhe tirar a comida. Começou a urrar muito alto. E, quanto mais alto rugia, mais apertava a panela quente contra seu imenso corpo. Quanto mais a tina quente lhe queimava, mais ele apertava contra o seu corpo e mais alto ainda rugia. Quando os caçadores chegaram ao acampamento, encontraram o urso recostado a uma árvore próxima à fogueira, segurando a tina de comida. O urso tinha tantas queimaduras que o fizeram grudar na panela e, seu imenso corpo, mesmo morto, ainda mantinha a expressão de estar rugindo. Quando terminei de ouvir esta história de um mestre, percebi que, em nossa vida, por muitas vezes, abraçamos certas coisas que julgamos ser importantes. Algumas delas nos fazem gemer de dor, nos queimam por fora e por dentro, e mesmo assim, ainda as julgamos importantes. Temos medo de abandoná-las e esse medo nos coloca numa situação de sofrimento, de desespero. Apertamos essas coisas contra nossos corações e terminamos derrotados por algo que tanto protegemos, acreditamos e defendemos. Para que tudo dê certo em sua vida, é necessário reconhecer, em certos momentos, que nem sempre o que parece salvação vai lhe dar condições de prosseguir. Tenha a coragem e a visão que o urso não teve. Tire de seu caminho tudo aquilo que faz seu coração arder. Solte a panela! “Bom mesmo é ir à luta com determinação, abraçar a vida e viver com paixão, perder com classe e viver com ousadia. Pois o triunfo pertence a quem se atreve, e a VIDA é muito bela para ser insignificante”. Tenham um final de semana maravilhoso! Abraços e sucesso!!!

Encontro reúne amantes do radioamadorismo

Abraços e Sucesso!!! MBA em Gestão de Pessoas e Pós Graduação em Gestão Empresarial

Festa

Amanhã começa a Festa do Milho
A 2ª Festa do Milho, promovida pela Paróquia São Manuel, acontece nos dias 5, 6, 12 e 13, a partir das 19h30, no pátio do Colégio Hollus, em São Manuel. A festa oferece sopa de milho, pamonha, pamonha mineira, milho cozido, pastel de milho, curau, bolo de milho, suco e batida de milho, sorvete de milho verde, polenta frita, canjica, cachorro-quente, cuscuz, tô crespinho, pipoca, espetinhos e bebidas. A Paróquia São Manuel, que tem a frente o pároco padre Durvalino Condicelli, convida a população da cidade e da região para prestigiar o evento e saborear as delícias do milho.

Balada

Festa Beneficente do Grupo de Voluntários de Ajuda aos Portadores de Câncer
O Grupo de Voluntários de Ajuda aos Portadores de Câncer de São Manuel irá realizar na sexta-feira, 11, a partir das 23h, uma Festa Beneficente na casa noturna “Kazza Hall”. A noite contará com a participação das duplas Eli Ricardo & Rangel e Gui & Léo e Dj. Os ingressos podem ser comprados a R$ 10,00. Mais informações na sede do grupo que fica na rua Cel Rodrigues Simões, 113. ou pelo telefone (14) 3841-2193.

No domingo, 30, aconteceu o “1º Encontro de Radioamadores de São Manuel”. O evento reuniu, no salão de festas do Lions Clube, mais de 500 aficionados pelo radioamadorismo, de São Manuel, outras cidades de São Paulo e até de outros Estados como Paraná, Rio de Janeiro, Minas Gerais e Goiás. A abertura foi feita às 8h30 pelo advogado dr. Silvio Roberto Mazetto – PU2 TGL, organizador do encontro. Durante seu discurso, Silvio disse que o principal objetivo para a realização do encontro foi a amizade. “Não estamos aqui para fins lucrativos. Temos sim stands expondo e comercializando aparelhos antigos e de última geração, mas o principal motivo de estarmos aqui é para mostrar a importância do radioamadorismo em unir pessoas, em criar amigos. Estamos aqui para celebrar essa amizade, e em muitos casos, nos conhecer pessoalmente”, disse Mazetto, muito emocionado. Logo após a abertura foi servido um café da manhã, quando os radioamadores tiveram oportunidade de se conhecer, conversar entre si trocando informações sobre tecnologias e contando suas histórias vividas em torno desse meio de comunicação. A Polícia Militar, que é usuária do sistema de comunicação via rádio, esteve presente mostrando seus equipamentos e armas utilizados em seu dia-a-dia. A PM apresentou também o trabalho de adestramento de seu canil. Eles mostraram como um cão muito bem adestrado pode ajudar a polícia em seu trabalho. Durante todo o dia, várias empresas estavam em seus stands expondo e vendendo produtos relacionados ao radioamadorismo, como rádios, antenas, microfones,

coletes e bonés estampados na hora com os prefixos dos participantes, e muitos outros itens. Uma empresa norteamericana também esteve presente no “1º Encontro de Radioamadores de São Manuel”. Foi montado um antiquário de radioamadorismo, um mercado de pulgas, onde eram expostos e comercializados aparelhos usados: antigos e modernos. Após o almoço, foi apresentado um novo sistema, que com a ajuda de um software, o radioamador pode se comunicar através de um computador. Basta instalar uma placa receptora de sinal, controlada pelo programa, em um computador equipado com placa de som. O software simula a interface de um aparelho radioamador, onde se pode encontrar todos os recursos do equipamento físico. Segundo os apresentadores desse sistema, as grandes vantagens de se utilizar um computador com o programa são a qualidade de som recebido e o preço, pois com pouco mais de 70 dólares é possível montar a placa receptora para instalar em um computador. Antes do encerramento do evento foi feita uma homenagem ao radioamador presente com o registro mais antigo e, por uma decisão conjunta entre os organizadores e todos os presentes, houve um

empate técnico. Pedro Paulo Zúccari, de Botucatu, e Arlindo Chico, de São Manuel, que têm apenas alguns meses de diferença em suas licenças, o que segundo os participantes é pouco tempo em relação aos mais de 60 anos de atividades dos dois. Também foram homenageados o radioamador com a licença mais nova e a maior caravana, sendo que esse título ficou com os representantes de Piracicaba, com 14 integrantes, seguida pela caravana de Botucatu com 13. Depois das homenagens prestadas foi feito um sorteio de equipamentos. No encerramento, acabou sendo a vez de Silvio Roberto Mazetto receber homenagens de todos os presentes por proporcionar um encontro que ficará na história do radioamadorismo de São Manuel. Um encontro que reuniu novos e antigos amigos. Novamente muito emocionado, Mazetto agradeceu a todos os participantes e à sua família, principalmente a esposa, e também advogada, dra. Jackeline Farfan Mazetto e sua filha Daniella, pelo apoio e a compreensão da importância pare ele em realizar esse encontro. Empolgado, Silvio, prefixo PU2 TGL, deu como encerrado o evento prometendo que esse seria apenas o primeiro de muitos outros por vir.

Balada

Bazar Girassonhos
Nos dias 9, 10 e 11 de fevereiro, o Projeto Girassonhos estará realizando o Bazar com roupas novas e seminovas. Além de roupas, o bazar estará vendendo acessórios em geral entre outras utilidades. O horário de funcionamento será das 9h as 16h, no Projeto Girassonhos, que fica na av. São Paulo, nº 75 na Cohab II.

4B

São Manuel, sexta-feira - 4 de fevereiro de 2011

Jesus e as Crianças
Os Apóstolos ainda não tinham aprendido a generosidade e a bondade de Jesus e queriam afastar as crianças que correram ao encontro dele. Jesus indagou e mandou chamá-las para perto de si: “Deixai vir a mim as criancinhas, pois o reino de Deus é dos que se assemelham a elas”. Para entrar no céu precisamos ser como as crianças, não na falta de juízo, mas na simplicidade e inocência de coração limpo de qualquer maldade e malícia. Os olhos das crianças são belos, traduzem amor e confiança. Quantos afastam as crianças de Jesus pela falta de fé dos pais, que retardam o batismo, não levam as crianças na igreja para se aproximar do grande amigo que as esperam e que as mantêm como filhos... E que dizer de nossas pobres criancinhas, vítimas da própria família e dos retardados e monstros da nossa sociedade. Sejam pais, tios, ou a maldita rede de

prostituição de menores, que pede dinheiro amaldiçoado que leva para o inferno! Diz o Evangelho de Mateus, cap.18 V/ 6: “Mas, qualquer que escandalizar um destes pequeninos, que crêem em mim, melhor lhe fora que se lhe pendurasse ao pescoço uma uma pedra de moinho, e se submergisse na profundeza do mar”. São verdadeiros dementes que agem como animais sem razão. Não se esqueçam que Deus está vendo tudo e um dia experimentarão a sua ira, que os levará aos sofrimentos sem fim. O mundo é lindo, mas esses homens e mulheres, nojentos e satânicos, tornam o mundo uma prisão. O homem e a mulher foram criados para darem vida e não destruir vidas com suas imbecilidades. A polícia deveria fazer a varredura do Rio de Janeiro, São Paulo e outras grandes cidades e acabar com essas correntes de devassos e malucos que atormentam as mulheres e as crianças.

Colaborador espontâneo

Alessandra Grazini 03/02

Ricardo M. Serafim 04/02

Simone Destro 04/02

Comemoração

Paróquia Nossa Senhora Consolata completa dois anos
A Paróquia Nossa Senhora Consolata completa dois anos, e realizará uma missa na terça-feira, 8, às 19h30, celebrando a data. O pároco padre Adauto José Martins e a Pastoral da Comunicação convidam a comunidade para assistirem à essa missa solene na Igreja de Nossa Senhora Consolata.

Cinira Gomes 05/02

Roberto Silva 05/02

Vera Targa 05/02

Novo sacerdote

Andrei Barreto 06/02

Kauan J. R. Oliveira 06/02

Letícia Castaldi da Silva

06/02

Ordenação Sacerdotal
No sábado, 19, será realizada a Ordenação Sacerdotal do diácono José Luiz Sauer Teixeira. A missa será celebrada por dom Maurício Grotto de Camargo, arcebispo de Botucatu, a partir das 19h, no Santuário de Santa Terezinha. A família e amigos do novo sacerdote, que é sãomanuelense, convidam toda população para assistir à cerimônia de Ordenação Sacerdotal de José Luiz.
Marcos Monti 06/02 Renize R. Sinibaldi 60/02 Maria de L. Bello 07/02

Rosalina Campanucci

07/02

José Luiz Rubin 08/02

Siluta Lara Campos 08/02

Keila F. Paniagua 09/02

Alexandre Sbrugnara

10/02

Regina Pupo Garcia 10/02

Renata Salomão 10/02

Renato Castaldi 10/02

Gabriela Romão 11/02

São Manuel, sexta-feira - 4 de fevereiro de 2011

5B

OS PIONEIROS
Apoio:

A história da tradicional família são-manuelense

Por Miguel Roberto Nítolo

Família Veloso

A

Miguel Roberto Nítolo

O pão nosso de cada dia
Ele foi dono de padaria por quase 50 anos, o jeito encontrado para criar a família no Brasil e ajudar os parentes que ficaram em Portugal

cena se repetia todos os dias pela manhã: antes que o sol nascesse, o português Agostinho Fernandes Velosa já estava de pé às voltas com sacos de farinha, latas de água, porções de sal e pedaços de fermento. Sozinho, já que a família ficara em Portugal, aquele jovem de apenas 21 anos se virava como podia a fim de prover a própria subsistência. Pães, roscas e biscoitos, massas que aprendera a preparar com a mãe, servia agora como produtos de troca. Vendia e recebia, a despeito dos fiados que foram aparecendo por mais que tenha se precavido contra eles. Antigamente, era usual, as padarias trabalhavam com cadernetas: o cliente levava o pão e só acertava no fim do mês. Velosa, então, foi pouco a pouco entrando no esquema e fazendo clientes por toda a cidade. O jovem lusitano não era dono de um estabelecimento em que pudesse colocar na parede frontal, acima da porta de entrada, o nome padaria, muito menos dispunha dos caríssimos equipamentos especiais para a produção de pães em escala. Ele era proprietário, sim, de algumas cestas de taquara que mandara confeccionar com o propósito de utilizá-las no transporte de suas massas pelas ruas centrais, o jeito que encontrou para fazer chegar às mãos da população as delícias que aprontava ainda de madrugada. Lenha ele obtinha na mata que existia no terreno onde, anos mais tarde, seria erguida a Igreja Matriz. Enquanto a cidade dormia, Velosa trabalhava. Em 1887, quando chegou aqui vindo do Rio de Janeiro, onde desembarcara, São Manuel – que havia sido criado há somente 17 anos – tinha uma população pequena. Porém, já carecia dos préstimos de padeiros interessados que, a exemplo do trabalho desenvolvido por aquele filho de Portugal, oferecessem produtos de qualidade e não se furtassem de fazer a entrega em domicílio. Velosa caiu logo nas graças dos são-manuelenses porque preenchia os requisitos que as pessoas esperavam de profissionais de sua área. E não demorou muito para ter uma padaria só sua no verdadeiro sentido da palavra. Seu projeto de ganhar dinheiro no Brasil com vistas a ajudar os parentes que ficaram na Europa estava começando a surtir efeito. Foi com esse objetivo que Velosa deixou sua terra natal para se radicar no Brasil. Ele tinha apenas um pensamento:

Agostinho Velosa e Maria da Encarnação, em 1945, três anos antes do falecimento dele

A família reunida, em 1925: no centro, Agostinho Velosa e sua esposa, Maria da Encarnação com a caçula Alzira no colo. Nas laterais, os genros Manoel Francisco Neto (esq.) e José Jardim (dir.)

vencer aqui e dar uma vida mais digna à mãe, à tia - ambas viúvas – e à sobrinha paraplégica. Moravam na mesma casa, na Ilha da Madeira, berço de seus familiares, a terra que o viu nascer, em 1868, e o viu partir para longe. Velosa ganhava bem com a venda dos pães, e filho de bom coração podia mandar polpudas somas para a mãe. Luisa Joaquina sofria com a ausência do filho, mas continha-se quando olhava para a triste situação econômica de seu país. Aí, então, se lembrava que, assim como ele, milhares de outros conterrâneos haviam emigrado com o mesmo objetivo. Velosa dava duro no ofício que abraçara. Como não tinha despertador encontrou um modo curioso de não perder hora, já que tinha de pular da cama às 4 da manhã para fazer a massa e, depois, assá-la. Seu travesseiro não era de penas de ganso nem tinha recheio de algodão ou mesmo palha de milho. Era de tijolos. O portuguesinho da Ilha da Madeira achara mesmo um jeito peculiar para não dormir no ponto. Manter a cabeça sobre aquela base dura fazia com que, desconfortável, ele acordasse várias vezes durante a noite, um sono truncado que tinha o condão de mantê-lo mais desperto do que propriamente “apagado” pelo cansaço. Então, por razões óbvias, o filho de Luiza Joaquina conseguia estar sempre de pé na hora certa. O retorno - Foi assim que Velosa reuniu o suficiente

para montar uma padaria de verdade, no nº 8 da Rua Batista Martins (naquela época, Rua das Flores), praticamente ao lado da ponte centenária sobre o Rio Paraíso. Comprou o ponto e instalou ali o seu negócio, agora equipado com o que de melhor existia, à época, para o tipo de empreendimento. Mas, por precaução, continuava utilizando tijolos como travesseiro, hábito que só foi abandonado quando ele se casou com a portuguesinha Maria da Encarnação França, de apenas 15 anos. Isso aconteceu em 17 de outubro de 1895, exatos setes anos depois de Velosa haver se estabelecido em São Manuel. Filha de Apolinário França, sapateiro de profissão, e Romana Jesus, Maria da Encarnação residia na capital paulista e era natural de Paul do Mar, também na Ilha da Madeira. Assim como no caso de Velosa, seus pais haviam se transferido para o Brasil cansados da vida de sacrifícios que levavam na Europa. Por razões óbvias, já que a nova instalação, agora profissional, permitia a produção de uma quantia maior de pães, a diversificação de massas e a oferta de confeitos, Velosa passou a empreender passos mais ousados, transformando-se em investidor imobiliário com a aquisição de terrenos e de algumas construções. Porém, sempre sobrava o que mandar para os parentes em Portugal, e em momento algum se afastou desse compromisso. E vieram os filhos, três,

Maria José: era uma casa imensa, quase um palacete

Isabel Cristina: “Meu avô trabalhou até completar 70 anos”

todos do sexo feminino: Maria das Dores, Maria Luiza e Augusta. Em 1906, a família Velosa, sobrenome que aos poucos foi sendo substituido por Veloso, decidiu viajar para Portugal. Não há anotações nem registros que justifiquem essa viagem, sendo possível mesmo que o plano original prevesse a mudança definitiva dos cinco para lá. Velosa tomou o cuidado de deixar seus negócios em São Manuel sob a responsabilidade de um parente. Na Ilha da Madeira, agora mais do que nunca a residência oficial dos Veloso em terras lusitanas, Maria da Encarnação deu à luz mais três meninas: Eulália, Albina e Conceição. Como, ao que tudo leva a crer, a família não tinha mesmo interesse de retornar, “meu avô investiu na construção de uma casa imensa, com vários quartos, um palacete segundo as pessoas que chegaram a conhecê-la”, relata Maria José, filha de Conceição. “O imóvel era faustoso, enchia os olhos das pessoas e se destacava das outras construções daquele lugar”, diz a neta. A vida dos Velosa em Portugal corria às mil maravilhas: o chefe da família continuava aplicando no ramo imobiliário e a assistência à mãe, à tia e à sobrinha paraplégica era total, permitindo às três uma existência agora sem traumas. Enfim, não tinham do que reclamar, nem o benfeitor, nem as beneficiadas. Mas nem sempre o que é bom dura para sempre. Em outubro de 1910, a monarquia portuguesa foi deposta, cedendo lugar ao regime político republicano, uma troca que vinha se desenhando há tempos e era do conhecimento de Velosa. Ocorre que o marido de Maria da Encarnação não suspeitava o que vinha pela frente. Teófilo Braga, chefe do novo governo, ordenou a reforma da instrução primária e a expulsão dos jesuítas de Portugal, e legislou no sentido de que o Estado se afastasse da Igreja, isto em abril de 1911, rompendo os laços seculares que manteve a monarquia ligada ao catolicismo. E foram abolidos os juramentos religiosos nos atos civis e promulgado o divórcio. Velosa assustou-se

com as mudanças e, temeroso, não esperou para ver no que aquilo ia dar. Em 1912, marido, mulher e filhas embarcaram para o Brasil, deixando definitivamente para trás o sonho de residir na Europa. Sem sobressaltos - Novamente em São Manuel, Velosa retomou o comando da padaria e dos negócios imobiliários, agora com a ajuda de um irmão. “Não sabemos exatamente até quando ele ocupou o prédio ao lado da ponte, no início da Batista Martins”, comenta a neta Isabel Cristina. “É sabido, contudo, que meu avô transferiu a padaria, agora com o nome São José, para o quarteirão seguinte da mesma rua, e ali se manteve à sua frente até completar 70 anos de idade, em 1938”. Era uma loja maior, mais espaçosa, que passou a exigir os préstimos da mulher e das filhas, além, é claro, dos padeiros que o acompanhavam há anos. A vida fluía sem atropelos e foi nesse clima de tranqüilidade que Maria da Encarnação acabou mãe outras três vezes, tendo dado à luz aos filhos Luiz, Romana, Isabel, José e Alzira. A felicidade, definitivamente, fazia morada na casa dos Veloso. Um dia apareceu na cidade um inglês que, desembarcado na estação local da finada Estrada de Ferro Sorocaba, procurava por Agostinho Velosa. O homem despertou a atenção e o interesse dos são-manuelenses porque, convenhamos, não era sempre que, notadamente naqueles anos, se podia ver e ouvir alguém se comunicando em inglês. O que ele queria com o dono da padaria São José? O mistério estava lançado, mas foi logo desvendado. O estrangeiro veio de tão longe porque queria comprar a mansão que Velosa erguera na Ilha da Madeira, aquela casa de dimensões palacianas. Conversa vai, conversa vem e o negócio saiu. “A venda envolveu uma fortuna em libras esterlinas, a moeda oficial do Reino Unido”, esclarece Maria Therezinha Jardim, outra das netas de Velosa também residente em São Manuel. E o que aquele imigrante lusitano fez com tanto dinheiro? “Pegou uma parte e investiu na compra de uma fazenda e na construção de alguns imóveis”, conta Isabel Cristina. Foi assim que saiu do chão o sobrado da Rua Batista Martins,

nº 150, e que um dia abrigou a Comercial São Manuel, loja de confecções e armarinhos que era comandada pelas filhas Alzira e Augusta; o sobrado da Rua 15 de Novembro, nº 400, que serviu por longos anos de sede da extinta loja São José (roupas em geral), de propriedade da filha Conceição e, hoje, residência da neta Maria José; a casa térrea da Rua 7 de Setembro, de frente à Igreja Matriz, onde, no passado, a filha Isabel morou e teve um comércio de.armarinhos, e o imóvel no nº 632, da Rua Epitácio Pessoa, a morada de Maria Therezinha e que, outrora, também foi a residência da neta Maria de Lourdes (ela foi casada com José Lorencinho, ambos falecidos). Agostinho Velosa morreu em 1948, aos 80 anos, e Maria da Encarnação, em 1965, aos 85. Quando a companheira de Velosa se foi, somavam 294 os descendentes em solo brasileiro. “É interessante frisar que graças aos bens que meu avô deixou em Portugal, sua mãe, tia e sobrinha puderam levar uma vida sem atropelos”, releva Maria José. Os filhos de Velosa e Maria da Encarnação, todos falecidos, constituíram assim as suas famílias: Maria das Dores casou-se com José Jardim, administrador de fazenda, e foi mãe de José, Maria Aparecida, Maria Isabel, Agostinho, Geraldo, Luiz, Maria de Lourdes, Maria Therezinha, Maria Conceição e Maria Nazaré; Maria Luiza, com Manoel Francisco Neto, oficial da Marinha (Maria da Conceição, Alice, Antonio, Iracema, Maria José, Therezinha, Isaura, Isabel, Alzira, Cândida e Deolinda; Augusta, comerciante, solteira; Eulália, com Adorindo Crestana, comerciante em Santos (Francisco, Adorindo e Renato); Albina, com Antonio Augusti, bancário (Maria Aparecida, Maria do Carmo, José Eduardo, Inês, Antonio Emanuel e Maria Teresa); Conceição, comerciante, com Lino Henriques de Mello, bancário (Maria José, Lino José e José Francisco); Isabel, comerciante, solteira; Romana, solteira, morreu ainda criança; José, seguiu a vida sacerdotal e foi bispo de Petrópolis, no Rio de Janeiro; Luiz, solteiro, morreu cedo; e Alzira, comerciante, com José Maria Tavares Leite, fazendeiro (Maria Cecília, Vera Lúcia e Isabel Cristina).

São Manuel, sexta-feira - 4 de fevereiro de 2011 - Página 6B
Gol City, 05, branco, 60 x de R$485 – (14) 97523132 / 9168-7787 Gol, 01, cinza, álcool, preço a combinar – (14) 9103-6561 Kombi, 94, motor novo, R$6.000 – (14) 9166-3438/ 9128-2239 com Ferreira ou Airton Kombi, 95, álcool, branca, motor novo, R$ 12.000 – (14) 3841-2690 com Edson Kombi, 97, branca, R$ 15.000 – (14) 3841- 2598/ 9735- 7052 Logus, 93, alcool e uma moto Honda Brós, 125, 04, por um carro acima do ano 2000 – (14) 9668-4097 Paulo Santana 1.8, 95, gás, branco, 4P, R$9.000, ou troca-se por moto ou carro de menor valor – (14) 9668-4097 Santana, 86, álcool, preto, original, ótimo estado de conservação, R$ 6.800 – (14) 9137-6386 com Marcos 4 Outras Marcas Clio, 03, gas, prata, air bag duplo, 4P, R$ 16.500 – (14) 9778-0342 Puma Tubarão, 75, álc, vermelha, fechada, R$ 15.000 – (14) 3841-1896, com Zé Carlos 4 Comp Carro Corcel 70 a 76, em bom estado – (14) 3841-1727 Corcel I, tratar na rua cel. Joaquim Floriano 79, com Homero Ford Maverick, automático ou não – (14) 38411727 com Moreira Fusca, de 70 a 85, em bom estado – (14) 3841-1727 com Moreira Uno, 91 a 93, boa conservação – (14) 3841-1727 com Nélio Variante, bom estado, tratar na rua cel. Joaquim Floriano, 97 – (14) 38411727 com Nélio Mercedes 2213, 78, branco, R$ 38.000 – (14) 38412598/ 9735- 7052 Mercedes 2213, 81, branco, R$ 50.000 – (14) 38412598/ 9735- 7052 Mercedes 2217, 78, branca, com baú R$ 38.000 – (14) 3841- 2598/ 97357052 Mercedes L2213, 82, azul, R$ 48.000 – (14) 38412598/ 9735- 7052 Mercedes L2217, 89, vermelho, R$ 80.000 – (14) 3841- 2598/ 9735- 7052 Micro-ônibus, Mercedes Bens, branco, R$ 60.000 – (14) 3841- 2598/ 97357052 Ônibus, 91, Mercedes Bens, prata, R$ 26.000 – (14) 3841- 2598/ 97357052 Ônibus, 94, Mercedes Bens, branco, R$ 43.000 – (14) 3841- 2598/ 97357052 Ônibus, 94/94, Mercedes Bens Ciferal, amarelo, R$ 37.000 – (14) 3841- 2598/ 9735- 7052 Ônibus, 96/97, Mercedes Bens, branco, R$ 55.000 – (14) 3841- 2598/ 97357052 Ônibus, 98, Mercedes Bens, branco, R$ 55.000 – (14) 3841- 2598/ 97357052 Tanque, 3 eixos, 00, Noma, branco, R$ 45.000 – (14) 3841- 2598/ 97357052 Tanque, 3 eixos, 00, Noma, branco, R$ 45.000 – (14) 3841- 2598/ 97357052 Troca-se chácara na rua Dos Pintasilgos, com 5.000m toda murada, com 1 dorm, sala, coz, WC, varanda e pomar de frutas variadas por casa na cidade, R$ 150.000 – (14) 3841-1106 Compras 4 Casa, terreno, chácara – (14) 38411247/ 9124-5660 Terreno ou casa – (14) 9119-4325 com Evandro

Classificados OD
EBATE
10 NEG Vendas 1 relógio de bolso, marca Tovare, antigo, R$500 – (14) 9154-3480/ 9186-3927 com Guilherme 2 Balcão de vidro, 1,85 x 1,10, R$400 – (14) 38414301/ 9118-1523 2 Ventiladores de parede, seminovo, R$200 – (14) 9154-3480/ 9186-3927 com Guilherme 3 Capacetes, semi-novos, R$80 os três – (14) 38414936 com Fabiano ou Fabiane 3 Janelas, vasculantes, antigas, vidros coloridos, R$200 – (14) 9114-7392 4 Rodas de alumínio, aro 15, com pneus, R$1.200 – (14) 9154-3480/ 9186-3927 com Guilherme Batente de porta, R$40 – (14) 9114-7392 com Eduardo Bateria Groovin Completa, pele hidráulica, banco Mapex, novíssima, R$1.500 – (14) 9152-3278 com Cleiton Bicicleta, Caloi Ceci, corde-rosa, R$150 – (14) 96816623 com Lígia Carrinho de bebê, seminovo, R$250 – (14) 96816623 com Lígia Celular LG, modelo Cookie, touch Screen, R$250 – (14) 9746-1461 com Neusa Chapa de lanche, 60x40, inox – (14) 9142-0350 com Ivan Computador Duo Core, HD de 500 GB, 2 GB de RAM, gravador de DVD, monitor de LCD, R$800 – (14) 9105-0333 com Paulo Empresa de filmagem de festas e eventos – 81131318 Escapamento Roncar Trim trim, para CG 125 cc, R$ 50,00 – 341-2272 / 91667207 Esteira Elétrica, Dream, preço a combinar – (14) 9142-0350 com Célia Fogão, Dako, 4 bocas, mesa inox, tampa de vidro, bege – (14) 91420350 COM Ivan Freezer Eletrolux, 150l, com 7 gavetas, seminovo, R$300 – (14) 9746-1461, com Neusa Grade, 1.80 alt por 10m larg, preço a combinar – (14) 3841-3479 Grade, em alumínio, 8.50m por 0.90 altura (14) 91420350 com Ivan Impressora HP Laser Jet 1020, impressora HP Desk Jet D1460, Fax – (14) 38412826 COM Sueli Impressora, seminova, R$100 – (14) 3842-3123 com Fátima Jogo de Baixela inox, 10 peças, na caixa, R$ 280 – (14) 3841-6973/ 9776-9337 com Solange Lanterna de LED com pisca embutido, para CG 125, R$ 60,00 – 341-2272 / 91667207 Livro de curso, de Eletricidade de automóveis, com 12 livros, R$100 – (14) 9753-3549 Máquina de lavar roupa, Enxuta, 4 kg, R$170 – (14) 9142-0350 com Ivan Máquina de sorvete, modelo italiano, motor zero, R$2.500 –(14) 9663-5973 com Antônio Mesa de computador, nova, preço a combinar – (14) 3842-2022 Mesa para computador, nova, R$ 180- (14) 38412876/ 9194-1900 com Rita Mesa Redonda, com 4 cadeiras estofadas, branca, tampa de vidro, preço a combinar – (14) 3841-1924 com Célia Módulo, Buster, de 600 wts, e 2 falantes 6’ – (14) 91420350 com Ivan Motosserra, Escoma, 272, seminova – (14) 3841-1158 com Laércio Ponto comercial no centro – (14) 9128-1690 Ponto, bar, av. São Paulo, 90, Cohab II, preço a combinar – (14) 9131-9547 com Isaias Portão, de ferro, 1.50 x 80 – (14) 9142-0350 com Ivan Rack, mogno com meipo, 1,50 x 0,65 de altura – (14) 9142-0350 com Célia Rack, seminovo, R$ 80 – (14) 9114-7392 com Eduardo Rádio para carro, Baster, cd, mp3, 2 alto falante 6x6, 2 alto falante 69, R$450 – (14) 9668-4097 com Paulo Santo Antonio, preto, para S10, R$250 – (14) 38416624/ 9166-6601 com Welligton Suspensão de rosca Macaulay, para linha Volkswagen, R$ 500 – 3841-2272 / 9166-7207 Televisão 29’, Semp Toshiba, prata, semi-nova, R$450 – (14) 9668-4097 com Paulo Viola Caipira, marca Rozini, preço a combinar – (14) 9148-9624 com Calos Violão, Giannini, com capa, novo, R$150, rua Valter Vulcano, 253 com Rui compras 4 Sofá e armário de cozinha – (14) 3841-6473 Título do Clube Recreativo – (14) 3841-5399 com Hélio Acompanhante, de idosos, período noturno – 97126995, com Cristina Acompanhante, faxineira – (14) 9626-4911, com Adriana Acompanhante, faxineira, empregada ou babá, tenho 29 anos e referências – (14) 9101-8380 Acompanhante, idosos, pacientes, a noite – (14)9718- 1419 com Luciano Tellis Acompanhante, para cuidar de pessoas doentes, de segunda a sábado, necessita registro – (14) 9759-1700, com Maria do Carmo Acompanhante, para cuidar de idosos ou fazer companhia – (14 9791-3424 com Adriana Babá e acompanhante diurno e noturno – (14) 91481445, com Cristiane Ribeiro Babá e faxinas – (14) 97483683, com Cláudia Babá, empregada, faxina, serviço gerais, Rua José Tirapeli, 40 Cohab I, com Adriana de Oliveira Babá, faxina, empregada, exceto caixa – 8116-0764 Carpinteiro, caseiro, serviços gerais em sítio ou fazenda, solteiro – (14) 9168-7718, com Francisco Caseiro, 3841-6592, com Humberto José da Silva Santos Caseiro, com experiência de retireiro e serviços rurais – (14) 9101-8380 / 38411734 (recados) Caseiro, com experiência, esposa mais dois filhos – (14) 8139-9014/ 9732-9549 Caseiro, tratorista, com experiência – (14) 9656-8737 Caseiro, serviços gerais, (14) 9794-8785 com João Paulo Cuidadora de Idoso – (14) 9102-3997/ 9785-0210 Doméstica ou acompanhante, dia ou noite – 81283190, com Lurdes Doméstica, os interessados ligar – (14) 8147-5892 / 9606-1157, com Daniela Motorista, de carro ou moto para entregas ou viagem em horário comercial – (14) 9184-5721 Motorista, faxineiro ou vigia, aposentado – (14) 3844-7288, com Avair Motorista, para Van, ônibus ou caminhão, com experiência – (14) 9164-4440, com Anderson Porteiro, vigia ou acompanhante – 3841-6548, com Ferreira Serviços Gerais, 91247765 / 9152-4081, com Alessandro 4 oferece emprego Instalador de Alarme Automotivo – (14) 8119-6998, com Paulo Costureira (o) com experiência em máquina industrial Overloque reta e Galoneira, com experiência comprovada, entregar currículo na Rádio Clube de São Manuel Professores de Informática, Administração, Inglês e espanhol, Atendente, Operador Telemarketing, interessados mandar currículo para: monitor.info@ uol.com.br Pedreiros na Rua Joaquim Floriano, 97 com Nélio 4 Serviços Assistência Técnica de computadores – 97754552, com Aguinaldo Aulas Particulares de Matemática de 5ª a 8ª série (14) 8132-8318/ 3842-1587, com Virginia Carreto, interessados ligar 3842-5597 / 9748-3683, com Rogério Chinelos bordados com miçangas – 3841-1605, com Tuta Consultora MOAI, (14) 9142-7848, Nilcéia Consultora Natura, 38416842 / 9141-3264 Consultora Natura, 38421295, com Magna Consultora Racco Cosméticos, em São Manuel – 3841-1714 / 9141-9147, com Meireane Costura e conserto de roupas em geral, rua Francisco Gerônimo, 601, centro – 3841-7133 / 9101-6212, com Vera Depilação, com cera de mel – 3841-1631, com Eliana Depilação, com método exclusivo – 3841-4439, com Lena Encomendas de peças em crochê, 9798-9989 Encomendas de salgado para festas – 3842-1587, com Ana Encomendas de salgados e bolos – 3841-5486, com Marici Encomendas de salgados para festas – 3841-7011, com Natália Encomendas de salgados para festas – 9737-2739 Encomendas de salgados para festas – R$ 15,00 o cento – 3842-2329, com Paula Encomendas de salgados, doces e bolos para festas, 9712-6995, com Cristina Encomendas, bolos, pirulitos de chocolate, brigadeiro, beijinhos, pão doce e cestas para presentes – 9733-0169, com Eva Encomendas, doces e bolos para festas, e vendese mel de eucalipto, favo e própolis – 3842-3221 / 9602-2056 Encomendas, doces para festas, brigadeiro, camafeu, amor juntinho, beijinho, cajuzinho – 3841-6958 / 9723-8744, com Joyce Fazemos festas, infantil e eventos com pipoca, carrossel, doces e salgados – 3842-3451, com Francisco Lava-se túmulos de cemitérios – (14) 9146-0877, com Wanda Limpeza de terreno – 9708-1324, com José Manicure e pedicure em domicílio a partir de R$10 (14) 8153-1162, com Bárbara Manicure, pedicure a domicilio – (14) 9101-8380 com Adriana Montagem e desmontagem de móveis, 38415782 / 3841-1385, com Eleno Carlos Furno Montagem e desmontagem de móveis, 38416553 / 9114-7392 Motorista particular para trabalhar de segunda à sexta para empresa ou família em Botucatu e região, com CNH E-A, homem de 54 anos, solteiro, não fuma e não bebe, trabalha com dedicação, experiência de 12 anos no trânsito de São Paulo – (14) 3815-1318, com Carlos Motorista, viagens para São Paulo com o carro do contratante – 3841-4031, com Luís Mendes Passo VHS para DVD e limpeza, informações – 9101.6262 Pintura de paredes em residências, com referência – 3841-2269, com Fernando Renovo sua roupa com bordado em pedrarias – 9733-0169, com Eva Técnico Agrícola, assistência especializada em citrus – 3841-5589 / 96213594, com Édson

Vende-se 4 Casa Bom Pastor, esquina, está em final de construção, R$ 80.000 – (14) 3841-4250 com Fernando Casa Chácara Saltinho, 3 dorm, R$ 150.000 – (14) 9795-2780 com Claudio Casa Clube Água Nova, 2 dorm, suíte, dep, titulo incluso, plantão aos sábados das 8h as 18h – (14) 8812-0012/ 9631-0170 Casa Cohab 1, 3 quart, sala, coz, WC, dispensa, área de serviço, edícula com quart, sla, coz, WC, com condições de moradia, piso, portão eletrônico, garagem para 2 carros, troca-se por uma casa menos – (14) 9167-2161 Casa em Botucatu, Jd Cambuí, 1 quart, coz, WC, salão na frente falta acabamento, R$ 55.000, ou troca-se por uma casa em São Manuel ou na Barra Bonita – (14) 9668-4097 com Paulo Casa Jd Ouro Verde, 3 dorm, sal, coz, 2 wc, lavanderia, gar – (14) 3841-3425/ 9143-4188 Casa na 4 de junho, 2 quart, sala, coz, wc, lavanderia, edícula, R$ 87.000 – (14) 3842-1885/ 9757-9275 com Antonia ou Durval Casa na Água Nova, 3 dorm, 3 wc, 200m², 2 área de lazer, piscina, pomar, R$ 235.000 – (14) 9631-0170 Casa no Jd. Dinkel 2, rua Agostinho Veloso, 2 quart, sala, coz, WC, lavanderia, garagem, R$ 125.000 – (11) 2947-5749/ 71616455 com Ramos Casa Vila São Geraldo, 3 quart, sala, coz, 2wc, R$26.000 – (14) 9151-8150 com José Roberto Chácara no Bairro da Igualdade, área de 20.363,42m² com pomar no fundo e cercado, próximo a rodovia Marechal Rondon, R$70.000 – (14) 3841-1106 Chácara, na cidade, 100m², casa simples, R$95.000 – (14) 9179-4070 com Ademar Loja Montada, centro, com estoque – (14) 9162-9515 Rancho na Água Nova, rua Beija Flor, 2 dorm, R$ 80.000, estudo proposta – (14) 9631-0170 Sítio Pau D’Alho, 23,1 hectáre, R$ 600.000 – (14) 3841-4250 com Fernando Terreno Bom Pastor, 10m x 25m, R$50.000 – (14) 3841-6605 Terreno Conquista, 7.60 frente x 25 fundo, total 190 m, rua Gabriel Bagio em frente ao mercadinho, R$17.000 – (14) 3841-1247/ 9124-5660 com Lucinéia Terreno em Itaí, 580m², esquina na beira da represa Jurumirim no condomínio, terras de Santa Cristina, R$ 18.000 – (14) 3841-6973/ 9776-9337 com Solange Terreno Jd. Dinkel, 280m, valor a combinar – (14) 91629515 com Rafael Terreno Residencial, Chácara São João (Brollo), 360m², preço a combinar – (14) 9795-4835/ (11) 70870028 Troca-se casa em Itapetininga, valor de R$ 70.000, com academia de musculação no fundo – (14) 9608-8761

12 FIAT

Fiorino Furgão, 98, gas, amarela, 4 bicos, R$ 12.500 – (14) 9178-7093, com Varderlei Pálio ELX 1.3, 04, flex, cinza, 4P, DH, TE, VE, GPS, AR, computador de bordo, DVD, MP3 – (14) 97879185, com Rafael

6 CHEVROLET Astra GLS 2.0 Sedan, 02, gas, preto – (14) 3841-7011 Astra, 99, gas, azul, completo, R$ 17.000 – (14) 38412690, com Edson Caravan, 88, álc, verde, preço a combinar – (14038414842, com Silas Celta, 05, preto, 60 x de R$ 470 – (14) 9753-3132 / 9168-7787 Corsa Classic, 03, prata, 42 x de R$ 560, assumir dividas – (14) 9753-3132/91687787 Corsa Wind, 96, branco, 60 x de R$ 315 – (14) 97533132 / 9168-7787 Montana 1.8, 05, branca, VE, AC, DH, R$ 24.000 – (14) 9162-9515 Prisma Joy 1.4, 07, flex, prata, R$ 25.000 – (14) 9661-1777 S-10, 00, diesel, azul, cabine dupla, R$43.000 – (14) 9166-3438 / 3841-4766, com Ferreira ou Ademar

6 MOTO Honda Bis Mais, 03, gas, prata – (14) 9797-1343, com Juliana Honda Bis, 04, verde, R$ 3.500 – (14) 9121-6452 Honda Bros 150, 07, ES, vermelha, R$5.600 – (14) 9733-3731 com Souza Honda CG Titan 125 KS, 00/01, azul, único dono, R$ 2.800 – (14) 9775-1869, com Kleber Honda CG Titan 150 ESD, 07, preta, completa, R$ 4.500 – (14) 9126-3078, com Marco Honda CG Titan 150, 08, cinza, PE, R$ 5.200 – (14) 3841-5998 / 9106-9024, com Joel Suzuki Burgman 125, 06, partida elétrica, freio a disco, R$ 3.900 – (14) 9112-0227, com Patrícia Suzuki Burgman, 07, amarela, preço a combinar – (14) 3841-4593 Yamaha YBR, 01, vermelha, R$2.100 – (14) 91843707 com Marcelo

6 FORD Corcel 2, 84, chumbo, original – (14) 9142-0350, com Ivan Ranger XL, 02, flex, prata, completa, banco couro, capota/lona mar, R$ 24.000 – (14) 9744-0488, com Rodrigo

6 PES

6 VW Brasília, 77, azul, original, preço a combinar – (14) 3842-1733, com Luiz ou Pedro Fox 1.0, 05, preto, 4P, flex, completo menos ar –(14) 9786-3178 com Débora Fox 1.0, 06, flex, prata, TE, 4P, R$ 25.000 – (14) 38421014, com Carla Fox, 1.6 Route, 08, flex, preto, AL, DH, som original, insufilme, TE, engate, 4 portas, único dono, R$ 31.000 – (14) 38411459/ 9732-9600 com Fabiane Fusca 1600, 85, álc, bege vime, motor baixa km, todo original, para colecionadores – (14) 9146-0075, com Guto Fusca, 63, gas, branco, fazer funilaria, preço a combinar – (14) 9129-7657, com Maria Gol 1.000 MI, 98, vermelho, R$12.500 (14) 9167-0388, com Altamir

Caminhão Mercedez, 89, traçado, revisado, - (14) 3268-1860 / 9602-1787, com Ivo ou Cássio F 1100, 85, Ford, azul, R$ 28.000 – (14) 3841- 2598/ 9735- 7052 Ford Car 4331, 04, branco, R$ 120.000 – (14) 38412598/ 9735- 7052 Ford Carg, 02, verde, com baú, R$ 65.000 – (14) 3841- 2598/ 9735- 7052 Ford, 85, azul, R$ 20.000 – (14) 3841- 2598/ 97357052 Jeep, rural, 62, verde, R$ 17.000 – (14) 3841- 2598/ 9735- 7052 Mercedes 1318, 69, azul, R$ 35.000 – (14) 38412598/ 9735- 7052 Mercedes 1418, 91, amarelo, com carreta, R$ 75.000 – (14) 3841- 2598/ 9735- 7052 Mercedes 1519, 81, amarelo, R$ 33.000 – (14) 3841- 2598/ 9735- 7052 Mercedes 1620, 03, amarelo, R$ 120.000 – (14) 3841- 2598/ 9735- 7052

10 emprego

Guia de profissionais de São Manuel e Região
Advogados
Dra. Edilaine R. G. Tedeschi Av. Irmãs Cintra, 751 Piso Superior Fone: (14) 3841-4846 Dr. Silvio Mazetto Rua dos Andradas, 218 Centro Fone: (14) 3841-2119

Procura emprego Acompanhante, dama de companhia, faxina – (14) 3841-1514 / 8171-2236, com Adriana Acompanhante, de idosos – (14) 8139-8420, com Simone Cristina Acompanhante, de idosos – 9115-9316, com Iraci Acompanhante, de idosos ou doentes, com prática – 9123-8744, com Suzi Acompanhante, de idosos ou trabalho de doméstica – 3841-4115 Maria de Lurdes

10 IMOV

Aluga-se Casa no Guarujá, para 6 pessoa – (14) 8146-8929 Garagem, com segurança – (14) 3841-1727 Salão Comercial, na rua Epitácio Pessoa, 714 – (14) 9126-0408/ 9124-2811/ 3841-3045 com Luis Carlos

Pediatras
Dr. Omar M. de Carvalho Rua Dr. Júlio de Faria, 998 Centro Fone: (14) 3841-5877 Dra. Rita Salaro Rua Dr. Júlio de Faria, 777 Centro Fone: (14) 3841-6455

Ginecologista e obstetra
Dra. Ângela F. Santarém Tonon Dr. Jorge Nahas Neto Av. Enéias Cintra da Silveira, 145 Rua Dr. Júlio de Faria, 365 Centro Centro Fone: (14) 3841-3877 / 3842-2070 Fone: (14) 3841-1353 / 9775-6268

Fisioterapia
Tiago Ragozo Rua Dr. Abílio Gomes, 41 Vila Ipiranga Fone: (14) 3841-6026

Oftalmologista
Dr. Francisco Antonio Martins

Rua Cel. Rodrigues Simões, 325 Centro Fone: (14) 3841-2379

Terapias
Everaldo Andrade Rua Pedro Paschoal Salvador, 102 Jardim Santo Antonio Fone: (14) 3841-6741

Veterinário
Maria Carolina M. Prado Rua Sete de Setembro, 249 Centro Fone: (14) 3842-3588

São Manuel, sexta-feira - 4 de fevereiro de 2011

7B

da reforma aria na Adalberto alven cisco arte de ão n s pela p edreiros Fra rentino, que s s vei elo au sponsá l. São os p p ecido L lpados e ão os re Esses s de São Manu Nivaldo Apar São eles os cu da emissolube issão les mes e adete. Rádio Ca, Jurisar Go nheiro Toni C do na transm erceber que e e. uz ap ain dad nge am s eira, dá par de So ados pelo e brevi ue and ta com n coorde s diferentes q ade da barulh orma seja fei f d barulho s pela intensi para que a re Ma nco afi ra... am com trabalh

Ae Márcia quipe do sal ã Sandra Justo, Cristin o Spaço Cor , Cassi po & B a More a Laís, P riscila ne Basseto, q to e Vânia Ju eleza: as pro e Setemb u p ro, 531 Daniela. O S e aniversario liani, e as fu rietárias ncioná , 1º and paço C u ontem ria ar, cent o ro, com rpo & Beleza , 3 de feverei s ro fi o telefo ne (14) ca na rua 7 d , e 3841-6 826.

Na Produç foto, feita qu a ã da esq o da Univers ndo da forma uerda tura da idade E pa sua esp t osa Vit ra a direita, stadual de M urma de Enge ória, V Muita a aringá nharia Freder in legria p i d ( ara a fa icius (o forma co, Marcília, PR), aparece e m, ndo) e Abílio mília c om a co In R nquista gride, sua na amos e m do Vini cius! P orada. arabén s!

rso no c Cu 4º lugar m Campo a em e o Sul, e aprovad udo foi ato Grosso d arenti Bicudo ti Bic aren do M s Ângela P enti, P al ar Natália ai e Feder aerte P A jovem a Universidad mora com os p rcoris, o tio L as não para come da llo. M cas Ma icina d de Med Muito feliz, ela namorado Lu mília Beto Aie r no vestibular o fa e. sa Grand z Bicudo, com e o amigo da mbém de pas i a José Lu gela Dalaqua chances de t ! tem An ns a avó atália ainda rlos. Parabé a N por aí: dade de São C ersi Univ

de m ano , mais u vintes da reiro de feve s e ou , te dia 5 nossos leitore no mesmo dia , nes is! ne, ando ria t a ia do comple ns aos anivers o e Del Estarão rados Lucian . O casal, que claro. Parabé tos, é anuel s namo vida, o lube de São M ta alegria, jun i Rádio C data com mu a festeja

An na Delg iversariam nos a d Marco A do Jacóia e Le ias 06 e 16 de fe onardo ntonio J vereiro D dos pai s, dos a acóia e Josean elgado Jacóia , respectivamen vós, tios te . e e primin Delgado Jacó Os pequenos s , Giovanão filho ia, e vão hos. Pa sd rabéns e muita receber o carin e s felicid ades! ho

. . . .

Equipe de futebol feminino terá nome ligado a São Manuel.

Colaboração: Osmar Corrêa
esportes@odebateregional.com.br

ESPORTE
O DEBATE

São Manuel, sexta-feira - 4 de fevereiro de 2011 - Página 8B

Carrinhos

Autorama profissional em São Manuel
Funcionando desde o dia 06 de dezembro passado, São Manuel tem a sua pista de autorama profissional, localizada na Rua Marcelo Giorgi, 339, na Vila Ipiranga. O Interlagos Autorama, coordenado pelo empresário Manuel Fernando de Oliveira Neves, possui uma Pista com traçado internacional, denominado “Paper Clip”, com 42,5 m de comprimento linear, onde é possível a participação de 8 competidores brincando ao mesmo tempo, com sistema de telemetria computadorizada. Outras informações sobre o Interlagos Autorama podem ser obtidas pelo telefone 3842.1083 ou pelo site www.interlagosautorama.com. Histórico do Autorama – brinquedo para uns, esporte modelismo para outros. A verdade é que o autorama ou automodelismo de fenda foi criado para fascinar todos que apreciam o automobilismo como um todo. Esse brinquedo foi introduzido no Brasil no final da década de 50 e início da década de 60, e os então automodelistas de competição com seus micro-modelos a controle remoto encontravam dificuldade na disputas, pois muitas vezes acabavam enroscados com os cordões umbilicais que ligavam os controladores (direção, aceleração e frenagem) aos seus micro-modelos. Baseados na observação do ferromodelismo, imaginaram criar a semelhança de trilhos, Fendas (Slots) que servissem de guia para a direção de seus automodelos; criaram inicialmente pinos fixos nos chassis para seguir a fenda, e os contatos eram fixados ao fundo dos mesmos chassis. Posteriormente, adotaram sapatas móveis (pickup-shoes) com os contatos, já com cordoalhas fixadas nas mesmas, o que permitiria aos contatos permanecerem alinhados com as tiras de cordoalhas fixas ao longo da pista. Para a transmissão da corrente elétrica, introduziram duas sapatas flexíveis (lâminas de latão ou niquelina) que entravam em contato com dois trilhos metálicos ligados aos controladores, reóstatos, que eram manejados pelos competidores. O sistema foi aperfeiçoado com a adoção da sapata móvel e a instalação de cordoalhas na pista, em substituição aos frisos metálicos. O automodelismo de fenda nasceu nos EUA sob o nome de Slot car e posteriormente, com a industrialização do Japão, recebeu o nome comercial de Autorama. Sob licença passou a ser produzido no Brasil pela fábrica Estrela, mantendo a denominação japonesa e sendo divulgado como brinquedo. Com essa denominação o automodelismo de fenda quase foi jogado ao abandono das caixas de brinquedos em quartos de crianças. Em 1961, o autorama já era um brinquedo difundido

nos Estados Unidos. Em Porto Alegre, alguns comandantes da Varig trouxeram a novidade para o Brasil. Em 1963 a loja Mobral Modelismo de São Paulo, começou a importar equipamentos e carrinhos de autorama, no ano seguinte a Estrela lançava seu primeiro autorama no festival realizado no DEFE, no qual Emerson Fittipaldi tiraria o terceiro lugar. Alguns pioneiros, que eram

automodelistas de “carteirinha” entusiasmados com a oportunidade, iniciaram com a desculpa de “manutenção e testes” e passaram a dedicar-se de corpo e alma ao novo esportemodelismo. Assim começaram a surgir casas especializadas. Com o passar do tempo, a tecnologia também tomou conta do autorama, fazendo que o computador auxiliasse nas tomadas

de tempo, velocidade média e número de voltas, além de todo o gerenciamento da pista. Também ocorreram mudanças no sistema de alimentação das fendas (trilhas, onde os carros têm suas guias), sendo a mesma alimentada por uma bateria de 13,8 V, cordoalha de cobre estanhada, aceleradores com resistência máxima de 2,5 Ohms, sistema de reles para liberação das fendas, etc.

Campo

Crônica
sem outros gols, e aos 44 minutos do segundo tempo, num cochilo do time da casa e, num contra-ataque, o ponta inimigo driblou dois e chutou... Gol. Empatada a partida, resultado que dava o título aos visitantes. O árbitro ainda deu 10 minutos de prorrogação, mas o gol não saía. “Sua senhoria” o árbitro então avisou: – “Coronel, tenho que acabar o jogo, seu time está perdido e não fará gol nunca”... Atarantado, o coronel virou-se para o técnico e decidiu: – “Esse título eu não perco. Vamos melar o jogo!”. – “Mas melar como?” espantou-se o treinador. E o coronel, taxativo, disse: – “Solta o Bravo!”.

Equipe de futebol feminino Zagueiro Bravo vai ter nome ligado à cidade
Osmar Corrêa

A equipe de futebol feminino que disputa o Campeonato Paulista e a Copa do Brasil vai ter novo nome ligado a São Manuel. Alfredo Silva, diretor de Esporte, e Edson Castro, dirigente e técnico da agremiação, estiveram na Federação Paulista de Futebol, conversando com o presidente da entidade, Marco Polo Del Nero, que se mostrou disposto a dar um grande apoio ao futebol feminino de São Paulo. Ele não colocou nenhum obstáculo para que haja essa alteração no nome da equipe.

Agora vai ser montada uma Diretoria para cuidar das coisas da entidade esportiva, devendo o presidente ser o empresário Milton Rosa Lima. Outros nomes também já foram indicados. O primeiro vice-presidente será Paulo Sérgio Tomaz, e o segundo vice-presidente Carlos Roberto Cadorim (Gasosa). Paulo Sérgio Tomaz Júnior (secretário geral), Marco Rosseto (Piau) (1º secretário), Fernando Gama Leal (2º secretário), Pedro Rosseto (tesoureiro geral),

Pedro Rocha (1º tesoureiro) e policial Sérgio (2º tesoureiro), Alcides Graciano (Caiano) (diretor de Esportes), Turcão (diretor social) e Sebastião Penteado (diretor de Obras), são os outros nomes apontados para compor a Diretoria. As atletas deverão se apresentar ao clube no dia 22 de fevereiro, dando início aos preparativos deste ano. No sábado, 12, haverá uma peneira, com jogadoras vindas de várias cidades, que aqui estarão para tentar uma vaga no elenco.

Final de campeonato no interior, time da casa precisava ganhar para chegar ao titulo. Preocupado, o presidente do clube, “Neca Pereira”, escolheu a dedo o juiz e os auxiliares e reservou para os visitantes o vestiário ao lado do curral de sua fazenda – onde ficava o campo. Sabendo que o adversário usaria sua tradicional camisa vermelha, mandou prender, em local bem próximo a passagem dos jogadores, um feroz touro, chamado “Bravo”, o

terror das touradas da roça. Logo ao pisar no gramado, os visitantes receberam as boas vindas do animal que avançava ferozmente contra a tela de proteção, tentando chifrar aquelas camisas encarnadas. E assim continuou durante toda a partida. Sempre que alguém de vermelho se aproximava da lateral, lá vinha a besta fera bufando e chifrando o alambrado que separava o estábulo das quatro linhas. Intimidado, o adversário parecia presa fácil. Aos 15 minutos, já perdia por 1x0. O jogo, porém, foi se arrastando

Recreação

São Manuel Tênis Clube, uma opção de lazer gratuita aos são-manuelenses
Nestes dias de intenso calor do verão brasileiro, uma boa opção de lazer segundo muitos são-manuelenses, seria uma piscina. O que nem todos lembram é que a cidade tem essa opção e ela é gratuita. O São Manuel Tênis Clube (que em 2011 completará 61 anos) está sendo mantido pela Prefeitura de São Manuel e seu uso é liberado para a população sem nenhuma taxa. Com uma ampla estrutura, ali os usuários podem utilizar a sauna, academia, quadras de tênis e a quadra poliesportiva. Parque aquático – Atualmente as piscinas (duas médias, uma olímpica, uma de biribol e uma infantil) estão disponíveis de sexta, sábado e domingo das 8h às 18h. De acordo com a Prefeitura, o SMTC não abre as piscinas durante a semana porque geraria um custo muito alto para a Diretoria de Esportes, pois envolve pagamento de salvavidas e seguranças, e como a frequência nesses dias é baixa, não compensaria. Já aos finais de semana o movimento vem crescendo. No sábado, 29, foram feitos aproximadamente 200 exames médicos e no domingo 60, o que mostra que o número de frequentadores do local está grande aos finais de semana. Para utilizar a piscina é obrigatório o exame médico, que pode ser feito aos sábados e domingos das 9h às 11h e têm validade de 60 dias. O famoso tobogã do SMTC encontra-se temporariamente desativado. Segundo o Departamento de Esportes, ele está com alguns problemas e precisa ser reformado antes de ser reativado. Essa reforma custaria muito e, por enquanto, a prefeitura não pode fazê-la, disse André, diretor administrativo do SMTC. O uso das piscinas só é proibido para as crianças menores de 12 anos, sem o acompanhamento de um responsável maior de idade. As aulas de natação acontecem de quarta-feira, às 15h30, ministradas pelo professor Rogério. Churrasqueiras – Embora nem todos saibam ou se lembrem, o Tênis tem quatro churrasqueiras atrás da piscina de biribol. De acordo com a diretoria do clube, não é cobrada nenhuma taxa para usar o local, a única exigência é que toda a bebida consumida seja adquirida no bar existente ali. Ginásio – A quadra poliesportiva do ginásio teve seu piso trocado recentemente. Foi tirado o piso de madeira e colocado um piso mais moderno e seguro. Existem as escolinhas de esportes, de terça à sábado. Futsal, com o professor Marcelo, de terça-feira às 14h e às 18h, de quinta-feira às 14h e de sextafeira às 18h. Volei feminino para a terceira idade, com o professor Dejair, de quarta e quinta-feira às 19h e aos sábados às 15h. Acadêmia – A academia do SMTC é aberta de segunda-feira das 18h30 às 21h30, de terça à sexta-feira das 9h às 12h30 e das 13h às 21h30, e aos sábados das 8h às 12h e das 14h às 17h30. Hidroginástica – O clube oferece aulas de hidroginástica com o professor Stéfan de quarta e sexta-feira das 7h30 às 8h45. Ginástica Localizada – Também com o professor Stéfan, de terça e quinta-feira das 7h30 às 8h45. Quadras de tênis – Os frequentadores podem usufruir das três quadras de tênis existentes no clube. Já aqueles que querem aprender o esporte, podem participar dos treinos que acontecem de terça e quarta-feira às 14h. Sauna – As saunas, seca e úmida, existentes no clube, também estão funcionando e à disposição da população, das 17h às 21h. De terça e quintafeira a sauna é para as mulheres e de quarta, quinta e sábado para os homens. Informações – Pelo o telefone da Secretaria do São Manuel Tênis Clube, que é (14) 38416982.

. . . .

You're Reading a Free Preview

Descarregar
scribd
/*********** DO NOT ALTER ANYTHING BELOW THIS LINE ! ************/ var s_code=s.t();if(s_code)document.write(s_code)//-->