Você está na página 1de 6

Olá querido (a) irmão (ã) em Cristo Jesus,

Primeiramente, queremos agradecer o interesse que o Senhor, nosso Deus, fez


brotar em seu coração e mente para se interessar em continuar com os jovens em sua

Igreja este maravilhoso trabalho que é o Projeto .

1. HISTÓRICO:

1
O nome do programa (Sexta Jovem) não é de autoria nossa, digo isso enquanto
jovens Adventistas do Sétimo Dia da Igreja Central do CPA II em Cuiabá, mas sim dos
jovens Adventistas do Sétimo Dia da Igreja de Uberlândia
(www.sextajovemuberlandia.blogspot.com), e está se espalhando por todo país,
principalmente por se tratar de um programa dinâmico e atrativo aos jovens.

Todavia, nós procuramos absorver o mesmo dinamismo da ideia original da


programação, sendo assim, utilizamos apenas o nome e criamos a nossa forma Sexta
Jovem de ser, adaptando à realidade da nossa igreja e ao jeito dos nossos jovens e
para os nossos jovens. Você tem a liberdade para fazer isso também, mas nunca
esqueça o conselho do Senhor: “Quando chegar o momento, digam o que Deus lhes
der para dizer. Porque as palavras que disserem não serão de vocês mesmos, mas virão
do Espírito Santo” (Marcos 13:11b NTLH). Ou seja, a direção do Espírito Santo é o
primeiro e mais importante passo para que qualquer projeto cristão tenha sucesso.
Nós criamos o nosso logotipo, nosso slogan (Desafiando Você), nossos temas e
nossa estrutura de programação. Abaixo há um modelo do controle da programação
SEXTA JOVEM que temos utilizado, de uma olhada e adapte, caso desejar.

2. A SEXTA JOVEM É O FIM DO CULTO J.A.?

Essa é a primeira impressão que os irmãos, em especial os mais conservadores,


podem ter de início, mas a nossa ideia aqui com a Sexta Jovem Cuiabá nunca foi de
substituir o tradicional Culto J.A. nos sábados à tarde, mas sim somar esforços e
oferecer a opção de um culto diferente nas noites de sexta (início do Sábado do
Senhor), todavia, se vocês desejarem transferir o seu Culto J.A. para sexta a noite, não
há nenhum impedimento para isso, de acordo com o Manual da Igreja Adventista
(2005).

Infelizmente, a realidade de muitas igrejas é um Culto J.A. desanimado pela


monotonia e, por causa disso, com pouco apoio dos jovens da igreja, aqui em nossa
2
igreja já passamos por situação semelhante. Vale ressaltar que tudo o que é novidade,
se bem divulgado e organizado, chama atenção e atrai os jovens, que gostam de
novidade, todavia, o passar do tempo exigirá muito uma equipe do Ministério Jovem
de sua igreja que esteja comprometida em pagar o preço necessário para manter
sempre um bom nível de programação sem deixar de lado a espiritualidade que o
mesmo exige.

3. COMO É REALIZADA A SEXTA JOVEM CUIABÁ?

Na Igreja Adventista do Sétimo Dia CPA II – Cuiabá/MT, nós já fizemos Sextas


Jovens, em ocasiões especiais, apenas uma série de sextas totalizando um mês por
ano. Em 2008, no lançamento da Sexta Jovem Cuiabá o mês escolhido foi setembro.
Foi um sucesso total, pela graça de Deus, nosso Senhor, por quem “vivemos, e nos
movemos, e existimos” (Atos 17:28). Em 2009, ano passado, fizemos outra série de
quatro temas especiais no mês de novembro. Em 2010 temos um novo desafio e o
propósito de oferecer uma Sexta Jovem Cuiabá por mês, mantendo, acima de tudo, a
qualidade que o programa teve até aqui.

Enfim, aqui nós conseguimos fazer (com ajuda de Deus, em primeiro lugar) com
que a Sexta Jovem se torne referência em um culto atrativo a toda igreja,
incentivando, inclusive, outras igrejas da cidade a trabalharem a ideia Sexta Jovem de
louvar a Deus, assim como a de Uberlândia fez a nós.

4. COMO É A ESTRUTURA DA PROGRAMAÇÃO DA SEXTA JOVEM CUIABÁ?

Um dos principais princípios da Sexta Jovem Cuiabá é levar o jovem a refletir, a


pensar em suas atitudes frente ao tema escolhido para ser abordado naquela noite.
Por exemplo, em uma Sexta Jovem tratamos sobre a Coca-Cola. Entrevistamos um
médico gastroenterologista e apresentamos o vídeo na Sexta Jovem, na parte da
programação onde entra a opinião do especialista, mas você pode levar a pessoa ao
vivo também, é mais interessante.
3
Entrevistamos vários jovens também sobre a opinião deles sobre o consumo do
tal refrigerante e se eles sentiam que o consumo gerava algum tipo de dependência ou
desejo pelo próximo consumo. Enfim, como dito acima, nossa ideia não é a melhor,
podem e vão existir outras superiores, inclusive vinda de nós mesmos após a
confecção deste documento.

5. CONTROLE SEXTA JOVEM CUIABÁ:

Data Tema Mens. Musical Arg. Bíblico Mediador Especialista


MORTE E VIDA - Game Over? Conj. Exaltai Pr. Alexandre Thiago Coveiro
06/11
Hugo IML
6. PROGRAMAÇÃO DA SEXTA JOVEM CUIABÁ:

Hora Tempo Quadro


Enquete
Louvor CD JA I
Louvor CD JA II
19:30h 30’
Louvor CD JÁ III ou Mensagem Musical I
Mensagem Musical II
Mensagem Musical III
20:00h 5’ Boas-Vindas e Oração
20:05h 5’ Campanha: "Dá um abraço?"
20:10h 5’ Introdução (vídeo de contextualização)
20:15h 10’ Entrevistas (vídeo)
Mediador
20:25h 20’ Especialista / Depoimento
Público / Resultado Enquete
20:45h 15’ Argumento Bíblico / E a Bíblia, o que diz?
21:00h 5’ Mensagem Musical IV
21:05h 5’ Encerramento / Melhores Momentos
4

6.1. Enquete: Geralmente é realizada de acordo com o assunto (tema especial)


abordado no dia e a divulgação do resultado pode ser utilizada pelo mediador como
forma de contribuir com o especialista ou ir contra a opinião dele, criando uma
polêmica saudável e levantando algumas dúvidas que terão respostas direcionadas
pelo argumento bíblico.

6.2. Louvor: Aqui utilizamos o CD Jovem do ano ou dos anos anteriores, a ideia é que o
louvor seja alegre, dinâmico e enleve o jovem para mais próximo de Cristo Jesus
através do cântico dos hinos. O louvor fica muito melhor quando puder agrupar alguns
instrumentos no apoio, tal como violão e outros de sopro.

6.3. Mensagem musical: Uma parte importantíssima do programa é ter convidados


para que todos ouçam, degustem e louvem junto com a mensagem cantada pelos
solos, duetos, quartetos, conjuntos ou corais convidados, eles dão brilho à noite da
Sexta Jovem Cuiabá. Nós gostamos de aproveitar o máximo dos nossos convidados e
pedimos que eles cantem três ou quatro músicas.
6.4. Boas-vindas e Oração: Algum jovem da igreja pode contribuir com o programa
indo até a frente e dando o aquele caloroso “oi” inicial, lembrando de saudar os
amigos visitantes e demonstrar que a presença de todos é importante e que Deus está
feliz porque os presentes decidiram estar na casa do Senhor e depois disso ele mesmo
dirige a primeira oração.

6.5. Campanha: A campanha é algo simples que utilizamos com objetivo de incentivar
o jovem a implantar hábitos cristãos que venham a reforçar sua espiritualidade e fé.
Em 2008 lançamos a campanha “Não almoço sem orar”, em 2009 a campanha “Dá um
abraço”, para 2010 nossas mentes ainda estão a sair fumaça para pensar em algo que
mantenha este princípio engrandecedor cristão.

6.6. Introdução (Vídeo de contextualização): Como o próprio nome deixa claro, é o


momento onde executamos um vídeo pré-elaborado mostrando imagens e levantando
alguns questionamentos que irão situar o jovem ao contexto do tema daquela Sexta
Jovem. Utilizamos um programa muito legal e de fácil uso chamado ProShow Producer
(versão 4.0.2462) e depois do programa hospedamos os vídeos no YouTube e
disponibilizamos eles no blog da Sexta Jovem Cuiabá. 5

6.7. Entrevista: Este vídeo é uma das partes que mais dão trabalho na programação.
Nele nós vamos até alguém ou algum evento para colher a opinião das pessoas a
respeito daquele determinado assunto tratado na Sexta Jovem. Por exemplo, no dia
06/11/2009, tivemos a Sexta Jovem com o tema “GAME OVER”, tratando sobre a
morte, em especial por causa da data de finados recente, e fomos até um dos
cemitérios mais antigos de Cuiabá e entrevistamos o coveiro mais antigo em atividade.

6.8. Mediador: Umas das partes mais importantes do programa e exige um mediador
dinâmico e que saiba utilizar as ferramentas disponíveis para ele para literalmente
levantar poeira, criar polêmica e gerar dúvidas (tudo dentro dos limites
comportamentais cristãos). Neste momento o mediador pode utilizar da opinião do
especialista no assunto, ou colher a opinião de alguém nos bancos da igreja, bem como
informar e comentar o resultado da enquete.

6.9. Argumento Bíblico: As dúvidas levantadas e as polêmicas criadas devem receber


um argumento bíblico no qual o jovem poderá ponderar tudo o que foi falado. Esta
mensagem curta (15 minutos) deve oferecer a todos na igreja um direcionamento
bíblico satisfatório ao assunto que foi discutido. É muito importante que o jovem seja
levado a refletir, mas não saia sem as repostas que ele precisa para manter firme sua
fé na Palavra de Deus. Sugerimos que esta parte seja feita por um Pastor local ou
convidado.

6.10. Encerramento / Melhores momentos: O mediador assume novamente apenas


para fazer o encerramento, agradecer a presença de todos e convidá-los para os
próximos cultos. Caso seja possível, apresente um vídeo de melhores momentos da
Sexta Jovem anterior ou dos erros de gravação da atual.

Não poderíamos finalizar este guia prático de como implantar a Sexta Jovem no
estilo IASD CPA II – Cuiabá/MT, sem a instrução das Escrituras:

“Confia no Senhor de todo teu coração, e não te estribes no


teu próprio entendimento. Reconhece-O em todos os teus 6

caminhos e Ele endireitará as tuas veredas” (Provérbios 3:5-6)

Que Deus te abençoe a você e a tua igreja e que o Espírito Santo de Deus
conduza-os nos caminhos de Salvação a todos nós e aos que não conhecem o amor
eternal de Jesus Cristo, nosso Senhor, Redentor, Criador e Salvador.

Abraços dos irmãos em Cristo Jesus,

Ministério Jovem | Sexta Jovem Cuiabá

www.sextajovem222.blogspot.com | Twitter: sextajovem222