P. 1
Análise temática do poema

Análise temática do poema

|Views: 2.599|Likes:
Publicado porAna Novais

More info:

Published by: Ana Novais on Jun 19, 2011
Direitos Autorais:Attribution Non-commercial

Availability:

Read on Scribd mobile: iPhone, iPad and Android.
download as DOCX, PDF, TXT or read online from Scribd
See more
See less

04/20/2013

pdf

text

original

Análise temática do poema: Na 1º estrofe o Eu poético caracteriza o seu passado, através destas expressões: eu tinha um velho tormento/ um sorriso

triste/ um pressentimento , então podemos deduzir que para ele o seu passado era triste e sombrio. A 2º estrofe já esta relacionada á caracterização da sua pessoa amada por parte do eu poético, através destas expressões: tu tinhas olhos puros/ .rasos de água/como dois mundos futuros , este considerava a sua amada como uma pessoa boa, que via a vida a sua volta de um forma positiva e boa e compara o facto de esta ter os olhos rasos de água com dois futuros mundos que serão as suas vidas, ou seja, depois de estes se separar cada um vai seguir a sua vida, aí se vai dar origem a dois mundos futuros, que é o da sua amada e o dele. Perante a opinião do poeta, este considera-se muito diferente da sua pessoa amada, pois este via a sua vida passada como algo mau, enquanto a sua pessoa amada já via a vida em algo bom, na sua vida. Quanto á 4º estrofe, o poeta relacionada com o momento crucial de todo o poema ou seja a consumação daquele amor mas também o fim do mesmo. Podemos deduzir isso através das seguintes expressões: Quanto ao momento: depois tudo se abraçou/fomos iguais num momento . Quanto ao fim: esse momento parou . Então poderemos deduzir que houve um amor entre estas duas personagens, algo íntimo e que ficará na memória dos amantes. Mas rompeu se, pois o qual momento terminou. Na 5º,6º,7º,8º e 9º estão relacionadas com o forma que o poeta com o forma que o poeta começou a ver o mundo depois da perda da pessoa amada, e as recordações que este tem naquele momento muito importante para ambos. Podemos deduzir isso através das seguintes expressões: Quanto as recordações daquele momento: ainda existe a extensa praia/e a grande casa amarela , estão ainda a noite e o ar/ da mesma maneira aquela/ com que te viam passar Quando há maneira de ver o mundo: nada . mas de nos não há memoria/dos lados não ficou

Então podemos deduzir que a relação entre o poeta e a pessoa que este fala durante o poema, tiveram uma relação que marcou o poeta, mas esta acabou. Mas há uma testemunha desse amor que é o cão, podemos deduzir isso através das seguintes expressões: havia um cão permeio , o cão atesta esta historia . Este poema desenvolve o tema de amor, e de saudade. Pois para este a natureza parou no daquele local onde estes consumiram o seu amor.

You're Reading a Free Preview

Descarregar
scribd
/*********** DO NOT ALTER ANYTHING BELOW THIS LINE ! ************/ var s_code=s.t();if(s_code)document.write(s_code)//-->