P. 1
SIMULADO DE LÍNGUA PORTUGUESA 5º ANO 2012

SIMULADO DE LÍNGUA PORTUGUESA 5º ANO 2012

|Views: 7.452|Likes:

More info:

Published by: Teresa Cristina Flordecaju on Dec 30, 2011
Direitos Autorais:Attribution Non-commercial

Availability:

Read on Scribd mobile: iPhone, iPad and Android.
download as PDF, TXT or read online from Scribd
See more
See less

07/02/2013

pdf

text

original

SIMULADO DE LÍNGUA PORTUGUESA 5º ANO ___ / 2012 ALUNO (A) ______________________________________________________ Nº _____ ESCOLA: _____________________________________________________________________

A lagoa secou Todo o Nordeste tem a época do estio. Naquela tarde, a temperatura estava elevada e o dia parecia mais longo. E era também o período do ano reservado às férias e os filhos de dona Pata Quá convidaram os amigos para um banho na lagoa. Mas o que havia eram pés de mussambê, ainda bem verdes, perto do que parecia ter sido água. E os patinhos foram voltando para casa, passinhos baixos e, parecia-lhes que o sorriso era algo particularmente inútil. A família Quá tinha o costume de ser alegre. No vilarejo eram conhecidos como os patos mais agitados na hora do banho. Então, papai pato chamou os patinhos com um quá-quá-quá espalhafatoso. Todos deram meia volta, confusos. A lagoa sob seus pés era uma massa pastosa muito diferente das águas em que mergulhava bastante, e onde ensinara os filhos a nadar. O Senhor Quá observou com cuidado e mergulhou o bico. E havia algo curioso em seus olhos. Isso sim, é saber tirar riso de meninos! Todos deram gargalhadas com a sujeira do bico de papai pato. Então, os patos formaram uma fila e voltaram para casa: quá-quá-quá. (Teresa Cristina Cerqueira de Sousa.)

01 O fato de o Senhor Quá ter mergulhado o bico na lama demonstra que ele (A) possui um bico duro. (B) tem senso de humor. (C) é muito velho. (D) é curioso. _______________________________________________________________________________________ 02 No texto, o grupo de palavras que têm o mesmo sentido é (A) Nordeste/ água. (B) época/período. (C) mussambê/verde. (D) Curioso/papai. _______________________________________________________________________________________ Haicais I Arara azul – E as asas, num largo voo, Dentro da floresta II Então é verão Enquanto os mandacarus Soltam suas flores III

Mesmo com calor É do céu da caatinga Este azul suave

(Teresa Cristina Cerqueira de Sousa.)

03 Pelos temas abordados nos haicais, está claro que a autora (A) ama a natureza. (B) mora na Caatinga. (C) é curiosa e sabe falar de sua terra. (D) tem uma vida agreste. _______________________________________________________________________________________ A casa da menina A menina está brincando de casinha No fundo do quintal. Mesa e cadeiras Sofá e televisão Tudo arrumadinho. Depois tira o pó dos móveis E abre bem a porta Para ver o sol brilhar. (Teresa Cristina Cerqueira de Sousa.)

04 O verso “No fundo do quintal” (l. 2) indica (A) tempo. (B) lugar. (C) modo. (D) destino. _______________________________________________________________________________________ Férias na escola Os passarinhos acharam uma boa ideia Abrir a escola nas férias Sob a supervisão do gavião. Mas ai, ai! O gambá muito comilão Na hora do lanche Tomou muitos sorvetes. O cachorro (que se zangava à toa) Ficou de cara amarrada Com uma aflição danada: Será que este gambá vai ficar muito tempo perto de mim?

E o pior é que esse gambá queria conversar com o cachorro! Felizmente, o jogo recomeçou. (Teresa Cristina Cerqueira de Sousa.) _______________________________________________________________________________________ 05 O poema trata, PRINCIPALMENTE, (A) dos voos dos passarinhos. (B) da supervisão do gavião. (C) de um provável conflito entre o gavião e o cachorro. (D) da comilança do gavião. _______________________________________________________________________________________ 06 O poema cria uma expectativa no leitor pela situação entre o gambá o cachorro. A expressão que introduz essa expectativa é (A) “Abrir a escola nas férias” (B) “Mas ai, ai!” (C) “O cachorro (que se zangava à toa)” (D) “Ficou de cara amarrada” _______________________________________________________________________________________ 07 No trecho “Felizmente, o jogo recomeçou”, a palavra sublinhada revela (A) medo. (B) lamentação. (C) alívio. (D) indiferença. _______________________________________________________________________________________ A pipoca A pipoca pula, pula na panela Sploc, sploc, sploc Numa música gostosa Que importa o destino do milho Se o estouro da pipoca É uma grande festa? Não sei como isso acontece Mas o grão duro seco Vira uma flor branca macia Oh, pobre pipoca Trancada na panela Vem para minha boca! Teresa Cristina Cerqueira de Sousa. Antologia de Poetas Brasileiros Contemporâneos - Vol. 81. _______________________________________________________________________________________ 08 No verso “Não sei como isso acontece“ (l. 7) a palavra isso se refere

(A) ao pulo da pipoca. (B) ao grão duro e seco. (C) ao destino do milho. (D) ao estouro da pipoca. _______________________________________________________________________________________ 09 No final do poema, o uso da pontuação tem efeito de (E) medo. (F) interrogação. (G) pedido. (H) espanto. _______________________________________________________________________________________ 10 Após o estouro, a pipoca se parece com (A) grande festa. (B) flor branca. (C) grão duro. (D) milho verde. _______________________________________________________________________________________ Teresa Cristina Cerqueira de Sousa. Piracuruca – PI – Brasil.

You're Reading a Free Preview

Descarregar
scribd
/*********** DO NOT ALTER ANYTHING BELOW THIS LINE ! ************/ var s_code=s.t();if(s_code)document.write(s_code)//-->