Você está na página 1de 3

LAUDO TCNICO ATERRAMENTO ELTRICO DA SUBESTAO

LAUDO DO ATERRAMENTO DA SUBESTAO DE 4000kVA/13,8kV Relatrio de inspeo medio no sistema de aterramento Cliente: Equipamento de teste: Terrmetro Digital Certificado de Calibrao n TEMPERATURA: 27,14C

Data: 12/05/2011

UMIDADE: 60,37% . Entre 8h e 10h.. Termohigrmetro Instrutemp, Certf. Calib. 20725/10 Data da ltima chuva: 09/05/2011 Aspecto das instalaes: Conservada, tendo sofrido manuteno e ampliao Distncia(m) de Ep e Medies em
M D I A

Procedimento: Eletrodo de corrente(Ec), colocado externamente malha da Estado Estado subestao a partir do dos cabos cabo de aterramento que e caixa de das hastes sobe para a subestao e o inspeo: e eletrodo de potencial(Ep), conectores: variando a distncia para se obter valores de Rterra.
Medies em 270Hz Medies em 1470Hz ok ok ok ok

0,04 0,28 0,24 0,97 0,14 0,62

Mdia geral da resistncia da malha de terra = 0,38 <10 Bitola do cabo da malha de terra da SE: 95mm(atende ao critriomecnico), e pelo critrio trmico onde Icurto monf.=5221A(dados da xxx no PDE), o que nos d: Scabo=5,221x9,2xraiz(t=3s)=83,19mm (aplicao da nbr 15751:2009), para uma falta de longa durao. Se considerarmos acontribuio dos 4 novos geradores de 500kVA num curto circuito teremos Icurto monof=5,4kA, implica num cabo de 86mm, o que atende. Para atender o critrio de tenso de toque e passo, foi feita uma malha retangular na rea dos geradores, de reforo, que se conectar malha atual atravs do BEP na SE. Para isso usou-se a corrente mnima de curto monofsico com a contribuio dos geradores(Iccmonf=224,91A), e com o formato abaixo, onde as fundaes metlicas foram aterradas e receberam 38 hastes emendadas totalizando 19x4,8m enterradas, minimizando assim a tenso de toque e passo na superfcie e que aps a aplicao da IEEE 80:2000, ficaram assim:
Coeficientes calculados da IEEE-80: Fator de Reduo Cs = 0,81633, Kh = 1,22474 || na= 3,34945 || nb= 1,02405 || n= 3,42998 , KM = 0,88177 || KI = 1,15164 || KS = 0,41622 TENSES RESULTANTES NO SISTEMA: Mxima Tenso de Passo Permissvel = 4439801,382 Volts Pior Tenso de Passo na Malha >> ES = 44,677 Volts - Atende! OK! Mxima Tenso de Toque Permissvel = 1110018,329 Volts Pior Tenso de Toque da Malha >> EM = 47,386 Volts - Atende! OK!

6m

11,17m

Laudo: Pelo exposto acima a malha de terra da subestao atende a ABNT NBR 5410:2005, NBR NBR 14039:2004, nbr 15751:2009(sistemas de aterramento de subestaes) e IEEE 80:2000
EFETUADO POR: APROVADO POR:

LAUDO TCNICO

Relatrio das medies no sistema de aterramento: .

VALOR ENCONTRADO PARA A RESISTNCIA DE ATERRAMENTO