Você está na página 1de 26

MANUAL DE LEITURA DO MAPA ASTRAL

MANUAL DE LEITURA DO MAPA ASTRAL

2

MANUAL DE LEITURA DO MAPA ASTRAL

• INDICE

1. MAPA NATAL

1.1 Entendendo o desenho do mapa

1.2 Visualizando o Mapa natal

1.3 Desenho artístico do próprio mapa natal

2. REVELAÇÕES DO MAPA NATAL

3. MAPA NATAL E AS DIFERENTES ASTROLOGIAS

4. ASCENDENTE E CASAS

5. SÍMBOLOS DOS SIGNOS, DOS PLANETAS E DOS ASPECTOS

6. DESCRIÇÃO COMPORTAMENTAL DOS SIGNOS

7. SOL, LUA, PLANETAS, PLANETAS ANÕES, ASTEROIDES E PONTOS ESPECIAIS

7.1 Os ciclos planetários

8. QUESTÕES SOBRE A HORA DE NASCIMENTO

9. MÉTODOS COMPLEMENTARES. REVOLUÇÕES PLANETÁRIAS E TRÂNSITOS E PROGRESSÕES PLANETÁRIAS

10. MAPA DO LOCAL SPACE (LS) E MAPA ASTROCARTOGRÁFICO (ACG)

10.1 Mapa astrocartográfico (ACG)

10.2 Local Space. Mapa do Local Space

11. MAPA RELOCADO

12. MAPA GEODÉSICO

"Poder ler meu mapa natal, dialogar com ele, andar por ele, me descobrir nele é uma das experiências mais prazerosas e gratificantes que revivo por mais de 30 anos, sem cansar, sem perder o tesão, feliz"

Hector Othon

05 de abril de 2013

MANUAL DE LEITURA DO MAPA ASTRAL

3

1. MAPA NATAL

MANUAL DE LEITURA DO MAPA ASTRAL 3 1. MAPA NATAL O Mapa natal é conhecido também

O Mapa natal é conhecido também pelos nomes: mapa astral,

carta natal, carta astral, céu natal, horóscopo, horóscopo de

nascimento, mapa do céu de nascimento, ou simplesmente: céu de nascimento.

O Mapa natal é um desenho estilizado do posicionamento do

Sol, da Lua e dos planetas nos signos zodiacais, no momento do

nascimento, referenciado ao local de nascimento.

O Mapa natal é antropocêntrico. Quer dizer que no Mapa

natal a pessoa é considerada como o centro do círculo zodiacal,

do Sistema Solar e do universo.

O Mapa natal é válido para toda a vida da pessoa. O

seu desenho é sempre o mesmo para toda a vida da pessoa. No

entanto na medida em que se aprofunda no autoconhecimento

e a consciência se expande, a leitura do mapa revela sempre

novas informações. Por isso, o Mapa natal ganha o valor, a

beleza e a amplitude da categoria de mandala: mandala pessoal.

Quando

uma

pessoa

aprende

a linguagem

dialogar

com

seu Mapa

natal.

Ela

astrológica consegue formula uma pergunta sobre si, olha no seu Mapa natal e encontra a resposta.

O Mapa natal revela qualidades e defeitos; habilidades, dons, talentos e possíveis faltas; revela as características potenciais da personalidade em todos os setores da vida.

1.1 Entendendo o desenho do mapa

O círculo que envolve o mapa todo, representa a trajetória do

Sol em torno da Terra, chamada de eclíptica.

A Terra está no centro do círculo.

Os planetas se encontram situados logo acima ou abaixo deste circulo na direção em que se encontram em relação a Terra.

Observe que as distâncias dos planetas à Terra não são consideradas no desenho do mapa. Observe que todos os planetas, incluindo o Sol e a Lua, se encontram a mesma distância do centro.

Na Astrologia não se considera nem a distância do Sol, da Lua e dos planetas à Terra, nem o tamanho ou características físicas deles, observe que o planeta ocupa só um ponto do círculo.

Em relação aos planetas o que importa na Astrologia é o posicionamento do centro de gravidade do planeta na eclíptica, sob a qual se define o zodíaco dos 12 signos.

Além do posicionamento dos planetas nos signos, para a Astrologia é importante o posicionamento dos planetas nas casas astrológicas, que é na verdade o posicionamento do planeta em relação ao Oriente do nascimento (Ascendente), a partir do qual se definem as casas astrológicas.

E também é muito importante os ângulos entre os planetas visto desde o centro, os chamados aspectos astrológicos.

• Faixa ou círculo zodiacal

Todo mapa tem um círculo que contém os 12 signos zodiacais. No caso do mapa tropical é fácil distinguir o círculo com os 12 signos zodiacais com elongação comum de 30º.

Existem vários zodíacos que podem servir de referência para o posicionamento do Sol, Lua e planetas. O sideral é apoiado nas estrelas, o tropical, referenciado ao Sol, e o dracônico, à Lua. A Astrologia Ocidental trabalha com os três, mas existe preferência pelo tropical, o mais usado no Brasil.

Este círculo zodiacal, observe, serve para posicionar os planetas e pontos especiais do mapa.

Brasil. Este círculo zodiacal, observe, serve para posicionar os planetas e pontos especiais do mapa. 05

05 de abril de 2013

MANUAL DE LEITURA DO MAPA ASTRAL

4

• Signo zodiacal

No mapa tropical, cada signo tem um arco de 30º no círculo zodiacal.

Observe que a sequencia dos signos sempre é a mesma: Áries, Touro, Gêmeos, Caranguejo, Leão, Virgem, Libra, Escorpião, Sagitário, Capricórnio, Aquário e Peixes.

Observe, que se o Ascendente estiver no lado esquerdo da folha, os signos se sucedem em sentido anti-horário.

Observe que tem um signo, a esquerda da folha, este é o signo Ascendente, quer dizer o signo que estava ascendendo no momento do nascimento.

Observe que o Sol, Lua e planetas estão posicionados nos signos. Observe o signo onde está posicionado o Sol, a Lua, Mercúrio, Vênus, Marte, e os demais planetas. Observe que os planetas podem estar vários no mesmo signo ou espalhados em signos diferentes.

O Signo onde se encontra um planeta mostra o modo que a pessoa expressará a função que corresponde ao planeta. Assim, se

Marte estiver em Touro, a pessoa gostará de agir com firmeza, perseverança e objetividade (taurinamente).

O signo onde estiver um planeta, pode ser diferente, segundo o zodíaco que se escolha. Por exemplo, eu tenho o Sol em

Virgem no zodíaco tropical, em Leão no Sideral e em Sagitário no dracônico. Os zodíacos mais conhecidos são o tropical em

primeiro grau e depois o sideral e por último, o dracônico. Mas deixe este estudo para quando dominar seu mapa natal tropical.

• Ascendente e as Casas

dominar seu mapa natal tropical. • Ascendente e as Casas O Ascendente é Ascendente, o Sol

O Ascendente é

Ascendente, o Sol e a Lua natal são os três pilares mais importantes do mapa natal.

Ele é definido pelo grau do signo que está ascendendo no leste no momento do nascimento.

Observe que o Ascendente está na esquerda, e que as casas se sucedem em sentido anti-horário. Observe que as casas tem cumprimentos diferentes. Observe que as casas podem se iniciar (cúspides) em qualquer lugar de um signo e terminar nele mesmo ou em outro signo.

- A questão de desenhar o ascendente na esquerda ou na direita da folha

O

a direção

leste ou

o oriente ao

local

de

nascimento.

Ao se desenhar um mapa astral, existe o costume de se colocar o Ascendente para a esquerda da folha. O leste fica a esquerda quando se olha a faixa zodiacal desde o hemisfério norte, ou com a cara para o hemisfério sul, experimente.

O costume de colocar o Leste para a esquerda do papel (tanto para desenhar um mapa natal, como para elaborar cartas e mapas topográficos), foi implantado pelos primeiros astrólogos que desenharam mapa astral, habitantes de países do hemisfério norte (Mesopotâmia, Grécia) e mais tarde no ocidente, os europeus.

- O coerente, aqui no hemisfério sul, seria desenhar o Ascendente a direita

Se estiver no hemisfério sul, experimente olhar para a trajetória completa do Sol, Lua. Perceba que ficará com a cara para o polo norte, e que o Leste estará a sua direita. Experimente. Se vc se colocar com o rosto para o polo sul, entao o Leste estará a sua esquerda, comprove.

Se você estiver no hemisfério norte, coloque-se de tal jeito que seu rosto olhe para o equador ou para a faixa por onde se vê mover ao Sol e a Lua, seu rosto ficará de frente ao polo sul, o Leste estará a sua Esquerda, experimente. Agora vire o rosto para o polo norte, o Leste estará para a direita.

- A escolha do Leste para a esquerda ou direita da folha é escolha pessoal. O mapa em si, não muda em nada.

Tanto quando se coloca o Ascendente para a esquerda, como quando se coloca para a direita a parte de acima da circunferência corresponde ao Meio do Céu, quer dizer aquilo que estava acima, na direção perpendicular ao local de nascimento.

Meio do Céu, quer dizer aquilo que estava acima, na direção perpendicular ao local de nascimento.

05 de abril de 2013

MANUAL DE LEITURA DO MAPA ASTRAL

5

- O eixo horizontal. Ascendente e Descendente

O eixo horizontal, divide o mapa em duas semi-esferas: lado ‘superior’(lado-dia) e lado ‘inferior’(lado-noite). O horizonte vai do

ponto ascendente ao ponto descendente, passando pelo ponto onde a pessoa nasceu. Lembre que o mapa tem por centro a

pessoa.

- O eixo vertical: Medium Coeli ou Meio do Céu e Imum Coeli ou Fundo do Céu

O Segundo eixo mais importante na divisão de casas é o meridiano que passa pelo local do nascimento. Este divide o mapa em

duas semiesferas: o lado oriental (lado esquerdo) e o ocidental (lado direito). O ponto superior de encontro deste eixo com a

eclíptica é chamado de Meio do Céu (MC), o ponto inferior, o nadir, é chamado de Fundo do Céu (FC ou IC).

• Casas astrológicas

A casa onde se encontra um planeta mostra o setor da vida, o cenário e o contexto astrológico de fundo onde o planeta se

manifesta com mais força.

O mapa é dividido em doze casas, a partir do ascendente na direção anti-horária quando o Leste (ascendente) é colocado a

Esquerda. Quando o Ascendente é colocado à direita do papel, as casas se sucedem em sentido horário.

As casas podem ter elongações diferentes entre si, segundo o Sistema de Casas que seja utilizado. O início de uma casa é chamado de cúspide da casa. Uma casa pode iniciar e terminar no mesmo signo, pode começar num signo e terminar em outro, pode começar num signo, conter o seguinte (signo conjugado) e terminar no outro a seguir.

Existe um sistema de casas que opta pelas casas com iguais elongação.

Existem vários métodos para calcular as casas chamados de domificações. Os sistemas que mais se usam são o Topocentrico e

o Placidus.

• Sol, Lua e planetas

Observe no mapa em que signos e casas se encontra cada planeta. Faça questão de escrever cada um. Por exemplo: Netuno está em Libra, na casa X.

No mapa natal, o Sol, a Lua e os Planetas falam dos diferentes papéis, funções ou faculdades da personalidade.

• Linhas coloridas que unem os planeta - Aspectos Astrológicos

As linhas coloridas, que unem os planetas assinalam que existe um aspecto maior entre os planetas. Se a linha for azul, o aspecto pode ser um trígono (120º) ou um sextil (60º) e é harmônico, se for vermelha, o aspecto pode ser uma quadratura (90º) ou uma oposição (180º), aspectos tensos. Podem existir outras convenções de cores.

Os aspectos planetários (ângulos entre os planetas) mostram os enredos, dramas, desafios ou facilitações na vida da pessoa associados às funções planetárias e a situação astrológica dos planetas envolvidos.

Na Astrologia os ângulos entre os planetas têm significado astrológico. Os ângulos com maior significado astrológico, que ligam

e misturam a energia com mais força e expressão, são os chamados aspectos maiores, divididos em dois grandes grupos:

harmônicos e tensos.

- Observemos o Mapa natal da figura com mais detalhes

em dois grandes grupos: harmônicos e tensos. - Observemos o Mapa natal da figura com mais

05 de abril de 2013

MANUAL DE LEITURA DO MAPA ASTRAL

6

Nesta versão de desenho de mapa tem:

do lado esquerdo, na parte superior, o nome do evento e os dados de nascimento.

abaixo do lado esquerdo, tem um quadradinho com os símbolos, nomes dos planetas e o grau, signo, minutos e segundos

de arco em que se encontra cada planeta tomando o início do signo como zero grau.

abaixo, o grau, signo, minuto do Ascendente (AC), o Meio do Céu (MC) e das cúspides das casas astrológicas 2, 3, 11 e 1.

os graus das casas 7, 8, 5 e 6 pode se deduzir das anteriores. Observe o desenho do mapa, cada casa tem sua complementar

no mesmo grau de cúspide e no signo complementar.

abaixo tem outro quadradinho que informa a quantidade de planetas em cada elemento: fogo (F), ar (A), terra (T) e água (A)

e em cada modalidade: cardinal (C), fixo (F) e mutável (M). Tem mapas que colocam estes valores dos elementos através dos valores ou pesos que podem ser dados aos planetas em função de sua importância na personalidade.

A seguir tem uma escadinha que tem nos degraus os símbolos dos planetas e dentro tem os símbolos dos aspectos

maiores entre eles.

Passemos a ver agora o desenho do mapa com mais detalhe:

- Centro: No centro da circunferência está a pessoa.

- Cruz: Observe a cruz das direções horizontal e vertical centradas na pessoa:

a. linha horizontal: O Ascendente (AC) ao leste, o Descendente (DC) ao oeste.

b. linha quase vertical, um pouquinho inclinada a direita: acima o Meio do Céu (MC) e abaixo o Fundo do Céu (IC).

• Hemisférios. Quadrantes

Observe que cada linha corta o círculo em dois hemisférios e que as duas linhas juntas em cruz, cortam o círculo em quatro pedaços ou quadrantes.

Observe o que tem dentro de cada um destes quadrantes.

A linha horizontal que corta o círculo em dois hemisférios corresponde à linha do Ascendente-descendente. Acima dela, o desenho representa o que está acima do horizonte, acima de onde aconteceu o evento. Abaixo da linha, esta a Terra, e além dela o céu que não pode ser visto, que está abaixo da Terra.

• Signos

Observe a faixa dos signos: observe que são 12 signos, e que cada um tem uma mesma elongação de 30º.

12 signos, e que cada um tem uma mesma elongação de 30º. Observe que os signos

Observe que os signos se sucedem em sentido anti-horário.

Em nosso mapa de exemplo o Ascendente (Leste) está no signo de Escorpião e o Meio do Céu no signo de Caranguejo. Cada signo está dividido em segmentos de 5 graus.

• Planetas

signo está dividido em segmentos de 5 graus. • Planetas A seguir da faixa dos signos

A seguir da faixa dos signos no mapa, encontram-se distribuídos os símbolos dos planetas indicando onde se encontram posicionados.

A seguir de cada símbolo de planeta tem dois números, o mais próximo é o grau e o outro o minuto.

Por exemplo, Plutão está a 29 graus e 59 minutos de Sagitário, quase já entrando em Capricórnio. A seguir Vênus a 2 graus e 11 minutos em Capricórnio, a seguir Júpiter a 8 graus e 39 minutos de Capricórnio.

• Casas

- Casas: Agora observe que a partir do Ascendente, em sentido anti-horário, cada quadrante é dividido em três pedaços de pizza, dando em um total 12 pedaços. Observe o numerinho que indica o número da casa, quase no centro do círculo.

Observe que tem casa que inicia em um signo e termina no outro, que tem casa que inicia e termina no mesmo signo e que tem casa que inicia em um signo, contem outro e termina em no signo seguinte. O primeiro lado de cada casa no sentido anti- horário se chama "cúspide da casa".

Note que cada planeta está, ao mesmo tempo, dentro de um signo e dentro de uma casa astrológica. Por exemplo, Saturno está no signo de Virgem e na casa 11.

05 de abril de 2013

MANUAL DE LEITURA DO MAPA ASTRAL

7

• Aspectos astrológicos

DE LEITURA DO MAPA ASTRAL 7 • Aspectos astrológicos Os aspectos ou ângulos significativos entre os

Os aspectos ou ângulos significativos entre os planetas são descritos por linhas coloridas:

azul (sextil - 60º e trígono - 120º)

vermelho (quadraturas -9 0º e oposições - 180º)

verde (quincunce - 150º)

Na escadinha no canto inferior esquerdo se informam os aspectos entre os planetas. Tente identificar o mesmo aspecto no mapa e na escadinha.

Observe a figura que formam as linhas dos aspectos.

Existem mapas que tem figuras muito expressivas formadas pelas linhas dos aspectos.

• Direções

- Ascendente: O Leste ou Oriente (Ascendente) é uma direção de especial significação, ao designar a direção por onde

ascendem o Sol, a Lua, os Planetas e as estrelas todos os dias, a cada instante; enquanto no Oeste descem ou desaparecem.

O Ascendente é a nota lá que afina todo o mapa, ele mostra o futuro e a forma instintiva da pessoa agir ao iniciar qualquer ação ou intento.

- Meio do Céu: O Meio do céu (MC) é a direção perpendicular ao local de nascimento para cima. E representa a forma da pessoa se projetar socialmente, a profissão, etc.

- Fundo do Céu: O fundo do Céu (FC ou IC) é a direção perpendicular ao local de nascimento para baixo, atravessa a Terra e

continua.

- Oeste ou Descendente: É a direção por onde desce no céu o Sol, a Lua, etc. visto desde a superfície da Terra, cúspide da casa

VII.

1.2 Visualizando o Mapa natal

Agora pegue seu mapa natal numa folha. Vamos então imaginar o céu de nascimento a partir do desenho que tem de seu

mapa.

- Para conseguir visualizar a situação do Céu no momento do nascimento, realize os seguintes passos:

Posicione o papel em que está desenhado o mapa, fazendo coincidir o Ascendente (o lado esquerdo da folha) com o Leste

do local onde você se encontre.

Posicione o Meio do Céu do mapa na direção do meio do céu onde você se encontra.

Como você pode notar o mapa astral é desenhado do jeito que é vista a distribuição dos planetas na faixa zodiacal,

observando desde a direção Norte, com a cara para o polo Sul (os primeiros astrólogos eram do hemisfério norte).

No centro da mandala está a Terra, posicionada de tal jeito que você no momento do nascimento estava encima dela.

Observe que o Ascendente é uma linha que vem da faixa zodiacal e é tangente a Terra no local em que se encontra.

Agora você está em condições de identificar como estava a faixa zodiacal, e onde estavam posicionados o Sol a Lua e os

planetas no momento do seu nascimento.

Comprove se o Sol está posicionado no lugar certo que você conhece que corresponde no Céu segundo a hora do seu

nascimento.

Tente identificar a fase da Lua no seu nascimento.

Observe em que setor do céu estão posicionados os diferentes planetas.

Conseguindo visualizar seu mapa, solte a imaginação e se quiser comente no fim desta página, alegria.

1.2 Desenho artístico do próprio mapa natal

Em relação ao desenho do próprio mapa natal, o objetivo principal é motivar a pessoa se relacionar com seu mapa natal de forma mais rica e profunda. É comum a pessoa não se deter a observar com calma e carinho seu mapa, logo ao identificar símbolos que não entende, desiste. O exercício de experimentar desenhar o mapa natal pretende romper esta barreira, e facilitar um contato com o mapa.

Ao experimentar desenhar artisticamente seu mapa, a pessoa terá que desenhar o círculo zodiacal, dividi-lo nos doze signos, fazer a cruz da linha do horizonte, com a linha do meio do céu ao fundo do céu, terá que dividir o circulo nas doze casas, terá que colocar os planetas nos seus lugares, terá que desenhar os aspectos, etc. Ainda que não entenda bem o significado de cada um destes elementos, o simples fato de os desenhar vai abrindo o caminho de relacionamentos com eles.

05 de abril de 2013

MANUAL DE LEITURA DO MAPA ASTRAL

8

O mapa como mandala tem uma força no conjunto gráfico que forma a distribuição de planetas, linhas e aspectos que pode

ser captada sem necessidade da leitura astrológica. O mapa vibra, mostra, inspira, sugere, encanta, revela, cura.

A impressão de quem ainda não sabe ler astrologicamente seu mapa pode revelar facetas do mapa difíceis de serem

percebidas quando já se conhece a linguagem astrológica, por isso é importante que aquele que está se iniciando valorize suas primeiras impressões.

O mapa natal deve ser contemplado com carinho, para ver o que ele fala, expressa.

Aconselho a todos a se esforçarem e experimentarem desenhar seu mapa natal e depois o contemplar, falar com ele, o

escutar.

e

Os que já conhecem o seu mapa, experimentem colocar cores, imagens, uma foto pessoal no centro depois compartilhem

- Elementos do desenho do mapa natal

O desenho do mapa natal de uma pessoa é uma representação gráfica do céu de nascimento, que contém:

se permitam criar

O círculo ou faixa zodiacal com os signos;

O posicionamento do Sol, Lua e planetas nos signos zodiacais, siderais ou diacrônicos, colocando o simbolo do

planeta no grau zodiacal que se encontre;

O posicionamento do Sol, Lua e planetas nas casas astrológicas;

Linhas coloridas entre os planetas que assinalam os aspectos maiores entre os planetas, incluindo também

pontos especiais (nodo lunar, roda da fortuna, etc.) no momento de nascimento e referenciados ao local de nascimento.

2. REVELAÇÕES DO MAPA NATAL

ao local de nascimento. 2. REVELAÇÕES DO MAPA NATAL A Astrologia facilita a interpretação da figura

A Astrologia facilita a interpretação da figura do mapa do céu natal como reveladora do mapa das potencialidades da pessoa, a tal ponto que pode se considerar o desenho do céu natal como uma mandala pessoal. O mapa natal como mandala pessoal contém códigos, chaves, informações preciosas das potencialidades e desafios da pessoa.

O mapa natal pode ser visto como a representação gráfica do programa (software) que permite a pessoa funcionar como ser humano com personalidade original e única de forma automática, programado pelo sistema familiar e cultural onde nasce e se desenvolve. A pessoa ganha um nome, uma identidade e a aparente faculdade de se aprimorar e evoluir. Com o passar dos anos vai desenvolvendo uma personalidade.

Existem várias técnicas de interpretação do Mapa natal que conseguem levantar informações da personalidade que só experimentando para acreditar na extensão e importância de seu

alcance.

O mapa natal revela caminhos belos e generosos para o encontro de si. Cada vez que a pessoa se olha através dele, mostram-

se novas facetas de si, assim tem acontecido comigo a cada vez que contemplo o meu mapa durante mais de 30 anos, quase

diariamente.

A análise do mapa natal revela dados preciosos sobre a identidade da personalidade. A pessoa, reconhecendo-se através do

mapa natal fortalece sua identidade e compreende melhor sua diferença com relação às outras pessoas. O acesso ao mapa permite afinar, sintonizar a vida ao que se tem de original e único e assim agir com mais facilidade, naturalidade, satisfação e possibilidades de sucesso. O mapa é uma via de acesso à singularidade, o que permite identificar melhor o jeito pessoal de ser, nos diversos setores da vida.

• Aquele que conhece a linguagem da Astrologia, pode ler no mapa natal de uma pessoa

Potencialidades de comportamento, em todos os setores da vida;

Tendências vocacionais: dons, talentos e potencialidades, originais e únicos, que podem fazer a diferença e trilhar o sucesso

Faltas e defeitos;

Formas de expressão das diferentes funções da personalidade, associadas aos planetas e sua situação astrológica;

Possíveis dramas e enredos que viverá na família, nos relacionamentos, na profissão, com amigos, na intimidade (amor e

sexo);

05 de abril de 2013

MANUAL DE LEITURA DO MAPA ASTRAL

9

Tipo emocional, mental, físico e energético;

Como a pessoa gosta de ser tratada;

Possíveis medos e pontos fracos;

O que lhe atrai em outras pessoas, o que ascende seu tesão;

O seu jeito de encarar mudanças;

O que valoriza nos outros, e muitas outras coisas.

O

Mapa Natal é o projeto cósmico pessoal e ao mesmo tempo o caminho de "volta para casa". Ele contém o que se traz do

passado, o que se manifesta no presente e o que se projeta para o futuro. O mapa é uma dádiva, um presente do céu para

facilitar o entendimento da entidade individual e suas potencialidades prometidas em todos os setores da vida.

A primeira vez que consegui interpretar meu mapa natal foi uma experiência muito impactante. Como é possível que exista

relação tão forte entre os planetas, estrelas e a vida de uma pessoa? Pois é, existe. E cada um de nós pode comprovar,

estudando seu próprio mapa natal. Sempre que contemplo meu mapa natal, ele me revela novas informações, sempre. Só aquele que vive esta experiência vai entender o que falo. Os meus clientes que estudam seus mapas comigo por anos, também se surpreendem em constatar como o mapa, sempre lhes fala aquilo que estavam precisando saber de si. Por isso, nas consultas insisto sempre em dar uma namorada no mapa natal, ainda que o interesse esteja centrado nas previsões.

• Caderno ou arquivo de texto só para a interpretação do mapa

Quando se inicia o estudo do mapa natal pessoal, aconselho escolher um caderno, ou abrir um arquivo de texto onde anote tudo o que sabe e constantemente atualize com o que de novo for descobrindo. A cada certo tempo dê uma processada geral. Anote também os trânsitos planetários, fazendo observações de como os vive.

• Autobiografia, ano por ano

Ajuda no estudo profundo do mapa, fazer um levantamento autobiográfico, ano por ano, dos acontecimentos mais importantes da vida. Faça também um levantamento das casas onde se encontravam os planetas em trânsito e progredidos. Assinale aniversários planetários e momentos especiais dos ciclos planetários.

Encontre relação entre os acontecimentos na vida e os acontecimentos planetários.

Este levantamento permitirá perceber melhor a relação que a pessoa tem com os planetas, através do estudo do impacto dos trânsitos e progressões planetárias pelas casas e dos aspectos maiores com os planetas natais na vida dela.

Assim, por exemplo, conhecendo o que aconteceu na sua vida nas diferentes etapas do trânsito de Saturno, estará em melhores condições de entender o trânsito atual e futuro de Saturno na sua vida.

Os aspectos dos planetas em trânsito ou progredidos com planetas natais, também dão importantes dicas de como os planetas natais se manifestam na pessoa.

• O mapa astral como o desenho do programa que rege a máquina humana

Ao encarnar no planeta Terra, cada ser humano ganha um programa (software) que rege o seu funcionamento automático.

Assim como o corpo funciona no automático, a emoção, a mente e a energia também funcionam. A pessoa, mais que determinar seus atos, acontece. O mapa natal é o "mapa" ou diagrama desse software.

Esse programa ou software autoprograma-se assimilando informações do sistema de valores e costumes que reina na família e na cultura às quais se pertence. Por isso, além do mapa natal, para entender uma pessoa, também se deve ter em conta a membresia (família, pais, cultura) a que pertence.

A maioria das pessoas vive em estado mecânico automático e nem percebe. Ela percebe sim, como é difícil mudar quando se

propõe sair de sua rotina e jeito automático de ser e de viver.

Com a vida e o estudo de si, a pessoa percebe que além de sua parte mecânica, existe um eu diferenciado que questiona o funcionamento automático. Esse eu é conhecido como eu espiritual ou eu superior. Ele pode ser identificado por se reger por um código ético que a pessoa vai elaborando enquanto vive de forma inconsciente. A pessoa, ao ir amadurecendo, percebe que é regida por vários eus automáticos e por um eu diferenciado que consegue observar o funcionamento de todos os eus automáticos, e que se caracteriza pela sua vontade de reger, tomar posse, conduzir.

Muitas pessoas, no automatismo de sua programação de vida (astrológico, eneagrama, DNA), tomam atitudes e vivem de forma mecânica. E ainda que a máquina humana é sofisticada e muito inteligente, não dá conta de certos desafios e por isso sofrem.

À medida que a pessoa vai acordando e percebendo seu automatismo, consegue começar a tomar atitudes mais coerentes

com sua verdade interior e certos costumes se tornam obsoletos, ineficazes. Nestes momentos, o eu espiritual pode tomar o

poder e se autoreprogramar. Quando a pessoa acorda para esta liberdade nunca mais pára até se tornar dona de si.

05 de abril de 2013

MANUAL DE LEITURA DO MAPA ASTRAL

10

• Mapa tenso

Todo mapa está certo para a pessoa que o tem, por mais tenso e complexo que pareça ser. Está mais que provado que muitas pessoas ilustres e vitoriosas em suas vidas possuem matas natais muito tensos.

Assim o êxito, o sucesso, o bem-estar, o contentamento, a alegria, a paz, a saúde não depende do mapa, mas da forma como a pessoa se relaciona com seu mapa. Quando a pessoa se aceita, se acolhe, se ama, se cuida, desenvolve suas potencialidades, aprende a encarar sua verdade e se guiar por seu coração, qualquer mapa conduz a excelência.

• O impacto dos trânsitos planetários

As verdades interiores que afloram nos momentos especiais dos trânsitos planetários, acordam revelações e lampejos de consciência de si, que podem estar em contradição ou conflito com atitudes e costumes adotados do sistema familiar e cultural

a que se pertence. E assim, a própria máquina poderá entrar em pânico ao constatar o risco da perda de poder de seu

automatismo, o que pode levar a pessoa que se confunde com seu automatismo, a sentir a eminência de perigo e entrar em estados mórbidos.

O sofrimento e a dor denunciam a necessidade da reprogramação de comportamentos e atitudes, adotados para sobreviver no

tempo em que se era inconsciente, em relação ao que agora a pessoa percebe de si.

Torna-se importante, neste momento, identificar Tabus e transformá-los em Totens, identificar costumes e valores negativos e os reprogramar segundo as novas necessidades, vontades, desejos e a qualidade do ambiente em que se quer viver.

Se não se souber o que quer, os posicionamentos e atitudes serão confusos, o que provoca aquela sensação de ser falso, mentiroso, no mínimo indiferente, esquisito, impossibilitado de olhar nos olhos e falar com beleza as verdades pessoais.

As configurações planetárias em curso em 2012, desafiam a tomar o comando de nossa máquina e a reprogramar em sintonia às mudanças que estão sendo vividas. Ainda que no início as coisas pareçam estar desabando, o aprimoramento e a transformação pessoal é o melhor caminho. Quem postergar, saiba que depois o desafio será mais intenso e provavelmente menos protegido.

Nada mais prazeroso que perceber a própria mecanicidade e o melhor, que se pode tomar o poder e direcionar a máquina humana no melhor das suas potencialidades.

O mestre Gurdjieff e seus discípulos, entre outros grandes mestres do século XX, desenvolveram tecnologias do estudo de si e

da expansão da consciência, que permitem acordar para estas liberdades do processo humano.

3. MAPA NATAL E AS DIFERENTES ASTROLOGIAS

Existem vários tipos de mapa natal, segundo a linha celestial que se use de referência para definir os signos ou as constelações zodiacais.

Na Astrologia ocidental Tropical, que é a que reina no Brasil, usa-se a trajetória do Sol (eclíptica), dividida nos 12 signos zodiacais tropicais.

Na Astrologia Sideral, que reina na Índia, nos Estados Unidos, usa-se também a trajetória do Sol (eclíptica), mas toma-se como referência as constelações zodiacais ou signos siderais.

Constelação zodiacal (signo sideral) é diferente de signo zodiacal. Eles estão defasados uma medida que muda com o tempo, chamada pelos sideralistas de Ayanansa.

A Astrologia Védica usa vários tipos de zodíacos siderais, que se diferenciam pela definição do ponto zero da constelação de

Áries.

Existem outras astrologias siderais, que definem as constelações zodiacais, ou signos siderais, de forma diferente à da Astrologia Védica.

Na Astrologia Draconiana, é usada a trajetória da Lua em torno da Terra para definir o zodíaco dos signos draconicos,, e se toma como ponto zero do signo de Áries o Nodo lunar norte.

4. ASCENDENTE E CASAS

A partir do ponto Ascendente na direção Leste no momento do nascimento, o mapa se divide em doze setores, chamados de casas ou moradas no sentido anti-horário, quando o ascendente é desenhado no lado esquerdo do papel.

Esta divisão do mapa em doze casas pode ser realizado por vários métodos chamados de Sistemas de Casas ou de domificação, que dependem dos métodos matemáticos escolhidos para calcular as cúspides das casas.

, que dependem dos métodos matemáticos escolhidos para calcular as cúspides das casas. 05 de abril

05 de abril de 2013

MANUAL DE LEITURA DO MAPA ASTRAL

11

O posicionamento zodiacal das cúspides das casas pode ser diferente, segundo o Sistemas de Casas que se adote, especialmente as cúspides das casas que não são cardinais: casa 2, 3, 5, 6, 8, 9, 11, 12.

• As doze casas do zodíaco

Nota: Cada casa tem seu significado próprio em relação ao ascendente. Mas cada casa também tem significado relativo a outra casa (casas derivadas). Por exemplo a casa XI de uma pessoa é a casa VII da V, assim pode significar também a casa do casamento dos filhos.

- Casa 1

A pessoa. Imagem de si. Experiência da singularidade. (A cúspide é determinada pelo ascendente)

A casa 1 é o setor da vida que indica:

Diretrizes gerais da pessoa. O Ascendente, cúspide da casa I, é junto

com o sol e a lua, um dos alicerces da personalidade. O signo na

cúspides da primeira casa diz-nos informa o modo da personalidade se expressar, do seu temperamento e da sua constituição. Caracteriza a reação instintiva, espontânea e mostra como a pessoa se apresenta ao mundo. O planeta que rege o signo ascendente é de particular importância para a interpretação do mapa;

Características básicas do corpo físico e da personalidade;

O prisma através do qual a pessoa se percebe a si mesma e constitui o estilo de ser, ou entidade individual;

mesma e constitui o estilo de ser, ou entidade individual; ► Como o indivíduo inicia suas

Como o indivíduo inicia suas ações;

O que faz para conquistar o que quer;

Qual é o foco das suas necessidades, desejos, como gostaria de realizá-los;

O projeto inicial e final de vida, a aspiração essencial, aquilo com o quê a pessoa se identifica quando é chamada a se

descrever em sentido amplo;

O grau em que sua vida está centrada nele ou nos outros: o centro da tele. Indica o tempo e a energia que a pessoa dedica a

si própria, sozinha e em relação (Pessoas com muitos planetas nesta casa, especialmente os planetas pessoais são pessoas centradas em si, e o mundo gira em torno delas);

Num sentido psicológico, a casa I oferece a experiência da singularidade.

- Casa 2

Recursos e riquezas pessoais. Bens materiais. As propriedades, o patrimônio. Dinheiro. Valores materiais. O que se valoriza. Experiência da posse, do valor e da prosperidade.

A casa 2 é o setor da vida que indica:

Que tipo de valores caracteriza a pessoa, senso de auto-estima. Fala como ela valoriza as coisas e o que gosta;

Como se pode ganhar dinheiro, produzir riquezas materiais e não-materiais, quais os talentos para a realização material;

A forma de se relacionar com o que se possui;

É uma casa forte entre os artistas (escultores, músicos, cantores), mas também entre os banqueiros e os proprietários;

No mapa de um país simboliza o gado, os minérios e a agricultura.

- Casa 3

Comunicação. Expressão. Primeiros estudos. Irmãos e parentes. Vizinhança. Condução pessoal. Experiência da troca. Documentos. Experiencia de troca, de aprendizagem.

A casa 3 é o setor da vida que indica:

Como se apreende o básico;

As potencialidades da expressão e a comunicação pessoal;

Como a pessoa se desloca. Viagens curtas;

Como é a relação com irmãos, parentes e vizinhos. Como é a vizinhança, o ambiente que rodeia;

O tipo do meio de transporte pessoal.

Antigamente chamada de casa da Deusa, em oposição à Casa de Deus (a nona casa é a casa das crenças, religiões e festividades não-oficiais).

05 de abril de 2013

MANUAL DE LEITURA DO MAPA ASTRAL

12

- Casa 4

Lar. Passado. Origens. Família. Ancestrais. Experiência do Pertencimento. Imóveis, propriedades de terra. Esta é a última casa que corresponde ao setor geral do mundo pessoal.

A casa 4 é o setor da vida que indica:

Como é a relação com a família, com a origem, antepassados, país;

Mostra a singularidade do lar interior;

A vida privada, os segredos, os sonhos do passado, a primeira infância;

propriedades e imóveis de herança familiar;

inconsciente pessoal;

tesouros escondidos no subsolo;

grandes propriedades de terra.

Esta casa é relacionada a mãe e ao pai. Tem astrólogos que a relacionam só a mãe, e outros que a relacionam só ao pai. Pessoas com esta casa forte vivem a família, ou algum tipo de tribo com intensidade.

Indica profissões ligadas ao cuidado e amparo da infância e da mulher grávida, a antropologia, arqueologia. À hotelaria, psicologia, arquitetura.

- Casa 5

Criatividade. Filhos. Experiência da produção. Poder pessoal. Diversão. Amantes. Magnetismo pessoal. Crianças. O sexo, o prazer. Os amantes. O amor e o afeto. O lazer e o divertimento. Manifestações sensoriais. Capacidade de criação. Vocação, talentos. Jogos. Festas. Vícios. A Sorte. Experiência do gerar, criar e emanar. Esta é a primeira casa após a saída da toca pessoal, do mundo pessoal. Nela cria-se, vivencia-se o magnetismo e o brilho pessoal.

A casa 5 é o setor da vida que indica:

Sobre os filhos e o ambiente que rege a relação com eles;

Como se cria. O que motiva;

O estilo de romancear, de viver o lazer, de se divertir;

O tipo de esporte que a pessoa gosta. Competições. Desafios;

Como a pessoa gosta de sexo e prazer. Características dos amantes;

Como se relaciona com crianças, jovens, esportistas;

Como a pessoa vive seu brilho pessoal, como manifesta seus poderes pessoais. Ela mostra qualidades fundamentais do tipo

de ator que é.

Pessoas com esta casa forte dedicam-se aos esportes, a educação, a produção, ao setor de lazer, esporte ou divertimento, às crianças, às artes dramáticas.

- Casa 6

Aprimoramento. Serviço. Ambiente do trabalho. Cotidiano. Animais domésticos. Saúde. Experiência da oferenda, do serviço. Relação com subordinados. É a casa do cotidiano.

A casa 6 é o setor da vida que indica:

A forma que a pessoa se comporta no seu cotidiano. A sua forma de servir e trabalhar;

Características ideais do ambiente do trabalho;

Forma de se relacionar com colegas e subalternos;

hábitos de higiene;

Repercute na saúde, doenças agudas (tipo dores de cabeça, resfriados, doenças que aparecem e logo desaparecem). Ela

representa o ponto principal de atenção para problemas potenciais de saúde porque em dependência de como lidemos com elas podem ser recalcados para a casa XII e transformarem-se em crônicos.

A relação dessa casa com a saúde está em que ela é a depositária de nossa potência ante os desafios. Fala do jeito de

enfrentar desafios cotidianos e enfrenta problemas. Por exemplo: signos cardeais (Áries, Caranguejo, Libra e Capricórnio) na cúspide dessa casa, criam o tipo de pessoa solucionadora de problemas. Áries, tenderá a resolver o problema depressa; Libra poderá parecer excitar, tentando ser justo e conhecer o fato em suas diversas versões, mas quando toma a decisão não mudará de ideia. Caranguejo será afetuoso mais firme; Capricórnio será claro, preciso e determinado para encontrar a solução perfeita.

Já os signos fixos com cúspide nesta casa tentaram conviver com os problemas a seu modo por tempo excessivo. Touro tentara

se acomodar ao problema, sentir porque ele existe

drama do processo de solução. Escorpião, ou desconhece o problema ou o resolve sem que ninguém perceba. Aquário avaliara

Leão toma o problema como questão de honra e geralmente cria um

05 de abril de 2013

MANUAL DE LEITURA DO MAPA ASTRAL

13

a repercussão geral (social) do problema e tentará uma solução em grupo ou individualmente buscara uma solução que dê um upgrade no assunto.

Os signos mutáveis adotam posições indefinidas e variáveis ante os desafios, podem querer fazer várias coisas ao mesmo tempo, ou começar de um jeito e terminar de outro. Gêmeos falará mais do problema que investir em soluciona-lo. Virgem será discriminativo, detalhista, criará um plano e estratégia de solução e poderá perder-se em detalhes. Sagitário verá o problema como um desafio ideológico e filosófico e o assumirá como desafio de princípios. Peixes, poderá desconhecer o problema, o esquecer a data, ou outro detalhe importante, pode querer encontrar formas mágicas e diferentes de solução.

Em dependência de como estes estilos se concretizem ou não, o corpo físico revelará através de seu equilíbrio o balanço da energia usada e assim será sua saúde. O corpo assinala: lide com seus problemas (desafios), expresse seus sentimentos com relação a eles, lide com eles, não os adie, pois, caso contrário, eles podem manifestar-se na forma de um problema físico.

A casa 6 fala também da relação com animais domésticos.

A casa 6 forte é a casa do médico clínico, do veterinário, do analista de sistemas, do trabalhador esmerado, da ama de casa

competente.

No mapa de um país representa: Sindicatos. Saúde

- Casa 7

Contratos. Casamento. Associações. Experiência do Outro.Inimigos declarados. Experiência do compartilhar e da convivência comprometida com o outro.

A casa 7 é o setor da vida que indica:

As expectativas que se cria do parceiro. Por tanto, ela determina as características ideais de complementação nos

relacionamentos. O signo descendente e os planetas que ocupam a sétima casa dizem-nos como selecionamos os nossos

parceiros e descreve as associações e relações que nós procuramos. Muitas vezes somos involuntariamente atraídos para pessoas cujos horóscopos têm uma grande ênfase no signo que está na nossa sétima casa;

O comportamento nos relacionamentos;

As forças que regem as parcerias e o casamento;

Características de possíveis inimigos declarados

Todas as relações contratuais e suas quebras passam por essa casa: casamentos, sociedades de negócios, mas também rivalidades entre sócios e a clientela de alguém.

- Casa 8

Recursos compartilhados e crises. Intimidade com o outro. Dinheiro e posses dos outros. Experiência da morte do Ego, das perdas e da doação.

A casa 8 é o setor da vida que indica:

a maneira pela qual se aborda as crises e mudanças na vida, as transformações - físicas também, como cirurgias e morte;

como se encara a intimidade e o sexo comprometido;

como lidamos com mistérios, com o oculto, com magia;

como a pessoa se relaciona com o dinheiro, riquezas e as poses de seus parceiros e do coletivo;

relação com as heranças.

Pessoas com esta casa forte podem ser muito magnéticas, influentes, sexuais e tem talento para detetives, cirurgiões,

psicólogos, xamãs, magos, curadores; administradores de dinheiro e propriedades dos outros, seguradores, fiadores que estabelecem vínculos profundos governados por forças ocultas

- Casa 9

Espiritualidade. Ética pessoal. Estrangeiro. A mente abstrata. Ideais. Religião. Filosofia. Os arquétipos. A necessidade de crescer espiritualmente. Visão de mundo. O estrangeiro, o comércio exterior e as grandes viagens. O que se quer transcender. A Justiça e as Leis. Processos judiciais. Estudos superiores e universitários. Experiência da Ética e do Sagrado. Experiência da expansão.Experiência da Ética, do Sagrado. Estudos superiores

A casa 9 é o setor da vida que indica:

Pessoas

Esse é o setor da vida que informa a respeito da capacidade de enxergar verdades espirituais;

Mostra como a pessoa se relaciona com países e culturas estrangeiras ou pessoa estrangeira;

qual a filosofia de vida, visão de mundo, a busca de um sentido maior para a existência;

Influencia também os esportes em grupo - sendo que os esportes de competições individuais são indicados pelas casa 5 e 7.

05 de abril de 2013

MANUAL DE LEITURA DO MAPA ASTRAL

14

Pessoas com esta casa forte relacionam-se ao Direito, à Antropologia, às relações internacionais, línguas, turismo, educação superior, filosofia, ética, podem viajar muito ou manterem relacionamentos fortes com estrangeiros.

Casa 10 (Meio do Céu)

Vocação e ocupação: profissão. Honra e reconhecimento público. Representa a nossa obra, a meta a conquistar objetivos, missão, finalidade, status, reconhecimento, honras, imagem social, pública. Projeção social. O nível de excelência. O Pai e a mãe, autoridades, o superior. A relação com o poder. Experiência da missão.

O Meio do Céu no mapa, corresponde ao ponto mais alto do Céu no momento do nascimento. Ele sugere as forças e

qualidades que a pessoa poderá dispor para definir suas metas de realização, construir sua imagem pública, social e profissional, definir o papel social mais adequado para agir no mundo e ser reconhecido. Esse é o setor da vida que fala do que

se

dispõe para se realizar socialmente, escolher a profissão e o melhor jeito de se relacionar com o social.

O

Signo que ocupa o MC mostra o modo que a pessoa dispõe para realizar sua função social, influindo no mundo segundo essa

postura, esses talentos, essas capacidades e esses comportamentos correspondentes ao Signo. Assim, se alguém tem, por exemplo, o MC no signo de Libra, pode ser que essa pessoa seja reconhecida (Casa 10) por seus talentos comunicativos, intelectuais, pela beleza de seus gestos e atitudes, pela sua diplomacia e disposição para colaborar com a harmonia e a justiça (Libra), podendo exercer um papel social (Casa 10) de harmonização, confraternização, inteligência, sociabilidade e embelezamento (Libra), talvez até mesmo trabalhando (Casa 10) arte, terapias, recursos humanos, diplomacia (Libra).

Os planetas presentes na Casa 10 vão agir nos assuntos da casa: influência no mundo, papel social, trabalho profissional, e influindo no modo como as pessoas vão o julgar, avaliar e reconhecer (Casa 10).

Os planetas presentes na Casa 10 estarão presentes e atuantes nos assuntos da casa, segundo o signo onde se encontre e a consciência e domínio da pessoa das suas qualidades e atributos . Os planetas presentes vão mediar a influência da pessoa no mundo, papel social e a escolha da profissão, assim como seu jeito de se projetar socialmente. De alguma forma também eles influenciam no modo como as pessoas o identificam, julgam e valorizam.

Contraposta à casa do passado (casa IV), a casa IV pode dar dicas da imagem pública, profissão que tem por base a herança familiar.

Alguns astrólogos associam a casa X a figura da mãe e outros a do pai. A Décima Casa ensina o meio de cumprir a função de seres individuais através da participação na produção do mundo.

Diz respeito à administração, altas patentes, empresas e empresários.

- Casa 11

Esperanças. Projetos. Grupos. Amigos. Experiência de grupo, de agregação. Experiência de realizar projetos.

A casa 11 é o setor da vida que indica:

Esperança. Como resultado do que fazemos no mundo - casa 10 - nutrimos certas esperanças, temos certos desejos em

relação ao que queremos de nossa sociedade;

As amizades. Ela nós diz a respeito do astral que rege nosso vínculo com as amizades e grupos;

Grupos. Nosso jeito de participação social e nos grupos de intervenção por causas coletivas;

A maneira em que elaboramos e realizamos os projetos de vida que incluem os outros;

Como nos relacionamos com os amigos, benfeitores e professores - as pessoas que nos querem bem ou com quem

podemos aprender.

Esta é a casa das ONGs, dos deputados, senadores, inventores e revolucionários.

- Casa 12

O oculto, o sutil. Espiritualidade. O retiro. As restrições. As dificuldades que se apresentam na vida para serem superadas,

visando ao aprendizado e à purificação. As hospitalizações. As doenças hereditárias e ou incuráveis. Os exílios. As prisões. Os retiros espirituais. O espaço sagrado pessoal e de interiorização. Preocupações e marginalização. O oculto. Espiritualidade. Experiência do silêncio e da entrega. Experiência da entrega, do serviço voluntário, do silêncio.

É a casa onde se vive o retiro, solidão, os momentos de intimidade com a alma. Segundo sua situação pode conduzir a hospitalizações, o exílio, a prisão, o sacerdócio, a solidão.

A solidão de estar no mundo, de ter nascido só e morrer, é uma lição desta casa, e as maneiras pelas quais enfrentar essa

experiência é indicada pelo signo que inicia essa casa e os planetas presentes e seus aspectos.

Tudo o que se gostaria de manter em segredo ou no privado: O que dá compaixão e o que faz trabalhar em prol dos necessitados.

05 de abril de 2013

MANUAL DE LEITURA DO MAPA ASTRAL

15

Esse é o setor da vida que é acionado quando a vida exige que se abandone as glórias deste mundo e se enfrente com humildade a solidão e o escárnio.

As pessoas que têm muito forte esse setor da carta astrológica trabalham ou convivem em instituições de ajuda e caridade ou reclusão. São eles: a freira, o médico interno, o psicólogo, o psiquiatra, a enfermeira; os carcerários e os presos; os que estudam os grupos marginalizados da sociedade. O ermitão, os ascetas.

Eu tenho uma amiga que tem Sol, Lua, Mercúrio, Vênus e Marte na casa XII, ultima herdeira de uma família tradicional cubana que ficou vivendo em Cuba após a Revolução, que vive numa casa com dezenas de quartos, o quarto de estimação dela é no sótão e tem um letreiro na porta do quarto: “Proibido a entrada de pessoas, animais e espíritos”.

5. SÍMBOLOS DOS SIGNOS, DOS PLANETAS E DOS ASPECTOS

• Signos

 

Áries

  Áries Libra

Libra

  Áries Libra

Touro

Touro Escorpião

Escorpião

Touro Escorpião

Gêmeos

Gêmeos Sagitário

Sagitário

Gêmeos Sagitário

Câncer

Câncer Capricórnio

Capricórnio

Câncer Capricórnio

Leão

Leão Aquário

Aquário

Leão Aquário

Virgem

Virgem Peixes

Peixes

Virgem Peixes

• Planetas

 

Sol

  Sol Saturno

Saturno

  Sol Saturno

Lua

Lua Urano

Urano

Lua Urano

Mercúrio

Mercúrio Netuno

Netuno

Mercúrio Netuno

Vênus

Vênus Plutão

Plutão

Vênus Plutão

Marte

Marte Nodo Norte

Nodo Norte

Marte Nodo Norte

Júpiter

Júpiter Nodo Sul

Nodo Sul

Júpiter Nodo Sul

• Aspectos

Conjunção

Conjunção o 00

o

00

Semi-Sextil

Semi-Sextil o 30

o

30

Semi-Quadratura

Semi-Quadratura o 45

o

45

Sextil

Sextil o 60

o

60

Quadratura

Quadratura o 90

o

90

Trígono

Trígono o 120

o

120

Sesquiquadratura

Sesquiquadratura o 135

o

135

Quincúncio

 

o

150

Oposição

Oposição o 180

o

180

05 de abril de 2013

MANUAL DE LEITURA DO MAPA ASTRAL

16

6. DESCRIÇÃO COMPORTAMENTAL DOS SIGNOS

MAPA ASTRAL 1 6 6. DESCRIÇÃO COMPORTAMENTAL DOS SIGNOS Os doze signos também podem ser descritos

Os doze signos também podem ser descritos através das caracterizações comportamentais do signo solar, a forma mais comum de serem conhecidos. Mas esta descrição peca por limitar a expressão dos signos a consciência de quem descreve e o pior criar sentenças que aprisionam ou limitam.

• Áries

- Elemento: Fogo;

- Modo: Cardinal - Primeira Dimensão;

- Palavras-Chave: Impulsivo, Corajoso, Dinâmico, Pioneiro, Desbravador, Dominador, Apressado, etc.;

- Regente: Marte;

- Características Gerais: É um signo de ação, reúne as qualidades do elemento Fogo e da expressão Cardinal. A questão da

afirmação da Identidade é um dos pontos-chave na expressão do signo. Desbravador, independente, assertivo, intuitivo, direto, decidido, pioneiro, corajoso;

- Características negativas: pode ser precipitado e não terminar o que inicia. Egoísta, agressivo, impaciente, inadaptado, intolerante.

• Touro

- Elemento: Terra;

- Modo: Fixo - Primeira Dimensão;

- Palavras-Chave: Paciente, Concretizador, Conservador, Teimoso, Possessivo, Lento, etc.;

- Regente: Vênus;

- Características Gerais: É um signo de concretização, reúne as qualidades do Elemento Terra e da expressão fixa. Representa a estabilidade, a materialização das formas. Pode ter tendência, devido a um lado conservador, a apegar-se a valores e a ser pouco receptivo a mudanças. É de natureza sensual e lenta.

• Gêmeos

- Elemento: Ar;

- Modo: Mutável - Primeira Dimensão;

- Palavras-Chave: Falador, Curioso, Inquieto, Impaciente, Comunicador, Versátil, Nervoso, etc.;

- Regente: Mercúrio;

- Características Gerais: É um signo da expressão e comunicação pessoal, reúne as qualidades do Elemento Ar e da expressão mutável. Gosta da diversidade, informação e movimento. É de natureza nervosa e adaptável.

• Câncer

- Elemento: Água;

- Modo: Cardinal - Primeira Dimensão;

- Palavras-Chave: Emocional, Protetor, Tradicional, Familiar, Reservado. Cuidar, nutrir e acolher;

- Regente: Lua;

- Características Gerais: É um signo de receptividade, reúne as qualidades do Elemento Água e da expressão cardinal. É o

mundo emocional no nível pessoal, assim ressalta a familia e as relações afetivas pessoais. É de natureza receptiva e protetora.

• Leão

- Elemento: Fogo;

- Modo: Fixo - Segunda Dimensão;

- Palavras-Chave: Criativo, Romântico, Orgulhoso, Generoso, Vaidoso, Dramático, etc.;

- Regente: Sol;

- Características Gerais: É um signo de criatividade e vida. Reúne as qualidades do Elemento Fogo e da expressão fixa. Ressalta a dignidade, autoestima, entusiasmo, vida, amor. É de natureza apaixonada e orgulhosa.

05 de abril de 2013

MANUAL DE LEITURA DO MAPA ASTRAL

17

• Virgem

- Elemento: Terra;

- Modo: Mutável - Segunda Dimensão;

- Palavras-Chave: Metódico, Racional, Discriminador, Perfeicionista, Crítico, Cético, Pureza, Limpeza;

- Regente: Mercúrio;

- Características Gerais: É um signo de ordem e funcionalidade, reúne as qualidades do Elemento terra e da expressão mutável. Incita a busca do útil e da ordem. De natureza crítica (também autocrítica) e metódica.

• Libra

- Elemento: Ar;

- Modo: Cardinal - Segunda Dimensão;

- Palavras-Chave: Diplomata, Indeciso, Sociável, Inconstante, Artístico, etc.;

- Regente: Vênus;

- Características Gerais: É um signo de relação, reúne as qualidades do elemento Ar e expressão cardinal. Procura a harmonia com o outro, estabelecer pontes para a relação. Marca uma etapa em que o indivíduo deixa de se perceber só para si, para então relacionar-se com o outro, na assunção de um compromisso. É de natureza indecisa e artística.

• Escorpião

- Elemento: Água;

- Modo: Fixo - Segunda Dimensão;

- Palavras-Chave: Penetrante, Passional, Transformador, Intolerante, Secreto, etc.;

- Regente: Plutão;

- Características Gerais: É um signo de desejo, reúne as qualidades do elemento água e expressão fixa. Pode ser simbolizado como as "águas de um pântano": secretas, misteriosas e intensas. O desejo e as emoções profundas estão subjacentes a este signo, mas também os processos internos de dor e transformação. É de natureza instintiva e secreta.

• Sagitário

-Elemento: Fogo;

- Modo: Mutável - Terceira Dimensão;

-Palavras-Chave: Otimista, Filosófico, Atlético, Exagerado, Fanático, Honesto, etc.; -Regente: Júpiter; -Características Gerais: É um signo de ideais, reúne as qualidades do elemento Fogo e expressão mutável. Procura expandir-se pelo sentido da aventura. Pode ter um lado "peregrino", pela sua busca de um significado maior para as coisas e consequentemente para si, o que lhe pode conferir alguma instabilidade. É também o signo dos ideais, da expansão de valores, filosofias, religiões, numa perspectiva abrangente da vida. É de natureza otimista e franca.

• Capricórnio

- Elemento: Terra;

- Modo: Cardinal - Terceira Dimensão;

- Palavras-Chave: Responsável, Cauteloso, Ambicioso, Estruturado, Convencional, etc.;

- Regente: Saturno;

- Características Gerais: É um signo de afirmação social, reúne as qualidades do elemento Terra e expressão cardinal. Corresponde à necessidade de solidez, de 'status', de obra alicerçada. Ter um papel na vida, na perspectiva de uma carreira na sociedade, de poder afirmar-se no coletivo. É de natureza prudente e séria.

• Aquário

- Elemento: Ar;

- Modo: Fixo - Terceira Dimensão;

- Palavras-Chave: Original, Excêntrico, Livre, Comunicativo, Descontínuo, Individualista, etc.;

- Regente: Urano; - Características Gerais: É um signo de espírito livre reúne as qualidades do elemento Ar e expressão Fixa. Afirma-se pela abertura de idéias, por valores 'revolucionários' e independentes num contexto globalizante da vida, sem fronteiras. Tem uma faceta humanista e solidária, mas também teimosa e individualista. É de natureza independente e sociável. Gosta da autogestão e o respeito a diferenças.

05 de abril de 2013

MANUAL DE LEITURA DO MAPA ASTRAL

18

• Peixes

- Elemento: Água;

- Modo: Mutável. Terceira dimensão;

- Palavras-Chave: Sensível, Pessimista, Sonhador, Auto-piedoso, Escapista, etc.;

- Regente: Netuno;

- Características Gerais: É um signo de grande sensibilidade, reúne as qualidades do elemento Água, o modo de expressão

mutável e é da terceira dimensão. É de natureza sensível e aberta. Conecta com a emoção e o astral que reina no ambiente.

7. SOL, LUA, PLANETAS, PLANETAS ANÕES, ASTEROIDES E PONTOS ESPECIAIS

• Planetas, asteroides, pontos especiais

Os softwares de Astrologia usados para calcular e fazer o desenho do mapa natal permitem que se opte pelos planetas, asteroides e pontos especiais com significado astrológico que se quer considerar. A cada dia aumenta o número de astros e pontos especiais com significado astrológico.

Por exemplo, na atualidade são conhecidos mais de 20 planetas anões além de Plutão, assim o número de planetas que podem ter significado astrológico ultrapassa o número de signos zodiacais (12). No início da Astrologia só se conheciam:

a. os Luminres: Sol e Lua;

b. os planetas pessoais: Mercúrio, Vênus e Marte;

c. os planetas sociais: Júpiter e Saturno,

Somando um total de 7 astros.

O Sol e a Lua regiam um só signo, e cada planeta regia 2 signos.

Depois foram descobertos Urano (1781), Netuno (1846) e Plutão (1930), que foram rapidamente assimilados pela Astrologia. Recentemente foram descobertos mais de 20 planetas além de Plutão, alguns deles já são estudados na astrologia: Sedna, Varuna, Eris,

Estes novos planetas ainda não tem significado astrológico de consenso geral. Como se movimentam muito lentamente, passam décadas em um mesmo signo.

Do mesmo jeito os asteroides conhecidos no início do seculo XIX eram poucos, agora são milhares. Do mesmo jeito os pontos

especiais do mapa: as Partes arábicas, nodos, pontos médios, Vertice, etc

Cada planeta, planeta anão, asteroide, ponto especial tem sua utilidade na leitura do mapa natal e as previsões. Cada astrólogo seleciona os planetas, asteroides e pontos que considera importantes para o estudo que quer realizar. Saliento estas informações não para assustar, mas para mostrar a riqueza da Astrologia e o tanto que ainda tem por se desenvolver.

chegam a milhares.

• O Sol, a Lua e os Planetas na Astrologia

a milhares. • O Sol, a Lua e os Planetas na Astrologia interligados à vida na

interligados à vida na Terra.

O Sol, a Lua, os Planetas e os Asteroides podem ser vistos como os corpos associados a Forças anímicas, inteligentes e espirituais que se expressam na pessoa como potências e funções básicas da personalidade, assim como fluxos de energia e redes de relações que constituem tudo o que existe.

Elas reinam no Céu e estendem sua Ordem nos diferentes graus de manifestação da vida. Assim o Ser Humano e o Sistema Solar compartilham a mesma Essência e a mesma Ordem.

Os antigos as identificavam como os deuses planetários, presentes e participativos no dia a dia, integrados a um Universo vivo, cujos campos, ritmos e ciclos estão

05 de abril de 2013

MANUAL DE LEITURA DO MAPA ASTRAL

19

• O Sol a Lua e os Planetas simbolizam as 10 funções ou faculdades básicas do ser humano:

Sol (regente de Leão): Vontade. Centro. Consciência. Individualidade. Ser, querer, realizar. Auto-estima;

Lua (regente de Caranguejo): Sentir, memorizar, cuidar, acolher e nutrir;

Mercúrio (regente de Gêmeos e Virgem): Pensar, articular, trocar, expressar e comunicar;

Marte (regente de Áries e Escorpião): Penetrar, desbravar, impulsionar, decidir e agir;

Vênus (regente de Touro e Libra): Receber, harmonizar, embelezar, relacionar e valorizar;

Júpiter (regente de Sagitário e Peixes): Expandir, desenvolver. Justiça;

Saturno (regente de Capricórnio e Aquário): Estruturar, depurar e colocar limites. Dá corpo;

Urano (regente de Aquário): Revolucionar, renovar, mudar, diversificar e surpreender. Nova Era;

Netuno (regente de Peixes): Intuir, imaginar, amar e sensibilizar;

Plutão (regente de Escorpião): Transmutar, apodrecer, regenerar e enriquecer. Morte-Vida.

Os movimentos, ciclos, posicionamentos e configurações dos planetas no Zodíaco Tropical estão sintonizados aos movimentos

e ciclos da vida na Terra. "Segundo é lá, é aqui e vice-versa”.

7.1 Os ciclos planetários

O ciclo completo de um planeta acontece quando ele dá uma volta completa no zodíaco e retorna a um mesmo ponto de

partida.

O ciclo completo entre dois planetas acontece quando a partir de um encontro entre eles, um deles consegue um giro

completo no zodíaco e encontra novamente ao outro planeta.

Os astros encontram-se, em um determinado momento, em um mesmo grau do Zodíaco. Depois evoluem em diferentes seqüências de angulações entre si, e em outro determinado momento se encontram novamente, fechando um ciclo.

Os ciclos dos astros têm sua expressão nos ciclos da vida. Segundo o momento, ou fase do ciclo em que se encontrem os astros será a forma de se manifestar sua energia na vida.

Para entender um astro num mapa deve considerar-se:

Sua natureza e suas qualidades e atributos;

Em que signo se encontra;

Em que casa se encontra;

Quais as angulações que faz com os outros astros (especialmente os regentes do signo e casa onde se encontra, os pontos

astrológicos (roda da Fortuna, nódulos, Lilith, etc) e as direções terrestres (Ascendente e cúspides das casas).

as direções terrestres (Ascendente e cúspides das casas). 8. QUESTÕES SOBRE A HORA DE NASCIMENTO •

8. QUESTÕES SOBRE A HORA DE NASCIMENTO

• Hora de nascimento. Atenção!

É consenso, para a maioria dos astrólogos, escolher como hora de nascimento de uma pessoa, ou animal, o instante em que se sai completamente do corpo da mãe.

• O que pode falar a Astrologia quando não se sabe a hora de nascimento, mas só o dia, mês e ano?

Se

se conhecer o dia, mês e ano de um nascimento, pode se conhecer o posicionamento do Sol e dos planetas nos signos, que

se

movimentam no zodíaco muito pouco, o mais rápido em torno de um grau por dia.

sem saber a hora, torna-se impossível saber onde está a Lua, porque num dia a Lua se movimenta em torno de 13 graus.

Então se não se sabe a hora, não dá para determinar o Ascendente e casas e a posição da Lua. É possível para conhecer o

posicionamento do Sol e os planetas nos signos e os aspectos entre eles.

05 de abril de 2013

MANUAL DE LEITURA DO MAPA ASTRAL

20

Não dá para calcular o Ascendente que depende da hora de nascimento. O ascendente se movimenta no ritmo da rotação da Terra, percorre 30 graus em duas horas, um grau a cada quatro minutos.

• É verdade que se pode calcular a hora de nascimento conhecendo fatos do passado da pessoa?

Alguns astrólogos têm desenvolvido métodos para a retificação da hora de nascimento (a partir das progressões) quando o erro é ate uma hora. Outros têm desenvolvido métodos também para quando não se sabe a hora. Mas para mim, os métodos que tenho pesquisado, são fatíveis de erro.

A questão da escolha da hora de nascimento

O

comum entre os astrólogos e a cultura geral, é pegar como hora de nascimento o momento em que o bebê sai

completamente da mãe.

Mas porquê não escolher como momento de nascimento, o corte do cordão umbilical? Nos partos naturais atuais às vezes tem uma diferença de 24 horas entre o momento em que o bebê sai da mãe e o momento que é cortado o cordão umbilical. Como definir o momento exato em que o cosmos carimba a pessoa no seu nascimento? Como determinar a hora de nascimento?

Na minha opinião é o momento da primeira inspiração, assim como a morte é o momento da última expiração - hálito. Imagino que ao inspirar, não só penetra o ar mas o cosmos, a totalidade, em cujo fundo palpitam os planetas nos signos e nas direções - o Mapa natal-astral. Dizem que a primeira inalação acontece logo que o bebe sai da mãe - alguem pode aprofundar mais?

9. MÉTODOS COMPLEMENTARES. REVOLUÇÕES PLANETÁRIAS E TRÂNSITOS E PROGRESSÕES PLANETÁRIAS

• Revoluções planetárias

Outro método de pesquisar a potencialização das qualidades de um planeta é na escolha da cidade para a revolução do planeta (idem com a revolução solar) onde o planeta se encontre na situação astrológica favorecendo o que a pessoa quer. Assim podem ser escolhidas determinadas cidades para passar o aniversário planetário com o objetivo de prolongar para o ano planetário a energia do mapa de sua revolução.

• Trânsitos e progressões

Outro método é ter em conta o período da vida em que o planeta em transito ou progredido esteja em imantação favorável ao que se quer.

• Cuidados

Lembre ao escolher um lugar ou cidade focando potencializar, evidenciar um determinado planeta para alcançar determinados objetivos, ter em conta qual a situação dos outros planetas e em que setores da sua vida vão mexer. Muitas vezes, o que se perde em relação a nova situação astrocartográfica dos outros planetas, não compensa a mudança.

10. MAPA DO LOCAL SPACE (LS) E MAPA ASTROCARTOGRÁFICO (ACG)

As técnicas associadas a interpretação do Mapa natal como o estudamos até aqui, focam a vida na linha do tempo. O mapa

natal revela as potencialidades positivas e negativas da pessoa, referenciadas ao momento da vida que se encontre. Asprevisões focam o astral planetário que será vivido em um determinado período de tempo, por exemplo nos próximos dois

anos, independentemente de onde se encontre a pessoa. Os mapas astrocartograficos, o mapa Local Space, o Mapa relocado e

os mapas das revoluções planetárias com a opção de escolher a cidade de aniversário tem em conta onde se encontra a

pessoa, e estudam os melhores lugares onde uma pessoa pode usar com mais facilidade e proteção suas potencialidades planetárias, assim como onde pode escapar de energias funestas e sabotadoras.

O astrólogo Donald Bradley inicio as pesquisas de interpretar o lado espacial da Astrologia. E seu discípulo Jim Lewis nos anos 70 elaborou a técnica de interpretação das linhas dos planetas definidas pelos pontos onde se observa uma mesma relação do posicionamento zodiacal do planeta com o horizonte local. Tipo a linha onde se observa, desde diferentes locais, o planeta ascendendo, ou a linha onde se observa o planeta no Meio do Céu. Estas linhas indicam os caminhos e os locais da Terra que refletem a energia de um planeta natal num mesmo setor da vida.

Paralelamente Michael Erlewine, um dos criadores do conhecido software de Astrologia nos anos 80: o Blue Star e do Win Star,

foi um dos pioneiros em trabalhar com o mapa local (LS -Space Local Map). O LS é o mapa das linhas azimutais dos planetas

natais no plano do horizonte que passa pelo local de nascimento, ou pela nova cidade onde a pessoa esteja morando.

A linha azimutal de um planeta determina na sua superposição no desenho do mapa cartográfico. o caminho e os locais onde se manifesta a energia do planeta.

Nos anos 90 e especialmente após o ano 2000 a Astrocartografia (incluindo o mapa astrocartografico e o mapa local) se desenvolveu muito pela sua importância na Astrologia Mundial, permitindo a previsão de zonas mais

05 de abril de 2013

MANUAL DE LEITURA DO MAPA ASTRAL

21

sensíveis as tensões planetárias tipo eclipses, quadraturas ou oposições especiais tipo a quadratura de Urano com Plutão ou a oposição de Júpiter com Saturno nestes momentos (janeiro de 2012) quando dinamizadas pelos planetas rápidos: Marte, Vênus, Mercúrio, Sol, Lua. Mas na atualidade, são técnicas de primeira que em muito podem colaborar com a qualidade de vida das pessoas, as informando dos melhores locais e caminhos para que realizem suas metas e sonhos.

Segundo a natureza dos planetas envolvidos podem se prever zonas de conflitos, guerras, catástrofes naturais, grandes acidentes, assim como zonas de estabilidade, prosperidade, facilitações e oportunidades etc. As técnicas astrocartográficas usadas na atualidade podem ser dividas em dois grupos:

ficou

astrocartográfico;

"Astrocartografia"

(ACG):

O

nome

astrocartografia,

mais

para

designar

as

técnicas

que

estudam

o

mapa

"Espaço Local" (LS -Local Space): Mapa geodésico ou mapa das "Linhas Azimutais".

Essas técnicas podem ser utilizadas separadamente, ou em conjunto, uma complementando a outra.

10.1 Mapa astrocartográfico (ACG)

• O Mapa astrocartográfico (ACG) permite:

Encontrar os locais onde as potencialidades prometidas pelos planetas no mapa astral poderão se manifestar com maior

eficiência e conveniência;

Encontrar lugares, cidades onde se pode viver experiências desejadas, excitantes, desenvolver novas habilidades, assumir

responsabilidades inéditas, fazer bons negócios, encontrar um amor ou namorar, fazer trabalhos espirituais com mais proteção e facilitações, etc.;

No âmbito coletivo, permite compreender melhor o modelo de desenvolvimento urbano das cidades e os acontecimentos

especiais associados a situação planetária regente.

No desenho

várias linhas desenhadas sobre o mapa cartográfico.

Observe em detalhes estas linhas nos dois mapas astrocartográficos que coloco à direita. Clique acima deles, com o botão direito e abra em outra janela para que possa continuar lendo e observando os mapas e lendo este texto.

tem

do

mapa

astrocartografico observe

que

lendo este texto. tem do mapa astrocartografico observe que No mapa superior do programa Solar Fire

No mapa superior do programa Solar Fire Gold, podem ver que nas bordas do lado esquerdo e direito do mapa tem os símbolos dos planetas e ao lado deles Dc ou As e no lado superior os símbolos dos planetas e acima deles Mc, no lado inferior os símbolos dos planetas e Ic.

Já no desenho do mapa do site astro.com, no lado superior do mapa tem os símbolos dos planetas e abaixo destes Ac ou Dc. No lado inferior do mapa, tem os simbólos dos planetas e abaixo deles Mc ou Ic.

Estas abreviaturas correspondem as direções (ângulos) que tem significado astrológico especial:

Ac - Ascendente: a linha Ac, mostra todos os lados do planeta onde

o planeta é visto ascendendo;

Dc - Descendente: a linha Dc, mostra todos os lados do planeta

onde o planeta é visto descendendo;

Mc - Meio do Ceu: a linha Mc, mostra todos os lados do planeta

onde o planeta é visto no Meio do Céu;

Ic - Fundo do Céu: a linha Ic, mostra todos os lados do planeta

Mapa astrocartografico do site astro.com

Mapa astrocartografico do site astro.com

onde o planeta está no Fundo do Céu, abaixo do ponto da Terra onde teve lugar o acontecimento em estudo.

Assim no Mapa astrocartográfico teremos uma rede de linhas que nos indicarão as zonas em que se refletem a energia dos planetas correspondentes.

As linhas do Sol indicam os lugares em que a pessoa pode ser reconhecida, se realizar socialmente, se curar, encontrar colaboração e facilitações para sua realização; onde pode alcançar o sucesso, reconhecimento, status; onde pode se sentir mais vital, autoconfiante, seguro, digno.

As linhas da Lua indicam os lugares em que a pessoa pode fazer família, se sentir familiar, acolhido, onde pode viver suas emoções com mais proteção, onde pode ter mais proteção para a cura emocional.

As linhas de Mercúrio indica os lugares onde a pessoa pode fazer estudos, aprender e se expressar e comunicar com mais facilidade, onde os contatos e as trocas podem acontecer com mais facilidade e sincronia.

05 de abril de 2013

MANUAL DE LEITURA DO MAPA ASTRAL

22

As linhas de Vênus indicam os lugares onde a pessoa pode se sentir mais lindo, mais valorizado, se sentir mais aconchegado, onde pode se relacionar com mais facilidade. Nestes locais a pessoa pode encontrar parceiros e viver o casamento e as associações com mais proteção. Caminho do lazer, do belo.

As linhas de Marte indicam os lugares onde a pessoa pode se sentir mais forte, energetizado, potente, onde as coisas acontecem com mais rapidez, mas também onde pode ser mais competitivo, agressivo e ter conflitos.

As linhas de Júpiter indicam os lugares e o caminho onde a pessoa pode receber mais facilitações, oportunidades, proteções, apadrinhamentos. Onde a pessoa se sente mais afortunada e pode alcançar reconhecimento e sucesso.

As linhas de Saturno indicam os lugares onde a pessoa pode ser mais exigido, cobrado, restringido; onde tem que agir com responsabilidade e conhecimento; onde as coisas podem demorar mais. Por outro lado, onde a pessoa amadurece com mais solidez, consistência e pode alcançar estatus solido.

As linhas de Urano indicam os lugares onde a pessoa pode viver mudanças, imprevistos, onde pode revolucionar mais sua vida; onde pode sentir inquietude, viver imprevistos

As linhas de Netuno indicam os lugares onde a pessoa pode desenvolver sua espiritualidade, mediunidade, e talentos artísticos; onde pode encontrar sua missão espiritual de vida; onde pode prestar serviços humanitários, voluntários. Mas também onde pode-se viver ilusão, experiências confusas, decepções, mentiras, falsificações.

As linhas de Plutão indicam os lugares onde a pessoa pode desenvolver mais seu poder pessoal, onde pode se curar, e viver profundas transformações.

• Temas ligados a linha de Plutão:

Transformações profundas. Percepção de onde se deve mudar. Percepção de necessidades viscerais;

Catalizador de transformações em outras pessoas ou no ambiente;

Mortes, perdas;

Desafios perigosos;

Mistérios, o inexorável, o oculto nas situações e nas pessoas. Situações fora de controle;

Potencialização do poder pessoal;

Situações que desafiam o poder pessoal. Confronto com pessoas de poder ou ligadas ao poder;

Vir à tona medos, desejo e motivações que há muito ficaram reprimidas;

Experiências limítes. estremas: fobias, pânico, obsessividade, perversões;

Decisões radicais;

Sequestros, violência, separações, explosões emocionais, catarses;

Viver forças da natureza: tormentas, vulcões, terremotos

• Considerações que aprofundam a interpretação:

A interpretação do significado da linha ganha matizes quando se considera se ela corresponde a: Ac, Dc, Mc, Ic.

Ac - potencializa a ação do planeta no plano pessoal

Dc - potencializa a ação do planeta no setor de relacionamentos, casamento, associações

Mc - potencializa a ação do planeta na profissão, projeção social, estatus

Ic - potencializa a ação do planeta no setor familiar, afetivo

• Situação do planeta no mapa natal

A linha planetária carrega o astral da situação astrológica do planeta no mapa. O que sugere a importância de estudar a fundo

asituação do planeta no mapa natal para aproveitar as suas qualidades e saber administrar a favor suas tensões e fragilidades.

• Orbe

A orbe de grande influência das linhas planetárias é até (ao redor de 180 kilómetros a cada lado) se estendendo a (a ser

pesquisado levando outras considerações). Sendo mais forte enquanto mais perto da linha. Planeta bem posicionado no mapa natal pode ganhar uma orbe maior.

As zonas do mapa terrestre por onde não passam linhas, e que estão fora das suas orbes, se consideram zonas onde não tem alcance as forças dos planetas natais.

• Encruzilhadas de linhas -parans

Nas encruzilhadas de linhas se misturam as energias dos planetas correspondentes a estas linhas. São pontos de força especiais que devem ser estudados com atenção. Alguns astrólogos consideram que a força destas encruzilhadas se expande em toda a latitude terrestre dentro de uma faixa de orbe de 1º ao Norte e ao Sul da latitude da encruzilhada.

05 de abril de 2013

MANUAL DE LEITURA DO MAPA ASTRAL

23

• Escolha de lugar ou cidade

- Pesquisando as linhas dos planetas no ACG

Feito o mapa ACG, escolha o planeta que quer potencializar, evidenciar e o setor da vida onde quer que ele atue, isto define a linha a ser escolhida. Pesquise na linha escolhida no mapa ACG, os possíveis lugares ou cidades de seu interesse. Por onde ela passa estarão as possíveis cidades onde poderá experimentar o que se quer com mais facilidades e proteção.

Os

locais, cidades por onde passa uma linha de planeta natal estará imantada permanentemente com a energia deste planeta

no

setor da vida definido segundo a linha seja: Ac, Dc, Mc ou Ic.

Em geral, se usam as linhas do ACG para escolher a ubicação da nova cidade. E se usa o Mapa local (LS) do Mapa Relocado, para atraves de suas linhas escolher os diferentes lugares, em torno da casa onde se for morar, para realizar as diferentes atividades. Tipo: local de estúdios, de negociações onde é importante o entendimento mútuo e documentos, na linha de Mercúrio; lugar de trabalho na linha do Sol, Júpiter, Vênus; local de esporte na direção de Marte, etc

O mapa Local (LS) do mapa natal relocado, também pode servir de guia para distribuir os locais na casa, tipo um feng suei

astrológico.

- Mapa natal relocado: é o mapa com os mesmos dados de nascimento, a hora é modificada para o momento sincronico ao de

nascimento na nova cidade e a latitude e longitude do novo lugar. Na prática: coloque nos dados de cálculo do mapa: Seu nome com sobrenome a nova cidade, sua data de nascimento, na hora de nascimento acrescente ou diminua a diferença horária da nova cidade com a cidade de nascimento. Por exemplo se mudar de São Paulo, Brasil (fuso + 3) para Los Angeles na California (fuso +8), tem que diminuir a hora de nascimento 5 horas que é a diferença de fuso. Observe que quando por exemplo no Brasil são 15h, em Los Angeles são 12h, já que Los Angeles estão ao oeste do Brasil.

10.2 Local Space. Mapa do Local Space

• Conceitos astronômicos básicos

A esfera celeste é a esfera cujo centro é o centro da Terra e cujo raio é suficientemente grande, de forma a se poder

desprezar, com relação a ela, o radio da órbita da Terra em torno do Sol. Nessa esfera, são projetados os planetas, as estrelas e todos os elementos do Universo.

O eixo (Norte-Sul) de rotação da Terra coincide com o eixo em torno do qual se processa o movimento dos corpos projetados

na esfera, agora chamado eixo do mundo.

O equador terrestre está no mesmo plano do equador celeste.

Os planos dos meridianos terrestres (passam pelos polos) determinam na esfera celeste círculos máximos que recebem o

nome de Círculos Horários ou Círculos de Declinação.

Sistema de coordenadas Horizontal

O

sistema de coordenadas astronômicas chamado de horizontal local tem por plano

fundamental o horizonte do lugar e por eixo principal a vertical do lugar (continuação do

radio que vai do centro da Terra até o local de observação).

Sistema horizontal de coordenadas. Repare na estrelinha, que tem altura h e azimute A. O

Sistema horizontal de coordenadas. Repare na estrelinha, que tem altura h e azimute A. O S indica a direção Sul, de onde começa a contagem do azimute.

As coordenadas são o azimute e a distância zenital, ou seu complemento, a altura. A

direção do astro, projetada perpendicularmente sobre o horizonte local, fornece seu

azimute. Sobre esse horizonte, o azimute é o ângulo que essa projeção forma com o semiplano de origem na vertical do lugar e que contem (normalmente) o ponto Sul.

Este mapa pode ser imprimido numa transparência para poder ser superposto acima de um mapa cartográfico

O Mapa Local Space ao invés de usar como referência os zodíacos, usa o horizonte local e

as coordenadas no Sistema Horizontal. O mapa pode ser montado nos programas Pegasus, Solar Fire5, Deluxe e em outros. Mas lembre que o mapa local deve ser feito, no

caso de se mudar da cidade de nascimento, com o mapa natal relocado para esta nova cidade.

.

05 de abril de 2013

MANUAL DE LEITURA DO MAPA ASTRAL

24

Este mapa pode ser imprimido numa transparência para poder ser superposto acima de um mapa

Este mapa pode ser imprimido numa transparência para poder ser superposto acima de um mapa cartográfico.

O mapa local (LS) se usa superpondo-o ao mapa cartográfico da superfície terrestre, no

local de nascimento.

Experimente montar o mapa do Local Space em cima do mapa do local onde nasceu. E observe se os locais que se encontram nas linhas dos planetas tem a ver com o que você vive neles.

• Astrolocalização com Local Space

O mapa Local Space superposto ao mapa cartográfico mostra as linhas azimutales dos

planetas, que determinam os caminhos e locais imantados pelas suas qualidades e características.

Com este mapa poderemos entender a diferença que se sente, por exemplo ao viver numa cidade que está na linha de Plutão e outra que esteja na linha de Júpiter.

O mapa LS é também útil para determinar a escolha dos locais numa casa ou local de

trabalho colocando-o acima da planta do imóvel alinhada corretamente com os pontos cardinais (use uma bússola). E assim por exemplo, o local do trabalho está na direção de Saturno, os telefones e lugares de estudos na direção de Mercurio, jamais colocar o quarto de descanso na direção de Urano, de Marte ou do Sol, etc

Lembre que o Mapa LS deve ser feito a partir do mapa natal relocado no caso de mudar para outra cidade que não seja a natal.

O desafio é encontrar uma distribuição dos locais que atendam as sugestões dos diferentes mapas locais das pessoas que vão

usar ou ocupar este imóvel. Imagine que um escolha o quarto na linha de Venus, mas que seu parceiro tenha nesta direção Saturno ou Plutão. Enquanto vc está com incentivo para ser agradável e namorar seu parceiro entra no transe de ficar fechado

ou perturbado

Ao igual que as pessoas as cidades tem seu mapa LS, indicando as direções diferenciadas de se desenvolver e expandir a cidade seguindo as energias e qualidades das linhas azimutais dos seus planetas natais.

11. MAPA RELOCADO

A pessoa, ao se mudar para outro país ou cidade, continua

regido pelo seu mapa natal, mas ganha as novas emanações

de seumapa natal relocado, para a nova cidade.

Além do mapa natal calculado para o local de nascimento, a pessoa tem inúmeros mapas natais referenciados a todas as cidades do mundo, no momento sincrônico de nascimento. Supõe-se nesta hipótese, que ainda que o corpo físico nasce em um lugar, o espírito nasce em todos os lugares do planeta. A pessoa pode usufruir das vibrações destes mapas mudando-se para o lugar que tenha o mapa que lhe convém.

O mapa natal, que se está acostumado a pesquisar é o mapa

do céu no local de nascimento, mas na verdade a pessoa ao

nascer ganha um mapa em cada cidade do mundo.

Existem no mundo lugares mais adequados que a cidade de nascimento, para desenvolver certos dons e habilidades ou onde se pode atingir uma maior performance das potencialidades planetárias pessoais.

Existem lugares no mundo onde as potencialidades natais se realizam de forma mais facilitada, protegida, generosa. Existe lugar que pode libertar de tensões, resistências, imprevistos, complicações. Em umas cidades se facilita a profissão, o sucesso, a prosperidade material, em outras o amor, em outras a família

O difícil é encontrar um lugar onde tudo flua facilitado. Mas indiscutivelmente é muito proveitosa esta pesquisa, ganha-se em

liberdade, e permite fazer um turismo sintonizado às potencialidades planetárias natais.

Ao viajar pelo mundo, o céu natal irá se manifestando segundo o mapa relocado, correspondente ao nascimento sincrônico no local em trânsito.

manifestando segundo o mapa relocado, correspondente ao nascimento sincrônico no local em trânsito. 05 de abril

05 de abril de 2013

MANUAL DE LEITURA DO MAPA ASTRAL

25

MANUAL DE LEITURA DO MAPA ASTRAL 2 5 Quando a pessoa se muda de país ou

Quando a pessoa se muda de país ou cidade, há uma mudança no jeito que o céu natal se manifesta explicitada no mapa relocado para o novo lugar.

• Passos para relocar o mapa com um software de astrologia:

Substituir o nome da cidade natal pelo da cidade onde se

encontra. Habitualmente o software sozinho muda a latitude, longitude e fuso do local. Transforme a hora de nascimento para hora corresponde no local. Assim por exemplo se nasceu na Havana às 15h30 e se mudou para São Paulo, Brasil, deverá colocar como hora de nascimento 17h30, já que entre São Paulo

e Havana tem uma diferença de 2h de fuso;

Outro jeito é substituir Lat. e Long. do mapa original pelas

coordenadas do local para onde desejo relocar. Horário: manter

o MESMO da carta original. Zona Horária: manter a MESMA da

carta original.

No seguinte site tem um mapa com os fusos das principais cidades do mundo vigentes no momento, o que permite calcular fácil a diferença de fuso e a partir dela a hora de nascimento para a nova cidade: http://24timezones.com/ horários

Para o estudo da relocação, em primeiro lugar é necessário considerar e analisar o mapa natal como um todo. Porque ainda que se possa melhorar o astral em um determinado aspecto pode piorar em outro.

Na escolha de um novo local para se viver ou passar um tempo observe:

determinar com precisão o que se quer melhorar ou facilitar

e

fazer o levantamento geral de todas as cidades em que o

mapa relocado corresponda;

determinados os locais convenientes, observar os planetas

com aspectos tensos em que nova casa são relocados e se

interessa esta nova situação;

se possível colocar os planetas em melhor estado cósmico

se possível colocar os planetas em melhor estado cósmico em sextil ou trígono com o Ascendente

em sextil ou trígono com o Ascendente ou o Meio do Céu. Observe o posicionamento do Sol, de Júpiter e de Saturno em relação ao Ascendente;

se possível escolher a cidade que tiver o planeta que se quer

ressaltar numa das direções As, Dc, MC e FC;

observar os trânsitos ao mapa relocado durante o período

que se estiver na nova cidade.

Ganha evidencia um planeta, quando em virtude da relocação, torna-se angular (As, Dc, MC e FC) . Os quatro ângulos do mapa facilitam a expressão e materialização das promessas do planeta na vida da pessoa.

• Experiencia pessoal

Observem meu mapa natal em Havana, Cuba; meu mapa relocado para Rio de Janeiro e meu mapa relocado para São Paulo em Brasil.

Observe que interessante, em Cuba trabalhei mais como cientista natural (físico) correspondendo a meu ascendente

capricórnio. No Rio de janeiro trabalhei mais como Diretor e ator de teatro, estudei psicoanalises, e vivi mais solto e mundano,

o que corresponde a meu ascendente relocado em Peixes. Em São Paulo, com ascendente relocado em Aquário, trabalho mais

como astrólogo e agente social.

05 de abril de 2013

MANUAL DE LEITURA DO MAPA ASTRAL

26

12. MAPA GEODÉSICO

Baseia-se no método de equivalências geodésicas, estabelecido pelo astrólogo inglês Sephariel, entre cada grau da eclíptica e cada meridiano de longitude terrestre.

O grau zero de Áries corresponde ao meridiano de Greenwich.

Qualquer mapa geodésico levantado para um ponto ao longo do meridiano de Greenwich sempre terá o grau 0º de Áries no Meio-Céu, a partir do qual se constrói todo o restante da estrutura de casas, seguindo a ordem do mapa natal.

Cada grau de longitude em direção ao leste de Greenwich corresponde a um novo grau no Meio-Céu, no sentido natural do zodíaco. Assim, 30ºE corresponde a um Meio-Céu em 0º de Touro, 60ºE corresponde a um MC em 0º de Gêmeos, etc.

Cada grau de longitude em direção ao Oeste de Greenwich corresponde a um novo grau no Meio-Céu, no sentido natural do zodíaco. Assim, 30ºO corresponde a um Meio-Céu em 0º de Peixes, 60ºO corresponde a um MC em 0º de Aquário, etc.

A estrutura de casas de cada ponto da Terra é fixa nos mapas geodésicos.

Os posicionamentos zodiacais dos planetas do mapa natal se mantem na carta geodésica relocada.

05 de abril de 2013