Você está na página 1de 4

A primeira pergunta que vem à cabeça quando se fala de João Carlos Martins e Anderson Noise in Concert é: como e em que momento o maestro mais pop da música erudita nacional, depois de ter levado como pianista o nome do Brasil para todos continentes , e o top DJ mineiro, um dos mais solicitados às cabines de clubes e festivais de música eletrônica do mundo todo, tiveram a

i déia de fazer música juntos. O primeiro encontro de Martins e Noise foi promovido por uma revista brasileira em novembro de 2008. O objetivo era reunir um supermaestro e um grande DJ brasileiro numa matéria, que tinha como título provisório Os Maestros. Durante a conversa, que aconteceu na casa do maestro, em São Paulo, uma enorme empatia entre os dois transformou o que seria apenas um bate-papo promovido por uma revista num animado almoço, que culminaria com a ideia para um ambicioso projeto. "Uma coisa que deixou o maestro comovido foi o fato de eu ter citado a música dele, numa publicação inglesa, como uma das que mais me emocionaram na vida", conta o DJ, referindo-se à interpretação do maestro para o clássico "Eu Sei Que Vou Te Amar" (Tom Jobim e Vinicius de Moraes). A idéia de criar um projeto juntos pipocou na cabeça dos dois naquele aJmoço , em novembro passado. Desde então, os laços entre o maestro pop e o DJ número 1 do país (segundo voto popular da revista DJ Mag) se estreitaram,

e os universos da música erudita e eletrônica ganharam um novo significado para os dois. Notórios workaholics, o maestro e o DJ se impuseram um regime intenso

de trabalho. Primeiro veio o processo de escolha do repertório, sugerido pelo maestro . Ao longo de cerca de 60 minutos de duração, João Garfos Marfins

e Anderson Noise in Goncert apresenta reinterpretações para clássicos de

Wolfgang Amadeus Mozart , Johann Sebastian Bach , Heitor Villa-Iobos e Mode . st

Mussorgsky. Com agendas complicadas e pouco tempo pra produzir, o projeto obrigou

o DJ a investir em novos equipamentos e na profissionalização do estúdio que

mantinha em seu apartamento em questão de semanas. Apesar do pouco tempo de que dispunham para tirar do papel um projeto tão ambic i oso, Martins e Noise tinham em seu favor o fato de serem quase

v i zinhos - vivem a menos de 10 minutos a pé um do outro. Desde o começo, Martins fazia questão de apresentar o resultado da parceria na Sala São Paulo. Para quem conhece a beleza e a precisão acústica desta que é úma das principais salas de concerto da América Latina, fica fácil entender o porquê. E graças ao grande prestígio do maestro , a Sala SP foi reservada antes mesmo do início dos trabalhos. Os últimos meses foram de trabalho intenso, aprendizado , noites mal dormidas e , a c ima de tudo isso, a vontade imensa de levar ao palco o resultado

desta i mprováve l, porém mu i to fel i z parceira. Aprecie sem moderação.

Texto: Cláudia Assef / Making Of: Cadu Tv No i se / Coordenação

capa : Nino And r es / Assistente : Felipe Pan i ago / Anderson Noise is managed by 3plus Talent

Técnica:

M adzoo / Foto da

REPERTÓRIO

L . V.Beethoven - Sinfonia nO5 em Dó menor op. 67 - 30 '

Allegro con brio / Andante con moto / Scherzo: Allegro / Allegro

· Intervalo ·

P.Mascagni - Intermezzo - 2'30 "

Promenade A u rora - Anderson No i se l '

W

. A.Mozart - Sinfonia nO40 em sol menor KV 550 (Molto Allegro) - 7'

Promenade Trem Bala - Anderson Noise 1' 15 "

H.Villa-Lobos - Trenzinho Caipira - 4'

Promenade Mama - Anderson Noise 1 ' 10 "

J . S.Bach - Ária da Suite Orquestral nO03 - 3'

P r omenade A -E- I - O - U - A n de r son No i s e l '

M

. Mussorgsky - Portas de Kiev de Quadros de uma Expos i ção - 5'

Orquestra Bach i ana Filarmônica Regente: João Ca rlos Martins Solista : Anderson Noise

'

~ .

~~ [ t . ~ 'f:)

"

' / " W

50 razões para RlBar São Paulo

Porque temos o chope mais cremoso, o IlTUJX, a Ponte Estaiadn,. João Carlos Martins, o ste[ de feíra e os grafites dns ruas!

João Carlos Martins voltou a tocar

Por Victor Proeira

' D e s t ~ f""'n'e; ~

D

r asilg ~

Durante

que ele g e r am

a

po d em ser cons id e r ados

de que o O r as il é u m do s mais çoncei t u a dos

que a p i sta d e ve

ser o f i o i n vi s i íJe l que une c 1 ub b ers

com am i g os

sem p r e

do i s meses

arrasou l

F oram 4 3 m il vo t os.

da r ev i s t a .

vence d o r es ,

ser i sen t a

e me i o o s i te da DJ NAG rece b e u

v o t os

os 14 p r em i ados

da r e d a ç ão

porq u e

p a r a o O est D ra s iI 20 0 ü,

q u e re p resentam

E a votaç ã o

os o l h o s dos l e i to r es

ant i go s

e d e seus co l a b o r a d o r e s .

se us t rabal h os

a cena br a s il e i ra

os se l ecionados

tipo de ISO 90 0 0, E vale le m brar

e a m ú s i ca

bo ns momentos

deve

e a l mas . E o

são o ates t a d o ,

e cul t ur a i s . acontecem

Ma s todos

um

mu s k mundia l.

de p r eçonçe i t os

de t odo

o mu n d o ,

p a íses na çe n a de dan c e

s oc i ai s . po h l i c os po i s é a l i on de

e novos . onde memór i as

fe l i z es são g r a v adas

em nossos çoraçóes

Oest O ras i l 2 QOü vai pa r a" .

, . "" M 9R lS l l

fulO " " p . Vl A ll I WIRfEJllWlD E S

Rev i st a Ép o ca São Paulo E dição de Aniversário - Maio/2009 N ° 13

ORQUESTRA B A CHIANA FI L ARMÔ N I CA

R EGÊNCI A JO ÃO CARLO S MAR T I NS

Primeiros Vio l inos Laércio Diniz (Spalla)

César Miranda Ricardo Fukuda

Kátia Spássova Milton Bergo Ricardo Takahashi John Spindler

Sergei Eleazar de Carvalho

F emando Travassos

Jonathan Santos

Renato Yokota Ana Valéria Poles

Violonce l os Ana Mar i a Chamo rr o

Mauro Brucoli Douglas Kier Jorge lIumberto Renato Isaque de Oli v eir a

Contrabaix o s Sérgio de Olivei r a

Trompas SamuellIann zem Rogério Martinez Luciano P. Amaral Mário Rocha

Trompetes Adenilson Teles F emando Lopez Marcelo Costa

Segundos Violinos Alexandre Cunha , Wagner Souza Ana Camila Bordino Mariana Ribeiro Mariela Micheletti Dorotheia Gruber Fábio Ferreira João Marcos Camargo Jr. Anderson Lacerda

Alexandre Rosa Trombo n es

Alexandro de Oliveira

Gilberto Gianelli Emerson Teixeira João Paulo Moreira

Tuba Albert S. Khattar

Flautas Marcelo Barboza Cássia Renata Fonseca Ana Mar i a Gaigalas

Oboés Peter Apps Alexandre Ficarell i

Saxofone Ba to n o Marcos Pedroso

T e c l ado

.<]

u

"

~

o

."

"

"

E

~ "

V

iolas

F agotes

Stella de Alrneida

Emerson Di Biaggi Adriana Schincariol Vercelino

Francisco Formiga Fábio Cury

Harpa

Marcos Fukuda

Ange1a Duarte

Irina Matzen

Contra fagote

F

emanda Pavan

Ariana Pedroso

Percussão

Jader Ferreira M. da Cruz

John Boudler

Clarinetes Luís Afonso Montanha Marta Vidigal Will Tomao

F emando Chaib Daniel Dias de Lima

NCKIA

FOLHA

o '"V 1'1:11515

' ft Uf. t Olent

~

LEITÃO. AZEVEDO RIOS.

CAMARGD. SERAGINI PRESTA

~ e ~ Ql u H

I r~M W I " UI'

LEI DE INCENTIVO ACULTI J RA