Você está na página 1de 7
FEDERAÇÃO AQUÁTICA NORTERIOGRANDENSE www.fanrn.com.br - aquaticarn@gmail.com Fone: 84-32018008 CAMPEONATO ESTADUAL

FEDERAÇÃO AQUÁTICA NORTERIOGRANDENSE

www.fanrn.com.br - aquaticarn@gmail.com Fone: 84-32018008

CAMPEONATO ESTADUAL DE PÓLO AQUÁTICO

REGULAMENTO-2013

CAPÍTULO I DA INSCRIÇÃO E PARTICIPAÇÃO

Art. 1 - A Participação no Campeonato Norteriograndense de Pólo Aquático está aberta a todas as entidades filiadas e vinculadas a FAN. O Campeonato Estadual de Pólo Aquático será regido pelas regras oficiais da FINA / CBDA.

Os Atletas das equipes para participarem, deverão obrigatoriamente atender aos seguintes requisitos:

§ 1

a) Satisfazer as normas constantes deste regulamento;

b) Ser cadastrado na FAN e CBDA;

c) Pertencer as seguintes categorias:

FEMININA – CATEGORIA ABERTO

MASCULINO – CATEGORIA (1995 – 18 ANOS)

§ 2

§ 3

Cada entidade poderá inscrever 02 (duas) Equipes por categoria, mas apenas a equipe que obtiver a melhor colocação pontuará para o Clube. O Estadual será realizado com no mínimo 02 (dois) Clubes federados, e com no mínimo 02 (dois) Clubes inscritos nas fases. Caso haja apenas dois Clubes participando da competição será feito uma melhor de três jogos, caso o mesmo time ganhe os dois jogos, será o campeão da fase. Poderá haver uma terceira partida se cada time vencer um jogo. Haverá intervalo de 30 minutos entre os jogos.

Será cobrada a taxa de cadastro inicial e/ou renovação por Atleta na FAN de R$ 50,00

(cinquenta Reais). §4 Será cobrada uma taxa de inscrição de R$ 12,00 (doze Reais) por Atleta que compõe a equipe para participar das etapas do Campeonato Estadual. As inscrições poderão ser impreterivelmente até a terça feira antes do evento, com seu respectivo pagamento. È proibido o pagamento

Art. 2 - Somente poderão participar os Atletas devidamente cadastrados na FAN.

§ 1

O Cadastramento dos Atletas deverá ser feito em ficha própria da FAN onde constará o nome e sobrenome, filiação, data de nascimento, endereço, sexo e outros.

Art. 3 - Cada Entidade poderá inscrever uma relação de até 13 (treze) atletas para participar do evento que deverão ser apresentados à mesa de controle ou ao delegado pelo técnico da entidade, para efeito de registro e controle da súmula do jogo 30 (trinta) minutos antes da hora assinalada para o início do jogo, preenchendo a ficha oficial que para essa finalidade será distribuída pela mesa de controle.

§ 1

A relação de 13 (treze) Atletas inscritos, não poderá sofrer nenhuma modificação após ter sido apresentada à mesa de controle do evento, que verificará a correspondência do número da touca de cada atleta e a identidade através de documento oficial (carteira de identidade ou carteira da FAN).

§

2

Não deverá haver modificações na numeração das toucas dos Atletas após o primeiro

jogo, que devem ter a mesma correspondência de nome com o número de touca. sim: da touca nº 1 até a de nº 13, dentro do habitual.

As-

O

Goleiro reserva deverá atuar com uma touca vermelha de nº 13, como também jogar

na

linha com a mesma touca, azul ou branca.

§ A tabela de jogos, local, horário, relação dos árbitros e outros oficiais, deverão rigoso- rosamente ser observados por todos os participantes e pela FAN, que tem a responsa- sabilidade da organização dos meios físicos para o correto cumprimento do regu- lamento. Será divulgado com no mínimo 24 horas antes do evento, a tabela da competição.

§ Se por qualquer circunstância qualquer jogo não puder ser realizado, deverá ser levado a efeito nas seguintes 48 (quarenta e oito) horas a resolução do local, horário, oficiais de arbitragem. Um representante da FAN deve ouvir os Técnicos das equipes envolvidas e a Comissão de Arbitragem.

§ 5 O Atleta só estará apto para participar do jogo, se estiver dentro das regras da FINA, ou seja, não pode está portando objetos como: relógios, brincos, cordões, anéis, pulseiras, ou qualquer outro objeto que no entender do Árbitro não seja permitido. Todos os Atletas deverão está com as unhas dos pés e das mãos bem cortadas. Estas providências deverão ser tomadas pelos Atletas e a equipe técnica. O Atleta que não estiver apto no início do jogo, só poderá entrar no segundo tempo.

§ Só é permitido ficar na área do jogo: os Atletas, Técnicos, Auxiliares, Arbitragem e Imprensa que estiver cobrindo o evento. Todos os jogadores (com toucas) e auxiliares técnicos, exceto o técnico principal deverão permanecer sentados no banco de reservas,exceto durante os intervalos entre os períodos de jogo.ou durante o time out.

3

4

6

§ O Técnico da equipe que está no ataque, poderá movimentar-se até a linha de 05 (cinco) metros a qualquer momento. Fora este momento, o Técnico deverá permanecer na área da linha de fundo, não ultrapassando a área de reentrada dos seus Atletas. É proibido ao Técnico ficar atrás do gol.

§ O Técnico deverá obrigatoriamente no início de cada jogo, informar a mesa o nome do capitão da equipe. Caso não haja esta comunicação no início, o mesmo não terá o direito de exercer esta função no jogo.

§ Haverá tolerância de 15 (quinze) minutos para o início do 1º Jogo, os demais seguem os horários pré estabelecidos. As equipes deverão se colocar ao lado oposto da mesa de acordo com a tabela do jogo. A esquerda da mesa, a equipe de toucas brancas e a direita da mesa, a equipe de toucas azuis. Na metade da partida as equipes deverão mudar de lado, como também antes do início do 2º período de qualquer prorrogação.

7

8

9

CAPÍTULO II DOS LOCAIS DE COMPETIÇÃO E APLICAÇÃO DAS REGRAS DE JOGO

Art. 4 - Todos os jogos serão realizados de acordo com as Regras da FINA vigentes.

§ 1 Todos os jogos das 02 (duas) Categorias poderão ser disputados em piscinas olímpicas ou semi-olímpicas. No entanto, quando em piscina semi-olímpica, o campo será de acordo com a regra da FINA.

CAPÍTULO III DA DISPUTA

Art. 5 - O Campeonato será disputado em 03 (três) Fases. Cada fase será disputada da seguinte for- ma:

§ Até no máximo 05 (cinco) Equipes será feito um rodízio simples, com classificação final por ponto.

§ Mais de 06 (seis) Equipes serão divididas em 02 (duas) chaves, classificando-se os 02 (dois) primeiros colocados de cada chave para fazer um cruzamento olímpico entre as 04 (quatros) equipes.

1

2

- Critérios de Desempate:

a) Em caso de empate durante os jogos do cruzamento olímpico, o desempate será promovido em prorrogação de 02 (dois) tempos de 03 (três) minutos com morte súbita.

b) Se o jogo permanecer empatado na prorrogação, deverá ser feita uma disputa de Pênaltis alternadamente, até sair um vencedor.

§ Para cada fase do Campeonato Estadual se fará um novo sorteio para compor as chaves, mas ficando os campeões e vice da fase anterior como cabeça de chaves da fase seguinte.

§ Após a final da 3ª Fase será definido o campeão, vice-campeão e terceiro lugar do Campeonato Estadual de Pólo Aquático no geral, masculino e feminino, através da soma de pontos da tabela abaixo:

3

4

TABELA DE PONTOS

1º lugar da Fase

20 pontos

2º lugar da Fase

15 pontos

3º lugar da Fase

13 pontos

4º lugar da Fase

11 pontos

5º lugar da Fase

10 pontos

6º lugar da Fase

09 pontos

§5

Art. 6 – Os jogos serão disputados em 04 (quatro) tempos de 8’ (oito minutos) cronômetrados. O intervalo entre o 1º e 2º, 3º e 4º tempos será de 02 (dois) minutos, entre o 2º e 3º tempos será de 05 (cinco) minutos. Cada Técnico poderá pedir 02 (dois) tempos para orientação dos atletas a qualquer momento do jogo, inclusive no último quarto do jogo.

Em caso de empate na pontuação de Campeão será definido pelo saldo de gols.

Art. 7 - As rodadas de cada turno deverão ser disputadas nos horários:

a) Jogos realizados durante a semana terão início às 13:30h.
b) Jogos realizados no final de semana e feriados terão início às 07:30h. Sendo que para uma equipe disputar 02 (dois) Jogos seguidos, deverá ter um intervalo de no mínimo 30 (trinta) minutos.

O original das súmulas de todos os jogos deverão ser arquivada na FAN, logo depois da conclusão dos jogos da rodada. Cópias serão entregues aos Técnicos das equipes participantes, sendo a 2ª via para a equipe vencedora, e a 3ª via para equipe perdedora.

Art. 8 - As entidades participantes deverão está com os Cadastros dos Atletas regularizados na FAN, 03 (três) dias antes da 1ª rodada de cada fase. Após este prazo final, as inscrições das Equipes não serão aceitas, bem como as inscrições que chegarem sem os respectivos pagamentos. Não serão aceitos pagamentos no dia do evento.

Art. 9 - O sistema de pontuação para cada turno seguirá os critérios de:

c)

§ 1

a) Vitória

=

03 (três) pontos positivos

b) Empate

=

01 (um) ponto positivo

c) Derrota

=

00 (zero) ponto

d) WxO

=

- 03 (três) pontos negativos

e) WxO – OxW

=

- 03 (três) pontos negativos para as duas Equipes

CAPITULO IV DAS PENALIDADES

Art. 10 - Todo atleta que for excluído do jogo, sem direito a substituição por ter cometido um ato de brutalidade, (de acordo com a definição da regra WP 21.9 da FINA) ou ter cometido qual- quer outra falta grave que, a critério da arbitragem do jogo, mereça igual sanção, e desde

estará

que, em todo caso o fato venha a ser registrado na súmula do jogo pela arbitragem:

automaticamente suspenso da próxima partida em que sua equipe vier tomar parte. Casos graves serão levados para Comissão Disciplinar julgar.

Art. 11 - A Equipe que não alinhar para a apresentação terá um prazo máximo de 15 (quinze) minu- tos, (contados a partir da primeira menção feita pela Mesa de Controle no ato da apresen- tação das equipes), após o qual o juiz estabelecerá o W x O de acordo com o procedimento regulamentar.

§ 1

As Equipes deverão iniciar seu aquecimento 10 (dez) minutos antes do término do jogo go em andamento, ou 10 (dez) minutos antes da chamada da mesa de controle para a apresentação. Após a apresentação as Equipes terão 10 (dez) minutos para aquecimento com bola, após este tempo o Juiz apitará o inicio do jogo.

§ 2

Quando uma Equipe vencer a outra por "W x O" aplica-se o placar de 05 (cinco) a zero.

§ 3

A entidade é responsável por qualquer ato indisciplinar antes, durante e depois da competição, bem como pelas condições físico-mental dos atletas, isentando a Federação Aquática Norteriograndense de quaisquer responsabilidades.

§

4

È proibido qualquer tipo de mudança de toucas entre os Atletas de linha. Após o início do jogo o técnico poderá trocar o goleiro por um Atleta de linha , conforme regra da FINA, lembrando que o goleiro reserva deverá usar touca vermelha de número 13.

§ O jogo será iniciado com o número mínimo de 4 Atletas na água.

§ A bola utilizada será a WP3 para categoria aberto masculino e WP2 para a categoria aberto feminino

5

6

CAPÍTULO V DAS EQUIPES

Art. 12 - As Equipes deverão alinhar para as apresentações, de preferência uniformizadas e, no míni- mo identificadas pelas toucas, 10 (dez) minutos antes do início do jogo atendendo à primeira chamada da mesa de controle.

Art. 13 - A mesa de controle anunciará a apresentação das equipes mencionando o número da touca e o nome do Atleta correspondente, destacando por último, o nome do capitão da Equipe e Técnico.

Art. 14 - A mesa de controle ao registrar 01 (um) gol deverá anunciar o número da touca e a cor da touca do artilheiro como também o placar parcial do jogo.

Parágrafo Único -

As disposições dos Art. 11 e 12 deverão ser fiscalizadas por um representante da FAN. No caso do não cumprimento deverá ser feito uma advertência verbal, na reincidência, advertência escrita e na terceira o oficial será suspenso da participação do evento.

Art. 15 - As Equipes premiadas, atendendo à primeira chamada da mesa de controle, são obrigadas a se apresentar no local devidamente uniformizada em respeito ao público, aos outros atle- tas participantes e às autoridades.

CAPÍTULO VI DA PREMIAÇÃO

Art. 16 - Os Atletas e o técnico das 03 (três) primeiras equipes classificadas de cada categoria, masculino e feminino, em cada fase do campeonato Estadual receberão medalhas representativas de ouro para o campeão, de prata para o vice campeão e de bronze para o terceiro colocado e um (1) troféu para o Clube campeão de cada fase das duas categorias masculino e feminino. No final do campeonato serão entregues troféus de Campeões aos 1º, 2º e 3º colocados no geral de todas as fases.

Art. 17 - Serão premiados no final do Campeonato:

a) Artilheiro: é o atleta com maior quantidade de gols assinalados, durante todo o evento.

b) Atleta Destaque: o Atleta que mais se destacou no campeonato.

CAPITULO VIII DAS DISPOSIÇÕES GERAIS

Art. 18 - A Federação Aquática Norteriograndense não se responsabiliza por quaisquer acidentes que que porventura ocorram antes, durante e depois da realização da competição.

Art. 19 – A escolha da equipe de arbitragem será feita pelo Diretor da modalidade com a anuência da Presidente da FAN. Não são permitidos vetos aos árbitros escolhidos para atuarem nos jogos.

Art. 20 - Em caso de protesto, este somente será aceito desde que seja paga a taxa de acordo com o re gimento financeiro e apresentado até 30 (trinta) minutos após o ocorrido.

Art. 21 - A não-observância de qualquer artigo deste regulamento implicará em eliminação da entida- de, conforme for o caso, não cabendo aos mesmos quaisquer tipo de recurso.

Art. 22 – Só será convocado para Seleção da FAN que irá participar do Interfederativo de Polo Aquático masculino, o Atleta que tiver participado de no mínino duas (2) fases do Campeonato Estadual.

Art. 23 - Os casos omissos neste regulamento e nos específicos serão solucionados pelo Árbitro prin- cipal da competição; na sua impossibilidade, pelo Diretor da modalidade, em casos extremos pela Presidência da FAN.

Art. 24 - A FAN, poderá, sempre que julgar necessário, alterar o presente Regulamento.

Art. 25 - Revogam-se as disposições em contrário.

FEDERAÇÃO AQUÁTICA NORTERIOGRANDENSE CAMPEONATO ESTADUAL DE POLO AQUÁTICO FICHA DE INSCRIÇÃO : EVENTO: EQUIPE:

FEDERAÇÃO AQUÁTICA NORTERIOGRANDENSE CAMPEONATO ESTADUAL DE POLO AQUÁTICO

FICHA DE INSCRIÇÃO:

EVENTO: EQUIPE: TÉCNICO: AUX. TÉC:
EVENTO:
EQUIPE:
TÉCNICO:
AUX. TÉC:

Nº DO

GORRO

NOME/SOBRENOME

DATA NASC.

R.G.

01

02

03

04

05

06

07

08

09

10

11

12

13

Natal,

/

/

.

ASSINATURA DO RESPONSÁVEL