Você está na página 1de 37

ANTES DE MAIS NADA,

UMA DECLARAÇÃO MUITO IMPORTANTE

Quando as pessoas vão às minhas palestras, aos meus eventos, veem alguns dos meus vídeos ou me

conhecem pessoalmente

na minha vida: eu não era um bom orador.

Elas tem uma leve surpresa quando eu digo uma coisa que fez toda diferença

Assim como você, eu também não pensava que eu tinha grande potencial para um dia dar palestras.

Isso fez toda diferença na minha vida. Só uma pessoa que já passou pelo que eu passei sabe o quanto é difícil não se sentir satisfeito com a falta de uma boa comunicação.

Deixe-me te contar um pouco sobre o meu passado

A verdade, é que até minha adolescência eu era um cara extremamente tímido. Não é exagero, eu era realmente muito tímido. Meu pai era militar, e sou o filho mais novo de uma família com 3 mulheres.

Nunca foi fácil me comunicar com elas. Minha opinião poucas vezes era ouvida, e assim, cada vez mais, eu fui ficando mais afastado da boa comunicação.

A culpa não era deles, mas o ambiente foi me moldando um péssimo orador.

Com o passar do tempo, eu entrei na faculdade, e só de pensar em apresentar um trabalho ou coisas do tipo eu já falava “Eu não vou!”. Mas logo no primeiro ano as coisas começaram a mudar um pouco

A minha comunicação ainda era bem ruim, mas eu me dedicava bastante e sempre me mostrava um excelente profissional (estudava publicidade e propaganda). Então, profissionalmente eu fui conquistando meu espaço, e com esse espaço, veio ainda mais a necessidade de aprender a se comunicar.

Foi quando no terceiro ano de faculdade um dos meus professores me convidou para ser seu monitor. Como eu era um bom profissional e confiava nisso, eu aceitei.

Em um determinado dia o professor faltou e eu tive que substituí-lo. Lembro que quando entrei na sala e vi aquelas 40 pessoas olhando pra mim, eu fiquei quase que paralisado

Felizmente consegui dar uma enrolada e passar algo para eles fazerem, mas foi naquele momento que eu decidi que não iria mais passar vergonha por causa da minha comunicação (ou falta dela).

Comecei a estudar profundamente sobre o assunto, e hoje eu posso dizer que sou um excelente orador.

Ainda acho que tenho muito a melhorar, mas também sei que tenho muita coisa para ensinar aqueles que sofrem do mesmo problema que eu sofria no início.

Nesse ebook, eu vou compartilhar com você o que aprendi sobre uma boa apresentação de oratória. Prometo-lhe ensinar pelo menos um pouco do que aprendi durante todos esses anos.

Leia esse ebook até o final, que, no final, eu tenho uma surpresa para você. :)

UM POUCO SOBRE MIM

Olá, eu sou o Ari Brito.

Sou palestrante, co-fundador da universidade Unasanta e criador do curso presencial “Marca pessoal” e vários outros projetos.

Há mais de 10 anos eu ajudo as pessoas a aprenderem a se comunicar de forma correta, desde pessoas que tem fobia de falar em público, até pessoas que fazem publicidades e querem se comunicar da melhor forma possível

Já ajudei centenas de pessoas a dominarem a oratória e se tornarem grandes profissionais na sua área de atuação.

tornarem grandes profissionais na sua área de atuação. Inclusive, vários desses profissionais acabaram se tornando

Inclusive, vários desses profissionais acabaram se tornando palestrantes e compartilham muito do seu conhecimento viajando e palestrando por todo o Brasil.

Enfim, esse sou eu :)

Abraços, Ari Brito

AFINAL, POR QUE ESTOU ESCREVENDO ESSE EBOOK?

Muitas vezes precisamos saber o porquê de cada coisa que fazemos. E, quando comecei a escrever esse livro digital, fiquei me perguntando por que estou escrevendo-o

A resposta veio muito mais rápido do que imaginava

Se eu estivesse exatamente na sua posição agora, exatamente do jeito que você está agora ter alguém que pudesse me orientar, me ajudar

Eu adoraria

Mostrar o caminho para onde tenho que andar

E confesso

Não foi assim que aconteceu comigo.

Na situação que eu estava, sinceramente, era difícil caminhar para o lado sucesso. Afinal, a comunicação

era essencial para mim

conseguiria lidar com uma turma de 40 alunos? E acabei passando por situações muito difíceis

Sem ela, como iria conseguir continuar trabalhando na escola? Eu não

Tive que estudar muito, ler muito, pesquisar muito, treinar muito

Depois de muitos meses tirando a má comunicação da minha vida, consegui descobrir exatamente os

passos que alguém deve seguir para conseguir atingir uma boa comunicação. Isso me fez entender que a

comunicação não é um dom, e sim uma habilidade

Qualquer um pode adquirir.

EU NÃO QUERO QUE VOCÊ PASSE POR ISSO TAMBÉM!

Durante os próximos dias, nesse livro, eu vou te ensinar o caminho certo para a boa comunicação

Não quero que passe pelo que eu passei

O rumo de uma oratória profissional está traçado para você!

Apenas continue lendo, tenho certeza que irá gostar bastante do que eu preparei para você.

AS SUAS CrENçAS. / 7

ExPrESSõES COrPOrAIS. / 14

rESPIrAçãO. / 21

TOM DE vOz. / 25

EQUIPAMENTOS / 32

CAPÍTULO 1,

AS SUAS CRENÇAS

O primeiro passo para uma boa comunicação é uma crença relevante para evolução. Crenças são coisas que você acredita, coisas que naturalmente refletem em tudo que você faz.

A crença de uma má comunicação pode ser que naturalmente já esteja na sua cabeça, vamos fazer alguns testes para isto:

» vOCê CONSIDErA A COMUNICAçãO um Dom?

» vOCê ACHA QUE NãO CONSEgUIrá SE COMUNICAr BEM NuNcA?

» SEMPrE QUE vOCê FAz OU TENTA FAzEr UMA APrESENTAçãO, O QUE vEM NA SUA CABEçA COMO primeiro PENSAMENTO?

» QUE MOMENTOS DA SUA vIDA MOLDArAM A SUA COMUNICAçãO?

Quero que você reserve alguns minutos da sua vida para repensar a forma com que age quando lida com a comunicação. responda as 4 perguntas acima e anote suas respostas em um papel.

A partir dos próximos minutos, você irá aprender a desenvolver bons hábitos mentais para lidar com a comunicação. E muito importante também, você aprenderá a remover as crenças negativas sobre comunicação da sua vida.

Esse processo é muito importante. Muitas vezes, nem sempre são as técnicas que impedem você de ter uma boa comunicação, e sim a forma com que lida com as situações, devido às crenças.

 

PRÓXIMA PÁGINA

CAP

8

comuNicAÇÃo É um Dom?

As pessoas olham pra mim e falam “Ari, você realmente tem o dom de falar em público!”. A verdade é que isso é um grande mito.

Falar em público pode ser feito intuitivamente sim, mas é também uma habilidade, e habilidades podem ser aprendidas, treinadas, praticadas.

Não existe ninguém que não possa falar em público. NiNGuÉm!

os maiores erros

Elaborei 3 erros muito comuns que meus alunos costumam ter quando decidem ter uma boa

comunicação

vou citá-los, e depois falarei sobre cada um deles:

» vOCê ACHA QUE AS PESSOAS vãO QUErEr vEr vOCê;

» vOCê QUEr rECONHECIMENTO E ESPErA SEr PErFEITO;

» vOCê ACHA NãO é MErECEDOr DAQUELA OPOrTUNIDADE;

Primeiramente, vamos esclarecer um ponto muito importante

Ao falar em público, é importante

entender que as pessoas querem te ouvir pelo que você tem dizer, e não por você estar falando.

Sim, as pessoas querem ouvir o que você tem a dizer, então, se a comunicação e o domínio do assunto não estar trabalhando corretamente, você irá afetar a sua imagem pessoal.

 

PRÓXIMA PÁGINA

cap

9

Busque sempre centralizar-se no seu conteúdo, na sua didática. Tente tornar a coisa o mais natural possível, a boa comunicação tem que ser um grande ativo para a comunicação de uma pessoa.

A perfeição é um dos erros mais fatais na comunicação.

você simplesmente não vai ser perfeito. Sempre haverão momentos que você irá cometer erros na comunicação. Não prepare algo para ser o perfeito, apenas dê o melhor de si que com certeza você irá obter um ótimo resultado.

é importante lembrar: foque na didática do seu conteúdo. Ao transmitir bem suas ideias, as pessoas irão buscar por você e você irá ganhar reconhecimento, naturalmente.

Já no próximo ponto Temos uma crença muito negativa na nossa vida.

A falta de merecimento de oportunidades.

Coloque uma coisa na cabeça: você é merecedor de todas as oportunidades que surgem na sua vida. Por mais impressionante que sejam, é importante saber aproveitá-las. A partir do momento que você acha que não é merecedor de algo, você tende a rejeitar oportunidades ou não sabe dar o valor necessário à elas.

Se você não se achar merecedor de estar falando para um público de 2 mil pessoas, por exemplo, você raramente conseguirá se comunicar bem com essas pessoas.

 

PRÓXIMA PÁGINA

cap

10

Tenho uma história, que um amigo me contou, que ilustra bem essa realidade:

Essa é a história de Fernando. Eu não posso falar mais detalhes sobre ele, por causa da privacidade. Mas vou tentar detalhar o máximo possível

Fernando tinha 24 anos, durante 4 meses, foi obcecado por uma garota. Ele achava-a linda, incrível, simpática, agradável. Era loucamente apaixonado por ela.

Porém

com ele, ela sempre manteve a ideia de relacionamentos mais sérios bem afastada.

ela nunca quis ter algo com ele. Sempre rejeitou qualquer tipo de convite. Mesmo conversando

Numa quinta-feira de outubro, a garota então estava sozinha numa lanchonete. Fernando foi até ela e percebeu que ela estava triste.

“Terminei meu namoro há 1 semana, tem sido difícil encontrar uma pessoa séria.”

2 semanas depois

da pessoa que tanto desejava. Fernando dizia que ela era boa demais para ele, e que ele não era merecedor disso e parecia mais um aproveitador após um relacionamento acabado.

os dois ficaram juntos. Mas

Fernando não se sentia merecedor de estar ao lado

Fernando acabou com o namoro depois de 3 semanas

A garota não conseguia acreditar que ele

estava fazendo isso. A grande verdade é que essa mesma garota foi traída mais 3 vezes depois de ter terminado o namoro com ele. Porém, Fernando continou conformado em não ser merecedor dela

 

PRÓXIMA PÁGINA

cap

11

moral da história: você sempre deve aproveitar todas as oportunidades da sua vida, você é merecedor de cada uma delas.

Muita gente olha para pessoas melhores que elas naquela área e ficam com vergonha de falar o que sabem. Pare de se comparar e achar que não é merecedor de estar em cima do palco ou na frente da sua equipe.

Acredite: se você está lá, é porque tem algo para falar e merece isso.

é isso. Espero que tenha gostado do capítulo 1!

No próximo capítulo

diretamente a qualidade da nossa apresentação e da nossa comunicação.

vamos aprender sobre expressões corporais e como elas afetam

Estou te esperando lá!

 

PRÓXIMA PÁGINA

cap

12

CAPÍTULO 2,

ExPRESSõES CORPORAIS

Para iniciar esse capítulo, eu tenho alguns dados estatísticos bem interessantes para mostrar para você a importância desse e do próximo capítulo na sua comunicação.

desse e do próximo capítulo na sua comunicação. Esses dados indicam a presença de cada elemento

Esses dados indicam a presença de cada elemento que compõe a nossa comunicação. Note que a expressão corportal é o maior indicador de uma boa comunicação, seguido pelo tom de voz, e

apenas por último, as palavras

Ou seja, o que realmente falamos.

 

PRÓXIMA PÁGINA

cap

15

Geralmente, meus alunos sempre ficam espantados quando falo sobre isso.

Pode parecer estranho, mas o poder das palavras é muito menor do que o poder de uma expressão com o corpo ou seu tom de voz.

A linguagem corportal e o tom de voz são pontos naturais na nossa comunicação, por isso costumamos não entender o quanto eles são importantes. Um líder costuma ter uma postura de uma pessoa de autoridade. Uma pessoa triste tem a sua postura de triste

Na comunicação, não é diferente

Uma pessoa que domina um assunto tem mais facilidade para usar a linguagem não-verbal e, consequentemente, essa pessoa irá se comunicar melhor.

Nesse capítulo, vou mostrar para você mais detalhetamente como devemos agir para sermos mais claros e objetivos na comunicação, tudo isso usando o corpo como ferramenta

Primeiramente, vamos aprender um pouco sobre a postura adequada quando estamos transmitindo ideias ou informações. Em seguida, vamos aprender um pouco sobre a posição de “reset” e o poder de influência na comunicação.

Apenas continue lendo

:)

 

PRÓXIMA PÁGINA

cap

16

A poSTurA

Uma boa postura, além de afetar a qualidade do seu corpo, é capaz de ser um grande transmissor de autoridade. Use a última posição da direita, sempre. é importante estar numa postura reta, ela indica uma pessoa comprometida e passa mais certeza ao que você está falando.

e passa mais certeza ao que você está falando. (todas as outras posições não são adequadas

(todas as outras posições não são adequadas para uma boa comunicação)

 

PRÓXIMA PÁGINA

cap

17

poSiÇÃo De “reSeT”

A posição de reset é uma posição de constante influência. É quando você está num nível de

autoridade muito alta. Ela é altamente recomendada em momentos contínuos da comunicação, ou seja, quando você não está reforçando uma informação.

Vamos aprender como fazer um reset:

» Dobre os braços como se fosse segurar duas bolas pequenas nas palmas das mãos;

» respire fundo e não solte mais os braços;

» Mantenha seus braços relaxados;

» E deixe-os dobrados na posição de um L;

Ah! E você terá dificuldades para encontrar mais informações sobre essa posição na internet, já que ela não é nomeada. Reset foi uma classificação que eu criei para identificar essa posição, mas note que ela é constantemente usada por pessoas de autoridade.

reForce SuAS pALAVrAS com o corpo

O uso do corpo facilita bastante a compressão para quem escuta. vamos à um pequeno caso infantil, que também ilustra bem isso:

Imagine que você aprontou na escola, e sua mãe foi até lá te buscar e teve uma conversa com

a professora. Sua mãe ficou com uma cara bem brava (expressão facial). O que reforçou a ideia de

que ela não gostou do que você fez

Podemos ser ainda mais radicais

 

PRÓXIMA PÁGINA

cap

18

Ela disse que iria bater em você, e então levantou o braço com um rosto “mau”.

Em ambos os casos, o uso de expressões com o corpo foram usadas e reforçaram a comunicação. Numa comunicação de oratória, não é diferente. Imagine que você está direcionando-se ao público, tratando-os como vocês

Uma forma de reforçar isso é, levemente, descendo a mão numa posição de mãos para cima, num sinal de “doar”. Essa é uma forma bem leve e bastante influente de se referir às pessoas que estão assistindo.

Eu poderia escrever muito aqui sobre comunicação não-verbal ou expressões corporais. Mas é importante que você aprofunde-se bastante nisso. Inclusive, eu abordo bastante sobre expressões corportais no Orador de Sucesso, o meu curso completo sobre oratória. Dê uma olhada:

no Orador de Sucesso, o meu curso completo sobre oratória. Dê uma olhada:   PRÓXIMA PÁGINA
 

PRÓXIMA PÁGINA

cap

19

NÃo FiQue pArADo em um LocAL

A grande maioria dos meus alunos tem um problema muito frequente: ou eles ficam parados em

algum lugar, ou eles se movimentam demais em uma apresentação.

É muito importante não ficar parado ao falar em público. Lentamente mova-se sobre o palco em que você está. Sempre movendo as mãos junto com você. Seja sensível, é importante que as informações continuem sendo passadas e interpretadas pelo seu público.

Evite ser muito surpreso em momentos de conteúdo, isso irá fazer as pessoas ficarem espantadas

e elas ficarão agitadas por alguns segundos. E isso, consequentemente, irá fazer você perder o foco na sua apresentação

Sempre que você fica muito parado por um longo tempo numa apresentação, as pessoas começam a ficar cansadas de olharem fixamente para você. Elas vão começar a olhar para outros lugares e perder completamente o foco sobre o que você está falando.

é importante manter as pessoas atenciosas. Evite transmitir os conteúdos de uma forma chata, senão, você irá tornar sua apresentação cansativa, e isso é fatal numa apresentação em público.

A expressão corporal é um dos maiores elementos que compõem uma apresentação que mantém

as pessoas atenciosas. Use-as corretamente.

PS: lembrando que o uso exagerado do corpo também não é adequado, a comunicação passa

a se tornar-se agressiva para as pessoas que estão assistindo.

 

PRÓXIMA PÁGINA

cap

20

CAPÍTULO 3,

RESPIRAÇÃO

A respiração é um dos fatores mais importantes para determinar a qualidade da sua comunicação.

Uma boa comunicação depende bastante do tom de voz, que representa 38% da nossa comunicação. Porém, para um bom tom de voz, é essencial uma respiração adequada.

Se você não souber respirar corretamente, dificilmente vai conseguir controlar seu tom de voz da maneira que realmente deseja.

Só que a nossa respiração é extramente natural, e mudar a forma com que respiramos não é algo que acontece num intervalo de tempo muito pequeno. é necessário acostumar-se com as técnicas e aplicá-las diariamente. Isso naturalmente irá se tornar a forma com que você respira normalmente

é muito importante usar essas técnicas o mais rápido possível, pois você precisa começar a se acostumar com elas, não adianta apenas usar a respiração adequada no dia da sua apresentação.

Primeiramente vamos aprender a respiração adequada, em seguida, vamosa aprender como usar essa respiração no nosso dia-a-dia e nas nossas apresentações.

Nesse capítulo, eu separei as melhores técnicas para uma respiração adequada

vamos lá?!

 

PRÓXIMA PÁGINA

cap

23

A reSpirAÇÃo ADeQuADA

vamos aprender como respirar corretamente, preparei um passo-a-passo com algumas dicas bem interessantes que fazem toda a diferença na hora da sua apresentação:

» USE O NAriz PArA INSPIrAr e A BocA PArA ExPIrAr;

» rESPIrE LENTAMENTE, SEMPrE DeixANDo A SuA BArriGA AumeNTAr;

» NuNcA rESPIrE COLOCANDO A SUA BArrIgA PArA DENTrO;

» eViTe FALAr rápiDo EM SUAS APrESENTAçõES, ISSO Irá FAzEr vOCê FOrçAr UM CICLO DE rESPIrAçãO MAIS ráPIDO E vOCê ACABArá PErDENCO O CONTrOLE DO SEU TOM DE vOz;

» reSpire Bem ANTES DE COMEçAr A FALAr. ISSO TE AJUDArá A PASSAr MAIS SEgUrANçA NA HOrA DA FALA.

Use sempre esse passo-a-passo na sua comunicação. O seu tom de voz irá ficar cada vez mais agradável para às pessoas que estão assistindo.

é importante destacar que a mudança natural de comunicação não é rápida. você poderá usar essas técnicas na sua apresentação, e em 7 dias dominar isso, mas naturalmente demora mais

Isso mesmo., você pode usar essas técnicas e começar a se comunicar melhor a partir de hoje, mas é preciso fazer essas técnicas tornarem-se regulares no seu dia-a-dia. Só assim você irá começar a realmente se comunicar bem.

 

PRÓXIMA PÁGINA

cap

24

CAPÍTULO 4,

TOM DE VOZ

O tom de voz é o segundo elemento mais importante quando pensamos em falar em público relembrando, ele representa 38% da sua comunicação.

A partir do momento que você começa a usar o tom de voz da forma correta, você passará

mais emoção nas suas falas, consequentemente, mantendo as pessoas mais atenciosas e

incorporadas na sua apresentação.

Como falei no capítulo anterior, a respiração é o maior indicador da qualidade do seu tom de voz, se você não respirar corretamente, dificilmente conseguirá manter um tom de voz agradável durante a sua apresentação.

Treine bem sua respiração antes de começar esse capítulo, isso fará toda a diferença na sua comunicação.

Nesse capítulo, eu vou falar sobre como você irá usar a mudança de tom de voz para causar mais impacto nas suas apresentações. Também vou discutir um pouco sobre o erro fatal de gritar com

a platéia e como você pode evitar isso.

Além disso, vou falar sobre como usar seu tom de voz para indicar o final de uma apresentação, e também como lidar com falta de atenção da plateia.

 

PRÓXIMA PÁGINA

cap

26

muDANÇA De Tom De Voz

Manter sempre uma comunicação igual também torna sua apresentação chata e cansativa para o seu público, é aí que entram as mudanças de tom de voz. Basicamente é quando você quer destacar algo na sua apresentação.

Existem várias formas de destacar algo, mas as duas mais usadas são a de diminuir o tom de voz, e aumentar o tom de voz.

Além disso, se você analisar melhor discursos políticos, por exemplo, você encontrará muito frequentemente o uso adequado dessa técnica.

Nesse capítulo, também vou ensinar como utilizá-la.

Primeiramente, é importante que você respire duas vezes antes de destacar algo na fala. Quanto mais pausas der em trechos importantes, mais chances de emocionar a platéia, porque com uma respiração bem profunda sua voz fica mais grave e você engole mais saliva.

As pessoas ficam com a sensação de que você está emocionado.

use esta técnica com adequação de texto.

é importante entender que negrito não é gritar, inclusive, vou explicar melhor como utilizar um tom de voz mais alto de forma agradável, sem parecer que você está gritando.

 

PRÓXIMA PÁGINA

cap

27

Quer FALAr ALTo?

As cordas vocais vibram pela quantidade de ar que você passa por elas, quanto mais ar, mais alto você fala e mais ar você solta. Portanto, quando estiver falando em um espaço maior para mais pessoas sem o uso de microfone, respire ainda mais entre os trechos, evitando que você grite.

A partir do momento que você começa a falar mais alto, as pessoas vão pensar que você está gritando com elas. é importante fazer o tom de voz soar como algo de destaque, e não como uma ordem com uso de poder

Isso faz toda a diferença numa apresentação, afinal, as pessoas estão lá para ouvir o que você tem

a dizer

sentir que elas estão sendo atacadas pelas suas palavras.

A partir do momento que você passa um ar de desagradável ou agressivo, as pessoas vão

A recepção do público provavelmente vai cair bastante e muitas pessoas começarão a sair da sua apresentação.

Novamente: é importante manter as pessoas atenciosas à sua apresentação, mas evite ser agressivo em busca de atenção.

é como uma professora gritando com os alunos para mantê-los atenciosos à sua aula. Os alunos não vão recepcionar bem a sua agressividade, e eles começarão a rejeitar ainda mais a aula.

Existem formas saudáveis de atrair a atenção desses alunos, e gritar não é uma delas.

 

PRÓXIMA PÁGINA

cap

28

FALTA De ATeNÇÃo?

Se as pessoas não estão prestando atenção à sua apresentação, você com certeza está errando algo na sua apresentação, vamos ver alguns pontos que causam isso:

» O QUE vOCê ESTá FALANDO é DE reAL iNTereSSe Do Seu púBLico?

» vOCê ESTá USANDO SEU Tom De Voz DA FOrMA COrrETA?

» AS peSSoAS eSTÃo compreeNDeNDo O QUE vOCê ESTá FALANDO?

» NãO Há ELEMENTOS QUE ESTãO DeSFocANDo A SuA ApreSeNTAÇÃo?

Evite estar num lugar falando sobre coisas que não são interessantes para seu público, a atenção vem naturalmente do interesse no assunto. Também já falei que o tom de voz é capaz de gerar muita atenção ao público, use-o da forma correta.

Evite usar um linguajar técnico ou regional, isso fará as pessoas não entenderem bem o que você está falando, e isso pode acabar gerando uma natural distração nas pessoas que estão assistindo.

E, por último, certifique-se se não há nada que está tirando a atenção do seu público. É importante que você esteja naturalmente sendo enxergado como foco pelo público. Se som, pessoas, conversas, ou qualquer outro tipo de elemento estiverem tirando a atenção do seu público, isso afetará negativamente e indiretamente a sua apresentação.

Também lembre-se de usar roupas agradáveis, não chame muita atenção nesse detalhe. Ou as pessoas vão começar a ficar olhando e falando da sua roupa. E você não quer isso, certo?

 

PRÓXIMA PÁGINA

cap

29

TermiNou A ApreSeNTAÇÃo?

Ao terminar o discurso ou apresentação, dê as pausas de respiração e varie o tom para cima ou para baixo, de forma a deixar bem claro que você terminou.

Quanto mais pausadas as ultimas palavras, mais chances de arrancar aplausos do grupo.

É importante que seu tom de voz acompanhe diretamente o começo, meio e fim da sua apresentação, ou seu público talvez fique perdido no final ou estranhe com você no começo.

Use-os de forma adequada para construir uma autoridade no início da apresentação, isso afetará diretamente a forma com que as pessoas irão interpretar e usar as suas informações na vida delas.

Espero que tenha gostado desse capítulo 4. Agora, vamos para o último capítulo, o capítulo 5.

Nele, eu vou falar sobre como as ferramentas interferem diretamente na qualidade da sua apresentação, e como você pode transformar o microfone em uma grande ferramenta de autoridade e influência numa apresentação.

E claro

Tenho certeza que você não quer que a qualidade da sua apresentação seja afetada por

causa do uso inadequado de um microfone, não é mesmo?

Até lá!

 

PRÓXIMA PÁGINA

cap

30

CAPÍTULO 5,

EQUIPAMENTOS

O microfone é uma grande ferramenta numa apresentação. Não só pelo fato de ser capaz de transmitir a mesma informação para um público maior, sem precisar que você aumente o seu tom de voz. Além disso

O uso adequado do microfone proporciona uma ótima posição de influência e autoridade numa

apresentação. Mas, da mesma forma que é de grande potencial, o microfone mal manuseado, numa apresentação, é capaz de afetar a qualidade do som e criar um ambiente de amadorismo na sua apresentação.

é comum, até mesmo em cursos de oratória, não se falar dessa parte, ou siplesmente não dar a importância que ela merece. Mas eu considero isso fundamental

Por isso, nesse capítulo, eu vou dar algumas dicas para você manusear melhor o microfone em suas apresentações, a partir de agora. vamos lá?!

primeirAmeNTe, eViTe FicAr mexeNDo muiTo

O primeiro passo é usar o microfone da forma correta. Enquanto estiver falando, não mexa no fio.

É comum observar oradores segurando, enrolando ou torcendo o fio do microfone. Isso irá tirar a atenção do seu público para o que você está fazendo com o microfone, ou até fazer ruídos bem desagradáveis durante a sua apresentação.

 

PRÓXIMA PÁGINA

cap

32

uSe ApeNAS umA mÃo

Evite ficar trocando o microfone de mão. Isso poderá causar ruídos se você tocar de forma errada, ainda correndo o risco de derrubar o microfone, se estiver nervoso. Deixe o microfone em apenas uma mão, numa posição confortável, para que você não precise ficar mexendo nele.

Também não use as duas mãos para segurar o microfone, isso transmite incerteza e nervosismo na sua apresentação.

o microfone, isso transmite incerteza e nervosismo na sua apresentação.   PRÓXIMA PÁGINA c a p
 

PRÓXIMA PÁGINA

cap

33

um compLemeNTo, NÃo um eSTorVo!

O microfone deve acompanhar o movimento corporal, deve completar o seu visual, não ficar como um estorvo. Evite fazer dele algo que não faz parte da sua apresentação. Ele deve estar notável para o público. O ato de usar o microfone já te traz uma natural autoridade.

Afinal, você está numa posição de fala.

NÃo eScoNDA-Se

Nunca use o microfone como uma parede, nunca esconda-se atrás dele um ar de incerteza sobre as palavras, timidez e nervosismo.

Isso passa novamente

Ao fazer uma apresentação, você deve ser consistente na certeza das suas palavras, ou as pessoas irão naturalmente pensar “Esse cara não sabe do que ele está falando!”.

eQuipAmeNToS ANTeS

Sempre prepare todo o seu equipamento antes de começar sua apresentação, principalmente se estiver usando um microfone de Lapela

Ajuste todos esses detalhes antes de começar a sua apresentação, assim, você evita que a parte técnica afete negativamente a qualidade da sua apresentação.

Além disso, ao colocar seus equipamentos na hora da apresentação, as pessoas podem pensar que você é uma pessoa desorganizada ou sem comprometimento.

 

PRÓXIMA PÁGINA

cap

34

PARABÉNS

é isso aí!

Você chegou ao final desse livro digital. Eu quero parabenizá-lo por ter usado o seu tempo para fazer a leitura desse material. Eu tenho certeza que se você ao menos aplicar 20% do que eu ensino aqui, você já será capaz de fazer grandes apresentações em público e se comunicar melhor com seus amigos, desempenhar melhor a sua profissão, e melhorar sua relação familiar.

O poder de uma boa comunicação é incrível.

Como você viu nesse livro, eu ainda não conheço ninguém que seja bem sucedido que não saiba se comunicar bem

E eu tenho certeza que você terá um grande salto na sua vida nos próximos dias!

Abraços! Ai Brito.

pS: Ah, eu preparei um treinamento completo para você aprender a melhorar muito mais a sua comunicação. Fiz todo em vídeo e está incrível. é só ir para a próxima página. Até lá! :)

TREINAMENTO COMPLETO

Se você leu esse livro digital por completo, você conhece de perto a qualidade do trabalho que eu faço. E eu tenho certeza que muitas pessoas irão gerar grandes resultados se aplicarem o que eu ensino aqui.

Mas, é preciso treinar bastante para tornar-se um grande orador, e com certeza você terá que passar bastante tempo para conseguir desenvolver uma boa comunicação.

Foi pensando nisso que eu desenvolvi um curso completamente em vídeo e online que vai te ensinar exatamente todos os passos para você tornar-se desde um orador profissional, até um palestrante profissional. Isso tudo, de uma forma muito mais rápida!

Tenho certeza que você vai adorar! estou te esperando lá!

OBRIGADO

Também gostaria de agradecê-lo por ter dedicado esse tempo aqui nessa leitura. é fantástico saber que meus conhecimentos adquiridos por tantos anos não ficarão isolados na minha cabeça.

Poder compartilhá-los é algo incrível e melhor ainda saber que você esta aí aprendendo comigo

Também gostaria de agradecer ao meu sócio Arlindo Armando por permitir que eu possa expandir os meus treinamentos para o universo online e chegar a um nível que o local não consegue alcançar.

muito obrigado!

PS: você também pode acompanhar meus vídeos e minhas publicações online: