Você está na página 1de 2

1

CONTEÚDO

PROFº: ROSE CUNHA


06 RECURSOS DA CRÔNICA
A Certeza de Vencer GE270308 – PE(MT) / SF(MT) / AC(MT) / CN (MT)

ANÁLISE TEXTUAL
Fale conosco www.portalimpacto.com.br

Q uando me acontecer alguma pecúnia, passante de um milhão de cruzeiros,


compro uma ilha: não muito longe do litoral, que o litoral faz falta: nem
tão perto, também, que de lá possa eu aspirar a fumaça e a graxa do
porto. Minha ilha (e só a imaginar já me considero seu habitante) ficará no justo
ponto de latitude e longitude, que, pondo-me a coberto de ventos, sereias e
pestes, nem me afaste demasiado dos homens nem me obrigue a praticá-los
diuturnamente. Porque esta é a ciência e, direi, a arte do bem-viver; uma fuga
relativa, e uma não muito estouvada confraternização.
De há muito sonho esta ilha, se é que não a sonhei sempre. Se é que a não
sonhamos sempre, inclusive os mais agudos participantes. Objetais-me: “Como
podemos amar as ilhas, se buscamos o centro mesmo da ação?” Engajados,
vosso engajamento é a vossa ilha, dissimulada e transportável. Por onde fordes,
ela irá convosco. Significa a evasão daquilo para que toda alma necessariamente
tende, ou seja, a gratuidade dos gestos naturais, o cultivo das formas
espontâneas, o gosto de ser um com os bichos, as espécies vegetais, os
fenômenos atmosféricos. Substitui, sem anular. Que miragens vê o iluminado no
fundo de sua iluminação?... Supõe-se político, e é um visionário. Abomina o
espírito de fantasia, sendo dos que mais o possuem. Nessa ilha tão irreal, ao
cabo, como as da literatura, ele constrói a sua cidade de ouro, e nela reside por
efeito da imaginação, administra-a, e até mesmo a tiraniza. Seu mito vale o da
liberdade nas ilhas. E, contendor do mundo burguês, que outra coisa faz senão
aplicar a técnica do sonho, com que os sensíveis dentre os burgueses se
acomodam à realidade, elidindo-a?
(ANDRADE, Carlos Drummond de. Divagações sobre as ilhas. In:__.Poesia e prosa. Rio de
Janeiro.Nova Aguilar,1983.p.964)

PROPOSTA DE REDAÇÃO:
VOU-ME EMBORA PRA PASÁRGADA
Vou-me embora pra Pasárgada 25 Vou-me embora pra Pasárgada
Lá sou amigo do rei
Lá tenho a mulher que eu quero Em Pasárgada tem tudo
Na cama que escolherei É outra civilização
5 Vou-me embora pra Pasárgada Tem um processo seguro
De impedir a concepção
Vou-me embora pra Pasárgada 30 Tem telefone automático
Aqui eu não sou feliz Tem alcalóide à vontade
Lá a existência é uma aventura Tem prostitutas bonitas
De tal modo inconseqüente Para a gente namorar
10 Que Joana a Louca de Espanha
Rainha e falsa demente E quando eu estiver mais triste
Vem a ser contraparente 35 Mas triste de não ter jeito
Da nora que eu nunca tive Quando de noite me der
Vontade de me matar
E como farei ginástica - Lá sou amigo do rei –
15 Andarei de bicicleta Terei a mulher que eu quero
Montarei um burro brabo 40 Na cama que escolherei
Subirei no pau-de-sebo Vou-me embora pra Pasárgada.
Tomarei banhos de mar! (BANDEIRA, Manuel. Estrela da vida inteira.4.ed.Rio de
VESTIBULAR – 2009

E quando estiver cansado Janeiro,J.Olympio,1937.p.127-8)


20 Deito na beira do rio
Mando chamar a mãe-d’água
Pra me contar as histórias
Que no tempo de eu menino
Rosa vinha me contar

FAÇO IMPACTO - A CERTEZA DE VENCER!!!


Fale conosco www.portalimpacto.com.br

PROPOSTA
No texto “Vou me embora pra Pasárgada”, o poeta imagina um lugar e um tempo para onde ele possa fugir
quando as imposições sociais de nosso mundo lhe pesarem muito. Nesse lugar, ele poderia exprimir plenamente sua
individualidade. O tema do texto é a evasão espacial e temporal.
Imagine um lugar e/ou um tempo para onde você gostaria de ir quando estivesse saturado de nosso mundo
e/ou de nosso tempo. Seria a Europa da Idade Média, uma ilha, uma agitada cidade no futuro? Ou seria outro lugar?
Redija um texto que fale da sua evasão espacial e/ou temporal.
Mostre como esse lugar e/ou esse tempo, conte o que você faria nele, explique como ele se opõe ao nosso
espaço e/ou ao nosso tempo.
(FONTE: Para entender o texto – Leitura e Redação, Platão e Fiorin)

COMENTÁRIOS:

VESTIBULAR – 2009

FAÇO IMPACTO – A CERTEZA DE VENCER!!!