Você está na página 1de 10

Professor

Renato Santos
Quem sou eu?

Vagão da Terceira Classe – Daumier - 1864


O Movimento Literário

Realismo
•Surgimento na França
•Primeiros Conflitos Sociais – proletariado
•Reação contra o Romantismo
•Stendhal e Balzac foram precursores do Realismo na
Literatura.
• Atitude filosófica – positivismo e determinismo.
• NATURALISMO – desdobramento do Realismo.
O Realismo

Principais
Representantes

Auto-retrato
Gustave Courbet
O Realismo

Principais
Representantes

Honoré Daumier
Félix Nadar
O Movimento Literário

Suporte Intelectual do Realismo


• POSITIVISMO

O Positivismo é uma corrente sociológica cujo precursor


foi o francês Auguste Comte (1789-1857). Surgiu como
desenvolvimento das crises sociais e morais do fim da
Idade Média e do nascimento da socidade industrial.
Assim, o Positivismo - na versão comteana, pelo menos -
associa uma interpretação das ciências e uma classificação
do conhecimento a uma ética humana.
O Movimento Literário

Suporte Intelectual do Realismo


• DETERMINISMO

Criado por Hypolite Taine, 0 Determinismo é a doutrina


que afirma serem todos os acontecimentos, inclusive
vontades e escolhas humanas, causados por
acontecimentos anteriores, ou seja, o homem é fruto direto
do meio, logo, destituído de liberdade de decidir e de
influir nos fenômenos em que toma parte.
O Movimento Literário

Suporte Intelectual do Realismo


• DARWINISMO

O Darwinismo é o termo usado para designar vários processos


relacionados com as ideias de Charles Darwin, nomeadamente ideias
relacionadas com a evolução e a seleção natural.
O Darwinismo é utilizado por biólogos, filósofos, matemáticos e
cientistas para descrever processos evolucionários semelhantes à
evolução da vida.
O Movimento Literário

Suporte Intelectual do Realismo


•Socialismo Científico

De Karl Marx e Fridrich Engels baseia-se na luta de classes e partir


do Manifesto Comunista em 1848.
O Movimento Literário

Realismo Brasileiro
- Movimento de intensa crítica social;
- Artistas observadores e objetivos;
- Adultério;
- Crítica à burguesia;
- Cientificismo;
- Instrumento de denúncia social.

Acima temos a pintura "Jo" de Gustave Coubert,


que retrata uma mulher de acordo com os
padrões Realistas, ou seja, com nitidez na
imagem e precisão nos contornos. Esse tipo de
pintura busca retratar o mundo de maneira real,
sem idealizações.