Você está na página 1de 4

INSTITUTO EDUCARTE Disciplina: Geografia Professora: Bárbara Sobral

Assuntos: Clima e hidrografia

1) I. Fará muito calor hoje em São Paulo. Em Goiânia, as temperaturas serão mais amenas.
II. As temperaturas em todo o mundo estão cada vez maiores e vêm causando preocupações entre os
cientistas.
III. Costuma chover muito em Salvador nessa época do ano, é melhor estarmos preparados!
IV. Li no jornal que essa semana será chuvosa em Belém.

Com base nas afirmações acima, é possível afirmar que:


a) Todas fazem referência ao clima
b) I, II e III fazem referência ao clima e IV faz referência ao tempo.
c) II e III fazem referência ao clima e I e IV fazem referência ao tempo.
d) II faz referência ao clima e I, III e IV fazem referência ao tempo.
e) Todas fazem referência ao tempo.

2) É no nível do mar que o ar se encontra mais denso e concentrado e onde a pressão atmosférica é
maior. Conforme aumenta a altitude, o ar se torna menos denso – mais rarefeito – e, consequentemente, a
pressão que ele exerce diminui.
O ar se desloca das áreas de alta pressão, nas quais está muito concentrado, para as áreas de baixa
pressão, nas quais sua concentração é menor. Quando esse deslocamento de ar – denominado vento –
ocorre em grandes blocos, identificamos as massas de ar, que, por possuírem temperatura e umidade
semelhantes, deslocam-se conjuntamente na mesma direção.
LUCCI, E. A., et. al. Território e sociedade no mundo globalizado: Geografia Geral e do Brasil. Editora
Saraiva, 2005. p.516.

A respeito do tema abordado pelo texto e dos seus conhecimentos sobre os fenômenos atmosféricos
mencionados, julgue os itens a seguir:
I. As zonas de elevada pressão atmosférica tendem a apresentar temperaturas mais baixas;
II. As massas de ar são o principal fator climático global, sendo responsáveis, por exemplo, pelo clima de
montanha;
III. De acordo com o texto, conclui-se que a pressão atmosférica exerce influência tanto na temperatura
quanto na movimentação dos ventos e massas de ar.

Assinale a alternativa que indica corretamente a validade das informações acima:


a) Somente a afirmativa I é verdadeira.
b) Somente a afirmativa III é verdadeira.
c) As afirmativas I e II são verdadeiras.
d) As afirmativas II e III são verdadeiras.
e) Todas as afirmativas são falsas.

3) “Nos Alpes europeus, os centros de esqui funcionam no inverno, enquanto o verão é a estação do
alpinismo. Nas zonas temperadas, o turismo de praia se restringe aos meses de verão”.
MAGNOLI, D. Geografia para o Ensino Médio. São Paulo: Atual, 2008.p.49.

As transformações nos hábitos e práticas humanas, em parte, devem-se ao clima, que é condicionado a
partir de inúmeros fatores. Assinale a alternativa que indica o fator responsável pelas transformações
climáticas indicadas no trecho acima:
a) as zonas térmicas da Terra.
b) as diferenças de latitude.
INSTITUTO EDUCARTE Disciplina: Geografia Professora: Bárbara Sobral

c) a altitude e as consequentes diferenças de pressão atmosférica.


d) o movimento de translação terrestre.
e) a maritimidade e a continentalidade.

4) “Ninguém sabe muito bem o que desencadeia um El Niño, mas, graças aos satélites, conseguimos
saber com certa antecipação quando ele começa a se formar. Sua marca registrada é o aquecimento das
águas superficiais do Pacífico Central. Como o oceano está conectado à atmosfera, o grande oceano
aéreo, todo o regime de ventos enlouquece. Nuvens de chuva do oeste do Pacífico – Indonésia e
vizinhança – se mudam para leste, chegam à costa da América do Sul e causam aguaceiros no deserto
peruano. Enquanto isso, na Ásia, Índia, Paquistão e Indonésia esturricam com calor e seca”.
(AZEVEDO, A. L. Novos tempos. Rio de Janeiro: Zahar, 2012. p.61. Adaptado)

Sobre o fenômeno atmosférico citado no texto, um de seus efeitos mais sentidos no território brasileiro é:
a) Seca extrema na região Centro-Oeste.
b) Intensificação dos regimes de chuva no norte do país.
c) Aumento das secas no Nordeste.
d) Intensificação do frio durante o inverno na região Sudeste.
e) Estiagens eventuais na região sul do país.

5) Uma bacia hidrográfica representa toda a área em que há uma mesma drenagem de água, envolvendo
sempre um rio principal e os seus afluentes e subafluentes, que, juntos, formam uma rede hidrográfica. A
consideração principal para distinguir ou “separar” uma bacia hidrográfica da outra é:

a) a extensão do rio principal


b) o limite entre os divisores de água
c) a hierarquia que compõe a rede hídrica
d) a quantidade de chuvas e suas direções
e) as oscilações nas formas de relevo

6) São elementos estruturais presentes nas bacias hidrográficas e responsáveis pela captação e
drenagem das águas superficiais para o subsolo, processo durante o qual os recursos hídricos passam por
filtragem, acrescendo também sais minerais à água. Transformam-se, portanto, em grandes reservatórios
subterrâneos com grandes volumes de água potável, que, no entanto, não estão livres de contaminação.

A descrição acima é referente:


a) às cavernas subterrâneas.
b) aos rios endorreicos.
c) às reservas hídricas do solo.
d) aos sistemas de aquíferos.
e) à rede de drenagem superficial

7) A situação atual das bacias hidrográficas de São Paulo tem sido alvo de preocupações ambientais: a
demanda hídrica é maior que a oferta de água e ocorre excesso de poluição industrial e residencial. Um
dos casos mais graves de poluição da água é o da bacia do alto Tietê, onde se localiza a região
metropolitana de São Paulo. Os rios Tietê e Pinheiros estão muito poluídos, o que compromete o uso da
água pela população.
Avalie se as ações apresentadas abaixo são adequadas para se reduzir a poluição desses rios.
I) Investir em mecanismos de reciclagem de água utilizada nos processos industriais.
II) Investir em obras que viabilizem a transposição de águas de mananciais adjacentes para os rios
poluídos.
INSTITUTO EDUCARTE Disciplina: Geografia Professora: Bárbara Sobral

III) Implementar obras de saneamento básico e construir estações de tratamento de esgotos.


a) apenas em I.
b) apenas em II.
c) apenas em I e III.
d) apenas em II e III.
e) em I, II e III.

8) EUA e Portugal tentam “esquecer” o clima de Manaus


Como acontece antes de todo jogo da Copa do Mundo em Manaus, o calor e a umidade da
capital do Amazonas são assunto obrigatório. Desta vez, no entanto, os protagonistas da partida
a ser disputada na Arena Amazônia estão tentando fugir desse tema. Portugueses e norte-
americanos, que se enfrentarão neste domingo, chegaram à cidade dizendo que o clima não vai
interferir no andamento do jogo […].
(Gazeta do Povo, 22/06/2014. Disponível em:http://www.gazetadopovo.com.br/copa2014/conteudo.phtml?id=1478421.
Acesso em: 15/08/2014).

As condições climáticas acima citadas na capital do Amazonas explicam-se:


a) pela localização em extremas latitudes e a acentuada altitude.
b) pela variação irregular da altimetria topográfica e a elevada amplitude térmica.
c) pelo acentuado processo de poluição local e a concentração de calor.
d) pela posição geográfica e evapotranspiração intensa da vegetação regional.
e) pelo calor gerado nas correntes oceânicas do Atlântico.

9)

Com base no climograma acima, podemos considerar que a região próxima à cidade de Goiânia
apresenta um clima:
a) equatorial
b) subúmido
c) semiárido
d) úmido
e) subpolar
10) Presente em partes das regiões Sudeste e Nordeste, apresenta-se com chuvas concentradas
em poucos meses do ano, abrindo uma margem para longos períodos de seca, além de médias
de temperaturas em torno dos 26ºC anuais. Tais condições favorecem o predomínio de
vegetação xerófila.
INSTITUTO EDUCARTE Disciplina: Geografia Professora: Bárbara Sobral

As condições climáticas acima mencionadas fazem referência:


a) ao clima subtropical seco.
b) ao ambiente desértico de algumas poucas áreas do país.
c) ao semiárido nordestino.
d) ao domínio morfoclimático da Amazônia brasileira.
e) ao quadro natural da região do Cerrado.

GABARITO:
1)C 2)B 3)D 4)C 5)B 6)D 7)C 8)D 9)B 10)C