Você está na página 1de 38

INOVAÇÃO

Conceitos – Tipologias - Modelos


Organizações Inovadoras: estudos e casos brasileiros

Objetivo do livro:

Discutir a influência dos modelos de gestão sobre a


capacidade de as empresas realizarem inovações em
bases sistemáticas enfatizando os aspectos
organizacionais envolvidos.

Inovação nas Organizações - CEAG / POI - 2-2010


Organizações Inovadoras

Hipótese:

“Há certos elementos de gestão recorrentes a


qualquer organização inovadora, independente
do setor em que atua”

Inovação nas Organizações - CEAG / POI - 2-2010


1. INOVAÇÃO

2. TIPOLOGIAS DE INOVAÇÃO

3. MODELOS DE INOVAÇÃO

Inovação nas Organizações - CEAG / POI - 2-2010


1. INOVAÇÃO

Inovação nas Organizações - CEAG / POI - 2-2010


Importância da Inovação

Schumpeter:

Inovações são o fenômeno fundamental do


desenvolvimento econômico.

“Empreendimento” = concretização de uma Inovação.

“Empresário” (Empreendedor) = realizador da Inovação.

Schumpeter, J.A.: A Teoria do desenvolvimento Econômico (1ª versão em 1911; 2ª versão em 1926)

Inovação nas Organizações - CEAG / POI - 2-2010


O que é Inovação?

“Inovação é criar novos produtos e/ou tecnologias,


a partir de uma área de P&D ou Marketing”.

“Aquisição de tecnologia é uma atividade inovativa”

“Inovar é usar tecnologias existentes de formas novas”.

Manual de Oslo (OCDE, 1997)

Inovação nas Organizações - CEAG / POI - 2-2010


O que é Inovação?

i sõe s
V i ais
c
pa r “Inovação é
adotar novas tecnologias, que “Inovação é um processo de
aumentam a competitividade aprendizagem organizacional”
da Companhia”.

Bell & Pavitt: “The development of


Hamel & Prahalad: Competindo pelo Futuro.
technological capabilities”

“Inovação é
“Inovação é o uso, um processo estratégico,
comercialmente bem sucedido, de reinvenção contínua do
de uma invenção”. próprio negócio, e da criação
de novos conceitos de negócios”

Bacon & Butler: Planned Innovation. Hamel: Liderando a Revolução

Inovação nas Organizações - CEAG / POI - 2-2010


O que é Inovação?

o em
Foc ltados
s u
R e “Inovar é um processo de
“Inovação é atribuir novas
alavancar a criatividade, para
capacidades aos recursos
gerar valor de novas maneiras,
existentes na empresa,
através de novos produtos,
gerando riqueza”
serviços e negócios”.
Jonash & Sommerlatte: The Innovatium Premium. Drucker: Inovação e Espírito Empreendedor

“Inovação é “Inovação é:
a mudança que cria uma Novas idéias +
nova dimensão de desempenho”. ações que produzem resultados”.

Hesselbein et al.: Leading for Innovation. Ernest Gundling: The 3M Way to Innovation

Inovação nas Organizações - CEAG / POI - 2-2010


O que é Inovação?

Fórum de Inovação:

INOVAÇÃO = IDÉIA + AÇÃO + RESULTADO*

(*) Resultados positivos para fundadores, investidores e demais stakeholders,


com Responsabilidade Social e por um prazo razoável.

Inovação nas Organizações - CEAG / POI - 2-2010


O que é Inovação?

“ Uma idéia percebida como nova


“A inovação não precisa ser,
pelas pessoas envolvidas
inédita em termos de
é uma ‘idéia inovadora’,
conhecimento universal.
mesmo que pareça a outros
uma ‘imitação’ de algo
Precisa ser inédita na Empresa”.
que já existe em outro lugar”.

Van de Ven et al.:


The Innovation Journey

Inovação nas Organizações - CEAG / POI - 2-2010


O que não é Inovação?

“Inovação não é
sinônimo de invenção”.

“Inovação não é invenção,


“ É inteiramente imaterial nem descoberta”.
se uma Inovação provêm
de uma invenção ou não”.
“O seu foco não é o conhecimento,
mas sim o desempenho”.
“A invenção por si só
não produz nenhum efeito
economicamente relevante”.

Schumpeter: Drucker:
A Teoria do Desenvolvimento Economico Administrando para obter Resultados

Inovação nas Organizações - CEAG / POI - 2-2010


Invenção e Inovação

Nem toda invenção se torna


inovação.

Invenção – idéia elaborada sob a Inovação depende da


forma de planos, fórmulas, implementação e da aceitação do
modelos, protótipos, descrições e mercado.
outros meios.

Invenção é um fator
Invenção – refere-se a algo que exclusivamente técnico.
não existia

Inovação Tecnológica é um fato


técnico, econômico e
organizacional.
Barbieri e Álvares:
Inovações nas Organizações Empresariais

Inovação nas Organizações - CEAG / POI - 2-2010


Invenção e Inovação

Pessoas inventam; organizações inovam.

A inovação é um processo interpessoal.


Transformar idéias em produtos, processos e
serviços requer a organização de diferentes
atividades a serem executadas por diferentes
pessoas.

Inovação nas Organizações - CEAG / POI - 2-2010


O que não é Inovação?

“Inovação não é um objetivo em si mesmo”.

Inovação não é o que os inovadores concretizam, mas


sim o que os clientes adotam”.

Michael Schrage: Managing Innovations.

Inovação nas Organizações - CEAG / POI - 2-2010


Organizações Inovadoras

Drucker:

O único propósito de uma empresa é criar um cliente.

Em virtude disso qualquer empresa só tem duas funções básicas:

MARKETING e INOVAÇÃO

Inovação nas Organizações - CEAG / POI - 2-2010


Organizações Inovadoras

Drucker:

A inovação pode tomar diferentes formas:

- menor preço;

- produto melhor;

- nova necessidade;

- novos usos para produtos velhos.

A inovação atravessa todas as fases do negócio.

O foco da inovação não é o conhecimento e sim o desempenho.

Inovação nas Organizações - CEAG / POI - 2-2010


Organizações Inovadoras

Drucker:

A organização inovadora compreende que a inovação começa


com uma idéia e estimula e orienta os esforços para transformar
essa idéia num produto, num processo, numa empresa ou numa
tecnologia.

A inovação é medida não pela importância científica ou


tecnológica, mas pelo que contribui para o mercado e o cliente.

Considera a inovação social (ex. venda a prestação) tão


importante quanto a inovação tecnológica.

Inovação nas Organizações - CEAG / POI - 2-2010


Organizações Inovadoras

Drucker:

O recurso econômico básico não é mais

• o capital,

• nem recursos materiais,

• nem a “mão de obra’,

…éo

CONHECIMENTO

Inovação nas Organizações - CEAG / POI - 2-2010


Organizações Inovadoras

A inovação como fator de competividade

Modelo de Maturidade do CEHP

CUSTO
+

CUSTO QUALIDADE

+ +

CUSTO QUALIDADE TEMPO


+ + +

CUSTO QUALIDADE TEMPO FLEXIBILIDADE


+ + + +
CUSTO QUALIDADE TEMPO FLEXIBILIDADE INOVAÇÃO

Inovação nas Organizações - CEAG / POI - 2-2010


2. TIPOLOGIAS DE INOVAÇÃO

Inovação nas Organizações - CEAG / POI - 2-2010


Tipos de Inovação segundo Schumpeter

y Introdução de um novo bem,


bem ou de uma nova qualidade de
um bem;
y Introdução de um novo método de produção ou de
comercialização;
y Abertura de um novo mercado,
mercado quer esse mercado tenha
existido antes ou não;
y Conquista de uma nova fonte de oferta de matérias-primas
ou de bens semi-manufaturados;
y Estabelecimento de uma nova organização para o negócio.

Schumpeter, J.A.: A Teoria do Desenvolvimento Econômico

Inovação nas Organizações - CEAG / POI - 2-2010


Classificação de acordo com
o Escopo da Inovação

Organi-
Gestão Modelo de Negócio
zacional

Tecno- Processo Produto


lógica

Voltada para Voltada para


dentro o Mercado

Inovação nas Organizações - CEAG / POI - 2-2010


Exemplos

Gestão Modelo de Negócio

Organi-
zacional

Processo Produto

Tecno-
lógica

Voltada para Voltada para


dentro o Mercado

Inovação nas Organizações - CEAG / POI - 2-2010


Classificação de acordo com a
Intensidade da Inovação (p/ Produtos)

Tipo A - Extremamente Radical


Cria uma nova industria
(extrapola as necessidades do consumidor)

Tipo B - Radical
Muda a base de competi ção
competição
na industria existente

Tipo C - Extensões de linha


Estritamente alinhado com as
necessidades do consumidor

Tipologia 3M para Inovações em Produto

Inovação nas Organizações - CEAG / POI - 2-2010


Inovações de Sustentação x Inovações de Ruptura

New-Market Disruption
Inovação
de Ruptura: Nova Proposta de Valor:
Visa os “não-consumidores”

Nova Dimensão
de Qualidade Low-End Disruption
Produtos
Modelo de Negócio de Baixo Custo:
“não-tão-bons”
Visa o “baixo mercado”

Teoria da Inovação, de Clayton Christensen

Inovação nas Organizações - CEAG / POI - 2-2010


Organizações Ambidestras

Magnitude da Mudança
MD = Mudança
Promovem tanto Descontínua MD
as Inovações
MI
Incrementais
como as
Radicais MD MI = Mudança
Incremental

MI
Tempo

Tushman & O’
O’Reilly III: Winning through Innovation

Inovação nas Organizações - CEAG / POI - 2-2010


Imitação x Difusão

IMITAÇÃO DIFUSÃO

Simples cópia, normalmente com Envolve a realização contínua de


violação de direitos de propriedade mudanças técnicas para tornar a
intelectual. inovação original adequada às
condições de uso para um amplo
espectro de situações.

Barbieri e Álvares:
Inovações nas Organizações Empresariais

Inovação nas Organizações - CEAG / POI - 2-2010


Processo de inovação

Atividades:

• Geração e seleção de idéias;

• Desenvolvimento e implementação;

• Obtenção/sustentação dos resultados.

Inovação nas Organizações - CEAG / POI - 2-2010


3. MODELOS DE INOVAÇÃO

Inovação nas Organizações - CEAG / POI - 2-2010


Modelos de Inovação

Modelo línear de inovação ou science push

Pesquisa Pesquisa Desenvolvimento Engenharia do Produção e


produto e do lançamento
básica aplicada experimental processo comercial

Modelos de P & D (*) :


(P&D- todo trabalho criativo empreendido em bases sistemáticas com o objetivo de aumentar o conhecimento)

1. Pesquisa Básica - novos conhecimentos sobre os fundamentos dos fatos sem qualquer aplicação em vista.

2. Pesquisa Aplicada - novos conhecimentos direcionados para fins objetivos.

3. Desenvolvimento experimental – trabalho sistemático sobre conhecimentos existentes para produzir novos
materiais, produtos e dispositivos.

(1) e (2) – conhecimentos científicos; (3 ) conhecimentos tecnológicos.

(*) Manual de Frascati (1994)

Inovação nas Organizações - CEAG / POI - 2-2010


Modelos de Inovação

Modelo línear reverso ou demand pull

Necessidades Desenvolvimento Engenharia do Produção e


Geração de
operacionais e produtos e do lançamento
Idéias da idéia
de mercado processo comercial

Inovação nas Organizações - CEAG / POI - 2-2010


Modelos de Inovação

Modelo de inovação de terceira geração – articula as necessidades da sociedade


e do mercado com os avanços dos conhecimentos científicos e tecnológicos

Novas
Necessidades da sociedade e do mercado
necessidades

Geração de P&D e Marketing &


Protótipo Manufatura Mercado
idéias desing vendas

Nova
Estado da arte da tecnologia e da produção
tecnologia

Rothwell(1992:222)

Inovação nas Organizações - CEAG / POI - 2-2010


Modelos de Inovação

Modelo de Kline

P
Pesquisa
3

C
4 Conhecimentos
2
1

Oportunidades Invenção e/ou Projeto Reprojeto e Distribuição e


do mercado projeto analítico detalhado e produção vendas
teste

< < < <

Kline(1978)

Inovação nas Organizações - CEAG / POI - 2-2010


Modelos de Inovação

Modelo de Inovação Empresarial

Apoios
Fontes de Externos
Idéia Desenvolvimento de
produtos Clientes
Funcionários
Órgãos
Clientes Vendas & Desenvolvimento de reguladores
Pós - vendas processos

Fornecedores Instituições de
ensino e
Artigos técnicos pesquisa
Qualidade Implantação
e científicos
Órgãos de
Normas e fomento
legislações Fornecedores
Produção

Etc. Etc.

Inovação nas Organizações - CEAG / POI - 2-2010


Modelos de Inovação

Modelo de Inovação: exemplo de um modelo prescritivo

1º Filtro
2º Filtro

Fase 3:
desenvolvimento dos projetos
Fase 2: análise das aprovados

Fase 1: geração de idéias melhores idéias para decidir se


continuam ou não (go / no-go
Fonte: Baseado em Clark e Wheelwright (1993:306-307) decision)

Inovação nas Organizações - CEAG / POI - 2-2010


NOVOS TIPOS DE SISTEMAS DE SUGESTÕES

Funil: tudo Modelo de Inovação convencional: muitas idéias, mas poucas


que entra sai são aproveitadas

Idéias
Fase 1: geração
de idéias e
desenvolvimento
conceitual

1o Filtro
Fase 2: detalhamento e
análise das melhores idéias
Filtro
Sumidouro de
Fase 3: idéias não
desenvolvimento aproveitadas
das idéias
aprovadas

Inovações

Inovação nas Organizações - CEAG / POI - 2-2010


NOVOS TIPOS DE SISTEMAS DE SUGESTÕES
Modelo de Inovação incremental:
quase todas as idéias são aproveitadas

Idéias

Filtro
Idéias aproveitadas Sumidouro de idéias
em projetos de repetidas ou não
inovações com aproveitadas
elevado grau de
novidade
Inovações Incrementais
Inovação nas Organizações - CEAG / POI - 2-2010