Você está na página 1de 2

PLANOS DE INTERVENÇÃO PEDAGÓGICA-

Competência leitora
Profª Marilene P. Araújo

1. Público: 6º e 7º anos
Introdução  Para esta atividade a sala de aula deve se transformar num espaço de interação. O aluno
tem que participar tanto quanto o professor, mas devemos deixá-los falar. Eles têm que propor atividades
e as sugestões devem ser ouvidas.
Justificativa  Todas as áreas são responsáveis pela leitura e pela escrita. O professor mediará a
situação pertinente a sua área.
Objetivos  Estabelecer significados de comunicação entre os indivíduos. Ajudar os meus alunos a
serem autônomos, serem responsáveis por suas ações e trazer a responsabilidade para ele também.
Conteúdo  Tema gerador: A dengue
O conteúdo deve ser atrativo, não fugindo da realidade. Pesquisa do tema gerador.
Arte: cartazes de conscientização.
Educação Física: sintomas de doença.
Português: produção de texto, leitura e correção.
Inglês: memory game e poesias.
Matemática: estatística, tipos de gráficos.
Ciências: prevenção da doença.
Geografia: mapeamento das doenças.
História: histórico da doença, culminância com cartazes – exposição.
Metodologia  utilizar projetos interdisciplinares. Deve haver transposição didática. O professor mediará
as situações de aprendizagem com foco na leitura, onde o aluno deve ter vez e voz.
Recursos didáticos  livros ilustrados, dicionários, imagens, tecnologia, pesquisa, jogos, cartolinas.

2. Público: 8ª série / 9º ano


Introdução  Leitura e análise dos gêneros: contos e crônicas.
Justificativa  Devido á grande dificuldade encontrada na interpretação de textos, visamos despertar no
educando o gosto pela leitura por meio de textos curtos, porém, ricos em conhecimento do cotidiano do
aluno e, consequentemente, uma melhor apreensão de sentidos.
Objetivos  desenvolver a competência leitora e escritora do educando.
Conteúdo  textos narrativos de diversos autores – crônicas e contos; reconhecer os elementos da
narrativa; reescrita de parágrafos; mudança do foco narrativo; produção escrita de textos a partir dos
contos e crônicas lidos.
Metodologia  leitura silenciosa e compartilhada; debate sobre a temática apresentada no texto lido;
interpretação oral e escrita; avaliação do aluno; devolutiva da avaliação, pelo professor.
Recursos didáticos  sala de leitura; sala de informática; revistas; dicionários; vídeos; livros; leitura
dramatizada.

3. Público: 6º ano – Fábula: “A lebre e a tartaruga”


Introdução  Checagem de hipóteses – levantamento prévio sobre “o que é uma fábula?” Faz-se a
leitura do texto para a sala; fragmenta-se a história em parágrafos (recortes) e cada grupo recebe o texto
recortado; os grupos devem montar o texto na sequência correta.
Justificativa  Fazer com que cada elemento do grupo leia um recorte do texto e verifique a leitura dos
recortes dos demais colegas do grupo; após as leituras e socialização do grupo, o texto é montado, colado
em cartolina e exposto em sala de aula; após isso, cada grupo reescreverá um novo final para quela
história e apresentará aos demais grupos.
Objetivos  leitura, escrita, reescrita, socialização de ideias e cidadania.
Conteúdo  a fábula impressa para cada grupo.
Metodologia  distribuição dos textos (já recortados) para cada grupo; cartolinas e materiais afins.
Recursos didáticos  texto impresso e materiais pertinentes à colagem e montagem em cartolina.

4. Público: 6º ano
Introdução  plano de intervenção pedagógica, com foco na competência leitora.
Justificativa  sanar as dificuldades que os alunos têm em identificar as características relativas ao
gênero.
Objetivos  desenvolver as habilidades e competências leitoras; socializar informações importantes da
capa de um livro.
Conteúdo  conceito do gênero textual características do gênero (registro) de informações
predominantes.
Metodologia  oferecer livros diversos e deixar que os alunos escolham o que querem; oralmente, o
professor e os alunos identificarão características predominantes da capa do livro: imagem, editora, autor,
título, etc.
Recursos didáticos  livros diversos.

5. Público: 6º ao 9º ano
Introdução  o plano de intervenção pedagógico tem como objetivo incentivar os alunos a
desenvolverem as competências leitora e escritora, através da leitura e produção de histórias em
quadrinhos.
Justificativa  este plano de intervenção visa atingir a todos os alunos, principalmente os que ainda não
são alfabetizados (alunos copistas) e que não conseguem realizar a leitura completa das palavras,
podendo, assim, produzir textos não verbais.
Objetivos  produzir textos verbais e não verbais, com o intuito de alcançar a todos os alunos; incentivar
a leitura, a pesquisa e a interdisciplinaridade.
Conteúdo  linguagem verbal e não verbal; textos sobre ética e cidadania; linguagem dos quadrinhos;
pontuação; interjeição; onomatopeia.
Metodologia  leitura de histórias em quadrinhos em aula; filmes de histórias em quadrinhos; atividades
em duplas; pesquisas.
Recursos didáticos  gibis; sala de informática; sala de vídeo; sala de leitura; giz e lousa; dicionário.

6. Público: 6º ano
Introdução  para que se realize uma intervenção é necessário identificar quais são as dificuldades do
aluno. Para isso partiríamos de uma avaliação diagnóstica. Após a avaliação, o professor realizará a
leitura de um livro, para desenvolvimento do trabalho.
Justificativa  detectar a deficiência da aprendizagem da competência leitora.
Objetivos  propiciar ao aluno as competências leitora e escritora; reconhecer características estruturais
de uma narrativa; socialização de ideias.
Conteúdo  respeito às diferenças pessoais.
Metodologia  a sala foi organizada em quatro grupos, com responsabilidades distintas: pesquisa de
informações, reescrita, recorte de imagens e leitura representativa. Após essa primeira etapa, os alunos
organizarão um painel coletivo; antes desta pesquisa e montagem de painel, o professor fará a leitura do
livro “Bolofofos e Finofinos”, como introdução do tema trabalhado.
Recursos didáticos  revistas, jornais, internet, tesoura, sulfite, cola.