Você está na página 1de 17

Felicidade Interna do Cooperativismo

+ Feliz
Quem somos e O que fazemos?

+ Feliz
Para quem fazemos?

770 cooperativas

+ 38 mil empregos diretos

Cerca de 1,5 milhão de cooperados

+ Feliz
Por que fazemos?

+ Feliz
Por que fazemos?
Democracia

Respons.
Igualdade
Social

Valores
Cooperativistas
Transparên-cia Equidade

Honestidade Solidariedade

+ Feliz
Por que fazemos?

+ Feliz
Somos Coop

+ Feliz
Um olhar sobre a área de promoção social

+ Feliz
Base conceitual

Fundamento: Felicidade Interna Bruta – FIB (Butão, 1970)

Espiritualidade e Compaixão, integradas à governança do indivíduo e das


organizações

The Fourth King of Buthan Jigme Singye Wangchuck

+ Feliz
Base conceitual

$ Produto Interno Mede a atividade econômica e o nível de riqueza de


Bruto (PIB) uma região. Quanto mais se produz, mais se está
consumindo, investindo e vendendo

Suplementa os índices não contabilizados pelo (PIB):


☺ Felicidade Interna a FELICIDADE, o BEM-ESTAR e o DESENVOLVIMENTO
Bruta (FIB) SUSTENTÁVEL

+ Feliz
A FIB e as Cooperativas

☺ Desenvolvimento centrado no ser Organização de pessoas


humano
☺ Visa criar condições para que as Visa criar condições para que as pessoas
pessoas alcancem aquilo que é alcancem aquilo que é mais importante
mais importante para elas para elas
☺ Busca o equilíbrio entre as
necessidades espirituais, orgânicas Busca o equilíbrio entre o
e materiais desenvolvimento econômico e o social

+ Feliz
+ Feliz
As dimensões da Felicidade Interna do
Cooperativismo

+ Feliz
As dimensões da Felicidade Interna do
Cooperativismo

As nove
Uso do tempo
dimensões do É um dos pilares mais Vitalidade comunitária
Saúde importantes. Mede a divisão
FIC Bem-estar psicológico
São medidos padrões de que cada um faz no
Examina a sensação de
acolhimento, vitalidade dos
comportamento arriscados, co diano. Entra no cálculo relacionamentos afe vos,
Entenda os princípios Avalia a sa sfação e o frequência dos exercícios desde o tempo dedicado às
o mismo em relação à segurança em casa e na
que norteiam os sicos, regime de sono e a vidades educacionais até comunidade e a prá ca de
própria vida. Indicadores hábitos alimentares, as horas perdidas
indicadores usados pelo analisam a autoes ma, doação e de voluntariado.
entre outros. no trânsito.
ques onário que mede percepção de competência, Uma vida comunitária
fortalece os laços e
a Felicidade Interna do stress e a vidades
espirituais. ajuda a resis r às
Coopera vismo. crises.

Governança
Analisa a percepção sobre as
Padrão de vida
Meio lideranças e como elas lidam
Avalia a renda, segurança
ambiente com as suas atribuições – do financeira e nível de
Cultura endividamento. Mede a
Educação Avalia a par cipação em Mede a percepção modelo de gestão à
da qualidade de recursos qualidade das aquisições, do
Além de medir o estudo eventos culturais e as transparência –, o nível de
naturais como água, ar, solo po de casa ao alimento.
formal e informal avalia o oportunidades de envolvimento e
e biodiversidade, além do Gastos com lazer também
envolvimento na educação desenvolvimento das intera vidade das pessoas e
acesso às áreas verdes. outros aspectos que são levados em conta.
dos filhos e os valores capacidades ar s cas.
passados. Valoriza a Discriminação por religião, Nesse contexto, cuidar do impactam no ambiente
educação que vai além da raça ou gênero entra nessa meio ambiente é uma organizacional..
acadêmica e avança sobre a conta. maneira de cuidar de si
consciência ambiental. próprio.

+ Feliz
As dimensões da Felicidade Interna do
Cooperativismo

Sensibilização

Compromisso das
Avaliação e Lideranças Diagnóstico e
Melhorias Avaliação
ÉTICA E
VALORES

Participação das
Equipes
Implantação e
Acompanhamento Plano de Melhorias

+ Feliz
Dimensão Quantidade de Questões

Padrão de Vida 9

Governança 10
Educação 11
Saúde 12
Meio Ambiente 9

Cultura 10
Uso do Tempo 13

Bem Estar Psicológico 12

Vitalidade Comunitária 11

Total 97

+ Feliz
+ Feliz