Você está na página 1de 7

Membros do Bando

Ductus: Lobo, o
“Maioral”, Brujah,
Humanidade
Priest: Lex, Lasombra,
Poder e Voz Interior

Abbot: Bohdan Dansk,


Tzimisce, Metamorfose

Kambila, Gangrel, “X”


Descrição geral do bando

Os Motoqueiros do Apocalipse são assim chamados por se comportarem como membros de um


moto-clube infernal dedicado aos Quatro Cavaleiros do Apocalipse. O símbolo que os tentam são
os dos cavaleiros originais (a espada, a foice, o arco e a balança), porém estilizados e sobrepostos
(a espada sobre a balança sobre a foice e o arco cruzados).
Eles mesclam pseudo-cultura católica em suas práticas que começam com um linguajar peculiar,
tratando as motocicletas custom por montarias e escopetas por espadas, ou tratando combates
por duelos e festins de guerra por cerco a fim de funcionar como testes de verificação.
O credo do bando remete ao fim dos tempos e por isso seus membros são implacáveis e seus
julgamentos duros o (a punição preferida do bando é o corredor polonês – Running the Gauntlet,
Players’ Guide to the Sabbat, 52), testes de dor constantes e Danças da guerra. Eles julgamentos
pragmaticamente e aplicam o veredito impiedosamente – para o bem (Thanksgiving rite, Players’
Guide to the Sabbat, 52) ou para o mal.
Em contrapartida, por esta postura belicista, os membros do Bando celebram o que têm e o que
podem ter, como abençoar todo novo refúgio (Consecration Rites, Players’ Guide to the Sabbat,
51), realizam rituais de bênçãos em momentos importantes seguidos de discursos onde evocam
pela benção de Caim (Call to Caine, Players’ Guide to the Sabbat, 51) e reforçam o Juramento de
lealdade ao Sabbat, bem como realizam o ritual da confissão.
Em suma, seu comportamento ritualizado liberta suas mentes e prepara o bando para a entrega
em suas tarefas que sempre podem ser as últimas.
Ritae dos Motoqueiros do Apocalipse
Sistema (LotN - Sabbat Guide, p. 158): a competência sacerdotal importa para o Bando, de modo
que em seus ritos prefere adotar este sistema em referência que consiste em:
Quando um Sacerdote (Padre, Bispo e acima) performa um rito, ele faz um desafio social
estático contra o número de participantes, cada Padres assistente adicionam (1 por assistente)
bônus ao teste.

 Se o teste for bem-sucedido, todos adicionam um Traço por nível de Trilha do Sacerdote aos
seus próprios traços para fins de testes (Este bônus aplica-se a todos os testes diretamente
associado ao ritual performado - durante Fire Dancing, por exemplo, aplica-se a um O Traço
físico do vampiro total para saltar o fogo, mas obviamente não para tentar estabelecer um
link psíquico com um alvo a quatro quarteirões de distância);
 Se o teste der empate os participantes não recebem quaisquer bônus ou penalidade;
 Porém, se o Sacerdote falhar no teste, faça dois testes simples; se o padre ganhar pelo menos
um deles o rito se desenrola como um empate, caso contrário todos os participantes sofrem
penalidades em todos os testes relacionados (se o padre está espiritualmente prejudicado,
como pode espera conduzir seus seguidores adequadamente? O padre tem a opção de
cancelar o rito, mas isso impõe automaticamente Status Negativo Infiel, que o padre pode
remover somente performando, com sucesso, dois Auctoritas Ritae no futuro.
Ignoblis Ritae praticados

 Rituais de Iniciação: ocorre antes do Ritual de Aceitação, onde o recruta passa a integrar o
Bando; porém não necessariamente sendo aceito. Este passará por provas sucessivas até que
os integrantes efetivos concordem que o estado probatório deve terminar, até lá será tratado
como cidadão de segunda classe; sempre por último nos Auctoritas Ritae e durante a
Vaulderie não poderá contribuir com sangue, bebendo, ainda, por último.
 Ritual de Aceitação: servem para aceitar novos integrantes ao bando, seja um novo Ductus,
um membro probatório ou um recruta que se tornou um Sabbat Verdadeiro. Precedido por
um “Sermão de Caim”, onde o padre do bando convida o bando a dar as boas-vindas ao novo
integrante que jura fidelidade (ao bando, ao Sabbat e a seguir o Código de Milão). O novo
cainita recebe, então, as vestes rituais do bando e a arma apocalíptica que simboliza a sua
posição.

Armas apocalípticas (simbólicas)

 Ritual de Confissão (Rite of Contrition): aqueles que falham para com a Seita confessam-nas
e então lhes é sentenciada a punição; teste (estático) de Coragem e Auto-Controle/ Instinto.
 Punição pela Dor (ver Jogos de Tortura dentre os Jogos de Instinto): a punição
desafia Sabbat a se manter funcional em face a dor extrema.
 Punição pela Estaca: o vampiro é estacado numa parede (em altura suficiente
para que ele não toque o chão) e é libertado pouco antes de o sol nascer, devendo
encontrar refúgio antes disso;
 Punição pelo Fogo: os membros do vampiro são amputados e jogados ao fogo,
sendo dado sangue a ele suficientes para que estabilize o ferimento somente;
 Punição pela Força: essencialmente um corredor polonês, onde bando (que pode
estar armado ou não) pune um dos seus.
 Ritual de Boas Vindas: quando os Motoqueiros se juntam a outro bando (seja para a
realização de uma tarefa conjunta ou se ele entra no território do bando) se deixam claros os
limites (território de refúgio e de caça) e os protocolos a serem seguidos, usualmente se
sucede um juramento de igualdade e fraternidade que por sua vez é seguido de uma
Vaulderie.
 Thanksgiving: Testemunho exagerado e épico sobre a bênção de ser um cainita que ocorre
nos Esbats, serve como reafirmação da condição vampírica.
 Verdade Revelada (Truth revealed, LotN - Sabbat Guide, p. 158): Ocorre depois do Rito de
Boas Vindas ou em interrogatório que precede o Ritual de Confissão, o(s) interrogado(s)
respondem num papel com o próprio sangue as respostas ao inquérito. O Padre então
queima a confissão e, se fumaça resultante for preta a denúncia da mentira é revelada e se
ela for branca revela a verdade; teste mental (estático) baseado em Ocultismo ou Rituais.

Auctoritas Ritae - Jogos de Instinto favoritos

 Polícia e Ladrão (Cowboys and Indians, Players’ Guide to the Sabbat, 43): os integrantes do
bando se caracterizam como policiais e bandidos (?) e atiram uns nos outros; desnecessário
dizer que eles não se importam se acertam inocentes...
 Habilidades associadas: Armas Brancas, Armas de Fogo, Briga, Esquiva, Tática.

 Duelando com o Inimigo (Players’ Guide to the Sabbat, 43): a fim de marcar presença, um
dos integrantes do bando aborda um Anarquista ou um membro da Camarilla e o desafia para
um duelo - que não vai até a morte, mas o objetivo é gerar pressão na Camarilla.
 Habilidades associadas: Armas Brancas, Armas de Fogo, Briga, Esquiva.

 Futebol americano (Players’ Guide to the Sabbat, 43): como descontração os integrantes do
bando jogam futebol americano, mas o problema é quando eles o fazem num parque ou
outra área aberta uma vez que a versão do Bando não é saudável aos mortais.
 Habilidades associadas: Briga, Esquiva, Liderança, Tática.

 Dungeons and Dragons (Freeplay, Players’ Guide to the Sabbat, 43): neste jogo os membros
do bando capturam vários mortais e os dominam como se fossem monstros mitológicos ou
de fantasia, usualmente os drogando no processo e os equipam com armas que causem
muito dano em Membros. Os integrantes do bando então devem adentrar a “masmorra”
DESARMADOS e resgatar a princesa ou o tesouro.
 Habilidades associadas: Briga, Esquiva, Sobrevivência, Tática.

 Corrida de moto (Horse Racing, Players’ Guide to the Sabbat, 43): semelhante a um racha,
quem passa pela chegada antes vence; no entanto motos podem entrar em locais que os
carros não e tudo vale para chegar primeiro.
 Habilidades associadas: Armas Brancas, Armas de Fogo, Briga, Condução, Esquiva.
 Jogos de Tortura (Players’ Guide to the Sabbat, 43 - ver Testes de Dor, dentre os Ignoblis
Ritae do Bando): os integrantes do bando gostam de testar os limites de dor que são capazes
de suportar e também infligir.
 Habilidades associadas: Tortura; também Auto-Controle/ Instinto, Coragem.

 Doces ou Travessuras? (Players’ Guide to the Sabbat, 43): mesmo quando se está for a da
época do Halloween os membros do bando batem às portas das pessoas e demandam doces
ou travessuras e se não ganham doces o truque consiste em invadir suas casas e beber o
sangue de todos dentro... mas algumas vezes peças bem estúpidas são pregadas ao invés
disso.
 Habilidades associadas: Liderança.

 Gladiadores Humanos (Players’ Guide to the Sabbat – revised edition, 45): como em D&D,
os membros do bando capturam mortais a fim de lutarem numa arena, os drogando no
processo. Às vezes oferecem a vida ao vencedor, mas a oferta não necessariamente é real.
Para apimentar as coisas o bando joga na arena armas improvisadas, como tacos com pregos,
garrafas quebradas, correntes etc.
 Habilidades associadas: Liderança, Tática.

 Captura do Ductus (LARP VtM Revised – Guide to the Sabbat, 145): neste jogo entre bandos
similar a captura de bandeiras o Priest delimita a área do jogo (uns poucos quarteirões já
bastam) e aqueles que trouxerem o Ductus do bando rival para o local delimitado ganham.
Desnecessário dizer que a destruição de qualquer membro do bando rival leva à perda do
jogo. A regra é que o embate deve passar desapercebido dos olhos mortais para fins de
treinamento.
 Habilidades associadas: Armas Brancas, Armas de Fogo, Briga, Esquiva, Tática.

Notas gerais:
É característica do Padre abordar os membros do bando que ele julga pertinente com o clássico
“irmão, gostaria de se confessar?” a fim de aconselhá-los sobre o caminho a tomar em busca da
iluminação.
Também é característica do Padre realizar a Vaulderie com certa constância, sempre que ele
pensar ser necessário renovar os votos de lealdade mútua. Ainda, ele também o faz antes de uma
empreitada precedido do Chamado de Caim.