Você está na página 1de 33

DESENHO TÉCNICO MECÂNICO I (SEM0564)

AULA 10 - ELEMENTOS DE MÁQUINA


(APOIO, ELÁSTICO E VEDAÇÃO)

Notas de Aulas v.2016

Desenho Técnico Mecânico


ELEMENTOS DE APOIO Radial Axial Cônica
BUCHAS

Desenho Técnico Mecânico


ELEMENTOS DE APOIO
BUCHAS

Desenho Técnico Mecânico


ELEMENTOS DE APOIO
Guias de Deslizamento
GUIAS

Desenho Técnico Mecânico


ELEMENTOS DE APOIO
GUIAS Guias de Rolamento

Desenho Técnico Mecânico


ELEMENTOS DE APOIO
MANCAIS

Mancais de Deslizamento

Desenho Técnico Mecânico


Rolamentos
ELEMENTOS DE APOIO
MANCAIS

Mancais de Rolamento

Desenho Técnico Mecânico


ELEMENTOS DE APOIO
MANCAIS

Desenho Técnico Mecânico


Tipos de elementos rolantes

Rolamentos de esferas Rolamentos de agulhas

Rolamentos cilíndricos Rolamentos de rolos cônicos

Desenho Técnico Mecânico


ELEMENTOS DE APOIO
MANCAIS
Classificação quanto à carga

Radial Axial Mista

Fonte da imagem: FREITAS, M. Rolamentos. Escola de Engenharia de São Carlos, 2004.


Desenho Técnico Mecânico
Formas construtivas
Rolamentos Pistas do anel interno
Representação esferas de e do anel externo
Tipo Forma Construtiva deslocadas entre si na
Esquemática contato direção do eixo do
Básico: uma carreira angular rolamento
de esferas sem
ranhuras para placas de
Tipo NU: possui dois
proteção ou de vedação
flanges integrados no
anel externo e anel
Uma carreira de esferas interno sem flanges
com ranhuras para
placa de proteção ou de
vedação Tipo N: possui dois
Rolamentos
flanges integrados no
Rígidos de
anel interno e anel
esferas Uma carreira com externo sem flanges
ranhura para anel de
retenção
Rolamento Tipo NJ:possui dois
de rolos flanges integrados no
anel externo e um no
cilíndricos anel interno e pode ser
Duas carreiras de usado para fixação
esferas axial do eixo somente
em um sentido
Tipo NUP: possui dois
flanges integrados no
Rolamentos Duas carreiras de anel externo e o anel
autocompen- esferas com uma pista interno possui um
sadores de esférica comum no anel flange integrado e um
externo anel flange solto,
esferas permitindo que fixe o
eixo em ambos os
Fonte: Catálogo Geral SKF sentidos

Desenho Técnico Mecânico


1. 12

Representação
Tipo Forma Construtiva Uma carreira.
Esquemática Suportam cargas
axiais atuando em
Rolamento sem anel interno, apenas um sentido
usado quando é possível Rolamento
temperar e retificar um eixo para de rolos
formar uma pista de rolamento cônicos
Rolamentos Duas carreiras.
de agulhas Suportam cargas
Rolamentos com anel interno, axiais nos dois
usados quando é impossível ou sentidos
antieconômico temperar e
retificar o eixo
De escora simples:
Rolamentos Adequados para
Construção CC, C e EC: rolos axiais de suportar cargas axiais
esferas em um sentido e fixar
simétricos, uma anel interno sem
o eixo neste sentido
flange e uma gaiola prensada de
aço para casa carreira de rolos. Adequados para
Rolamentos arranjos que devem
suportar cargas axiais
axiais de
pesadas. De escora
Rolamentos Construção CAC, ECAC, CA e rolos simples: Suportam
autocompen- ECA: para rolos grandes. Rolos cilíndricos apenas cargas axiais
sadores de simétricos e o anel interno possui em um sentido
flanges de retenção São capazes de
rolos
suportar cargas radiais
atuando juntamente
Construção E: rolos simétricos Rolamentos com cargas axiais. E é
um anel interno sem flanges, um
autocompen auto-alinhante, o que o
anel de guia sinterizado,
-sadores de torna insensível a
posicionado na direção do anel
rolos desalinhamentos do
externo e centrado nas gaiolas,
eixo em relação à
com uma gaiola prensada de aço
caixa proveniente de
para cada carreira de rolos
deflexões do eixo
Fonte: Catálogo Geral SKF

Desenho Técnico Mecânico


ELEMENTOS DE APOIO Representação
Rolamento
MANCAIS Simplificada Simbólica

Desenho Técnico Mecânico


ELEMENTOS DE APOIO
MANCAIS

Suporte do rolamento Dimensões


r e r1 ba ha rc
Cotagem do rebaixo para saída do rebolo (no furo e no eixo) 1,5 2 0,2 1,3
Publicação: RIV - SKF 2 2,4 0,3 1,5
2,5 3,2 0,4 2
3 4 0,5 2,5
3,5 4 0,5 2,5
4 4,7 0,5 3
5 5,9 0,5 4
6 7,4 0,6 5
8 8,6 0,6 6
10 10 0,6 7

Desenho Técnico Mecânico


Noções de montagem

Um rolamento fixo axialmente, o outro


livre

Desenho Técnico Mecânico


ELEMENTOS ELÁSTICOS
Tipos de Molas - NBR 11145

Feixe de Molas
Molas de Torção Molas prato

Molas Espiral Molas de Compressão Molas de Tração

Desenho Técnico Mecânico


ELEMENTOS ELÁSTICOS
MOLAS

Desenho Técnico Mecânico


ELEMENTOS ELÁSTICOS
MOLAS

Desenho Técnico Mecânico


ELEMENTOS ELÁSTICOS
MOLAS

Comp. total livre = n a . p + 2d


n t = número total de espiras
n a = número de espiras ativas
p = passo
d = diâmetro do arame

O número calculado de espiras ativas


é arredondado para o ¼ mais
próximo.

Desenho Técnico Mecânico


Número de Espiras Ativas

Desenho Técnico Mecânico


ELEMENTOS ELÁSTICOS
MOLAS

Desenho Técnico Mecânico


ELEMENTOS ELÁSTICOS
MOLAS

Desenho Técnico Mecânico


ELEMENTOS DE VEDAÇÃO
JUNTAS Vedações diretas em junções fixas

Exemplo de Aplicação

Ogiva Faca Cônica

Vedações em junções fixas com elementos intermediários

Guarnições

Desenho Técnico Mecânico


ELEMENTOS DE VEDAÇÃO Vedações em junções fixas ou móveis com elementos
JUNTAS intermediários

COTAS E TOLERÂNCIAS PARA SEDES DE ANÉIS


Anel O Ring Cavidades O’RINGS

T
Anel O Ring em trabalho

Cotas 1,78 2,62 3,53 5,34 7

L 1,4 2,2 2,9 4,5 6

K 2,4 3,5 4,7 7 9,5

H 1,4 2,2 3,1 4,7 6

Anel H Ring Anel de sustentação BK S 1,78 2,62 3,53 5,34 7

Desenho Técnico Mecânico C 2,5 3,5 4,5 7 9,5


ELEMENTOS DE VEDAÇÃO
JUNTAS

Vedações em junções fixas ou móveis com elementos intermediários

Gaxetas Anel de vedação

Desenho Técnico Mecânico


ELEMENTOS DE VEDAÇÃO
ANÉIS DE VEDAÇÃO

Desenho Técnico Mecânico


ELEMENTOS DE VEDAÇÃO
ANÉIS DE VEDAÇÃO

Desenho Técnico Mecânico


Dimensões do Alojamento – Ajuste interferente

Desenho Técnico Mecânico


Exercício 1 – Desenhar a mola em vista única na escala apropriada.

Desenho Técnico Mecânico


1. 30

Exercício 2 – Fazer desenho de conjunto em corte, selecionar Nome:____________________________

rolamentos, anéis elásticos para furos e para eixos, posicionar os Nº____________ Turma _____________

retentores, considerar folga devido a dilatação do eixo, dimensionar


canal para anel o´ring. Observar tabelas nas páginas seguintes

Desenho Técnico Mecânico


1. 31

*Fonte: Catálogo Geral SKF, pg 186

Desenho Técnico Mecânico


1. 32

Exercício 2 – Tabela de retentores tipo básico Sabó

http://www.sabo.com.br/port/pdf/ct/basicos.pdf

Desenho Técnico Mecânico


REFERÊNCIAS

Gordo, N.; Ferreira, J. Elementos de Máquina, Escola SENAI-SP.

Desenho Técnico Mecânico