Você está na página 1de 5

NOTAS NA FLAUTA

NATURAL E SUSTENIDO OU BEMOL


GRAVES E AGUDAS

Mão Esquerda Mão Direita

MÃO DIREITA na flauta

Na mão direita usaremos os dedos


MÃO ESQUERDA na flauta
sempre nesta indicação:
Na mão esquerda usaremos os dedos
 Dedo POLEGAR apenas para
sempre nesta indicação: apoiar a flauta;
 Dedo INDICADOR no 4º furo;
 Dedo POLEGAR no furo em baixo
 Dedo MÉDIO no 5º furo;
da flauta;
 Dedo ANULAR no 6º furo, tapando
 Dedo INDICADOR no 1º furo
um buraco ou dois ao mesmo
(aquele mais próximo dos lábios);
tempo.
 Dedo MÉDIO no 2º furo;
 Dedo Mínimo no 7º furo, tapando
 Dedo ANULAR no 3º furo
um buraco ou dois ao mesmo
tempo.

I. NOTAS NATURAIS NA FLAUTA DOCE SOPRANO
(Modelo Barroco)

C D E F G A B C8
dó ré mi fá sol lá si dó oitava acima
(mais agudo)
II. NOTAS NATURAIS NA FLAUTA DOCE SOPRANO
Oitavada (mais agudas)
(Modelo Barroco)

C2 D2 E2 F2 G2 A2 B2 C22
Dó ré mi fá sol lá si dó

segunda
oitava acima
III. NOTAS ALTERADAS NA FLAUTA DOCE SOPRANO
(Modelo Barroco)

C# ou Db D# ou Eb F# ou Gb G# ou Ab A# ou Bb
Dó sustenido Ré sustenido Fá sustenido Sol sustenido Lá sustenido
ou Ré bemol ou Mi bemol ou Sol bemol ou Lá bemol ou Si bemol
IV. NOTAS ALTERADAS NA FLAUTA DOCE SOPRANO
Oitavada (mais agudas)
(Modelo Barroco)

C#2 ou Db2 D#2 ou Eb2 F# 2ou Gb2 G#2 ou Ab2 A#2 ou Bb2
Dó sustenido Ré sustenido Fá sustenido Sol sustenido Lá sustenido
ou Ré bemol ou Mi bemol ou Sol bemol ou Lá bemol ou Si bemol