Você está na página 1de 11

TIVIDADES DE PORTUGUÊS 4º ANO

Leia o texto a seguir para responder às questões 1 e 2.

QUESTÃO 1
Na língua portuguesa, alguns substantivos podem ser formados por mais de
uma palavra, sendo
chamados de substantivos compostos. No texto apresentado, há um
substantivo composto, que é:
a) MATÉRIA-PRIMA.
b) IMPORTANTE.
c) RECICLÁVEIS.
d) AMBIENTE.
e) COLETA.
Resposta correta: A
Os substantivos compostos, como diz o próprio enunciado, são formados por
mais de uma palavra,
como é o caso de MATÉRIA-PRIMA, formada pelo substantivo MATÉRIA e
pelo adjetivo PRIMA.
Nas demais alternativas, só aparecem substantivos simples.
QUESTÃO 2
Os folhetos podem exercer várias funções e cumprir diversos objetivos, como
informar ou, até
mesmo, fazer propaganda de algum produto. No caso do folheto apresentado,
o objetivo é:
a) apresentar às pessoas opções para não separar o lixo.
b) ensinar as pessoas a produzir menos lixo.
c) convidar as pessoas a usar latas de lixo.
d) instruir as pessoas a jogar lixo na rua.
e) orientar as pessoas a reciclar o lixo.
Resposta correta: E
O folheto apresentado tem por objetivo orientar as pessoas a reciclar o lixo,
uma vez que apresenta
informações sobre a reciclagem e suas vantagens e explica como as pessoas
podem separar o
lixo.

No poema apresentado, verificamos que algumas palavras que têm o mesmo


som podem ser escritas
com letras diferentes, como acontece na primeira estrofe: as palavras
BELEZA e SURPRESA
rimam, mas a primeira se escreve com Z, e a segunda com S. O mesmo caso
acontece em:
a) SISUDO – AZEDO.
b) PRESA – EMPRESA.
c) INGLESA – FRANQUEZA.
d) AVAREZA – ESPERTEZA.
e) DESENHAR – RESENHAR.
Resposta correta: C
A questão pede que se identifiquem as palavras que rimam e que são escritas
com letras diferentes.
Isso acontece no par INGLESA e FRANQUEZA, pois a primeira se escreve
com S, e a segunda
com Z.
Na alternativa a, não há rima, e as demais alternativas não apresentam
palavras com letras diferentes.
QUESTÃO 4
Zé Pequeno é uma personagem regional, e, para demarcar isso, as tiras da
Turma do Xaxado
registram na escrita a sua maneira de falar. Confira:

Uma mesma palavra ou expressão pode ter diferentes sentidos. Nessa tira,
Zé Pequeno parece não
ter compreendido com clareza a recomendação do dentista.
Segundo o dentista, o que o menino deveria fazer?
a) Repartir a rapadura.
b) Comprar mais rapadura.
c) Parar de comer rapadura.
d) Fazer em casa sua rapadura.
e) Distribuir a rapadura.
Resposta correta: C
A recomendação do dentista é que o menino corte a rapadura; o verbo
CORTAR foi utilizado no
sentido de eliminar, interromper. Zé Pequeno, entretanto, entendeu que
bastava repartir, separar o
doce em pedaços, o que não atende corretamente à recomendação.

Leia o anúncio publicitário a seguir para responder às questões 1 e 2.

QUESTÃO 1
O folheto apresentado faz parte de uma campanha para promover o transporte
seguro de crianças nos
veículos.
Para alcançar esse objetivo, o folheto é destinado:

a) aos órgãos do governo responsáveis pelo transporte.


b) aos adultos que transportam crianças no carro.
c) às crianças que viajam de carro com os pais.
d) aos serviços de emergência das rodovias.
e) às pessoas que não andam de carro.
Resposta correta: B
O folheto é destinado a qualquer pessoa que transporta crianças no carro
(mesmo que não sejam
os próprios filhos), uma vez que aborda a importância de protegê-las ao
transportá-las no veículo e
deixa claro que essa proteção é dever de todo cidadão.
QUESTÃO 2
Algumas palavras no folheto apresentado foram acentuadas de acordo com
as regras de acentuação
gráfica da Língua Portuguesa. No caso da palavra “é”, ela foi acentuada
porque:
a) deve ser pronunciada com som aberto.
b) deve ser pronunciada com som fechado.
c) não tem sentido sem o acento.
d) liga uma expressão a outra.
e) o autor cometeu um erro.
Resposta correta: A
A palavra “é” deve ser escrita dessa forma (com acento) e pronunciada com
som aberto quando se
refere à 3a pessoa do singular do verbo “ser”, como é o caso das ocorrências
no texto.
Alternativa b: incorreta. Quando pronunciada com som fechado, ela não é
acentuada.
Alternativa c: incorreta. A palavra tem sentido sem o acento, mas significa
algo diferente do que o autor
quis dizer.
Alternativa d: incorreta. A conjunção “e”, que liga uma expressão a outra, deve
ser escrita sem acento.
Alternativa e: incorreta. Só haveria erro se a palavra não fosse acentuada.
QUESTÃO 3
Leia a seguinte carta, escrita por uma leitora de uma revista, publicada em um
site da internet:
A carta é um gênero textual utilizado na comunicação escrita entre pessoas
ou instituições, com a
finalidade de relatar experiências vividas.
Cartas de leitores são textos que eles escrevem para um jornal
ou revista e enviam para o veículo de comunicação, a fim de fazerem
comentários sobre algo que leram.
No texto apresentado, uma matéria que foi publicada por certa revista é
elogiada pela leitora porque
esta:
a) entende que o tema gera curiosidade para outras crianças.
b) acredita que as pessoas não sabem sobre o assunto.
c) gosta de discutir sobre o tema com os colegas.
d) precisa de mais informações sobre o tema.
e) considera que o tema é muito importante.
Resposta correta: E
A leitora considera o tema importante, tendo em vista os argumentos que ela
utiliza (conscientização
e perigo que os animais correm), e ainda pede a publicação de mais matérias
sobre o assunto, o
qual ela considera fundamental (importante) para a educação das pessoas e
para a preservação
da natureza.
Alternativa a: incorreta. A curiosidade da leitora não indica que outras crianças
tenham o mesmo
interesse.
Alternativa b: incorreta. Embora considere importante para todos, a leitora não
declara acreditar que
as pessoas não sabem sobre o assunto.
Alternativa c: incorreta. A leitora não deixa claro que gosta de discutir sobre o
assunto; ela apenas
afirma que é um tema importante e que é necessário conscientizar as
pessoas.
Alternativa d: incorreta. A leitora não precisa de mais informações; ela apenas
sugere que a revista
publique mais matérias com o mesmo tema.
QUESTÃO 4
Leia, a seguir, um trecho da letra da canção “Pela internet”, de Gilberto Gil:
Pela internet
Criar meu web site
Fazer minha homepage
Com quantos gigabytes
Se faz uma jangada
Um barco que veleje
[…]
Disponível em:
<www.educacaopublica.rj.gov.br/oficinas/lportuguesa/musica/gg09.html>.
Acesso em: 8 jul. 2017.
No texto apresentado, foram empregados alguns estrangeirismos, ou seja,
palavras que não fazem
parte do vocabulário da Língua Portuguesa, mas que são utilizadas no dia a
dia e reconhecidas por
todos. Podemos considerar como um exemplo de estrangeirismo a palavra:
a) “criar”.
b) “fazer”.
c) “barco”.
d) “jangada”.
e) “gigabytes”.
Resposta correta: E
A palavra “gigabytes” é usada para medir o tamanho de arquivos virtuais, do
tipo que se armazena
em computadores, celulares e outros aparelhos eletrônicos. Trata-se de um
estrangeirismo vindo
do inglês, mas, de tão usado no português, esse termo acabou se tornando
conhecido por todos.
Nas demais alternativas, são apresentadas palavras da Língua Portuguesa
que se referem a ações
(“criar” e “fazer”) e tipos de embarcações (“jangada” e “barco”).
Questão 1
Leia a tirinha a seguir.

Palavras terminadas em “-ão” podem assumir três formas de plural. No


segundo quadro da tirinha,
usa-se uma dessas formas nas palavras “milhões” e “bilhões”. Assinale a
alternativa em que todas
as palavras também fazem o plural em “-ões”.
a) Cão, balão e galpão.
b) Balão, trilhão e gavião.
c) Mão, cidadão e mamão.
d) Cidadão, alçapão e gavião.
e) Mamão, melão e pão.
Resposta correta: B
Todas as palavras da alternativa B terminam em “-ões”: “balões”, “trilhões” e
“gaviões”, seguindo o
mesmo plural de “milhões” e “bilhões”.
Alternativa A: incorreta. O plural de “cão” é “cães”.
Alternativa C: incorreta. Os plurais de “mão” e “cidadão” são, respectivamente,
“mãos” e “cidadãos”.
Alternativa D: incorreta. O plural de “cidadão” é “cidadãos”.
Alternativa E: incorreta. O plural de “pão” é “pães”.

Leia o texto a seguir para responder às questões 2 e 3.

A CIGARRA E A FORMIGA
Durante o verão, a cigarra não fez outra coisa senão cantar feliz por encontrar
tanto alimento à
sua disposição. Para qualquer lado que olhasse, ela avistava uma quantidade
incontável de folhas
verdes e tenras com as quais podia saciar o apetite quando bem entendesse,
e por isso ela cantava
sem parar, demonstrando a alegria que sentia por viver naquele paraíso.
Mas o tempo passou, o clima mudou, e, quando o inverno chegou, a cantora
imprevidente se
viu em um estado de extrema penúria, sem ter nada para comer. Por isso, ela
se viu forçada a bater
na porta da casa da formiga, que morava perto dela, pedindo que esta lhe
emprestasse comida
suficiente para que pudesse atravessar o período de estio sem correr o risco
de morrer de fome;
prometeu-lhe que pagaria esse empréstimo com juros, tão logo chegassem
novamente à estação
da fartura. Mas a formiga perguntou:
— O que foi que fizeste durante todo o verão?
— Bem… eu cantava noite e dia, a qualquer hora – respondeu a cigarra.
— Oh! Mas que beleza! – replicou a formiga. — Pois, se antes cantavas,
agora poderás dançar
o quanto quiseres!
Disponível em: <https://bit.ly/2L4NW11>. Acesso em: 16 jul. 2018.

Questão 2
A palavra “beleza”, que aparece no último parágrafo do texto, é um
substantivo abstrato derivado do
adjetivo “belo”. Assinale a alternativa em que todos os adjetivos podem formar
substantivos abstratos
terminados em “-ez” ou “-eza”, seguindo a mesma regra de rápido → rapidez
e belo → beleza.
a) Tímido, cansado, alegre.
b) Triste, certo, nobre.
c) Estúpido, exausto, animado.
d) Gentil, preguiçoso, tímido.
e) Surdo, magro, bom.
Resposta correta: B

As palavras “triste”, “certo” e “nobre” seguem a regra de belo → beleza, pois


formam substantivos
abstratos terminados em “-ez” e/ou “-eza”: “tristeza”, “certeza” e “nobreza”.
Alternativa A: incorreta. Seguindo a regra de belo → beleza, os substantivos
abstratos formados
deveriam terminar em “-ez” e/ou “-eza”, o que não é o caso das palavras
“cansado” e “alegre”, que
formam, respectivamente, os substantivos abstratos “cansaço” e “alegria”.
Alternativa C: incorreta. As palavras “exausto” e “animado” formam,
respectivamente, os substantivos
abstratos “exaustão” e “ânimo”.
Alternativa D: incorreta. A palavra “preguiçoso” forma o substantivo abstrato
“preguiça”.
Alternativa E: incorreta. A palavra “bom” forma o substantivo abstrato
“bondade”.

Questão 3
O que o autor quis dizer no trecho “[…] quando o inverno chegou, a cantora
imprevidente se viu em
um estado de extrema penúria, sem ter nada para comer”?
a) A cigarra, que era cantora, esperava alegre pela chegada do inverno.
b) A formiga, que era precavida, preparava-se para a chegada da primavera.
c) A cigarra, que era trabalhadora, estava preparada para a chegada do
inverno.
d) A cigarra, que era cantora, encontrava-se em uma situação difícil.
e) A formiga, que era descuidada, deparou-se com uma situação complicada.
Resposta correta: D
De acordo com o texto, a cigarra, que só sabia cantar, não tinha se preparado
para a chegada do
inverno. Logo, encontrava-se em uma situação difícil.
Alternativa A: incorreta. Embora a cigarra fosse de fato uma cantora, de
acordo com o texto, ela não
estava alegre com a chegada do inverno, já que não tinha se preparado para
enfrentá-lo.
Alternativa B: incorreta. Embora fosse precavida, de acordo com o texto, a
formiga não se preparava
para a chegada da primavera, mas para a chegada do inverno.
Alternativa C: incorreta. De acordo com o texto, a cigarra não havia se
preparado para a chegada do
inverno, pois apenas cantava.
Alternativa E: incorreta. De acordo com o texto, a formiga não era descuidada,
o que a levou a se
preparar para a chegada do inverno.
Questão 4
Leia o poema a seguir.
Convite
Poesia
é brincar com palavras
como se brinca
com bola, papagaio, pião.
Só que
bola, papagaio, pião
de tanto brincar
se gastam.
As palavras não:
quanto mais se brinca
com elas
mais novas ficam.
Como a água do rio
que é água sempre nova.
Como cada dia
que é sempre um novo dia.
Vamos brincar de poesia?
José Paulo Paes. Disponível em: <https://bit.ly/2uJ3jkr>. Acesso em: 16 jul.
2018.

Sílaba tônica é a sílaba falada com mais destaque em uma palavra. Assinale
a alternativa em que a
sílaba tônica está na última sílaba das palavras extraídas do poema “Convite”.
a) “Palavra” e “nova”.
b) “Vamos” e “sempre”.
c) “Bola” e “ficam”.
d) “Brincar” e “pião”.
e) “Pião” e “elas”.

Resposta correta: D
As palavras “pião” e “brincar” têm a sílaba tônica na última sílaba.
Alternativa A: incorreta. A sílaba tônica está igualmente posicionada em
“palavra” e “nova”: em
ambas, está na penúltima sílaba.
Alternativa B: incorreta. A sílaba tônica está igualmente posicionada em
“vamos” e “sempre”: em
ambas, está na penúltima sílaba.
Alternativa C: incorreta. A sílaba tônica está igualmente posicionada em “bola”
e “ficam”: em ambas,
está na penúltima sílaba.
Alternativa E: incorreta. Nesse caso, em “pião”, a sílaba tônica é a última
sílaba; já em “elas”, é a
penúltima.