Você está na página 1de 3



     


!#"%$'&("*)(+ ,-).&0/(1 21+(

CONTEÚDO PROGRAMÁTICO DO PROJETO:

Apesar dos estudos oriundos da história, psicologia, fenomenologia, psicanálise


e sociologia, será que poderemos justificar a fé pela razão?
O iluminismo quer negá-la totalmente, mas não podemos aceitá-la totalmente
sem analisarmos as diferentes concepções de sua constituição.
A própria razão se não for prática, não se torna racional; pois se Deus é a base
fundamental da religião, como se pressupõe um relacionamento onde os homens não
crêem nesse Deus nem Ele se revele aos seus seguidores?
No conflito da natureza e da cultura, a antropologia confronta a teologia; não
adianta se ignorar o desafio da presença de Deus, pois as relações entre o homem e o
mundo, a sociedade e a Igreja, revelam problemáticas que precisam de respostas
concretas.
A argumentação é sempre baseada numa amostra de uma prova indireta,
mesmo sendo uma idéia mental, mas nos resta saber as razões que levam a Deus,
como existente, não se revelar como deseja o homem que o questiona.
• Jesus, o iniciador do Cristianismo, é um mestre por excelência. Tinha
idoneidade para ensinar, pois encarnava a verdade da realidade do Deus-Bíblico e
Pessoal, no desejo de servir, na crença ao seu ensino, abordando, pelo conhecimento
das escrituras, tendo grande compreensão da natureza humana.
• Jesus dominou a arte de ensinar, conseguindo transformar um grupo de
imaturos, perplexos, pecadores, ignorantes, preconceituosos, instáveis, impulsivos e
impetuosos em pessoas firmes, de convicções fortes, convertidas a Deus, capazes de
se relacionar uns com os outros, resolver problemas da vida, formando caracteres
maduros e preparando-os para o serviço cristão.
• Jesus era visionário, olhando para o futuro, dando muito valor ao contato
pessoal, começando aonde estava o povo, detendo-se em assuntos vitais, trabalhando
a consciência dos indivíduos, olhando para o que havia de bom nas pessoas e
assegurando liberdade de ação dos seus alunos.
• Jesus usava várias fontes domo material de ensino: (escrituras, mundo natural,
afazeres comuns e correntes), assumindo de forma concreta e incisiva figuras de
linguagem com propósitos para iniciar, esclarecer e fortalecer seus discípulos.
• Jesus iniciava as lições mostrando o significado das coisas, sendo ele mesmo,
o exemplo, desenvolvendo o ensino com coisas essenciais e concluindo com o uso de
objetos, dramatizando histórias, falando parábolas, dando preleções, mostrando em
seus discursos, os valores e as fraquezas do sistema humano, perguntando,
promovendo debates e discussões, e ilustrando o que queria ensinar.
• Jesus valorizou e elevou a pessoa humana, transformou vidas, incentivou
reformas, melhorou instituições, saturou literaturas, influenciou as artes, inspirou a
filantropia, inspirou o serviço ao próximo, e ainda faz tudo isso, na vida de tantos o
seguem pela fé em sua ressurreição, conforme afirmam as escrituras sagradas e
crêem em seus ensinos.
Assim, se formos analisar de forma leiga, alguns fatos doutrinários escritos nos
livros sagrados, numa fé ingênua, sem necessidade de comprovação, verificamos a
supremacia do Evangelho de Jesus Cristo, na Bíblia Sagrada.
Observe-se que não estamos falando de denominações, mas a essência da
Religião Cristã, baseada na história da Doutrina, escrita na Bíblia Sagrada.
Supondo-se que houvesse uma argumentação leiga sobre o cristianismo
confrontado com outros pensamentos, de maneira simples, teria em seus contextos e

www.discipuladosemfronteiras.com/contato.php 1

     
!#"%$'&("*)(+ ,-).&0/(1 21+(
textos, superior desempenho de seu personagem descrito, a saber, o papel de Jesus
Cristo como descrito na Bíblia, frente a outros líderes de algumas religiões.
Todo o conteúdo de estudo e de ensino do Discipulado sem Fronteiras, foi
orientado pelo Senhor Deus gerando um grau de conhecimento constante e crescente,
com equilíbrio, visando gerar um embasado no conhecimento bíblico para que o
cristão não venha a ser levado por todo vento de doutrina.
Todo o conteúdo programático visa “filtrar” as inúmeras heresias que hoje se
apresentam em forma de verdade inquestionável levando a muitos a se afastarem e a
esfriarem o amor de em seus corações.
Os assuntos foram selecionados a partir das verdades bíblicas que todos os
cristãos não podem deixar de ter conhecimento, para seu próprio fortalecimento
espiritual e para está pronto a gozar do cumprimento das promessas que Deus tem
para cada um que está de contínuo em sua presença.
O conhecimento doutrinário da Bíblia não deve ser apenas sequencialmente
lógico, mas deve ser repassado aos membros, aplicando-o frente às situações-
problema da membrezia, incitando-os a buscarem a Deus, com temas geradores de
mudanças, colocados como importantes, mas sem impor mudanças nos corações,
pois o próprio Espírito é quem convencerá.
Os conteúdos culturais bíblicos devem ser incorporados pela membrezia, frente
às suas dificuldades, onde cada pessoa tem o livre-arbítrio para evangelizar e tratar
almas.
O alicerce principal está vislumbrado nas Escrituras Sagradas, pela exegese de
textos, além da inclusão de diversos temas transversais de conhecimentos na área de
psicologia, sociologia, antropologia, filosofia, pedagogia e história, que se fazem
necessários ao longo do desenvolvimento de cada uma das apostilas.
Serão formuladas inicialmente 10 apostilas em seqüência, envolvendo os temas
a seguir descritos:
1ª. FASE LITERÁRIA DO PROJETO:
1- Teologia Sistemática
(Conhecimento geral dos pilares bíblicos e teológicos que levam o cristão a se
familiarizar com a sua nova vida e com aquilo que Deus tem e é para cada um);

2 – Reino de Deus
(Conhecimento sobre Israel e Igreja temporal, pessoal, teológica e espiritual,
bem como, discussão sobre a realidade do Reino de Deus hoje entre nós e sua
concretização nos dias porvir através do cumprimento total daquilo que está escrito na
Palavra de Deus);

3 – Ressurreição e Imortalidade
(Conhecimento e estudo sobre a morte (tanatologia), seus tipos, suas
ocorrências e suas formas, bem como a ressurreição seus tipos e formas e também
conhecimento sobre a imortalidade, onde a gozaremos o que fazer para tê-la e
preservá-la como Cristão que necessita da comunhão com o Senhor Deus e seu filho
Jesus Cristo);

4 - Princípios Cristãos
(trata-se de um estudo abrangente sobre tudo aquilo que deve está presente no
testemunho de um cristão verdadeiro que adora o Pai em Espírito e em verdade,
fazendo uma viagem através das atitudes e virtudes cristãs);

5 – Propósitos e Providências de Deus


(Procuramos entender a vida Cristã a partir da visão de Deus em que Ele tem
um propósito para todas as coisas que acontecem na terra e que estão sob seu
controle, analisando também a ação mantenedora e providencial de Deus na vida de
todas as suas criaturas, bem como daqueles que se submetem ao seu amor,

www.discipuladosemfronteiras.com/contato.php 2

     
!#"%$'&("*)(+ ,-).&0/(1 21+(
procurando conhecer e entender a escatologia bíblica (profecias para os últimos dias)
numa vertente política-internacional);

6 – Liderança Bíblica
(Apresenta a liderança Cristã a partir daquilo que foi vivido e ensinado pelo
Senhor Jesus Cristo e pelos apóstolos para que sob a orientação do Espírito Santo
possamos conduzir o rebanho do Senhor as pastagens verdes, abrangendo toda a
visão do Discipulado Sem Fronteiras);

7 - História da Igreja
(Procurar conhecer todo o desenvolvimento da Igreja histórica com seus erros e
acertos de uma forma abrangente e generalizada para entendermos os fenômenos
que estamos passando hoje em dia, diferenciando cultura, história e doutrina);

8 – Apologética - Doutrinas anti-bíblicas (Trabalho apologético, de defesa da


fé Cristã com vistas a refletirmos sobre o atual pluralismo religioso passando sob o
crivo das Escrituras Sagradas, porém sem formular simples conceitos de “Seitas e
Heresias);

9 – Aconselhamento Pastoral
(Procuraremos discutir e entender temas atuais diversos a luz da ética Cristã.);

10 – Bibliologia Sistemática Exaustiva


(Estudo aprofundado da Bíblia Sagrada livro por livro do Antigo e Novo
Testamentos).

www.discipuladosemfronteiras.com/contato.php 3