Você está na página 1de 22

Plano de

Estratégias
Anos Finais do
Ensino Fundamental
De acordo com a norma expedida pela Secretaria
de Estado da Educação e da Ciência e Tecnologia
da Paraíba, que dispõe sobre a adoção do regime
especial de ensino, como medida preventiva
à disseminação da COVID-19, e levando em
consideração o Artigo 3º da mesma Portaria, segue
Plano de Estratégias Pedagógicas Articuladas que
deve ser seguido por todas as escolas da Rede
Estadual de Ensino.
Este documento constitui-se de um plano
A
cujas estratégias servirão de guia na orientação
das escolas para o planejamento das atividades
complementares que devem ser desenvolvidas pelos
docentes e acompanhadas pela equipe gestora
escolar.
O planejamento das atividades complementares
deve seguir a agenda pré-estabelecida pela SEECT
tendo o docente liberdade para escolher quais
instrumentos, estratégias e metodologias adotar
para o cumprimento dos Eixos Norteadores
propostos.
O desenvolvimento dos temas propostos
semanalmente é de responsabilidade de todos os
professores e sua atuação deve ser distribuída de
forma proporcional pela equipe gestora escolar.
Eixos Norteadores – AGENDA:

Semana Eixo Temas

Estudo Orientado, Nivelamento, Projeto


Identidade e
1ª Semana de Vida, Cidadania, Direitos Humanos,
Autonomia
Autocuidado, Cultura.

Natureza e Sustentabilidade, Estudo orientado,


2ª Semana
Sociedade Nivelamento

Higiene Pessoal, Sexualidade, Estudo


3ª Semana Saúde orientado, Nivelamento

Economia Doméstica, Orçamento


4ª Semana Economia Doméstico, Consumismo, Estudo
Orientado, Nivelamento
EIXOS NORTEADORES X ORGANIZAÇÃO SEMANAL
Semana SEGUNDA TERÇA QUARTA QUINTA SEXTA

1ª Semana
ÁREA DE ESTUDOS E ÁREA DE ESTUDOS E ÁREA DE
Identidade e LINGUAGENS ATIVIDADES HUMANAS ATIVIDADES EXATAS
Autonomia

2ª Semana ÁREA DE ESTUDOS E ÁREA DE ESTUDOS E ÁREA DE


Natureza e LINGUAGENS ATIVIDADES HUMANAS ATIVIDADES EXATAS
Sociedade

3ª Semana ÁREA DE ESTUDOS E ÁREA DE ESTUDOS E ÁREA DE


Saúde LINGUAGENS ATIVIDADES HUMANAS ATIVIDADES EXATAS

4ª Semana ÁREA DE ESTUDOS E ÁREA DE ESTUDOS E ÁREA DE


Economia LINGUAGENS ATIVIDADES HUMANAS ATIVIDADES EXATAS

ATENÇÃO PARA OS SEGUINTES PONTOS

*SEGUNDAS, QUARTAS e SEXTAS: Envio das atividades para os estudantes, e realização de demais ações de acordo com as estratégias da escola.

**TERÇA e QUINTA: Dias destinados para estudos, realização de atividades e envio para a correção do professor.

***As atividades propostas aos estudantes devem ser encaminhadas para correção do professor no máximo até 3 dias após a publicação.

****As atividades, em relação a tamanho e conteúdo, precisam ser condizentes com a atual configuração da proposta de atividades complementares, tendo em vista que o estudante
terá atividades de todas as disciplinas.

*****Cada professor será responsável por elaborar o Programa Estratégico da sua disciplina, tendo em vista as estratégias adotadas pela escola, e os dias da semana que irá
desenvolver as suas atividades.
Etapa de ensino:
Anos Finais:
(6º ao 9º Ano)

Os Anos Finais do Ensino Fundamental poderão Para tanto, o percurso metodológico de


ter acesso às atividades por meio de arquivos elaboração, produção e aplicação dessas atividades
em diferentes formatos (vídeo, áudio, imagem, deve seguir três perspectivas distintas:
texto digital, etc) planejados e produzidos 1) Atividades Complementares;
pelos professores com apoio da gestão escolar
e/ou coordenação pedagógica da escola e 2) Atividades de Revisão e Nivelamento e
disponibilizadas através da Plataforma do Google 3) Desenvolvimento da autonomia estudantil.
for Education, redes sociais, etc. As atividades
serão elaboradas com base nos eixos norteadores
semanais, de acordo com Plano Estratégico
organizado pela equipe escolar.
Semana 1 –
Identidade e
Temas: Estudo Orientado, Nivelamento, Projeto de Vida, Cidadania,
Autonomia Direitos Humanos, Cultura

A educação contemporânea deve ter, como Assim, desenvolver o tema da Identidade é


um de seus objetivos, mediar o conhecimento desenvolver automaticamente o tema da Autonomia,
que os jovens vão adquirindo de si mesmos, sua uma capacidade cada vez mais requerida nas
percepção de si. Através desse conhecimento, será competências do Século em que vivemos e
configurada também a autonomia, compreendida necessária para a transformação social - através de
como a capacidade de utilizar recursos pessoais e um agir responsável - tão almejada pela educação
que disponha no momento, agindo a partir de seu contemporânea
próprio pensamento e valores.
Para se trabalhar com o tema Identidade e o
autocuidado, precisamos sempre contextualizar o
contato que os jovens têm com as pessoas ao seu
redor, a cultura da qual faz parte, os valores pelos

A
quais é educado e o espaço que ocupa, pois tudo
isso reflete na construção de si e no tipo de agir que
desenvolverá no dia a dia.
Objetivos

• Trabalhar a percepção que o estudante tem de si, de seus


valores e do lugar que ocupa no mundo, na escola, no lar;
• Promover o entendimento por parte do estudante do que
constitui o seu próprio espaço e os limites dos espaços dos
demais integrantes da sociedade;
• Garantir ao estudante momentos de orientação para
desenvolvimento do hábito de estudar;
• Proporcionar o desenvolvimento da autonomia e
autoconfiança.
Estratégias
Atividades para criação de cronograma, horário e
estratégias de estudo;
Estabelecer um cronograma para leitura de contos,
fábulas, HQs, gibis, tirinhas cômicas, etc.;
Sugestão de filme relacionado ao desenvolvimento de
Valores;
Atividades que ofereçam a discussão e reflexão sobre
autoconhecimento e respeito ao espaço dos outros;
Fortalecimento de conhecimentos através da revisão de
conteúdos pertinentes.
Semana 2 –
Natureza e
Sociedade Temas: Sustentabilidade, Estudo orientado, nivelamento

No mundo moderno, foi consolidada uma visão objetiva


e fria de que o mundo natural e o mundo social estariam
separados, justificando assim a exploração irrefreada da
natureza pelo homem.
Todavia, mais recentemente ganha força uma visão
de que essas duas partes que compõem o cosmos
são indissociáveis, pois a forma que uma existe afeta
diretamente na outra. Daí temos cada vez mais o uso de
termos como Sustentabilidade, Consciência Ecológica e
Educação Ambiental para solucionar os problemas da
relação entre homem e natureza trazidos pelo Sistema
Capitalista.
Neste contexto, a Educação tem um grande valor, pois
permite aos jovens a construção de uma percepção crítica
do mundo, impulsionando o protagonismo em sujeitos
cada vez mais ativos e com capacidade participativa na
realidade da qual fazem parte, elevando a transformação
social a curto, médio e longo prazo nessa relação entre
homem e natureza, para que possamos contornar a Crise
Ambiental em que vivemos e seus iminentes impactos cada
vez mais graves.
Objetivos

• Orientar a percepção de que Natureza e Sociedade são elementos indissociáveis da


realidade;
• Desenvolver a consciência ecológica;
• Construir caminhos para uma educação ambiental;
• Trazer a importância da sustentabilidade e sua conexão com a noção de
solidariedade.
Estratégias

Ampliar a visão de mundo do estudante para que ele


perceba, em sua localidade, de que forma as ações das
pessoas impactam diretamente no meio ambiente;
Sugestão de filmes, séries e HQs que tenham como temática
os impactos negativos para a sociedade provindos do uso
irresponsável dos recursos naturais;
Indicação de sites para estimular a percepção do termo
“sustentabilidade” assim como do uso sustentável dos
recursos naturais para que não haja impactos negativos a
longo prazo de uma geração para a outra;
Possibilitar, através de uma agenda de estudos, o
entendimento do termo “solidariedade”, não apenas no
seu sentido mais micro (compromisso positivo das pessoas
umas com as outras), mas também uma percepção mais
ampla, isto é, no tipo de laço e conexão que faz com que
todas as pessoas dependem umas das outras na divisão do
trabalho social característico da vida moderna e de como
estamos diretamente ligados também com a natureza.
Semana 3 –
Temas: Hábitos de vida saudável, prevenção contra vírus e bactérias
Saúde através de simples hábitos de higiene

Falar de saúde envolve componentes diversos como a


qualidade da água que se consome e do ar que se respira,
o consumismo desenfreado, os estilos de vida pessoais,
etc. Implica, ainda, na consideração dos aspectos éticos
relacionados ao direito à vida e à saúde, aos direitos e
deveres, às ações e omissões de indivíduos e grupos
sociais, dos serviços privados e do poder público.
A saúde deixa de ser avesso ou imagem complementar
da doença, expressando-se na luta pela ampliação do
uso das potencialidades de cada pessoa e da sociedade,
refletindo sua capacidade de defender a vida e a
vitalidade física, mental e social para a atuação frente às
permanentes transformações pessoais e sociais. Saúde é,
portanto, produto e parte do estilo de vida e das condições
de existência, sendo a vivência do processo saúde/doença
uma forma de representação da inserção humana no
mundo.
Objetivos

• Propiciar a experimentação de atividades de condicionamento físico e perceber as


exigências corporais provocadas por esses exercícios;
• Sugerir a adaptação de diferentes tipos de exercícios físicos às condições disponíveis
no cotidiano do lar;
• Promover a compreensão do mecanismo de respiração e inspiração e sua
contribuição para o bem estar do corpo e da mente;
• Proporcionar atividades de meditação e reflexão que contribuam para a
manutenção do equilíbrio entre a mente e o corpo saudáveis.
• Promover atividades de reflexão sobre hábitos de higiene pessoal, cuidados com o
corpo e alimentação saudável.
Estratégias
Revisão de gêneros textuais adaptados à realidade do estudante, o seu atual contexto e a temática
sugerida para a semana;
Utilização de gráficos, tabelas, infográficos recortados de notícias de jornais eletrônicos, telejornais,
jornais digitais, revistas eletrônicas, etc.;
Sessão cinema com filme diretamente relacionado ao tema da semana e proposta de atividade e
roteiro de estudo para discussão;
Demonstração de atividades físicas e brincadeiras adaptadas ao ambiente doméstico utilizando-se
de instrumentos e objetos disponíveis no lar;
Apresentação de atividades com desafios de Higiene e Cuidados com o corpo;
Demonstração de atividades de meditação e controle respiratório;
Discussão e reflexão sobre bem estar pessoal e alimentação saudável.
Semana 4 –
Temas: Economia Doméstica, Orçamento Doméstico, Consumismo,
Economia Estudo Orientado, Nivelamento

A inserção da Educação Financeira nas escolas se


justifica pela necessidade de esclarecer junto aos
estudantes, familiares e equipe escolar a relevância do
desenvolvimento de uma consciência financeira e os
benefícios de se conhecer o universo financeiro e de se
tomar decisões financeiras adequadas. Uma vez que
professores, estudantes e familiares financeiramente
educados são mais autônomos em relação a suas finanças
e menos suscetíveis a dívidas descontroladas, fraudes e
situações comprometedoras que interfiram na qualidade
de vida pessoal e comunitária.
Objetivos

• Utilizar os conceitos e cálculos da matemática financeira para resolver problemas


do cotidiano;
• Ler e interpretar gráficos para tomadas de decisões de cunho financeiro;
• Oferecer informações e orientações que favoreçam a construção de um pensamento
financeiro consistente e o desenvolvimento de comportamentos autônomos e
saudáveis;
• Favorecer formação cidadã e tornar os estudantes capazes de estabelecer
julgamentos, tomar suas próprias decisões e atuar de forma crítica em relação aos
problemas financeiros colocados pela vida em sociedade.
Estratégias
Revisão de gêneros textuais relacionados ao tema proposto para a
semana (Nota fiscal, Conta de Luz, Conta de Água, etc);
Atividades que demonstrem, de forma prática e reflexiva, a contribuição
da Educação Financeira e do uso consciente dos recursos financeiros;
Demonstração de métodos de acompanhamento de finanças (Uso de
calculadora, caderneta de anotações, aplicativos para acompanhamento
de finanças, etc) e revisão de temas de matemática financeira;
Atividades de discussão e reflexão do contexto econômico mundial e o
reflexo na situação financeira individual;
Exercícios de desenvolvimento de criatividade empreendedora;
Discussão sobre orçamento doméstico, dívida e custo de vida levando em
consideração a realidade dos estudantes.
Modelos de
Planejamento
Estratégico
SECRETARIA DE ESTADO DA EDUCAÇÃO
Xª GERÊNCIA REGIONAL DE EDUCAÇÃO
ESCOLA XXX XXX XXX XXX XXX 
 

PLANO ESTRATÉGICO ESCOLAR


 
  AÇÕES PARA ALCANCE DOS ESTUDANTES DE ACORDO COM A REALIDADE DA ESCOLA
 
O que a escola fará para estabelecer contato com o estudante e desenvolver as ações e atividades? 
 
Exemplo: Grupos de Whatsapp com os pais dividido por séries; Uso da Plataforma Google Classroom, etc... 
 
 
 
OBJETIVOS A SEREM ALCANÇADOS A PARTIR DO PLANO DA SEECT
 
  Na 1ª Semana, Eixo 1 (Identidade e Autonomia), trabalhar os seguintes objetivos: Trabalhar a percepção que o estudante tem tem de si, como também o espaço que ele 
  ocupa na sociedade, a cultura na qual se insere e a interação que tem com as outras pessoas, etc... 
 
 
  ESTRATÉGIAS A SEREM DESENVOLVIDAS A PARTIR DO PLANO DA SEECT  COMPONENTE CURRICULAR ANOS/SÉRIES EDUCADORES(AS) PRAZO
    Português  1, 2 e 3 EM  Xxxxx e xxxxx  xx/xx/2020 
  Selecionar,  a  partir  da  realidade,  possibilidades  e  necessidades  da  instituição  e         
  de seus estudantes, quais as estratégias do Plano Estratégico da SEECT (dentro 
  do Eixo a ser trabalhado na semana) serão desenvolvidas pela escola.         
  Por exemplo: 
       
    
Na  1ª  Semana,  Eixo  1  (Identidade  e  Autonomia),  em  uma  escola  de  Ensino         
Médio, serão desenvolvidas as seguintes estratégias: 
 Reflexão  sobre  a  importância  da  democracia  e  como  praticamos         
cotidianamente a cidadania;         
 Percepção,  a  partir  de  seriados,  filmes  e/ou  novelas,  das  diferenças 
culturais entre seu lugar de origem e os lugares retratados na ficção;         
 Percepção  dos  direitos  humanos  fundamentais  que  o  jovem  possui  e 
       
quais  as  políticas  públicas  que  estão  sendo  desenvolvidas  em  seu 
bairro/comunidade/cidade para atender a esses direitos;         
Na 2ª Semana, Eixo 2 (Natureza e Sociedade), etc... 
 Estratégias...         
         
Essas  estratégias  serão  desdobradas  em  iniciativas  e  atividades  por  parte  dos 
professores, levando em consideração as ações que a escola desenvolverá para         
alcança‐los durante a quarentena.         
SECRETARIA DE ESTADO DA EDUCAÇÃO
ª GERÊNCIA REGIONAL DE EDUCAÇÃO
ESCOLA  
 

PLANO ESTRATÉGICO ESCOLAR


 
  AÇÕES PARA ALCANCE DOS ESTUDANTES DE ACORDO COM A REALIDADE DA ESCOLA
 
O que a escola fará para estabelecer contato com o estudante e desenvolver as ações e atividades? 
 
Exemplo: Grupos de Whatsapp com os pais dividido por séries; Uso da Plataforma Google Classroom, etc... 
 
 
 
OBJETIVOS A SEREM ALCANÇADOS A PARTIR DO PLANO DA SEECT
 
  Na 1ª Semana, Eixo 1 (Identidade e Autonomia), trabalhar os seguintes objetivos: Trabalhar a percepção que o estudante tem tem de si, como também o espaço que ele 
  ocupa na sociedade, a cultura na qual se insere e a interação que tem com as outras pessoas, etc... 
 
 
  ESTRATÉGIAS A SEREM DESENVOLVIDAS A PARTIR DO PLANO DA SEECT  COMPONENTE CURRICULAR ANOS/SÉRIES EDUCADORES(AS) PRAZO
           
  Selecionar,  a  partir  da  realidade,  possibilidades  e  necessidades  da  instituição  e         
  de seus estudantes, quais as estratégias do Plano Estratégico da SEECT (dentro 
  do Eixo a ser trabalhado na semana) serão desenvolvidas pela escola.         
  Por exemplo: 
       
    
Na  1ª  Semana,  Eixo  1  (Identidade  e  Autonomia),  em  uma  escola  de  Ensino         
Médio, serão desenvolvidas as seguintes estratégias: 
 Reflexão  sobre  a  importância  da  democracia  e  como  praticamos         
cotidianamente a cidadania;         
 Percepção,  a  partir  de  seriados,  filmes  e/ou  novelas,  das  diferenças 
culturais entre seu lugar de origem e os lugares retratados na ficção;         
 Percepção  dos  direitos  humanos  fundamentais  que  o  jovem  possui  e 
       
quais  as  políticas  públicas  que  estão  sendo  desenvolvidas  em  seu 
bairro/comunidade/cidade para atender a esses direitos;         
Na 2ª Semana, Eixo 2 (Natureza e Sociedade), etc... 
 Estratégias...         
         
Essas  estratégias  serão  desdobradas  em  iniciativas  e  atividades  por  parte  dos 
professores, levando em consideração as ações que a escola desenvolverá para         
alcança‐los durante a quarentena.         
SECRETARIA DE ESTADO DA EDUCAÇÃO
ª GERÊNCIA REGIONAL DE EDUCAÇÃO
ECI  
 
PROGRAMA ESTRATÉGICO – ª SEMANA
Escola
 
  PROFESSOR DISCIPLINA EIXO NORTEADOR
 
 
 
APRESENTAÇÃO DO EIXO NA DISCIPLINA
 
 
 
 
 
  HABILIDADES DA BNCC 
   
 
 
 
 
 
 
OBJETIVO CONTEÚDOS
 
 
 
 
 
 
 
  ESTRÁTEGIAS 
   
   
   
   
   
 
 
 
 
 
 
 
  REFERÊNCIAS PARA O ESTUDANTE ATIVIDADES E DATAS PARA ENVIO
 
  ATIVIDADES DATA DE ENIVO