Você está na página 1de 3

OAB 1ª FASE REVISÃO GERAL

COM RESOLUÇÃO DE QUESTÕES


Disciplina: Ética Profissional
Prof. Marco Antonio
Análise referente ao artigo 8° do Estatuto da Advocacia.
Requisitos para Inscrição:
I - capacidade civil; (MAIORIDADE E SANIDADE)
II - diploma ou certidão de graduação em direito, obtido em instituição de ensino oficialmente
autorizada e credenciada;
III - título de eleitor e quitação do serviço militar, se brasileiro;
IV - aprovação em Exame de Ordem;
V - não exercer atividade incompatível com a advocacia;
VI - idoneidade moral;
VII - prestar compromisso perante o conselho.

Inscrição suplementar – aqueles que advogam mais de 5 causas por ano em outro estado;
necessário tal inscrição. O advogado pode ter quantas inscrições suplementares puder suportar, pois
cada uma delas requer nova anuidade, mas não se faz necessário prova de ordem.

Cancelamento – interrupção definitiva da inscrição;


Hipóteses:
1. à pedido do advogado;
2. exclusão (pena);
3. falecimento;
4. Quando o advogado passa a exercer de forma definitiva atividade incompatível com a advocacia;
5. Perda de qualquer dos requisitos da inscrição.

Licenciamento – interrupção temporária da inscrição


Suspensão é pena; continua pagando anuidade e não advoga;
Licenciamento é benefício; não paga anuidade e não advoga;
Hipóteses de licenciamento:
1. pedido justificado do advogado;
2. advogado passa a exercer de forma temporária atividade incompatível com a advocacia;
3. doença mental curável.

Estagiário
Não pode publicidade, apenas cartão de visitas;
Não pode honorários;
Não pode ter sociedade de advocacia;
Não pode praticar atividades da advocacia, só se acompanhado de advogado e sob sua
responsabilidade;

Pode fazer isoladamente:


Obter certidões junto aos cartórios;
Assinar petição de juntada em processos administrativos ou judiciais;
Reuniões extra judiciais;

Prazo de validade da inscrição do estagiário


3 anos. Válido por 2 anos prorrogáveis por mais 1 ano.
Pode ter 3 inscrições na OAB, podendo ser estagiário por 9 anos.

Sociedade de Advogado
Conceito: União de 2 ou mais advogados/ para a formação de uma pessoa jurídica;
O sócio remanescente tem 180 dias para indicar novo sócio;
Estagiário não pode ser sócio;
Exclusiva de advogados;
Atividade de advocacia;
Inscrição da sociedade – inscrição na seccional onde ela tenha sede;

-1–
OAB 1ª FASE REVISÃO GERAL
COM RESOLUÇÃO DE QUESTÕES
Disciplina: Ética Profissional
Prof. Marco Antonio
Quando adquire personalidade jurídica – quando tiver registro de seus estatutos/ contrato social no
conselho seccional da OAB;

Formação do nome da sociedade


O nome se forma com o nome de um dos sócios + uma das expressões chaves:
• Advogados associados;
• Consultoria jurídica;
• Sociedade de advogados;
• Escritório de advocacia;
Sociedade de fato é aquela que não esta devidamente registrada, cometendo INFRAÇÃO DISCIPLINAR.
Nome fantasia – não é permitido/ proibido;
Nome do sócio falecido – só pode se ele já tinha autorizado no contrato social, ainda que a família
(espólio) autorize e conste em testamento;
Procuração é outorgada apenas para pessoa física ainda que seja uma sociedade e conste o nome da
pessoa jurídica;
Sócios da mesma sociedade - não podem advogar para clientes de interesses opostos sob pena de
TERGIVERSAÇÃO (PATROCÍNIO INFIEL);
Sucessão – os herdeiros recebem no valor dos limites da sua sociedade, o filho ainda que seja
advogado não poderá ocupar o lugar do pai.

Honorários Advocatícios
Contra prestação paga ao advogado pelos serviços judiciais ou extra - judicial por ele prestado.
Honorários convencionados – pactuados/ contrato escrito. Para se cobrar tal honorário por ação de
execução/ autônoma/ nos próprios autos/ execução coletiva ex: liquidação judicial, insolvência civil.
Não se pode penhorar créditos advocatícios pois tem natureza jurídica alimentar.
Honorários arbitrados judicialmente – o juiz é quem fixa os honorários. Nomeia-se perito para fazer
uma análise baseado na tabela mínima.
Honorários sucumbenciais – a parte perdedora paga honorários sucumbenciais ao advogado da parte
vencedora. O valor da sucumbências varia entre 10 e 20% do valor da condenação. Caso a condenação
não tenha valor ex: obrigação de dar coisa certa. O juiz fixa de acordo com o bom senso dele
utilizando como parâmetro a tabela da OAB. Súmula do STJ diz que não pode fixar sucumbência
pautada em salário mínimo.
Se há sucumbência recíproca cada parte arca com seu ônus.

Clausula cota litis – o honorário recebe em pecúnia, salvo comprovar 4 requisitos cumulativos:
- contrato escrito;
- declaração do cliente dizendo que não tem como pagar honorários em dinheiro;
- a cota do advogado deve ser menor que a cota do cliente;
- advogado adianta pagamento das custas e no final é reembolsado.

Ad êxito – contrato de risco. Se o cliente ganha ele paga e se não ganha não paga.

Prescrição – 5 anos a partir de 5 momentos.


-vencimento do contrato;
- transito em julgado da sentença fixado os honorários;
- ultimação do serviço extra judicial;
- desistência da ação;
- renúncia ou revogação.

Impedimento
Funcionários públicos contra a fazenda pública que os remunere. Se manda é incompatível se não
manda é impedido;
Membros do poder legislativo não poderá advogar contra ou a favor do serviço público em geral. Se
esta na mesa é incompatível e se não esta é impedido contra ou a favor de todo serviço público.
Professor de direito de universidade pública – EXCEÇÃO não é impedido, pode advogar (art. 30§ único)

-2–
OAB 1ª FASE REVISÃO GERAL
COM RESOLUÇÃO DE QUESTÕES
Disciplina: Ética Profissional
Prof. Marco Antonio
Diretor de direito de universidade pública – também poderá advogar (art. 28° §II)
OBS: onde estiver escrito a palavra “contra” é IMPEDIMENTO

Julga o processo disciplinar o TED de onde o fato acontecer, e quem aplica a pena é o conselho
seccional da inscrição principal.
O TED pertence ao conselho seccional.
Infração praticada contra conselho federal é o próprio conselho federal que julga o processo.
Se o presidente do conselho seccional é julgado pelo presidente do conselho federal.
Suspensão preventiva (art.70° §3° do EA) – para aplicar a pena tem que ter processo. Mas pode
aplicar antes, caso o advogado cometa algo muito sério e de repercussão negativa a dignidade
da advocacia. Trata-se de pena cautelar, aplicada a infração. O TED do conselho seccional da
inscrição principal será competente para aplicar a suspensão preventiva e julgar o processo disciplinar
nesta hipótese.
Requisito: notificar o acusado para que compareça a uma seção especial no TED.
Julgar o processo disciplinar no prazo máximo de 90 dias.
Prazo: via de regra os prazos são de 15 dias.
Processo disciplinar se instaura:
De ofício
Representação do interessado
Representação de qualquer autoridade

GABARITO
03. C
08. C
09. C
10. B
02. C
06. B
07. C
09. C
96. C
98. C
100. D
4. B
5. B
93. B
1. B
2. C
PROCESSO DISCIPLINAR E RECURSOS NA OAB. C
38. A
07. D
10. D

-3–