Você está na página 1de 8

Universidade Federal do Maranhão

Centro de ciências exatas e tecnologia


Engenharia Química

Luís Felipe Ferreira Coutinho

Relação entre conhecimento científico e popular

São Luís-MA
2021
Luís Felipe Ferreira Coutinho

Relação entre Conhecimento científico e popular

Trabalho apresentado ao curso de


Engenharia Química da Universidade
Federal do Maranhão, a fim de obter
nota na disciplina de metodologia
cientifica.

São Luís-MA
2021
Sumario

Introdução.............................................................................................3
Desenvolvimento...................................................................................4
Conclusão...............................................................................................5
Referencias...............................................................................................6
Introdução
Segundo KÜSTER (2019) os saberes populares variam de acordo com a
realidade da região, as crenças, costumes e origens. As comunidades
apresentam, de forma isolada, conhecimentos que são desconhecidos por
outras comunidades.
Segundo TERRA (2009) os Segundos Analíticos podem ser lidos como uma
resposta à aporia de Mênon na medida em que tal obra procura estabelecer
que, em relação a um determinado assunto, podemos ter diferentes graus de
exatidão de conhecimento e que, na medida em que temos diferentes graus de
exatidão a respeito de uma mesma coisa, podemos, partindo de um
conhecimento apenas preliminar, vir a conhecê-la cientificamente; ou seja,
Aristóteles defende que nosso conhecimento prévio, ainda que preliminar e
vago, é suficiente para que possamos avançar em nossa investigação e para
que possamos reconhecer, ao final desse processo inquisitivo, se descobrimos
realmente aquilo que estávamos buscando vir a conhecer cientificamente.
Segundo KÜSTER (2019) os processos de obtenção de informações que levam
à formação da cultura científica dos sujeitos têm origem ainda na infância, na
relação desses sujeitos com o grupo familiar e outros grupos sociais. As
práticas sociais cotidianas e a necessidade de desenvolver mecanismos de luta
pela sobrevivência formam saberes diferentes em cada comunidade.
O conhecimento científico por diversas vezes nasce do conhecimento popular,
apesar de terem processos de construção deferentes, compartilham da mesma
finalidade.

3
Pode-se relacionar o conhecimento científico e popular por meio do mito da
caverna de Platão. Tudo que o Homem aprisionado na caverna sabia do
mundo era por meio das sombras que projetavam-se na parede, deste modo o
conhecimento do mundo era muito limitado, e tendia a interpretações erradas
da realidade. Quando fora da caverna, uma variedade de informações e
estímulos novos foram descobertos. O conhecimento popular é a caverna e as
correntes, e o conhecimento científico nos leva a deixá-las, já que o
conhecimento popular se baseia basicamente no que os sentidos (olfato,
paladar, tato, visão e audição) do corpo humano podem absorver do ambiente,
este sendo limitado, já a ciência e o conhecimento gerado por ela transcendem
as limitações do corpo humano no que se refere ao entendimento de todas as
coisas.
O conhecimento científico nasce da vontade do Homem de compreender o
mundo e não aceitar de forma passiva sem a devida investigação. É um
conhecimento que traz muito avanço a depender da sociedade que o produze e
da finalidade que é produzido.
O conhecimento popular não faz necessária uma investigação profunda para
aceitar algo como factual. Conhecimento perpetuado de forma oral, passa de
geração em geração sofrendo modificações com o tempo, além de modificar-se
a depender do local, sofrendo uma mudança geográfica.
O conhecimento empírico pode transformar-se em cientifico, uma vez que
testado utilizando a metodologia da ciência o conhecimento pode ser validado
ou não.
4
Conclusão
Conclui-se que o ambos conhecimentos são importantes para a compressão da
realidade, cada um a seu modo, sendo que o conhecimento popular mostra-se
bem mais antigo que o científico de modo que era um dos conhecimentos que
apresentavam o mundo ao homem, junto ao conhecimento religioso e
mitológico, antes do surgimento da ciência, e o científico por sua vez mostra-se
mais factual e preciso.
5
Referencias
Küster,j. Saberes populares e conhecimento científico: construindo uma
unidade de aprendizagem. Universidade Federal do Rio Grande do Sul,
instituto de ciências básicas da saúde, programa de pós-graduação em
educação em ciências, Química da vida e saúde, Porto Alegre, BR-RS,2019
Disponível em: https://lume.ufrgs.br/handle/10183/196545 acesso em: 13 de
julho de 2021
TERRA,C.A. Conhecimento prévio e conhecimento científico em Aristóteles.
UNICAMPI, Campinas-SP, BR-SP,2009
Disponível em:
http://repositorio.unicamp.br/jspui/bitstream/REPOSIP/280524/1/Terra_CarlosAl
exandre_D.pdf acesso em:13 de julho de 2021
6