Você está na página 1de 68

DR.

ALAIN COURCHESNE
— MESTRE DE REIKI —

Dr. Alain Courchesne


Mestre de Reiki
Curso a distancia de reiki
Secredos e Símbolos Revelados

Agradecimentos

Em especial, gostaria de poder mostrar meu agradecimento: A todos os mestres


que me têm guiado e instruído. A meus filhos Syrile e Arnaud, assim como a
minha esposa Pauline, por ter-se oferecido para posar para este livro. A todos
aqueles que tenham o amor suficiente para compreender e aceitar meus passos.

1
A todos aqueles que, graças a esta obra, poderão utilizar o Reiki para o bem da
humanidade. Saint~Sauveur-des-Monts, a 8 de janeiro de 1998.

Esta obra que tens em mãos não é um livro comum sobre a história do Reiki. Aqui
não se trata de uma simples informação, mas de um curso completo que inclui as
iniciações secretas e os símbolos destinados apenas aos iniciados.

Através de aprendizagem proposta por este curso e, uma vez realizadas todas as
etapas, terás todo o direito de poder considerar-vos um mestre de Reiki e estarás
autorizado a ensinar a outros. Suponho que não fará falta dizer que se você se
conformar em ler este curso e nada mais, aquilo que irá aprender não lhe será
demasiado útil, e os símbolos, por muito poderosos que sejam, não terão a
mesma força que proporcionam as iniciações.

Desde que o ensinamento do Reiki tem sido conservado em segredo desde o


século XIX, antes de tudo gostaria de me justificar pela publicação deste livro e
expor-vos minhas mais profundas intenções.

Bastará simplesmente dizer que algumas escolas de reiki têm difundido uns
modelos bastante diferentes ao redor do mundo. Certas escolas acreditam que se
deve manter o Reiki em segredo a fim de desenvolver uma elite de iniciados;
algumas multiplicam as etapas de aprendizagem para favorecer a correta
assimilação e/ou utilização da energia e, finalmente, outras e limitam ao essencial
e querem que estes ensinamentos se tornem accessíveis ao maior número de
pessoas possível. Esta ultima forma de considerar o Reiki é exatamente a que
defendo e intento levar até suas ultimas conseqüências: revelar o Reiki a todo o
mundo a fim de que cada qual possa utilizar esta energia que lhe pertence.

Posto que o Reiki é a utilização de uma força cósmica de cura, a que também
podemos chamar de *amor incondicional*, o dinheiro não deveria constituir um
fator limitante. Eis aqui alguns exemplos de preços exigidos aos estudantes de
Reiki:

NÍVEL I: entre US$ 100 e US$200


NÍVEL II: entre US$ 200 e US$ 500
NÍVEL III: entre US$ 700 e US$1000
NÍVEL IV: entre US$1.000 e US$ 10.000
Outros Níveis: ?

Diante destas cifras, podemos compreender facilmente porque alguns não podem
difundir o Reiki e outros querem fazer isto. Inclusive os defensores da expansão
do Reiki em Quebec exigem um mínimo de US$ 2.000 (nem todos, felizmente)
para introduzir uma pessoa ao nível de mestre.

Por esta razão, nosso desejo é acabar com esta comercialização do amor e da
energia oferecendo este curso completo a um preço realmente accessível.

2
Não digo que depender de um mestre seja algo inútil ou negativo, pelo contrário.
De fato, este livro está dirigido a todos aqueles que se sentem capazes de seguir
seu próprio caminho, sob minha vigilância pessoal. Assim, pois, a partir deste
momento, aceito converter-me em vosso mestre de Reiki. Embora o curso seja
destinado a estudantes, é possível que outros mestres o utilizem para suas
próprias iniciações.

Animado pelo desejo sincero de que o ensinamento do Reiki possa ser accessível
a todo o mundo, me considero no dever de acabar com uma antiga tradição
elitista, apesar de saber que haverão muitos que não estarão em absoluto de
acordo com minha decisão. Assim, este livro é dirigido a todos aqueles que
queiram utilizar a energia cósmica para ajudar-se mutuamente. Esta energia é
algo que pertence a todos e seu acesso não deveria ser limitado nem pelas
escolas nem pelo dinheiro.

Aproveita bem seus estudos e não hesite em fechar freqüentemente seu livro a fim
de poder assimilar os conhecimentos ou as técnicas e praticá-las. De fato,
algumas pessoas demoram vários meses para passar ao nível de mestre,
enquanto outras apenas demoram uns poucos dias. O importante é que avanceis
em seu próprio ritmo, que assimileis bem todas as etapas e que sigas
corretamente todas as indicações.

O REIKI
O Reiki é um sistema de cura japonês. Se desejar aprofundar-se em vossos
conhecimentos, na bibliografia que aparece no final do livro se indicam os nomes
de excelentes livros sobre a história do Reiki e sobre a energia em geral.

O sistema de cura do reiki foi redescoberto no século XIX por um monge cristão
de Kyoto, o Dr. Mikao Usui. Por meio de uma grande e profunda investigação, o
doutor Usui localizou as pistas destes símbolos de cura no Corão e na Bíblia. Sem
embargo, em nenhuma parte se especificavam estes símbolos, nem sequer como
chegar a encontra-los. Em todas as tradições mencionam-se profetas que curam
com as mãos como, por exemplo,Cristo, porém, nunca se especificou como utilizar
esta ciência secreta.

O doutor Usui, depois de uma grande busca e por haver praticado o jejum durante
muito tempo, através de uma iluminação, recebeu estes símbolos secretos assim
como as posições das mãos, de tal forma que, com freqüência, ao Reiki também
se chama de Usui Healing System. Com efeito, Rei significa cósmico e Ki significa
força. Embora esta tradução possa parecer algo limitada, ao mesmo tempo
também é muito exata.

3
Originalidade do Reiki
A não ser em seu aspecto iniciático, o Reiki não é original, posto que se trata de
uma energia. De fato, não se trata apenas de um toque terapêutico (intuitivo ou
aprendido), mas sim um potencial energético recebido durante as iniciações
realizadas pelo mestre de Reiki. Com efeito, o terapeuta de Reiki aprende a
converter-se em um bom canal de energia e as iniciações servem para poder abrir
seus chacras ao máximo.

Os chacras são regiões do corpo humano nas quais se localiza uma grande
concentração de energia. Aos chacras também se denomina plexo, ou ponto de
encontro de numerosas terminações nervosas. Estes centros de energia podem
desenvolver-se ou abrir-se para captar uma energia maior. Por regra geral, quanto
mais abertos ou desenvolvidos estejam nossos chacras, mais aptidões teremos
para poder receber e transmitir esta energia de tipo reiki. Assim, nosso corpo
vibrará com mais harmonia.

Existem vários métodos para harmonizar e desenvolver os chacras: o Reiki é um


excelente.

Embora o corpo possua vários chacras ou centros de energia, aqui, os que nos
afetam diretamente são os das mãos (centro das palmas), assim como os sete
principais (observa a foto que aparece em seguida para poder localiza-los com
mais facilidade).

Conforme o iniciado vá superando os diferentes graus iniciáticos, também irá


descobrindo novos valores e meios privilegiados para poder ajudar a seus
semelhantes. Um toque de Reiki sempre possui algo especial: pode ser instintivo
ou aprendido, mas sempre possui uma qualidade vibratória superior a qualquer
outro toque, quer seja terapêutico ou não.

Não continuarei insistindo sobre o aspecto iniciático, pois você vai receber sete
iniciações e será capaz de constatar o antes e o depois por si mesmo.

4
Os Níveis do Reiki
O número de níveis do Reiki pode variar dependendo das escolas e serve para
graduar a aprendizagem. Eis aquí os níveis que deverás completar:

NÍVEL I
Introdução ao Reiki
Aprendizagem das posições de tratamento
Prática do tratamento
Quatro iniciações

NÍVEL II:
Transmitir energia e tratar à distância, técnica do Reiki-Mental (duas posições) três
símbolos, uma iniciação.

NÍVEL III:
método para interrogar a memória total
um símbolo
uma iniciação
chaves para poder iniciar aos niveis I e II
técnica da armonização

NÍVEL IV:
um símbolo
uma iniciação(mestre)
chaves para poder iniciar aos níveis III e IV (mestre) método rápido para entrar em
contacto com o outro.

Através deste progresso, o ser evolui e se transforma. Não me cansarei de


aconselhar-vos para que gastem tempo suficiente para assimilar os ensinamentos
que lhe proporciono e que respeite as etapas que proponho. Em cada nível,
aproveite bem as experiências, leva até o fim vosso ritual iniciático e assimile
estes conhecimentos durante alguns dias, como se requer, antes de decidir-vos a

5
passar ao nível seguinte. Vos recordo que este livro não é nenhuma novela, nem
um tratado de conhecimentos. Trata-se de um verdadeiro caminho iniciático que
os conduzirá ao nível de mestre de Reiki.

Os acolho no nível I e estarei junto a você até que chegueis à meta de vosso
caminho.

NÍVEL I
Eis aqui minha linhagem de Reiki:

Dr. MIKADO Usui


Dr. CHUJIRO HAYASHI
HAWAYO TAKATA
Dr. ARTHUR ROBERTSON
Dr. ROGER FOISY
GLSÉLE PLASSE
FIERRE VÉROT
Dr. ALAIN COURCHESNE

Esta linhagem de transmissão de Reiki me situa no oitavo posto e este é o lugar


em que desejo estar, já que esta vibração numérica me resulta tão de acordo
como o número quatro.

Poderia ter escolhido situar-me no sexto lugar, mas preferi optar pelo que ocupo
atualmente, o que vos coloca na posição número nove, quer dizer, a do círculo e
do novo começo.

Para falar um pouco sobre a história do Reiki, poderia dizer que Hawayo Takata
foi a iniciadora de todos os ensinamentos do Reiki no Ocidente. Ela iniciou 22
mestres (alguns afirmam que 21) e morreu em 1979 sem transmitir seus poderes
de Grande Mestra a ninguém.

Posição de Preparação para o Reiki


Antes de tudo, é aconselhável seguir as seguintes regras do pensamento Reiki
para cada dia:

RECONHECIMENTO
HONESTIDADE
RESPEITO
LIBERDADE

6
PAZ

O mero ato de seguir estas regras nos situa em uma esfera de vibração apta tanto
para receber como para transmitir a energia Reiki, a qual deveria ter-nos sido
amplamente facilitada a partir da abertura do Portal 11: 11, no dia 11 de janeiro de
1992, às 11 horas.
___________
1. É provável que os tibetanos utilizassem o Reiki muito antes do Dr. Usui tê-lo
redescoberto.

2. Agora, a abertura desta porta psíquica nos permite subir desde a dimensão sete
até a onze, enquanto que nossas possibilidades anteriores limitavam o acesso da
primeira até a 6.
____________

Sem embargo, ao entrar em contato com outras pessoas, alguns poderiam temer
receber uma certa quantidade de energia negativa, assim como poder cegar a
sentir-se esvaziados de sua própria energia pelo cliente. Com efeito, esta
possibilidade é muito pouco freqüente pois que doar Reiki não diminui nossa
energia, pelo contrário. Na realidade, quanto mais nos oferecemos como canal de
Reiki, mais nos recarregamos de energia e mais protegidos estamos contra a
recepção de energia negativa provocada pelo contato com os demais.

Cada mestre possui seu próprio método, pois existem mais de um. Simplesmente,
basta compreender que a energia Reiki nos atravessa, nos protege e ajuda a
pessoa a que queremos ajudar. Uma vez que a energia sai fora de nosso corpo
para chegar até o outro,não retornará para nós, mas regressa ao lugar de onde
procede. Este é o motivo pelo qual resulta tão difícil receber o negativo de outros.

Porém, seja como for, para aqueles que desejariam não correr nenhum risco, eis
aqui um método de preparação e proteção:

1. Fique em pé;
2. Coloque suas mãos defronte a si, com as palmas situadas para cima, como na
foto «Posição de Preparação»;
3. Deche os olhos e espere receber algo em suas mãos;
4. Cerre as mãos e deixe-se invadir por esta força que habitará em vós e vos
protegerá
5. Comece o tratamento tocando a outra pessoa.

7
POSIÇÃO DE PREPARAÇÃO

Dar Reiki
O estado de ânimo que se deve adotar na hora de começar um tratamento é
verdadeiramente primordial. Sobretudo, deve-se evitar a todo custo querer curar
ou intentar dirigir a energia.

No momento em que se força o Reiki, com efeito, a única coisa que fazemos é
transmitir nossa própria energia. Se formos incapazes de não querer, é melhor
proteger-se. Deve-se dar Reiki, e não Alam-ki, como aconteceu comigo algumas
vezes.

Alguns terapeutas simplesmente se preparam esfregando ambas as mãos com o


intuito de carrega-las com uma certa energia de calor mas, com franqueza, eu
prefiro o método que indiquei pois, haja ou não calor, este não tem nada a ver com
a cura.

Na realidade, a energia que cura é bem mais fria.

E, da mesma forma, também devo preveni-los contra a espera de um sinal que


demonstre que o Reiki funciona. Com efeito, pode acontecer que o cliente não
sinta absolutamente nada e que o terapeuta também nada sinta. Por regra geral,
se aconselha a não converter em algo demasiado místico o feito de dar Reiki. A
maioria das pessoas, no mínimo, estão acostumadas a sentir um pouco de calor,
outras vêem cores, outras choram de alegria e, outras, sentem tremores ou
cócegas nas mãos, etc. Porém, cheguemos ou não a experimentar qualquer

8
sensação, a energia Reiki passa por nós de qualquer forma, tanto se acreditamos
nela ou não.

Já vi alguns terapeutas trabalharem sobre um cliente enquanto explicavam para


ele como haviam passado o final de semana, sem preocupar-se nada com os
gestos que estavam fazendo.

Não é uma questão de concentração: vais receber uma força, através da iniciação,
que poderás transmitir. Não há nenhuma necessidade de rezar ou invocar a quem
quer que seja antes de dar Reiki. O ato de vincular esta energia a alguém, quer se
trate de um mestre desaparecido ou um mestre vivo, é um fator limitativo. Assim,
nada de rituais especiais nem mistificações!

A única coisa que se deve fazer é preparar-se um pouco para receber a fim de dar
melhor. Não nos esqueçamos do que é o Reiki:

FORMA 1 FORMA 2

Reí (re)

Espírito
alma
essência

Ki
(ki)

força
poder
energia

9
Posição – Reiki
A primeira posição que se deve conhecer é a das mãos que, a partir de agora,
denominarei «posição-Reiki».
Todos os dedos devem estar juntos, assim como o polegar, para que a mão forme
uma linha curva. A mão deve colocar-se como se a depositássemos sobre uma
massa oblonga, enquanto apertamos os dedos e o polegar. Se olhar de novo a
foto Posição-Reiki, compreenderá exatamente o que acabo de explicar.

POSIÇÃO - REIKI

Auto-Reiki
Agora que já sabes como preparar-se, e como colocar suas mãos, podemos iniciar
a aprendizagem dos primeiros gestos terapêuticos: os do Auto-Reiki.

Existem 13 gestos precisos para levar a cabo sobre si mesmo, em pontos muito
determinados:

alma
CARA
CORÔA (7° CHACRA OU FONTANELA)
GARGANTA
CORAÇÃO
PLEXO SOLAR
PLEXO SACRO
CHAKRA RAÍZ (SEXO)

10
Alguns destes gestos são relativos à parte frontal do corpo e outros à parte de
trás.

Uma vez que as posições e os gestos são muito mais difíceis de realizar nas
costas, recomendo que primeiro se pratiquem aqueles que são para a parte da
frente do corpo. Estes gestos podem ser praticados cada manhã ou noite, quando
estejamos na cama.

Por regra geral, devemos conceder de três a cinco minutos de atenção por zona,
nunca mais de quinze minutos, pois resultaria totalmente inútil. Também
observarás que as mãos permanecem sempre no mesmo lado do corpo (a mão
esquerda no lado esquerdo e a mão direita no lado direito). Quando falarmos dos
gestos para tratar os outros, especificaremos uma noção de polaridade.

Por enquanto, o que deves fazer é familiarizar-se com os gestos a realizar


enquanto está de pé ou deitados sobre as costas e consultar a série de fotos que
aparecem a seguir para poder pratica-las.

POSIÇÃO DOS OLHOS

11
POSIÇÃO DA CABEÇA

Atrás

Nota: : A foto acima está equivocada (repetida) na edição do livro. As mãos


devem ser colocadas na nuca!!

12
POSIÇÃO NA GARGANTA

POSIÇÃO NO CORAÇÃO frente

13
POSIÇÃO NO CORAÇÃO atrás

POSIÇÃO NO PLEXO SOLAR frente

14
atrás

POSIÇÃO NO PLEXO SACRO


frente

15
Atrás

PLEXO RAIZ

16
POSIÇÃO NOS OMBROS
frente

Atrás

Quando tiver dominado a situação exata das posições e tiver obtido êxito em
alguns dos tratamentos correspondentes às posições do ventre ou face, poderás
adicionar as posições dorsais ou traseiras a fim de completar o auto-tratamento de
Reiki.

Claro que, se preferir, poderá realizar todas as posições imediatamente. O


importante é que inicieis vosso treinamento. Vale mais que aprendas bem
algumas posições do que nada em absoluto.

Tanto no caso do Auto-Reiki como no caso do Reiki destinado a tratar os demais,


você não precisa limitar-se necessariamente às posições básicas, mas poderá

17
também deixar-se guiar por sua intuição. Suas mãos falarão com você, escute-as
e deixe-as trabalhar!

É possível que adiciones varias posições mais sem compreender o porque. Antes
de tudo, deve-se aprender as posições básicas e, depois, completá-las com a
ajuda de vossa intuição.

Durante os primeiros tratamentos, seguramente experimentará estranhas


sensações e notará como vos invade um grande calor; vossos sonhos também
podem melhorar. Não duvide em
purificar-vos o suficiente para dar Reiki de acordo com as posições aprendidas ou
as sentidas. Sejam egoístas; não prejudicarás ninguém e isto vos fará muito
bem...!

Ritual Iniciático
Agora que já dominais vossa primeira técnica, a do Auto-Reiki, deverá começar a
pensar em preparar seus receptores (chacras) e fazer com que sejam capazes de
abrir-se um pouco mais através da iniciação. Nos referimos aqui aos sete chacras
habituais, alem daqueles das mãos.

Para suas duas primeiras iniciações, posto que já chegou o momento, deverá
utilizar o seguinte material e retirar-se para um local tranqüilo e pouco iluminado:

1. Uma vela acesa;


2. Incenso;
3. Um copo de água (se possível de cristal) cheio de água pura.
Apenas deverá memorizar os dois primeiros kanjis, embora aqui eu ensine três.

Um kanji é uma palavra japonesa que serve para indicar um signo de escrita e
uma idéia.

Além disso, esta palavra também se vincula à maneira em que devemos colocar
nossas mãos a fim de que representem uma idéia concreta (para a receptividade,
a súplica, a concentração, etc). Na Índia, se usa a palavra mudra para indicar
estas mesmas posições.

O terceiro kanji lhe servirá bem pessoalmente quando desejar desenvolver sua
intuição ou para obter uma maior compreensão relacionada com algum tratamento
de seu cliente, como veremos na seguinte seção.

18
POSIÇÃO NO PRIMEIRO KANJI (receptividade)

POSIÇÃO NO SEGUNDO KANJI (súplica suave) Posição básica

19
POSIÇÃO NO SEGUNDO KANJI (súplica suave) Posição mais moderna

POSIÇÃO NO SEGUNDO KANJI (súplica suave) Posição universal

20
POSIÇÃO NO TERCEIRO KANJI (concentração)

A fim de que estejas realmente comigo durante estas duas iniciações sucessivas,
eu sugiro que escutes vossa voz interior ao mesmo tempo em que olha minha
foto, a qual aparece no final desta sessão, e eu o impregnarei desta energia.

Feche os olhos após ter assimilado o seguinte:

1- Me manterei de pé diante de você enquanto fica na posição do primeiro kanji e


irei para trás de você passando por sua esquerda. Enquanto toco sua cabeça,
você se coloca na posição do segundo kanji.

2- Voltarei a ficar na sua frente passando por sua direita, tomarei suas mãos entre
as minhas e soprarei sobre você, dirigindo suas mãos até seus joelhos, com as
palmas voltadas para cima.

21
3- Depois, golpearei o chacra ou olho de cada uma de suas mãos, as levantarei
para traçar outros símbolos e soprarei de novo sobre você. Depois, conduzirei
suas mãos até seus joelhos, com as palmas voltadas para baixo.

4- Realizarei duas vezes esta operação (duas iniciações) e, ao final, voltarás a


tomar consciência da vida cotidiana e poderá beber do copo de água e escrever
seu relatório, logo depois de que o tenha abraçado em sinal de acolhimento.

Este relatório é uma relação escrita que deverá enviar-me a fim de que possa
autenticar seus progressos e enviar seu diploma. Este relatório deve descrever
tudo que tenha ocorrido durante a iniciação, incluindo os sentimentos que tenha
tido e as imagens visualizadas.

Não se esqueça de que este momento iniciático é muito especial e com freqüência
vem acompanhado de grandes emoções. Você solicitou um conhecimento
superior e irá recebê-lo.

Durante suas iniciações não estranheis em absoluto se realmente sentir minha


presença, assim como a de outras entidades de luz.

Se for preciso, também poderás consultar os passos a seguir para a iniciação ao


primeiro nível (capítulo Nível III) mas, realmente, prefiro que confie o bastante em
mim para conformar-se com o que acabei de dizer a fim de que possa sintonizar
melhor com a energia cósmica.

Dê Reiki a si mesmo durante 21 dias seguidos depois de vossa iniciação, a fim de


ativar ao máximo a carga energética que tereis recebido.

Agora, deverá sentar-se em uma cadeira, de forma a que possa rodeá-la


livremente e considerai-vos realmente iniciados nos mistérios do Reiki.

22
Vosso mestre de Reiki, Dr. COURCHESNE

O Reiki sobre os outros


Agora já temos superado uma primeira etapa. Guarde seu relatório de iniciação
em um lugar seguro já que, mais adiante, pedirei que o utilize. Por enquanto, e
antes de continuar, gostaria de vos explicar um pouco melhor os kanjis.

Primeiro kanji (receptividade):

Coloque as mãos tal como mostra a ilustração durante uns trinta segundos,
dirigindo sua consciência interna até o centro do Reiki (quatro centímetros abaixo
do umbigo, no plexo sacro), a fim de que seja instruído sobre o lugar em que
colocar as mãos sobre vosso cliente.

Segundo kanji (súplica e gratidão):

23
Posição que deve adotar e conservar enquanto não começa o tratamento. Ao
mesmo tempo, visualiza o foco do Reiki e a luz branca.

Terceiro kanji (intuição):

Deves adotar esta posição e entrar em um profundo relaxamento sempre que


desejar ser instruído sobre as causas e os meios a utilizar para um tratamento.
Com estes novos instrumentos, poderemos iniciar a técnica de tratamento dirigida
aos demais (há 16 posições).

Durante todo o transcurso de um tratamento realizado em outra pessoa, considero


preferível ter em conta a polaridade elemental (mão direita sobre o lado esquerdo
e mão esquerda sobre o lado direito) sempre que seja possível. Naturalmente que
o Reiki está acima da simples polaridade, mas, porque não aumentar ao máximo
nossas possibilidades de êxito?

Consultando a série de fotos que aparecem em seguida, descobrirá a posição


exata do terapeuta, bem como a posição de suas mãos sobre o paciente.
Considero inútil descrever cada uma destas imagens, já que basta olha-las para
entendê-las.

De toda forma devo precisar que, primeiro, o terapeuta se situa em frente à


cabeça do paciente e que, durante o decorrer do tratamento, tanto pode estar
sentado como de pé. Deve-se levar em conta que um tratamento completo dura
entre 50 e 80 minutos, de forma que é preferível que nos instalemos
comodamente.

O tempo de imposição das mãos é o mesmo que para o Auto-Reiki, ou seja, de 3


a 5 minutos em cada região do corpo.

Você deve familiarizar-se com as posições distintas (frontais e dorsais, ou de


frente e verso, se preferir) antes de realizar uma prática completa com alguém de
seu relacionamento.

24
POSIÇÕES DE FRENTE

1-olhos

2. ouvidos

3. Debaixo da nuca

25
4. Ombros

5. coração

.5. variante do coração para as mulheres

(Polegar, indicador e médio agrupados; os demais dedos fechados)

26
6. solar

7. sacro

8. raiz

27
9. Pés (facultativo)

Posições nas Costas (6)


1- Ombros

28
2. Coração

3. solar

4. sacro

29
5. cóccix

6. Joelhos (facultativo)

Iniciações

Uma vez que tenha memorizado todas as posições e já as tenha praticado em


outra pessoa pelo menos uma vez, deves fechar o livro, pois já estareis
preparados para receber outras duas iniciações.

Deverá estar munido com o mesmo material (água, vela, incenso) que utilizou
durante as duas primeiras iniciações e seguir os mesmos passos que durante a
primeira série de iniciações. Minha presença, contudo, será mais forte, não
estranheis isto. Suponho que não fará falta dizer que deves escolher um local
tranqüilo e pouco iluminado

30
Até Breve!

Acabas de ser recebido dentro de uma grande família de Reiki e, a partir de agora,
já poderá começar a ajudar aqueles que te cercam. Guarda teu relatório junto com
o primeiro, recordando que cada pessoa que toques o experimentará de uma
maneira diferente, quer você esteja consciente disso ou não.

Não se esqueça de dar-vos Reiki durante 21 dias seguidos depois de sua sessão
de iniciação, a fim de ativar ao máximo a carga energética recebida.

Devo dizer que alguns terapeutas preferem ocupar-se diretamente da parte


enferma de seu cliente antes de dirigir-se à cabeça, tal como indiquei. Outros
preferem as posições duplas tal como se mostra na foto seguinte. Esta técnica
resulta particularmente prática, sobretudo quando um paciente é tratado por vários
terapeutas simultaneamente; então cada um escolhe um ponto que queira tratar,
bem como o lado do paciente que mais lhe convenha. Não obstante, estas
posições duplas também podem ser utilizadas ao trabalhar-se sozinho.

MODELOS DE POSIÇÃO DUPLA

31
Também devemos indicar que alguns terapeutas preferem conservar a mesma
posição das mãos (a direita na frente) e passam para o outro lado da mesa de
tratamento quando realizam suas posições dorsais; se quisessem, bastaria
colocar sua mão esquerda diante da direita sem necessidade de mudar de lado,
mas...Outros gostam de dar um tratamento com vários terapeutas, encarregando-
se cada um de uma região em particular. Assim se ganha na rapidez do
tratamento e na força energética.

Todo o fenômeno da cura é agora seu patrimônio. Alguns serão verdadeiros


curadores, enquanto que outros simplesmente aliviarão. Alguns podem curar,
outros não! A grande lei do carma (3) jamais deve ser esquecida: ninguém tem o
direito de curar aquele que não deve ser curado.

Não hesite em dar reiki àqueles a quem ama: a si mesmos, a vossa família, às
plantas, aos animais...É melhor dar Reiki durante uns poucos minutos que nada
em absoluto. Este principio resulta muito válido, sobretudo quando não temos
tempo ou quando se trata de uma criança. Pouco importa quais sejam as razões
que motivem um tratamento mais rápido e, nestes casos, sempre resultará
conveniente dirigir-se o mais depressa possível até a zona enferma a fim de tratá-
la (de 3 a 5 minutos, no máximo 15).

_______________
3. Karma: cada ser planifica sua própria evolução a partir dos erros cometidos
durante suas vidas anteriores; não devemos impedir a ninguém que viva aquilo
que escolheu viver, inclusive ainda que isto nos pareça absurdo, a não ser que ele
mesmo nos peça e deseje realmente com todo o conhecimento de seus planos de
existência. Descuidar deste aspecto poderia significar querer carregar todo o peso
que normalmente deveria levar, ou escolhido levar, a outra pessoa.
_______________

32
Uma vez que tenhais realizado alguns tratamentos, completos ou não, estarás
preparado para avançar um passo mais e entrar no nível II. Também deves
recordar a lei de compensação: intercambiai o Reiki, não o dês sem pedir algo em
troca. O intercâmbio favorece o amor!

A lei de compensação nos lembra a recomendação do Dr. Mikado Usui, que


afirma que o Reiki deve ser intercambiado com alguém e que não deve se dar
sem receber nada em troca. De acordo com a experiência do Dr. Usui, aquilo que
se dá de forma gratuita, sem que aquele que recebe tenha que * compensar * de
uma maneira ou outra, possui menos valor. Assim, compensar por aquilo que
recebemos se pode fazer intercambiando algo (não há porque ser
necessariamente dinheiro).

RESUMO DOS CONHECIMENTOS ADQUIRIDOS NO PRIMEIRO NÍVEL

 Posição de preparção para o Reiki


 Posição-Reiki
 13 Posições de Auto-Reiki
 3 kanjis
 15 posições de tratamento de um cliente
 Algumas variações das posições de tratamento
 4 iniciações

AGORA JÁ SOIS CAPAZES:

 De tratar a um cliente de acordo com as técnicas do primeiro nível


 De tratar a si mesmos
 De captar a energia cósmica
 De transmitir a energia cósmica através do tato
 De ser mais eficazes na hora de aliviar a dor daqueles que te cercam

NÍVEL II
Três símbolos

Sejam Bem-Vindos a este novo grau de evolução. Aqui encontrará alguns


símbolos muito poderosos, umas posições simples e uma renovada capacidade.
Este nível é relativamente simples e rápido de explicar, mas requer-se mais poder
e mais trabalho que o primeiro nível.

O primeiro trabalho consiste em aprender a pronunciar e a tratar os três símbolos


seguintes:

33
Choku Reí - (chocu-réi)
Hon Sha Ze Sho Nen - (honn-chá-zé-chô-nen)
Sei He Ki - (séi-hé-ki).

Tanto estes símbolos como os que aparecerão na continuação se visualizam na


cor violeta e devem ser traçados com a máxima exatidão possível. São
catalizadores de energia e só o fato de traça-los envolve já certa carga energética.
Cada cifra indicada na ilustração corresponde a um movimento diferente da mão.

Provavelmente precisarás de algumas horas para memorizá-los totalmente, assim


como para ser capaz de traça-los com sua mão * dominante *. A mão dominante
de um destro é a direita, enquanto que a de um canhoto é a esquerda. Deverá
visualizar e traçar estes símbolos sobre seu cliente.

Gostaria de chamar sua atenção sobre um detalhe semântico muito importante.


Deve-se realmente distinguir entre traçar e visualizar um signo. Quando se traça, o
movimento se efetua com a mão direita e se visualiza, mentalmente, em violeta;
quando simplesmente o visualizamos, não o traçamos com a mão, mas apenas
com nosso pensamento.

Sem embargo, alguns mestres recomendam que se trace e visualize ao mesmo


tempo. A fim de preservar o aspecto sagrado contido nestes símbolos, eu pediria
que queimassem vossos desenhos de teste e que não os revelem a ninguém. Não
se trata de um juramento solene no qual vos comprometeis a não dizer nada a
ninguém, nem mesmo uma ameaça de castigo, mas antes se trata de um convite
para que respeiteis aquilo que se tem conservado em segredo por anos e que
agora vos é revelado porque você pediu para ser iniciado.

Em vosso nível, colocarás sempre a mão esquerda (não dominante) sobre o


paciente e, por cima dele, traçarás vossos três símbolos com a mão direita
(dominante). Deves traçar cada um destes símbolos uma só vez e em violeta,
enquanto que, mentalmente, repete seu nome três vezes.

É importante que se visualize em violeta, pois se trata da última cor antes do


branco. Na simbologia das cores, o violeta se tem vinculado profundamente ao
sagrado e ao espiritual, assim como o azul e amarelo. Também poderíamos dizer
que, uma vez que o vemos, ainda não é totalmente puro. Assim, quando as cores
humanas que representam a espiritualidade tenham sido purificados,se tornarão
transparentes, invisíveis, e * brancos *. Portanto, a luz branca é a mais pura e
mais perfeita: é a luz de onde procedem todas as cores e à qual retornam todas as
cores.

Vosso primeiro símbolo é o CHOKU REI. Deves visualiza-lo e aprender a traça-lo


em uma folha com a máxima exatidão possível (utilizando o modelo caso
necessário).

34
É um símbolo de poder, de prosperidade e de multiplicação. Também é um signo
de benção.

Deve-se traça-lo na cor violeta enquanto repetimos seu nome três vezes.

O segundo símbolo é o SEI HE KI. Serve para alinhar os quatro chacras


superiores ao mesmo tempo em que equilibra o corpo. Este símbolo harmoniza o
mental, o espiritual e o emocional; é a união do divino e do humano. Como o
primeiro, devemos traça-lo uma vez na cor violeta ao mesmo tempo que,
mentalmente, pronunciamos três vezes seu nome.

O último símbolo é o HON SHA ZE SHO NEN. Este símbolo serve sobretudo para
enviar energia a distância e representa uma fusão entre o emissor e o receptor a
fim de promover a paz e a iluminação. Como com os primeiros, deve-se aprender
a traçá-lo em violeta ao mesmo tempo em que repete seu nome três vezes.

35
Se vosso paciente está com os olhos abertos, trace vossos símbolos mentalmente
a fim de não assustá-lo ou preocupá-lo.

Ao traçar estes símbolos com sua mão, uma vez que tenhais conseguido fazê-lo
com facilidade sobre o papel, deverá imaginar que o centro da palma de sua mão
está a ponta do lápis e que desenhais vosso signo por cima de um ponto fixo.

Trace vosso símbolo em um espaço limitado sobrepondo as linhas sempre que


seja necessário. Escolha um ponto preciso e trace justo por cima, como se se
tratasse de uma folha de papel na qual aparecesse este símbolo exatamente
sobre este ponto específico. Isto resulta muito útil, sobretudo no caso do Hon Sha
Ze Sho Nem.

36
Iniciação
Pratique um pouco mais com estes três símbolos e, após ter queimado vossos
rascunhos, feche o livro, pegue o mesmo material de iniciação que para o primeiro
nível e faça exatamente o mesmo que fizeste durante o nível anterior. Passarei
uma só vez ao vosso lado, mas permanecerei mais tempo em cada posição. Aqui,
a carga emocional é bastante importante. Deveis dar-vos Reiki durante 21 dias.

Reiki — Mental
Agora vossos chacras estão totalmente abertos. Enquanto guarda seu relatório de
iniciação junto com os outros dois, deveis pensar na sorte que possui bem como
na nova responsabilidade que adquiristes.

Cada vez que aprendemos ou que recebemos algo, devemos pensar em


compartilhar isto com todos aqueles que nos rodeiam. Em geral, se pode dizer que
aquele que recebe muito, também deve dar muito. Sempre devemos ser
conscientes de que, ao ir evoluindo, também devemos ajudar a evoluir os outros.

Assim, seguimos a lei de compensação; a lei do karma ou, simplesmente, a bem


conhecida idéia da felicidade que produz o compartilhar.

Agora já não nos restam mais que dois passos a seguir antes de concluir vossa
aprendizagem no nível II: O Reiki-Mental e a energia à distância.

No nível II, o terapeuta já não está obrigado a realizar um tratamento completo tal
como ocorria no nível I, O adepto iniciado no segundo nível possui uns
instrumentos que lhe permitem acelerar seu tratamento e aumentar sua qualidade
ao mesmo tempo. Assim, um tratamento de nível II sempre se dá tocando primeiro
o paciente com a mão esquerda, enquanto que a direita traça os símbolos da
forma que vos ensinei, quer dizer, traçando os signos na cor violeta, mais ou
menos a uma polegada do corpo, e repetindo três vezes o nome de cada símbolo.

As duas posições específicas do nível II recebem o nome de Reiki-Mental. A


primeira posição consiste em colocar sua mão esquerda debaixo da nuca do
cliente, enquanto que sua mão direita traça os símbolos por cima do topo da
cabeça, tal como se mostra na fotografia.

37
TRAÇANDO OS SÍMBOLOS

.
DURANTE O TRATAMENTO

Após haver visualizado e/ou traçado os três símbolos, coloque sua mão direita
diretamente sobre o topo da cabeça, sempre em Posição-reiki, e permaneça
assim durante uns 10 minutos, sem ultrapassar nunca os 15 minutos.

Depois de haver praticado esta primeira posição, passa à segunda: coloca as


duas mãos em Posição-Reiki debaixo da cabeça. Permanece nesta posição
durante uns 10 minutos, sem ultrapassar os 15n minutos. Veja a fotografia.

38
2ª POSIÇÃO DO NÍVEL II

Não te surpreendas se, durante o tratamento, percebeis imagens ou impressões


estranhas. Através destas duas posições, estarás diretamente conectado com a
outra pessoa e aquilo que experimentais ou que enxergues concerne diretamente
a ela. Sempre deveis comparar vossas visões ou impressões com as de seu
cliente. Você os sentirá realmente surpreendidos com o resultado e você disporá
de mais material terapêutico (4).

__________
4. Qualquer imagem ou impressão que recebas procedente de outra pessoa
(mentalmente ou de outra forma) os ajudará a compreende-la e trata-la melhor.
Assim, uma imagem ou uma impressão podem ser consideradas como
instrumentos terapêuticos. .
__________

De fato, o Reiki funciona realmente e, ao tocar o outro, geralmente acontece


experimentar impressões ou enxergar imagens que procedem da pessoa a que
estamos tocando e que dizem respeito diretamente a ela.

Por regra geral, um tratamento de nível II acontece ser muito mais rápido e
costuma durar cerca de 20 minutos, quer se aplique o Reiki-Mental ou qualquer
outra posição ditada pela intuição.

Estaria muito bem se vos dirigisses diretamente à região considerada como


problemática por vosso cliente, para completar depois o tratamento com qualquer
outra posição considerada apropriada.

A vantagem de progredir com o Reiki consiste em que o tratamento se torna muito


mais preciso, mais localizado e também mais curto. Sem embargo, muitas das

39
pessoas que o praticam continuam preferindo dar um tratamento completo depois
de haver traçado seus símbolos.

Após haver praticado um pouco de Reiki-Mental, assim como a forma de proceder


no nível II estarás capacitados a iniciar outra grande fase de vossa evolução: a
transmissão de energia à distância.

O Reíki Mental à distância


A transmissão do Reiki ou de energia à distância, talvez seja o aspecto mais
fascinante de todo este curso. A partir de agora, podereis ajudar aos demais em
qualquer circunstância e em todo momento: durante uma operação cirúrgica,
depois de um acidente, durante um parto, etc.

Alguns inclusive enviaram energia ao motor de seu automóvel ou às pessoas


queridas que já não se encontram entre eles. Não creio que deva se converter em
um fanático, simplesmente me limito a indicar-vos que as possibilidades são
infinitas.

A primeira regra que deves respeitar é a do consentimento da pessoa a que você


se propõe enviar a energia. Se puderes, deves pedir permissão para faze-lo e
determinar com ela o momento preciso durante o qual lhe transmitirás o Reiki à
distância. Fazendo assim, resultará muito mais fácil verificar aquilo que tenha sido
possível chegar a produzir-se ou não.

Quando for impossível seguir esta primeira regra, ou caso pense que se trata de
algo muito urgente, envia a energia após haver pronunciado as seguintes
palavras: « Se esta energia vai contra aquilo que está previsto para ti, ou se você
não está de acordo em recebe-la, deixe que ela prossiga seu caminho sem
preocupar-se com ela ».

Normalmente, acontece ser muito pouco frequente que as pessoas não queiram
receber ajuda, mas algumas vezes podem mostrar-se contrárias a isto.

Nestes casos, a energia regressa ao cosmos e, no mínimo, você terá a satisfação


de haver oferecido sua ajuda. Aqui volta a intervir novamente toda a noção do
karma: algumas pessoas não devem curar-se e, no fundo de si mesmas, sabem
disso. Estas pessoas (ainda que seja de forma inconsciente), sempre rechaçarão
qualquer forma de ajuda ou de tratamento.

Eis aqui o método de transmissão: Primeiro deves procurar tranqüilizar-vos e


sentar comodamente. O método mais simples consiste em colocar sua mão
esquerda sobre seu joelho esquerdo e traçar seus signos com a mão direita por
cima de sua mão esquerda ou por cima de seu joelho direito, como preferir.

40
Deves começar com o Hon Sha Ze Sho Nen, seguir com o Choku Rei e terminar
com o Sei He Ki. Cada signo deve ser traçado e visualizado uma só vez na cor
violeta, enquanto se pronunciam três vezes os nomes de cada um dos signos.

Este é o momento em que deves pronunciar o nome da pessoa a quem transmites


o Reiki. Então, deves colocar suas mãos como na foto. Estabelecerás um contato
com a pessoa a tratar a partir de vosso terceiro olho, criando assim uma espécie
de tubo etérico que vos vinculará à pessoa. Com tranqüilidade, conduzireis esta
pessoa até vossas mãos, enquanto continua conservando o tubo etérico em seu
lugar. Neste preciso momento, começará a circular a energia. Deverás conservar
a posição de contato durante uns 10 ou 15 minutos.

POSIÇÃO DE REIKI À DISTÂNCIA

41
REIKI-MENTAL À DISTÂNCIA

Vos recordo que não existe nenhuma oração especial que deva pronunciar nem
qualquer outro ritual a ser realizado. Sem embargo, os aconselho que envies esta
energia durante três dias seguidos e à mesma hora a fim de concretizar ao
máximo a ajuda que queiras dar. Normalmente, uma só emissão de Reiki
acontece ser suficiente para restabelecer uma situação problemática.

Alguns mestres atuam de forma algo distinta e preferem visualizar os símbolos


entre suas mãos abertas, justo antes de conduzir mentalmente até eles a pessoa.
Outros apenas colocam entre suas mãos a parte enferma que devem curar. Estas
não são mais do que adaptações sem importância que dependem da
personalidade de cada um.

O importante é que traces vossos símbolos e que estabeleças um contato


consentido com a pessoa a quem desejas ajudar colocando-a entre vossas mãos.

Pessoalmente sou um pouco alérgico a qualquer tipo de formulação especial que


possa parecer-se com uma receita espiritual. Por isto vos concedo a liberdade de
escolher sua própria forma de trabalhar.

42
Tenho experimentado esta transmissão mais de uma vez e sempre tenho sabido
que algo de importante estava se passando. Eu já a pratiquei com você em várias
ocasiões e você é quem melhor pode avaliar o que sucede.

Poderia dar-vos vários exemplos pessoais, mas prefiro que sejam vocês mesmos
quem vivam suas próprias experiências. Vos deveria bastar saber que não existe
nenhum perigo no feito de captar de forma permanente as dores ou enfermidades
dos demais ( a menos que o deseje intensamente, e nem sequer assim). O que às
vezes ocorre é que sentimos um pouco as angústias ou dores das pessoas que
tocamos ou tratamos.

Como regra geral, bastará nos prepararmos bem para o Reiki (posição de
preparação) para evitar este tipo de receptividade, mas se esta assim mesmo
acontecer, deve saber que durará muito pouco e que vos basta deixar de tocar na
pessoa ou abandonar a transmissão de energia para ver como desaparecem os
efeitos desagradáveis, ainda que alguns terapeutas gostam de sentir estes efeitos
e esperam que assim seja.

Este era o último exercício do Nível II e gostaria que sua primeira experiência
fosse levada a cabo comigo. Aceito que me transmitas o Reiki e já estou em
vossas mãos. Assim, pois, experimenta...

Uma vez que tenhas realizado este exercício, deves redigir um relatório de
transmissão com a data exata e guardar junto com seus relatos de iniciação. Estes
relatos são importantes e deves enviá-los para mim se desejar receber vossos
diplomas oficiais. O relato de transmissão é como uma prova do exercício de
transmissão de energia à distância dirigida a mim.

Como com os outros relatos, bastará descrever por escrito as circunstâncias do


exercício, assim como os sentimentos experimentados ou as imagens visualizadas
durante o exercício, sem esquecer a data e a hora do dito exercício. Um último
detalhe antes de dar por finalizado este nível: A energia à distância também pode
servir para trabalhar a favor da paz no mundo, para ajudar a deter a fome de um
país, para proteger a um povo, etc. Quando nos associamos a outros para
transmitir energia ao mesmo tempo, a força vai aumentando de acordo com o
número de pessoas que participam nisto.

O mesmo sucede com os tratamentos do nível I ou de nível II: dois ou mais


praticantes podem cobrir simultaneamente o corpo do enfermo e este sente muito
mais energia. Suponho que não fará falta dizer que o tempo de tratamento é
reduzido consideravelmente.

Vos dou graças por todas as utilizações que vais dar ao Reiki, já que com ele
melhorareis a qualidade das vibrações terrestres.

43
RESUMO DOS CONHECIMENTOS ADQUIRIDOS NO NÍVEL II:

• 3 poderosos símbolos para catalizar a energia;


• 1 iniciação;
• duas posições de Reiki-Mental;
• técnica do Reiki-Mental à distância;
• técnica do tratamento à distância.

AGORA JÁ SOIS CAPAZES:

• de tratar com mais rapidez;


• de tratar à distancia;
• de traçar três símbolos sagrados de energia;
• de trabalhar em segredo pela paz ou bem-estar da humanidade;
• de sentir, visualizar e transmitir melhor a energia.

NÍVEL III

Converter-se em um iniciador
Alcançastes um nível de conhecimento e de desenvolvimento suficientes para
permitir-vos poder ensinar aos demais aquilo que haveis aprendido. Enquanto és
iniciado no nível III, possuireis todas as chaves para iniciar a outras pessoas ao
nível I e II.

Também estarás autorizado para entregar diplomas como prova dos cursos que
tenhais ministrado. Há que levar em conta que sempre é escolha do mestre
entregar ou não os diplomas. Muitos os entregam depois de cada nível, alguns
apenas entregam o de mestre e outros não entregam nenhum.

Se desejardes, podereis utilizar este curso para assegurar-vos da uniformidade


dos ensinamentos, ao mesmo tempo em que entregas vossos próprios diplomas e
determinas o preço que deseja cobrar por vossos ensinamentos. Dado que as
iniciações são sempre gratuitas, apenas os ensinamentos, bem como o processo
que os acompanha, podem ser remunerados. Provavelmente o mais simples seria
que aconselhasse a vossos estudantes que comprassem este livro e que você
lhes fornecesse assessoria durante sua aprendizagem.

44
Interrogar a memória cósmica

Como futuros iniciadores, recebes simultaneamente uma maior responsabilidade:


a de seguir evoluindo e ajudar os demais a evoluir. Neste sentido, eu gostaria de
indicar uma forma suplementar de buscar informações usando o Reiki.

Refiro-me aqui à forma pela qual se podem obter mais indicações quanto ao
tratamento a iniciar. De fato, se trata de refletir sobre a maneira mais eficaz de
ajudar a uma pessoa, enquanto intentamos ir compreendendo cada vez um pouco
melhor nosso próprio funcionamento como terapeutas ou praticantes de Reiki.

Trata-se de uma posição muito parecida à primeira do nível II. Sempre deverás
colocar sua mão esquerda debaixo da cabeça de seu cliente e a direita sobre o
topo da cabeça. Com um raio de energia procedente de vosso terceiro olho,
traçareis o Sei He Ki e o Choku Rei diretamente sobre vossa mão direita.
Traçareis cada signo uma só vez e na cor violeta, enquanto repetes três vezes o
nome de cada um.

Neste momento, lerás em silêncio as perguntas preparadas por teu cliente


(perguntas relacionadas com a saúde, seu bem-estar, sua entidade, etc.) e vos
mostrareis atento para as respostas obtidas (imagens, gestos do corpo,
sensações, etc.) Aqui deve-se captar todas as indicações, imagens, pensamentos,
sensações ou emoções que possas obter intuitivamente durante o exercício e
compara-las com as que o paciente possa ter experimentado neste mesmo tempo.
Compreender estas indicações equivale a receber uma orientação sobre o
tratamento ou umas explicações relativas ao dito tratamento.

Esta posição vos vincula diretamente à outra pessoa e os resultados que possas
obter lhe dizem respeito diretamente. Isto se parece um pouco com a vidência ou
hipnose, mas se trata de uma faceta real do Reiki denominada geralmente de *
questionamento da memória cósmica * . Por regra geral, o cliente faz suas
perguntas no último instante a fim de que o terapeuta não tenha tempo de analisá-
las e é o terapeuta quem recebe as respostas.

Algumas vezes, o cliente recebe as respostas ao mesmo tempo em que o


terapeuta, enquanto que outras as respostas lhe chegam alguns dias depois de
haverem sido feitas. Porém, ocorra o que ocorrer, se trata de um importante
processo que deverias utilizar ao mesmo tempo em que praticas o Reiki-Mental
posto que, fundamentalmente, se trata da mesma posição. Assim, vos resultará
muito simples combinar estes dois enfoques ou leva-los a cabo sucessivamente.

Interrogar a memória cósmica geralmente leva de uns 10 a 15 minutos


aproximadamente.

45
Este exercício serve para compreender melhor um tratamento, para buscar os
gestos terapêuticos mais apropriados, para explicar as origens de certas
enfermidades e a nova dinâmica mental a utilizar a fim de detê-las, etc. Este
aspecto do tratamento não é obrigatório, mas constitui uma excelente forma de
progredir pessoalmente como terapeutas, além de estabelecer um vínculo mais
estreito com a pessoa a quem se quer ajudar.

Uma vez tenha realizado este exercício, redigireis vosso relatório de experimento
que colocarás junto aos demais. Agora já dispões de cinco dos oito relatórios que
vos serão exigidos para poder receber vosso certificado.

Símbolo
O símbolo do Nível III, que vos autoriza a iniciar e a transmitir Reiki se chama o
Daí Koo Myo (dai-ku-mio). Este símbolo sempre será o primeiro que deves traçar
antes de qualquer outro. Não exclui os demais, mas os precede harmonicamente.
Eis o significado deste símbolo:

Dai grande expansão;


Koo fogo no 7° chakra ou luz;
Myo clarividência, luz verde (cura);
Koomyo sabedoria, luz do iluminado.

Em resumo, se trata do aumento da luz curadora naquele que se converteu em


sábio. Deverás acostumar-se a traçá-lo com a máxima fidelidade possível.
Visualiza-o com freqüência na cor violeta e faça o gesto com vossa mão. Podereis
levar o tempo que for necessário. Uns poucos minutos por dia podem bastar para
manter viva a chama! Eis aqui este poderoso símbolo:

46
DAI Koo MYO

Iniciação
Agora que já dispões de vosso novo símbolo e que, graças a vosso trabalho, vos
tornaste merecedor de ser iniciado no terceiro nível, deveis cercar-vos do vosso
material habitual de iniciação. Sentai e repeti os mesmos passos que seguistes no
nível II, mas tendo em conta que outros símbolos foram adicionados e dirigidos a
você. Agora sois capazes de receber toda a carga procedente dos ensinamentos
dos níveis inferiores e, por isto, deves tomar o tempo necessário para participar
com mais intensidade da rota que percorro ao seu redor traçando símbolos sobre
você, alguns que já conheces e outros que ainda permanecem desconhecidos.
Sejam abençoados, irmãos e irmãs!

47
Chaves para iniciar ao nível I
Guarda vosso relatório de iniciação, com sua data correspondente, junto aos
demais; daí-vos Reiki (também pode dar a outras pessoas) durante 21 dias e
preparai-vos compreender o belo ritual iniciático do Reiki.

Vou guia-los, passo a passo, em sua aprendizagem. Comecemos pelas iniciações


do nível I. Há quatro idênticas e, normalmente, acontece de se fazer duas
seguidas e as outras duas um pouco mais tarde, mas sempre durante o mesmo
dia. Não se pode precisar o número exato de horas que devem se passar entre as
iniciações, mas existe uma separação. As quatro iniciações não devem ser feitas
todas seguidas a fim de evitar que um fluxo demasiado forte de energia penetre no
iniciado.

Cada mestre decide sua própria forma de levara a cabo as iniciações mas, por
regra geral, preferem esperar um pouco entre as duas primeiras e as duas últimas,
Freqüentemente acontece se realizarem duas iniciações antes do meio-dia e as
outras duas depois do meio-dia.

Eis aqui os passos a seguir no ritual do nível I:

1- Escolhe um local tranqüilo e pouco iluminado;


2- Queime um pouco de incenso a fim de aumentar o nível de vibrações do local;
3- Acenda uma vela para afastar as forças negativas, bem como para representar
a luz da iniciação
4- Encha um copo com água (se possível que o copo seja de cristal e a água pura
da natureza) para representar o fluido magnético, cósmico e armazenar todas as
vibrações da iniciação;
5- Faze com que o iniciado sente-se em uma cadeira de forma que você possa
mover-se com facilidade ao redor dele;
6- Permanece de pé diante dele e peça a ele que coloque suas mãos em posição
do Primeiro Kanji, tal como estarás fazendo você também, e que feche os olhos;
7- Recorda ao iniciado o aspecto sagrado dos momentos que ele vai viver.
Agradeça a ele que se tenha mostrado disponível ao Reiki e expressa a gratidão
que experimentas ao poder inicia-lo;
8- Situai-vos à esquerda do iniciado e colocai-vos justo atrás dele (no sentido
contrário aos ponteiros do relógio e no mesmo sentido que o Choku Rei).
9- Colocando suas mãos sobre a cabeça (7° chakra) durante uns instantes, peça a
ele que coloque suas mãos na posição do Segundo Kanji e que as leve até o
coração (4° chakra);
10- Levante vossas duas mãos suavemente e, com sua mão direita, trace em cor
violeta o Daí Koo Myo, seguido pelo Choku Rei. Cada signo deve traçar-se uma
única vez enquanto que, mentalmente, o repetes três vezes;

48
11- Volte a colocar vossas mãos suavemente sobre a cabeça do iniciado e
visualiza uma vez, em cor violeta, o Hon She Ze Nen e o Sei He Ki (mentalmente),
enquanto repetes três vezes seus nomes (mentalmente);
12- Retirai vossas mãos com suavidade e, passando pela direita dele, volte a ficar
em frente ao iniciado;
13- Com vossa mão esquerda, envolva os dedos do iniciado, incluindo o polegar,
enquanto que vossa mão direita (em Posição-Reiki) recobre a ponta dos dedos;

ETAPA 13

14- Levante um pouco vossa mão direita (aproximadamente uma polegada) e


trace uma vez, em violeta, os quatro símbolos seguintes enquanto que,
mentalmente, os pronuncia três vezes: Daí Koo Myo, Choku Rei, Hon Sha Ze Sho
Nen e Sei He Ki. A partir de agora, utilizarei as seguintes siglas para designar
estes símbolos: DKM –CKR –HSZSN -SHK;
15- Em posição do Segundo Kanji, tome as mãos do iniciado entre as vossas
(formando uma cruz), visualiza o DKM em violeta e sopra uma vez sobre a ponta
dos dedos e nas mãos do iniciado.
16- Eleve as mãos do iniciado até o terceiro olho dele e repete as etapas 13 e 14;
(13): Com sua mão esquerda, rodeie os dedos do iniciado, incluindo o polegar,
enquanto que sua mão direita (em Posição-Reiki) recobre a ponta dos dedos;
(14): Levanta um pouco vossa mão direita (aproximadamente uma polegada) e
trace uma vez em violeta, os quatro símbolos seguintes enquanto que,
mentalmente, nomeias três vezes: DKM, CKR, HSZSN e SHK;

49
17- Em posição do Segundo Kanji, toma as mãos do iniciado entra as vossas
(formando uma cruz), visualiza em violeta o DKM e sopra sobre a ponta dos dedos
até a frente (terceiro olho ou 6° chakra) e até a coroa ou topo da cabeça (7°
chakra);

ETAPA 15

18- Separa as mãos do iniciado e coloque-as sobre suas coxas, deixando as


palmas para cima;
19- Desliza vossa mão esquerda embaixo da mão direita dele e, com sua mão
direita, golpeia suavemente o interior de sua mão direita;
20- Depois desliza vossa mão direita embaixo da mão esquerda dele e, com sua
mão esquerda, golpeie suavemente o interior da mão esquerda dele;
21- Tome as mãos do iniciado e leva-as até o terceiro olho dele;
22- Em Posição de Segundo Kanji, toma as mãos do iniciado entre as vossas
(formando uma cruz), visualiza em violeta o DKM e sopra sobre as pontas dos
dedos até a fronte (terceiro olho ou 6° chakra) e até a coroa (7° chakra);
23- Volte a colocar as mãos do iniciado sobre as coxas dele (desta vez com as
palmas voltadas para baixo);
24- Pede ao iniciado que, pouco a pouco, volte a tomar consciência de onde está
e aconselha que ele beba o copo de água enquanto você se retira por uns minutos
a fim de permitir que ele viva estes momentos que lhe pertencem;

50
Normalmente, depois da iniciação, sempre acontece um intercâmbio entre o
mestre e o iniciado. O mestre toma o iniciado entre seus braços e o acolhe na
grande família Reiki. Depois, o mestre pede ao iniciado que lhe conte suas
impressões. Um relatório verbal de iniciação acontece ser suficiente quando o
mestre se encontra fisicamente presente.

Se separardes cada iniciação, todo o processo será igual que o indicado, mas se
agrupais vossas iniciações em duas séries(duas seguidas, tal como eu prefiro
fazer), deves modificar o ponto 24; não peça ao iniciado que beba ainda do copo
de água, de toda forma, deves deixar que ele possa dispor de uns minutos de
solidão antes de recomeçar o ritual para a segunda iniciação.

Creio que poderás apreciar toda a beleza destas iniciações, assim como a carga
emocional que normalmente acontecem conferir. Experimentareis estes exclusivos
momentos de forma muito diferente com cada um de vossos iniciados.

As quatro iniciações do nível I são idênticas e deves leva-las a cabo seguindo


vosso próprio ritmo. Tendo em conta os intervalos de tempo a serem previstos
entre as iniciações, você é quem deve decidir se realiza uma iniciação a cada hora
ou uma por dia.

Recomenda o iniciado que, após as provas de iniciação, se dê Reiki durante 21


dias. Agora já podes preparar um diploma de nível I para o novo iniciado.

.
Chaves para iniciar ao nível II
No nível II não há mais do que uma única iniciação que realizarás quando sentir
que vosso estudante está preparado. O ritual é idêntico ao do nível I, mas o
iniciador traça os símbolos duas vezes seguidas, exceto pelos sopros que também
se fazem apenas uma vez.

Isto é o que faz a iniciação ser um pouco mais demorada.

Sem dúvida, terás observado que nos ocupamos muito do 4°, 6° e 7° chakra,
assim como os das mãos. A energia nos chega através do 7° chakra, desce até o
6°, depois até o 4° e, finalmente, nos é transmitida através das mãos. Por isso,
estes chacras devem estar em boas condições de recepção antes que as mãos
possam exercer seu papel como transmissoras.

O foco do Reiki se encontra no nível do 2° chakra, mas se trata sobretudo de um


centro que armazena a energia e nos reforça.

Freqüentemente se diz que o nível I prepara os chacras fechados em 50%,


enquanto que o nível II termina de abri-los totalmente.

51
Com cada iniciado, e de acordo com as circunstâncias, expressarás de forma
diferente vossos agradecimentos, assim como o aspecto sagrado da iniciação.
Você ficará surpreso pela pertinência das palavras que utilizará. Agora estarás
emitindo o diploma do nível II.

Técnica de harmonização
Antes de dar por terminado o nível III, resta um último tema a tratar: o da
harmonização. Algumas pessoas que praticam o Reiki, bem como alguns mestres,
não utilizam esta técnica, mas pode resultar muito útil, sobretudo quando temos
pouco tempo ou quando a pessoa não possui nenhum problema em particular.

Cada harmonização nos ajuda a evoluir, tanto a mestres como clientes, e pode
praticar-se tanto sobre um iniciado como um não-iniciado.

De fato, se trata exatamente da mesma mecânica iniciática que utilizamos no nível


I, exceto que deve-se deter na etapa 17 (que não se realiza). Tudo que se refere
aos chacras das mãos não deve ser realizado.

A harmonização serve, tal como indica seu nome, para harmonizar as energias do
cliente. Se trata de uma forma, entre outras, de alinhar os chacras e equilibrar as
energias. No entanto, devo confessar que, na maioria das vezes, prefiro
harmonizar utilizando outros meios a fim de não assustar o paciente com um ritual.

Você é quem deve julgar por si mesmo se utiliza ou não esta técnica. Agora, feche
vosso livro e ide semear o Reiki durante alguns dias (aproximadamente 21) antes
de iniciar a próxima etapa. Podes levar o tempo que desejes, algumas semanas,
ou meses se for necessário, a fim de voltar melhor preparado para receber vosso
último presente.

RESUMO DOS CONHECIMENTOS ADQUIRIDOS NO NÍVEL III:


.
• 1 método para interrogar a memória cósmica;
• 1 símbolo de ensinamento;
• 1 iniciação;
• todas as chaves para iniciar aos níveis I e II;
" 1 técnica de harmonização (tratamento abreviado).

AGORA JÁ SOIS CAPAZES:

 De ensinar o Reiki aos demais;


 De iniciar totalmente aos níveis I e II;
 Dê ser mais clarividente utilizando a memória cósmica;
 De tratar com mais harmonia e eficácia;

52
 De traçar o símbolo característico do ensinamento do Reiki;
 De captar e transmitir melhor a energia.

NÍVEL IV

Símbolo
Agora chegaste ao ponto culminante do curso! Chegou o momento de receber
vosso símbolo definitivo; o de mestre. Este símbolo se chama Dai Koo Myo
tibetano (DKMT). Traduz a origem do Reiki e não deve ser pronunciado jamais.
Simplesmente se traça em cor violeta ou se visualiza.

Memorize-o e pratica-o freqüentemente a fim de chegar a traça-lo com a máxima


fidelidade possível. Como mostra de respeito, deves queimar vossos esboços,
tanto os que estejam bem desenhados como os que não, de forma que tudo
retorne à energia cósmica. Recebe agora vosso último símbolo, o mais poderoso
de todos!

53
DAI Koo MYO TIBETANO

Dominar o Hui Yin

Antes de continuar com vossos progressos, deves iniciar toda uma série de
exercícios preparatórios que podem durar até sete dias. Trata-se de chegar a
dominar o Hui Yin (HY), este ponto de acupuntura (Jenn Mo) situado no meio do
caminho entre os órgãos genitais e o ânus.

Resulta aconselhável que possas localiza-lo com a máxima precisão possível a


fim de poder contrai-lo, senti-lo e utilizar seus bons fluidos energéticos.
Normalmente acontece de encontra-lo contraindo as nádegas e colocando um
dedo entre os órgãos genitais e o ânus: o Hui Yin é exatamente esta pequena
zona do corpo que sentimos mover-se ou contrair-se.

Uma vez localizado o centro, resulta fácil dirigir ali a concentração, assim como
fazer circular a respiração adequada. Quanto mais precisos sejamos em localizar
o ponto Hui Yin, melhores serão os resultados.

O que se pretende com este primeiro exercício é chegar a praticar uma respiração
especial passando pelos rins. As mãos devem estar situadas por sobre os rins,
com as palmas para fora, como na foto.

54
Com cada inspiração, diriges uma corrente azul escura até os rins e sentis como
se vossas mãos se elevam ligeiramente. Pelo contrario, quando expiras, sentis
vossas mãos bem coladas a vossos rins.

Em você, começa a circular toda uma corrente de energia e, depois de alguns


minutos de exercício por dia, durante alguns dias, estarás preparado para
prosseguir vosso treinamento.

Agora que já dominas esta respiração renal, deves localizar com a máxima
exatidão possível o Hui Yin e ser capaz de contrai-lo durante três minutos, ao
mesmo tempo em que respiras normalmente e que imagina este ponto na cor
azul.

Depois deve imaginar que, desde sua cabeça, esticas um fio atado ao Hui Yin; isto
vos ajudará a compreender o tipo de contração que se necessita aqui. Se não
realizar corretamente este exercício, intenta imagina-lo e verás como rapidamente
o consegues.

Para terminar vosso treinamento preparatório sobre o Hui Yin, eis aqui as etapas
que deves cumprir. Tenho experimentado os dois métodos de fazer o Hui Yin e,
em ambos os casos, as mãos sempre se encontravam situadas sobre os rins, com
as palmas voltadas para fora.

MÉTODO I

1. Pressiona a língua contra o palato e conserve esta posição até o fim do


exercício.
2. Contrai o Huí Yin e conserve-o assim até o final;

55
POSIÇÃO PARA O HUI YlN

3. Inspira profundamente ao mesmo tempo em que imagina um vapor branco que


vai baixando até o final de sua coluna. Imagines que este vapor entra pelo nariz,
sobe até a fronte, atravessa o cérebro rodeando interiormente na cabeça, volta a
baixar por trás da cabeça, deslizando ao longo do pescoço e segue pela coluna
vertebral até chegar aos rins.

4- Retenha sua respiração que entra por debaixo da coluna e vá subindo até a
cabeça: conserva esta respiração um momento ao nível dos rins e, depois, deixe
que ela volte a subir até a cabeça, dando voltas ao redor das nádegas e
escalando pela barriga, tórax, garganta e olhos. As etapas 3 e 4 se fazem com
uma só inspiração e só se deve expirar quando a respiração mental tenha
circulado desde o nariz, passando pelos rins, tenha chegado até o cérebro e já se
tenha traçado o símbolo.

5- O vapor branco se torna azul ao circular pela cabeça e, depois, em seguida,


adquire um tom violeta claro.

6- Agora, mentalmente, trace o DKM tibetano.

7- Expire.

56
MÉTODO II

1-Inspire, com a cabeça inclinada para trás, e imagine em azul o ar que baixa até
o Hui Yin, passando pela parte superior da cabeça e pelas costas.

2-Contrai o Hui Yin e pressiona a língua contra o palato (céu da boca). Conserva
esta posição até o final.

3- O ar sobe até o Hara (foco do Reiki, ou plexo do Reiki, ou 2° chakra) enquanto


que o azul se torna cinza e depois passa a converter-se em branco, enquanto vai
subindo até o nariz.

4- Quando o ar voltar ao nariz, trace vosso símbolo (DKMT) mentalmente e expire.

Quer escolha um método ou o outro, deves repeti-lo todos os dias, durante sete
dias, a fim de merecer a iniciação ao nível IV.

Observe que o nariz no Hui Yin desempenha um papel muito importante. O Hui
Yin é o ponto de partida das correntes de energia e o nariz é o ponto terminal.

Devemos afirmar que, em acupuntura, o Hui Yin ou Jen Mo assinala o início do


Vaso Governador, que chega até o nariz, passando por trás do corpo e da cabeça.
O Hui Yin também é o início do Vaso de Concepção, que chega até o nariz,
passando pela frente do corpo.

Eis uma breve explicação sobre o papel que desempenham estas duas zonas. O
importante é que realizes o exercício com a máxima freqüência possível durante
os próximos dias, já que favorece muito vossa capacidade de acumular a energia
Reiki. É como se recarregasse vossas baterias.

Você deve se assegurar de dispor do maior espaço possível para receber a


energia e, assim, poder transmiti-la durante muito tempo. Feche vosso livro,
experimenta o Hui Yin e redige vosso sétimo relatório de experimento. Só falta um,
ânimo!

Sui Ching ; o ritual da água

Agora vais receber a iniciação mais bela de todo o curso. Começa com o ritual da
água para ir passando, pouco a pouco, à iniciação propriamente dita. Antes de
começar, tente conseguir água de um rio ou de um manancial (quer dizer, água da
natureza, a que bebem os animais ou as plantas, não a água destilada que já não
possui nenhuma energia, ou bem pouca).

57
Coloca esta água com cuidado num recipiente de cristal, no mínimo umas 48 hoas
antes.

Já está com a água e tudo pronto? Pois podemos começar. Agora realizarás uma
bonita preparação para a iniciação: o ritual Sui Ching (ritual da água). Segue bem
as seguintes etapas:

1- Adicione umas gotas de limão em vossa água;


2- Coloque vossa mão esquerda por cima do recipiente e começa a descrever
círculos no sentido anti-horário (mesmo sentido que o CKR);
3- Coloca sua mão direita por cima de sua mão esquerda e descreve círculos
também com esta mão, sempre no mesmo sentido do CKR;
4- Deves traçar estes círculos constantemente durante uma hora, enquanto
inspiras profundamente e contrai o HY, com a língua pregada ao palato,
como se um fio unisse o palato ao HY. Ao mesmo tempo em que realiza
estes exercícios, visualiza a água, o DKM tibetano e o DKM comum em
violeta, sem pronunciar seus nomes. Expira quando seja necessário. Se
assim preferir, podes dividir esta hora em quatro partes mas, antes de
começar a iniciação, sempre deves efetuar o ritual da água até o final.

Iniciação

Chegou o momento mais solene, o de vossa última iniciação, aquela que vos
converterá em um mestre de Reiki. Tome o tempo necessário para colocar a seu
redor os acessórios habituais. O copo de água deve ser o mesmo que serviu para
o ritual Sui Ching.

Deves manter o copo de água entre suas mãos e situar—vos de forma que eu
possa circular livremente ao seu redor. Preparai-vos como antes para os níveis
precedentes e segue as instruções enquanto eu esteja diante de você:

1- Feche os olhos e coloca suas mãos na posição do Segundo Kanji ao redor do


copo de água e contrai o HY, pressionando a língua contra o palato. Visualiza a
cor axul e sopra entre vossos dentes um vapor que se assemelha à água.

2- Tocarei vossa cabeça enquanto repetes o seguinte: O Sui Ching, recebe a


benção do fogo divino e que eu também receba esta mesma benção bebendo esta
água;

3- Depois, sustente o copo com a mão esquerda e traça o CKR e o HSZSN em


violeta por sobre o copo.

58
4. Bebe a água e colocai-vos na posição do segundo Kanji, como nas demais
iniciações, enquanto eu tomo suas mãos entre as minhas;

5- Tocarei vosso ombro direito e levantarei suas mãos até o terceiro olho para
conduzi-las até o coração;

6- Passarei por trás de você pela esquerda e esfregarei as mãos por cima de
vossa cabeça. Depois, colocarei minhas mãos sobre sua cabeça e meus lábios
sobre o topo de sua cabeça.

7- Soprarei sobre vossa cabeça poderosos símbolos e toda a energia do Reiki;

8- Voltarei a me colocar diante de você, passando por sua direita, e vos ajudarei a
visualizar o azul que se converterá em violeta e, depois, em branco puro. Depois,
voltarás a tomar consciência de vosso corpo físico. Eu vos tomarei em meus
braços para a última iniciação e os acolherei no nível IV.

Chaves para iniciar aos níveis III e IV

Guarda cuidadosamente vosso relatório junto com os outros sete e dai-vos Reiki
durante 21 dias (a você e aos demais). Agora vou indicar as chaves para iniciar
aos níveis III e IV.

Não existe mais do que uma só iniciação para o nível III. É exatamente igual que a
do nível II, exceto que agora deveis adicionar o HY e o DKMT. Sempre deves
começar por contrair o Hui Yin, enquanto pressionas a língua contra o paladar e
efetuas duas vezes seguidas toda a série de símbolos, na seguinte ordem: DKMT,
DKM, CKR, HSZSN, SHK. Recorda que o DKM tibetano jamais deve ser
pronunciado.

Se desejar, podes entregar um diploma a vosso iniciado depois de cada nível de


iniciação.

A iniciação de um mestre ao nível IV sempre é um momento carregado de


emoções. Começa com o ritual Sui Ching (água). Uma música suave, tipo nova
era ou semelhante, pode acompanhar este ritual. Uma vez que o iniciado tenha
completado sua hora de círculos sobre a água, eis aqui os gestos que deves fazer:

As etapas 1,2,3,4 e 5 são idênticas que as dos níveis I,II e III.

59
6- Entregue a ele o vaso de água procedente do ritual Sui Ching;

7- Pede que coloque suas mãos na posição Segundo Kanji em volta do copo (em
posição-Reiki e com os dedos se tocando) e depois, que contraia o HY,
pressionando a língua contra o palato ao mesmo tempo em que visualiza a cor
azul que sopra suavemente entre seus dentes, como que um vapor semelhante ao
da água.

8- repete o passo 7

9- Repete o passo 7 mais uma vez

10- Coloca vossa mão esquerda sobre a cabeça do iniciado, traga também sua
mão direita e trace o SHK, repetindo seu nome três vezes e visualizando o
símbolo em violeta;

11- Peça que repita: O Sui Ching, recebe a benção do fogo divino e faça com que
eu também receba esta mesma benção bebendo esta água;

12- Peça que sustente o copo com a mão esquerda enquanto traça o CKR e o
HSZSN em violeta por cima do copo com ajuda de sua mão direita.

13- O iniciado bebe o vaso de agua e o deixa sobre a mesa.

14- O iniciado coloca suas mãos na posição segundo kanji e as leva até o
coração;

15- Rodeie os dedos e polegares do iniciado com vossa mão esquerda, inspira
profundamente, contraindo o HY e pressionando a língua contra o palato. Depois,
com sua (você) mão direita, trace em violeta vossos símbolos (DKMT,DKM,CKR,
HSZSN, SHK) que entram nas mãos do iniciado; neste nível, já não é preciso
repetir 3 vezes mentalmente os nomes de cada símbolo, mas se assim desejar
fazer, devemos lembrar que o DKM tibetano jamais deve ser pronunciado.

16- Respira profundamente, toca o ombro direito do iniciado e levanta as mãos e


cotovelos dele até o terceiro olho;

17- Coloque vossas mãos na posição-reiki e no segundo kanji, ao redor das mãos
do iniciado e pressiona um pouco. Visualiza o DKMT e sopra entre o polegar e o
indicador do iniciado.

18- Conserva esta posição, visualiza o DKM e, depois, volte a soprar entre o
polegar e o indicador;

60
19- Vá para tras do iniciado, passando por sua esquerda, respira profundamente,
contrai o HY (língua no palato) e esfrega sua mãos por uns instantes por cima da
cabeça dele;

20- Coloca vossa mão esquerda sobre a cabeça dele e, depois, vossa mão direita
sobre vossa mão esquerda;

21- Coloca vossas duas mãos em forma de concha (posição-reiki) sobre a cabeça
dele e coloque vossos lábios sobre o 7° chakra, visualizando oo DKMT, que
soprareis depois sobre o 7° chakra;

22- O mesmo procedimento da etapa 21, mas com o DKM simples;

23- Retire vossas mãos, inspira profundamente contraindo o HY (língua no palato).


Coloca vossa mão esquerda sobre a segunda e terceira vértebra dorsal e na mão
direita sobre a parte frontal do corpo na mesma altura. Retira sua mão direita e
coloque-a em forma de concha sobre a cabeça do iniciado enquanto visualizas o
cubo de 6 lados (em branco). Depois, finalmente, sopra nele o cubo sobre o
sétimo chacra ou coroa.

24- Retire vossas duas mãos, passe para a frente do iniciado pelo lado direito
dele e convide-o a tomar contato com o cotidiano. Faça-o visualizar a cor azul que
passa a violeta, antes de purificar-se definitivamente e converter-se em branco.

SÍMBOLO DO CUBO DE 6 LADOS

61
Este é o belo ritual do mestre. Ao escreve-lo, revivi algumas das emoções
experimentadas durante minha própria iniciação.

Gostaria de falar um pouco mais sobre este último símbolo: o do cubo de 6 lados.
Você viu sua representação e deves saber que se trata de um símbolo que se
utiliza apenas durante a iniciação de um mestre.

Assim, não é preciso praticar ou memorizar o cubo, mas visualiza-lo seu todo.
Bastará olhar para ele justo antes de soprar no sétimo chacra de seu estudante.

Deveis olhar fixamente a ilustração e deixar-vos invadir por este símbolo


particular. Certamente notou que desde o Nível II não apareceu nenhuma nova
poisção de Reiki. Os dois níveis superiores vos permitiu evoluir para ensinar e
transmitir melhor o Reiki.

Conforme for progredindo, vais descobrindo métodos que vos farão ganhar tempo.
Quase se pode dizer que quanto mais evoluído o praticante, menos tempo
necessita para curar. Não faz falta dizer que sempre há um limite e que um
praticante com pressa não tem porque necessariamente ser um terapeuta
evoluído.

Mas, seja como for, gostaria de deixar um último método para criar um contato
mais rápido com vosso cliente. Trata-se de uma preliminar ao tratamento, tal e
como se indica a seguir:

1. Trace seus símbolos sobre uma pessoa sentada ou em pé


2. Coloca vossas mãos sobre os ombros dela
3. Ponha suas mãos sobre a cabeça dela, no 7° chakra;
4. Coloca vossa mão esquerda por trás da cabeça dela no nível do terceiro olho e
sua mão direita sobre o 6° chakra (terceiro olho);
5. Dirige vossa mão esquerda até a 7a vértebra cervical e vossa mão direita até o
gogó da garganta (5° chakra);
6. Coloca vossa mão esquerda sobre as omoplatas e vossa mão direita sobre o
externo (4° chakra);
7. Vá baixando sua mão esquerda até as costas, ao mesmo nível em que a mão
direita, dirigida para a frente, sobre o plexo solar (3 chakra);
8. Desliza vossa mão esquerda por debaixo das costas e vossa mão direita pela
cintura, justo abaixo do umbigo (2° chakra).

Por meio desta forma de contato com vosso cliente, já podes iniciar o tratamento
adequado. Recorda que, a partir de agora, sempre deves começar com vosso
símbolo de mestre antes de qualquer outro, inclusive quando estiver iniciando a
alguém.

Permita-me uma última observação relacionada com o que deve experimentar o


cliente. Deves saber que quanto mais evoluído esteja, mais começarás a transmitir

62
uma energia diferente: a energia fria. Segundo parece, esta energia é superior à
do calor, já que é a de cura.

Não é de surpreender que alguns praticantes aliviam (calor) enquanto outros


curam (frio). Suponho que não fará falta adicionar que tanto uma quanto a outra
não têm nada a ver com a temperatura de suas mãos.

Algumas circunstâncias poderiam requerer adaptações do tratamento:


enfermidades contagiosas, fobia ao tato terapêutico, etc. Nestes casos, o
terapeuta pode escolher a técnica de tratamento a distância ou executar as
posições sobre o corpo etérico, ou seja, à uma polegada do corpo físico.

O paciente experimenta tão bem a presença da energia pelo corpo etérico como
pelo corpo físico, mas com fequência o terapeuta acha mais difícil trabalhar nesta
posição.

Por último, devemos precisar que um tratamento de Reiki toca o conjunto dos sete
corpos (físico, etérico, astral, crístico, búdico, causal e espiritual), assim como o
conjunto dos planos de existência (física, astral, causal, mental e etérica). As
escolas mais sofisticadas de misticismo descrevem até sete níveis do corpo, mas
no geral podemos contentarmo-nos com três: físico, energético e espiritual.
Quanto aos planos de existência, algumas irmandades propõe 5 de manifestação.

Em princípio, poderíamos nos encontrar no plano espiritual, no corpo búdico. Se


não desejamos entrar neste labirinto, podemos admitir, tal como no caso da
maioria, que há três planos de existência e que, portanto, há três corpos: o físico,
o energético e o espiritual.

Assim, podemos utilizar o Reiki e ter a segurança de dar um tratamento realmente


holístico. Alguns mestres esperam 21 dias entre cada nível de iniciação, outros
pretendem que os símbolos se corrigem por si mesmos através do uso e que
adotam uma orientação personalizada.

O Reiki permanece realmente autêntico e a energia à serviço do ser humano


conserva toda sua beleza. As leis cósmicas utilizadas durante o decorrer de uma
sessão de Reiki sobrepujam e muito a habilidade ou a evolução espiritual do
iniciador. De fato, com boas chaves, um profano pedira iniciar tão bem quanto um
mestre. A humildade deve converter-se realmente na base de toda relação de
ajuda.

63
Últimos conselhos ao novo mestre

O curso que acabas de terminar reagrupa todos os ensinamentos clássicos do


Reiki e é completo em si mesmo. Tudo quanto possas descobrir por si mesmo
e/ou aquilo que adicionais, facilitará vossa aptidão para captar a energia Reiki,
mas não modificará em absoluto o poder desta energia.

Deve-se compreender muito bem que a energia Reiki existe por si mesma, quer a
utilizemos ou não e que apenas podemos participar, mas não aumenta-la: somos
nós que nos tornamos mais puros e não o Reiki. Sem embargo, devemos admitir
que, como tudo que existe, o Reiki evolui em suas formas modernas, assim como
uma língua evolui ao longo dos tempos.

Assim, atualmente existem outros símbolos e outras posições de tratamento


diferentes dos que vos transmito. Também existem outros cursos possíveis depois
de mestre: o de Karuna, por exemplo, que poderia ser considerado como uma
pós-graduação.

Vos pertence como mestres, sempre de acordo com vossos desejos e intuições,
seguir buscando formações suplementares ainda que não sejam necessárias e
nem adicionam nada à energia do Reiki, mas asseguram e às vezes mantém viva
sua chama.

Todos os ensinamentos do Reiki moderno não são mais do que outras vias de
acesso à mesma corrente energética, não são melhores nem mais completas,
nem mesmo mais poderosas do que as que já possuis.

Para aqueles que desejariam comprometer-se desde já na via do modernismo,


vos transmito gostosamente um novo símbolo que parece querer impor-se cada
vez mais: o Raku, ou o raio. Eis aqui este símbolo que, por certo, é muito fácil de
realizar:

64
RAKU

Este símbolo serve sobretudo quando se deseja iniciar a alguém no Reiki e


deveria ser traçado partindo da cabeça do iniciado, baixando ao longo da coluna
vertebral.

Parece ser um símbolo muito poderoso, que podemos utilizar ou não, podendo
preceder a todos os demais durante o ritual iniciático. Este novo símbolo serve
também para harmonizar os chacras e para preparar mais rapidamente ao
iniciado.

Esteja sempre em harmonia consigo mesmos e não tenhais nenum remorso por
terminar aqui sua formação de Reiki; não serás um mestre menos bom si não
utilizas as formas modernas de Reiki. De fato, a energia Reiki não tem idade e os
símbolos não são mais do que meios para captar esta força cósmica. Eu repito
novamente, o essencial já está em vossas mãos, tudo quanto possas adquirir
depois não servirá mais que para satisfazer sua curiosidade ou vossa necessidade
de personalizar o Reiki.

Ao ver como se transforma o Reiki e como se vai adaptando aos gostos atuais,
cada vez me dá mais a impressão de que vamos a perder a Tradição através da
Evolução. Uma vez que tenhamos esquecido os símbolos clássicos, talvez
precisemos de um novo doutor Usui para que volte a encontrar o essencial.

65
Se escolhi transmitir-vos unicamente os ensinos clássicos ou essenciais, foi
precisamente com o fim de evitar que se perca para sempre aquilo que custou
tanto para se redescobrir.

RESUMO DOS CONHECIMENTOS ADQUIRIDOS NO NÍVEL IV:

 As chaves para iniciar aos níveis III e IV


 1 método rápido de contato com outra pessoa
 3 símbolos muito poderosos
 1 iniciação

AGORA SOIS CAPAZES:

 de traçar vosso símbolo de mestre de Reiki


 de dirigir melhor vosso tratamento de acordo com as verdadeiras
necessidades
 de iniciar outras pessoas aos níveis III e IV (mestre)
 de compreender melhor a energia cósmica
 de experimentar a energia fria
 de ser verdadeiramente um mestre.

CONCLUSÃO

Se criou um bela cumplicidade entre nós e sinto uma certa dificuldade para rompe-
la. Ao longo deste curso, vos tenho ajudado o melhor que pude e vos transmiti o
melhor possível a qualidade do ensinamento que eu mesmo recebi.

Até agora, não haviam escritos sobre o Reiki e tudo se baseava em uma
transmissão oral. Não obstante, cada mestre escreve o que tenha recebido e cada
mestre entrega a seus discípulos documentos escritos (ou pelo todos deveriam
faze-lo para assegurar a uniformidade destes ensinamentos).

De fato, estou fazendo o mesmo que os demais mestres: vos dei vossos símbolos,
vossas iniciações e as considerações que as acompanham. Já não me resta mais
nada a não ser entregar vossos diplomas para que o processo seja completo.

Os aperto uma vez mais entre meus braços em sinal de reconhecimento definitivo
dentro da bela família de Mestres de Reiki.

Ide em paz e respeitai o aspecto sagraado do Reiki. Vosso mestre à distância!

66
Bibliografia

FURUMOTO, Phyllis. The Usui System of Natural Healing, (El


sistema Usui íe Sanarían Natural), The Reiki Alliance, 1985, pág. 24.
HABERLY, Helen }. Reiki, Hawaio Takata 's Story, (Reiki, la historia ie Hawaio
Takata),
Olney (E - U), Archedigm, 1990, pág. 112
HORAN, Paula. Reiki, Se soigner, (Reiki, curarse a uno mismo), Orsay, Entrelacs,
1991,
pág. 216
JARRELL, David G. Reiki Plus, Natural Healing, (Reiki Plus, Sanación Natural),
Celina
(E - U) Richard Laevitt, 1984, pág. 80
SHARAMON & BAGINSKI, Reiki, (Reiki), France, Guy Trédaniel, 1991, pág. 212.
SHRUBIN, Barbara Chinta. Reiki et Crístaux, (Reiki y Cristales), Editions du
Verseu.
STEIN, Diane, Reiki Essentiel, (Reiki Esencial), Guy Trédaniel, France, 1995, pág.
213.
Las enseñanzas orales y escritas de mis maestros.

DIPLOMA

Para receber vossos diplomas, deveis fazer chegar a mim os oito relatórios
devidamente datados junto com esta página, a fim de que possa verificar e
autenticar vossos passos, conforme peço em seguida, acompanhados de um vale
postal ou ordem de pagamento de US$ 25,00, para cobrir os gastos relacionados
com a emissão e o envio de vossos quatro diplomas. Por favor, não enviem
fotocópias. Envie o original tanto dos relatórios quanto desta página.

8 relatórios:
5 relatórios de iniciação
2 relatórios de experimentação
1 informe de transmissão

A observar:

Se não completar a preparação dos quatro níveis, mesmo assim podes sempre
pedir os diplomas pelos níveis já alcançados: Dr. Alain Courchesne 275 A, rué
Principale
Saint-Sauveur-des-Monts (Québec) JOR 1RO

67
NOTA DO TRADUTOR:

Em honra a este Grande Mestre de Reiki, e também agora meu mestre à


distância, por sua ajuda a todos nós que por uma ou outra razão não tivemos os
meios de poder pagar quantias elevadas por este mesmo ensinamento, peço que
todos os que desejarem adquirir seus diplomas o façam por intermédio dele, no
endereço acima.

Será preciso adquirir o livro original e enviar a última página (DIPLOMA) junto com
seus relatórios descritos acima. Os livros originais podem ser adquiridos nos
seguintes websites:

http://www.uruservice.com/epiway/hwbsvp01.cgi?Uruservice,011-160-0143

http://www.bohindra.com/ML115_reiki.html

Nossa intenção, ao traduzir este texto, foi a de divulgar os ensinamentos antigos


do Reiki, em Português, para todos aqueles que não possuem os meios de fazer
frente aos preços praticados para a transmissão desta luz.

Embora estejamos ensinando e dando diplomas, já que a obra é de outro autor,


pedimos que entrem em contato com ele a fim de obter vossos diplomas do curso
á distância de Reiki.

Vamos transmitir a energia REIKI!

68

Interesses relacionados