Cinética química: Termodinâmica?

Tão

importante

quanto

a

Segunda

Lei

da

a segunda lei pode ser "flecha do tempo", mas a ativação energias (cinética química) evitar a segunda lei de previsões de ocorrência de femtosegundos para eternidades. Isso é humanamente importante: Energias de ativação não só protegem todos os produtos químicos orgânicos do nossos corpos e nossas posses oxidável da combustão instantânea no ar, mas também nossos esquis e pranchas de surfe quebráveis (e pernas) da fratura desastroso. Lei de Murphy é freqüentemente aplicada a química e física percalços, coisas dando errado. Mas as coisas nem sempre seguem a segunda lei e explodiu em chama ou quebrar! Cinética química é a razão pela qual a Lei de Murphy costuma falhar. Introdução A segunda lei da termodinâmica é impressionante completa em sua largura e profundidade de aplicabilidade de quarks para o cosmos a partir de reações químicas de movimento perpétuo máquinas. Sua supremacia nunca foi expressa mais eloquente do que Sir Arthur Eddington [1] há muitos anos, com a conclusão firme: "... se a sua teoria é encontrado ser contra a Segunda Lei da Termodinâmica, eu posso lhe dar nenhuma esperança, não há nada para ele, mas o colapso na mais profunda humilhação. "Sir Arthur anteriormente resumidos pertinência a segunda lei de nosso senso intuitivo de tempo, descrevendo-o como "seta do tempo", porém, quando o papel vital da cinética de reações químicas foi recentemente, juntamente com seu aforismo de rendimento [2]: "A segunda lei da termodinâmica é flecha do tempo, mas a cinética química é o relógio do tempo variável. "inesperadamente, alguns reações químicos foram morna [3]. Certamente, todos concordam que o campo de cinética química é fundamental para o entendimento, mas, igualmente certo, não é tão longe atingindo nem como fundamental para a compreensão de toda a natureza como a segunda lei. Como pode os dois sejam acoplados e, assim, implícita a ser de importância comparável? Esta questão é respondidas neste breve artigo. O Ensino de Cinética Química: Taxas de reação, energias de ativação Necessariamente, um bom professor garante que a primeira introdução de um estudante na taca de reação é via amplamente estudada, matematicamente reações simples. Isso geralmente significa que os mecanismos são bem simples, mas certamente não implica que as substâncias discutidos são materiais comns do cotiadinao. A decomposição de NOBr ou a reação de F2 com o NO2 não envolvam produtos químicos que os alunos encontram em grandes quantidades nas suas salas de dormitório ou na quadra. Como o assunto da cinética é desenvolvido em textos ou palestras, outras substâncias, que também estão longe de ser experiecia diária de alunos são utilizadas. Isso faz parte da aprendizagem, como é ouvir que a maioria termodinamicamente reações espontâneas são impedidas ou pelos requisitos de quebra de vínculo que estão por trás das energias de ativação. A energia de ativação (EACT) é, portanto, considerado o barreira energética que impede a segunda lei de ser obedecida imediatamente. Estudantes, no entanto, tendem a lembrar o conflito cinética-termo com maior expressão no âmbito com produtos químicos exóticos. NOBr pode ficar em suas mentes, mesmo após terem sido demonstrado que, em nosso ambiente rico em oxigênio, o mesmo obstáculo cinética se aplica a qualquer substancia combustivel.

A Segunda Lei não tem sentido sem Cinética Química? Os professores raramente mencionam as oxidações da matéria orgânica no seu desenvolvimento inicial das taxas de reação porque a cinética e os mecanismos são tão complexos. Ainda assim, mesmo uma estudante do primeiro ano que se pode limitar o equilíbrio dos átomos em ambos os lados de uma equação não encontra complicação para calcular ÄG para a reação do oxigênio com compostos organicos para produzir CO2 e água. A conclusão é de tirar o fôlego a um novato: Todos os energia livre de oxidação de compostos orgânicos com oxigênio são negativos e, portanto, substacia não organicas,

EACT decrescente. O que melhor é a justificação para insistir que descrever corretamente o comportamento da matéria no mundo real em que nós e outras formas de vida estão presentes. tintas. ou carros é impedida por EACT. estofamento e óleos. Sem cinética química (fundamentalmente. ou seja. então. destruição "oxidativo de nossos artefatos valorizada. quantitativamente e estatisticamente. seria suficiente (sem descrever um cenário mundial de desperdício planeta após a destruição de todos os materiais celulósicos e oxidáveis. agente inserido (como a oxidação. a "Lei" é estendida a situações ou acontecimentos que incomodam ou nos prejudicar. portanto. CO2 e óxidos de azoto provenientes de tintas. e não outras pessoas. a energia de ativação foram de repente "abolido". limitada apenas pela o oxigênio disponível) para fixar na mente dos alunos a importância da cinética química de existência e ao nosso prezado artefatos com EACT como guardião do controle cinético. mas pode ser um alívio para o nosso humor frustrações. alumínio. polímeros. mas como significativo seria sem a inteligência dos qualquer forma de vida para discerni-la? A vida não pode existir sem as multidões de obstruções para reações químicas consideradas espontâneas pela segunda lei. os obstáculos EACT. É somente quando uma fonte de ignição é fornecida (como a oxidação de materiais combustíveis) ou um catalítico. óxidos de nitrogênio e quente partículas de óxido de metal como o oxigênio suficiente corria para o quarto. todos os alunos (e instrutores). é hora de químicos para explicar as bases da tais acontecimentos. corrosão de metais) que Lei de Murphy ganha. • substâncias comuns não mudar instantaneamente no ar ou umidade. Obviamente que é uma hipérbole. dióxido de carbono. • A maioria dos objetos manter unida e não romper imediatamente. • Quando o infortúnio físico ocorre é geralmente devido à entrada de energia que excede o EACT crítica de alguns componentes.Suas motos fora seria alterado para chuveiros incandescente de óxido de metal enquanto os carros seriam explodir quando expelir grandes quantidades de poeira brilhante de óxido de metal. não haveria vida na o universo. "Por que as coisas vão mal?" tem uma resposta pronta em química eventos que incidentalmente ou desastrosamente humanos chateado. Se. naquela sala e fora dela. plásticos. "quando a energia de ativação são ultrapassados. Aqueles Frases si só. Air faz a vida impossível a menos que a barreira de EACT está presente. borracha. se não houvesse EACT. e palestra do banco. Não seria útil para todos os professores em início de química de colocar as questões que envolvem vários exemplos dramáticos de EACT obstruindo termodinamicamente espontânea reações? "Porque é que as cadeiras de madeira ou de livros de brinde ou biblioteca ser exposto ao ar e não desaparecer instantaneamente? Por que todos nós seres humanos não entram em combustão espontânea? "Basta perguntar os alunos a olhar em torno de sua sala de aula permitirá o professor para enfatizar a enorme importância das energias de ativação da oxidação: Somente o cimento e gesso da sala estaria lá naquele momento. mas envolvem principalmente o comportamento das substâncias químicas e objetos materiais. as coisas na . Podemos reagir com: "Por que as coisas vão mal?" ou até "Por que eu?"Nessas situações. como as nossas casas. • A razão para a estabilidade é cinética química. porém. além dos gases CO. tanto para não-cientistas e cientistas de outros campos: • As coisas não costumam dar errado.incluindo cada uma substância essencial para a vida biológica não poderia existir em presença de ar. implementado pela energia de ativação. se não fosse pela energia de ativação barreiras que impedem a rápida execução da segunda lei. aço. nem tudo já está em sua oxidação roupas estado mais estável e outros tecidos. Freqüentemente. a descrição de Eddingt onde direito de segunda ação deve ser limitado por: "mas cinética química é variável do tempo "relógio? Cinética química é a Lei de Murphy da razão costuma falhar Lei de Murphy inicialmente foi aplicado para as fraquezas humanas e nosso trabalho com o complexo sistemas [4]. A segunda lei é suprema. bicicletas. sem a dominância da quebra de ligações mais títulos que se formam em reações). tudo desapareceria em uma bola de fogo para se tornar o monóxido de carbono.

não EACT que é geral a um tipo de química de sólidos. por ligações químicas. energias de ativação em eventos químicos e físicos proteger a nós e nossos objetos premiado de indesejáveis. sólido para que o indivíduo evento. ou estimadas muitos combustíveis e oxidáveis coisas sobre nós. "Uma perna fraturada em um acidente de esqui. é não? Certamente. Infelizmente. quer sejam físicos ou químicos. mas cinética química é o relógio do tempo variável ". pois ela traz a mesma relação para quebrar um sólido que uma EACT química tem de permitir uma reação espontânea ocorrer. graças à cinética química é. elementos menores e traços e os seus sites. . porque é a energia requerida para iniciar o processo de fratura. como tem sido descrito e é intuitivamente óbvio. Lei de Murphy é mais freqüentemente parece nos ameaçam diariamente pela quebra ou desgaste de alguma coisa que precisamos ou tesouro. Em rasgando um párachoque do carro em um acidente ou quebra um braço ou mesmo a terrível desastres de ter a nossa casa destruída em um furacão tropical ou uma Califórnia terramoto. Quebrar as coisas: "mudança física". Igualmente vital para todos nós. Se a alteração física ou química mudança a que se aplicam é indesejável para nós. a maioria dos acontecimentos materiais desagradáveis em nossas vidas não envolvem alterações químicas. Conclusão Puramente de um ponto de vista humano cinética química é tão importante como a Segunda Lei da Termodinâmica. pois todos os compostos orgânicos são termodinamicamente instáveis de oxigênio. apesar de sua metaestabilidade termodinâmica direção violentos fluxos de energia externa. seja em reações químicas ou fraturas física. a energia livre da maior parte do material em um esqui. A infinita variedade de objetos sólidos que usamos ou prêmio são mantidos juntos. as coisas alteraram nesses eventos estressantes não foram quimicamente alterado. bem como as alterações desastrosas [5]. Nem o homem nem a qualquer outro organismo poderia existir no ar se EACT não foi uma barreira energética para a segunda lei. mesmo que é uma substância relativamente pura de celulose ou fenólica ou de aço. e assim eles estão protegidos contra alterações por EACT sólidos.. que provoca sofrimento humano Provavelmente. energias de ativação. uma na Califórnia queda livre em um terremoto. são protegidos contramudança no ar. Esta é a verdadeira causa da variável não-fatores fundamentais para a fratura de um determinado objeto sólido: a sua forma. é o EACT. um incêndio em uma casa de fraternidade iniciado por um cigarro esquecido. a partir de florestas para casas de artefatos de aço.. o essencial. a história de fabricação. uma engrenagem quebrada em um tempo Corvette. incluindo a taxa de aplicação da carga em um determinado ponto sobre o objeto. não relacionados a alterações químicas. Desgaste em máquinas (ou pneus) é devido a fraturas múltiplas de aglomerados de átomos ou moléculas de um objeto sólido. Eles estão cada entrada mínima de energia necessária antes que a mudança ocorre. uma parcela da força mecânica ou de carga que pode ser aplicado a alguma coisa em um determinado ponto até que se rompe é a máxima para a situação específica e objeto imediatamente anterior a sua fratura [5]. um encaixe corroídos Avião de Chuck Yeager de foguetes X1 que quase o matou. a ativação energias estão envolvidos.maioria das vezes não errado quimicamente. a segunda lei determodinâmica é a flecha do tempo. como bem como muitas outras considerações. todos estes são exemplos de energias de ativação sendo ultrapassado. deformações e defeitos no seu interior. mas as ligações interatômicas ou intermoleculares foram divididos e os novos formados ao longo e perto da linha de ruptura no processo. sólidos ou EACT que nos protege de acidente ou tragédia mesmo. antes e depois é quebrado é essencialmente o mesmo. Felizmente para nós ". Pobre Murphy é principalmente um loser. pode ser determinada como de uma mistura de reação química. No entanto. Sólidos Fractura é uma mudança física. Esta máxima pode ser definida como o EACT. Assim. . Elas envolvem "as coisas acontecendo de errado "na vida das pessoas.

Sign up to vote on this title
UsefulNot useful