Você está na página 1de 9

Ambientes Virtuais de Aprendizagem

Ambientes Virtuais de Aprendizagem Os ambientes virtuais de aprendizagem (AVA) são sistemas (softwares) desenvolvidos

Os ambientes virtuais de aprendizagem (AVA) são sistemas (softwares) desenvolvidos para promover o ensino-aprendizagem por meio de ferramentas de interação e comunicação on-line entre alunos, professores e demais atores envolvidos no processo de ensino.

Estes AVAs, também chamados de Plataformas de Ensino, são desenvolvidos sob certa metodologia ou visão pedagógica e são tipicamente utilizados em cursos a distância ou semi-presenciais, constituindo-se em um ambiente importante para oportunizar espaços de interação.

Atenção Esses ambientes virtuais de aprendizagem oferecem condições para a interação permanente entre os seus
Atenção
Esses ambientes virtuais de aprendizagem oferecem condições para a interação
permanente entre os seus usuários. As interações podem ser de natureza síncrona
- como as salas de bate-papo e conferência em tempo real - e assíncronas - como
fóruns e atividades de trabalho coletivo.

No ambiente virtual, as várias formas de navegação e ferramentas de comunicação síncronas e assíncronas, oferecem aos estudantes oportunidades de definirem seus próprios caminhos de navegação, afastando-se de modelos massivos de ensino e oferecendo aprendizagens personalizadas.

Interação e Construção coletiva do conhecimento são os dois princípios, muito importantes, que devem nortear o uso e o preparo de cursos que serão oferecidos em um ambiente virtual de aprendizagem.

01
01
Segundo Paulo Freire, na escola, professor e aluno são complementares: todos aprendem e todos ensinam,

Segundo Paulo Freire, na escola, professor e aluno são complementares: todos aprendem e todos ensinam, cabendo a cada um fazer render suas potencialidades A afirmação muito conhecido do grande educador de que ninguém ensina ninguém, mas ninguém aprende sozinho remete à visão essencial de que as pessoas ensinam umas às outras, e elas aprendem umas com as outras. Educação como processo vital de aprendizagem se dá quando uma pessoa dialoga com a outra e juntos buscam o conhecimento.

aprende

sozinho.” Paulo Freire

Esta visão de aprendizagem como construção coletiva encontra uma ferramenta muito importante nos ambientes virtuais de aprendizagem, não só nos cursos a distância e semi-presenciais, como também nos cursos presenciais.

Ninguém

como também nos cursos presenciais. “ Ninguém ensina ninguém, mas ninguém As variedades de ferramentas

ensina

ninguém,

mas

ninguém

As variedades de ferramentas contidas nestes ambientes permitem que alunos e professores-mediadores interajam de forma organizada e colaborem na construção de textos on-line, interação síncrona em

salas de bate-papo e assíncrona em fóruns, desenvolvimento de atividades on-line e off-line e questionários.

Neste sentido, podemos distinguir dois grandes grupos de objetos que podem ser disponibilizados em uma ambiente on-line:

- Recursos - todo conteúdo em forma digital que pode ser disponibilizado na Internet. Incluem-se aí arquivos do tipo Word, PDF, HTML etc; Imagens e arquivos de áudio e vídeo; apresentações (tipo PowerPoint); animações em Flash e até pequenos programas interativos e simuladores;

e vídeo; apresentações (tipo PowerPoint); animações em Flash e até pequenos programas interativos e simuladores; 02
02
02
- Atividades - Fóruns, salas de bate-papo, tarefas on-line e off-line, áudio e vídeo- conferência,

- Atividades - Fóruns, salas de bate-papo, tarefas on-line e off-line, áudio e vídeo- conferência, questionários, glossários, wiki etc.

Um aspecto essencial de um ambiente de aprendizagem é que estes recursos e atividades são dispostos de forma organizada, seguindo um roteiro, ou seja, uma ordem de apresentação definida pelo autor, que pode ou não permitir caminhos alternativos de navegação.

Em outras palavras, não se trata apenas de um repositório de conteúdos e ferramentas de comunicação, mas sim de um ambiente em que estes objetos se integram seguindo uma visão organizada de apresentação.

Alguns ambientes virtuais de aprendizagem

Há várias plataformas que podem ser utilizadas em cursos a distância ou semi- presenciais e que atendem plenamente os requisitos básicos que se espera ver nestes sistemas. Inclusive, há vários que são livres, isto é, podem ser utilizadas sem custo e têm seu código fonte aberto para serem customizados para atender às necessidades próprias de cada instituição.

Restringindo aos ambientes virtuais de aprendizagem livres, destacamos os seguintes:

- MOODLE - (http://moodle.org/) - é um dos ambientes de educação a distância

mais utilizados no Brasil e no Mundo. Ele foi adotado pelo Governo Federal para os projetos UAB e e-TecBrasil e será utilizado na parceria do Programa UNIVESP com o Centro Paula Souza.

- TIDIA-AE (Aprendizagem Eletrônica) - (http://www.tidia.fapesp.br/portal). O Projeto TIDIA - Programa de Tecnologia da Informação no Desenvolvimento da Internet Avançada - é financiado pela FAPESP, e foi criado em 2001 para incentivar a pesquisa científica e tecnológica em projetos cooperativos relacionados ao estudo

03
03
e desenvolvimento de "redes experimentais" de alta velocidade permitindo, por exemplo, a integração de

e desenvolvimento de "redes experimentais" de alta velocidade permitindo, por exemplo, a integração de laboratórios geograficamente distribuídos. Um de seus produtos é o ambiente de aprendizagem eletrônica, conhecido como TIDIA-AE.

- TelEduc - (http://www.teleduc.org.br/) - é um ambiente de educação a distância

desenvolvido conjuntamente pelo Núcleo de Informática Aplicada à Educação (Nied) e pelo Instituto de Computação (IC) da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp).

- Claroline - (http://www.claroline.net/) - É um ambiente versátil, amigável e rico em funcionalidades, com muitos recursos de acompanhamento e avaliação da participação dos alunos.

- Dokeos - (http://www.dokeos.com) - Desenvolvido a partir do Ambiente Claroline permite ao professor criar conteúdos pedagógicos, estruturados em rotas de aprendizagem, que permitem a interação entre os alunos. Chama a atenção pela simplicidade da interface para o usuário.

Os AVAs listados acima constituem apenas uma parte dos vários e excelentes ambientes disponíveis para utilização em cursos a distância e presenciais. O ambiente adotado para o projeto UNIVESP é o ambiente MOODLE. Na próxima seção, descreveremos algumas das funcionalidades e usos presentes no Ambiente MOODLE. Na verdade, nosso propósito não é ensinar a utilizar estes recursos, uma vez que vocês já os têm utilizado ao longo deste curso de Capacitação. Mas sim sistematizar estas atividades principais a fim de orientá-los quando vocês forem os gerenciadores de seus cursos oferecidos a distância.

Lembre-se sempre da importância da capacitação inicial no uso da plataforma, especialmente quando os alunos não têm experiência prévia no uso de AVAs.

inicial no uso da plataforma, especialmente quando os alunos não têm experiência prévia no uso de
04
04

A Plataforma MOODLE

A Plataforma MOODLE Modular Object-Oriented Dynamic Learning Environment (Moodle) é um software livre criado em por

Modular Object-Oriented Dynamic Learning Environment (Moodle) é um

criado em por , mas a plataforma está em constante

, de apoio à

, executado em ambiente virtual.

Foi

evolução. Dougiamas tem formação básica em Ciência da Computação e fez

mestrado e doutorado em Educação. Seu trabalho no desenvolvimento do Moodle

foi influenciado pela epistemologia do construcionismo social - que não só trata a

aprendizagem como uma atividade social, mas focaliza a atenção na aprendizagem que acontece em quanto se constrói ativamente artefatos (como textos, por

exemplo), para que outros vejam ou utilizem. Uma importante característica do

projeto Moodle é a comunidade virtual ( http://www.moodle.org ) voltada

discussão, colaboração e compartilhamento de informação sobre a utilização da plataforma por administradores de sistemas, professores, pesquisadores,

desenhistas instrucionais e desenvolvedores.

Como usar o MOODLE

As palavras-chave no que se refere à oferta de uma disciplina para o uso de um AVA,

como é o caso do MOODLE, são interação e colaboração. Se um curso utiliza o Ambiente apenas para disponibilizar textos, ele estará sendo subutilizado.

O professor que media e cria um curso deve fazer com que os materiais

disponibilizados estejam integrados a instrumentos de comunicação e interação e as atividades devem levar aos alunos a colaboração e ao aprendizado coletivo.

05
05
O MOODLE é uma solução que favorece esta aprendizagem colaborativa, mas para isso deve ser

O MOODLE é uma solução que favorece esta aprendizagem colaborativa, mas para

isso deve ser bem utilizado. Entendemos, por este conceito, a aprendizagem alcançada pelas trocas sociais entre os indivíduos e norteada por um interesse comum, no caso representado pelos objetivos planejados para o curso. Estas interações fluirão de maneira mais natural em um ambiente que as favoreça e que preserve a liberdade de exposição de idéias e questionamentos e o respeito às diferenças individuais.

Observamos que, por um lado, os processos educativos, muitas vezes, não reforçam a colaboração, ao contrário, favorecem posturas de competição individual (pelos primeiros lugares, distinção na classe, etc.). Por outro, as gerações mais novas já crescem em um ambiente de colaboração on-line. Os bate-papos em tempo real com vários amigos e os jogos on-line colaborativos formam um ambiente no qual estes jovens transitam com total naturalidade. É importante que

o educador incorpore esta naturalidade ao ambiente virtual de aprendizagem e a potencialize como instrumento de aprendizagem colaborativa.

Em um ambiente virtual de aprendizagem, professores-autores, professores- mediadores e alunos reavaliam continuamente seus papéis, na medida em que o

processo educativo segue seu curso juntamente com novos recursos tecnológicos

e novas formas de interação tomam forma.

O MOODLE envolve um conjunto de ferramentas que se apresentam de forma estruturada. Além das ferramentas nativas, o MOODLE também dispõe da opção de agregar outras ferramentas que podem ser instaladas como complementares às suas funções básicas, os plugins. Porém basicamente o MOODLE se resume em:

- Recursos

Recursos são arquivos, textos e páginas na Web que podem ser disponibilizados no ambiente. Basicamente, recursos são todos os materiais bases utilizados na disciplina. O Ambiente MOODLE é compatível com uma série de tipos de recursos,

o que permite que seja utilizado quase todos os formatos de conteúdos web nos

cursos.

uma série de tipos de recursos, o que permite que seja utilizado quase todos os formatos
06
06
- Blocos Laterais São itens informacionais disponibilizados lateralmente no ambiente, tem a função de complementar

- Blocos Laterais

São itens informacionais disponibilizados lateralmente no ambiente, tem a função de complementar o conteúdo através de informações pontuais assim como fornecer acesso ao gerenciamento do ambiente para os professores-mediadores e administradores do sistema.

•Calendário Possibilita a inserção de eventos globais aos cadastrados no moodle, restrito ao curso ou ao aluno.

•Participantes Mostra todos os participantes do curso entre eles professores e alunos

•Próximos Eventos Lista os próximos eventos agendados previamente no calendário.

•Itens do Glossário Lista alguns itens inseridos nos glossário.

• Alimentador RSS

Carrega informações de outros sites previamente cadastrados pelos professores- mediadores.

• Últimas Notícias

Disponibiliza as últimas notícias postadas no fórum pelos participantes.

- Atividades

As atividades são ferramentas de produção de material e interação fundamentais à construção conjunta da aprendizagem e seu compartilhamento. São classificadas como comunicativas e avaliativas, entre elas podemos citar:

07
07
- Comunicação 1. Chat ou Bate-papo – permite a discussão de forma síncrona. Os participantes

- Comunicação

1.Chat ou Bate-papo – permite a discussão de forma síncrona. Os participantes entram em uma sala de bate-papo e discutem, por meio de texto, com outros, em tempo real. Toda a conversa fica gravada e pode ser consultada posteriormente.

2.Webconferência – permite a discussão de forma síncrona entre os participantes do curso através de texto áudio e vídeo em tempo real, toda a conversa fica gravada e pode ser consultada posteriormente.

3. Fórum (Fóruns de Discussões) – permite discussões de forma assíncrona, isto é, não é necessário estar on-line para discutir um tópico com outro participante. Os Fóruns têm diversos tipos de estrutura e podem ser utilizados também como forma de avaliação pelo professor ou pelos pares.

4.Enquetes – É uma atividade muito simples, na qual o professor faz uma pergunta com diversas opções de resposta. Serve para fazer pesquisas de opinião, para estimular a reflexão sobre um tópico, para escolher entre sugestões dadas para a solução de um problema, dentre outros usos.

5.Blog – Espaço para postagem de artigos/posts definido a cada participante que permite comentários de outros colegas.

- Avaliação

1.Galeria – Permite a troca de arquivos texto, imagem, vídeos, etc., entre os participantes. Tudo o que é enviado fica disponível para comentário e visualização dos colegas.

2. Fórum – Além de ser um espaço de comunicação também possibilita a avaliação da interação dos participantes e a troca de arquivo.

um espaço de comunicação também possibilita a avaliação da interação dos participantes e a troca de
08
08
3. Glossário – Tem a função de um dicionário de sinônimos colaborativo, qualquer participante pode

3.Glossário – Tem a função de um dicionário de sinônimos colaborativo, qualquer participante pode acrescentar itens assim como comentar os itens dos colegas, também possibilita avaliação.

4.Lição – Possibilita a junção de conteúdo com questões avaliativas, também pode ser inserido Power Point como conteúdo.

5.Questionário – Questões avaliativas podem ser do tipo múltipla escolha, verdadeiro ou falso, respostas dissertativas, associação de colunas e complete.

6.Tarefa – Troca de arquivos entre professor-mediador e aluno, todos os arquivos ficam disponíveis apenas para os dois status. O professor-mediador por dar notas, comentar e trocar arquivos com os alunos.

7.Wiki - ferramenta de construção de texto colaborativa. Todos os registros ficam disponíveis para o professor-mediador consultar.

8.Portifólio – Espaço individual do aluno que possibilita o agrupamento de trabalhos pessoais produzido durante o curso todo. Permite o compartilhamento com outros colegas.

Essa apresentação é uma breve apresentação das bases pedagógicas que devem nortear um curso a distância e dos recursos e atividades que o MOODLE oferece para que os professores possam obter conhecimento significativo sobre as ferramentas do MOODLE e suas funções pedagógicas.

Em um curso a distância, o ambiente virtual que é criado para o aluno torna-se um aspecto importantíssimo do processo e, por isso, deve ser analisado e planejado com muito cuidado por professores e gestores do curso.

09
09