Você está na página 1de 16

ELETROSTÁTICA

I
1 – NOÇÃO DE CARGA ELÉTRICA
1.1 – PRINCÍPIOS DA ELETROSTÁTICA
1.2 – CONDUTORES E ISOLANTES
2 – PROCESSOS DE ELETRIZAÇÃO
2.1 – POR ATRITO
2.2 – POR CONTATO
2.3 – POR INDUÇÃO ELETROSTÁTICA
3 – ELETROSCÓPIOS
3.1 – PÊNDULO ELÉTRICO
3.2 – ELETROSCÓPIO DE FOLHAS
4 – FORÇA ELÉTRICA - LEI DE COULOMB
– Noção
1 Próton
O Elétron
de Carga
é umaElétrica
partícula elementar da
Nêutron estrutura. Sua carga vale – e
Elétron

O Próton, é formado por dois


Quarks Up e um Quark Down.
1
2 2 1 Quark Down =  e
QP  e  e  e  e 3
3 3 3 2
Quark Up =  e
3
O Nêutron, é formado por dois
Quarks Down e um Quark Up.
2 1 1
QN  e  e  e  0
3 3 3
A carga elétrica é quantizada.
Sua unidade no Sistema Internacional (SI)
é o coulomb, e abrevia-se C.
milicoulomb mC 10 -3 C
-6
microcoulomb μC 10 C
nanocoulomb nC 10 -9 C
picocoulomb pC 10-12 C

A menor carga elétrica, Carga Elementar,


é a carga do Elétron. Foi determinada na
experiência de Millikan. Seu valor é:
Q 
e  1,6x10  19
N.e C
1.1––Atração
1º e Repulsão
Princípios da Eletrostática
 
-F F

 
-F F

 
F -F

Todo corpo eletrizado,


  por indução
F -F
eletrostática, sempre atrai um corpo
neutro.
Cargas de mesmo sinal se repelem,
cargas de sinais opostos se atraem.
2º – Conservação da Carga Elétrica

Em um sistema eletricamente isolado,


a soma das cargas elétricas se mantém
constante.
ΣQANTES  ΣQDEPOIS
1.2 – Condutores e Isolantes
UmUm corpo
corpo é dito
é dito condutor
isolante quando
quando as
as cargas
cargas elétricas,
elétricas, quesurgem,
que nele nele surgem, tem
não tem
liberdade para se mover sobre a superfície.

++ - -
+ -
++ + - -
+ + - -
+ + - -
+ + + - -
++ + - - -
+
+ ++
+ - - - -
+
+ ++ -- - -
+ + --- -
2 – –Processos
2.1 Triboeletrização – Atrito
de Eletrização
SÉRIE TRIBOELÉTRICA

++++ --
--
Na eletrização por atrito, os corpos
adquirem cargas de sinais opostos.
2.2 – Eletrização por Contato

Elétrons
Elétrons livres,
livres, em excesso,
migram do corpo
migrampara
neutro parao ocorpo
corpoeletrizado.
neutro.
Ligação Terra

do Terra
Elétrons livres da corposobem
descem para
para o
acorpo.
Terra.
2.3 – Eletrização por Indução

Indutor

Induzido
– Pêndulo Elétrico
– Eletroscópios
33.1

Corpo A
B eletrizado.

Pêndulo
eletrizado.
neutro.
AoAproxima-se
Aproxima-se
fazer
Aproxima-se um
contato, ocorpo
então, A eletrizado,
pêndulo
outro
então, um eletriza-se
corpo B
corpo B
comBBtem
carga do
depêndulo
temeletrizado
carga
carga de
mesmo
eletrizado do neutro.
desinal
mesmocontrário
dosinal sinal
que ode
pêndulo.
pêndulo. de A.
A.
corpo
eletrizado.
3.2 – Eletroscópio de Folhas

Corpo Eletrizado

AoAo
aproximar
aproximarumumcorpo
corpode eletrizado
um eletroscópio de folhas, suas
de um eletroscópio
lâminas seas
carregado,
carregado,abrem
asfolhasindicando
folhasirão afechar
presença
irãoseseabrir caso
casode cargas
a carga
a carga elétricas
do corpo
do corpo
seja
nesse corpo. No primeiro
sejaigual caso
contraria
a do doaeletroscópio.
carga do corpo eletrizado é
eletroscópio.
negativa, no segundo caso a carga é positiva.
Um minuto de relaxamento...
4 – Força Elétrica – Lei de Coulomb
 
-F F

 
 -F   F 
-F - F/4 F/4 F
+ + + +
 2d
d 
F -F

 
F -F
Para uma distância 2d
d entre
entreas
ascargas,
cargas,aaforça
forçavale
valeF
Q .q
Fk Q
Utilizando um aparelho chamado Balança de Torção,
Q
QF .
2 ..qq
FF'F'
k.
d
eletrostát
Coulomb demonstrou experimentalmente que a Força
k
d4 2
Eletrostática
Onde kentre duas cargas
é a constante 2 ica do é
puntiformes diretamente
meio.
proporcional ao produto
(2d)
4d
das
2
2cargas e inversamente
No vácuo, k  9x10 N.m /C
9 2
proporcional ao quadrado da distância que as separa.
Gráfico F x d
d F
FE
2d  F/4
F

3d  F/9

4d  F/16

d   ;F  0
F/4

F/9
F/16
0
d 2d 3d 4d d