Você está na página 1de 21

CONHECIMENTOS TÉCNICOS

E MOTORES II

Prof. Henrique Barbosa


A falta de
lubrificação das
peças metálicas
móveis causa um Sistema de Lubrificação
desgaste devido
ao calor causado
• Quando duas superfícies
pelo atrito. E além
disso o calor
metálicas estão em contato
pode queimar o
é inevitável o aparecimento
óleo,
transformando-o
do atrito, por mais que as
numa borra
pegajosa que
superfícies estejam polidas
acabará
impedindo o
• Quando utilizamos um óleo
funcionamento
das peças.
lubrificante este atrito fica
minimizado, tornando-se
possível seu funcionamento
com o mínimo de atrito
Além da função normal de lubrificação das peças móveis, o óleo tem
como função secundária auxiliar no arrefecimento do motor.
O Óleo Lubrificante
• As principais propriedades
do óleo lubrificante são:
– Viscosidade
– Ponto de Congelamento
– Ponto de Fulgor

• Viscosidade:- é a resistência
que o óleo oferece ao
escoamento.

Frio ( óleo + viscoso )


Calor ( óleo – viscoso )
Determinação da Viscosidade
• A viscosidade do óleo é
determinada por meio de
instrumentos chamados
viscosímetros. Um deles é o
Viscosímetro de Saybolt, que
mede o tempo que 60 cm3 do
óleo levam para escoar
através de um orifício
padrão, numa dada
temperatura.
Quanto a Classificação
• Classificação SAE:- • Classificação para
método muito Aviação:- o óleo
utilizado, que fornecido pelas
classifica os óleos em empresas de petróleo,
sete grupos: SAE10, destinado a aviação,
SAE20, SAE30,
tem uma classificação
SAE40, SAE50,
SAE60, SAE70, na própria indicada
ordem crescente de através de números:
viscosidade 65, 80, 100, 120, 140.
Tabela de Comparação
ÓLEOS PARA
CLASSIFICAÇÃO SAE
AVIAÇÃO
65 30
80 40
100 50
120 60
140 70
Ponto de Congelamento
• É a temperatura em que o óleo deixa de escoar. Um
bom óleo tem baixo ponto de congelamento
Ponto de Fulgor
• É a temperatura em que o óleo inflama-se
momentaneamente quando em contato com uma
chama. Um bom óleo tem alto ponto de fulgor, para
tornar possível a lubrificação em temperatura
elevada
Outras Propriedades
• Fluidez:- esta • Neutralidade:- indica a
propriedade indica a ausência de acidez no
facilidade em fluir. O óleo. Os ácidos, se
óleo lubrificante deve ter presentes, atacam
elevada fluidez, para
circular facilmente pelo quimicamente as peças
motor do motor, causando
• Estabilidade:- O óleo corrosão
deve ser estável, isto é, • Oleosidade:- indica a
não deve sofrer capacidade do óleo em
alterações químicas e aderir a uma superfície
físicas durante o uso
Aditivos
• São substâncias químicas adicionadas ao óleo
para melhorar as suas qualidades. Os principais
são:
a) Anti-oxidantes:- melhoram a estabilidade
química do óleo
b) Detergentes:- servem para dissolver as
impurezas que se depositam nas partes internas
do motor
c) Anti-espumantes:- servem para evitar a
formação de espuma, que provoca falta de óleo
nas peças a serem lubrificadas
Sistemas de Lubrificação
• Existem três tipos de
sistemas de
lubrificação:
– Lubrificação por
Salpique
– Lubrificação por
Pressão
– Lubrificação Mista

Lubrificação Mista é o empregado na prática, e consiste em lubrificar


algumas partes por salpique ( cilindros, pinos de pistões, etc...) e outras
por pressão ( eixo de manivelas, eixo de comando de válvulas, etc... )
Lubrificação por Salpique
• Neste sistema de
lubrificação o óleo é
espalhado dentro do
motor através do
choque da biela com o
óleo depositado no
fundo do cárter
• A vantagem desta
lubrificação é a
simplicidade
Deve-se lembrar
que o excesso de
óleo no interior do
cilindro é retirado
através dos anéis
raspadores de Lubrificação por Pressão
óleo ( anéis de
lubrificação )
• Neste sistema o óleo é
localizados nas
canaletas
impulsionado sob
inferiores do
pistão
pressão para as
diversas partes do
motor, através de uma
bomba de óleo
• Esse é um sistema
eficiente, porém
demasiadamente
complexo.
Componentes do Sistema de
Lubrificação
• Os principais
componentes são:
– Reservatório
– Radiador
– Bombas
– Filtros
– Decantador
– Válvulas de diferentes
tipos
Reservatório
• Quanto ao armazenamento
do óleo, existem dois tipos
de motores:
– Motores de cárter molhado
– Motores de cárter seco

O nível de óleo no reservatório deve ser examinado periodicamente,


devido à perda que ocorre por vaporização, queima nos cilindros,
vazamentos, etc...
Radiador de Óleo
• É um dispositivo destinado à
diminuir a temperatura do óleo,
quando a temperatura do óleo
sobe acima de um determinado
limite, abre-se um termostato
fazendo o óleo passar pelo
radiador.

O óleo entra no radiador com baixa


viscosidade e alta temperatura e, ao
sair, estará mais frio e mais viscoso
Bomba de Óleo
• As bombas de óleo utilizadas
no sistema de lubrificação
são do tipo engrenagens. Os
tipos principais são:
– Bomba de Pressão ( ou de
Recalque ) – retira o óleo do
reservatório e o envia sob
pressão para o motor
– Bomba de Recuperação ( ou
de Retorno ) – retira o óleo
que circulou no motor e leva-o
para o reservatório.
O mecânico deve
examinar
periodicamente
os filtros, a fim de
verificar se
existem partículas Filtro
metálicas retidas,
indicando um
• Serve para reter as
desgaste anormal
ou iminente falha
de algumimpurezas do óleo,
componente do
motor através de uma fina
tela metálica, discos
ranhurados ou papel
corrugado
• O tipo de filtro mais
utilizado nos aviões
leves é o descartável.
Decantador
• Em alguns aviões o óleo
que circulou pelo motor
escoa por gravidade até um
pequeno tanque chamado
decantador ou colhedor. A
seguir o óleo passa por um
filtro e uma bomba o envia
para o motor
• Em alguns aviões não
existem o decantador pois
o próprio reservatório
desempenha esta função
Válvulas
• No sistema de
lubrificação existem
vários tipos de válvulas
que regulam o fluxo,
dentre elas as mais
importantes são:
– Válvula Reguladora de
Pressão
– Válvulas Unidirecional
– Válvula de Contorno ou By
Pass
Manômetro de
óleo

Instrumentos do Sistema de
este é o primeiro
instrumento a ser
verificado após a
partida do motor.
Se o mesmo não
Lubrificação
dar indicação em
30 segundos
• Serve para verificar o bom funcionamento do
deverá se cortar o
motor
sistema de lubrificação e detectar
anormalidades. Os principais instrumentos são o
manômetro de pressão e o termômetro de óleo