Você está na página 1de 22

Sistema Endócrino

Profº Renato Sato


Introdução
 Hormônios: são substâncias químicas
produzidas e liberadas pelo corpo com a
função de estimular ou inibir outros
órgãos.

 Produzidos pela glândulas endócrinas e


agem em pequenas quantidades através
da corrente sanguínea.
Hipófise
 Pituitária;
 Adenoipófise
(anterior) e a
neurohipófise
(posterior).
Adenoipófise
 Produz e secreta seus hormônios;

 Hormônios: STH (hormônio somatotrófico) ou


GH (hormônio do crescimento, “growth”); TSH
(hormônio tireotrófico); ACTH (hormônio
adrenocorticotrófico); FSH (hormônio folículo-
estimulante); LH (hormônio luteinizante);
Prolactina ou LTH (hormônio luteotrófico).
Gigantismo
Acromegalia
Neuroipófise
 Armazenadora e secretora de
hormônios.

 Hormônios: ADH (hormônio


antidiurético) ou Vasopressina; Ocitocina
(ou oxitocina).
Ação da ocitocina
Tireóide
 T3, T4 (tiroxina) e a calcitonina.
 T3, T4 (tiroxina) => aceleradores do
metabolismo.
 Taxas reduzidas: hipotireoidismo =>
obesidade e distúrbios mentais.
 Alta atividade: hipertireoidismo =>
emagrecimento, olhos exaltados e
dificuldade de concentração.
 T3, T4 (tiroxina) possuem iodo.
 Calcitonina: leva o excesso de cálcio do
sangue para os ossos.
Cretinismo
Bócio endêmico
Exoftalmia
Paratireóides
 Liberam o paratormônio, que regula o
cálcio sangüíneo no sangue.
Supra-renais ou Adrenais
 Libera o cortisol, a aldosterona e
hormônios sexuais.
 Cortisol: regula a taxa de açúcar e tem
ação antiinflamatória.
 Ele aumenta a glicose sangüínea.
 Aldosterona: aumenta a reabsorção de
sais nos rins.
 Na medula, produz a adrenalina.
Pâncreas
 Glândula mista;
 Ilhotas de Langerhans;
 Produção de glucagon e insulina;
 Excesso de glicose estocado na forma de
glicogênio;
 Baixos níveis de insulina => diabetes
mellitus.
Fim