Você está na página 1de 1

4 3 Abril 2009

REINO UNIDO
Obama oferece iPod à Rainha Isabel Protestos continuam Um morto nas manifestações na City
Os protestos contra a cimeira do
Barack Obama ofereceu à rainha Isabel II um iPod da Apple G20, transferiram-se, ontem, da Um homem morreu depois de cair ao chão durante as
personalizado antes de uma recepção no Palácio de City para os arredores do centro manifestações de protesto contra o G20 que tiveram lugar na
Buckingham. O presidente norte-americano e a mulher, Michelle, de conferências Excel, onde a “City”, o centro financeiro de Londres. A polícia Metropolitana de
foram recebidos pela rainha e o marido, o príncipe Filipe de reunião dos principais líderes do Londres disse que o homem desmaiou nas ruas do centro
Edimburgo, nos aposentos privados na soberana. Durante o planeta é realizada sob forte financeiro de Londres e que foi socorrido por dois polícias que
encontro, Obama ofereceu à rainha um iPod personalizado com protecção policial. A polícia chamaram uma ambulância. No hospital foi declarado morto,
um vídeo da visita que ela tinha efectuado em 2007 a informou que 86 manifestantes mas a polícia não avança com a causa de morte. Várias
Washington e à Virgínia. A rainha e o príncipe Filipe ofereceram foram presos nos protestos pessoas ficaram feridas quando manifestantes tentaram forçar
ao casal Obama retratos deles próprios com dedicatórias. anticapitalistas da véspera. as barreiras de segurança, perto do Banco de Inglaterra.

G 20 Líderes mundiais impõem


novas regras financeiras
Os líderes mundiais vão impor novas regras financeiras a duplicar ou a triplicar a base
financeira do Fundo Monetário Internacional (FMI) para combater a mais grave crise
económica desde os anos 1930, avançaram fontes na cimeira do G20. Uma versão preliminar
de um comunicado, obtido pela agência, aponta para um possível acordo.
“O texto que já circulou reflecte o alto nível do consenso que existe”, disse o primeiro-
ministro britânico Gordon Brown, embora admitindo haver ainda espaço para rever pontos
do documento se alguns dos representantes na cimeira vierem nas próximas horas a propor A violência não atravessa
alterações. A França e a Alemanha estão a exigir medidas concretas – não só promessas – para qualquer crise é o que se
limitar os paraísos fiscais e regular os mercados. pode depreender das fotos
recolhidas durante os
Uma versão preliminar do comunicado, obtida pela Reuters, prevê o estabelecimento de tumultos que ocorreram na
uma agência para regular os mercados financeiros. City, na recepção aos
E estará a ser acordada a disponibilização de mais 500 mil milhões de dólares (385 mil “mais ricos” que estão
milhões de euros) para reforçar a capacidade do Fundo Monetário Internacional, que é a reunidos em Londres.
Polícia e manifestantes
instituição que concede empréstimos de emergência a países em dificuldade. Antes da distribuiram cacetadas a
cimeira, falava-se numa injecção de 250 mil milhões dólares (189 mil milhões de euros), mas eito. E sem juros...
o montante agora em discussão poderá triplicar o orçamento da instituição.
PUB.
Sexta e Sábado o tempo vai
manter-se seco, com abertas, com
nuvens baixas sobre as regiões do
Mar do Norte. No Sábado, a chuva
e chuviscos irão lentamente
deslocar-se para a região de Leste.
E s ta c o n d i ç ã o d o t e m p o v i r á
depois, no Domingo, a alastrar para Nordeste e Sudoeste
e, finalmente, manter-se em todo o território. Durante a
semana a tendência continuará a manter-se com tempo
instável. No final da quinzena, o norte manter-se-á instável,
no entanto o bom tempo voltará e inundará o país com um
tempo mais quente.

Peritos acreditam que a paridade


entre a libra e o euro se mantenha
e que flutue na próxima quinzena
entre os 0.925 e os 0.945.
Enquanto os juros continuem muito
baixos, a imobiliária se mantenha
em crise e o desinvestimento dos
bancos no sector empresarial perdurar, pouco há a fazer.
Um cenário que, segundos os especialistas, irá manter-se.

Interesses relacionados