Você está na página 1de 144
CADERNO DE PRODUÇÕES DOS 9º ANOS C.E.M. DONA LILI PIBID - 1º SEMESTRE DE 2013
CADERNO DE PRODUÇÕES
DOS 9º ANOS
C.E.M. DONA LILI
PIBID - 1º SEMESTRE DE 2013

EQUIPE PIBID - PRODUÇÃO TEXTUAL C.E.M. DONA LILI

DIRETORA DO C.E.M. DONA LILI Suzete R. Reinert

LICENCIANDOS DO PIBID DE LETRAS DA UNIVALI Ângela M. Bittencourt Eliane A. da Silva Vanessa L. F. Dognini Dariu Cardoso

PROFESSOR SUPERVISOR DO PIBID Marcelo S. Siqueri

COORDENADORA DE ÁREA DO PIBID Ana Cristina B. Cardoso

COORDENADORA INSTITUCIONAL DO PIBID Adair de A. Neitzel

EDIÇÃO E REVISÃO DO CADERNO Marcelo S. Siqueri

IMPRESSÃO DO CADERNO PIBID/LETRAS/PRODUÇÃO TEXTUAL/C.E.M. DONA LILI

JULHO/2013

Apresentação

Desde o segundo semestre de 2012, o C.E.M. Dona Lili, vinculado à Secretaria Municipal de Educação de Balneário Camboriú - SC, está tendo a oportunidade de participar em parceria com a UNIVALI Universidade do Vale do Itajaí do PIBID LETRAS Programa Institucional de Bolsa de Iniciação à Docência que tem por objetivo trabalhar a produção textual, por meio de projetos inovadores e ao mesmo tempo oportunizar vivências pedagógicas aos licenciandos de Letras da universidade. Este caderno é uma coletânea dos trabalhos realizados pelos alunos dos 9° anos, nas quintas-feiras da semana, durante o primeiro semestre de 2013, no C.E.M. Dona Lili, período no qual foram trabalhadas produções textuais de gêneros pertencentes ao universo jornalístico. O material que ora apresentamos foi idealizado pelo professor supervisor do PIBID e os trabalhos aqui expostos não foram submetidos ao processo de reescrita exaustiva para publicação.

Dedicatória

Dedicamos esse caderno aos alunos dos 9° anos do C.E.M. Dona Lili, participantes do PIBID, que transformaram os eventos e os projetos da escola em gêneros textuais do universo jornalístico com esforço, dedicação e qualidade.

Um grande abraço a todos!

Marcelo S. Siqueri Professor supervisor do PIBID

Agradecimentos

Agradecemos à UNIVALI pela oportunidade em participar do PIBID/LETRAS, programa fomentado pela CAPES - Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, ao Departamento Técnico- Pedagógico da Secretaria Municipal de Educação de Balneário Camboriú e ao Centro Educacional Municipal Dona Lili pelo incentivo e parceria no desenvolvimento do programa.

Marcelo S. Siqueri Professor supervisor do PIBID

SUMÁRIO

MANCHETES DA PASSARELA DA BARRA

8

PRODUÇÕES DO 9º ANO A

 

9

PRODUÇÕES DO 9º ANO B

11

PRODUÇÕES DO 9º ANO C

13

NOTÍCIA: ELEFANTE-MARINHO

14

PRODUÇÕES DO 9º ANO A

 

15

PRODUÇÕES DO 9º ANO B

19

PRODUÇÕES DO 9º ANO C

22

NOTÍCIA: ENCHENTE NA ESCOLA

25

PRODUÇÃO

DO

ANO

A

26

PRODUÇÃO

DO

ANO

C

32

CHARGE: ENCHENTE DA ESCOLA

34

PRODUÇÕES DO 9º ANO A

 

35

PRODUÇÕES DO 9º ANO B

47

PRODUÇÕES DO 9º ANO C

58

NOTÍCIA: PALESTRA CRISTIANO MOREIRA

66

PRODUÇÕES DO 9º ANO A

 

67

PRIMEIRA PÁGINA DE JORNAL

71

PRODUÇÕES DO 9º ANO B

83

NOTÍCIA: VISITA AO DIÁRIO CATARINENSE

89

PRODUÇÕES DO 9º A

90

PRODUÇÕES DO 9º B

98

CAMPANHA PUBLICITÁRIA CONTRA A VIOLÊNCIA

104

PRODUÇÕES DO 9º A

105

PRODUÇÕES DO 9º B

115

PRODUÇÕES DO 9º C

124

NOTÍCIAS PUBLICADAS NO BLOG

134

MANCHETES DA PASSARELA DA BARRA

DESENVOLVIMENTO

Foram selecionadas três notícias sobre a construção da passarela do bairro da Barra para que os alunos lessem e fossem conduzidos a perceberem as diferenças ideológicas entre elas por meio de debate. Para tanto, elegeu-se uma notícia que falasse de modo “neutro” sobre o assunto (como “defende” o jornalismo), uma notícia feita pela prefeitura e, finalmente, uma notícia de oposição ao governo. A turma foi dividida em três grupos e cada grupo assumiria um ponto de vista para ser defendido sobre a construção da passarela da Barra: um favorável, outro desfavorável e, ainda, um outro “neutro”. Abriu-se uma discussão mediada pelo professor supervisor do PIBID. Depois, as posições foram trocadas, ou seja, o grupo que tinha sido favorável, teria que apresentar ideias desfavoráveis ou “neutras” em relação à construção da passarela e defendê-las. Na sequência, as manchetes foram analisadas semântica e sintaticamente, o que foi fundamental para os resultados obtidos, por exemplo: se havia nas manchetes palavras de efeitos negativo ou positivo, se havia gírias ou palavras com registro formal ou informal. Gramaticalmente, pudemos revisitar as noções de tempos e modos verbais (já que as manchetes assumem o tempo verbal no presente, embora se refiram a fatos que já aconteceram) e, sintaticamente, houve uma revisão das noções de sujeito, predicado e seus respectivos tipos (as manchetes falavam de quem ou do quê? Havia nelas o conceito de sujeito explícito, implícito, indeterminado ou não havia um sujeito? Havia nas manchetes verbos de ação ou de estado?). Assim, cada aluno produziu sua manchete sobre a construção da passarela da Barra que foi corrigida e reescrita para exposição.

EQUIPE PIBID PRODUÇÃO TEXTUAL C.E.M. DONA LILI

Painel expositivo das manchetes produzidas. Aula de 28/02/13
Painel expositivo das manchetes produzidas. Aula de 28/02/13

PRODUÇÕES DO 9º ANO A

Diogo 9° ano A

Eliabi - 9° ano A

Gabriela 9° ano A

Lucas 9° ano A

Aline 9° ano A

Alan 9° ano A

9° ano A Lucas – 9° ano A Aline – 9° ano A Alan – 9°
9° ano A Lucas – 9° ano A Aline – 9° ano A Alan – 9°

Alex 9° ano A

Gabriel 9° ano A

Eduarda Betanim 9° ano A

Helen 9° ano A

Júlio 9° ano A

Melyssa 9° ano A

9° ano A Júlio – 9° ano A Melyssa – 9° ano A Ianca – 9°

Ianca 9° ano A

Valquíria 9° ano A

Jhonatam 9° ano A

Bruna 9° ano A

A Melyssa – 9° ano A Ianca – 9° ano A Valquíria – 9° ano A
A Melyssa – 9° ano A Ianca – 9° ano A Valquíria – 9° ano A

PRODUÇÕES DO 9º ANO B

Shirley 9° ano B

PRODUÇÕES DO 9º ANO B Shirley – 9° ano B Thayane - 9° ano B Guilherme

Thayane - 9° ano B

DO 9º ANO B Shirley – 9° ano B Thayane - 9° ano B Guilherme –
DO 9º ANO B Shirley – 9° ano B Thayane - 9° ano B Guilherme –

Guilherme 9° ano B

Micheli 9° ano B

B Thayane - 9° ano B Guilherme – 9° ano B Micheli – 9° ano B
B Thayane - 9° ano B Guilherme – 9° ano B Micheli – 9° ano B

Felipe 9° ano B

Ana Flávia – 9° ano B Vitor Hugo – 9° ano B Kellen – 9°
Ana Flávia – 9° ano B Vitor Hugo – 9° ano B Kellen – 9°

Ana Flávia 9° ano B

Vitor Hugo 9° ano B

Kellen 9° ano B

Karina 9° ano B

Marcos 9° ano B

Stefany 9° ano B

B Vitor Hugo – 9° ano B Kellen – 9° ano B Karina – 9° ano
B Vitor Hugo – 9° ano B Kellen – 9° ano B Karina – 9° ano

PRODUÇÕES DO 9º ANO C

Ayron 9° ano C

Uriel - 9° ano C

Gian - 9° ano C

Natália 9° ano C

Matheus 9° ano C

- 9° ano C Natália – 9° ano C Matheus – 9° ano C Jaíne –

Jaíne 9° ano C

José Luís 9° ano C

Matheus – 9° ano C Jaíne – 9° ano C José Luís – 9° ano C

Milene 9° ano C

Eliton 9° ano C

NOTÍCIA: ELEFANTE-MARINHO

METODOLOGIA

A partir de informações previamente preparadas pelo professor supervisor do PIBID, os alunos tiveram a tarefa de elaborar uma primeira notícia. Para tanto, foi selecionada uma matéria, que se tornou conhecida em nível nacional sobre o aparecimento do efefante-marinho em Balneário Camboriú/SC, disponível na internet. Tal notícia foi desconstruída, ou seja, as informações foram separadas e repassadas aos alunos do seguinte modo: o que aconteceu? Com quem aconteceu? Quando aconteceu? Onde aconteceu? Como aconteceu? Por que aconteceu? A partir desse “roteiro” de informações, que compõe a estrutura do gênero em questão, juntamente com uma foto expositiva da matéria, os alunos tiveram a tarefa de organizar e estruturar a notícia, acrescentando opiniões sobre os fatos disponibilizados para a construção do texto. Foram repassadas orientações aos alunos, no sentido de que eles poderiam pesquisar na internet outras fotos e outras informações para compor o texto. As notícias foram entregues para correção em manuscritos e os textos reescritos foram digitados e impressos em cores. Não houve reescrita exaustiva para a publicação dos textos que foram digitalizados.

EQUIPE PIBID PRODUÇÃO TEXTUAL C.E.M. DONA LILI

Alunos produzindo a primeira notícia com o auxílio das licenciandas do PIBID de Letras. Aula
Alunos produzindo a primeira notícia com o auxílio das licenciandas do PIBID de Letras. Aula de 21/03/13

PRODUÇÕES DO 9º ANO A

PRODUÇÕES DO 9º ANO A Não houve reescrita exaustiva para a publicação dos textos digitalizados. Além
Não houve reescrita exaustiva para a publicação dos textos digitalizados. Além disso, as produções foram
Não houve reescrita exaustiva para a publicação dos textos digitalizados. Além disso, as produções foram
Não houve reescrita exaustiva para a publicação dos textos digitalizados. Além disso, as produções foram

PRODUÇÕES DO 9º ANO B

PRODUÇÕES DO 9º ANO B Não houve reescrita exaustiva para a publicação dos textos digitalizados. Além
Não houve reescrita exaustiva para a publicação dos textos digitalizados. Além disso, as produções foram
Não houve reescrita exaustiva para a publicação dos textos digitalizados. Além disso, as produções foram

PRODUÇÕES DO 9º ANO C

PRODUÇÕES DO 9º ANO C Não houve reescrita exaustiva para a publicação dos textos digitalizados. Além
Não houve reescrita exaustiva para a publicação dos textos digitalizados. Além disso, as produções foram
Não houve reescrita exaustiva para a publicação dos textos digitalizados. Além disso, as produções foram

NOTÍCIA: ENCHENTE NA ESCOLA

DESENVOLVIMENTO

Essa produção foi baseada na enchente das ruas ao redor da escola, no dia 05 de abril, ocasionada pelas fortes e constantes chuvas no período. Nesse mesmo dia, houve pré-conselho e, por isso, os alunos dos anos finais foram dispensados da aula, não presenciando a situação de alagamento, que foi se dissipando com o passar da manhã. O professor registrou diversas imagens da enchente, utilizando câmera fotográfica e, na aula seguinte, mostrou as fotos aos alunos, que tiveram a tarefa de coletar e organizar informações a partir do que estavam vendo para montar uma notícia. Para subsidiar a produção dos textos, os licenciandos do PIBID de Letras trabalharam leitura e interpretação com os alunos de uma notícia previamente preparada, com o seguinte título e subtítulo: “CHUVAS CAUSAM ESTRAGOS EM CIDADES DO LITORAL - Balneário Camboriú sofreu com o transbordamento do rio Peroba”. Tal estratégia serviu para o desenvolvimento das habilidades de localização de informações explícitas e implícitas no texto e reforço dos conteúdos trabalhados anteriormente sobre a estrutura da notícia: o que aconteceu? Com quem aconteceu? Onde aconteceu? Quando aconteceu? Como aconteceu? Por que aconteceu? Além disso, tal estratégia serviu como preparação para a abordagem do gênero textual charge, que foi trabalhado em aulas posteriores. Os textos foram escritos e corrigidos para reescrita final. Os alunos foram levados ao laboratório de informática para selecionar as fotos sobre a enchente das ruas ao redor da escola, disponibilizadas em meio digital, para compor e realizar a edição final das notícias produzidas. Não houve reescrita exaustiva para publicação dos textos digitalizados.

EQUIPE PIBID PRODUÇÃO TEXTUAL C.E.M. DONA LILI

Licenciandos conduzindo atividade de leitura para produção de notícia sobre a enchente. Aula de 11/04/13
Licenciandos conduzindo atividade de leitura para produção de notícia sobre a enchente. Aula de 11/04/13

PRODUÇÃO DO 9º ANO A

PRODUÇÃO DO 9º ANO A Não houve reescrita exaustiva para a publicação dos textos digitalizados. Além
Não houve reescrita exaustiva para a publicação dos textos digitalizados. Além disso, as produções foram
Não houve reescrita exaustiva para a publicação dos textos digitalizados. Além disso, as produções foram
Não houve reescrita exaustiva para a publicação dos textos digitalizados. Além disso, as produções foram
Não houve reescrita exaustiva para a publicação dos textos digitalizados. Além disso, as produções foram
Não houve reescrita exaustiva para a publicação dos textos digitalizados. Além disso, as produções foram

PRODUÇÃO DO 9º ANO C

PRODUÇÃO DO 9º ANO C Não houve reescrita exaustiva para a publicação dos textos digitalizados. Além
Não houve reescrita exaustiva para a publicação dos textos digitalizados. Além disso, as produções foram

CHARGE: ENCHENTE DA ESCOLA

DESENVOLVIMENTO

Considerando as aulas anteriores, a partir das quais os alunos produziram e editaram suas notícias sobre a enchente da escola, o professor supervisor do PIBID elaborou uma vídeo-aula para facilitar a compreensão do processo de criação e produção do gênero textual charge. O vídeo foi produzido no aplicativo “Windows Movie Makere apresentava a seguinte sequência: inicialmente foram apresentadas as noções de texto, contexto e intertexto. O professor fez pausas e intervenções no decorrer do vídeo, com o objetivo de relacionar esses conceitos ao gênero textual charge. Na sequência, foram mostradas matérias jornalísticas sobre a visita da presidente Dilma ao novo papa no Vaticano e de sua célebre frase: “o Papa é argentino, mas Deus é brasileiro”, bem como, a popularidade de seu governo, naquela época, conforme demonstraram pesquisas no final de 2012. Finalmente, foi mostrada uma série de charges para leitura e interpretação, envolvendo a presidente Dilma, tanto em relação à visita ao Papa no Vaticano, quanto à popularidade de seu governo. Pretendeu-se com isso, mostrar aos alunos a importância do contexto e do intertexto presentes na charge, responsáveis pela produção dos efeitos de sentido decorrentes deles. Desse modo, as charges puderam ser lidas e não apenas decodificadas, e essa ideia foi reiterada na montagem de painel com a exposição de diversas charges desconhecidas pelos alunos. Finalmente, foi discutida a função social do gênero e os alunos tiveram a tarefa de produzir uma charge sobre a enchente da escola e precisariam associar ao texto uma ou diversas situações ou contextos conhecidos, tais como: o aparecimento do elefante-marinho, a visita da Dilma ao Papa, a popularidade de seu governo, a construção da passarela da Barra e outros. Os textos foram corrigidos e reescritos em aulas posteriores. Não houve reescrita exaustiva para a publicação dos textos digitalizados.

EQUIPE PIBID PRODUÇÃO TEXTUAL C.E.M. DONA LILI

Licenciandas preparando a montagem do painel e exposição de charges. Aula de 18/04/13
Licenciandas preparando a montagem do painel e exposição de charges. Aula de 18/04/13

PRODUÇÕES DO 9º ANO A

PRODUÇÕES DO 9º ANO A Não houve reescrita exaustiva para a publicação dos textos digitalizados.

Não houve reescrita exaustiva para a publicação dos textos digitalizados.

Não houve reescrita exaustiva para a publicação dos textos digitalizados.
Não houve reescrita exaustiva para a publicação dos textos digitalizados.
Não houve reescrita exaustiva para a publicação dos textos digitalizados.
Não houve reescrita exaustiva para a publicação dos textos digitalizados.
Não houve reescrita exaustiva para a publicação dos textos digitalizados.
Não houve reescrita exaustiva para a publicação dos textos digitalizados.
Não houve reescrita exaustiva para a publicação dos textos digitalizados.
Não houve reescrita exaustiva para a publicação dos textos digitalizados.
Não houve reescrita exaustiva para a publicação dos textos digitalizados.
Não houve reescrita exaustiva para a publicação dos textos digitalizados.
Não houve reescrita exaustiva para a publicação dos textos digitalizados.

PRODUÇÕES DO 9º ANO B

PRODUÇÕES DO 9º ANO B Não houve reescrita exaustiva para a publicação dos textos digitalizados.

Não houve reescrita exaustiva para a publicação dos textos digitalizados.

Não houve reescrita exaustiva para a publicação dos textos digitalizados.
Não houve reescrita exaustiva para a publicação dos textos digitalizados.
Não houve reescrita exaustiva para a publicação dos textos digitalizados.
Não houve reescrita exaustiva para a publicação dos textos digitalizados.
Não houve reescrita exaustiva para a publicação dos textos digitalizados.
Não houve reescrita exaustiva para a publicação dos textos digitalizados.
Não houve reescrita exaustiva para a publicação dos textos digitalizados.
Não houve reescrita exaustiva para a publicação dos textos digitalizados.
Não houve reescrita exaustiva para a publicação dos textos digitalizados.
Não houve reescrita exaustiva para a publicação dos textos digitalizados.

PRODUÇÕES DO 9º ANO C

PRODUÇÕES DO 9º ANO C Não houve reescrita exaustiva para a publicação dos textos digitalizados.

Não houve reescrita exaustiva para a publicação dos textos digitalizados.

Não houve reescrita exaustiva para a publicação dos textos digitalizados.
Não houve reescrita exaustiva para a publicação dos textos digitalizados.
Não houve reescrita exaustiva para a publicação dos textos digitalizados.
Não houve reescrita exaustiva para a publicação dos textos digitalizados.
Não houve reescrita exaustiva para a publicação dos textos digitalizados.
Não houve reescrita exaustiva para a publicação dos textos digitalizados.
Não houve reescrita exaustiva para a publicação dos textos digitalizados.

NOTÍCIA: PALESTRA CRISTIANO MOREIRA

DESENVOLVIMENTO

Esta atividade de produção textual foi baseada em uma palestra feita pelo professor e escritor Cristiano Moreira para os alunos dos 9° anos A e B, no auditório do C.E.M. Dona Lili, que aconteceu no dia 25/04/13, pela manhã, e na qual também esteve presente a coordenadora de área do PIBID, Ana Cristina B. Cardoso. O palestrante Cristiano Moreira falou sobre suas experiências como escritor e sobre o trabalho que desenvolve no Instituto Caracol, em Navegantes/SC, compartilhando ideias com os alunos e estimulandos-os no trabalho com a leitura e produção textual. Ao final da enriquecedora palestra, Cristiano Moreira presentou os alunos com dezenas de jornais, revistas e livros. Os alunos ficaram entusiasmados com o evento, pediram autógrafos e posaram com o palestrante para fotos. Os alunos tiveram a tarefa de coletar e registrar as informações em seus cadernos durante a palestra e, individual e posteriormente, montar uma notícia do evento. As notícias foram entregues para correção e devolvidas para reescrita. Nas aulas subsquentes os alunos foram levados ao laboratório de informática para selecionar algumas fotos da palestra para compor a notícia. As produções do 9° ano B não puderam ser publicadas, pois houve problemas técnicos no envio das fotos pela internet. Tal problema foi solucionado para os alunos do 9° ano A. Finalmente, os alunos fizeram a edição final para ser entregue. Não houve reescrita exaustiva para a publicação dos textos digitalizados.

EQUIPE PIBID PRODUÇÃO TEXTUAL C.E.M. DONA LILI

Alunos participando da palestra e realizando anotações para produção de notícia. Aula de 11/04/13
Alunos participando da palestra e realizando anotações para produção de notícia. Aula de 11/04/13

PRODUÇÕES DO 9º ANO A

PRODUÇÕES DO 9º ANO A Não houve reescrita exaustiva para a publicação dos textos digitalizados. Além
Não houve reescrita exaustiva para a publicação dos textos digitalizados. Além disso, as produções foram
Não houve reescrita exaustiva para a publicação dos textos digitalizados. Além disso, as produções foram
Não houve reescrita exaustiva para a publicação dos textos digitalizados. Além disso, as produções foram

PRIMEIRA PÁGINA DE JORNAL

DESENVOLVIMENTO

Para a produção da primeira página do jornal os alunos participaram das seguintes estratégias didáticas. Houve a preparação de aula expositivo-dialógica, na qual as licenciandas do PIBID de letras juntamente com os alunos analisaram a forma composicional da primeira página de jornal:

cabeçalho, logotipo, manchete, charge, chamadas, fotos e legendas. Além disso, verificaram a disposição de texto e imagem, cores e tamanho das letras. Na sequência, distribuíram um jogo de quebra-cabeças, previamente preparado, da primeira página de jornal e os alunos, em grupo, teriam que montá-lo. Finalmente, foram repassadas orientações no quadro para que os alunos elaborassem uma primeira página de jornal. Foram disponibilizados jornais para que os alunos, em grupo, decidissem e recortassem manchetes, nome do jornal, notícias, fotos, legendas, etc. e montassem em folha A3 a primeira página de um jornal, de acordo com os assuntos e temas de suas prefêrencias. Também foi dada a opção de criar-se uma primeira página de jornal. As produções foram entregues e não houve reescrita.

EQUIPE PIBID PRODUÇÃO TEXTUAL C.E.M. DONA LILI

Licenciandas orientando a produção e auxiliando os alunos durante a atividade. Aula de 02/05/13
Licenciandas orientando a produção e auxiliando os alunos durante a atividade. Aula de 02/05/13

PRODUÇÕES DO 9º ANO A

PRODUÇÕES DO 9º ANO A Não houve reescrita para a publicação dos textos digitalizados.

Não houve reescrita para a publicação dos textos digitalizados.

Não houve reescrita para a publicação dos textos digitalizados.
Não houve reescrita para a publicação dos textos digitalizados.
Não houve reescrita para a publicação dos textos digitalizados.
Não houve reescrita para a publicação dos textos digitalizados.
Não houve reescrita para a publicação dos textos digitalizados.
Não houve reescrita para a publicação dos textos digitalizados.
Não houve reescrita para a publicação dos textos digitalizados.
Não houve reescrita para a publicação dos textos digitalizados.
Não houve reescrita para a publicação dos textos digitalizados.
Não houve reescrita para a publicação dos textos digitalizados.

PRODUÇÕES DO 9º ANO B

PRODUÇÕES DO 9º ANO B Não houve reescrita para a publicação dos textos digitalizados.

Não houve reescrita para a publicação dos textos digitalizados.

Não houve reescrita para a publicação dos textos digitalizados.
Não houve reescrita para a publicação dos textos digitalizados.
Não houve reescrita para a publicação dos textos digitalizados.
Não houve reescrita para a publicação dos textos digitalizados.
Não houve reescrita para a publicação dos textos digitalizados.

NOTÍCIA: VISITA AO DIÁRIO CATARINENSE

DESENVOLVIMENTO

A produção desta notícia foi baseada em uma aula de campo, em Florianópolis/SC. Os

alunos, juntamente com licenciandos do PIBID de Letras, inclusive de outras escolas participantes do PIBID Produção Textual, professor supervisor e coordenadora, visitaram o parque gráfico e a

redação do Diário Catarinense e puderam conhecer o processo de criação, edição, impressão e distribuição do jornal. No parque gráfico do Diário Catarinense participaram inicialmente de uma

palestra sobre o desenvolvimento da escrita, desde os primórdios até hoje. Depois fizeram um tour pela gráfica para conhecer as dependências e equipamentos envolvidos no processo de impressão e distribuição do jornal. Na sequência, visitaram a redação do jornal e tiveram a oportunidade de conhecer as ilhas de criação e edição das matérias, bem como, o estúdio de gravação.

A partir dessa aula, os alunos produziram uma notícia individualmente. Os alunos que não

participaram dessa aula de campo também tiveram a tarefa de produzir uma notícia, mas sobre o porquê de não terem participado da visita ao Diário Catarinense. Os alunos puderam selecionar fotos disponíveis na internet do Diário Catarinense para compor suas produções. As produções foram escritas para correção e devolvidas para reescrita. Não houve reescrita exaustiva para a publicação dos textos digitalizados.

EQUIPE PIBID PRODUÇÃO TEXTUAL C.E.M. DONA LILI

Alunos, licenciandas e professores no parque gráfico do Diário Catarinense. Aula de 23/05/13
Alunos, licenciandas e professores no parque gráfico do Diário Catarinense. Aula de 23/05/13

PRODUÇÕES DO 9º A

PRODUÇÕES DO 9º A Não houve reescrita exaustiva para a publicação dos textos digitalizados. Além disso,
Não houve reescrita exaustiva para a publicação dos textos digitalizados. Além disso, as produções foram
Não houve reescrita exaustiva para a publicação dos textos digitalizados. Além disso, as produções foram
Não houve reescrita exaustiva para a publicação dos textos digitalizados. Além disso, as produções foram
Não houve reescrita exaustiva para a publicação dos textos digitalizados. Além disso, as produções foram
Não houve reescrita exaustiva para a publicação dos textos digitalizados. Além disso, as produções foram
Não houve reescrita exaustiva para a publicação dos textos digitalizados. Além disso, as produções foram
Não houve reescrita exaustiva para a publicação dos textos digitalizados. Além disso, as produções foram

PRODUÇÕES DO 9º B

PRODUÇÕES DO 9º B Não houve reescrita exaustiva para a publicação dos textos digitalizados. Além disso,
Não houve reescrita exaustiva para a publicação dos textos digitalizados. Além disso, as produções foram
Não houve reescrita exaustiva para a publicação dos textos digitalizados. Além disso, as produções foram
Não houve reescrita exaustiva para a publicação dos textos digitalizados. Além disso, as produções foram
Não houve reescrita exaustiva para a publicação dos textos digitalizados. Além disso, as produções foram
Não houve reescrita exaustiva para a publicação dos textos digitalizados. Além disso, as produções foram

CAMPANHA PUBLICITÁRIA CONTRA A VIOLÊNCIA

DESENVOLVIMENTO

As produções desenvolvidas é o conjunto de uma campanha publicitária contra a violência, resultado de um projeto interdisciplinar do professor Onoél Neves, de história, e do professor Marcelo S. Siqueri, de língua portuguesa, juntamente com a equipe PIBID Letras produção textual C.E.M. Dona Lili. Inicialmente, foram selecionados 40 cartazes veiculados durante a II Guerra Mundial, que tiveram o objetivo inicial de estimular os cidadãos da época para a promoção e participação da guerra. Esse material foi apresentado aos alunos para discussão, análise e conhecimento dos efeitos de sentido presentes. Além disso, os alunos tiveram a oportunidade de analisar e perceber o diálogo estabelecido entre a escrita ( slogans ) e as imagens, bem como, a forma, tamanho, cores e disposição das letras nos cartazes. Finalmente, os alunos puderam perceber as diferenças existentes entre os gêneros propaganda e publicidade e refletir sobre a função social deles. Depois disso, os cartazes foram tratados e deles foram retirados os slogans iniciais, para que os alunos criassem frases com o objetivo de promover a paz e não a guerra. A produção foi realizada em duplas e cada turma produziu em média 200 slogans, perfazendo um total de 600 em todas as turmas. Toda a produção escrita foi digitada. Depois, foi selecionado apenas um slogan por cartaz, e o critério utilizado foi o seguinte: o diálogo de sentidos que se estabeleceu entre texto e imagem. Na sequência, o material escolhido foi disponibilizado aos alunos para a edição. Para tanto, os alunos foram levados ao laboratório de informática, onde tiveram a oportunidade de montar os cartazes. Finalmente, os cartazes passaram por um tratamento final, processo pelo qual foram consideradas algumas questões para reescrita: a adequação do tamanho das letras, de suas formas, cores e disposição dos slogan s nos cartazes montados pelos alunos.

EQUIPE PIBID PRODUÇÃO TEXTUAL C.E.M. DONA LILI

EQUIPE PIBID – PRODUÇÃO TEXTUAL – C.E.M. DONA LILI Licenciandos auxiliando na edição dos cartazes. Aula

Licenciandos auxiliando na edição dos cartazes. Aula de 13/06/13

PRODUÇÕES DO 9º A

PRODUÇÕES DO 9º A

PRODUÇÕES DO 9º B

PRODUÇÕES DO 9º B

PRODUÇÕES DO 9º C

PRODUÇÕES DO 9º C

NOTÍCIAS PUBLICADAS NO BLOG

DESENVOLVIMENTO

Essas produções são resultados do projeto “Aconteceu, virou notícia”, apresentado à escola e tem por objetivos: incentivar os trabalhos de leitura e produção textual aliado às novas tecnologias e servir de recuperação aos alunos que apresentam dificuldades nessas habilidades. Inicialmente, os alunos são convidados a produzirem uma notícia de um evento ou projeto que está acontecendo na escola. Para a realização da tarefa, pode ser convidado apenas um aluno ou podem ser formadas duplas ou um pequeno grupo. Os alunos dirigem-se até a pessoa responsável pelo projeto que está sendo desenvolvido, coletam as informações por meio de entrevistas, registram os acontecimentos por meio de fotos, elaboram a notícia e entregam para o professor supervisor do PIBID para que ele faça as correções necessárias para a publicação e devolve aos alunos para reescrita. Os alunos que produziram a matéria reescrevem o texto e repassam novamente para o professor, que fará a edição e publicação da notícia no blog da escola.

EQUIPE PIBID PRODUÇÃO TEXTUAL C.E.M. DONA LILI

Alunos realizando entrevistas para produção de notícias a serem publicadas no blog da escola.
Alunos realizando entrevistas para produção de notícias a serem publicadas no blog da escola.