Você está na página 1de 3

Grupo Assembleia Municipal da Covilhã

_____________________________________________________________________

DECLARAÇÃO DE VOTO

ORÇAMENTO E GRANDES OPÇÕES DO PLANO E PLANO


PLURIANUAL DE DE INVESTIMENTOS DA CÂMARA
MUNICIPAL DA COVILHÃ PARA O ANO DE 2010

1 A presente proposta de Orçamento para 2010 CONTÍNUA LONGE DE SER UM


EXERCICIO REAL.

2 Mantemos o que desde 2002 temos referido, continuamos a acreditar que as


GRANDES OPÇÕES DO PLANO E O CORRESPONDENTE SUPORTE
ORÇAMENTAL SÃO FUNDAMENTAIS A UMA GESTÃO CONTROLADA E
EFICIENTE DO MUNICÍPIO COVILHANENSE. No actual contexto económico
e financeiro, apontar para um orçamento de € 106M€ não passa de propaganda.

3 O presente exercício suporta a arrecadação de receitas em quase 66,6%, o que


equivale a € 70.7M€ (contra 58,3%: 52M€ em 2009) na rubrica de Venda de Bens
de Investimento, o que tomando em consideração as execuções orçamentais do
passado é completamente irreal.

4 Tal como vem sendo hábito, a lista de património a alienar é identificada (anexa
ao orçamento) mas não indica quais os pressupostos que estiveram na base dos
valores apresentados, pelo que a ESTIMATIVA DE VENDAS NÃO TEM
QUALQUER SUPORTE REAL E PORQUE A METODOLOGIA DE
AVALIAÇÃO É DESCONHECIDA.

5 Mantendo a opinião manifestada ao longo dos últimos anos, CONTINUAMOS A


AFIRMAR QUE SÃO EVIDENTES OS SINAIS (PREOCUPANTES) DE
DESEQUILIBRO NA ESTRUTURA FINANCEIRA DA CM DA COVILHÃ.

___________________________________________________________________________________
Partido Socialista da Covilhã - 1/3 -
Grupo Assembleia Municipal da Covilhã
_____________________________________________________________________

6 Em relação ao Orçamento da Receita, mais uma vez, gostaríamos de perceber as


seguintes rubricas:

a) Receitas Correntes:

- Rendimentos de Propriedade: Rendas: € 2.900.000

- Outras Rec/ Correntes: Outras/Diversas: € 550.000 ???

b) Receitas de Capital:

- Activos Financeiros - alienação de partes sociais de empresas €


1.540.000. A que diz respeito este valor ?

- Passivos Financeiros: € 657.601 – novo empréstimo bancário ?

7 Em relação ao Orçamento da Despesa:

a) Tratando-se de um Orçamento não exequivel (sobreavaliado), quais


serão as áreas onde as grandes opções do plano terão de ser revistas?
Educação, Saúde, Saneamento, …….

b) Realçar que os Juros e Outros Encargos e Amortizações de Capital


ascendem neste orçamento a € 5.120.567

8 Atravessamos tempos de dificuldades e esperávamos um orçamento consentâneo


com a realidade económica e financeira do concelho, da região, do país e do
mundo. Não é essa a resposta ou o sinal que o presente orçamento nos dá.

9 Relembre-se por exemplo, como se poderiam ter fixado fixado taxas mais baixas
de IMI, Derrama, bem como prescindir de parte do IRS que cabe ao município.
Estas forma propostas do Partido Socialistas mas que não foram aceites.
Preferimos mantê-las nos respectivos tectos máximos e perder competitividade ao
nível da capacidade de captação e apoio ao investimento.

___________________________________________________________________________________
Partido Socialista da Covilhã - 2/3 -
Grupo Assembleia Municipal da Covilhã
_____________________________________________________________________

10 Por conseguinte, e não obstante as considerações atrás expendidas, entendemos


que:

- Por este ser o primeiro orçamento apresentado na sequência das recentes


eleições autárquicas, onde os proponentes deste plano e orçamento obtiveram
um expressivo mandato popular, decidimos conceder-lhes o benefício da
dúvida relativamente à sua implementação, esperando, no entanto, que o seu
grau de execução seja muito superior ao dos últimos anos, cuja média
ponderada foi de 26,01%;

- Considerando que pela primeira vez foi dado um sinal de abertura, com uma
sessão extraordinária só para a sua apresentação e discussão do Orçamento,
com posterior possibilidade de apresentação de propostas, O NOSSO
SENTIDO DE VOTO É O DA ABSTENÇÃO

Covilhã, 18 de Novembro de 2009

______________________________

___________________________________________________________________________________
Partido Socialista da Covilhã - 3/3 -