Você está na página 1de 179
1

PANTOGNOSE

O ANEL CONSAGRADO DE SALOMÃO

Oferecendo este opúsculo do “anel de Salomão” fazemô-lo com intenção de mostrar o mais possível os pontos mais essenciais do uso do anel. Grande número de pessoas julga que os princípios básicos do uso do anel são meras idiotices. Porém esta obra lhes mostrará que são muito simples, sendo esta simplicidade o motivo de passarem despercebido a maio- ria das pessoas. Os princípios do uso do anel são de uma compreensão fácil para o indivíduo que procura pô-los em prática passo a passo, porque à medida, que os vai executando, eles se tornam mais claros. É, porém, necessário trabalhar para parti-los, amoldando a própria vida aos conhecimentos adquiridos, sendo necessário esforço real para adaptar-se ao modo de usar o anel, estando confiante, otimista e calmo. Enquanto o indivíduo não tenha estabelecido a ordem em seus pensamentos, enquanto não tiver vencido a corrente dos pen- samentos vagabundos e inúteis, enquanto não se habituar a trabalhar com persistência numa direção definida, sejam quais forem os obstáculos, estará muito longe de usar o anel de Salomão. Todos os tópicos se acham muito bem esclarecidos no pre- sente livro, ficando o leitor bem orientado sobre o que deve fa- zer para alcançar o caminho do triunfo. Por conseguinte, apresentando esta obra aos leitores, temos a convicção de presta-lhes um serviço, auxiliando-os a resolve- rem os seus problemas.

O Autor

PANTOGNOSE

O ANEL CONSAGRADO DE SALOMÃO

O poder do anel é verdadeiro.

Ele põe forças invisíveis em ação.

Pôr meio da perseverança e do em- prego intelectual das energias que constituem o anel, chegareis a pôr em ação uma potência que é invencível.

PANTOGNOSE

O ANEL CONSAGRADO DE SALOMÃO

- Desejas mais conhecimento e mais entendimento, estás con- vidado a participar. Temos uma missão, não estamos aqui por acaso. Abrace e se envolva integralmente com o anel consagrado. Os desafios serão vencidos. Este livro vos ensinará.

O anel consagrado, só ele contém os segredos da alta magia.

PANTOGNOSE

O ANEL CONSAGRADO DE SALOMÃO

SUMÁRIO

CAPITULO I

O

anel

11

Poderes do anel

15

Linhas de ondas eletromagnéticas

 

Anel iniciático de uma casta

 

Anel de Formatura

 

A

aliança

 

O

anel consagrado do Papa

 

O

anel consagrado do Mago

 

O

anel abençoado

 

Influência dos Astros no anel

 

Gemologia

 

Remédio eficaz contra um mal específico

 

Correspondência Astrológica

 

Intensidade da energia do anel

 

Correspondência das horas com o anel

 

O

poder do anel nos dias da semana

 

Influência do anel nos dias da semana

 

Um caso verídico

 

As formas do anel

 

O

triângulo cabalístico (Pináculo)

 

A

maneira de se usar o anel

 

O

uso do anel

 

A

força do anel e a vontade do mago

 

Quem usa o anel

 

Trabalhos com o anel

 

PANTOGNOSE

O ANEL CONSAGRADO DE SALOMÃO

Ritual do despertar

Funções do anel

O

anel dentro da medicina

Para aumentar a força e o poder de absorção do

magnetismo

A

oração

Deus vem até nós com compaixão e amor

Prece para antes dos trabalhos de cura

Água fluídica ou magnetizada

Reza para fluir a água

Banhos de imersão com água morna

Musicoterapia

Hipnoterapia

O

poder do anel nos meses do ano

O

poder do anel com as letras hebraicas

O

anel nos quatro elementos

O

anel mágico rúnico

Anel púnico ANSUZ

Anel rúnico URUS

O

anel mágico Wicca

A

transmutação

O

anel usado pelas pessoas dos doze signos do zodíaco

A

consagração do anel

Quando o neófito recebe o anel

Invocando as forças no anel

Liberando as forças do anel

Trabalhando com as forças do anel

Máximas

A

Benção do anel

Consagração do anel

As virtudes do anel consagrado

Os poderes do anel

PANTOGNOSE

O ANEL CONSAGRADO DE SALOMÃO

Para conquistar a simpatia dos demais

Para ter sucesso na vida e nos negócios

Para ter êxito numa transação comercial

Para ter êxito em todos os empreendimentos

Para ter sucesso numa residência nova

Para estar em paz e harmonia com todas as pessoas

Limpeza do anel

Fortificação do anel

Realização de um ato mágico

Metaloterapia

O

uso do anel e a imaginação

O

anel dentro das clavículas

Fatores Cabalísticos

Os dez sefirotes e o anel

O

anel nos mundos cabalísticos

Fatores Sephiróticos

Decretos

Invocando os elementais da natureza

O

significado do anel perante os seres espirituais

O

anel e os Arcanos Maiores

O

anel e os arcanos menores

Salomão e o anel consagrado

Os Anjos e o anel

Trabalhando com os Anjos do Senhor

Invocando auxílio aos Anjos do Senhor

Magia Angelical

Para facilitar auxílio espiritual

O

Gênio Ock

Concentração da Luz Astral no anel

Das Consagrações

O

anel dentro da Ordem de Melquisedeque

O

Mestre e o anel

PANTOGNOSE

O ANEL CONSAGRADO DE SALOMÃO

A

oração do anel

O

anel dentro do Santo Culto

A

energia do anel e seus efeitos

Influência do anel nos atos místicos

Os pontos mágicos

Jaquin e Boas

O

anel no caminho do Mestre

O

anel dos Sacerdotes

O

anel no caminho do Tigre

O

anel no caminho do Leão

O

anel no caminho do cavaleiro Jaguar

O

anel dos cavaleiros templários

O

anel nos graus maçônicos

O

anel dos Druidas

O

anel de Odin

Quando o Rei Assuero entregou o anel a Mordecai, o ju-

 

deu

O

anel e Deus

O

anel consagrado e o Anjo da Guarda

O

anel no rolo da vida

O

anel no livro da vida

O

anel da Sacerdotisa

O

anel do mago e da Sacerdotisa quando se tocam

Novena do anel

Orações ultíssimas

Para pedir um auxílio eminente

Oração para manter o corpo fechado

Para transformar o anel num escudo

Para possuir abastança e prosperidade

Oração de proteção

Ato de Serenidade

Ato de Construir

PANTOGNOSE

O ANEL CONSAGRADO DE SALOMÃO

Oração de Cura

Trabalhos com o anel

Exorcismo Ad Ominia

O

anel no Ato Cristico

Oração dos Degraus

Dados significativos

Recomendações

Harmonia entre o anel e seu portador

Fatores mediúnicos e o anel

CAPITULO II

O Pentagrama Estrela Gnóstica Atos preparatórios Considerações Finais
O
Pentagrama
Estrela Gnóstica
Atos preparatórios
Considerações Finais

PANTOGNOSE

O ANEL CONSAGRADO DE SALOMÃO

CAPITULO I

PANTOGNOSE

O ANEL CONSAGRADO DE SALOMÃO

PANTOGNOSE O ANEL CONSAGRADO DE SALOMÃO O ANEL Os antigos magos sabiam do poder e influência

O ANEL

Os antigos magos sabiam do poder e influência do anel em seus grandes templos. Manuscritos desses templos mostram que, os taumaturgos possuíam um sistema completo de como usar o anel baseado na lei de correspondência entre a natu- reza setenária do homem e a divisão setenária da metalografia. Assim, as leis fundamentais e os princípios que governam a

PANTOGNOSE

O ANEL CONSAGRADO DE SALOMÃO

Energia cósmica que conhecemos sob a designação dos me-

tais sempre estiveram presentes nos ensinamentos da Sabe- doria antiga destinados aos magos de todos os tempos.

O anel é uma poderosa arma do mago.

O anel é conservado dentro do seio da ordem não podendo passar para terceiros a não ser que o dono o permita.

O

anel representa a aliança com Deus. É o símbolo do concer-

to

de Deus.

Representa o círculo do espírito que deve estar sobre a cruz. No matrimônio é este instrumento que se estabelece a grande aliança entre duas almas. Homem e mulher

O mago quando quer comandar a natureza, coloca o anel no

dedo indicador e com ele estendido, torna-se uma vara mágica.

É com este instrumento que pomos as forças cósmicas em

ação.

O anel representa a nulidade dos valores materiais. Desperta

os poderes latentes e desvanece os sonhos pôr valores tem-

porais.

É o símbolo do mistério da severa vigilância

A força do anel anula toda a aflição e desperta a virtude.

Permite o controle das forças naturais

É

amor.

o trabalho com o fogo do Espírito Santo, com a força do

O uso do anel representa a renovação do Cristo em nós. Nos

une a Deus.

É através do anel que se conhece o mago. Revela a qualidade

normal do operador

O conjunto simbólico do anel nos remete à informação de que

“nada se perde, mas tudo se transforma”

É no anel que está contida as energias positivas para serem

utilizadas no dia-a-dia. Significa a união dos opostos, produz

PANTOGNOSE

O ANEL CONSAGRADO DE SALOMÃO

harmonia e disciplina, sociabilidade, paciência, capacidade de dirigir, compatibilidade. Produz o espírito de cooperação.

com o anel que podemos provocar mudanças ou alterações

no dia-a-dia. Indica, também que se mantivermos o anel ener-

gizado, sempre obteremos o positivo sobre o negativo, ou seja,

o progresso. Os dons da pessoa são despertados e a forma clara de expor suas idéias.

O anel representa a vontade do mago, sendo colocado no de-

do indicador da mão direita (quando o mago é destro). Assim, de certa forma, tem as mesmas funções da vara mágica, e alguns magos dispensam seu uso. Entretanto, é um objeto útil porque, como todas as varas empregadas são apenas subs- titutas de uma vara secreta, o uso do anel pode ser usado como mandato do dedo que se apoia na vara substituta,

indicando o verdadeiro poder oculto que representa. Tal como

a vara efetiva, o anel pode ter desenho e cor pessoal, e os

mais impressionantes são confeccionados com broches solda- dos sobre anéis simples. Não é necessário que o anel tenha grande valor, pois os fatores importantes são a intenção e a dedicação e, assim co- mo em todos os trabalhos mágicos, torna-se necessário en- contrar um equilíbrio entre a sovinice e o extravagante des- perdício. Isso é demonstrado pela tradição dos verdadeiros magos, dos tempos antigos, que, não podendo adquirir objetos caros, conseguiram transformar simples artigos domésticos, em poderosos instrumentos das artes mágicas.

PODERES DO ANEL

“Tome um anel de prata e uma estrela de ouro e junta um no outro, para que se unam e se tornem um só na tua mão”.

Quando perguntarem o que significa estas coisas, tu declaras- Rás: Assim diz o Senhor Ihavé: Eis que eu tomei o anel de José, que esteve na mão de Efrain e nas tribos de Judá, suas

É

PANTOGNOSE

O ANEL CONSAGRADO DE SALOMÃO

companheiras, e as juntei ao anel e eles serão um só na minha mão. Este anel, que tive feito, estará na minha mão perante os olhos teus. - Aquele que usar deste anel, Deus o consagrará em todas as partes, e o livrará de todos os pecados e o purificará:

“Assim ele será o meu servo e eu serei o seu Deus”. E o meu servo reinará sobre todos, só assim terão um pastor e anda- rão nos meus juízos e guardará os meus estatutos e o observará. Meu servo será príncipe eternamente. Farei com ele um concerto de paz perpétuo e o porei no meu San- tuário no meio deles para sempre. Eles saberão que com este selo, santifico o meu servo para sempre”.

Palavras do Senhor.

O manuseio efetivo do anel, a sensação de seu peso, o fato de

limpá-lo e guardá-lo são importantes, pois servirão para “aterrar” todas as realizações importantes, como nenhum outro fato poderia conseguir. O anel funciona como circuito resso- nante de rádio: à ação/objeto estimula a reação psíquica, que desenvolve um maior poder de sugestão na ação/objeto, e daí por diante. As ondas vibratórias do anel são:

LINHAS DE ONDAS ELETRO-MAGNÉTICAS

A maioria dos metais dos anéis tem vibrações astrais em dois

sentidos de onda, como segue:

Grande número: mais vibração em ondas longas e menos vibração em ondas médias. Menor número: mais vibração em ondas médias, menos vibração em ondas curtas. Pequeno número: menos vibração em ondas médias, mais vibração em ondas curtas.

PANTOGNOSE

O ANEL CONSAGRADO DE SALOMÃO

As linhas são canais de energias emanadas uma da outra, mas que se entrelaçam entre si. As linhas de energias segundo os metais são:

Zinco:

irradiação em ondas curtas e médias

Cobre:

irradiação em ondas curtas

Mercúrio:

irradiação em ondas curtas e médias

Chumbo:

irradiação em ondas médias e longas

Ferro:

irradiação em ondas longas

Alumínio:

irradiação em ondas curtas

Prata:

irradiação em ondas médias e curtas

Ouro:

irradiação em ondas curtas

Estanho:

irradiação em ondas curtas

Aço:

irradiação em ondas curtas

Considerando o universo ou cosmos, como sendo composto de cinco corpos, tais como sejam: Eletrônico, gasoso, fluidico, liquido e sólido. Considerando que o metal do anel, impulsionado pelo poder inteligente que rege o Universo, vibra continuamente sobre os elementos e sobre os outros corpos através das classes de energia elementar; Considerando que dessas vibrações constantes a mais

importante é a que faz o metal do anel sobre o elemento etéreo

e sobre o corpo eletrônico; considerando que dessa vibração

surge um atrito contínuo entre eles, provocando uma eterna

imantação dos Cosmos com o anel que move a força invisível

e positiva.

Considerando que essas vibrações podem ter maior ou menor intensidade, resultando, portanto, num atrito mais forte ou mais fraco, entre os elementos e metais citados e, consequentemen- te, aumento de energia da referida força positiva e invisível. Convenhamos, que esta força é que denominamos Energia e, assim sendo, podemos dizer que Energia Cósmica é uma força

PANTOGNOSE

O ANEL CONSAGRADO DE SALOMÃO

positiva e aparentemente invisível, que permanece eterna-

mente no Cosmo, gerada pelo atrito provocado entre o elemen-

to eletrônico, atrito esse provindo das vibrações constantes dos

corpos no cosmos impulsionado pela causa inteligente do Uni- verso, sobre os corpos elementares.

Quando o metal do anel vibra com maior intensidade, aumenta

a voltagem da energia, atingindo, assim, com maior violência, os corpos e os elementos cósmicos citados, provocando pe- quenas vibrações atômicas e consequentemente, as descar- gas elétricas sobre o que circunda o anel, os maremotos, os

terremotos, os ciclones e tantos outros cataclismos podem ser dirigidos ou controlados pelo seu possuidor. Quando esta vibração é de maior extensão e mais violenta, a vibração é naturalmente de maiores efeitos, provocando à queda de meteoros e a chamada queda de estrelas, podendo mesmo causar a destruição de qualquer coisa que se queira. Estas ondas, concentradas no anel, são captadas através do centro magnético do anel. Que poder gigantesco, terrivelmente divino, grandioso. O poder de Deus resplandece sobre o anel perfeito. Se tu queres a Auto-realizaçào Íntima, recorda este aforismo alquimista: Há que se imitar a natureza em tudo. A natureza domina a natu- reza. Buscar o saber antigo e oculto e realizar a Grande Obra em sua vida, eis a tarefa do mago.

A grande Obra é difícil, significa muitos anos de trabalho e ex-

perimento, sacrifícios terríveis e tremendas dificuldades.

O anel também serve como agente transformador (o metal dos

filósofos), uma influência celestial (religiosidade cósmica), diversas influências astrais (astrologia esotérica), além de in- fluências de letras, números, correspondências e simpatias (Cabala).

Os princípios sagrados do anel são:

PANTOGNOSE

O ANEL CONSAGRADO DE SALOMÃO

- Unidade

- Par de opostos: força positiva e foça negativa

- Trindade: ativo, passivo e neutro.

- Elementos: Fogo, ar, água, terra e Éter.

No anel de Salomão reúne-se todo o trabalho da Grande Obra. O anel de Salomão é o símbolo perfeito de Deus. É no anel que se concentra a luz astral com doze raios que se cristaliza pôr meio da alquimia das doze constelações zodiacais. Estão resumidas as medidas zodiacais. Nele, esconde-se a força e o poder. Quando o mago se concentra no poder do anel, pode realizar grandes trabalhos esotéricos na natureza. Realmente, são muito poucos aqueles que sabem utilizar os poderes do anel. A prova do Santuário aterroriza e muito pou- cos seres humanos conseguiram passar pôr essa prova. Todo aquele que passa vitorioso a prova do santuário recebe uma jóia preciosa: o Anel de Salomão. Trata-se de um anel cheio de luz inefável. Perde-o, inevitavelmente, o mago que o toca com a mão esquerda. É com o anel que ganhamos o poder de governar (o Íntimo), o poder que delibera (a mente) e o poder que executa (a perso- nalidade). Quando o poder que delibera e o poder que executa se insubordinam contra o governador, se rebelam contra o ínti- mo, o resultado é o fracasso. É no anel de Salomão que estão depositadas as forças po- sitivas e negativas do magnetismo universal. Nos trabalhos de Alta Magia, é necessário usar o anel como agente indutor e protetor, é através do anel que se conhece o grau de mestria do mago. Os Maçons, Rosacruzes, Gnósticos, Tatwa da comunhão do pensamento, os beneditinos, os padres, utilizam o anel de identificação da ordem a que pertencem. Para o Mago o anel é

PANTOGNOSE

O ANEL CONSAGRADO DE SALOMÃO

utilizado em todos os trabalhos de invocação e em práticas com os seres espirituais. Todos os seres espirituais respeitam o anel consagrado de Salomão. Aqui o discípulo aprende a ser casto e puro durante todo o tempo porque compreende o significado e o poder do anel. Sabe que nele contém as viturdes astrais dos elementos. Quando o discípulo recebe o anel, os anjos os querubins e os serafins voam com rumores de asas. Há regozijo no céu, por- que nasce um mago.

O

consagrado anel de Salomão se encontra guardado na gran-

de

ordem sagrada. É guardado pôr dois guardiões poderosos.

Lembre-se que matéria e energia são duas modalidades de

uma mesma coisa: energia.

O anel está envolto nas forças mais potentes e sutis que existe

na natureza, se o mago souber reter e aproveitar esta força, com ela se purifica e consegue tudo o que quiser. Lembre-se o amor se transforma em ódio e a ilusão dá lugar à decepção.

O discípulo está convidado a ser rei e sacerdote da natureza.

Para se ser mago, o discípulo deve aprender a trabalhar com

as quatro forças da natureza.

Deve aprender a se familiarizar com as quatro forças da natu-

reza

A maneira de se usar o anel, serve para confirmar humil-

demente alguma Iniciação isotérica.

reza A maneira de se usar o anel, serve para confirmar humil- demente alguma Iniciação isotérica.

Anel de Salomão

PANTOGNOSE

O ANEL CONSAGRADO DE SALOMÃO

Se quiseres ser mago, respeite a mãe natureza, não mates, não comas carne de espécie alguma, não bebas vinho que contenha álcool, não destrua jamais uma planta e nem uma flor. Respeita toda a vida.

jamais uma planta e nem uma flor. Respeita toda a vida. Anel de Pitágoras e/ou Agripa

Anel de Pitágoras e/ou Agripa

O anel simboliza o principio da unidade materializada, a vonta-

de autoridade e o poder. Manifesta a virtude. Favorece a solução de qualquer trabalho e de concretização de qualquer objetivo.

Explicação: - O anel foi projetado com o objetivo de captar, concentrar e distribuir oscilações e vibrações energéticas, prin- cipalmente entre os que possuem esta jóia preciosa ou aqueles que possam simplesmente entrar em conexão mental com o

anel, de forma a proporcionar equilíbrio espiritual, físico, mental e corporal, através do intercâmbio frequencial energético.

O metal que constitui o anel, pressionando através do contato

com o corpo do seu usuário irradiam determinadas ondas ele- tromagnéticas que podem ser captadas pelo seu portador. Po- sitivas, essas ondas em conjunto com outras emitidas pelo símbolo mágico “Pentagrama” – entram em choque com as fre-

qüências emitidas por nosso corpo/espírito, anulando-as.

O trabalho com o anel, geralmente é sempre mental.

E, realmente, conectado mentalmente a ele, é possível reo- rientar os canais psíquicos, ampliar a intuição e a consciência (através da correção de freqüência molecular do córtex cere-

PANTOGNOSE

O ANEL CONSAGRADO DE SALOMÃO

bral), ativar a Faculdade da terceira visão, alinhar a energia dos chacras, aumentar a vitalidade física e efetuar tratamentos com terapias alternativas, como as imposições das mãos à distância. A função Harmônica aqui é de criar um centro de onda, cau- sando impacto em todos aqueles com os quais tiver contato e influência. Preste atenção na resonância magnética de seu anel e veja em que situação ele atua, em lugares, em pensamentos, nas emo- ções ou nas enfermidades, para perceber que energia o alimenta. Deixe tudo de lado e só trate de energizá-lo com esta vibração. Determine coisas específicas que pode fazer para realizar as intenções com o seu anel. Use o poder da difinição para ver, compreender e se relacionar com a vida mais autenticamente. O anel lhe permite ver a dimensão das coisas e lhe dá poder de discernimento, para que manifeste seu alinhamento correto. Quando for identificado o propósito do anel e se unir a ele, abrirá o caminho para que forças naturais o apóiem. Seja receptivo e receba do anel bem todas as energias por ele transmitida a você para seres alimentado de energia e poder a seu propósito. Trabalhe com sua mente para nutrir o anel com energias que equilibrem, levando-o a um estado de potencialidade com as energias que queres atuar. Receba as energias que do anel afluem para alimentar a sua alma e lhe dê uma sensação de auto-realização e sucesso, sa- tisfação e auto-amor. Abra-se para receber o apoio de todas as energias do universo, a fim de criar abundância e aperfei- çoamento em suas obras mágicas.

PANTOGNOSE

O ANEL CONSAGRADO DE SALOMÃO

Anel iniciático de uma casta: inicialmente iniciático, em seguida religiosos e por fim civil (os anéis dos cavaleiros romanos eram usados para tal efeito e, da mesma forma, os cavaleiros instituíram uma ordem esotérica).

O anel de formatura: representa tudo o que está relacionado

à religiosidade e a fé. É o ensinamento tradicional de como acreditar em tudo aquilo que nos foi ensinado. Indica a constante busca da sabedoria. Representa as maneiras pelas quais você caminha em direção ao seu Deus interior, mas é necessário acreditar mais na força que este anel contém. Este anel representa o dever, a autoridade, responsabilidade, a sabedoria e a dignidade.

A aliança: representa o princípio da luz divina, o mistério de

fogo vivente que se infunde e difunde. Manifesta a força do criador em nós. As pessoas que os usa são bondosas, humanitárias, leais e muito cordiais, alegres e divertidas.

O anel consagrado do Papa: fornece a intuição, iluminação,

caridade, Percepção do Eu divino, consciência cósmica, discriminação. Discriminação entre o bem o mal.

O anel consagrado do Mago: representa o poder e a mani-

festação dos poderes ocultos

O anel abençoado: simboliza o mistério da causa operante

que atua em cada ser.

O anel consagrado: representa o poder mágico em toda a sua

força. Quem sabe usar este anel é servido pôr todos seres espirituais da natureza. Na ordem gnóstica dentro do Sanctum Regnum o aprendiz recebe este anel. O anel produz duas forças, uma de caráter masculino e outra de caráter feminino (o Yn e o Yang).

PANTOGNOSE

O ANEL CONSAGRADO DE SALOMÃO

Toda obra realiza-se com entrega do anel. Que faz parte inse- parável do VITRIOL acróstico. O poder que ele contém é terri- velmente divino.

O mago para receber o anel tem que fazer sete grandes traba-

lhos que culminam no coração da grande Obra

O interessado em ocultismo que queira usar o anel sem mere-

cimento não consegue realizar-se a fundo.

O melhor é usar o anel como adorno, se não o anel só serve

unicamente para ocasionar poluções noturnas asquerosas com todas as suas conseqüências nefastas.

O uso indevido do anel tira o homem dos mundos superiores

para escravizá-lo no mundo físico. Como já sabemos, o anel provoca iluminação interna e é preciso ter-se muito cuidado em

utilizar poderes do anel que ainda não se conhece. Somente com o anel, poderemos desintregar os defeitos e apa- ziguar o Ego Psicológico. É com o anel que se bloqueia a ação do Eu Psicológico. Trabalhem com o arcano AZF para poderem receber o Anel.

O anel é o instrumento supremo da Alta Magia. Bendito seja o

anel. Ele tem poder absoluto sobre o fogo. Usado como talismã, representa a nova vida e a maneira de ver as coisas. O resultado de tudo que é bom ou de mal que a

pessoa planta. Indica transformação na vida da pessoa, para que ela possa continuar o seu caminho e para dar lugar ao re- nascimento dos valores espirituais.

O anel usado como talismã serve para dar sorte e a saúde na

vida diária. A função do anel é atrair influências psíquicas favoráveis.

O anel tem sido usado desde tempos mais remotos em relação

a qualquer situação ou atividade que se possa conceber.

O anel não tem somente o poder de preservar o bem-estar

físico e mental de quem o usa, mas ajuda a reforçar as energias psíquicas de curadores espirituais, médicos, enfer-

meiras e leigos que cuidam dos doentes.

PANTOGNOSE

O ANEL CONSAGRADO DE SALOMÃO

O anel tem um papel grandemente defensivo, sendo algumas

vezes prescrito como um instrumento de “mágica passiva”, uma vez que é designado principalmente para proteger quem o usa contra o mal. Ele deve ser da cor do planeta que rege o dia do nascimento de seu dono e pode ter forma de uma pedra ou de uma jóia, ou com símbolos mágicos endereçados aos deuses. Ele deve ser preparado no tempo planetário correto. Deve ser isento de influências psiquicamente estéril, ou em outras pala- vras, absolutamente livre de todas as emanações malignas.

Por esse meio o anel é imbuído de qualidades magnéticas po- derosas que atrairão a boa sorte em uma escala sempre em amplidão.

O anel pode ser feito de metais e pedras preciosas e pode ser

inscrito com nomes de poder, ter signo do planeta regente e ter

a cor planetária correta.

O anel tem o poder de atrair as sete forças planetárias.

Os metais relacionados com os planetas são:

Sol

Ouro

Lua

Prata

Marte

Ferro

Vênus

Cobre, Latão.

Mercúrio

Azougue

Júpiter

Zinco, estanho.

Saturno

Chumbo

Para os planetas mais recentes, temos:

Netuno

Platina

Plutão

Aço

Urânio

Alumínio

Conforme as Clavículas de Salomão, temos os seguintes

anéis:

PANTOGNOSE

O ANEL CONSAGRADO DE SALOMÃO

Anel do Sol: Atrai a boa vontade e o favor daqueles no poder. Preserva das doenças do coração, das síncopes, dos perigos dos incêndios. Fumigar com Âmbar. Palavra do anel: Ilusabio. O operador deve pronunciar a palavra a cada vez que fizer um apelo à virtude do anel, além disso, não deverá divulgar esta palavra a ninguém. Anel de Mercúrio: Atraem as relações comerciais, a sorte nos negócios. Preservam da epilepsia, da loucura, neurastenia e demais enfermidades análogas. Anel de Vênus: Atraem a concórdia e afeição entre esposos. Preservam da inveja e do ódio, evitando também as possi- bilidades de envenenamento. Protege as mulheres contra o câncer Anel de Marte: Atraem a audácia, preservam das febres, ulceras, ferimentos e da morte em combates, duelos ou rixas. Protege contra inimigos perigosos. Anel de Júpiter: Atraem a boa vontade e a simpatia. Preservam das doenças do fígado e dos tumores em geral. Propicia a boa sorte. Protege contra acidentes e a morte vio- lenta. Anel de Saturno: Atraem a prudência. Preservam da apople- xia, do câncer, da cárie dos ossos, da consunção, hidropisia e doenças do peito facilita a parturição. Protege contra embos- cadas e traições Anel da Lua: Atraem os sonhos agradáveis e proféticos. Pre- servam da epilepsia, da hidropisia e das doenças dos rins. Fa- vorece as viagens. Protege contra naufrágios.

Os anéis podem ser preparados com pedras e metais.

Quando se usa o latão, representa a nova vida e a nova ma- neira de ver as coisas. Simboliza a colheita, o resultado de tu- do o que é bom ou de mau que a pessoa plantou. O significado deste metal que é necessário que ocorra uma etapa de trans- formação na vida da pessoa, para que ela possa continuar o

PANTOGNOSE

O ANEL CONSAGRADO DE SALOMÃO

seu caminho e para dar lugar ao renascimento dos valores espirituais. Quem usa o latão como anel é um homem poderoso, sábio, determinado, solidário, realista, possui muita força de vontade, confiante, mental e inteligente. Terá sucesso nas ciências exatas (engenharia ou computação, contabilidade, arquitetura e matemática). O uso do Latão evita a depressão e a melan- colia.

Mentalizar:

- Tudo o que preciso, tudo o que eu quero vem na hora certa, porque tenho o anel consagrado que é um elo perfeito com Deus.

- Senhor, que todas as virtudes e a energia criadora e trans- formadora esteja depositada neste anel.

No norte da Inglaterra anéis eram feitos com dobradiças de caixões de defunto que foram usados por muito tempo como feitiço para a cura de espasmos.

PANTOGNOSE

O ANEL CONSAGRADO DE SALOMÃO

PANTOGNOSE O ANEL CONSAGRADO DE SALOMÃO Estrela Setenária 26

Estrela Setenária

PANTOGNOSE

O ANEL CONSAGRADO DE SALOMÃO

Sabemos que:

As pedras são térreas

Os metais são aquáticos

O latão pertence ao elemento ar e sua energia vibra na irra-

diação em ondas curtas

O

chumbo pertence ao elemento terra.

O

mercúrio, pertence ao elemento água. A vibração é irradiada

em ondas médias e curtas

O

cobre, pertence ao elemento ar.

O

estanho, pertence ao elemento ar. A vibração é irradiada em

ondas curtas

O

ouro, pertence ao elemento fogo.

O

ferro, pertence ao elemento fogo. A vibração é irradiada em

ondas curtas

O

alumínio, pertence ao elemento fogo.

O

bronze, pertence ao elemento terra. A vibração é irradiada

em ondas longas

O Inoxidável, pertence ao elemento fogo. A vibração é irra-

diada em ondas curtas

O zinco, pertence ao elemento ar. A vibração é irradiada em

ondas curtas

A platina, pertence ao elemento ar. A vibração é irradiada em

ondas curtas

Os metais podem ser usados sob três formas diferentes: anel, lâmina e em pó.

O ANEL DE ZINCO: - proporciona ao usuário, sabedoria, inteli- gência, autoconhecimento, A força do homem que usa este

PANTOGNOSE

O ANEL CONSAGRADO DE SALOMÃO

anel está no seu poder mental e intelectual. Conhecimento, prudência, cautela, generosidade, caridade, espiritualismo. Pensamentos claros, saúde, força física, reabilitação, defesa, paciência e meditação. Perfume-o com violeta e jasmim, ou defume-o com rosa e cedro, todas as quintas e terças-feiras.

O ANEL DE LATÃO: - proporciona estabilidade profissional.

Retorno financeiro rápido. A pessoa pode colocar em prática os projetos mais ousados. Momentos de paz e de estabilidade.

Possibilidade de aumentar seu lucro é grande principalmente em investimentos de retorno rápido. Perfume-o com verbena e

violeta; ou defumem-o com açafrão e benjoim, todas as sextas

e

sábados.

O

ANEL DE AÇO: - proporciona capacidade profissional que

oferece o crescimento. Favorece bons lucros em negócios com

terceiros. O sucesso só depende da pessoa. Perfume-o com violeta e sândalo, ou defume-o com limão e mirra, todas as terças-feiras.

O ANEL DE BRONZE: - Proporciona proteção no setor profissional Recuperação de prejuízos. Renascimento de valores espiri-tuais, realismo, resignação, sabedoria,

desenvolvimento intele-ctual, regeneração espiritual, começo de um novo ciclo. Perfume-o com verbena e lavanda, ou defume-o com sândalo

e jasmim, todas as quartas e sextas-feiras.

O ANEL DE ALUMÍNIO: - Proporciona ganhos extras e até pro- moção no setor profissional. Estabilidade financeira. Superação do medo através do autoconhecimento. Perfume-o com violeta

e lavanda, ou defume-o com madressilva e patchuli, todas as Quarta e sábados.

PANTOGNOSE

O ANEL CONSAGRADO DE SALOMÃO

O ANEL DE CHUMBO: - Proporciona sabedoria, desenvolvimento

intelectual, regeneração espiritual, começo de um novo ciclo. Perfume-o com jasmim e verbena, ou defume-o com jasmim e

musk, todos os sábados e sextas-feiras.

O ANEL DE PRATA: - a prata diz respeito aos sentimentos elevados. Proporciona iniciativas afortunadas, trabalhos, ga- nhos. Negócios prósperos, mas aflições por perdas. Perfume-o com acácia e violeta, ou defume-o com musk e patchuli, todas as segundas e terças-feiras.

O ANEL DE OURO: - o ouro diz respeito aos pensamentos. Proporciona o caminho para à criatividade para o sucesso. Equilíbrio, harmonia, ponderação, novas chances, religiosida- de economia, bom raciocínio. Perfume-o com sândalo e violeta, ou defume-o com alfazema e sândalo todos os domin-gos e quintas-feiras.

O ANEL DE PRATA COM UMA ESTRELA DE OURO ENGASTADA: - O

ouro ajuda a restabelecer o equilíbrio, a harmonia e o bem es- tar. A Prata ajuda a ver o lado interior das coisas, as visões psíquicas, os sonhos, o sistema neurovegetativo. Além de pro- vocar também o psiquismo e a clarividência.

PANTOGNOSE

O ANEL CONSAGRADO DE SALOMÃO

GEMOLOGIA

Para o mago, tudo é ser vivo, tudo pode tornar-se símbolo. Tem os metais ação sobre o corpo. Hoje a metaloterapia, como existe a eletroterapia, a magnetorapia e a psicologia. A pedra é um ser ativo e vivo; a pérola perde seu oriente e dizem que ela morre. Quem supõe a morte, supõe a vida. Daí a certeza da existência de certos fermentos metálicos. A pedra, o mineral (gema), tem poder mágico e ativo em todas as crenças, pois cada uma delas, representa uma força vital da Natureza, respeitando assim, a uma certa hierarquia, é Força Astral. Conforme passamos a descriminar na demonstração que se segue:

GEMA

SÍMBOLO

RUBÍ.

Beleza e elegância

PERÓLA.

Pureza e castidade

SAFIRA.

Verdade e consciência pura

TOPÁZIO.

Ardor e força viril

ESMERALDA.

Esperança e felicidade

TURQUEZA.

Coragem e sabedoria

TURMALINA.

Alegria e paz

ONYX.

Saudade e longevidade

DIAMANTE.

Reconciliação e amor

GEMA

VIRTUDES

RUBÍ.

PERÓLA.

SAFIRA.

ESMERALDA.

TURQUEZA.

TURMALINA

ONYX.

Dissipa as tristezas e amarguras Favorece as uniões Inspira arrependimento das faltas, do ódio e da vingança. Dá sabedoria para conhecer o futuro Assegura êxito no amor e nas viagens Dissipa os maus presságios Acalma opressões e pesadelos noturnos

conhecer o futuro Assegura êxito no amor e nas viagens Dissipa os maus presságios Acalma opressões
conhecer o futuro Assegura êxito no amor e nas viagens Dissipa os maus presságios Acalma opressões
conhecer o futuro Assegura êxito no amor e nas viagens Dissipa os maus presságios Acalma opressões
conhecer o futuro Assegura êxito no amor e nas viagens Dissipa os maus presságios Acalma opressões
conhecer o futuro Assegura êxito no amor e nas viagens Dissipa os maus presságios Acalma opressões
conhecer o futuro Assegura êxito no amor e nas viagens Dissipa os maus presságios Acalma opressões

PANTOGNOSE

O ANEL CONSAGRADO DE SALOMÃO

DIAMANTE.

Favorece o cumprimento de promessas

LÁPIS-LAZÚLI

Cura os olhos, a hemorragia.

Pedras amarelas possuem um poder de curar a icterícia.

As pedras azuis neutralizam a influência maligna dos espíritos

da escuridão.

A esmeralda, sua cor verde é calmante, e para quem sofre dos

olhos. Uma pedra perfeita fornece proteção completa contra doenças Uma pedra defeituosa traz a maldição do desapontamento e miséria sobre a cabeça de seu dono.

REMÉDIO EFICAZ CONTRA UM MAL ESPECÍFICO

GEMA

CARBÚNCULO E RUBI DIAMANTE CRISÓLITA AMETISTA CORAL JADE

ÁGATA gravada com serpentes

DOENÇA

Peste Insanidade Delírio Alcoolismo Venenos Doenças renais Mordidas de cobras

OS TRÊS GRUPOS PRINCIPAIS

São classificadas em três grupos principais

O carbono, a alumina e o silício, com vários intermediários como as granadas, que são feitas de uma variedade de substâncias.

Pérolas, coral, âmbar, malaquita, turquesa e lápis-lazúli não são pedras preciosas verdadeiras.

O carbono impede a fermentação no intestino

A alumina exerce influência sobre as membranas das

mucosas, resfriados e tosse.

PANTOGNOSE

O ANEL CONSAGRADO DE SALOMÃO

O Silício ajuda a combater as pedras dos rins, escrófula das

juntas.

O coral colocado junto ao corpo se mudar de cor é porque a

pessoa esta envenenada.

CORRESPONDÊNCIAS ASTROLÓGICAS

Jacinto ou granada

Aquário

Ametista

Peixes

Hematita

Áries

Safira

Touro

Ágata

Gêmeos

Esmeralda

Câncer

Ônix

Leão

Cornalina

Virgem

Crisólita

Libra

Água-marinha

Escorpião

Topázio

Sagitário

Rubi

Capricórnio

As gemas são todas do elemento terra, mas elas se classificam

da seguinte maneira:

As gemas escuras e pesadas pertencem ao elemento terra

As gemas transparentes (Cristal, berilo e pérolas) pertencem ao elemento Água.

As gemas esponjosas pertencem ao elemento ar

As gemas refratárias pertencem ao elemento fogo

O ANEL NA ERA DE AQUÁRIO

Proporciona progresso em relação aos projetos que se tem em mente, para o seu usuário, uma nova esperança em relação às questões afetivas.

PANTOGNOSE

O ANEL CONSAGRADO DE SALOMÃO

Recebimento das energias positivas que vem do cosmo trans- formada em bons fluidos para serem utilizadas no dia-a-dia. Aumento da força e do poder no anel.

O ANEL NA DÉCADA DE 2000

Proporciona força espiritual, o anel está envolto na força espi- ritual, iluminado pelo Dom divino. Período de captação de energia cósmica Proporciona ao seu usuário, energia, convicção, e boa saúde, sucesso no setor profissional. Probabilidade de se dar bem em qualquer situação ou negócio. Os trabalhos em comunidade vão dar resultados muito positivos. Por outro lado, proporciona prudência, cautela, generosidade, caridade, habilidade, espiritualismo, pensamentos claros, saú- de força física, reabilitação, defesa, perseverança, paciência, humildade, meditação.

“Com o poder do anel sou guiado pela divina sabedoria”.

“Senhor fortifica o meu anel”.

PANTOGNOSE

O ANEL CONSAGRADO DE SALOMÃO

INTENSIDADE DA ENERGIA DO ANEL

Dia da

Domicílio

Domicílio

Intensa

Fraca

Neutra

Semana

Diurno

Noturno

Domingo

OURO

-

AÇO

LATÃO

COBRE

Segunda

PRATA

PRATA

COBRE

ALUMINIO

AÇO

Terça

AÇO

AÇO

ALUMINIO

COBRE

PRATA

Quarta

AZOUGUE

ESTANHO

LATÃO

ESTANHO e ZINCO

OURO

Quinta

ESTANHO

ZINCO

PRATA

AZOUGUE

CHUMBO

Sexta

COBRE

LATÃO

ZINCO

AÇO e FERRO

AZOUGUE

Sábado

CHUMBO

ALUMINIO

COBRE

PRATA e OURO

AÇO

CORRESPONDÊNCIA DAS HORAS COM O ANEL

HORAS

DOMINGO

SEGUNDA

TREÇA

QUARTA

QUINTA

SEXTA

SABADO

 

1 OURO

PRATA

AÇO

ZINCO

ALPACA

COBRE

ZINCO

 

2 COBRE

ZINCO

OURO

OURO

AÇO

ZINCO

ALPACA

 

3 LATÃO

ALPACA

COBRE

ESTANHO

OURO

PRATA

AÇO

 

4 PRATA

AÇO

ZINCO

ALPACA

COBRE

ESTANHO

OURO

 

5 ESTANHO

OURO

PRATA

AÇO

ZINCO

ALPACA

COBRE

 

6 ALPACA

COBRE

ZINCO

OURO

PRATA

AÇO

ZINCO

 

7 AÇO

ZINCO

ALPACA

COBRE

ESTANHO

OURO

PRATA

 

8 OURO

PRATA

AÇO

ZINCO

ALPACA

COBRE

ESTANO

 

9 COBRE

ZINCO

OURO

PRATA

AÇO

ZINCO

ALPACA

 

10 ZINCO

ALPACA

COBRE

ESTANHO

OURO

PRATA

AÇO

 

11 PRATA

AÇO

ZINCO

ALPACA

COBRE

ESTANHO

OURO

 

12 ZINCO

OURO

PRATA

AÇO

ZINCO

ALPACA

COBRE

PANTOGNOSE

O ANEL CONSAGRADO DE SALOMÃO

CORRESPONDÊNCIA DAS HORAS COM O ANEL

HORAS

DOMINGO

SEGUNDA

TREÇA

QUARTA

QUINTA

SEXTA

SABADO

 

13 ALPACA

COBRE

ZINCO

OURO

PRATA

AÇO

ZINCO

 

14 AÇO

ZINCO

ALPACA

COBRE

ESTANHO

OURO

PRATA

 

15 OURO

PRATA

AÇO

ESTANHO

ALPACA

COBRE

ESTANHO

 

16 COBRE

ZINCO

OURO

PRATA

AÇO

ZINCO

ALPACA

 

17 ZINCO

ALPACA

COBRE

ZINCO

OURO

PRATA

AÇO

 

18 PRATA

AÇO

ZINCO

ALPACA

COBRE

ESTANHO

OURO

 

19 ZINCO

OURO

PRATA

AÇO

ZINCO

ALPACA

COBRE

 

20 ALPACA

COBRE

ZINCO

OURO

PRATA

AÇO

ZINCO

 

21 AÇO

ZINCO

ALPACA

COBRE

ESTANHO

OURO

PRATA

 

22 OURO

PRATA

AÇO

ZINCO

ALPACA

COBRE

ESTANHO

 

23 COBRE

ESTANHO

OURO

PRATA

AÇO

ZINCO

ALPACA

 

24 ESTANO

ALPACA

COBRE

ESTANHO

OURO

PRATA

AÇO

O PODER DO ANEL NOS DIAS DA SEMANA

Metal

Energia

Energia

Energia em

Energia em

Diurna

Noturna

Exaltação

Queda

Zinco, Estanho

Quinta

Quinta

Segunda

Sábado

Cobre, Latão

Sexta

Sexta

Quinta

Domingo

Bronze, Alumínio, Chumbo

Sábado

Sábado

Sexta

Quinta

Ferro (aço)

Terça

Terça

Quinta

Segunda

Chumbo

Sábado

Sábado

Sexta

Terça

Ouro

Domingo

-

Terça

Sexta

Prata

Segunda

Segunda

Sexta

Terça

Azougue

Quarta

Quarta

Sábado

Quinta

PANTOGNOSE

O ANEL CONSAGRADO DE SALOMÃO

INFLUÊNCIA DO ANEL NOS DIAS DA SEMANA

Conforme as clavículas de Salomão:

DOMINGO Proporciona equilíbrio, harmonia, ponderação, disciplina, lógica, religiosidade, economia, respei- to e bom raciocínio. As forças positivas estão fa- vorecidas. SEGUNDA Proporciona agilidade mental. A força interior es- tará acentuada. Sucesso e coragem. Transmite confiança ao seu possuidor. TERÇA Proporciona sabedoria, inspiração, esperteza, bondade e lealdade. QUARTA Proporciona responsabilidade, confiabilidade, conforto, equilíbrio. Expansão dos negócios. Pro- teção e prospe-ridade. Harmonia física e mental QUINTA Proporciona sabedoria, ambição, sucesso, poder de decisão, sucesso profissional, criatividade e fa- cilidade para re-solver problemas. Mudanças no modo de viver e pensar. In-fluência de fatores externos. SEXTA Proporciona autoconhecimento, prudência, cau- tela, habilidade, espiritualismo, pensamento claro, força física, reabilitação, paciência, humildade, meditação, sabedoria.

Proporciona boa sorte, sagacidade, novas opor- tunidades, presença de espírito, bom humor, dês- contração, felicidade, ganho especial, finalização de um problema.

UM CASO VERÍDICO

SÁBADO

Na cidade de Praia Grande eu vi uma Senhora utilizar a aliança de casamento em seus trabalhos místicos, ela utilizava a aliança como rosário, ela pegava a aliança com o dedo polegar

e

o indicador e punha-se a benzer. Um dos trabalhos que vi, foi

o

benzimento da erezipela.

PANTOGNOSE

O ANEL CONSAGRADO DE SALOMÃO

As formas dos anéis: variam conforme as virtudes que se lhes quer atribuir, os mais poderosos, porém, são os de forma oval ou circular.

O círculo por se tratar de uma figura geométrica sem

começo

e nem fim, representa o todo, o infinito, a perfeição. É

símbolo

de Deus. Simboliza a sabedoria eterna de Deus.

É a perfeição ideal; na sua divisão natural e mínima é uma

quaternidade.

O anel também esta sobre a proteção do Gênio OCK que libera

os poderes de todos os taslimãs. Porque o anel também pode

ser usado como talismã.

O gênio guardião dos anéis guarda todos os segredos, inclu-

sive só libera as forças quando for estritamente necessário, ou

guando o portador tiver grau de merecimento.

O triângulo cabalístico (Pináculo)

Conforme o triângulo de Pitagoras, temos:

A

N E L =

1+5+5+3

=

União e equilíbrio da força vital

A

N E

= 1+5+5

=

O domínio através do intelecto

A

N

= 1+5

=

Conhecimento instintivo

A

= 1

=

Domínio das forças em movimento

5603

= 5+6+3

=

União do interior com o exterior.

560

= 5+6

=

Domínio das baixas paixões

 

56

= 5+6

=

Mistério da força operante

5

= 5

=

Controle das forças naturais

E, pôr conseguinte:

A N E L

A E

= 1+5

=

Mistério da causa operante que atua em cada ser.

N

L

= 5+3

=

Amor ao trabalho de qualquer espécie

PANTOGNOSE

O ANEL CONSAGRADO DE SALOMÃO

A MANEIRA DE SE USAR O ANEL.

Os magos sempre tiveram em seu poder o anel, que é o amu-

leto representativo da força que transmite aos seus usuários.

O anel, com a respectiva inscrição interna, bem como as exter-

nas, pode ser fabricado por qualquer pessoa, desde que obe- deça às instruções que se seguem e esta dádiva deve-se ao sábio Salomão de nos beneficiar a todos sem guardar segredo

a fabricação do valioso anel que leva os nomes de Deus. De acordo com as inscrições e manuscritos encontrados na

sepultura de Salomão, esse anel, deve ser fabricado de ouro

ou prata, num Domingo ao por do sol e durante o mês de maio.

Para que o anel produza efeitos desejados, deverá ser colocado durante sete dias e sete noites em contato com a “Pedra de Cevar”, tirado no sétimo dia ao amanhecer, dizendo:

”Dedico-vos, Senhor Poderoso Alpha e Omega, substância e espírito de toda a criação, a lembrança cotidiana da minha alma e espero a vossa divina proteção em todos os trabalhos, obras e ações que precise executar em todos os dias de minha vida”.

O rei Salomão nos deixou este decreto para que possamos

energizar o anel:

Num Domingo de primavera logo ao despertar do sol, comece a seguinte oração:

Colocando o anel na mão direita aberta, Proemie:

“Dabi, Habi, Habem, Alpha e Omega, Espiritos do bem, do Poder e da saúde, concentra essas virtudes neste anel para que possa vencer na vida para o bem e contra o mal. Assim seja. Amém”

Poderás obter tudo o que quiseres, fazendo a oração acima, quando desejares novas graças e fizerdes novos pedidos.

O possuidor o levará consigo num Domingo, assistindo o missa

ajoelhado o tempo todo, rezará as costumeiras orações e ao

terminar a missa, passarás o anel sobre o altar e na água

PANTOGNOSE

O ANEL CONSAGRADO DE SALOMÃO

benta, ao sair da igreja, com o anel no polegar da mão direita farás o sinal da Cruz.

Nesta mesma noite, colocarás o anel junto com a figa de arruda e, com a estrela do mar e, a meia-noite em ponto, em- brulhará os três objetos num pano preto de lã. Colocando-o em baixo do travesseiro, repetindo isso durante os seis dias úteis daquela semana. Após isso, quando terminar a operação, que será num Sábado, queimarás às seis horas do domingo a estrela e a figa, dizendo à mesma oração.

O USO DO ANEL

O anel é usado na mão direita (mão ativa) e o dedo que leva o

anel não é indiferente, cada dedo representa um efeito:

O

polegar

o amor

O

indicador

a riqueza

O

médio

a sabedoria

O

anular

a soberania

O

mínimo

a inteligência

O dedo anular é o indutor geral

A mão direita contraria o movimento diurno. As falanges próxi-

mas da palma são vizinhas da área que as energias são ativas

e os gestos do operador são efetuados com o propósito de ação.

O anel é como instrumento é, então, particular ao operador de

maneira que as possibilidades operatórias estarão represen- tadas pelo o anel em todos os temas, desde que o mago o use

como indutor geral.

O anel representa a vontade do mago, sendo colocado no de-

do indicador da mão esquerda (quando o mago e destro) Não é necessário que o anel seja de valor, pois fatores impor- tantes são a intenção e a dedicação e assim como em todos os trabalhos mágicos.

PANTOGNOSE

O ANEL CONSAGRADO DE SALOMÃO

A FORÇA DO ANEL E A VONTADE DO MAGO

A vontade é o grande agente de todas as nossas ações

Querer é poder eis uma grande verdade. Aquele que quiser, que souber, querer, firmemente, inabala- velmente, resolvido a querer, tudo conseguirá, devido somente ao seu extraordinário esforço de vontade aliado ao poder do anel.

O anel dispõe de grande “poder” ou “força magnética univer-

sal”. Quando este poder se põe em ação, nos impressiona e

nos faz sentir esquisitas sensações

A foça e poder do anel são verdadeiramente assombrosos!

Salomão conhecia o poder sobrenatural do anel, mas não sou- be determinar-lhe a ação e o valor.

Os magos, ao cabo de observações e estudos profundos, conseguiram conhecer este poder, e por todo o mundo está

espalhado e acreditado o poder do anel com todo o seu valor e verdade.

O médico Arbatan (mago persa) conhecia o poder deste instru-

mento tão valioso.

O usuário sente em si, num grau qualquer, a influência do anel,

quando bem utilizado.

A força e o poder do anel provoca voluntariamente ou invo-

luntariamente, fenômenos materiais, tais como efeitos mágicos como pancadas ou movimento de corpos inertes. Este instrumento, também recebe influência dos seres espi- rituais inerente a vontade do indivíduo que usa o anel.

O anel também serve de escudo contra espíritos malignos,

contra inimigos, inveja, ciúme e etc., mas é necessário que o usuário saiba utilizar o poder do anel e proceder de modo a não se deixar dominar por forças maléficas. Meditações, pranayamas, asanas, mantras e orações servem de meio para estabelecer a concentração da energia no anel, o que significa energizá-lo. Exercícios de yoga e zen podem pro- porcionar a energização - que é a fusão temporária da força,

PANTOGNOSE

O ANEL CONSAGRADO DE SALOMÃO

mas, terminado a energização, volta-se à dura realidade da

Mansão de Barro. energização, portanto, não significa encarnar

a força no anel propriamente dita, apenas uma fusão ou absorção temporária com a força.

QUEM USA O ANEL

- Alcança todos os objetivos

- Os problemas são momentâneos

- Terá mudança no plano material e espiritual

- Vive a vida com harmonia pessoal

- Estará sempre protegido

Evidentemente, o possuidor do anel, deve ser discreto, amável, calmo, brando, pacífico e cordato. Que primeiro escute, se- gundo analise e terceiro se cale.

O anel vos protegerá, mas sempre no limite do Bem.

Por isso, nunca se deixe dominar por paixões baixas, ou in- fluências nefastas ou de terceiros. Nunca os vossos pedidos, as vossas súplicas, tenham por móvel o interesse material ou uma curiosidade fútil. Cumpre-se advertir que, as experiências de efeitos físicos são geralmente isentas de perigo, não sucede o mesmo com as experiências de manifestação espiritual, ou de materialização. Para que esses fenômenos aconteçam é necessário provocá- los, sempre com o consentimento e sob as indicações do es- pirito guardião do anel. Afirmo que tais fenômenos não se realizam uniformemente com todos os usuários do anel, nem nas mesmas circuns- tâncias. As vezes, mesmo, qualquer obstáculo material ou normal, im- pede a realização dos fenômenos a que se deseja. Basta ser bom e leal, de coração sincero, e o espirito guardião do anel vos auxiliará a bem utilizá-lo. Nunca duvides, ou brinque com o poder do anel, porque peri- goso é! Não o use para fins egoisticos, perigoso é!

PANTOGNOSE

O ANEL CONSAGRADO DE SALOMÃO

Sabendo bem utilizá-lo, tornar-te-ás melhor, e receberás os benefícios das sãs virtudes do anel.

A força e o poder do anel é universal não te esqueças!

Ele resplandece, e ilumina, mal grado as opacidades do teu

corpo.

A vida amargurada da terra dulcifica-se no invisível.

A tua recompensa está nas relações da doce energia, da fra-

ternal comunhão com o poder e a força do anel e estareis livres do materialismo, e regressarás à eterna luz

“Conforme a tua obra na terra, assim será teu lugar junto a Deus”. Dentro dos preceitos de Salomão, no lado interno do anel, po- derás gravar as seguintes palavras mágicas.

AGLA AGLAIA † ON TETRAGRAMMATON

Lado interno

Do lado externo do anel, colocarás a estrela de cinco pontas.

lado externo do anel, colocarás a estrela de cinco pontas. Lado externo Também podemos escrever pelo

Lado externo

Também podemos escrever pelo lado externo

ADONAY

ADONAY TETRAGRAMMATON

TETRAGRAMMATON

TRABALHOS COM O ANEL

O mago quando inicia seu trabalho espiritual consagra o anel com esta oração.

“Ó, meu amantíssimo Senhor, vós, que sois o Deus do uni- verso, permiti que o poder deste anel predisponha a meu favor, porque, Senhor, não tenho mais a quem recorrer. O Senhor

PANTOGNOSE

O ANEL CONSAGRADO DE SALOMÃO

seja comigo e me ajude e me atenda. Maria Santíssima, minha mãe, socorrei-me por intervenção do vosso amado filho, Se- nhor meu, a quem com vivíssima fé amo de todo o meu cora- ção, corpo, alma e vida; que este anel consagrado, predispo- nha a meu favor nesta hora de meus atos místicos pelo sangue derramado de Nosso Senhor Jesus Cristo. Amém”.

- Para evitar as perseguições dos inimigos use-o com um

cordão nas costas pendurado ao pescoço - Para receber intuição coloque-o na testa por alguns minutos

- Para curar use-o na palma da mão fechada em cima do

paciente

- Para pedir auxílio, coloque-o na sua mão fechada contra o

peito.

- Para pedir abastança, coloque-o no dedo indicador sobre o peito.

- para se livrar de más influências, coloque-o no dedo médio

sobre o peito -. Para ficar invisível, colocar o anel na boca e proferira o se-

guinte mantra.

- Estou invisível e ninguém me vera, agora! Palavra do anel:

Tonucho

Colocar o anel na boca proporciona superioridade. Induz a vontade que existe para conseguir tudo o que se deseja. Vitória sobre obstáculos insuperáveis. Energia para prosperar.

Colocar o anel dentro da boca proporciona a realização de todos os desejos. Proporciona equilíbrio mental, energia, po- der, realização do que se deseja, força de vontade, confiança, inteligência.

Colocar o anel nos lábios Indica crise interna que precisa ser resolvida imediatamente, influência de fatores externos, preocupação com o Ego, planos ocultos, adivinhação.

PANTOGNOSE

O ANEL CONSAGRADO DE SALOMÃO

Morder o anel Indica crise interna que precisa ser resolvida imediatamente, influência de fatores externos, preocupação com o Ego, planos ocultos, adivinhação.

O anel dentro da mão direita fechada Proporciona inteligência para vencer a força física ou a superioridade da força espiritual sobre a matéria. A força do amor vencendo to- dos os obstáculos.

O anel dentro da mão esquerda fechada Direciona ao seu usuário uma nova vida. É o resultado de tudo de bom ou de mau que a pessoa colheu. Etapa de transformação na vida da pessoa, para que possa continuar o seu caminho e para dar lugar ao renascimento dos valores espirituais. Regeneração espiritual.

Passar o anel no cabelo Estimula a razão e a intuição

Colocar o anel no centro da testa pôr algumas horas Proporciona ao seu usuário força física e moral, coragem, con- vicção, energia, determinação resistência, ação, percepção das tentações, vitória. Utilização racional da força.

Colocar o anel dependurado nas costas inverte a ação dos inimigos, favorece a evolução e a involução. Inverte a ação de qualquer tipo de ação contrária ao seu usuário.

Dependurar o anel ao peito com um cordão proporciona regeneração espiritual. Autodefesa, elimina os maus olhos e maus olhados. Elimina a ação da inveja e dos invejosos. Afasta perturbações inconvenientes.

Colocar o anel na palma da mão aberta proporciona a sabedoria adquirida com o tempo e a busca da inteligência através de um mergulho interior para descobrir a própria luz.

A força do mago está no seu poder mental e intelectual. Significa prudência, generosidade, caridade, habilidade, espiri- tualismo, defesa, perseverança, humildade, meditação, sabe- doria e pensamentos claros.

PANTOGNOSE

O ANEL CONSAGRADO DE SALOMÃO

Quando o anel parece querer escapar da mão O mago domina qualquer situação. O mago vence todos os obstáculos, usando da boa fé e razão.

Quando o anel sai do dedo e cai no chão Alerta que tudo o que se fizer com más intenções resultará em sacrifícios pessoal que prejudicará o bom desenvolvimento espiritual e material. Proporciona equilíbrio, ponderação, adaptação neces- sidades, transformação, novas chances, conservação. Religio- sidade.

Quando o anel cai da mão no chão Representa o desa- pego ao material e ao espiritual, em busca de humildade e perfeição. Busca da verdade celestial e a ínfima esperança, aquela que foi e sempre será a última a morrer. É a força otimista do ser humano que carrega em si toda a capacidade e vontade de realizações.

Colocar o anel dentro do sovaco Proporciona ao seu usuário capacidade de realização, responsabilidade, esperteza, justiça, inspiração, intuição, vocação e capacidade para supe- rar qualquer tipo de crise.

Soprar o anel - Proporciona equilíbrio, harmonia, ponderação, disciplina, lógica, adaptação às necessidades, transformação, novas chances, conservação, religiosidade. Soprar o anel com ar frio: - Indica que a pessoa esta dirigindo a sua própria vida, enfrentando as constantes lutas do dia-a- dia. A pessoa tem consciência de seus próprios deveres e direitos. Proporciona sucesso, triunfo, uso da mente para con- trolar os problemas do corpo; novas oportunidades.

Soprar o anel com ar quente: - Proporciona autoridade, dever, consciência, pensamentos positivos. Faz com que a pessoa acredite mais na sua capacidade de realização.

Para ser rico e feliz: - Mande preparar um anel de ouro do mais alto quilate. No Domingo, uma hora depois do nascer do sol, coloque o anel no dedo anular da mão direita.

PANTOGNOSE

O ANEL CONSAGRADO DE SALOMÃO

Colocar o anel entre os dentes e rezar um Pai Nosso e uma Ave Maria: - Proporciona pensamentos claros, saúde, força físi-ca e paciência.

Para vencer os concorrentes desleais: - Use o anel no dedo mínimo da mão direita.

Para ser feliz numa viagem: - Passe o anel para o dedo anular da mão esquerda.

Para que o pedido de casamento não seja recusado: - Use

o anel no dedo mínimo da mão esquerda, desde três dias antes de fazer o pedido.

Para que os maus pensamentos dos outros não atinjam o usuário: - Coloque o anel num saquinho de seda púrpura com alça, da mesma seda e coloque-o no pescoço, a tira colo, de modo que o anel caia sobre o coração. Use-o assim por tempo indeterminado, ou quando desconfiares de teus inimigos.

Para que os maus pensamentos dos outros não atinjam o usuário e para que os maus pensamentos do usuário não

jamais se realizem nem atinjam outras pessoas: - Coloque

o anel num saquinho de seda púrpura com alça, da mesma

seda e coloque-o no pescoço, a tira colo, de modo que o anel

caia sobre o estômago. Use-o assim por tempo indeterminado

Para que os pensamentos se realizem: - use o mesmo saqui-nho dependurado no pescoço de modo que fique nas costas, mais ou menos na altura do estômago.

Essa prática produz um outro efeito: Faz com que os bons pen- samentos das outras pessoas a respeito do usuário se reali- zem.

RITUAL DO DESPERTAR

Deitado relaxadamente coloque o anel no entrecenho dos olhos, no centro da testa, feche os olhos e imagine uma luz

PANTOGNOSE

O ANEL CONSAGRADO DE SALOMÃO

azul saindo do anel e entrando em seu cérebro e medite sobre

a sua vida e os problemas que deseja esclarecer.

Repita três vezes a seguinte frase:

Com o poder deste anel que desperte em mim a energia criativa para que eu possa realizar os meus objetivos, com equilíbrio e confiança.

Para receber prolongadamente o efeito do anel, use-o com freqüência. Cada signo tem seus dias mais propícios para a realização do ritual do despertar. Nestes dias é importante manter o anel em contato com o seu sexto chacra, para isto basta deitar-se de decúbito dorsal e colocar o anel na testa entre as sobrance- lhas. Portanto, o anel está associado, ao sexto chacra entre as so- brancelhas (terceiro olho), que rege a clareza mental e espi- ritual. É onde se trabalha o canal da intuição e da visualização de tudo que queremos realizar no mundo.

FUNÇÕES DO ANEL

- Quando usar o anel no polegar para atrair o amor das mu-

lheres, fumigue o anel com madeira de aloés e profira a pa- lavra do anel: Asmalior.

-

Para se proteger contra inimigos, fumigue o anel com âmbar

e

pronuncie a palavra Topinoch.

-

Para se proteger contra doenças, fumigue o anel com incenso

e

pronuncie a palavra Balsamiach.

-

Para aumentar o Dom da vidência, fumigar o anel com mei-

mendro e pronuncie a palavra Dolesech. Segundo o rei Salomão, o anel assume as seguintes funções:

- Conserva e anima o corpo material

- Provoca o que se denomina sentido íntimo, do ponto de vista intelectual.

PANTOGNOSE

O ANEL CONSAGRADO DE SALOMÃO

- Aumento de freqüência vibratória.

Sempre mentalize seus desejos e peça proteção e poder em todos os momentos que necessitar durante o dia todo.

Quando o anel fica gelado no dedo do operador, representa tudo o que está relacionado à religiosidade e a fé. Indica a constante busca da sabedoria para ter uma vida com mais paz e harmonia. Significa que o anel está imitindo energia intuitiva. Mantém a pessoa em equilíbrio total, mantém o alto-astral e os pensa- mentos do indivíduo são positivos.

O anel colocado no lado esquerdo do corpo recebe as ener-

gias negativas. No lado direito, emana a energia positiva para o Cosmo. No centro, perto do coração, vibra com mais equi-

líbrio, doando e recebendo ao mesmo tempo. Coloque um pou- quinho de perfume de sua preferência.

O anel no dedo indicador: - Quando o mago usa o anel no dedo indicador funciona como uma varinha mágica, onde o mago põe as forças da natureza em ação e domina através do intelecto.

Domina as baixas paixões. Quando promuncia o mantra I.A.O Quando pronuncia o mantra AUM, o mago controla os quatro corpos do pecado, físico, etérico, astral e mental.

Para o que se deseja venha acontecer deseje o que se quer e,

pronuncie o mantra

e

Proemie o que se quiser. Quando não, coloque o anel na palma da mão fechada contra

o peito, deseje o que se quiser e proemie o mantra AGLA,

AGLAIA, ON, TETRAGRAMMATON.

Antes de se começar qualquer cerimonia mágica com o anel, devemos consagrá-lo com o sal, com a água, com o fogo e o ar.

AGLA, AGLAIA, ON, TETRAGRAMMATON

PANTOGNOSE

O ANEL CONSAGRADO DE SALOMÃO

Com o anel no dedo indicador e apontando-o para cima, pro- nuncie três vezes os nomes dos gênios do fogo: MICHAEL,

SAMAEL.

A seguir, na mesma posição o mago pede ao gênio sideral com

quem está trabalhando o serviço almejado: amores, negócios, viagens e etc., e os gênios trabalharão conforme a lei: para ter êxito e para vencer. Coloque o anel no dedo indicador, feche o resto da mão, fi- cando com o dedo esticado, leve-o ate o centro do pentagrama do peito, solicite com toda a sua vontade e imaginação o que

desejas. Proemie:

“Com o poder deste anel consagrado colocado no centro do selo de Salomão, eu quero que isto (X), seja realizado no mais breve tempo possível. ”

Permaneça assim neste desejo por alguns minutos e verás que

o que desejares se realizará

Eis como se trabalha com o anel no dedo indicador e solu- cionar seus problemas particulares.

Quando se desejar um favor: - basta bater com o anel nas costas da pessoa de que se quer obter o favor almejado e ela o fará. As batidas devem ser em número ímpares. Passe perfume de cravo no anel antes desta operação.

A força está nas palavras e no pensamento.

Para que uma donzela se apaixone por você: - Modus operandi: primeiro ande com o anel no dedo polegar até

encontrar uma donzela, se já conhece, ótimo, faça com que ela use por alguns instantes o anel, ou que ela se interesse a usar

o anel, vai daí que ela passou um pouco de energia para o

anel, com essa energia você pode atraí-la a qualquer mo- mento apropriado.

Quando ela estiver usando o anel, profira a seguinte oração:

“Com os poderes mágicos do amor contidos neste anel, faço com que

(Fulana

)

se apaixone por mim. Ela sentirá um fogo

PANTOGNOSE

O ANEL CONSAGRADO DE SALOMÃO

abrasador em seu coração, ficará tão apaixonada, que enquan- to não vier falar comigo não sossegará”. Que esse fogo abrasador queime, queime, queime, até que comigo venha ficar. E, que ela não pense em outra coisa a não ser comigo estar. E que ela so tenha um caminho é o de vir até mim. E nenhuma coisa se porá em sua frente, nenhuma coisa a tirará do caminho. Agora!”.

Profira esta oração sete vezes, sete dias, para que sete vezes se realize. Use o anel no dedo polegar sete dias antes, sete dias durante e sete dias para finalizar esta mágica.

Adaptação cabalística no caminho do Cavaleiro Jaguar

Usando o anel como arma de defesa:- quando estiveres no meio de uma roda de pessoas e estas estiverem te injuriando, coloque a mão do anel no queixo, assim o efeito do anel será contrário, ele ficará com a estrela virada de cabeça para baixo, onde a função e bloquear a ação do inimigo. Tome o cuidado para que isto não vire mania. Nesta condição o usuário tem o domínio de qualquer situação e evita a derrota, insucesso, ambição falta de objetivo, intrigas, críticas excessivas e rom- pimento de obstáculos. Colocar a mão do anel na testa:- estando o anel virado de cabeça para baixo a sua ação faz com que tenhamos uma transformação rápida e necessária da situação em que nos encontramos. A ação do anel nesta condição nos livra de qual- quer perigo, nos tira de qualquer situação que não consegui- mos resolver, tanto intelectualmente como espiritualmente. Desbloqueia a ação da força negativa. Mesmo que estejamos em situação embaraçosa, a ação do anel nos ajuda para que o usuário de o melhor de si no prezado momento que se encom- tra.

PANTOGNOSE

O ANEL CONSAGRADO DE SALOMÃO

Quando sentires que uma coisa não vai bem, esfregue o anel com as duas mãos, quando sentires que o anel aqueceu, sopre o anel com ar quente da boca, neste trabalho vá proferindo pa- lavras de ordem, a que você mais achar melhor, dando ênfase ao trabalho.

Vire a estrela do anel para o lado de dentro da palma da mão e levantada no ar:- Quando quiseres impedir uma ação adversa, quando quiseres que uma coisa comece ou inicie. Quando quiseres que uma coisa seja bloqueada, proceda desta forma. Da mesma maneira, quando fordes dar passes magnéticos em uma pessoa vire o anel para o lado de dentro da palma da mão.

O ANEL DENTRO DA MEDICINA

Aqui as possibilidades são, com efeito, igualmente ilimitadas, mas que dependem muito da radiestesia como conhecimento médico. Parece, em geral, que o médico ou o mago-curador o- rientados para a medicina natural se sintam mais atraídos por esta forma de diagnóstico que o doutor que aplica a medicina com o método cientificamente ortodoxo. Dentro do contesto místico o anel serve como instrumento para diversos tipos de trabalhos de cura e adivinhação, especial- mente pela cura da imposição das mãos.

O anel também serve para equilibrar as energias dos chacras.

Trabalhando sempre com o lado emocional e mental, o que reflete no equilíbrio geral do corpo.

É necessário que a pessoa adquira uma mente sensorial maior

do que a que já possuía antes, para melhorar a percepção.

O anel ajuda a catalisar a energia certa para o centro energé-

tico ou campo magnético da pessoa. Lembre-se que está claro que por meio do verbo, se modela tudo na criação e na natureza.

Há que se buscar o bem, custe o que custar, pois os Mestres da Medicina quando tratam de um enfermo que esteje mor-

PANTOGNOSE

O ANEL CONSAGRADO DE SALOMÃO

rendo, eles tratam salvá-lo porque essa é a Lei, eles cumprem como Fazer o bem.

O mago, é prudente e sábio, é seu trabalho. Na terra a grandes

dores. Há que se aprender a entender, há que se aprender a

sofrer, a ser resignado. Os que não o são Fracassam.

O mago entende das Leis de irradiação e absorção.

Todos os trabalhos indicados aqui são amplamente empre- gados no alívio de doenças mentais ou emocionais e envolvem dois princípios básicos: um, o da terapia de choque e, outro, o da antiga crença de que o contato com o anel santificado pode

trazer a cura em virtude do fato de que ele está embuído do poder de Deus.

Colocar a mão com o anel espalmada na nuca:- modus operandi: estando de pé, coloque a mão com o anel na nuca, isto evita indisposição geral do organismo. Mexe com a coluna vertebral e a mente dando uma leve sensação de tonteira e na nuca uma leve sensação de gelado na coluna. Evita também qualquer debilidade orgânica. Produz harmonia física e mental.

Colocar a mão com o anel sobre uma enfermidade:- elimina o desconforto, elimina sintomas alérgicos, a apatia e inércia da enfermidade. Restabelece o equilíbrio total do organismo. Colocar a mão com o anel de prata sobre uma enfer- midade:- controla a enfermidade, a mudança para a melhora é mais rápida do que o normal evitando, as vezes, que a pessoa passe por pequena cirurgia.

A catalepsia magnética:- Coloque o paciente sentado e rela- xado dentro de um quarto que tenha pouquíssima luz. Faça o paciente olhar fixo por alguns instantes o brilho do anel de prata e ele estará magnetizado. O paciente assume uma pos- tura de extrema rigidez. Com voz de comando, diga paulatinamente “durma!” ou qual- quer outra palavra que se associe ao estado de sono, e o pa- ciente dormirá imediatamente.

PANTOGNOSE

O ANEL CONSAGRADO DE SALOMÃO

Todo o trabalho deve ser bem simplificado e bastante direto. Quanto mais objetivo melhor.

O magnetismo é utilizado em magia para dar passes magné-

ticos em cujo paciente esteja debilitado. O passe magnético serve para limpar a aura e fortificá-la. A isto também chama- mos de descarga fluídica. Quando o paciente estiver em estado de catalepsia, devemos formular ordens parar que o paciente se reabilite de sua doen- ça o mais rápido possível, ou procurar a origem da doença, seja no passado ou no presente.

Para acordar o paciente de três palmadas no ar, ou molhe moderadamente o paciente com água e certifique-se que ele está realmente acordado.

Existem várias maneiras de se usar o magnetismo, uma delas, daremos a título de explicação, para que se tenha noção de como empregá-lo.

O passe espiritual pode ser administrado a qualquer hora. O

mago conhece a técnica de aplicação. Sabe distribuir os fluidos

pelo corpo astral do paciente e a conseqüente penetração no corpo físico. Não obstante o passe magnético é de competência do mago, este geralmente está presente quando outra pessoa a administre, seja um médium ou não. Esse passe magnético serve para limpeza e descarga.

Para se aplicar o passe magnético é bom lembrar que:

Deve-se treinar antes, como aplicar os passes. - Lave as mãos e braços ligeiramente com água corrente ou esfregue álcool, caso não tenha água, antes e depois dos passes. - Mentalize o ato que estiver realizando, isto é, que está

colhendo fluido vital da atmosfera e injetando no paciente.

- Dê até cinco passes somente, para não sofrer as

conseqüências de desgaste físico. - Para você que é mulher, não aplique passes se estiver menstruada.

PANTOGNOSE

O ANEL CONSAGRADO DE SALOMÃO

- Mulher não pode dar passe em homem. Poderá, somente

benzer com o rosário.

- Mulher mestruada não pode efetuar trabalhos místicos e, se

for cabeleireira não poderá cortar cabelo de ninguém, pois é

prejudicial ao cliente.

- A mulher gravida pode participar de todas as cerimônias

místicas e, até comer certas oferendas, pois ela está num estado de graça que nada a prejudica.

Há outras formas de aplicação de passes, também de grande eficácia no tratamento de moléstias, que são as seguintes:

Emissão de magnetismo Passe espiritual Fluidificação Auto-passe

Na emissão de magnetismo, primeiramente, peça ao paciente que tire tudo o que tiver de metal e lã que estiver usando. Coloque o paciente de pé ou sentado, peça-lhe para apoiar as mãos sobre os joelhos se este estiver sentado, tendo as palmas das mãos viradas para cima, na posição de quem vai receber alguma coisa. Diga que relaxe o corpo e não contraia os músculos e concentre-se no Cristo Cósmico e faça uma prece, pedindo consentimento para tal. Coloque-se à frente do paciente. Concentre-se firmemente. Erga os braços para cima bem estirados, com os dedos abertos, tal se fosse uma antena captando energia. Baixe os braços, sendo que a mão direita é colocada sobre a cabeça do paciente sem tocá-la, ao mesmo tempo em que o esquerdo, com a mão fechada caia normal- mente ao longo do corpo (do passista). A seguir, aplique o passe na transversal cruzado, na seguinte ordem: duas vezes sobre a cabeça, uma vez à altura do pescoço, uma à do coração, uma à do estômago e outra sobre os órgãos prin- cipais do paciente, sem encostar as mãos. A aplicação com- siste em fazer gestos de que está arrancando algo da aura do paciente. Repita três vezes o mesmo ato.

PANTOGNOSE

O ANEL CONSAGRADO DE SALOMÃO

Vá agora ao passe transversal simples. Não encoste uma mão na outra. Lembre-se: o passe transversal simples é em forma de semicírculo. Os locais de aplicação são os mesmos do passe anterior. Três ou quatro vezes bastam. Agora aplique o longitudinal, caso não vá aplicar em seguida o passe magné- tico (se quiser reforçar). Caso precise ministrar o magnético, deixe o longitudinal para o fim. O passe circular é aplicado tem- do as mãos abertas, girando sobre a aura do paciente. O longitudinal é feito com as mãos primeiramente na cabeça, descendo depois ao longo do corpo, tanto pela frente como de lado (uma vez de cada lado), até os joelhos. Não se esqueça de que, quando as mãos sobem neste último passe (longitudinal) elas devem estar fechadas para não dispersar energia, e não volte, ao subir, pelo mesmo local. Elas sobem pôr fora, ou seja, ao lado do corpo do paciente e com os punhos fechados. Três ou quatro vezes é o bastante. O passe de descarga é o mesmo que o anterior. Porém o paciente deverá estar de pé, esta é a razão porque varia.

Para aplicar este tipo de passe siga as instruções dos ante- riores, mas antes de aplicar este passe, é conveniente aplicar- lhe, primeiramente, o de limpeza ou de descarga. O passe espiritual é aplicado pêlos guias, orixás e anjos da guarda, do médium nos terreiros de umbanda, Cardesistas, candomblé e quimbanda. Este passe é válido também para os passes de limpeza, descarga e magnéticos.

Quando o paciente estiver com dor de cabeça, proceda da seguinte maneira. Sente o paciente em uma cadeira e coloque- se pôr detrás dele. Ponha as mãos na sua cabeça, sem encostar nela e com os dedos para baixo, separado um do outro, faça círculos em redor dela. Pós alguns segundos, você vai sentir fluidos passando pêlos seus dedos e o paciente ir-se- á sarando da dor de cabeça.

PANTOGNOSE

O ANEL CONSAGRADO DE SALOMÃO

PARA AUMENTAR A FORÇA E O PODER DE ABSORÇÃO DO MAGNE- TISMO.

Se pretenderes aumentar sua força e grande poder de absorção do magnetismo, torna-se, assim, um grande curador, procure seguir estas indicações:

Se possível, alimentar-se de frutas, legumes e vegetais ou cereais, abstendo-se de comer carne.

Fazer exercícios respiratórios, de preferencia, de manhã, pôr uns quinze ou vinte minutos.

Treine a concentração e meditação pôr uns dez ou quinze minutos, duas ou três vezes na semana.

Procure manter a calma durante o dia. Faça preces em favor da humanidade, duas vezes ao dia.

É conveniente que o passista não aplique mais de cinco pas- ses pôr vez, a fim de não se desgastar fisicamente, pois a emissão continuada de fluidos enfraquece a pessoa que os transmite. Após cada passe, recarregue o organismo, levantando os braços para cima, mãos abertas, em concentração, pedindo a Jesus Cristo que substitua os fluidos doados. O descanso ajuda a recuperação. Sentindo-se exausto após várias aplicações de passes, repouse pôr aquele dia, só o aplicando no dia seguinte. Se for forte e resistente, pode aplicar até sete passes pôr vez. Lembre-se sempre: O amor, incondicional devotado às criaturas, é a melhor forma de se aplicar passes de grande efeito curativo, principalmente quando aplicado em crianças pôr pessoas que delas gostam.

A ORAÇÃO

A oração é abrir o coração a Deus no mais profundo reco- lhimento, apresentar nossas necessidades para que possamos crescer no entendimento.

PANTOGNOSE

O ANEL CONSAGRADO DE SALOMÃO

Peça tudo a Deus com humildade, ele está pronto a nos aten- der; desabafe, conte seus problemas, pois e nosso Pai que nos ama. Entre em seu aposento preferido deixe a realeza da Santidade invadir a sua alma Seja sincera, sinta a presença de Deus amado. Que nos transforma e nos dá a paz de espírito Deus nos conhece nas nossas alegrias, e também nas nossas dores e fraquezas, não precisam sentir-nos envergonhados ao pedir ao Pai. Ele é Pai amoroso que perdoa nossos pecados.

Deus ama a pureza e simplicidade, a Oração é para nos forta- lecer, peça que ele habite como hospede celestial, fazendo vir até nós seu Espírito.

A Oração é o alimento mais completo da alma quando é feita

com fervor, sem ela jamais podemos ficar.

DEUS VEM ATÉ NÓS COM COMPAIXÃO E AMOR

A oração é uma elevação da alma a Deus, para adorá-lo,

agradece-lo e pedir-lhe as graças de que necessitamos.

necessário orar freqüentemente, porque J. Cristo o ordena, e

o nosso bem temporal e eterno o exige.

A oração manifesta o Verbo

A oração é um mantra (canção, oração e/ou prece)

É

A oração “Pai Nosso” tem 144 vibrações por segundo é o maior de todos os mantras Numa escala de 1 a 1000 os mantrans se divide em doze notas vibratórias e, cada nota atinge 83,34 vibrações.

PRECE PARA ANTES DOS TRABALHOS DE CURA

“Deus todo Poderoso, permiti que, nas comunicações que solicito, eu seja assistido por bons espíritos. Preserva-me da presunção de me julgar isento da influência dos maus espíritos; do orgulho e vaidade que me cegaria, iludindo-me quando ao valor das comunicações que obtenha; de todo e qualquer sem-

PANTOGNOSE

O ANEL CONSAGRADO DE SALOMÃO

timento contrário ao espírito de caridade para com todos os meus irmãos e especialmente para com os outros servos”. Se eu for induzido a erro, inspirai a outrem o pensamento de me avisar, e a mim a humildade para aceitar com recon- hecimento a advertência e tomar para mim mesmo os conse- lhos e instruções que me ditarem os vossos bons Espíritos Permiti que eu nunca seja levado a abusar, ou, de qualquer modo, a envaidecer-me com a felicidade que, para o meu benefício, fizeste a graça de me conceder; antes, eu vo-lo peço, meu Pai, ma retireis do que consintais que seja desviada do seu fim providencial, que é o bem de todos e o meu próprio adiantamento moral”.

ÁGUA FLUIDICA OU MAGNETIZADA

Para um melhor tratamento do enfermo, pode-se lhe dar de beber água vitalizada, fluídica ou magnetizada. Para obtê-la, proceda da seguinte forma:

Pegue um copo contendo água pura até a metade ou, para um tratamento continuado, uma garrafa branca, destampada, cheia de água pura e segure-o com a mão esquerda, Levantando o braço direito para cima, com os dedos aberto e firme o pensamento em Jesus, ou no seu guia. Baixe o braço e coloque a mão direita sobre o copo ou garrafa, com os dedos para baixo. Agite-os, como se estivesse colocando fluidos magnéticos no seu interior, isto é, na água. A altura dos dedos para o copo deve ser de uns dez centímetros, mais ou menos. Coloque a água no altar, ou numa mesa acima de um pano branco, para pegar irradiação. Após alguns minutos pode ser servida como remédio. Pode-se efetuar, também esta oração:

PANTOGNOSE

O ANEL CONSAGRADO DE SALOMÃO

REZA PARA FLUIR A ÁGUA

1 º Reze um Pai Nosso 2 º Coloque as mãos em cima do copo com uma distância de um palmo, faça a seguinte prece com o pensamento bem elevado a Deus. “Pelo poder de Deus, pelo poder de Jesus Cristo; pelo poder do divino Espírito Santo; pelo poder dos mensageiros do Senhor; pelo poder da Virgem, Nossa Senhora da Guia, e pela Oração que, com fé; a vós dirijo, espero e confio na divina Mi- sericórdia infinita para que esta água se transforme em medi- camento, para todos os doentes que são crentes”. Peço com força e Fé, porque, para Deus, nosso Pai nada é impossível. Assim seja”.

Outra maneira de se preparar a água e fluidificá-la, é colo- cando a água numa garrafa azul exposta por três horas ao sol, logo pela manhã. Efetue a oração acima.

Colocar a mão com o anel de ouro sobre uma enfer- midade:- produz a melhora de alguns problemas nos órgãos genitais, intestinos e estômago. Diabetes, inchaços ou tumo- res. Retira a instabilidade emocional, o desempenho sexual aumenta. Para que a melhora de uma enfermidade aconteça é bom investir na sua força de vontade. Por isso invista na sua real capacidade. Acredite na sua força. Recomenda-se também que o mago dedique-se as orações de cura sobre a enfermidade ou o doente pelo menos durante três dias a uma semana. Em ambos os casos, tanto o anel de prata como o de ouro produz o mesmo efeito dando a recuperação e a melhora do paciente. Para isto, a que se trabalhar muito, invista na ação de cura, proporcione um bom magnetismo na ora que for efetuar este trabalho.

PANTOGNOSE

O ANEL CONSAGRADO DE SALOMÃO

Nunca encoste o anel em um corpo doentio ou numa enfer- midade mesmo que não seja contagiosa, procure manter o anel afastado da enfermidade pelo menos numa distância de um palmo, depois de terminado a operação do anel procure

lavá-lo com água e sal, conforme indicação anterior. Costuma- se lavar o anel com o sabão da Costa.

O anel ocupa grande parte de nossas vidas. O anel nos pro-

porciona constantemente várias vibrações. A radiação traz alegria e em cada estação do ano vibra de uma maneira diferente e isto se aplica a todos os anéis seja lá de

que metal tenha sido feito. Se ocorrer qualquer desvio da

vibração normal têm-se um índice de que o anel não está fun- cionando adequadamente. Todo o anel tem uma vibração característica e que pode ser detectada, a tarefa do mago é localizar as vibrações defei- tuosas e restaurá-las à vibração normal.

O anel possui uma vibração pura e quando usada de maneira

correta e localizada em cima da enfermidade pode corrigir o problema e reconduzir o corpo à saúde.

A aplicação da freqüência adequada alterará a defeituosa e

dará ao órgão o estado de normalidade.

Fadiga, estresse, medo e todas as emoções negativas são curados pelas vibrações do anel. As vibrações do anel podem ser empregadas num processo autoterapeutico. Ë, claro, que o anel pode ser aplicado como agente curativo. Para os atos de cura com o anel, proceda da seguinte maneira:

Estando o paciente sentado numa cômoda cadeira, coloque-se numa posição de pé enfrente ao paciente, pegue o anel com o dedo indicador e o polegar, faça passes giratórios da esquerda para à direita, no sentido do ponteiro do relógio, proferindo a seguinte oração:

PANTOGNOSE

O ANEL CONSAGRADO DE SALOMÃO

“Barnasa, Leutias, Buclela, Agla, Aglaia, Sabaoth, Adonay,

Senhor, Ariel, Elohim, Deus admirável socorrei a (Fulano

Curai-o de suas enfermidades corporais, mentais e espirituais. Porque só em vós encontro apoio e alivio.

Deus, Ely, Eloy, Ela, Adonay Sabaoth. Depressa, depressa, depressa! Rápido, rápido, rápido! SCHEMANFORAS! Que estes Santos nomes me sejam propícios a mim neste ato de cura, pois sou servo de Deus e este é o meu corpo amado por ele. Assim seja”.

Efetue sinais da Cruz com o anel em cima do paciente por três vezes. Esta oração e uma adaptação cabalística para o caminho do Mestre.

Outra

“Ó Adon, senhor do mundo, sede o meu médico *, curai-me e livrai-me de todas as minhas enfermidades corporais, mentais e espirituais, porque só em vós encontro alívio e esperança, Senhor”. Para isto Senhor, depressa, depressa, depressa! Rápido, rápido, rápido! SCHEMANFORAS!

Efetue sinais da Cruz com o anel em cima do paciente por três vezes. (* ) Ou o médico do (Fulano ) Esta oração e uma adaptação cabalística para o caminho do Mestre.

A uma infinidade de preceitos mágicos curativos para qualquer situação, enumeramos alguns e se quiserdes continuar, faça o seu próprio manual dando ênfase a continuidade desde opús- culo.

)”.

PANTOGNOSE

O ANEL CONSAGRADO DE SALOMÃO

BANHOS DE IMERSÃO COM ÁGUA MORNA

Durante determinado período, o tratamento com água mineral esquentada com o anel de prata é muito aconselhável. Pro- ceda da seguinte maneira:

a) Lave o anel com o sabão da Costa.

b) Energize-o com as orações indicadas.

c) Coloque o anel dentro de uma panela de água mineral e deixe-a ferver por três minutos.

d) Para amornar, misture com um pouco de água fria.

e) Coloque-o numa banheira e tome seu banho relaxante.

Faça o mesmo com o anel de ouro.

Para banhos de água fria, coloque este banho na geladeira até atingir a temperatura desejada, no mínimo 18 0 C

O verdadeiro segredo da saúde está em criar o tipo de am- biente que melhor se ajuste aos temperamentos individuais e necessidades psíquicas e evitar as situações que sabemos ins- tintivamente serem inimigas do nosso bem-estar.

MUSICOTERAPIA

A música também pode ser usada em favor do usuário do anel. É tão óbvio que a boa saúde é a base para todas as demais benesses que a vida pode nos oferecer que neste capítulo desejo apresentar várias sugestões para a manutenção da boa saúde própria ou de outrem. Qualquer forma no universo tem sua nota musical definida. Toda a coisa criada de uma molécula a um homem e de um planeta ao sistema solar, possui sua nota-chave. Tudo pulsa segundo um ritmo definido, inclusive o próprio universo por onde circula o Sol; os próprios planetas também têm suas notas. Os metais também têm seu som sinfônico. De fato, o anel um instrumento muito delicado de acordo com o metal que esta usando, também tem sua nota-chave.

PANTOGNOSE

O ANEL CONSAGRADO DE SALOMÃO

Quando a nota chave e o usuário do anel se harmonizam, há uma certa afinidade. Quando isto não acontece, os nervos do usuário são tencionados e costuma-se dizer que a situação “dá nos nervos”. Há sete notas musicais que correspondem aos sete chacras é

à música heptational

Como sabemos a música tem valor terapêutico e nós também temos a nossa nota-chave que é formado por nossos nomes, são elas:

Letras

Nota chave Número

Signo

A

J S

C (médio) dó

1

Leão

B K T

2

Câncer

C L U

mi

3

Sagitario

D M V

4

Aquário

E N W

sol

5

Gêmeos e Virgem

F O X

6

Touro e Libra

G P Y

7

Peixes

H Q Z

C (alto)

8

Capricórnio

I R

D (alto)

9

Aries e Escorpião

A nota musical do anel tem que estar em harmonia com o do

usuário para isso devemos observar a seguinte regra:

- Transforme seu nome em números

- Transforme o nome do metal em números

Conclusão:

A mesma soma do nome da pessoa terá que ser o mesmo do

metal do anel, assim:

P

A

S

C

O

A

L

7

1

1

3

6

1

3

=

22

=

4

G

O

M

E

S

8

6

4

5

1

=

23

=

5

L

A

T

A

O

PANTOGNOSE

O ANEL CONSAGRADO DE SALOMÃO

3

1

2

1

6

=

13

=

4

Portanto, o nome Pascoal se harmoniza com o nome Latão.

O mineral como agente curador, pode restaurar o corpo e para

acalmar a mente e aquietá-la para que possa cumprir mais complemente a cura do corpo físico é melhor executar acordes

em F (fá) e F sustenido.

E o nome Gomes somado com o número áurico do latão nos

da a soma dos dois nomes do nosso cliente. Pois, Pascoal Go- mes da o fundo numérico 9 = (5+4).

Assim o anel e o cliente têm o mesmo número áurico, então se harmonizam e tem a mesma vibração de energia.

A estreita afinidade entre signos opostos é indicada pelo seu

relacionamento em termos de notas fundamentais. Assim, por exemplo, os signos de virgem e Peixes tem notas-chave: - C e

Peixes - B

A

nota de Áries é D bemol (ré bemol) a do signo oposto Libra é

o

(ré).

Para Touro é E bemol (mi-bemol). O signo oposto e Escorpião

e sua nota-chave é o E (mi)

Para Gêmeos é o F sustenido (fá sustenido) Para Sagitário a nota-chave é o F Para o signo de Câncer é o G-sustenido Para o signo de Capricórnio é o G natural. Para Leão á nota-chave é o A sustenido

E para o signo de Aquário é o A natural.

Estas notas regulam e harmonizam todo o organismo quando mantralizados.

A

música é, portanto, não apenas uma influência regeneradora

e

curativa, mas também uma influência que proporciona a ele-

vação gradual dos poderes espirituais do homem através do aumento do nível vibratório do corpo e limpeza e estimulação

dos chacras.

PANTOGNOSE

O ANEL CONSAGRADO DE SALOMÃO

Estas vibrações também emanam do anel para o corpo do seu usuário quando se usa um anel dependendo do metal que se usa.

O ano, os meses e os dias, também têm suas respectivas

notas chaves, que são:

Letras

Nota chave Número

Dia da semana

A

J S

C (médio) dó

1

Domingo

B K T

2

Câncer

C L U

mi

3

Quinta

D M V

4

Sábado

E N W

sol

5

Quarta

F O X

6

Sexta

G

P Y

si

7

Quinta

H Q Z

C (alto)

8

Capricórnio

I R

D (alto)

9

Terça

As horas do dia também têm suas respectivas notas-chaves.

Letras

Nota chave Número

Horas do dia

A J S

C (médio) dó

1

1 ª de Domingo

B K T

2

1 ª Câncer

C L U

mi

3

1 ª Quinta

D M V

4

1 ª Sábado

E N W

sol

5

1 ª Quarta

F O X

6

1 ª Sexta

G P Y

si

7

1 ª Quinta

H Q Z

C (alto)

8

1 ª Capricórnio

I R

D (alto)

9

1 ª Terça

HIPNOTERAPIA

Em alguns aspectos o hipnotismo parece estar fortemente liga- do ao poder do anel, são técnicas de magia e cura bem esta- belecida. Qualquer dor pode ser retirada através da auto su- gestão, desde que o passe hipnótico esteja sendo feito com a mão do anel.

PANTOGNOSE

O ANEL CONSAGRADO DE SALOMÃO

O fluxo de saliva pode ser suspenso por hipnose. Os ferimen- tos podem ser mais rapidamente curados depois da hipnose, e todas as formas menores de dores e sofrimentos, nevróticos ou outras, têm sido similarmente aliviadas. Estancamento do sangue também pode ser por autossugestão

O PODER DO ANEL NOS MESES DO ANO

Janeiro: Proporciona iniciativa, espirito empreendedor, co- laboração. Fevereiro: Proporciona lealdade, sabedoria, harmonia dos sentimentos, amor a concórdia, tolerância, desejo de ser útil. Boa vontade

Março:

Proporciona concretização das idéias, alegria, a-

Abril:

juda mútua, entusiasmo. Proporciona realidade, a criatividade, dispõem de

perícia, firmeza, ordem, vontade e autoridade, su- ficiência. Maio: Proporciona ativismo, engenhosidade, melhora da posição, aperfeiçoamento do trabalho, conquis- tas, liberdade dentro de uma razoável disciplina, inquietude. Junho: Proporciona discernimento, domínio das emo- ções, metodismo, estabilidade no cargo em que ocupa, equi-líbrio emocional Julho: Proporciona integridade, enriquecimento através da própria capacidade, inspiração que ilumina seus acertos, concentração de pensamentos e ações no que se propõe, clemência, desejos ardentes de fazer tudo cada vez melhor. Conhe-

cimento intuitivo. Agosto: Proporciona progresso, sagacidade, cooperação dos demais, moderação em suas pretensões, cumprimento com rigor de suas obrigações e a procura de repartir e compartilhar com justiça. Multiplicação dos esforços

PANTOGNOSE

O ANEL CONSAGRADO DE SALOMÃO

Setembro: Proporciona identificação com os sentimentos e pensamentos dos demais, entrega de corpo e alma a tudo que o rodeia, norteiam seus atos com prudência, discrição e caridade, saber separar o joio do trigo. Multiplicação da responsa-bilidade. Outubro: Proporciona iniciativa, originalidade, moral, boa vontade em tudo, não se intimida com os contra- tempos, para se alcançar algo é necessário mere- cê-lo. Multiplicação de amigos. Novembro: Proporciona amor a concórdia, harmonia nos con- flitos, persuasão com seus rivais, fé nos ideais. Multiplicação dos veredictos. Dezembro: Proporciona reconsideração, gosto refinado, ma- neiras suaves, inspiração nas iniciativas, diligên- cia em dar término nos trabalhos que assumem, clemência em avaliar as deficiências alheias, cor- reção da própria insuficiência. Exame de cons- ciência constante.

O PODER DO ANEL COM AS LETRAS HEBRÁICAS

Podemos efetuar exergos, ou gravar letras hebraicas no anel para que surta os seguintes efeitos:

Exemplo:

no anel para que surta os seguintes efeitos: Exemplo: 2 – Proporciona a fé e o

2 Proporciona a fé e o amor pelo próximo, mostra a porta do oculto, a meditação, idéias novas, acontecimen- tos positivos, emoções ocultas.

PANTOGNOSE

O ANEL CONSAGRADO DE SALOMÃO

PANTOGNOSE O ANEL CONSAGRADO DE SALOMÃO Álefe Bete Guímel Dálete Hê Os espíritos de luz,

Álefe

Bete

Guímel

Dálete

Os espíritos de luz, Adonay, Elohim, Jeová e Ariel Consagrou e abençoou o anel para sempre. Na força e nas virtudes mágicas Para executar trabalhos dignos aos olhos de Jah! Exercerá influência em tudo Sua atuação é de muito explendor

Para executar trabalhos dignos aos olhos de Jah! Exercerá influência em tudo Sua atuação é de
Para executar trabalhos dignos aos olhos de Jah! Exercerá influência em tudo Sua atuação é de
Para executar trabalhos dignos aos olhos de Jah! Exercerá influência em tudo Sua atuação é de
Para executar trabalhos dignos aos olhos de Jah! Exercerá influência em tudo Sua atuação é de

PANTOGNOSE

O ANEL CONSAGRADO DE SALOMÃO

Vau E sua atuação com justiça permanece de pé para todo o sempre

Zaíne

Esta é uma recordação da Obra maravilhosa de

Hete

Deus. Ele raiou da escuridão como luz para o mago. Age sempre no momento cetro e na hora certa

Tete

Tem dado força e poder a quem o usa

Iode

É o pacto permanente de Deus com o seu Servo

Café O poder e a força em seus trabalhos são inúme- ros. Quem o usa nunca será abalado

Lâmede

Meme Os trabalhos das mãos do mago sempre são ver- dade e julgamento. Não terá medo, nem mesmo

Dá inumeras virtudes a quem o usa

Nune

de inimigos. Eficazes são todos os seus trabalhos

Sameque

Sua existência é por tempo indefinido

Aine O atos mágicos são executados com precisão e rapidez

Redime todos os atos de seu portador

Tsadê

Este é o instrumento de pacto com Jah

Cofe

Seu poder é atemorizante

Rexe

O seu princípio é a sabedoria

Sim

todos os que usam o anel tem boa perspicacia

Tau

É um instrumento mágico para sempre

O ANEL NOS QUATRO ELEMENTOS

Os hieróglifos são carregados de matizes cabalísticas e sím- bolos. Devemos aprender a utilizar estes ideogramas. Com este sistema se prova a exatidão dos fatos. A matemática dentro da cabala é exata.

Fogo:- Símbolo do mistério da idéia e do verbo. União do exterior com o interior. A Símbolo do mistério da idéia e do verbo. União do exterior com o interior. A solidariedade das emoções, associação das idéias. Equilíbrio da força vital.

Água:- Símbolo do mistério da luz astral em circulação Símbolo do mistério da luz astral em circulação

PANTOGNOSE

O ANEL CONSAGRADO DE SALOMÃO

Manifestação da vontade individual. A força do desejo, o impulso para o oposto. Processos generativos, desejos intensos.

Ar:- Símbolo do princípio da unidade materializada, a vontade, autoridade e o poder. Manifestação da virtude A solução em seu trabalho de concretização Realização de coisas materiais

trabalho de concretização Realização de coisas materiais Terra:- Símbolo do mistério do poder repentino da vida.

Terra:- Símbolo do mistério do poder repentino da vida. O negativo é o expoente do positivo. Manifestação dos poderes ocultos.

o expoente do positivo. Manifestação dos poderes ocultos. - O mago guarda a ciência, na sua

- O mago guarda a ciência, na sua boca está a lei, porque ele é o servo do senhor.

Sto. Agostinho

O anel mágico rúnico.

Um outro poderoso uso do anel era das runas. Antigos sábios falam que esses anéis eram capazes de tornar o mago invi- sível, protegê-lo contra o mal ou fazê-lo voar como um pás- saro. Vários desses anéis foram encontrados nos últimos anos.

PANTOGNOSE

O ANEL CONSAGRADO DE SALOMÃO

Um deles foi encontrado num local que tem o nome invocativo de Montanha Greymoor. Possui trinta runas gravadas em sua superfície: vinte e sete do lado de fora e três muito poderosas do lado interno. Um outro anel rúnico, encontrado em Bram- han, também possui trinta runas divididas em três grupos: no- ve, nove e doze. São números lunares, que estão associados às fases da lua, à deusa Grande Mãe e à antiga religião pagã. Os anéis mágicos rúnicos sobreviveram aos tempos modernos. Um dos líderes de uma fraternidade mágica alemã, no início do século XX, tinha um negócio bastante lucrativo, pois vendia anéis de bronze com inscrições rúnicas de encantamentos mágicos. Dizia ele que os anéis podiam proteger seus pos- suidores contra doenças e até os vendia para as tropas ale- mãs, que lutavam em trincheiras da França, durante a Primeira Guerra Mundial. Antes de usar o anel rúnico, sugere-se que mentalmente invo- que Odin, o guardião do anel. Uma das invocações é a que se segue:

Grande Odin, Mestre do anel secreto. Consagra este anel. Em nome de Thor. Consagra este anel, em nome de Freyja. Consagra este anel, em nome de Baldur. E pelo poder mágico do vento, fogo e água.

nome de Baldur. E pelo poder mágico do vento, fogo e água. Anel rúnico ANSUZ: Proporciona

Anel rúnico ANSUZ: Proporciona boa fortuna, felicidade e progresso na carreira.

PANTOGNOSE

O ANEL CONSAGRADO DE SALOMÃO

PANTOGNOSE O ANEL CONSAGRADO DE SALOMÃO Anel rúnico URUS: Proporciona sabedoria através de um ser espiritual.

Anel rúnico URUS: Proporciona sabedoria através de um ser espiritual. Mudanças, força de vontade determinação para ven- cer e vitalidade. Coragem e paixão forte. Promoção profis- sional, amadurecimento diante dos desafios, término de um cíclo para um novo começo. Este anel rúnico deve ser consagrado numa quarta-feira (o dia de Woden), que é dedicado a Odin. Se possível, a lua deverá estar na fase minguante.

O anel mágico Wicca.

O anel Wicca (sábio), também possui o mesmo poder, desde que ele seja consagrado numa Terça-feira. Induz as emoções, sensibilidade, intuição, capacidade criativa, fluidez, imaginação, poderes psíquicos; sucesso em tudo aqui- lo que envolva criatividade; revelações do astral. Proporciona proteção ao seu usuário, mudanças vindas de ma- neira lenta. Proporciona prudência, cautela e proteção.

Eis o talismã rúnico da prosperidade

vindas de ma- neira lenta. Proporciona prudência, cautela e proteção. Eis o talismã rúnico da prosperidade

PANTOGNOSE

O ANEL CONSAGRADO DE SALOMÃO

Talismã rúnico para manter sintonia com o Eu superior e a divindade.

para manter sintonia com o Eu superior e a divindade. A TRANSMUTAÇÃO Aqui o mago a
para manter sintonia com o Eu superior e a divindade. A TRANSMUTAÇÃO Aqui o mago a

A TRANSMUTAÇÃO

Aqui o mago a que transmutar. O cérebro deve controlar o Se- xo; quando o cérebro perde o controle (sobre o sexo), quando

o sexo chega a dominar o cérebro, o mago cai de cabeça ao

abismo. Este é o pentagrama invertido, o símbolo da Magia Negra.

O mago deverá controlar as baixas paixões se não cometerá loucuras, insensatez e advirá o fracasso.

Todo aquele que cai nunca mais se levanta!

Há que se trabalhar com os três fatores da consciência.

1. Nascer

2. Morrer

3. Sacrifício pelos demais

“As torres do fogo se inquietam (esta é a entrada triunfal do Mago na dita sem limites do Nirvana ou então renuncia a dita do Nirvana por amor a humanidade e se converte em Bodhi- sattwa de compaixão)”.

É bom lembrar que o mago só obedece a uma única lei. A Lei

do Amor. Do Amor Universal, sem distinção de credo ou raça,

do pobre ou rico.

PANTOGNOSE

O ANEL CONSAGRADO DE SALOMÃO

É bom lembrar que cada vez que se pratica o ato sexual sem

ter por motivo a procriação é jogar energia fora.

Toda vez que se pratica o coito, ou a masturbação sem neces- sidade, apenas por prazer, está criando terríveis elementais na natureza. Da mesma forma o sangue menstrual jogado ao relento, pro- cria elementais do ar na natureza.

O sangue menstrual lavado em água corrente cria elementais

aquáticos. Da mesma forma que o sangue menstrual é queimado, cria elementais do fogo. Da mesma forma, quando é enterrado, cria-se elementais da

terra. Para evitar esta condição é bom que se bloqueie os instintos animais, ou o eu negativo, ou o eu demoníaco.

O que se joga fora do corpo, necessariamente neste caso, é

terrivelmente perigoso.

Desde que mundo é mundo, veja quantos elementais foram criados sem que o homem tenha consciência disto. Quantos elementais estão vagando por ai sem que se perceba a exis- tência deles.

Um elemental puro com que se trabalha é aquele que foi criado pela própria natureza e não por força do ser humano estrita- mente na transa sexual. Os animais da natureza só praticam o coito para procriar. Dentro das religiões, o ato sexual é somente para se procriar.

Lembre-se que o licor seminal também serve como remédio, principalmente a do homem.

Quando se joga a água fora do jarro ela se dispersa e forma uma nova condição de vida elementar e não elemental. Existe uma enorme diferença entre ser elemental e elementar, é duas classes de ativos e passivos.

PANTOGNOSE

O ANEL CONSAGRADO DE SALOMÃO

Na vida real, o gerino morre, mas nos mundos subatômicos existe o ser eletrônico, o ser espiritual, o ser elemental.

Só existe uma forma de se evitar isto tudo, é indo para dentro dos conceitos do catolicismo ou de uma religião que conheça o verdadeiro sentido da vida. Na Umbanda costuma-se batizar estes seres, para que não venham a perturbar à quem os procriou. Principalmente os do aborto. É um ritual individual e fascinante. Por isso a igreja em si condena o ato sexual fora do matri- mônio perfeito. O Cama Sutra, como muitos imaginam, não é praticar o ato sexual como os magos negros praticam, a qualquer hora, ou a qualquer momento. Eles dizem quer fazer faça, mas não é bem assim Como podes ver, dentro do que é exotérico, ou esotérico, mui- tas coisas que se falam não é bem como eles dizem, é preciso tomar muito cuidado com quem se fala, ou o que se ouve por aí, pois é fornicação.

PANTOGNOSE

O ANEL CONSAGRADO DE SALOMÃO

O ANEL USADO PELAS PESSOAS DOS DOZE SIGNOS DO ZODIACO

O anel usado por um:

PROPORCIONA

Ariano

Proteção, vitória e coragem.

Taurino

Reconciliação, interesses espirituais e amor pela natureza.

Geminiano

Progresso espiritual e proteção

Canceriano

mediunidade

Leonino

Coragem, vitória, poder e paixão. Eliminação de situações complicadas

Virginiano

Apoio, servidão e dons da medicina.

Libriano

Harmonia em todos os sentidos

Escorpiano

Energia, caráter firme, enorme vontade e determinação.

Sagitáriano