Você está na página 1de 3

CURSO COMPLETO DE SÚMULAS E OJS DO TST

Súmulas e OJs do TST


Rafael Tonassi

SUM-9 A ausência do reclamante, quando II – é cabível a condenação ao pagamento de


adiada a instrução após contestada a ação em honorários advocatícios em ação rescisória no
audiência, não importa arquivamento do processo trabalhista.
processo.
SUM- 425 O jus postulandi das partes,
Sum 74 estabelecido no art. 791 da CLT, limita-se às
I ‐ Aplica‐se a pena de confissão à parte que, Varas do Trabalho e aos Tribunais Regionais
expressamente intimada com aquela do Trabalho, não alcançando a ação rescisória,
cominação, não comparecer à audiência em a ação cautelar, o mandado de segurança e os
prosseguimento, na qual deveria depor. recursos de competência do Tribunal Superior
II ‐ A prova pré‐constituída nos autos pode ser do Trabalho.
levada em conta para confronto com a OJ-SDI1-245 Inexiste previsão legal
confissão ficta (art. 400, I, CPC), não tolerando atraso no horário de comparecimento
implicando cerceamento de defesa o da parte na audiência.
indeferimento de provas posteriores.
III‐ A vedação à produção de prova posterior SUM-14 Reconhecida a culpa recíproca na
pela parte confessa somente a ela se aplica, rescisão do contrato de trabalho (art. 484 da
não afetando o exercício, pelo magistrado, do CLT), o empregado tem direito a 50%
poder/dever de conduzir o processo”. (cinqüenta por cento) do valor do aviso prévio,
b) por unanimidade, decidiu‐se suprimir o do décimo terceiro salário e das férias
vocábulo “pena” na redação do item I da proporcionais.
Súmula n. 74.
SUM-18 A compensação, na Justiça do
SUM-122 A reclamada, ausente à audiência Trabalho, está restrita a dívidas de natureza
em que deveria apresentar defesa, é revel, trabalhista.
ainda que presente seu advogado munido de
procuração, podendo ser ilidida a revelia SUM-48 A compensação só poderá ser
mediante a apresentação de atestado médico, argüida com a contestação.
que deverá declarar, expressamente, a
impossibilidade de locomoção do empregador SUM-43 Presume-se abusiva a transferência
ou do seu preposto no dia da audiência. de que trata o § 1º do art. 469 da CLT, sem
comprovação da necessidade do serviço.
SUM-377 Exceto quanto à reclamação de
empregado doméstico, ou contra micro ou SUM-47 O trabalho executado em condições
pequeno empresário, o preposto deve ser insalubres, em caráter intermitente, não afasta,
necessariamente empregado do reclamado. só por essa circunstância, o direito à percepção
Inteligência do art. 843, § 1º, da CLT e do art. do respectivo adicional.
54 da Lei Complementar nº 123, de 14 de
dezembro de 2006. SUM – 364 Tem direito ao adicional de
periculosidade o empregado exposto
Sum 219 permanentemente ou que, de forma
I ‐ Na Justiça do Trabalho, a condenação ao intermitente, sujeita‐se a condições de risco.
pagamento de honorários advocatícios, nunca Indevido, apenas, quando o contato dá‐se de
superiores a 15% (quinze por cento), não forma eventual, assim considerado o fortuito,
decorre pura e simplesmente da sucumbência, ou que, sendo habitual, dá‐se por tempo
devendo a parte estar assistida por sindicato extremamente reduzido.
da categoria profissional e comprovar a ( Cancelado o Item II)
percepção de salário inferior ao dobro do
salário mínimo ou encontrar‐ se em situação SUM-80 A eliminação da insalubridade
econômica que não lhe permita demandar sem mediante fornecimento de aparelhos protetores
prejuízo do próprio sustento ou da respectiva aprovados pelo órgão competente do Poder
família. Executivo exclui a percepção do respectivo
adicional.

1
www.cers.com.br
CURSO COMPLETO DE SÚMULAS E OJS DO TST
Súmulas e OJs do TST
Rafael Tonassi

SUM-289 O simples fornecimento do SUM-239 É bancário o empregado de


aparelho de proteção pelo empregador não o empresa de processamento de dados que
exime do pagamento do adicional de presta serviço a banco integrante do mesmo
insalubridade. Cabe-lhe tomar as medidas que grupo econômico, exceto quando a empresa de
conduzam à diminuição ou eliminação da processamento de dados presta serviços a
nocividade, entre as quais as relativas ao uso banco e a empresas não bancárias do mesmo
efetivo do equipamento pelo empregado. grupo econômico ou a terceiros.

SUM-102
SUM-293 A verificação mediante perícia de I - A configuração, ou não, do exercício da
prestação de serviços em condições nocivas, função de confiança a que se refere o art. 224,
considerado agente insalubre diverso do § 2º, da CLT, dependente da prova das reais
apontado na inicial, não prejudica o pedido de atribuições do empregado, é insuscetível de
adicional de insalubridade. exame mediante recurso de revista ou de
embargos.
SUM-228 A partir de 9 de maio de 2008, data II - O bancário que exerce a função a que se
da publicação da Súmula Vinculante nº 4 do refere o § 2º do art. 224 da CLT e recebe
Supremo Tribunal Federal, o adicional de gratificação não inferior a um terço de seu
insalubridade será calculado sobre o salário salário já tem remuneradas as duas horas
básico, salvo critério mais vantajoso fixado em extraordinárias excedentes de seis.
instrumento coletivo. III - Ao bancário exercente de cargo de
confiança previsto no artigo 224, § 2º, da CLT
SÚMULA VINCULANTE Nº 4 são devidas as 7ª e 8ª horas, como extras, no
SALVO NOS CASOS PREVISTOS NA período em que se verificar o pagamento a
CONSTITUIÇÃO, O SALÁRIO MÍNIMO NÃO menor da gratificação de 1/3.
PODE SER USADO COMO INDEXADOR DE IV - O bancário sujeito à regra do art. 224, § 2º,
BASE DE CÁLCULO DE VANTAGEM DE da CLT cumpre jornada de trabalho de 8 (oito)
SERVIDOR PÚBLICO OU DE EMPREGADO, horas, sendo extraordinárias as trabalhadas
NEM SER SUBSTITUÍDO POR DECISÃO além da oitava.
JUDICIAL. V - O advogado empregado de banco, pelo
simples exercício da advocacia, não exerce
SUM-51 cargo de confiança, não se enquadrando,
I - As cláusulas regulamentares, que revoguem portanto, na hipótese do § 2º do art. 224 da
ou alterem vantagens deferidas anteriormente, CLT.
só atingirão os trabalhadores admitidos após a VI - O caixa bancário, ainda que caixa
revogação ou alteração do regulamento executivo, não exerce cargo de confiança. Se
II - Havendo a coexistência de dois perceber gratificação igual ou superior a um
regulamentos da empresa, a opção do terço do salário do posto efetivo, essa
empregado por um deles tem efeito jurídico de remunera apenas a maior responsabilidade do
renúncia às regras do sistema do outro. cargo e não as duas horas extraordinárias além
da sexta.
SUM-77 Nula é a punição de empregado se VII - O bancário exercente de função de
não precedida de inquérito ou sindicância confiança, que percebe a gratificação não
internos a que se obrigou a empresa por norma inferior ao terço legal, ainda que norma coletiva
regulamentar. contemple percentual superior, não tem direito
às sétima e oitava horas como extras, mas tão
SUM-55 As empresas de crédito, somente às diferenças de gratificação de
financiamento ou investimento, também função, se postuladas.
denominadas financeiras, equiparam-se aos
estabelecimentos bancários para os efeitos do SUM-257 O vigilante, contratado diretamente
art. 224 da CLT. por banco ou por intermédio de empresas
especializadas, não é bancário.

2
www.cers.com.br
CURSO COMPLETO DE SÚMULAS E OJS DO TST
Súmulas e OJs do TST
Rafael Tonassi

SUM-113 O sábado do bancário é dia útil não SUM 291 A supressão total ou parcial, pelo
trabalhado, não dia de repouso remunerado. empregador, de serviço suplementar prestado
Não cabe a repercussão do pagamento de com habitualidade, durante pelo menos 1 (um)
horas extras habituais em sua remuneração. ano, assegura ao empregado o direito à
indenização correspondente ao valor de 1 (um)
SUM-287 A jornada de trabalho do mês das horas suprimidas, total ou
empregado de banco gerente de agência é parcialmente, para cada ano ou fração igual ou
regida pelo art. 224, § 2º, da CLT. Quanto ao superior a seis meses de prestação de serviço
gerente-geral de agência bancária, presume-se acima da jornada normal. O cálculo observará
o exercício de encargo de gestão, aplicando- a média das horas suplementares nos 12
se-lhe o art. 62 da CLT. (doze) meses anteriores à mudança,
multiplicada pelo valor da hora extra do dia da
SUM-93 Integra a remuneração do bancário supressão.
a vantagem pecuniária por ele auferida na
colocação ou na venda de papéis ou valores SUM-376
mobiliários de empresas pertencentes ao I - A limitação legal da jornada suplementar a
mesmo grupo econômico, se exercida essa duas horas diárias não exime o empregador de
atividade no horário e no local de trabalho e pagar todas as horas trabalhadas.
com o consentimento, tácito ou expresso, do II - O valor das horas extras habitualmente
banco empregador. prestadas integra o cálculo dos haveres
trabalhistas, independentemente da limitação
SUM-60 prevista no "caput" do art. 59 da CLT.
I - O adicional noturno, pago com
habitualidade, integra o salário do empregado
para todos os efeitos.
II - Cumprida integralmente a jornada no
período noturno e prorrogada esta, devido é
também o adicional quanto às horas
prorrogadas. Exegese do art. 73, § 5º, da CLT.

SUM-372
I - Percebida a gratificação de função por dez
ou mais anos pelo empregado, se o
empregador, sem justo motivo, revertê-lo a seu
cargo efetivo, não poderá retirar-lhe a
gratificação tendo em vista o princípio da
estabilidade financeira.
II - Mantido o empregado no exercício da
função comissionada, não pode o empregador
reduzir o valor da gratificação.

SUM-265 A transferência para o período


diurno de trabalho implica a perda do direito ao
adicional noturno.

SUM-63 A contribuição para o Fundo de


Garantia do Tempo de Serviço incide sobre a
remuneração mensal devida ao empregado,
inclusive horas extras e adicionais eventuais.

3
www.cers.com.br