Você está na página 1de 2

Relato de uma aula de geometria com Mapas Conceituais 1

Lucia Inês Battalini

Com o objetivo de conceituar e nomear ângulos, consideramos necessário


resgatar as noções de ponto, reta, plano.
Então em sala de aula foi desenvolvimento atividades de planificação de
sólidos geométrico com a finalidade de relacionar a idéia de vértice, aresta e lado com
ponto, reta e plano e a montagem manual dos diagramas dos mapas Conceituais,
descrevendo as noções primitivas de Ponto, Reta, Plano e relacionando-as com
vértice, aresta e plano.
A atividade planificação dos sólidos já era conhecida por todos os alunos, pois
o tema já vem sendo trabalhado com os alunos nas séries anteriores assim nesta
atividade a novidade limitou-se na relação entre ponto e vértice, aresta e reta, lado e
plano.
No laboratório de informática foi desenvolvido uma apresentação no
softwares impress contendo imagens pesquisadas na internet que lembram ponto, reta
e plano. Esta atividade foi desenvolvida após observarmos que os alunos conhecem e
utilizam a internet apenas para acessarem sites de jogos, vídeos e sites de
relacionamentos. Dessa forma os alunos deram os primeiros passos para a utilização
da internet como fonte de pesquisa e para conhecer os procedimentos elementares do
software Impress.
Estes momentos foram muito ricos no aprendizado dos alunos que se
empenharam em trazer algum tipo de mídia para levar para casa a apresentação a fim
de mostrar aos pais.
Nos estudos referentes às noções de ângulos, procuramos inicialmente
trabalhar sob vários aspectos, objetivando: Compreender o que são ângulos por meio
da idéia de giro do corpo, de abertura, de inclinação e de região; aprender a efetuar
medições de um ângulo por meio de transferidor; comparar ângulos por sua
classificação em reto, agudo ou obtuso e desenvolver noções de direção e sentido.
Iniciamos os trabalhos com ângulo fazendo com que os alunos explicitassem
o que já sabiam, por meio de novos diagramas relacionados ou não com
desenvolvidos anteriormente a partir daí desenvolvemos as atividades selecionadas
buscando relacionar a idéia de ângulo ao Giro, a abertura, a inclinação e a região.
Nestas atividades trabalhamos também a classificação e nomeação dos ângulos reto,
obtuso. A partir das atividades os alunos foram convidados a dar continuidade aos
mapas conceituais iniciados.
1
Aula desenvolvida com alunos do sexto ano em 2010.
O resultado obtido foram muito proveitosos; observamos um aumento da
motivação dos alunos e principalmente vislumbramos a possibilidade de se trabalhar
diferentes conteúdos relacionados e que em uma aula “tradicional’ estas seriam
trabalhados linearmente.
As dificuldades encontradas foram mais com relação a organização da turma
por se tratar de um grande número de alunos, principalmente no laboratório de
informática e a curiosidade natural dos alunos ( assim como de qualquer outra pessoa)
em estar utilizando a internet para outros fins no mementos das aulas. Esta situação
foi contornada por meio de um acordo onde os 10 minutos finais das aulas no
laboratório seriam para livre utilização dos computadores.