Você está na página 1de 43

SIMULADO – TJ-PR – TÉCNICO

SUMÁRIO
Língua Portuguesa.......................................................................................3
Interpretação de Texto.................................................................................9
Matemática............................................................................................... 17
Noções de Direito e Legislação.................................................................... 23
Constituição do Estado Do Paraná................................................................ 23
Estatuto dos Servidores do Poder Judiciário do Paraná.................................... 24
Regimento Interno do TJ-PR........................................................................ 26
Regulamento do TJ-PR............................................................................... 28
Direito Constitucional................................................................................. 30
Direito Processual Civil............................................................................... 32
Código de Processo Penal .......................................................................... 34
Informática............................................................................................... 36
Atualidades .............................................................................................. 39
Gabarito .................................................................................................. 43

www.grancursosonline.com.br 2 de 43
SIMULADO – TJ-PR – TÉCNICO

LÍNGUA PORTUGUESA

1 Ela era gorda, baixa, sardenta e de cabelos excessivamente cres-


pos, meio arruivados. Tinha um busto enorme; enquanto nós todas
ainda éramos achatadas. Como se não bastasse, enchia os dois bolsos
da blusa, por cima do busto, com balas. Mas possuía o que qualquer
5 criança devoradora de histórias gostaria de ter: um pai dono de livraria.
 Pouco aproveitava. E nós menos ainda: até para aniversário, em vez
de pelo menos um livrinho barato, ela nos entregava em mãos um car-
tão-postal da loja do pai. Ainda por cima era de paisagem do Recife mes-
mo, onde morávamos, com suas pontes mais do que vistas. Atrás escrevia
10 com letra bordadíssima palavras como “data natalícia” e “saudade”.
 Mas que talento tinha para a crueldade. Ela toda era pura vingan-
ça, chupando balas com barulho. Como essa menina devia nos odiar,
nós que éramos imperdoavelmente bonitinhas, esguias, altinhas, de ca-
belos livres. Comigo exerceu com calma ferocidade o seu sadismo. Na
15 minha ânsia de ler, eu nem notava as humilhações a que ela me sub-
metia: continuava a implorar-lhe emprestados os livros que ela não lia.
 Até que veio para ela o magno dia de começar a exercer sobre mim uma
tortura chinesa. Como casualmente, informou-me que possuía As reinações de
Narizinho, de Monteiro Lobato.
20 Era um livro grosso, meu Deus, era um livro para se ficar vivendo com ele,
comendo-o, dormindo-o. E completamente acima de minhas posses. Dis-
se-me que eu passasse pela sua casa no dia seguinte e que ela o emprestaria.
 Até o dia seguinte eu me transformei na própria esperança da alegria: eu não
vivia, eu nadava devagar num mar suave, as ondas me levavam e me traziam.
25 No dia seguinte fui à sua casa, literalmente correndo. Ela não morava num
sobrado como eu, e sim numa casa. Não me mandou entrar. Olhando bem
para meus olhos, disse-me que havia emprestado o livro a outra menina, e
que eu voltasse no dia seguinte para buscá-lo. Boquiaberta, saí devagar, mas
em breve a esperança de novo me tomava toda e eu recomeçava na rua a
30 andar pulando, que era o meu modo estranho de andar pelas ruas de Recife.
Dessa vez nem caí: guiava-me a promessa do livro, o dia seguinte viria, os
dias seguintes seriam mais tarde a minha vida inteira, o amor pelo mundo
me esperava, andei pulando pelas ruas como sempre e não caí nenhuma vez.

www.grancursosonline.com.br 3 de 43
SIMULADO – TJ-PR – TÉCNICO

 Mas não ficou simplesmente nisso. O plano secreto da filha do dono de


35 livraria era tranquilo e diabólico. No dia seguinte lá estava eu à porta
de sua casa, com um sorriso e o coração batendo. Para ouvir a res-
posta calma: o livro ainda não estava em seu poder, que eu voltasse
no dia seguinte. Mal sabia eu como mais tarde, no decorrer da vida, o
drama do “dia seguinte” com ela ia se repetir com meu coração batendo.
40 E assim continuou. Quanto tempo? Não sei. Ela sabia que era tempo
indefinido, enquanto o fel não escorresse todo de seu corpo grosso. Eu
já começara a adivinhar que ela me escolhera para eu sofrer, às vezes
adivinho. Mas, adivinhando mesmo, às vezes aceito: como se quem
quer me fazer sofrer esteja precisando danadamente que eu sofra.
45 Quanto tempo? Eu ia diariamente à sua casa, sem faltar um dia sequer.
Às vezes ela dizia: pois o livro esteve comigo ontem de tarde, mas você só
veio de manhã, de modo que o emprestei a outra menina. E eu, que não era
dada a olheiras, sentia as olheiras se cavando sob os meus olhos espantados.
 Até que um dia, quando eu estava à porta de sua casa, ouvindo humilde e
50 silenciosa a sua recusa, apareceu sua mãe. Ela devia estar estranhando a apa-
rição muda e diária daquela menina à porta de sua casa. Pediu explicações a
nós duas. Houve uma confusão silenciosa, entrecortada de palavras pouco elu-
cidativas. A senhora achava cada vez mais estranho o fato de não estar enten-
dendo. Até que essa mãe boa entendeu. Voltou-se para a filha e com enorme
55 surpresa exclamou: mas este livro nunca saiu daqui de casa e você nem quis ler!
 E o pior para essa mulher não era a descoberta do que acontecia. Devia
ser a descoberta horrorizada da filha que tinha. Ela nos espiava em silêncio:
a potência de perversidade de sua filha desconhecida e a menina loura em pé
à porta, exausta, ao vento das ruas de Recife. Foi então que, finalmente se
60 refazendo, disse firme e calma para a filha: você vai emprestar o livro agora
mesmo. E para mim: “E você fica com o livro por quanto tempo quiser.”
Entendem? Valia mais do que me dar o livro: “pelo tempo que eu quisesse”
é tudo o que uma pessoa, grande ou pequena, pode ter a ousadia de querer.
 Como contar o que se seguiu? Eu estava estonteada, e assim recebi o livro na
65 mão. Acho que eu não disse nada. Peguei o livro. Não, não saí pulando como
sempre. Saí andando bem devagar. Sei que segurava o livro grosso com as
duas mãos, comprimindo-o contra o peito. Quanto tempo levei até chegar em
casa, também pouco importa. Meu peito estava quente, meu coração pensativo.

www.grancursosonline.com.br 4 de 43
SIMULADO – TJ-PR – TÉCNICO

 Chegando em casa, não comecei a ler. Fingia que não o tinha, só para de
70 pois ter o susto de o ter. Horas depois abri-o, li algumas linhas mara-
vilhosas, fechei-o de novo, fui passear pela casa, adiei ainda mais indo
comer pão com manteiga, fingi que não sabia onde guardara o livro, acha-
va-o, abria-o por alguns instantes. Criava as mais falsas dificuldades
para aquela coisa clandestina que era a felicidade. A felicidade sempre iria
75 ser clandestina para mim. Parece que eu já pressentia. Como demorei! Eu
vivia no ar… Havia orgulho e pudor em mim. Eu era uma rainha delicada.
 Às vezes sentava-me na rede, balançando-me com o livro aberto no colo,
sem tocá-lo, em êxtase puríssimo.
 Não era mais uma menina com um livro: era uma mulher com o seu amante.
Felicidade Clandestina, Clarice Lispector

1. No trecho “Mas possuía o que qualquer criança devoradora de histórias gostaria

de ter” (1º parágrafo), a palavra destacada possui valor

a) catafórico.

b) dêitico.

c) anafórico.

d) adverbial.

e) de ligação.

2. No trecho “Mas possuía o que qualquer criança devoradora de histórias gostaria

de ter” (1º parágrafo), a palavra destacada pode ser substituída por

a) porquanto.

b) conquanto.

c) contudo.

d) ademais.

e) a despeito de.

www.grancursosonline.com.br 5 de 43
SIMULADO – TJ-PR – TÉCNICO

3. Na passagem “onde morávamos” (2º parágrafo), o vocábulo “onde” é usado

para retomar

a) paisagem.

b) loja do pai.

c) Recife.

d) livraria.

e) pontes.

4. A expressão “data natalícia” (2º parágrafo) é o mesmo que

a) dia do natal.

b) dia de falecimento.

c) dia de aniversário.

d) dia de comemoração.

e) dia dos amigos.

5. No trecho “Era um livro grosso, meu Deus, era um livro para se ficar vivendo

com ele, comendo-o, dormindo-o. E completamente acima de minhas posses”, a

conjunção destacada expressa

a) adição.

b) consequência.

c) adversidade.

d) explicação.

e) conclusão.

6. No sétimo parágrafo, a expressão “Olhando bem para meus olhos” indica

a) instrumento.

b) meio.

www.grancursosonline.com.br 6 de 43
SIMULADO – TJ-PR – TÉCNICO

c) modo.

d) finalidade.

e) concessão.

7. No sétimo parágrafo, ao substituir os dois pontos por vírgula, seria possível em-

pregar uma conjunção após a nova pontuação. Qual seria a opção adequada?

a) conquanto.

b) porém.

c) pois.

d) à medida que.

e) portanto.

8. Preencha as lacunas do trecho adequadamente, conforme os sentidos do texto:

Quanto tempo levei até chegar em casa, também pouco importa. ____ o meu peito

estava quente, ____ meu coração pensativo (trecho do 13º parágrafo).

a) Como – e.

b) Embora – mas.

c) Uma vez que – e.

d) Contudo – mas também.

e) Portanto – e.

9. No segundo período do 14º parágrafo, o pronome oblíquo “o” se refere a

a) peito.

b) coração.

c) livro.

d) susto.

e) tempo.

www.grancursosonline.com.br 7 de 43
SIMULADO – TJ-PR – TÉCNICO

10. No último parágrafo, os dois pontos introduzem uma

a) exemplificação.

b) afirmação.

c) explicação.

d) comparação.

e) conclusão.

www.grancursosonline.com.br 8 de 43
SIMULADO – TJ-PR – TÉCNICO

INTERPRETAÇÃO DE TEXTO

1 Os gregos diferenciavam, como sabemos, entre dois conceitos distintos de


tempo: cronos e cairós. O primeiro refere-se à passagem contínua do tempo
(donde, cronologia) e o segundo conceito refere-se ao momento certo, maduro,
para certos eventos. Há, também, no caso da psicogênese infantil, momentos
5 certos (cairós) para promover o pensamento lógico, a moralidade autô-
noma e a competência linguística. Sociedades que se omitem e não forne-
cem as condições materiais e sociais adequadas para as novas gerações nos
momentos certo perdem a oportunidade de criar cidadãos maduros, capazes
de assumir com responsabilidade e autonomia suas funções na sociedade.
(Bárbara Freitag, in Filosofando, de Maria de Lúcia Aranha).

11. Sobre o texto acima, assinale a alternativa correta.

a) A autora apresenta conceitos antagônicos de tempo para a cultura grega.

b) Na linha 1, a palavra “como” estabelece relação causal.

c) O primeiro período do texto apresenta o tema central a ser desenvolvido pela

autora.

d) Quanto à tipologia, o texto classifica-se como dissertativo-expositivo.

e) infere-se do texto que a formação da cidadania dá-se com o engajamento da

sociedade como um todo.

1 Os precedentes têm forte influência sobre nosso pensamento. Mesmo o trem mais
moderno e mais tecnológico corre sobre trilhos de bitola convencional. As ferro-
vias britânicas adotaram essa bitola porque as antigas máquinas de fabricar eixos
e rodas para carruagens só podiam fazer eixos desse tamanho. As carruagens
5 tinham eixos desse tamanho para caber nos sulcos escavados ao longo do tempo
nas estradas da Grã-Bretanha. As estradas da Grã-Bretanha tinham sido cons-
truídas pelos romanos, e os sulcos foram escavados por carruagens romanas.
Os eixos das carruagens romanas tinham o tamanho adequado para carruagens
puxadas por dois cavalos romanos. Assim como o moderno sistema de trans

www.grancursosonline.com.br 9 de 43
SIMULADO – TJ-PR – TÉCNICO

10 porte é submetido a um critério que valia para os cavalos da época romana,


também os pensamentos são moldados por gerações e gerações de pensamen-
tos antigos. Nós continuamos a seguir os mesmos sulcos cavados há milênios,
sem perceber que a razão original das regras já desapareceu há muito tempo.
Revista Planeta (com adaptações).

12. A respeito das ideias e das estruturas linguísticas do texto acima, assinale a
afirmativa correta.
a) O desenvolvimento das ideias mostra que a tese central do texto, “o moderno
sistema de transporte é submetido a um critério que valia para os cavalos da época
romana” (l. 9-10), é comprovada por argumentos baseados em fatos históricos.
b) A expressão conotativa “os mesmos sulcos cavados há milênios” (l. 12) retoma
as ideias dos argumentos iniciais do texto sobre a influência do passado sobre o
pensamento.
c) No texto, predomina a intenção persuasiva da linguagem, uma vez que os ar-
gumentos são apresentados de modo objetivo, preservando-se a impessoalidade
do discurso.
d) Na linha 3, a substituição de “porque” pela locução conjuntiva posto que man-
teria as relações de sentido estabelecidas no período.
e) Segundo o texto, o questionamento dos paradigmas é condição inerente à na-
tureza humana.

Filosofia dos Epitáfios

Saí, afastando-me dos grupos, e fingindo ler os epitáfios.  E, aliás, gosto dos
epitáfios; eles são, entre a gente civilizada, uma expressão daquele pio e secreto
egoísmo que induz o homem a arrancar à morte um farrapo ao menos da sombra
que passou. Daí, vem, talvez, a tristeza inconsolável dos que sabem os seus mortos
na vala comum; parece-lhes que a podridão anônima os alcança a eles mesmos.
(Machado de Assis, Memórias póstumas de Brás Cubas)

www.grancursosonline.com.br 10 de 43
SIMULADO – TJ-PR – TÉCNICO

13. Do ponto de vista da composição, é correto afirmar que o capítulo “Filosofia

dos Epitáfios”

a) é predominantemente dissertativo, servindo os dados do enredo do ambiente

como fundo para a digressão.

b) é predominantemente descritivo, com a suspensão do curso da história dando

lugar à construção de um cenário estático.

c) é essencialmente descritivo-narrativo, à medida que faz avançar os aconteci-

mentos e cria o cenário de sua ambientação.

d) é predominantemente narrativo, visto que o narrador relata os acontecimentos

que marcaram sua saída do ambiente.

e) é essencialmente narrativo, uma vez que apresenta o ambiente de modo deta-

lhado e subjetivo.

14. Sem que se alterassem as relações de sentido e a correção gramatical, o tre-

cho “Saí, afastando-me dos grupos, e fingindo ler os epitáfios” poderia ser assim

reescrito:

a) Quando afastei-me dos grupos, fingi que lia os epitáfios e saí.

b) Para me afastar do grupo, fingi ler os epitáfios e saí.

c) Fingi ler os epitáfios e saí, assim que me afastei do grupo.

d) Enquanto me afastava do grupo e fingia ler os epitáfios, saí.

e) Lia os epitáfios, fingindo sair e afastando-me do grupo.

Em meio a catástrofes ambientais causadas pela ação do homem, aumento de

doenças físicas e mentais nos centros urbanos e intolerância às diferenças sociais,

religiosas e culturais, sobressai, das entranhas do Brasil, um modelo saudável de

harmonia entre homens e natureza: o Parque Indígena do Xingu, criado há 55

anos. Essa experiência nacional, que oferece lições de respeito e de resiliência aos

www.grancursosonline.com.br 11 de 43
SIMULADO – TJ-PR – TÉCNICO

problemas enfrentados pelo dito mundo civilizado, é prova de que a ideia dos ín-

dios como seres primitivos está superada. Eles desenvolvem culturas riquíssimas

e conhecimentos interessantíssimos de tecnologia leve – de clima, solo, espécies,

plantas.
(Adaptado de Planeta/abr.2016, p.19.)

15. As informações do texto acima permitem concluir que

a) a concepção do índio como ser primitivo é equivocada e obsoleta.

b) modelos saudáveis de harmonia entre o ser humano e a natureza são incompa-

tíveis com a urbanização.

c) a humanidade é a causadora da maioria das catástrofes ambientais.

d) os centros urbanos se caracterizam pela disseminação incessante de endemias

e de doenças mentais.

e) as práticas sociais dos indígenas do Xingu fundamentam-se no respeito à natu-

reza e no conformismo diante de desastres naturais.

Leia o texto abaixo para responder às questões 16 a 18.

O substituto da vida

Quando meu instrumento de trabalho era a máquina de escrever, eu me sentava

a ela, escrevia o que tinha de escrever, relia para ver se era aquilo mesmo, fechava

a máquina, entregava a matéria e ia à vida.

Se trabalhasse num jornal, isso incluiria discutir futebol com o pessoal da edito-

ria de esporte, ir à esquina comer um pastel ou dar uma fugida ao cinema.

Se já trabalhasse em casa, ao terminar de escrever eu fechava a máquina e

abria um livro, escutava um disco ou dava um pulo rapidinho à praia. Só reabria

www.grancursosonline.com.br 12 de 43
SIMULADO – TJ-PR – TÉCNICO

a máquina no dia seguinte. Hoje, diante do computador, termino de produzir um


texto, vou à lista de mensagens para saber quem me escreveu, deleto mensagens
inúteis, respondo às que precisam de resposta, eu próprio mando mensagens inú-
teis. Quando me dou conta, já é noite lá fora e não saí da frente da tela.
Com o smartphone seria pior ainda. Ele substituiu a caneta, o bloco, a agenda, o
telefone, a banca de jornais, a máquina fotográfica, o álbum de fotos, a câmera de
cinema, o DVD, o correio, a secretária eletrônica, o relógio de pulso, o despertador,
o gravador, o rádio, a TV, o CD, a bússola, os mapas, a vida. É por isso que nem lhe
chego perto – temo que ele me substitua também.
(Ruy Castro. Folha de S.Paulo. 02.01.2016. Adaptado)

16. Conforme o autor, Ruy Castro, a substituição da máquina de escrever pelo


computador fez com que ele
a) realizasse mais rapidamente as suas atividades cotidianas, dada a eficiência do
seu novo instrumento de trabalho.
b) produzisse mais e melhor, por usar o computador de maneira mais objetiva do
que a máquina de escrever.
c) demorasse mais para realizar suas atividades, devido à dificuldade dele em ope-
rar o novo instrumento de trabalho.
d) tivesse menos tempo para o lazer, por ficar usando o computador mesmo após
realizar o trabalho, para outras finalidades.
e) dispusesse de mais tempo para atividades de lazer, já que gastava menos tem-
po diante da nova ferramenta.

17. O título, O substituto da vida, resume de maneira bastante adequada a ideia


apresentada sobre o smartphone, na medida em que, no texto, o autor considera
que essa tecnologia pode
a) facilitar a vida dos usuários, ao desempenhar o mesmo papel de outras ferra-

mentas na realização de tarefas diversas, e em menor tempo.

www.grancursosonline.com.br 13 de 43
SIMULADO – TJ-PR – TÉCNICO

b) substituir diversas ferramentas, vindo a tornar-se a única realidade reconhecida

por seus usuários e, no extremo, substituir o próprio usuário.

c) quebrar barreiras até então existentes para a comunicação por meio de outras

tecnologias, diminuindo as distâncias entre seus usuários.

d) ser determinante para ultrapassar barreiras de comunicação da vida real, me-

lhorando a qualidade das relações entre seus usuários.

e) ser usada para realizar uma infinidade de tarefas incômodas, liberando seus

usuários para ocuparem seu tempo com atividades prazerosas.

18. Levando-se em conta o contexto, o segmento do texto que está adequada-

mente traduzido é:

a) “entregava a matéria e ia à vida” – desistia da matéria e me entregava à vida.

b) “isso incluiria discutir futebol com o pessoal da editoria” – isso significaria co-

mentar futebol com os editores.

c) “deleto mensagens inúteis” – ignoro textos pífios.

d) “É por isso que nem lhe chego perto” – Por essa razão, nem me aproximo dele.

e) “temo que ele me substitua também” – também tenho receio de ser substituído.

Em debate sobre tecnologia, ministro destaca importância de


investir em ciência e inovação

O ministro da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações, Gilberto Kassab,

defendeu a importância de garantir recursos para atividades de ciência, tecnologia

e inovação para o país superar a crise. Ele participou nesta segunda-feira (24), em

São Paulo, do Fórum Mitos e Fatos, organizado pela rádio Jovem Pan. Kassab men-

cionou que os países mais desenvolvidos têm aportes consistentes em inovação, e

o Brasil deveria seguir esse exemplo.

www.grancursosonline.com.br 14 de 43
SIMULADO – TJ-PR – TÉCNICO

“A questão do financiamento é um aspecto muito importante. Não se faz ciên-

cia, pesquisa ou inovação se não tiver financiamento público ou privado, e o poder

público promover a articulação para que a iniciativa privada possa atuar”, afirmou.

“O governo vem buscando isso, por exemplo, com a implementação de parques tec-

nológicos e o apoio ao empreendedorismo, dando suporte a startups”, completou.

O ministro também destacou o papel do Satélite Geoestacionário de Defesa e

Comunicações Estratégicas (SGDC) para levar banda larga para todo o território

nacional. O equipamento, um investimento de R$ 2,7 bilhões, é uma parceria entre

o MCTIC e o Ministério da Defesa. Com ele, cidadãos, unidades de saúde, escolas e

instituições de ensino de todo o país vão ter acesso à internet. O ministro ressaltou

que o SGDC também vai contribuir para o desenvolvimento econômico brasileiro,

por exemplo, ajudando a expandir o agronegócio no interior do país.

O Satélite Geoestacionário será lançado a partir do Centro Espacial de Kourou,

na Guiana Francesa. A ida do artefato à órbita foi adiada por causa de greve geral

que afetou o território francês vizinho ao Brasil.

“É incrível o Brasil lançar um satélite por conta de prover banda larga nas esco-

las, já mais da metade das unidades ainda não têm acesso à internet”, afirmou o

diretor do Instituto de Tecnologia e Sociedade do Rio de Janeiro, Fábio Steibel, que

participou do debate junto com o ministro Kassab.


Fonte: MCTIC
http://www.mcti.gov.br/noticia/-/asset_publisher/epbV0pr6eIS0/content/em-debate-sobre-
-tecnologia-ministro-destaca-importancia-de-investir-em-ciencia-e-inovacao;jsessionid=7D-
0558C2B6EC6BAA5006C2B8B7ADF07C.columba

19. Com base nas informações apresentadas no texto, é possível afirmar que

a) é possível fazer ciência e inovação sem financiamento público ou privado.

b) o Brasil tem o mesmo aporte em inovação que os países desenvolvidos.

c) o suporte a startups é uma forma de o governo incentivar pesquisas, ciência e

inovação.

www.grancursosonline.com.br 15 de 43
SIMULADO – TJ-PR – TÉCNICO

d) a ida do satélite geoestacionário à órbita foi cancelada por causa de greve geral

na guiana francesa.

e) a maioria das escolas do Brasil tem acesso à internet.

20. De acordo com a compreensão textual e com as informações contidas no texto,

assinale a alternativa correta.

a) O SGDC vai contribuir para o desenvolvimento econômico brasileiro exclusiva-

mente ao ajudar na expansão do agronegócio no interior do país.

b) Ainda que o poder público não se articule para a atuação da iniciativa privada,

é possível fazer ciência e pesquisa.

c) Em meio a uma crise econômica, o governo não deve investir em tecnologia e

inovação.

d) O Brasil não possui um centro espacial de onde possa lançar o SGDC.

e) O Satélite Geoestacionário de Defesa e Comunicações Estratégicas (SGDC) terá

impacto nos cenários da saúde e da educação no Brasil.

www.grancursosonline.com.br 16 de 43
SIMULADO – TJ-PR – TÉCNICO

MATEMÁTICA

21. Considere uma PA crescente de três termos, em que a soma de seus termos

é igual a 30. Assim, mantendo o segundo termo dessa sequência e adicionando 2

unidades ao primeiro termo e 3 unidades ao terceiro termo, temos uma PG. Nessas

condições, assinale a alternativa que apresenta a soma do 1° termo da PA com o

3° termo da PG.

a) 13.

b) 8.

c) 17.

d) 11.

e) 23.

22. Ao completar 36 anos de idade, no dia x do mês (x+5), um aluno percebeu que

a sequência formada, respectivamente, pelos números que representavam o dia,

o mês de seu aniversário e a sua idade era uma progressão geométrica. O mês de

nascimento desse aluno é:

a) dezembro.

b) outubro.

c) agosto.

d) junho.

e) julho.

23. Em física, denominamos lei de Weber-Fechner a seguinte sentença: “a respos-

ta a qualquer estímulo é proporcional ao logaritmo da intensidade do estímulo”.

Essa lei aplica-se aos cinco sentidos, mas as suas implicações são melhor enten-

didas quando se refere aos estímulos provocados pelo som. Por exemplo, o nível

www.grancursosonline.com.br 17 de 43
SIMULADO – TJ-PR – TÉCNICO

sonoro (N) de um ambiente, em decibéis (dB), pode ser calculado por ela, por meio
1
da fórmula N= 10log , que representa a intensidade sonora medida em watts
10–12
por metro quadrado (W/m²). Se, em um ambiente fechado, o nível sonoro de uma
pessoa é 40db, qual a sua intensidade sonora?
a) 10-8 W/m².
b) 3.3x10-1 W/m².
c) 3.3x101 W/m².
d) 108 W/m².
e) 1008 W/m².

24. Em 2015, as vendas de uma empresa foram 60% superiores as de 2014. Em


2016, as vendas foram 40% inferiores as de 2015. A expectativa para 2017 é de
que as vendas sejam 10% inferiores as de 2014. Se for confirmada essa expecta-
tiva, de 2016 para 2017 as vendas da empresa vão:
a) diminuir em 6,25%.
b) aumentar em 4%.
c) diminuir em 4%.
d) diminuir em 4,75%.
e) diminuir em 5,5%.

25. Luiza, Marina e Natália trabalham na secretaria de uma escola. Ao final de cer-
to período, constatou-se que Luiza havia efetuado o dobro do número de matrículas
que Marina efetuara; que Luiza e Natália, juntas, haviam efetivado 80 matrículas;
e que Natália e Marina, juntas, haviam efetuado 60 matrículas. O número total de
matrículas efetuadas nesse período pelas três funcionárias, juntas, foi igual a
a) 100.
b) 110.
c) 120.
d) 130.
e) 140.

www.grancursosonline.com.br 18 de 43
SIMULADO – TJ-PR – TÉCNICO

26. A maior raiz da equação x2 - 7x - 8 = 0 é também raiz da equação x2 - kx + 8

+ 4k = 0, onde k representa um número inteiro.

Qual é o valor de k?

a) - 6.

b) - 3.

c) + 6.

d) + 9.

e) +18.

27. Pedro foi à padaria e comprou 400 g de pão francês e 250 g de pão de milho,

pagando R$ 5,05. Sua irmã Antônia foi à mesma padaria no dia seguinte e comprou

550 g de pão francês e 150 g de pão de milho por R$ 5,20. O preço do quilo do pão

francês nessa padaria é:

a) R$ 7,00.

b) R$ 7,50.

c) R$ 8,50.

d) R$ 9,00.

e) R$ 9,50.

28. A temperatura de uma cidade variou, ao longo de um dia, segundo a função

f(x) = a + b. sen(nx/12 + π), onde x representa o tempo, em horas (0 ≤ x < 24).


Sabendo que, nesse dia, a temperatura máxima foi de 36ºC e a temperatura míni-

ma foi de 20ºC, então o valor de b é:

a) 8.
b) 20.

c) 28.

d) 36.

e) 35.

www.grancursosonline.com.br 19 de 43
SIMULADO – TJ-PR – TÉCNICO

29. Deseja-se saber quanto mede a base de um retângulo. Sabe-se que sua altu-

ra mede 9 cm e que ele tem área igual à de um quadrado cujo lado mede 12 cm.

Nessas condições, a base desse retângulo mede:

a) 9 cm.

b) 12 cm.

c) 16 cm.

d) 24 cm.

e) 36 cm.

30. A vista lateral de uma carga colocada na carroceria de um caminhão está re-

presentada na figura abaixo. Sabendo que A, B e C são quadrados tais que a área

de B é 20 m², e a área de C é 16 m², então a área do quadrado A é:

B
C
A

a) 2 m².

b) 4 m².

c) 5 m².

d) 10 m².

e) 12 m².

31. Na figura abaixo, os triângulos: ΔABC e ΔDCE são equiláteros, medindo 2 cm

de lado. O segmento de reta BD intersecta o lado AC no ponto P. A área do triângulo

ΔDPC, em centímetros quadrados, é:

www.grancursosonline.com.br 20 de 43
SIMULADO – TJ-PR – TÉCNICO

A D

B C E

a) 3 cm2.
b) 4 3 cm2.
c) 5 3 cm2.
d) 2 3 cm2.
e) 3/2 cm2

32. Em um período longo de seca, o valor médio de água presente em um reser-


vatório pode ser estimado de acordo com a função: Q(t) = 4000 . 2-0,5 . t, onde t é
medido em meses e Q(t) em metros cúbicos. Para um valor de Q(t) = 500, pode-se
dizer que o valor de t é
a) 6 meses.
b) 8 meses.
c) 5 meses.
d) 10 meses.
e) 4 meses.

33. A equação n(t) = 20 + 15log125(t + 5) representa uma estimativa sobre o nú-


mero de funcionários de uma Agência dos Correios de uma certa cidade, em função
de seu tempo de vida, em que n(t) é o número de funcionários no t- enésimo ano
de existência dessa empresa (t = 0, 1, 2...). Quantos funcionários essa Agência
possuía quando foi fundada?

a) 105.

b) 11.

www.grancursosonline.com.br 21 de 43
SIMULADO – TJ-PR – TÉCNICO

c) 45.

d) 65.

e) 25.

34. Joana aplicou todo seu capital, durante 6 meses, em 2 bancos (X e Y). No Banco

X, ela aplicou 37,5% do capital sob o regime de capitalização simples e verificou que,

no final do período de 6 meses, o valor dos juros foi de R$ 2.250,00. No Banco Y, ela

aplicou o restante do capital sob o regime de capitalização composta, a uma taxa de

4% ao trimestre, verificando que, no final do período de 6 meses, o valor dos juros foi

de R$ 4.080,00. A taxa de juros anual correspondente à aplicação no Banco X foi de

a) 11,25%.

b) 10,50%.

c) 15,00%.

d) 13,50%.

e) 12,00%.

35. Um investidor aplica, em uma mesma data, os seguintes capitais:

I – R$ 11.600,00, durante 15 meses, sob o regime de capitalização simples.

II – R$ 20.000,00, durante 1 semestre, sob o regime de capitalização composta,

a uma taxa de juros de 3% ao trimestre.

Se os valores dos juros das duas aplicações são iguais, então a taxa de juros anual

da primeira aplicação é de

a) 8,4%.
b) 9,0%.

c) 9,6%.

d) 10,5%.

e) 10,8%.

www.grancursosonline.com.br 22 de 43
SIMULADO – TJ-PR – TÉCNICO

NOÇÕES DE DIREITO E LEGISLAÇÃO

Constituição do Estado do Paraná


 

36. De acordo com a Constituição do Estado do Paraná, são hipóteses de interven-

ção do Estado do Paraná nos Municípios localizados em seu território, EXCETO:

a) deixar de ser paga, sem motivo de força maior, por dois anos consecutivos, a

dívida fundada.

b) não forem prestadas as contas devidas, na forma da lei.

c) não tiver sido aplicado o mínimo exigido da receita municipal na manutenção e

desenvolvimento do ensino.

d) o Tribunal de Justiça der provimento a representação para assegurar a obser-

vância de princípios indicados na Constituição do Estado, ou para prover a execu-

ção de lei, de ordem ou de decisão judicial.

e) pôr termo a grave comprometimento da ordem pública.

37. A Constituição do Estado do Paraná trata sobre a organização do Poder Judi-

ciário. Levando em consideração essas disposições, assinale a alternativa correta.

a) O Tribunal de Justiça, para o desempenho de suas funções jurisdicionais, deve

funcionar centralizadamente, podendo, inclusive, para atender à demanda, consti-

tuir Câmaras Internas para garantir o pleno acesso à jurisdição.

b) Os juízes gozam da garantia vitaliciedade, que, em qualquer grau de jurisdição,

só será adquirida após dois anos de exercício.

c) Compete privativamente ao Tribunal de Justiça, mediante aprovação da Assem-

bleia Legislativa do Estado do Paraná, eleger seus órgãos diretivos na forma da lei

complementar que dispõe sobre o Estatuto da Magistratura.

www.grancursosonline.com.br 23 de 43
SIMULADO – TJ-PR – TÉCNICO

d) Um quinto dos lugares do Tribunal de Justiça será composto de membros do

Ministério Público, com mais de dez anos de carreira, e de advogados inscritos na

Ordem dos Advogados do Brasil, Seção do Paraná, de notório saber jurídico e de

reputação ilibada, com mais de dez anos de efetiva atividade profissional.

e) Dentre outros órgãos, integram o Poder Judiciário do Estado do Paraná os Tri-

bunais de Alçada.

Estatuto dos Servidores do Poder Judiciário do Paraná

38. Sobre o funcionário técnico judiciário estável, nos termos do Estatuto dos

Funcionários do Poder Judiciário, é correto afirmar:

a) completados 2 (dois) anos de efetivo exercício, o funcionário será considerado

estável, podendo ser exonerado somente em razão de condenação criminal transi-

tada em julgado.

b) o funcionário estável pode perder o cargo em razão de inassiduidade habitual,

bastando, para seu desligamento, ato motivado de seu superior hierárquico.

c) a avaliação de desempenho constitui condição para aquisição da estabilidade e

tem como finalidade avaliar a capacidade e a aptidão do funcionário para o exercí-

cio do cargo. 

d) o funcionário habilitado em concurso público e empossado em cargo de pro-

vimento efetivo, ou nomeado para cargo em comissão, adquirirá estabilidade no

serviço público ao completar 3 (três) anos de efetivo exercício.

39. Acerca do regime jurídico dos servidores do Poder Judiciário do Estado do

Paraná, assinale a alternativa correta. 

a) A nomeação do servidor para o cargo público é precedida pelo ato de posse.

b) O servidor público de cargo efetivo adquire estabilidade ao entrar em exercício

nas funções do cargo.

www.grancursosonline.com.br 24 de 43
SIMULADO – TJ-PR – TÉCNICO

c) Quando extinto o seu cargo ou declarada sua desnecessidade, o servidor público

ocupante de cargo efetivo será exonerado.

d) Inabilitado em estágio probatório relativo a outro cargo, preenchidos os requi-

sitos legais, é possível ao servidor público de cargo efetivo retornar ao cargo ante-

riormente ocupado.

40. A respeito das espécies de provimento do servidor do Poder Judiciário, confor-

me Estatuto dos Funcionários do Poder Judiciário, numere a coluna da direita de

acordo com sua correspondência com a coluna da esquerda. 

1) Nomeação. 

2) Readaptação. 

3) Aproveitamento. 

4) Reintegração. 

5) Reversão. 

(  ) É o provimento de funcionário efetivo em cargo de atribuições compatíveis

com a sua capacidade física ou mental, derivada de alteração posterior à

nomeação e verificada em inspeção médica oficial. 

(  ) É o retorno de funcionário aposentado ao exercício das atribuições. 

(  ) É o retorno do funcionário ao exercício das atribuições de seu cargo, ou de

cargo resultante de sua transformação, quando invalidada a demissão por

decisão administrativa ou judicial. 

(  ) É o retorno obrigatório do funcionário em disponibilidade ao exercício de car-

go de atribuições e vencimentos compatíveis com o anteriormente ocupado. 

(  ) É o chamamento para a posse e para a entrada no exercício das atribuições

do cargo público. 

www.grancursosonline.com.br 25 de 43
SIMULADO – TJ-PR – TÉCNICO

Assinale a alternativa que apresenta a numeração correta da coluna da direita,

de cima para baixo.

a) 2 – 5 – 3 – 4 – 1.

b) 2 – 5 – 4 – 3 – 1.

c) 3 – 2 – 1 – 4 – 5. 

d) 2 – 4 – 3 – 1 – 5.

Regimento Interno do TJ-PR


 

41. Sobre a organização do Tribunal de Justiça do Estado do Paraná, considere as

seguintes situações:

I – Welton é presidente do Tribunal de Justiça do Estado do Paraná;

II – Rosemberg exerce o cargo de 2º Vice-Presidente do Tribunal de Justiça do

Estado do Paraná;

III – Danilo ocupa o cargo de Corregedor-Geral da Justiça do Tribunal de Justiça

do Estado do Paraná;

IV – Wagner foi empossado no cargo de Corregedor do Tribunal de Justiça do Es-

tado do Paraná.

Levando em consideração os cargos ocupados por essas pessoas, assinale a alter-

nativa que contenha, dentre eles, os que compõem o Conselho da Magistratura do

Tribunal de Justiça do Estado do Paraná:

a) Welton e Danilo, apenas.

b) Welton, Rosemberg e Danilo, apenas.

c) Rosemberg, Danilo e Wagner, apenas.

d) Danilo e Wagner, apenas.

e) Welton, Rosemberg, Danilo e Wagner.

www.grancursosonline.com.br 26 de 43
SIMULADO – TJ-PR – TÉCNICO

42. Veja as seguintes competências do Tribunal de Justiça do Estado do Paraná:

I – aprovar a proposta do orçamento da despesa do Poder Judiciário, a ser enca-

minhada, em época oportuna, ao Governador do Estado;

II – aprovar e emendar o Regimento Interno;

III – processar e julgar os incidentes de resolução de demandas repetitivas e os

incidentes de assunção de competência;

IV – declarar em regime de exceção qualquer Comarca ou Vara, pelo tempo ne-

cessário à regularização dos serviços, encaminhando expediente ao Presi-

dente do Tribunal para a designação dos Juízes necessários.

As competências acimas narradas são, respectivamente, dos seguintes órgãos do

Tribunal de Justiça do Estado do Paraná:

a) Conselho da Magistratura, Tribunal Pleno, Seção Cível Ordinária e Órgão Especial.

b) Órgão Especial, Conselho da Magistratura, Tribunal Pleno e Seção Cível Ordinária.

c) Órgão Especial; Tribunal Pleno; Seção Cível Ordinária; Conselho da Magistratura.

d) Conselho da Magistratura, Órgão Especial, Seção Cível Ordinária e Tribunal Pleno.

e) Seção Cível Ordinária, Tribunal Pleno, Conselho da Magistratura e Tribunal Pleno.

43. O Regimento Interno dispõe sobre o funcionamento do Tribunal de Justiça,

estabelece a competência de seus órgãos, regula a instrução e julgamento das

ações originárias e dos recursos que lhe são atribuídos e institui a disciplina de

seus serviços. De acordo com o Regimento Interno do Tribunal de Justiça do Estado

do Paraná, julgue os itens que se seguem, especialmente sobre a eleição dos seus

cargos de direção.

I – A eleição para os cargos de direção do Tribunal realizar-se-á em sessão do Tri-

bunal Pleno, especialmente convocado para tal fim, com início às 13h30min,

na última segunda-feira do mês de novembro antecedente ao término do

mandato, ou no dia útil imediato se não houver expediente.

www.grancursosonline.com.br 27 de 43
SIMULADO – TJ-PR – TÉCNICO

II – A intenção de concorrer será manifestada ao Tribunal a partir do início do ano

eleitoral, ocasião em que o candidato deverá apresentar certidão fornecida

pela Secretaria de que está com o serviço em dia, encerrando-se o prazo

sessenta dias antes da data da eleição; a manifestação de concorrer será

publicada no Diário da Justiça Eletrônico do Tribunal.

III – Presente a maioria dos membros do Tribunal Pleno, a eleição e a apuração

serão realizadas, em sessão pública, para cada um dos cargos, observada a

seguinte ordem: Presidente, 1º Vice-Presidente, Corregedor-Geral da Justi-

ça, 2º Vice-Presidente e Corregedor.

IV – Eleito o Desembargador do quinto constitucional, que não integre por antigui-

dade o Órgão Especial, para um dos cargos da cúpula diretiva cujo ocupante

tenha assento nato no colegiado, os demais Desembargadores da mesma

classe do quinto eleito, desde que não integrem por antiguidade o Órgão

Especial, tornar-se-ão inelegíveis para os outros cargos da cúpula cujos ocu-

pantes também tenham assento no colegiado.

Está correto o que se afirma em:

a) I, II, III e IV.

b) I, II e III.

c) II e III.

d) III e IV.

e) II, III e IV.

Regulamento do TJ-PR

44. Ao Diretor-Geral do Tribunal de Justiça compete, EXCETO:

a) despachar pessoalmente com o Presidente do Tribunal.

www.grancursosonline.com.br 28 de 43
SIMULADO – TJ-PR – TÉCNICO

b) secretariar as sessões do Tribunal Pleno e do Órgão Especial.

c) propor elogios aos servidores que se destacarem pela disciplina e dedicação ao

serviço.

d) emitir Ordens de Serviço.

e) acompanhar as atividades desempenhadas nos departamentos, centros e nú-

cleos.

www.grancursosonline.com.br 29 de 43
SIMULADO – TJ-PR – TÉCNICO

DIREITO CONSTITUCIONAL
 

45. Analise as seguintes situações e assinale aquela que indica a solução correta

diante da Constituição Federal:

a) Luiz, Presidente da República, foi flagrado durante a prática de crime de corrup-

ção passiva, no exercício de seu cargo. Nessa situação, Luiz poderá ser preso em

flagrante delito.

b) Max, Governador do Distrito Federal, foi acusado de praticar um crime doloso

contra a vida. Nesse caso, o seu processo e julgamento deve ser feito perante o

Supremo Tribunal Federal, pois possui foro por prerrogativa de função.

c) Elizabeth, Senadora da República, em uma discussão em sua igreja, durante a

realização de um culto, calunia o pastor por meio da imputação falsa de fato de-

finido como crime. Apesar de ser congressista, Elizabeth poderá ser processada e

condenada por esse crime, diante da inexistência de relação do fato com o cargo

por ela ocupado.

d) Andréa, Prefeita do Município de Coari – Amazonas, foi acusada de praticar im-

probidade administrativa. Em razão de Andréa ser detentora de foro por prerroga-

tiva de função, deverá ser processada e julgada pela prática de ato de improbidade

administrativa perante o Tribunal de Justiça.

e) Julianna, juíza federal da Vara Criminal da Seção Judiciária de Curitiba, ao julgar

acusados pela prática de diversos crimes, afrontou interesses da cúpula do Tribunal

Regional Federal a que está vinculada. Nessa situação, Julianna poderá ser remo-

vida, no interesse público, e lotada em outra Seção Judiciária da Justiça Federal do

Estado do Paraná.

www.grancursosonline.com.br 30 de 43
SIMULADO – TJ-PR – TÉCNICO

46. Sobre os direitos fundamentais, assinale a alternativa correta:

a) Não constitui afronta ao direito de sigilo bancário a disponibilização dos dados

bancários dos contribuintes pelas instituições financeiras ao Fisco.

b) A Autoridade Policial, na condução do inquérito policial, pode requisitar às ins-

tituições financeiras dados bancários dos contribuintes, independentemente de au-

torização judicial.

c) O Ministério Público não pode requisitar as informações bancárias das contas de

titularidade da Administração Pública.

d) O Tribunal de Contas da União, no exercício de sua função auxiliar de controle

externo, pode requisitar diretamente às instituições financeiras informações bancá-

rias dos gestores públicos.

e) Os membros do Poder Judiciário não podem autorizar a quebra do sigilo bancá-

rio, diante da inexistência de autorização constitucional, mas apenas a quebra do

sigilo das comunicações telefônicas.

www.grancursosonline.com.br 31 de 43
SIMULADO – TJ-PR – TÉCNICO

DIREITO PROCESSUAL CIVIL

47. No que se refere à intervenção do advogado nos Juizados Especiais Cíveis, é

correto afirmar que

a) nas causas de valor superior a dez vezes o salário-mínimo, a assistência de ad-

vogado é indispensável e obrigatória.

b) nas causas de valor de até dez salários-mínimos, as partes comparecerão pes-

soalmente, podendo ser assistidas por advogado; nas de valor superior, a assistên-

cia é indispensável e obrigatória.

c) nas causas de valor até vinte salários-mínimos, as partes comparecerão pesso-

almente, podendo ser assistidas por advogado; nas de valor superior, a assistência

é obrigatória.

d) não é obrigatória a assistência de advogado em qualquer hipótese, com funda-

mento nos princípios da informalidade, celeridade e economia processual.

e) não é obrigatória a assistência de advogado em qualquer hipótese, com funda-

mento nos princípios do acesso à justiça, da congruência, da celeridade e da eco-

nomia processual.

48. Em conformidade com o sistema de nulidades processuais, analise as asserti-

vas abaixo:

I – As nulidades devem ser alegadas na primeira oportunidade em que couber a

parte falar nos autos sob pena de preclusão. Contudo, não se aplica o dispos-

to às nulidades que o juiz deva decretar de ofício, nem prevalece a preclusão

provando a parte legítimo impedimento.

II – É nulo o processo quando o membro do Ministério Público não for intimado

a acompanhar o feito em que deva intervir. Se o processo tiver tramitado

sem conhecimento do Ministério Público, o juiz invalidará os atos praticados

a partir do momento em que tomar conhecimento.

www.grancursosonline.com.br 32 de 43
SIMULADO – TJ-PR – TÉCNICO

III – A nulidade só poderá ser decretada após a intimação do Ministério Público,

independente de real prejuízo a uma das partes.

IV – Anulado o ato, consideram-se de nenhum efeito todos os subsequentes que

dele dependam, todavia a nulidade de uma parte do ato não prejudicará as

outras que dela sejam independentes.

Assinale a alternativa CORRETA:

a) Todas as afirmativas são falsas.

b) Todas as afirmativas são verdadeiras.

c) Apenas as assertivas I e IV são verdadeiras.

d) Apenas as assertivas I e III são verdadeiras.

e) Apenas a assertiva IV é verdadeira.

www.grancursosonline.com.br 33 de 43
SIMULADO – TJ-PR – TÉCNICO

CÓDIGO DE PROCESSO PENAL

49. Sobre inquérito policial, analise os itens abaixo.

I – O inquérito policial é um procedimento administrativo de investigação, a car-

go das Polícias Judiciárias estaduais e federal, que têm como objetivo sub-

sidiar as futuras ações penais, públicas ou privadas, mas é prescindível ao

ajuizamento da ação penal.

II – Sendo a ampla defesa um direito constitucionalmente consagrado, cabe ao

delegado de polícia preservá-lo durante o inquérito policial.

III – O ato de indiciamento é privativo do delegado de polícia, não podendo outra

autoridade administrativa requisitar o indiciamento de investigados.

IV – A doutrina e a jurisprudência majoritárias admitem o denominado arquiva-

mento implícito, que consiste no fato de o oferecimento de denúncia pelo

Ministério Público por apenas alguns dos crimes imputados ao indiciado

impedir que os demais sejam objeto de futura ação penal.

V – O inquérito deverá terminar no prazo de 10 dias, se o indiciado tiver sido pre-

so em flagrante, ou estiver preso preventivamente, contado o prazo, nesta

hipótese, a partir do dia em que o juízo houver expedido a ordem de prisão,

ou no prazo de 30 dias, quando estiver solto, mediante fiança ou sem ela.

Estão corretos os itens:

a) I, II e II.

b) I e III.

c) II, III e IV.

d) II e III e V.

e) I e IV.

www.grancursosonline.com.br 34 de 43
SIMULADO – TJ-PR – TÉCNICO

50. Sobre a ação penal, analise as assertivas abaixo. 

I – A ação penal pública será promovida por denúncia do Ministério Público, mas,

nos casos de contravenção penal, poderá ser iniciada por portaria da autori-

dade policial.

II – Será admitida ação penal privada nos crimes de ação pública, se esta não for

intentada no prazo legal, concedendo-se ao ofendido o prazo decaden-

cial para oferecer a queixa.

III – O perdão concedido a um dos querelantes aproveitará a todos os autores

remanescentes que o aceitarem.

IV – No caso de morte do ofendido ou quando declarado ausente por decisão ju-

dicial na ação penal privada, o direito de oferecer queixa ou prosseguir na

ação passará ao cônjuge, ascendente, descendente ou irmão, salvo em caso

de ação penal privada personalíssima, em que não se admite sucessão pro-

cessual.

V – ocorre a perempção no caso de inércia do querelante, deixando-se de pro-

mover o andamento da ação penal privada subsidiária da pública em trinta

dias.

Estão corretos os itens:

a) I, II e II.

b) I, II e III.

c) II, III e IV.

d) II e III e V.

e) II, IV e V.

www.grancursosonline.com.br 35 de 43
SIMULADO – TJ-PR – TÉCNICO

INFORMÁTICA

51. Considerando os conhecimentos sobre hardware e de software, julgue os itens

abaixo.

I – É possível ler e gravar dados na memória RAM. Quando o computador é des-

ligado, as informações gravadas na RAM não são perdidas.

II – A webcam é um exemplo de dispositivo híbrido, ou seja, de entrada e saída

de dados.

III – Os HDs do tipo SSD não contêm partes móveis (mecânicas), e as informa-

ções são gravadas em memórias flash.

Está(ão) incorreto(s) o(s) item(ns):

a) I, II e III.

b) I e II.

c) I e III.

d) II.

e) III.

52. Escolha a opção que completa corretamente as lacunas.


1) IPV6  (  ) Onedrive.

2) Pharming  (  ) Protocolo seguro.

3) Spyware  (  ) Keylogger.

4) Worm  (  ) Usa sistema Hexadecimal.

5) Cloud Computing  (  ) Ataque ao servidor DNS.

6) SSL  (  ) Explora vulnerabilidades.

www.grancursosonline.com.br 36 de 43
SIMULADO – TJ-PR – TÉCNICO

a) 2, 3, 4, 1, 5, 6.
b) 2, 1, 2, 1, 4, 6.
c) 5, 6, 4, 2, 1, 3.
d) 6, 5, 4, 1, 2, 3.
e) 5, 6, 3, 1, 2, 4.

53. No Linux, utilizam-se letras diferentes para cada permissão em uma listagem
de diretórios. São usados: x para permissão de execução de um arquivo, w para a
permissão de escrita e, para a para a permissão de leitura, é atribuída a letra
a) b.
b) x.
c) r.
d) a.
e) l.

54. Analise as seguintes afirmações acerca de ataques a um sistema de computação:


I – um vírus é um programa capaz de se reproduzir anexando seu código a outro
programa e não precisa ser executado para dar início a sua contaminação;
II – o programa screenlogger é um spyware que registra todas as teclas digitadas
pelo teclado físico da máquina;
III – um vírus de boot infecta o setor responsável pela inicialização do sistema
operacional.

Está(ão) CORRETA(S) a(s) afirmativa(s):


a) I apenas.
b) I e III, apenas.
c) III, apenas.
d) Todas estão corretas.
e) Nenhuma está correta.

www.grancursosonline.com.br 37 de 43
SIMULADO – TJ-PR – TÉCNICO

55. A planilha a seguir foi criada no Microsoft Excel 2016, em português.

Considere os seguintes valores para as células dos intervalos A1:A5 e B1:B5

O resultado da célula que contém a fórmula

=SOMASE(A1:A5;”< 0”;B1:B5) é

a) −5.

b) 35.

c) −40.

d) −25.

e) 25.

www.grancursosonline.com.br 38 de 43
SIMULADO – TJ-PR – TÉCNICO

ATUALIDADES

A sociedade colonial brasileira “herdou concepções clássicas e medievais de

organização e hierarquia, mas acrescentou-lhe sistemas de graduação que se ori-

ginaram da diferenciação das ocupações, raça, cor e condição social. (...) As dis-

tinções essenciais entre fidalgos e plebeus tenderam a nivelar-se, pois o mar de

indígenas que cercava os colonizadores portugueses tornava todo europeu, de fato,

um gentil-homem em potencial. A disponibilidade de índios como escravos ou tra-

balhadores possibilitava aos imigrantes concretizar seus sonhos de nobreza. (...)

Com índios, podia desfrutar de uma vida verdadeiramente nobre. O gentio trans-

formou-se em um substituto do campesinato, um novo estado, que permitiu uma

reorganização de categorias tradicionais. Contudo, o fato de serem aborígenes e,

mais tarde, os africanos, diferentes étnica, religiosa e fenotipicamente dos euro-

peus, criou oportunidades para novas distinções e hierarquias baseadas na cultura

e na cor.”
(Stuart B. Schwartz, Segredos Internos).

56. De 1500 aos dias de hoje, a formação de um país como o Brasil, com dimensão

verdadeiramente continental, derivou de diversas frentes de expansão. Quanto aos

aspectos geográficos, é correto afirmar que o Brasil

a) possui um relevo bastante antigo e, apesar disso, sofre um reduzido impacto

causado por erosão, detendo, nas áreas de planalto, as altitudes mais elevadas da

América do Sul.

b) apresenta temperaturas amenas, com clima tropical úmido em sua maior parte,

destacando-se no extremo norte do país, local onde ocorre sistematicamente o fe-

nômeno de evapotranspiração.

c) tem na Amazônia 70% de seus recursos hídricos, os quais sofrem restrições ao

uso devido à poluição gerada pela elevada densidade populacional da região.

www.grancursosonline.com.br 39 de 43
SIMULADO – TJ-PR – TÉCNICO

d) conta com a maior ilha fluvial do planeta, localizada na bacia hidrográfica do

Tocantins-Araguaia: Bananal, com cerca de 20.000 Km².

e) promoveu, desde o período colonial, a ocupação heterogênea do território, com

a conquista simultânea do litoral e dos chamados sertões graças a atuação do mo-

vimento das bandeiras, entradas e descidas.

57. O Conselho de Segurança da ONU é formado por cinco membros permanentes

que possuem o direito de vetar qualquer resolução. A segunda década do século

XXI está sendo marcada por críticas generalizadas ao Conselho de Segurança pela

demora de ações na Síria, que sofre com uma guerra civil em seu território. Entre

os países membros do Conselho de Segurança da ONU que ratificaram a interven-

ção da Organização das Nações Unidas na Síria estão:

a) França, Estados Unidos, Inglaterra, Rússia.

b) Alemanha, Estados Unidos, Reino Unido, Espanha.

c) China, Estados Unidos, França, Inglaterra.

d) Itália, França, Estados Unidos, China.

e) China, França, Rússia, Estados Unidos.

Milhares de latinos tiram cidadania americana por “efeito Trump”

Impulsionados pelos discursos de Donald Trump, pré-candidato republicano

às eleições nos Estados Unidos, milhares de latinos que vivem no país se mo-

bilizam para iniciar uma corrida contra o relógio e fazer andar os trâmites para

adquirir a cidadania americana.


(Disponível em: http://g1.globo.com/mundo/eleicoes-nos-eua/2016/noti-
cia/2016/03/milhares-de-latinos-tiram-cidadania-americana-porefeito-trump.html.)

www.grancursosonline.com.br 40 de 43
SIMULADO – TJ-PR – TÉCNICO

58. Essa corrida pela “cidadania” pode ser explicada em parte

a) pela tentativa de impedir a vitória dos democratas personificada em Trump, que

insiste em afirmar que expulsará os 11 milhões de imigrantes legalizados ou não,

caso seja eleito. 

b) pela construção, com o apoio de Trump, de um muro gigantesco para impedir

travessias ilegais, com o apoio do México, onde ocorrem mais invasões.

c) pelo ideário anti-imigrantes disseminado pela onda de refugiados que assola o

país, já que se sabe que a cidadania é a única coisa que protege da deportação.

d) pelo objetivo dos latino-americanos de se registrarem a tempo para participa-

rem das eleições e apoiarem Trump, defensor incondicional dos direitos dos estran-

geiros.

e) com o intuito de impedir a vitória dos republicanos, que têm como um dos pi-

lares da campanha governamental a expulsão sumária de latinos em situação irre-

gular. 

“Em 23 de junho de 2016, os cidadãos do Reino Unido votaram sobre a per-

manência ou a saída do país da União Europeia. Na madrugada do dia seguinte,

o Brexit foi confirmado. Isto se tornou algo inédito na UE, que até agora falava

de um maior alargamento. Várias podem ser as reações internacionais e nacio-

nais desse processo.”


(Disponível em: https://br.sputniknews.com/trend/brexit_2016/.)

59. Dentre as principais consequências do Brexit, tanto para a Inglaterra quanto

para a Europa, está:

a) a separação política entre a Inglaterra, o Reino Unido, a Escócia e a Irlanda,

devido à discordância dessas nações com o Brexit.

b) o endurecimento da política de imigração inglesa. Com a saída da UE, chega

provavelmente ao fim a livre circulação de pessoas.

www.grancursosonline.com.br 41 de 43
SIMULADO – TJ-PR – TÉCNICO

c) o fim do conflito entre Inglaterra e Alemanha, gerado pela disputa dessas duas

nações pela hegemonia entre os países membros da União.

d) a volta, na Inglaterra, do uso da Libra Esterlina, moeda tradicional, substituída

pelo euro no período em que a Inglaterra fazia parte da União Europeia. 

e) a entrada maciça de imigrantes, principalmente do oriente médio, que vislum-

bram a entrada no bloco devido à percepção existente na fragilidade das fronteiras,

fruto da crise promovida pelo Brexit.

60. A usina hidrelétrica do Belo Monte, localizada no rio Xingu, quando concluída,

será a terceira maior do mundo. Sua construção, porém, está cercada de polêmi-

cas. Isso devido:

a) aos impactos socioambientais ligados ao projeto e à eficiência questionável da

usina quando pronta segundo a percepção dos ambientalistas.

b) à existência da produção de energia eólica na região, mais viável economica-

mente do que no Ceará, que é um polo tradicional na produção desse tipo de ener-

gia.

c) ao fato de as termelétricas já implantadas serem alternativas mais interessan-

tes do ponto de vista ecológico, uma vez que não liberam monóxido e dióxido de

carbono.

d) à inexistência da demanda por energia no país, que já é mais do que suficiente-

mente abastecido por meio de suas reservas de hidrocarbonetos.

e) à já comprovada falta de potencial para esse tipo de produção energética, no

caso específico do Brasil.

*Algumas questões foram extraídas de provas anteriores.

www.grancursosonline.com.br 42 de 43
SIMULADO – TJ-PR – TÉCNICO

GABARITO

1. C 26. E 51. B

2. C 27. A 52. E

3. C 28. A 53. C

4. C 29. C 54. C

5. C 30. B 55. B

6. C 31. E 56. D

7. C 32. A 57. C

8. C 33. E 58. E

9. C 34. C 59. B

10. C 35. A 60. A

11. E 36. E

12. B 37. D

13. A 38. C

14. D 39. D

15. A 40. B

16. D 41. A

17. B 42. C

18. D 43. D

19. C 44. E

20. E 45. C

21. E 46. A

22. D 47. C

23. A 48. C

24. A 49. B

25. A 50. C

www.grancursosonline.com.br 43 de 43