Você está na página 1de 4

TRAÇÃO E COMPRESSÃO

Resistência dos Materiais I


Professor Ederli Marangon

1.1 Duas barras cilíndricas maciças são 1.4 Determine a intensidade de P, para
soldadas no ponto B como indicado. que a tensão de tração na barra AB
Determine a tensão normal no ponto tenha a mesma intensidade que a tensão
médio de cada barra. de compressão na barra BC.
R: (a) cb=-18,11MPa (comp.); (b) R: P=80,0kN.
 =91,67MPa (tra.).
BA

Fig. P1.4
Fig. P1.1 1.5 A carga axial na coluna, que
1.2 Duas barras cilíndricas maciças são sustenta a viga de madeira mostrada, é
soldadas no ponto B como indicado. de 100 kN. Determine o comprimento
Determine a tensão normal no ponto “l” da placa de apoio para que a tensão
médio de cada barra. de esmagamento média na madeira seja
R: (a) cb=35,65MPa (comp.); (b)  =BA de 2,8 MPa.
42,44MPa (comp.). R: l=274,73mm.

Fig. P1.2
1.3 Determine a intensidade de P para Fig. P1.5
que a tensão normal seja a mesma em 1.6 Três pranchas de madeira são unidas
ambas as barras. por uma série de parafusos, formando
R: P=22,5kN. uma coluna. O diâmetro de cada
parafuso é de 12 mm, e o diâmetro
interno de cada arruela é de 15 mm, que
é ligeiramente maior que os furos das
pranchas. Sabendo-se que o diâmetro
externo de cada arruela é de d=30mm, e
que a tensão de esmagamento média
entre as arruelas e as pranchas não deve
exceder a 5 MPa, determine a máxima
tensão normal admissível em cada
parafuso.
R: A=23,44MPa.
Fig. P1.3
TRAÇÃO E COMPRESSÃO
Resistência dos Materiais I
Professor Ederli Marangon

uniforme, de área igual a 800 mm²,


determine a intensidade da carga P para
que a tensão normal na haste BD seja 50
MPa.
R: P=62,74kN.

Fig. P1.6
1.7 Para a estrutura, determine o
diâmetro externo “d” necessário para as
arruelas, sabendo-se que a tensão
normal axial em cada parafuso é de 20
MPa e que a tensão normal de
esmagamento média entre as arruelas e
as pranchas não deve exceder a 5 MPa.
R: d=28,3mm.

Fig. P1.9
1.10 Sabendo-se que a haste de ligação
BD tem uma seção transversal
uniforme, de área igual a 800 mm²,
determine a intensidade da carga P para
que a tensão normal na haste BD seja 50
MPa.
Fig. P1.7 R: P=33,06kN.
1.8 Uma carga axial P é suportada por
uma pequena coluna W250X80, de
seção transversal igual a A=10200 mm²
e é transmitida a uma fundação de
concreto por uma placa quadrada de 450
mm, como mostrado. Sabendo-se que a
tensão normal média na coluna não
poderá exceder 248 MPa, e que a tensão
de esmagamento média sobre a
fundação de concreto não poderá
exceder 13,8 MPa. Determine a máxima
carga P admissível.
R: P=2529,6kN.

Fig. P1.10
1.13 Cada uma das quatro hastes
verticais, ligadas às duas barras
horizontais, tem uma seção transversal
retangular uniforme de 10x40 mm e os
pinos tem diâmetro de 14 mm.
Determine o máximo valor da tensão
Fig. P1.8 normal média, causada pela carga de 24
1.9 Sabendo-se que a haste de ligação kN, nas hastes conectadas pelos (a)
BD tem uma seção transversal pontos B e E; (b) pontos C e F.
TRAÇÃO E COMPRESSÃO
Resistência dos Materiais I
Professor Ederli Marangon

R: (a) BE=-18,75MPa, (b) CF=75,0MPa

Fig. P1.13 Fig. P1.19


1.16 Duas cargas verticais são aplicadas 1.20 Para a treliça e carregamento
ao pino B da montagem indicada. mostrado, determine a tensão normal na
Sabendo-se que o diâmetro do pino barra AD. Sabe-se que a área da seção
usado em cada ligação é de 15,2 mm, transversal da barra é de 1200 mm².
determine o valor máximo de tensão R: AD=123,45MPa (tra).
normal média na (a) haste AB; (b) haste
BC.
R: (a) AB=24,06MPa (tra), (b) BC=-
18,42MPa (comp).

Fig. P1.20
1.23 Uma barra-reboque para avião é
posicionada por meio de um cilindro
hidráulico, ligado a uma barra cilíndrica
de aço com 25 mm de diâmetro, que
aciona dois braços DEF idênticos, com
rodas. O peso total da barra-reboque é
de 2 kN, e seu centro de gravidade está
Fig. P1.16 localizado em G. Para a posição
1.19 Determine a menor área admissível mostrada, determine a tensão normal
para a seção transversal da barra DE da nesse barra cilíndrica.
treliça mostrada se para o carregamento R: CD=-5,05MPa
dado, a tensão normal nesta barra não
deve ultrapassar 200 MPa.
R: At=50,25 mm.

Fig. P1.23
TRAÇÃO E COMPRESSÃO
Resistência dos Materiais I
Professor Ederli Marangon

1.26 Duas pranchas de madeira, cada


uma com 15 mm de espessura e 200
mm de largura, são unidas por uma
respiga de união colada, como indicado.
Sabendo-se que esta junta irá falhar,
quando a tensão de cisalhamento média
na cola atingir 900kPa, determine o
comprimento necessário d, se a junta
deve resistir a uma carga axial de
intensidade P = 4 kN.
R: d = 42,3 mm
Fig. P1.29

Fig. P1.26
1.27 A carga P está aplicada na barra
cilíndrica de aço, como indicado, e
apoia-se sobre uma placa de alumínio
com furo de 12 mm de diâmetro, feito
por uma broca. Sabendo-se que a
máxima tensão de cisalhamento é de
180 MPa para o aço e 70 MPa para o
alumínio, determine a maior carga que
poderá ser aplicada à barra de aço.
R: 67.9 kN

Fig. P1.27
1.29 Cada uma das quatro hastes
verticais, ligadas às duas barras
horizontais, tem uma seção transversal
retangular uniforme de 10x40 mm e os
pinos tem diâmetro de 14 mm.
Determine a tensão de cisalhamento
média no pino B.
R: =48,7 MPa.