Você está na página 1de 2

www.google.com.br/search?

q=Tuberculose

Tuberculose
Também chamada de: Doença do peito

Doença bacteriana infecciosa. Afeta principalmente os pulmões e pode


ser grave.

Rara
Menos de 150 mil casos por ano (Brasil)

Pode ser parcialmente evitada por vacina

O tratamento é feito com auxílio médico

Propaga-se facilmente

Requer um diagnóstico médico

Sempre requer exames laboratoriais ou de imagem

Médio prazo: resolve-se em questão de meses

As bactérias que causam a tuberculose são espalhadas quando uma


pessoa infectada tosse ou espirra.
A maioria das pessoas infectadas com a bactéria que causa a tuberculose
não apresenta sintomas. Quando ocorrem, os sintomas geralmente
incluem tosse (às vezes, com sangue), perda de peso, sudorese noturna
e febre.
O tratamento nem sempre é necessário para pacientes assintomáticos.
Os pacientes com sintomas manifestos precisam de um longo tratamento
com vários antibióticos.

Idades afetadas
0-2
3-5
6-13
14-18
19-40
41-60
60+

Como é a propagação
Por gotículas respiratórias no ar (tosse ou espirro).
Por saliva (beijos ou bebidas compartilhadas).

11 de setembro de 2017 Página 2 de 2


www.google.com.br/search?q=Tuberculose

Sintomas

Requer um diagnóstico médico


A maioria das pessoas infectadas com a bactéria que causa a tuberculose
não apresenta sintomas. Quando ocorrem, os sintomas geralmente
incluem tosse (às vezes, com sangue), perda de peso, sudorese noturna
e febre.

As pessoas podem ter:


Dores locais: peito
Dores circunstanciais: ao respirar
Tosse: com sangue ou crônica
No corpo: fadiga, febre, perda de apetite, suor noturno ou suor
No peso: perda de peso ou perda de peso não intencional severa
Também é comum: catarro ou inchaço dos gânglios

Tratamentos

O tratamento é feito por meio do uso de antibióticos


O tratamento nem sempre é necessário para pacientes assintomáticos.
Os pacientes com sintomas manifestos precisam de um longo tratamento
com vários antibióticos.

Medicamentos
Antibiótico: Mata bactérias ou interrompe o desenvolvimento delas.

Especialistas
Infectologista: Trata infecções, incluindo as de natureza tropical.
Pneumologista: Trata doenças do trato respiratório.
Clínico geral: Previne, diagnostica e trata doenças.

Consulte um médico para receber orientação

Observação: as informações exibidas descrevem o que geralmente acontece com uma


condição clínica, mas não se aplicam a todas as pessoas. Essas informações não são uma
consulta médica. Portanto, entre em contato com um profissional da área de saúde se você
apresentar um problema médico. Se você acredita ter uma emergência médica, ligue para
seu médico ou para um número de emergência imediatamente.
Fontes: Hospital Israelita A. Einstein e outros. Saiba mais

11 de setembro de 2017 Página 2 de 2